Apresentação APIMEC 2011 - MPX

640 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
640
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
158
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação APIMEC 2011 - MPX

  1. 1. APIMEC MPX 2011
  2. 2. Aviso Legal Esta apresentação contém algumas afirmações e informações prospectivas relacionadas a Companhia que refletem a atual visão e/ou expectativas da Companhia e de sua administração a respeito de seu plano de negócios. Afirmações prospectivas incluem, entre outras, todas as afirmações que denotam previsão, projeção, indicam ou implicam resultados, performance ou realizações futuras, podendo conter palavras como "acreditar", "prever", "esperar“, "contemplar", "provavelmente resultará" ou outras palavras ou expressões de acepção semelhante. Tais afirmações estão sujeitas a uma série de expressivos riscos, incertezas e premissas. Advertimos que diversos fatores importantes podem fazer com que os resultados reais divirjam de maneira relevante dos planos, objetivos, expectativas, estimativas e intenções expressos nesta apresentação. Em nenhuma hipótese a Companhia ou suas subsidiárias, seus conselheiros, diretores, representantes ou empregados serão responsáveis perante quaisquer terceiros (inclusive investidores) por decisões ou atos de investimento ou negócios tomados com base nas informações e afirmações constantes desta apresentação, e tampouco por danos consequentes, indiretos ou semelhantes. A Companhia não tem intenção de fornecer aos eventuais detentores de ações uma revisão das afirmações prospectivas ou análise das diferenças entre as afirmações prospectivas e os resultados reais. Esta apresentação e seu teor constituem informação de propriedade da Companhia, não podendo ser reproduzidos ou divulgados no todo ou em parte sem a sua prévia anuência por escrito. .
  3. 3. Indicadores de Execução do Plano de Negócios . A MPX executa de maneira focada e eficiente o seu plano de negócios, criando opcionalidades e gerando valor para os seus acionistas R$ 5,1 milhões investidos Nº de empregos Investimento Realizado Desembolso de Financiamentos GW Licenciados 7.400 diretos e indiretos 10.000 diretos e indiretos R$ 3,3 milhões investidos R$ 2,8 milhões R$ 3,7 milhões 6 GW 14 GW 3T10 3T11
  4. 4. Portfólio de empreendimentos da MPX . <ul><li>Geração </li></ul><ul><ul><li>3 GW com contratos assegurados </li></ul></ul><ul><ul><li>Licença ambiental para > 14 GW </li></ul></ul><ul><li>Recursos Naturais </li></ul><ul><ul><li>Gás Natural: > 11 Tcf de recursos riscados na Bacia do Parnaíba </li></ul></ul><ul><ul><li>Carvão: produção estimada de 35 Mtpa em localização estratégica na Colômbia </li></ul></ul>MPX: uma empresa de energia diversificada e com o maior portfólio de empreendimentos integrados da América do Sul
  5. 5. Destaques MPX <ul><li>Fluxo de caixa estável a partir de 2012, assegurado por contratos de fornecimento de energia </li></ul><ul><li>R$ 1,4 bilhão captado através de debêntures conversíveis, cobrindo necessidades de capital no futuro próximo </li></ul><ul><li>Portfólio único de gás natural onshore com +11 Tcf de recursos riscados, integrado a complexo de geração de energia licenciado de 3,7 GW </li></ul><ul><li>Ativos de carvão de classe mundial na Colômbia em localização com logística privilegiada (150 km de ferrovia até a costa) e produção estimada de 35 Mt por ano </li></ul><ul><li>Maior projeto de energia no Chile (2,1 GW), integrado a porto dedicado de águas profundas </li></ul><ul><li>Maior portfólio de geração de energia licenciado da América do Sul - 14 GW entre usinas a gás natural e carvão </li></ul>.
