SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 10
Idealizado pelo Prof. Arcelino Barbosa
Narizinho, Narizinho
Sonha, sonha com amigos
uma fada brasileira
de agrados e castigos
Sonhando abri a porta
do reino das águas claras
um céu de estrelas marinhas
um chão de conchas raras
Uma aranha sobe e desce
vem e tece o seu vestido
com as cores do pedido
felicidade brilhante
a boneca já falante
lhe foge entre os dedos
Nastácia, o pesadelo
de acordá-la sempre antes
Os heróis de outras estórias
tão cansados e inocentes
Vão deixar as suas glórias
pra viver junto da gente
NARIZINHO Ivete Sangalo
NARIZINHO
Narizinho, a dona do nariz arrebitado,
chama-se Lúcia Encerrabodes de
Oliveira e tem oito anos. Neta de Dona
Benta e prima de Pedrinho, a menina
mora no Sítio do Picapau Amarelo e
adora pescar e subir em árvores. Sua
melhor amiga é a boneca Emília.
E- RETIRE DA MÚSICA UMA PALAVRA COM:
1 SÍLABA
2 SÍLABAS
3 SÍLABAS
F- COLOQUE AS PALAVRAS EM ORDEM
ALFABÉTICA:
NETA - PRIMA – BONECA – AMIGA – EMÍLIA
G- SEPARE AS PALAVRAS ACIMA EM SÍLABAS:
NETA:
PRIMA:
BONECA:
AMIGA:
EMÍLIA
INTERPRETAÇÃO
A- SOBRE QUEM FALAMOS NA HISTÓRIA?
B- COMO ELA É?
C- O QUE ELA GOSTA DE FAZER?
D- QUEM SÃO OS PARENTES DELA?
Numa casinha branca, lá no Sítio do Picapau Amarelo, morava uma velhinha
chamada Dona Benta.
Quem passa pela estrada e a vê na varanda com a cestinha de costura no colo e
óculos na ponta do nariz, segue seu caminho pensando:
- Que tristeza viver assim tão sozinha.
Mas se engana. Dona Benta é a mais feliz das vovós, porque vive com a
encantadora netinha Lúcia, a menina do nariz arrebitado também chamada Narizinho.
Na casa ainda existem duas pessoas: Tia Nastácia, que carregou Lúcia em
pequena, Emília uma boneca de pano feita pela Tia Nastácia.
A boneca Emília parece uma bruxa, mas mesmo assim Narizinho gosta muito dela.
Narizinho não almoça, não janta, nem dorme sem ter por perto a boneca.
4- QUEM FEZ EMILIA? DO QUE ELA FOI FEITA?
A- INTERPRETAÇÃO DO TEXTO:
1- ONDE É CONTADA A HISTÓRIA?
3- POR QUÊ O APELIDO DE LÚCIA É NARIZINHO ARREBITADO?
2- QUEM É LÚCIA?
NARIZINHO ARREBITADO
• DIMINUTIVO:
• COM DUAS SÍLABAS:
• COM QUATRO SÍLABAS:
• QUE SEJA APELIDO:
• QUE SEJA NOME DE GENTE:
D- COPIE OS NOMES DOS PERSONAGENS DESSE TEXTO.
C- COPIE O TÍTULO DO TEXTO:
E- ENUMERE OS PARÁGRAFOS DO TEXTO E COPIE O 3º PARÁGRAFO:
F- SEPARE AS PALAVRAS DA FRASE ABAIXO COM UM TRAÇO ( / ) E COPIE NOVAMENTE, DANDO
ESPAÇOS ENTRE AS PALAVRAS:
B- PROCURE NO TEXTO UMA PALAVRA:
LÚCIA – SÍTIO – EMÍLIA – NASTÁCIA – BONECA – PANO – CASA – ARREBITADO – ÓCULOS –
VOVÓ
• BONECA DE PANO:
• É A MAIS FELIZ DAS AVÓS E USA ÓCULOS:
• TEM NARIZ ARREBITADO:
• PARECE BRUXA:
• CARREGOU LÚCIA:
G- VAMOS ORDENAR AS PALAVRAS EM ORDEM ALFABÉTICA:
LÚCIA:
SÍTIO:
EMÍLIA:
NASTÁCIA:
BONECA:
H- AGORA, SEPARE EM SÍLABAS AS PALAVRAS ACIMA:
PANO:
CASA:
ARREBITADO:
ÓCULOS:
VOVÓ:
G- Escreva o nome do personagem correspondente a cada característica abaixo:
Era o que queria ser
porque era um sonhador.
Ele acreditava em dragão bruxa saci
cavalo voador
via o que queria ver
porque era um sonhador
e o pica pau amarelo
mundo que escolheu
era assim como um castelo seu.
Ele viajava
era trem submarino avião vapor
ia onde queria ir
porque era um sonhador.
E o Picapau Amarelo retornava então
pois não há mundo mais belo não.
Ele se encantava
pois no sítio há tanto bicho.
Mato fruta e flor
ele então só quer crescer
para o mundo exterior
percorrer
E
DOMADOR
1- SEPARE AS PALAVRAS DA ESTROFE ABAIXO COM TRAÇO ( / ) E COPIE NOVAMENTE
ANDO ESPAÇO ENTRE AS PALAVRAS:
INTERPRETAÇÃO DO TEXTO:
porque era um sonhador
era trem submarino avião vapor
ele viajava
a onde queria ir
3- AGORA, COPIE ORDENANDO OS VERSOS QUE VOCÊ E NUMEROU:
2- ENUMERE OS VERSOS DE UMA ESTROFE DA MÚSICA:
A- QUAL TIPO DE TEXTO?
D-SIGA O MODELO:
NUNCA NÃO É
MUNDO NÃO É
CAMPO NÃO É
MENTE NÃO É
MANTO NÃO É
PENCA NÃO É
TINTA NÃO É
TANTO NÃO É
PONTE NÃO É
CONTA NÃO É
C- COPIE DO TEXTO PALAVRAS QUE TENHAM O SOM DE AN–EN–IN–ON–UN:
B- QUAL O SEU TÍTULO?
4- RESPONDA:
NUCA
E- TROQUE UMA LETRA E MUDE O SIGNIFICADO:
FONTE –
BANCO –
CONTA –
PONTE –
CONTE –
PENCA –
SANTO –
FORTE

