SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 12
ORAÇÕES SUBORDINADAS SUBSTANTIVAS Profª.: Carol Loçasso Pereira
Para compreender como a oração subordinada substantiva desempenha a função própria de um substantivo, basta comparar as duas frases que seguem: Ninguém   lamentou   sua renúncia . sujeito V.T.D. objeto direto Nesse caso, temos um período simples, uma oração ab- soluta. Nessa oração o objeto direto vem representado basicamente por um substantivo  renúncia.
Mas o objeto direto pode ser constituído por uma oração inteira, como no caso que segue: Ninguém lamentou /  que  você renunciasse. sujeito V.T.D. objeto direto ,[object Object],1ª oração 2ª oração •  subordinada : porque funciona como um termo da 1; •  substantiva:  porque desempenha uma função própria do substantivo (objeto direto).
CLASSIFICAÇÃO DA SUBORDORDINADA SUBSTANTIVA Orações subordinadas substantivas ligadas ao verbo da oração principal. Se uma oração subordinada substantiva vem ligada ao  verbo   da  oração principal, pode, teoricamente, funcionar como: ,[object Object],[object Object],[object Object]
ORAÇÃO SUBORDINADA SUBSTANTIVA SUBJETIVA É aquela que funciona como sujeito do verbo da oração principal. Interessa-me /  que  você compareça à reunião. oração principal oração subordinada substantiva subjetiva ,[object Object],[object Object],[object Object]
Oração subordinada substantiva objetiva direta É aquela que funciona como objeto direto do verbo da oração principal. Eles não permitem /  que  os índios vivam em paz. oração principal oração subordinada substantiva objetiva direta ,[object Object],[object Object],[object Object]
Oração subordinada substantiva objetiva indireta É aquela que funciona como objeto indireto da oração principal. Ninguém desconfiava de  que  o plano fracassasse. Oração principal Oração subordinada substantiva  objetiva indireta A oração objetiva indireta: •  liga-se ao verbo da oração principal,  com  preposição. •  indica o alvo ou o destinatário do processo verbal.
Se uma oração subordinada substantiva vem ligada  a um  nome  da oração principal, pode, teoricamente, funcionar como: ,[object Object],[object Object],[object Object],Orações subordinadas substantivas ligadas ao nome da oração principal
Oração subordordinada substantiva predicativa É aquela que funciona como predicativo do sujeito da oração principal. O problema é /  que  o prazo já se esgotou. Oração principal Oração subordinada Substantiva predicativa ,[object Object],[object Object],[object Object]
Oração subordinada substantiva completiva nominal É aquela que funciona como complemento nominal de um nome da oração principal. Chego à conclusão de  que  o contrato é legal. Oração principal  Oração subordinada substantiva completiva nominal ,[object Object],[object Object],[object Object]
Diferença entre objetiva indireta e completiva nominal Apesar de muita semelhança no  plano formal, a substantiva completiva nominal não se confunde com a objetiva indireta porque: ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Oração subordinada substantiva apositiva É aquela que funciona como  aposto  de um nome da oração principal. Existe nos presídios esta lei: ( que ) ninguém denuncia ninguém. ,[object Object],[object Object],[object Object],Oração principal Oração subordinada  substantiva apositiva

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

ORAÇÕES SUBORDINADAS SUBSTANTIVAS
ORAÇÕES SUBORDINADAS SUBSTANTIVASORAÇÕES SUBORDINADAS SUBSTANTIVAS
ORAÇÕES SUBORDINADAS SUBSTANTIVASAngela Santos
 
Termos integrantes-da-oracao
Termos integrantes-da-oracaoTermos integrantes-da-oracao
Termos integrantes-da-oracaoSandra Paula
 
Frase, oração e período
Frase, oração e períodoFrase, oração e período
Frase, oração e períodoMara Virginia
 
Oracoes Coordenadas
Oracoes CoordenadasOracoes Coordenadas
Oracoes Coordenadasguest7174ad
 
Processos de formação de palavras
Processos de formação de palavrasProcessos de formação de palavras
Processos de formação de palavrasCláudia Heloísa
 