  6. 6. Histórico de Metas Alcançadas 623 MWmed vendidos no leilão A-5 4T07 IPO: USD 1.1 Bi 3T08 Início da construção em Pecém 276 MWmed vendidos no leilão A-5 Aquisição de direitos minerários na Colômbia Início da construção em Itaqui Início da construção em Pecém Aquisição de participação na Bacia do Parnaíba 1T08 1T09 2T09 3T09 1T10 MPX Colômbia – Relatório Técnico: recursos de carvão de 144 MM t LP MPX Parnaiba (1.863 MW) 3T10 Histórico MPX: Confiança na execução de projetos de alta complexidade técnica, proporcionando altos níveis de retorno Início da perfuração na Bacia do Parnaíba 1Q11 LI MPX Parnaiba (1,863 MW) Recursos riscados de 11,3 Tcf de gás natural Diagnóstico Ambiental para a MPX Colômbia – porto e ferrovia Licença operacional para a geração de MPX Castilla LP para 3.300 MW, para plantas a gás, no Superporto do Açu LP MPX Parnaiba (1,859 MW) 2T11 Capitalization da MPX através de debêntures conversíveis Declarações de comercialidade para duas plantas a gás Planos de desenvolvimento estimas produção de 5,7 milhões de m³ por dia para 2013 450 MWmed vendidos no leilão A-3 e aquisição de mais 450MW do Grupo Bertin PPA de 230 MWmed no mercado livre 3T11 Licença Ambiental para a Mina de Cañaverales, na Colômbia e Divulgação de Resultados das Sísmicas 3D e Atualização do Programa de Perfuração em San Juan
  7. 7. Projetos Contratados
  8. 8. A MPX terá fluxo de caixa estável e previsível assegurado pelos empreendimentos contratados Dados ajustados considerando a participação da MPX em cada projeto. Notas: 1. Energia Pecém é uma parceria de 50/50 entre MPX Energia e EDP; 2. UTE Maranhão III, IV e V + Mercado Livre é uma parceria de 70/30 entre MPX e Petra Energia S.A.; 3. A Receita Fixa é corrigida anualmente pelo IPCA (valores apresentados na data base setembro de 2011). CAGR: 73% Receita Fixa Anual 3 Capacidade Instalada 720 MW 1.561 MW 2.145 MW R$ 551 MM R$ 1.460 MM CAGR: 40% R$ 1.520 MM R$ 1.286 MM . Empreendimentos contratados Energia Pecém 1 MPX Itaqui MPX Pec é m II MPX Parnaíba 2 (Bertin + Mercado Livre) MPX Parnaíba 2 (A-3)
  9. 9. UTEs Energia Pecém e Itaqui irão iniciar no 1S2012 . Progresso EPC Progresso EPC UTE Energia Pecém (720 MW) UTE Itaqui (365 MW)
  10. 10. UTEs Pecém II e o Complexo Termelétrico do Parnaíba irão iniciar a geração de energia em 2013 . Progresso EPC UTE Pecém II (360 MW) UTE Maranhão IV + V (676 MW) Progresso EPC
  11. 11. E em 2014, O Complexo termelétrico do Parnaíba atingirá uma capacidade total de 1,5 GW . <ul><li>MPX Parnaíba é uma parceria de 70/30 entre MPX e Petra Energia S.A.. </li></ul><ul><li>A Receita Fixa, ajustada considerando a participação da MPX, é corrigida anualmente pelo IPCA (valores apresentados na data base setembro de 2011) </li></ul>Fornecimento de gás integrado = monetização da participação de 23% da MPX no negócio de E&P na Bacia do Parnaíba Capacidade (MW) Energia vendida (MW médio) Receita Fixa Anual 3 Start up UTE Maranhão IV+V (Parnaíba) 1 676 450 R$ 278 milhões 2013 MPX Parnaíba (Mercado Livre) 1,2 338 230 R$ 203 milhões 2014 UTE Maranhão III (Parnaíba) 1 517 450 R$ 233 milhões 2014 Total 1.531 1.130 R$ 714 milhões
  12. 12. MPX Tauá: a primeira planta comercial de energia solar da América Latina . <ul><ul><li>Painéis Fotovoltaicos </li></ul></ul><ul><ul><li>Capacidade Instalada: 1 MW (R$ 10 MM capex) </li></ul></ul><ul><ul><li>Licença Ambiental para até 5 MW </li></ul></ul><ul><ul><li>Entrada em operação: Junho/11 </li></ul></ul><ul><ul><li>Possibilidade de expansão para até 50 MW </li></ul></ul>
  13. 13. Desenvolvimento de Ativos de Classe Mundial Gás Natural e Carvão Mineral
  14. 14. A MPX contará com fluxos de caixa adicionais advindos do negócio de E&P de gás integrado ao complexo de geração . <ul><ul><ul><li>Declaração de comercialidade de dois campos (Gavião Real & Gavião Azul) já submetida à ANP </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Produção inicial esperada para 2S12 </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Baixos custos operacionais e de capital </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><li>Capex total de US$ 450 M para a produção de 5,7 M m³ por dia em 2013 </li></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><li>Baixo custo operacional de menos de US$0,30/1.000pés cúbicos, em média, para a vida do campo </li></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>11 poços perfurados até o momento, com mais de 75% de taxa de sucesso </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Segunda equipe sísmica contratada para trabalhar nos blocos do sul </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Duas sondas terrestres em operação e uma sonda adicional já contratada </li></ul></ul></ul>Complexo do Paranaíba Gás Natural Projeto 1 1 o gás: 2S12 23 poços de produção Gavião Real Gavião Azul
  15. 15. MPX Colômbia (CCX) <ul><ul><li>Geologia única e privilegiada: Formações carboníferas contínuas e espessas </li></ul></ul><ul><li>Potencial de toneladas mineráveis para suportar produção de 35 Mtpa </li></ul><ul><li>Logística integrada com custos mais competitivos: </li></ul>. <ul><ul><ul><li>Ferrovia de 150km: rota plana e paralela a rodovias já existentes </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Porto dedicado: calado de 20m a 3km da costa </li></ul></ul></ul><ul><ul><li>A MPX irá suprir as próprias usinas no Brasil e Chile, que demandam mais de 12,3 MMtpa de carvão </li></ul></ul>
  16. 16. MPX Colômbia (CCX) <ul><li>Extenso programa de perfuração em curso para avaliar recursos subterrâneos potenciais </li></ul><ul><li>7 sondas de perfuração na região </li></ul><ul><li>Atualmente, identificadas 13 camadas de carvão com espessura ≥ 1,5m para mineração subterrânea longwall </li></ul><ul><li>Um programa de sísmicas 2D em áreas adicionais está sendo planejado no intuito de guiar planos de expansão </li></ul>.