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Estude em casa 5 ano lp 11 e 12
Estude em casa 5 ano lp 11 e 12Estude em casa 5 ano lp 11 e 12
Estude em casa 5 ano lp 11 e 12kelymota
 
Acróstico 5 h- O jardim da casa grande de barras amarelas
Acróstico  5 h- O jardim da casa grande de barras amarelasAcróstico  5 h- O jardim da casa grande de barras amarelas
Acróstico 5 h- O jardim da casa grande de barras amarelasBibliotecas Infante D. Henrique
 
Melissa etapa 2 turma t-2 j power point adaptada
Melissa etapa 2  turma t-2 j power point adaptadaMelissa etapa 2  turma t-2 j power point adaptada
Melissa etapa 2 turma t-2 j power point adaptadaMelissa Nippad
 
A Girafa que comia estrelas
A Girafa que comia estrelasA Girafa que comia estrelas
A Girafa que comia estrelasLi Tagarelinhas
 
4 histórias de pais & filhos
4 histórias de pais & filhos4 histórias de pais & filhos
4 histórias de pais & filhosJoão Manuel
 
Trabalhos diversos alunos
Trabalhos diversos alunosTrabalhos diversos alunos
Trabalhos diversos alunosameliamardm
 
2ªsessão a minha casinha 09-10
2ªsessão   a minha casinha 09-102ªsessão   a minha casinha 09-10
2ªsessão a minha casinha 09-10Acilu
 
Quiz literário menina bonita do laço de fita
Quiz literário menina bonita do laço de fitaQuiz literário menina bonita do laço de fita
Quiz literário menina bonita do laço de fitaDanyelle Hikl
 
Contos tradicionais, fábulas, lendas e mitos
Contos tradicionais, fábulas, lendas e mitosContos tradicionais, fábulas, lendas e mitos
Contos tradicionais, fábulas, lendas e mitosVânia Salvo Orso
 
Por Lorena e Mariana
Por Lorena e Mariana   Por Lorena e Mariana
Por Lorena e Mariana Escola Santi
 