Apresentação Adverbios
Apresentação AdverbiosApresentação Adverbios
Apresentação AdverbiosLeisiane Jesus
 
Período Composto por Coordenação e Subordinação
Período Composto por Coordenação e SubordinaçãoPeríodo Composto por Coordenação e Subordinação
Período Composto por Coordenação e SubordinaçãoJoyce de Oliveira
 
Adjunto adverbial, Adjunto adnominal e Complemento Nominal
Adjunto adverbial, Adjunto adnominal e Complemento NominalAdjunto adverbial, Adjunto adnominal e Complemento Nominal
Adjunto adverbial, Adjunto adnominal e Complemento NominalCynthia Funchal
 
Orações subordinadas adverbiais
Orações subordinadas adverbiaisOrações subordinadas adverbiais
Orações subordinadas adverbiaisElaine Teixeira
 
Formação das palavras
Formação das palavrasFormação das palavras
Formação das palavrascolveromachado
 

Mais procurados (20)

Complemento nominal
Complemento nominalComplemento nominal
Complemento nominal
 
ORAÇÕES SUBORDINADAS SUBSTANTIVAS
ORAÇÕES SUBORDINADAS SUBSTANTIVASORAÇÕES SUBORDINADAS SUBSTANTIVAS
ORAÇÕES SUBORDINADAS SUBSTANTIVAS
 
Termos integrantes-da-oracao
Termos integrantes-da-oracaoTermos integrantes-da-oracao
Termos integrantes-da-oracao
 
Análise sintática
Análise sintáticaAnálise sintática
Análise sintática
 
Orações subordinadas substantivas
Orações subordinadas substantivasOrações subordinadas substantivas
Orações subordinadas substantivas
 
Período composto por coordenação
Período composto por coordenaçãoPeríodo composto por coordenação
Período composto por coordenação
 
Predicado
PredicadoPredicado
Predicado
 
Frase, oração e período
Frase, oração e períodoFrase, oração e período
Frase, oração e período
 
Preposições
PreposiçõesPreposições
Preposições
 
Oracoes Coordenadas
Oracoes CoordenadasOracoes Coordenadas
Oracoes Coordenadas
 
Pronomes
PronomesPronomes
Pronomes
 
Pronomes Relativos.
Pronomes Relativos.Pronomes Relativos.
Pronomes Relativos.
 
Processos de formação de palavras
Processos de formação de palavrasProcessos de formação de palavras
Processos de formação de palavras
 
Apresentação Adverbios
Apresentação AdverbiosApresentação Adverbios
Apresentação Adverbios
 
Regência Nominal
Regência NominalRegência Nominal
Regência Nominal
 
Período Composto por Coordenação e Subordinação
Período Composto por Coordenação e SubordinaçãoPeríodo Composto por Coordenação e Subordinação
Período Composto por Coordenação e Subordinação
 
Adjunto adverbial, Adjunto adnominal e Complemento Nominal
Adjunto adverbial, Adjunto adnominal e Complemento NominalAdjunto adverbial, Adjunto adnominal e Complemento Nominal
Adjunto adverbial, Adjunto adnominal e Complemento Nominal
 
Semântica
SemânticaSemântica
Semântica
 
Orações subordinadas adverbiais
Orações subordinadas adverbiaisOrações subordinadas adverbiais
Orações subordinadas adverbiais
 
Formação das palavras
Formação das palavrasFormação das palavras
Formação das palavras
 

Semelhante a Orações subordinadas substantivas

Oraessubordinadassubstantivas 110503103458-phpapp01
Oraessubordinadassubstantivas 110503103458-phpapp01Oraessubordinadassubstantivas 110503103458-phpapp01
Oraessubordinadassubstantivas 110503103458-phpapp01Janete J Babinski
 
Oracao Subordinada Substantiva Ii(1)
Oracao Subordinada Substantiva Ii(1)Oracao Subordinada Substantiva Ii(1)
Oracao Subordinada Substantiva Ii(1)guest93d9a1
 
Or. Sub. Substantiva-2
Or. Sub.  Substantiva-2Or. Sub.  Substantiva-2
Or. Sub. Substantiva-2nixsonmachado
 