  17. 17. Projetos em Desenvolvimento
  18. 18. MPX Castilla (Chile) <ul><li>Empreendimento Integrado: Usina + Porto de Águas Profundas + Planta de Dessalinização </li></ul><ul><li>SIC: Sistema Interconectado Central (90% do PIB & 92% da população) </li></ul><ul><li>Concessão marítima e licença do porto emitidas </li></ul><ul><li>Capacidade de geração: 6 x 350 MW = 2.100 MW </li></ul><ul><li>Capacidade da planta de dessalinização: 740 l/s </li></ul><ul><li>Sinergias com a CCX: Confiabilidade no fornecimento de carvão </li></ul><ul><li>A MPX Castilla é a maior usina greenfield licenciada do Chile: 2.100 MW </li></ul>. <ul><li>Estrategicamente localizada em uma região com grande demanda por energia e água: demanda potencial de mineradoras supera 1.500 MW </li></ul>
  19. 19. MPX Açu <ul><li>Próximo a acumulações de gás natural descobertas na Bacia de Campos </li></ul><ul><li>As indústrias localizadas no Superporto vão se beneficiar da auto produção compartilhada, que nos preços atuais representam uma redução do custo de energia de aproximadamente 30% </li></ul>A MPX Açu é o maior complexo de geração greenfield licenciado no Sudeste do Brasil, com 5.400 MW . Localizada em um dos mais importantes complexos portuários da América Latina <ul><ul><li>Carvão Importado: 2.100 MW </li></ul></ul><ul><ul><li>Gás Natural: 3.300 MW </li></ul></ul>
  20. 20. MPX Sul e MPX Seival <ul><li>Mina Seival </li></ul><ul><ul><li>Parceria 70/30: MPX / Copelmi </li></ul></ul><ul><ul><li>Licença de Operação emitida </li></ul></ul><ul><ul><li>152 MM toneladas de reservas provadas </li></ul></ul><ul><ul><li>459 MM toneladas de recursos </li></ul></ul><ul><li>MPX Sul e MPX Seival </li></ul><ul><ul><li>Capacidade: 727 MW + 600 MW </li></ul></ul><ul><ul><li>Consumo de carvão: 1 ton/ MWh </li></ul></ul><ul><ul><li>Projetos já licenciados </li></ul></ul><ul><ul><li>Sinergia entre os dois projetos </li></ul></ul>. <ul><li>Localizadas em uma região de potencial hídrico limitado </li></ul><ul><li>MPX Sul e MPX Seival somam 1,3 GW: </li></ul>
  21. 21. Sustentabilidade
  22. 22. Usina Solar de Tauá: Prêmio Eco 2011 e Prêmio Aberge 2011 <ul><ul><li>Primeiro empreendimento de geração de energia a partir do sol em operação e conectada ao Sistema Interligado Nacional. </li></ul></ul><ul><ul><li>Prêmio Aberje 2011 - Publicação do livro MPX Tauá: Preparando-se para o futuro, desenvolvido internamente pelas áreas de Comunicação e de Design Estratégico da MPX. </li></ul></ul><ul><ul><li>Prêmio ECO 2011 - Reconhecimento às práticas sustentáveis da empresa. </li></ul></ul>
  23. 24. www.mpx.com.br www.ebx.com.br www.descubraebx.com.br www.youtube/grupoebx www.eikebatista.com.br www.flickr.com/photos/grupoebx

×