Poemas problemas
Poemas problemasPoemas problemas
Poemas problemasDário Reis
 
Guião de leitura orientada pedro alecrim
Guião de leitura orientada   pedro alecrimGuião de leitura orientada   pedro alecrim
Guião de leitura orientada pedro alecrimClara César Pereira
 

Mais procurados (19)

Lolo
LoloLolo
Lolo
 
Estude em casa 5 ano lp 11 e 12
Estude em casa 5 ano lp 11 e 12Estude em casa 5 ano lp 11 e 12
Estude em casa 5 ano lp 11 e 12
 
5 caderno do_aluno 1_2009
5 caderno do_aluno 1_20095 caderno do_aluno 1_2009
5 caderno do_aluno 1_2009
 
Acróstico 5 h- O jardim da casa grande de barras amarelas
Acróstico  5 h- O jardim da casa grande de barras amarelasAcróstico  5 h- O jardim da casa grande de barras amarelas
Acróstico 5 h- O jardim da casa grande de barras amarelas
 
Melissa etapa 2 turma t-2 j power point adaptada
Melissa etapa 2  turma t-2 j power point adaptadaMelissa etapa 2  turma t-2 j power point adaptada
Melissa etapa 2 turma t-2 j power point adaptada
 
Ficha3
Ficha3Ficha3
Ficha3
 
1
11
1
 
A Girafa que comia estrelas
A Girafa que comia estrelasA Girafa que comia estrelas
A Girafa que comia estrelas
 
4 histórias de pais & filhos
4 histórias de pais & filhos4 histórias de pais & filhos
4 histórias de pais & filhos
 
A Pequena Aventureira
A Pequena AventureiraA Pequena Aventureira
A Pequena Aventureira
 
Trabalhos
TrabalhosTrabalhos
Trabalhos
 
A Pequena Aventureira
A Pequena AventureiraA Pequena Aventureira
A Pequena Aventureira
 
Trabalhos diversos alunos
Trabalhos diversos alunosTrabalhos diversos alunos
Trabalhos diversos alunos
 
2ªsessão a minha casinha 09-10
2ªsessão   a minha casinha 09-102ªsessão   a minha casinha 09-10
2ªsessão a minha casinha 09-10
 
Quiz literário menina bonita do laço de fita
Quiz literário menina bonita do laço de fitaQuiz literário menina bonita do laço de fita
Quiz literário menina bonita do laço de fita
 
Contos tradicionais, fábulas, lendas e mitos
Contos tradicionais, fábulas, lendas e mitosContos tradicionais, fábulas, lendas e mitos
Contos tradicionais, fábulas, lendas e mitos
 
Por Lorena e Mariana
Por Lorena e Mariana   Por Lorena e Mariana
Por Lorena e Mariana
 
Poemas problemas
Poemas problemasPoemas problemas
Poemas problemas
 
Guião de leitura orientada pedro alecrim
Guião de leitura orientada   pedro alecrimGuião de leitura orientada   pedro alecrim
Guião de leitura orientada pedro alecrim
 

Destaque

Atividades sobre Monteiro Lobato 4
Atividades sobre Monteiro Lobato 4Atividades sobre Monteiro Lobato 4
Atividades sobre Monteiro Lobato 4Arcelino Barbosa
 
Atividades sobre Monteiro Lobato 5
Atividades sobre Monteiro Lobato 5Atividades sobre Monteiro Lobato 5
Atividades sobre Monteiro Lobato 5Arcelino Barbosa
 
Atividades sitio pica pau
Atividades sitio pica pauAtividades sitio pica pau
Atividades sitio pica pauMagá Caires
 
Atividades sobre Monteiro Lobato 3
Atividades sobre Monteiro Lobato 3Atividades sobre Monteiro Lobato 3
Atividades sobre Monteiro Lobato 3Arcelino Barbosa
 
Sinais de pontuação add - celina medeiros
Sinais de pontuação   add - celina medeirosSinais de pontuação   add - celina medeiros
Sinais de pontuação add - celina medeirosCelina Medeiros
 
Projeto Monteiro Lobato
Projeto Monteiro LobatoProjeto Monteiro Lobato
Projeto Monteiro LobatoCirlei Santos
 

Destaque (10)

