Avançar Secretaria da Educação e Cultura Maria Auxiliadora Seabra Rezende Governo do Estado do Tocantins Marcelo de Carval...
MONITORAMENTO E AVALIAÇÃO DO  PROCESSO ENSINO E APRENDIZAGEM  DOS ALUNOS DO ENSINO  FUNDAMENTAL E MÉDIO
1- OBJETIVO: Viabilizar a sistematização do trabalho a ser realizado pelos Técnicos de Avaliação e Acompanhamento do Ensin...
<ul><li>2 – O QUE É MONITORAMENTO E AVALIAÇÃO? </li></ul><ul><li>Monitoramento   </li></ul><ul><li>É o ato de observar, in...
<ul><li>Avaliação </li></ul><ul><li>Consiste no ato de coletar, analisar e sintetizar dados, emitindo um juízo de valor, d...
<ul><li>2.1 QUEM REALIZA O MONITORAMENTO E A AVALIAÇÃO? </li></ul><ul><li>Técnicos de Avaliação e Acompanhamento do Ensino...
<ul><li>   Passo a passo. . .   </li></ul><ul><li>O monitoramento e a avaliação compreendem dois momentos: </li></ul><ul>...
<ul><ul><li>Após a distribuição do quantitativo de Unidade  Escolares entre os Técnicos de   Acompanhamento da Escola, est...
<ul><li>Analisar o resultado final do PES, nos dois últimos anos por disciplina ano/série, ressaltando os índices de aprov...
<ul><li>Apropriar-se dos relatórios de acompanhamento referentes ao ano anterior, bem como obter informações relevantes do...
                      ESTRATÉGIAS ADOTADAS PELO TAE/DRE PARA MONITORAMENTO  E AVALIAÇÃO  “ IN LOCO ”   1.  Apresentar o Ma...
2 .3 Acompanhar as ações desenvolvidas pela equipe pedagógica no trabalho junto aos professores e alunos. 2.4 Dar suporte ...
1           CONSIDERAÇÕES Finais  G arantir um período por semana aos Técnicos de Acompanhamento da Escola, para rea...
Se necessário, o acompanhamento poderá ser realizado, ainda, por Assessores de Currículo, Técnicos da Gestão, Técnicos da ...
Finalmente, a Coordenadoria de Ensino Fundamental da DRE deverá elaborar e emitir relatório semestral, referente ao monito...
INSTRUMENTOS
MONITORAMENTO DA DIRETORIA REGIONAL DE ENSINO/SEDUC  A Matriz Diagnóstica/Seduc, deverá ser construída junto ao Técnico de...
Matriz Diagnóstica OPORTUNIDADES FORTALEZAS AMEAÇAS(externas)  FRAGILIDADES (internas)
MONITORAMENTO E AVALIAÇÃO DA GESTÃO DA ESCOLA SEMESTRAL / DRE Este instrumento objetiva avaliar o processo Pedagógico do E...
Para preenchimento do formulário, cada questão geradora (a que será tabulada) está dividida em sub-questões, que por sua v...
3 (  ) 2 (  ) 1 (  ) GESTOR 1. O Diretor monitora regularmente os resultados da aprendizagem dos alunos e acompanha com fr...
3 (  ) 2 (  ) 1 (  ) COORDENADOR PEDAGÓGICO 2. É assegurada a atuação do Coordenador Pedagógico nas suas atribuições? 2.6 ...
3 (  ) 2 (  ) 1 (  ) PROFESSOR 4. É manifestado o comprometimento dos professores com a aprendizagem dos alunos, objetivos...
3 (  ) 2 (  ) 1 (  ) ALUNO 5. Os alunos demonstram comprometimento com a aprendizagem nas atividades realizadas? 5.10 Como...
3 (  ) 2 (  ) 1 (  ) QUESTIONÁRIO TÉCNICO 7.  Aspectos físicos / Organizacionais / Recursos Didáticos / Tecnológicos  7.15...
Legenda:  1: ÓTIMO 2: BOM 3: FRACO Obs.: O técnico deverá sintetizar as respostas, pontuando as palavras-chaves.  3( ) 2 (...
MONITORAMENTO E AVALIAÇÃO DA GESTÃO DA ESCOLA  DRE/BIMESTRAL   O TAA/DRE irá consolidar os resultados das questões gerador...
ESCOLAS: Nº. 3 2 1 6. Pais, alunos e comunidade local participam das ações educativas na escola ? ESCOLAS: Nº. 3 2 1 5. Os...
MONITORAMENTO DA DRE/SEDUC (BIMESTRAL)  Este instrumento deverá ser preenchido pelo Técnico de Acompanhamento da Escola e ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

ApresentaçãO Manual

2.875 visualizações

Publicada em

Manual da SEDUC

Publicada em: Tecnologia, Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.875
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
31
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