Oracao subordinada substantivablog2015
Oracao subordinada substantivablog2015Oracao subordinada substantivablog2015
Oracao subordinada substantivablog2015Christiane Queiroz
 
OraçõEs Subordinadas Substantivas
OraçõEs Subordinadas SubstantivasOraçõEs Subordinadas Substantivas
OraçõEs Subordinadas Substantivasaliane
 
Orações subordindas substantivas
Orações subordindas substantivasOrações subordindas substantivas
Orações subordindas substantivasEdson Alves
 
ORAÇÕES SUBORDINADAS SUBSTANTIVAS.pptx
ORAÇÕES SUBORDINADAS SUBSTANTIVAS.pptxORAÇÕES SUBORDINADAS SUBSTANTIVAS.pptx
ORAÇÕES SUBORDINADAS SUBSTANTIVAS.pptxJeaneteFernandes4
 
Oracoes subordinadas substantivas.pptx
Oracoes subordinadas substantivas.pptxOracoes subordinadas substantivas.pptx
Oracoes subordinadas substantivas.pptxNathliaFajardo
 
Orações subordinadas substantivas
Orações subordinadas substantivasOrações subordinadas substantivas
Orações subordinadas substantivasElisangela Carvalho
 

Semelhante a Orações subordinadas substantivas (20)

Substantivas c.
Substantivas   c.Substantivas   c.
Substantivas c.
 
Oraessubordinadassubstantivas 110503103458-phpapp01
Oraessubordinadassubstantivas 110503103458-phpapp01Oraessubordinadassubstantivas 110503103458-phpapp01
Oraessubordinadassubstantivas 110503103458-phpapp01
 
Oracao Subordinada Substantiva Ii(1)
Oracao Subordinada Substantiva Ii(1)Oracao Subordinada Substantiva Ii(1)
Oracao Subordinada Substantiva Ii(1)
 
Or. Sub. Substantiva-2
Or. Sub.  Substantiva-2Or. Sub.  Substantiva-2
Or. Sub. Substantiva-2
 
Oracao subordinada substantivablog2015
Oracao subordinada substantivablog2015Oracao subordinada substantivablog2015
Oracao subordinada substantivablog2015
 
Frases complexas
Frases complexasFrases complexas
Frases complexas
 
Tipos de predicados
Tipos de predicadosTipos de predicados
Tipos de predicados
 
Tipos de predicados
Tipos de predicadosTipos de predicados
Tipos de predicados
 
OraçõEs Subordinadas Substantivas
OraçõEs Subordinadas SubstantivasOraçõEs Subordinadas Substantivas
OraçõEs Subordinadas Substantivas
 
Oracoes subordinadas substantivas.
Oracoes subordinadas substantivas.Oracoes subordinadas substantivas.
Oracoes subordinadas substantivas.
 
Orações subordindas substantivas
Orações subordindas substantivasOrações subordindas substantivas
Orações subordindas substantivas
 
Oracoes subordinadas substantivas.
Oracoes subordinadas substantivas.Oracoes subordinadas substantivas.
Oracoes subordinadas substantivas.
 
Orações subordinadas substantivas
Orações subordinadas substantivasOrações subordinadas substantivas
Orações subordinadas substantivas
 
Português
PortuguêsPortuguês
Português
 
ORAÇÕES SUBORDINADAS SUBSTANTIVAS.pptx
ORAÇÕES SUBORDINADAS SUBSTANTIVAS.pptxORAÇÕES SUBORDINADAS SUBSTANTIVAS.pptx
ORAÇÕES SUBORDINADAS SUBSTANTIVAS.pptx
 
Apresent recup
Apresent recupApresent recup
Apresent recup
 
Oracoes subordinadas substantivas.pptx
Oracoes subordinadas substantivas.pptxOracoes subordinadas substantivas.pptx
Oracoes subordinadas substantivas.pptx
 
Orações subordinadas substantivas.
Orações subordinadas substantivas.Orações subordinadas substantivas.
Orações subordinadas substantivas.
 