Atividades sobre Monteiro Lobato 4
Atividades sobre Monteiro Lobato 4Atividades sobre Monteiro Lobato 4
Atividades sobre Monteiro Lobato 4
 
O que é etica
O que é eticaO que é etica
O que é etica
 
Atividades sobre Monteiro Lobato 5
Atividades sobre Monteiro Lobato 5Atividades sobre Monteiro Lobato 5
Atividades sobre Monteiro Lobato 5
 
Atividades sitio pica pau
Atividades sitio pica pauAtividades sitio pica pau
Atividades sitio pica pau
 
Atividades sobre Monteiro Lobato 3
Atividades sobre Monteiro Lobato 3Atividades sobre Monteiro Lobato 3
Atividades sobre Monteiro Lobato 3
 
Sinais de pontuação add - celina medeiros
Sinais de pontuação   add - celina medeirosSinais de pontuação   add - celina medeiros
Sinais de pontuação add - celina medeiros
 
SÍTIO DO PICA PAU AMARELO
SÍTIO DO PICA PAU AMARELOSÍTIO DO PICA PAU AMARELO
SÍTIO DO PICA PAU AMARELO
 
Monteiro lobato
Monteiro lobatoMonteiro lobato
Monteiro lobato
 
Slide sítio com atividades
Slide sítio com atividadesSlide sítio com atividades
Slide sítio com atividades
 
Projeto Monteiro Lobato
Projeto Monteiro LobatoProjeto Monteiro Lobato
Projeto Monteiro Lobato
 

Semelhante a Atividades sobre Monteiro Lobato 1

Cuca, qual é a cor da sua toca_ (1).pdf
Cuca, qual é a cor da sua toca_ (1).pdfCuca, qual é a cor da sua toca_ (1).pdf
Cuca, qual é a cor da sua toca_ (1).pdfRita Ofrante
 
simulado port. saresp.doc
simulado port. saresp.docsimulado port. saresp.doc
simulado port. saresp.docPROFaLUMENDES
 
fichas de leitura em cards (1).pdf
fichas de leitura em cards (1).pdffichas de leitura em cards (1).pdf
fichas de leitura em cards (1).pdfRaabeSantos4
 
Simulado 01 (port. 5º ano
Simulado 01 (port. 5º anoSimulado 01 (port. 5º ano
Simulado 01 (port. 5º anoCidinha Paulo
 
Faça Lá Um Poema! 2010
Faça Lá Um Poema! 2010Faça Lá Um Poema! 2010
Faça Lá Um Poema! 2010Isabel DA COSTA
 
Simulado 1 (port. 5º ano blog do prof. warles)
Simulado 1 (port. 5º ano   blog do prof. warles)Simulado 1 (port. 5º ano   blog do prof. warles)
Simulado 1 (port. 5º ano blog do prof. warles)DANIELDESOUZA67
 
José Jorge Letria - biografia
José Jorge Letria - biografiaJosé Jorge Letria - biografia
José Jorge Letria - biografiaLurdes Augusto
 
Prova da Cidade Portugues 5ª serie
Prova da Cidade Portugues 5ª serieProva da Cidade Portugues 5ª serie
Prova da Cidade Portugues 5ª serieClaudia Valério
 
Conto_A menina que sorria a dormir Aula 3.pdf
Conto_A menina que sorria a dormir Aula 3.pdfConto_A menina que sorria a dormir Aula 3.pdf
Conto_A menina que sorria a dormir Aula 3.pdfBeatriz Gomes
 
Mar Me Quer Resumo E Personagens
Mar Me Quer   Resumo E PersonagensMar Me Quer   Resumo E Personagens
Mar Me Quer Resumo E Personagenscatiasgs
 
Gato caderno didáctico
Gato caderno didácticoGato caderno didáctico
Gato caderno didácticoSao_Carlos
 
lingua portuguesa 5º ano
lingua portuguesa 5º anolingua portuguesa 5º ano
lingua portuguesa 5º anoIvaildo
 
Pps sítio ppd prof Rosane 2012
Pps sítio ppd prof Rosane 2012Pps sítio ppd prof Rosane 2012
Pps sítio ppd prof Rosane 2012Rosane Ribeiro
 

Semelhante a Atividades sobre Monteiro Lobato 1 (20)

