Ocupaçao de mato_grosso_do_sul_–_domínio
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Like this? Share it with your network

Share

Ocupaçao de mato_grosso_do_sul_–_domínio

on

  • 1,313 visualizações

 

Estatísticas

Visualizações

Visualizações totais
1,313
Visualizações no SlideShare
1,313
Visualizações incorporadas
0

Actions

Curtidas
0
Downloads
8
Comentários
0

0 Incorporações 0

No embeds

Categorias

Carregar detalhes

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Direitos de uso

© Todos os direitos reservados

Report content

Sinalizado como impróprio Sinalizar como impróprio
Sinalizar como impróprio

Selecione a razão para sinalizar essa apresentação como imprópria.

Cancelar
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Tem certeza que quer?
    Sua mensagem vai aqui
    Processing...
Publicar comentário
Editar seu comentário

Ocupaçao de mato_grosso_do_sul_–_domínio Presentation Transcript

  • 1. E. E. CAMILO BONFIMOCUPAÇÃO DE MATO GROSSO DO SUL – DOMÍNIO DE PORTUGAL
  • 2. Tratado de Madri• Somente com o Tratado de Madri, em 1750, que a posse das terras do atual estado de Mato Grosso do Sul passa legalmente para os portugueses;• Com o aumento da mineração, o governo português modificou a forma de administração na metade do século XVIII. E para obter uma melhora na fiscalização da arrecadação de impostos e na mineração, criaram a Capitania;• Após sua criação, a Capitania foi administrada por um subordinado do rei, D. Antonio Rolim de Moura Tavares, que recebeu ordens para criar a sede de seu Governo no limite da fronteira com os espanhois. Criando assim a Vila Bela da Santíssima Trindade, onde seria a capital da Capitania, mas mais tarde foi transferida para Cuiabá;• Em 1748, a Capitania foi incorporada ao Brasil pelo Tratado de Madri, com isso os portugueses conseguiram a posse sobre as jazidas de metais preciosos em Cuiaba. Mas esse descoberta fez
  • 3. Fortes Militares• Os portugueses construíram Fortes Militares, para manter a defesa do acordo e defenderem as terras contra colonos espanhois, também contra os ataques de indígenas que para defenderem suas terras invadidas reagiam com violência;• Alguns destes Fortes Militares se tornaram nucleos de povoamentos, como, o Forte Coimbra, Forte Miranda, e o Forte Albuquerque ;
  • 4. Forte Coimbra• Fundado em 1775, criado na margem direita do rio Paraguai (Hoje situado em Corumbá). O tenente-coronel Ricardo Franco de Almeida Serra, criou o Forte com a intenção de proteger dos ataques espanhois e a agressividade dos índios Guaicuru e Paiaguá;
  • 5. Forte Miranda• Construído em 1778, deu origem a cidade de Miranda, foi ao redor desse Forte que se estabeleceram os primeiros moradores. Segundo alguns historiadores , cerca de cinquenta pessoas(maioria composta por índios nativos) moravam nesse vilarejo em casas de pau a pique e adobe.
  • 6. Forte Albuquerque• A cidade de Corumbá surgiu a partir da instalação desse Forte, em 1778;• Em 1850, foi elevada à vila sob o governo imperial, e a área ocupada por Corumbá abrangia todos os municípios que hoje são parte de Mato Grosso do Sul;• Corumbá foi se destacando como polo econômico regional por meio de uma pequena atividade pecuária e do comercio. Mas seu contato com o resto do país era muito difícil;• Durante Guerra do Paraguai, de 1865 a 1870, Corumbá ficou ainda mais isolada, pois a navegação pelo rio Paraguai ficou interrompida, apenas em 1867 a cidade foi retomada por tropas vinda de Cuiabá. Após esse conflito, Corumbá ficou destruída, e no pós-guerra a tarefa foi a recuperação das terras e reconstrução da propriedades e o reinicio das atividades econômicas;• Aos poucos Corumba retomou seu lugar como principal centro economico de Mato Grosso, mas com a chegada da
  • 7. • Escola Estadual Camilo Bonfim • Alunos: Ariel, Guilherme e Gustavo • 3ºB