Orações subordinadas substantivas
Orações subordinadas substantivasOrações subordinadas substantivas
Orações subordinadas substantivas
 
Tipos de predicado
Tipos de predicadoTipos de predicado
Tipos de predicado
 

Mais de Carolina Loçasso Pereira (13)

Figuras de linguagem
Figuras de linguagemFiguras de linguagem
Figuras de linguagem
 
Os tipos de discurso
Os tipos de discursoOs tipos de discurso
Os tipos de discurso
 
Aulão 19 08
Aulão 19 08Aulão 19 08
Aulão 19 08
 
Aulão 19 08
Aulão 19 08Aulão 19 08
Aulão 19 08
 
A literatura na idade média e o humanismo
A literatura na idade média e o humanismoA literatura na idade média e o humanismo
A literatura na idade média e o humanismo
 
Gêneros literários
Gêneros literáriosGêneros literários
Gêneros literários
 
A linguagem literária (1º ano)
A linguagem literária (1º ano)A linguagem literária (1º ano)
A linguagem literária (1º ano)
 
Modernismo brasileiro 1ª geração
Modernismo brasileiro 1ª geraçãoModernismo brasileiro 1ª geração
Modernismo brasileiro 1ª geração
 
Vanguardas europeias
Vanguardas europeiasVanguardas europeias
Vanguardas europeias
 
Fernando pessoa
Fernando pessoaFernando pessoa
Fernando pessoa
 
Revisão inicial 9º ano.
Revisão inicial 9º ano.Revisão inicial 9º ano.
Revisão inicial 9º ano.
 
Revisão inicial 8º ano.
Revisão inicial 8º ano.Revisão inicial 8º ano.
Revisão inicial 8º ano.
 
Análise de Obras.
Análise de Obras.Análise de Obras.
Análise de Obras.
 

Último

HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASQUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASEdinardo Aguiar
 
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLinguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLaseVasconcelos1
 
Mapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdf
Mapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdfMapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdf
Mapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdfangelicass1
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfIedaGoethe
 
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptTREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptAlineSilvaPotuk
 
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parteDança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira partecoletivoddois
 
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISPrática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISVitor Vieira Vasconcelos
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfIedaGoethe
 
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresSociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresaulasgege
 
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveAula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveaulasgege
 
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxFree-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxkarinasantiago54
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAlexandreFrana33
 
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...Martin M Flynn
 
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕESPRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕESpatriciasofiacunha18
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbyasminlarissa371
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoCelianeOliveira8
 
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 

Último (20)

HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASQUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
 
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLinguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
 
Mapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdf
Mapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdfMapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdf
Mapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdf
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
 
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptTREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
 
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parteDança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
 
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISPrática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
 
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresSociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
 
(76- ESTUDO MATEUS) A ACLAMAÇÃO DO REI..
(76- ESTUDO MATEUS) A ACLAMAÇÃO DO REI..(76- ESTUDO MATEUS) A ACLAMAÇÃO DO REI..
(76- ESTUDO MATEUS) A ACLAMAÇÃO DO REI..
 
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveAula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
 
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxFree-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
 
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
 
treinamento brigada incendio 2024 no.ppt
treinamento brigada incendio 2024 no.ppttreinamento brigada incendio 2024 no.ppt
treinamento brigada incendio 2024 no.ppt
 
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕESPRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
 
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
 

Orações subordinadas substantivas

  • 1. ORAÇÕES SUBORDINADAS SUBSTANTIVAS Profª.: Carol Loçasso Pereira
  • 2. Para compreender como a oração subordinada substantiva desempenha a função própria de um substantivo, basta comparar as duas frases que seguem: Ninguém lamentou sua renúncia . sujeito V.T.D. objeto direto Nesse caso, temos um período simples, uma oração ab- soluta. Nessa oração o objeto direto vem representado basicamente por um substantivo renúncia.
  • 3.
  • 4.
  • 5.
  • 6.
  • 7. Oração subordinada substantiva objetiva indireta É aquela que funciona como objeto indireto da oração principal. Ninguém desconfiava de que o plano fracassasse. Oração principal Oração subordinada substantiva objetiva indireta A oração objetiva indireta: • liga-se ao verbo da oração principal, com preposição. • indica o alvo ou o destinatário do processo verbal.
  • 8.
  • 9.
  • 10.
  • 11.
  • 12.