Cuca, qual é a cor da sua toca_ (1).pdf
Cuca, qual é a cor da sua toca_ (1).pdfCuca, qual é a cor da sua toca_ (1).pdf
Cuca, qual é a cor da sua toca_ (1).pdf
 
simulado port. saresp.doc
simulado port. saresp.docsimulado port. saresp.doc
simulado port. saresp.doc
 
fichas de leitura em cards (1).pdf
fichas de leitura em cards (1).pdffichas de leitura em cards (1).pdf
fichas de leitura em cards (1).pdf
 
Simulado 1 (port. 5º ano blog do prof. Warles)
Simulado 1 (port. 5º ano   blog do prof. Warles)Simulado 1 (port. 5º ano   blog do prof. Warles)
Simulado 1 (port. 5º ano blog do prof. Warles)
 
Folclore brasileiro
Folclore brasileiroFolclore brasileiro
Folclore brasileiro
 
Simulado 01 (port. 5º ano
Simulado 01 (port. 5º anoSimulado 01 (port. 5º ano
Simulado 01 (port. 5º ano
 
Faça Lá Um Poema! 2010
Faça Lá Um Poema! 2010Faça Lá Um Poema! 2010
Faça Lá Um Poema! 2010
 
Simulado 1 (port. 5º ano blog do prof. warles)
Simulado 1 (port. 5º ano   blog do prof. warles)Simulado 1 (port. 5º ano   blog do prof. warles)
Simulado 1 (port. 5º ano blog do prof. warles)
 
José Jorge Letria - biografia
José Jorge Letria - biografiaJosé Jorge Letria - biografia
José Jorge Letria - biografia
 
Ameopoema 0031 outubro 2014
Ameopoema 0031 outubro 2014Ameopoema 0031 outubro 2014
Ameopoema 0031 outubro 2014
 
Prova da Cidade Portugues 5ª serie
Prova da Cidade Portugues 5ª serieProva da Cidade Portugues 5ª serie
Prova da Cidade Portugues 5ª serie
 
Poema de mil faces
Poema de mil facesPoema de mil faces
Poema de mil faces
 
AVALIAÇÃO DE LÍNGUA PORTUGUESA - 5º ANO - 3º BIMESTRE
AVALIAÇÃO DE LÍNGUA PORTUGUESA - 5º ANO - 3º BIMESTREAVALIAÇÃO DE LÍNGUA PORTUGUESA - 5º ANO - 3º BIMESTRE
AVALIAÇÃO DE LÍNGUA PORTUGUESA - 5º ANO - 3º BIMESTRE
 
Conto_A menina que sorria a dormir Aula 3.pdf
Conto_A menina que sorria a dormir Aula 3.pdfConto_A menina que sorria a dormir Aula 3.pdf
Conto_A menina que sorria a dormir Aula 3.pdf
 
Mar Me Quer Resumo E Personagens
Mar Me Quer   Resumo E PersonagensMar Me Quer   Resumo E Personagens
Mar Me Quer Resumo E Personagens
 
Gato caderno didáctico
Gato caderno didácticoGato caderno didáctico
Gato caderno didáctico
 
lingua portuguesa 5º ano
lingua portuguesa 5º anolingua portuguesa 5º ano
lingua portuguesa 5º ano
 
Sugestões de leitura
Sugestões de leituraSugestões de leitura
Sugestões de leitura
 
Sugestões de leitura
Sugestões de leituraSugestões de leitura
Sugestões de leitura
 
Pps sítio ppd prof Rosane 2012
Pps sítio ppd prof Rosane 2012Pps sítio ppd prof Rosane 2012
Pps sítio ppd prof Rosane 2012
 

Mais de Arcelino Barbosa (16)

Ativ4.5 ebook produzindo o relato multimidia
Ativ4.5 ebook produzindo o relato multimidiaAtiv4.5 ebook produzindo o relato multimidia
Ativ4.5 ebook produzindo o relato multimidia
 
Escritores da liberdade
Escritores da liberdadeEscritores da liberdade
Escritores da liberdade
 
Escritores da liberdade
Escritores da liberdadeEscritores da liberdade
Escritores da liberdade
 
Escritores da liberdade
Escritores da liberdadeEscritores da liberdade
Escritores da liberdade
 