ApresentaçãO Manual

  1. 1. Avançar Secretaria da Educação e Cultura Maria Auxiliadora Seabra Rezende Governo do Estado do Tocantins Marcelo de Carvalho Miranda
  2. 2. MONITORAMENTO E AVALIAÇÃO DO PROCESSO ENSINO E APRENDIZAGEM DOS ALUNOS DO ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO
  3. 3. 1- OBJETIVO: Viabilizar a sistematização do trabalho a ser realizado pelos Técnicos de Avaliação e Acompanhamento do Ensino Fundamental e Médio (SEDUC), pelos Técnicos de Acompanhaemnto da Escola (DRE), visualizando de forma prática, passo a passo, o processo de Monitoramento e Avaliação, direcionando-o através dos instrumentos de acompanhamento e utilizando-se de estratégias para intervenções necessárias .
  4. 4. <ul><li>2 – O QUE É MONITORAMENTO E AVALIAÇÃO? </li></ul><ul><li>Monitoramento </li></ul><ul><li>É o ato de observar, interpretar, sistematizar e investigar o desenvolvimento de uma determinada ação e respectivo resultado, tendo em vista o acompanhamento efetivo e a promoção de melhorias do processo Ensino e Aprendizagem; </li></ul>
  5. 5. <ul><li>Avaliação </li></ul><ul><li>Consiste no ato de coletar, analisar e sintetizar dados, emitindo um juízo de valor, direcionando o processo Ensino e Aprendizagem numa trilha dinâmica, sistemática e contínua de ação-reflexão-ação; </li></ul>
  6. 6. <ul><li>2.1 QUEM REALIZA O MONITORAMENTO E A AVALIAÇÃO? </li></ul><ul><li>Técnicos de Avaliação e Acompanhamento do Ensino Fundamental e Médio/SEDUC (TAAEF E TAAEM); </li></ul><ul><li>Técnicos de Acompanhamento da Escola/DRE`s (TAE); </li></ul>
  7. 7. <ul><li> Passo a passo. . . </li></ul><ul><li>O monitoramento e a avaliação compreendem dois momentos: </li></ul><ul><li>5. MONITORAMENTO À DISTÂNCIA </li></ul><ul><li>5.1 MONITORAMENTO E AVALIAÇÃO À DISTÂNCIA PELA DRE </li></ul>
  8. 8. <ul><ul><li>Após a distribuição do quantitativo de Unidade Escolares entre os Técnicos de Acompanhamento da Escola, estes deverão elaborar um Mapeamento Situacional por U.E, objetivando : </li></ul></ul>
  9. 9. <ul><li>Analisar o resultado final do PES, nos dois últimos anos por disciplina ano/série, ressaltando os índices de aprovação, reprovação e abandono; </li></ul><ul><li>Analisar e comparar o desempenho obtido pela Unidade Escolar em avaliações externas e internas; </li></ul><ul><li>Analisar os pontos positivos e negativos detectados em cada Unidade Escolar, com o objetivo de verificar o que interfere diretamente nos resultados evidenciados; </li></ul>
  10. 10. <ul><li>Apropriar-se dos relatórios de acompanhamento referentes ao ano anterior, bem como obter informações relevantes dos demais setores da DRE para o Mapeamento Situacional; </li></ul><ul><li>Verificar se as metas e as ações presentes no P.P.P. da UE estão em consonância com a análise situacional diagnosticada. </li></ul>
  11. 11.                      ESTRATÉGIAS ADOTADAS PELO TAE/DRE PARA MONITORAMENTO E AVALIAÇÃO “ IN LOCO ”   1. Apresentar o Mapeamento Situacional da Unidade Escolar à Equipe Pedagógica. 2. Realizar reunião de trabalho com a Equipe pedagógica da escola para: 2.1 Analisar quantitativamente os resultados das turmas/alunos que apresentarem baixo desempenho. 2.2 Verificar as intervenções realizadas pela U.E para melhoria dos resultados apresentados.
  12. 12. 2 .3 Acompanhar as ações desenvolvidas pela equipe pedagógica no trabalho junto aos professores e alunos. 2.4 Dar suporte pedagógico à equipe da escola, visando fortalecer o trabalho desenvolvido por esta equipe junto aos professores e alunos.
  13. 13. 1          CONSIDERAÇÕES Finais  G arantir um período por semana aos Técnicos de Acompanhamento da Escola, para realização de reuniões internas na sede da DRE e estudos semanais. Da mesma forma, faz-se necessário destinar uma semana de cada mês aos Técnicos de Acompanhamento da Escola para fechamento de relatórios, resoluções e pendências com relação ao acompanhamento realizado nas U.Es.         
  14. 14. Se necessário, o acompanhamento poderá ser realizado, ainda, por Assessores de Currículo, Técnicos da Gestão, Técnicos da Educação na Diversidade, entre outros, com o objetivo de subsidiar o desenvolvimento das estratégias presentes no Plano de Ação ou de fazer as intervenções necessárias ao cumprimento das metas.  