Urbanização do Brasil
Urbanização do BrasilUrbanização do Brasil
Urbanização do Brasil
 
Tecnologias em Minha Escola
Tecnologias em Minha EscolaTecnologias em Minha Escola
Tecnologias em Minha Escola
 
Arte Barroca
Arte BarrocaArte Barroca
Arte Barroca
 
Semana da Arte Moderna
Semana da Arte ModernaSemana da Arte Moderna
Semana da Arte Moderna
 
Ana lúcia, tamires
Ana lúcia, tamiresAna lúcia, tamires
Ana lúcia, tamires
 
Arte Barroca
Arte BarrocaArte Barroca
Arte Barroca
 
Arte Grega
Arte GregaArte Grega
Arte Grega
 
Semana da Arte Moderna
Semana da Arte ModernaSemana da Arte Moderna
Semana da Arte Moderna
 
Atividade sobre Hiperlink
Atividade sobre HiperlinkAtividade sobre Hiperlink
Atividade sobre Hiperlink
 
Vanguardas Européias
Vanguardas EuropéiasVanguardas Européias
Vanguardas Européias
 
Regimento escolar
Regimento escolarRegimento escolar
Regimento escolar
 
Regimento escolar
Regimento escolarRegimento escolar
Regimento escolar
 

Último

v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbyasminlarissa371
 
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdforganizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdfCarlosRodrigues832670
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas BrasileirosMary Alvarenga
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...nexocan937
 
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptxAula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptxpamelacastro71
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxJMTCS
 
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptxQUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptxAntonioVieira539017
 
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxFree-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxkarinasantiago54
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfmarialuciadasilva17
 
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...LuizHenriquedeAlmeid6
 
atividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãoatividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãodanielagracia9
 
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...Martin M Flynn
 
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parteDança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira partecoletivoddois
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoCelianeOliveira8
 
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.HildegardeAngel
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAlexandreFrana33
 
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxOrientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxJMTCS
 
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLinguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLaseVasconcelos1
 

Último (20)

v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
 
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdforganizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
 
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptxAula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
 
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptxQUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
 
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxFree-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
 
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
 
atividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãoatividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetização
 
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
 
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parteDança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
 
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
 
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
 
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxOrientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
 
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLinguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
 

Atividades sobre Monteiro Lobato 1

  • 1. Idealizado pelo Prof. Arcelino Barbosa
  • 2. Narizinho, Narizinho Sonha, sonha com amigos uma fada brasileira de agrados e castigos Sonhando abri a porta do reino das águas claras um céu de estrelas marinhas um chão de conchas raras Uma aranha sobe e desce vem e tece o seu vestido com as cores do pedido felicidade brilhante a boneca já falante lhe foge entre os dedos Nastácia, o pesadelo de acordá-la sempre antes Os heróis de outras estórias tão cansados e inocentes Vão deixar as suas glórias pra viver junto da gente NARIZINHO Ivete Sangalo
  • 3. NARIZINHO Narizinho, a dona do nariz arrebitado, chama-se Lúcia Encerrabodes de Oliveira e tem oito anos. Neta de Dona Benta e prima de Pedrinho, a menina mora no Sítio do Picapau Amarelo e adora pescar e subir em árvores. Sua melhor amiga é a boneca Emília. E- RETIRE DA MÚSICA UMA PALAVRA COM: 1 SÍLABA 2 SÍLABAS 3 SÍLABAS F- COLOQUE AS PALAVRAS EM ORDEM ALFABÉTICA: NETA - PRIMA – BONECA – AMIGA – EMÍLIA G- SEPARE AS PALAVRAS ACIMA EM SÍLABAS: NETA: PRIMA: BONECA: AMIGA: EMÍLIA INTERPRETAÇÃO A- SOBRE QUEM FALAMOS NA HISTÓRIA? B- COMO ELA É? C- O QUE ELA GOSTA DE FAZER? D- QUEM SÃO OS PARENTES DELA?
  • 4. Numa casinha branca, lá no Sítio do Picapau Amarelo, morava uma velhinha chamada Dona Benta. Quem passa pela estrada e a vê na varanda com a cestinha de costura no colo e óculos na ponta do nariz, segue seu caminho pensando: - Que tristeza viver assim tão sozinha. Mas se engana. Dona Benta é a mais feliz das vovós, porque vive com a encantadora netinha Lúcia, a menina do nariz arrebitado também chamada Narizinho. Na casa ainda existem duas pessoas: Tia Nastácia, que carregou Lúcia em pequena, Emília uma boneca de pano feita pela Tia Nastácia. A boneca Emília parece uma bruxa, mas mesmo assim Narizinho gosta muito dela. Narizinho não almoça, não janta, nem dorme sem ter por perto a boneca. 4- QUEM FEZ EMILIA? DO QUE ELA FOI FEITA? A- INTERPRETAÇÃO DO TEXTO: 1- ONDE É CONTADA A HISTÓRIA? 3- POR QUÊ O APELIDO DE LÚCIA É NARIZINHO ARREBITADO? 2- QUEM É LÚCIA? NARIZINHO ARREBITADO
  • 5. • DIMINUTIVO: • COM DUAS SÍLABAS: • COM QUATRO SÍLABAS: • QUE SEJA APELIDO: • QUE SEJA NOME DE GENTE: D- COPIE OS NOMES DOS PERSONAGENS DESSE TEXTO. C- COPIE O TÍTULO DO TEXTO: E- ENUMERE OS PARÁGRAFOS DO TEXTO E COPIE O 3º PARÁGRAFO: F- SEPARE AS PALAVRAS DA FRASE ABAIXO COM UM TRAÇO ( / ) E COPIE NOVAMENTE, DANDO ESPAÇOS ENTRE AS PALAVRAS: B- PROCURE NO TEXTO UMA PALAVRA:
  • 6. LÚCIA – SÍTIO – EMÍLIA – NASTÁCIA – BONECA – PANO – CASA – ARREBITADO – ÓCULOS – VOVÓ • BONECA DE PANO: • É A MAIS FELIZ DAS AVÓS E USA ÓCULOS: • TEM NARIZ ARREBITADO: • PARECE BRUXA: • CARREGOU LÚCIA: G- VAMOS ORDENAR AS PALAVRAS EM ORDEM ALFABÉTICA: LÚCIA: SÍTIO: EMÍLIA: NASTÁCIA: BONECA: H- AGORA, SEPARE EM SÍLABAS AS PALAVRAS ACIMA: PANO: CASA: ARREBITADO: ÓCULOS: VOVÓ: G- Escreva o nome do personagem correspondente a cada característica abaixo:
  • 7. Era o que queria ser porque era um sonhador. Ele acreditava em dragão bruxa saci cavalo voador via o que queria ver porque era um sonhador e o pica pau amarelo mundo que escolheu era assim como um castelo seu. Ele viajava era trem submarino avião vapor ia onde queria ir porque era um sonhador. E o Picapau Amarelo retornava então pois não há mundo mais belo não. Ele se encantava pois no sítio há tanto bicho. Mato fruta e flor ele então só quer crescer para o mundo exterior percorrer E DOMADOR
  • 8. 1- SEPARE AS PALAVRAS DA ESTROFE ABAIXO COM TRAÇO ( / ) E COPIE NOVAMENTE ANDO ESPAÇO ENTRE AS PALAVRAS: INTERPRETAÇÃO DO TEXTO: porque era um sonhador era trem submarino avião vapor ele viajava a onde queria ir 3- AGORA, COPIE ORDENANDO OS VERSOS QUE VOCÊ E NUMEROU: 2- ENUMERE OS VERSOS DE UMA ESTROFE DA MÚSICA:
  • 9. A- QUAL TIPO DE TEXTO? D-SIGA O MODELO: NUNCA NÃO É MUNDO NÃO É CAMPO NÃO É MENTE NÃO É MANTO NÃO É PENCA NÃO É TINTA NÃO É TANTO NÃO É PONTE NÃO É CONTA NÃO É C- COPIE DO TEXTO PALAVRAS QUE TENHAM O SOM DE AN–EN–IN–ON–UN: B- QUAL O SEU TÍTULO? 4- RESPONDA: NUCA
  • 10. E- TROQUE UMA LETRA E MUDE O SIGNIFICADO: FONTE – BANCO – CONTA – PONTE – CONTE – PENCA – SANTO – FORTE