  15. 15. Finalmente, a Coordenadoria de Ensino Fundamental da DRE deverá elaborar e emitir relatório semestral, referente ao monitoramento e a avaliação da aprendizagem realizado pelos técnicos junto as UEs, evidenciando pontos significativos do monitoramento realizado nas escolas.  
  16. 16. INSTRUMENTOS
  17. 17. MONITORAMENTO DA DIRETORIA REGIONAL DE ENSINO/SEDUC A Matriz Diagnóstica/Seduc, deverá ser construída junto ao Técnico de Acompanhamento da Escola – TAAE, sob a Coordenação do Técnico de Acompanhamento e Avaliação do Ensino Fundamental e Médio/SEDUC, onde será consolidado as debilidades, ameaças, Fortalezas e oportunidades das Unidades Escolares na Diretoria Regional de Ensino, diagnosticadas através do acompanhamento.
  18. 18. Matriz Diagnóstica OPORTUNIDADES FORTALEZAS AMEAÇAS(externas) FRAGILIDADES (internas)
  19. 19. MONITORAMENTO E AVALIAÇÃO DA GESTÃO DA ESCOLA SEMESTRAL / DRE Este instrumento objetiva avaliar o processo Pedagógico do Ensino Aprendizagem em sua complexidade, para que a Unidade Escolar possa dinamizar oportunidades de ação – reflexão – ação, partindo do princípio de que a realização da ação em si não é suficiente, mas como é feita a ação e os seu respectivos resultados. Portanto cada questão foi cuidadosamente elaborada, tendo em vista a não indução das respostas, para que o profissional da escola reflita efetivamente sobre sua prática, focando, o “como é feito” e não “se é feito”. Assim, o instrumento permitirá um acompanhamento permanente de toda a dinâmica organizacional da escola viabilizando uma redefinição das ações relacionadas ao processo educacional. Ressaltando que no bimestre em que este instrumento for utilizado como diagnosticador da funcionabilidade dos diversos segmentos da Escola, deverão ser levantada as possíveis intervenções de melhorias, as quais deverão ser acompanhadas e monitoradas no bimestre posterior.
  20. 20. Para preenchimento do formulário, cada questão geradora (a que será tabulada) está dividida em sub-questões, que por sua vez foram elaboradas para que o TAE tenha informações suficientes para averiguar o questionamento da questão geradora e atribuir um conceito sendo (1) Ótimo / (2) Bom / (3) Fraco. As respostas das sub-questões serão registradas pelo TAE de maneira sintetizada e atribuindo um conceito de (+) para positivas e (-) para negativas, ou seja, se a resposta do profissional da escola for dentro do esperado será (+), caso contrário será (-). Ao ser preenchido todas as sub-questões será atribuído um valor na escala 1( ), 2( ) ou 3( ). Ressaltamos que para o preenchimento desta ficha o TAE reunirá, o Gestor, os Coordenadores Pedagógicos, Orientador Educacional, representantes dos Professores (no mínimo 2), representantes dos Alunos, Comunidade e Pais, sendo observada a coerência e sintonia das colocações de cada profissional e representante. As perguntas deverão ser lançadas para o grupo e não para uma pessoa especifica, no entanto deverá ser observado quem responde, quem não responde e como o grupo se articulará para responder os questionamentos, sendo que estes dados deverão ser registrados nas observações gerais.
  21. 21. 3 ( ) 2 ( ) 1 ( ) GESTOR 1. O Diretor monitora regularmente os resultados da aprendizagem dos alunos e acompanha com freqüência o desempenho dos professores e suporte pedagógico? 1.21 Como a escola avalia os resultados destes índices? R.: 2.0 Como a escola se apropria dos índices de aprendizagem dos alunos? R.: 1.9 Como o Conselho de Classe é realizado na Unidade Escolar? R.: 1.8 A escola possui regimento interno? Como for articulado a sua construção? R.: 1.7 Como a escola articula para que as decisões sejam tomadas democraticamente? R.: 1.6 O que evidência o bom relacionamento entre gestor, suporte pedagógico, corpo docente e dicente? R.: 1.5 Como são tratadas as questões administrativas na U.E.? R.: 1.4 Quais os procedimentos adotados pela gestão da escola em relação a ausência de professores, afim de não prejudicar o cumprimento dos 200 dias letivos previstos no calendário escolar? R.: 1.3 Quais os procedimentos adotados pelo Diretor para a verificação e acompanhamento do trabalho dos professores e suporte pedagógico? R.: 1.2 Que medidas são adotadas pelo Diretor para elevar o desempenho acadêmico dos alunos? R.: 1.1 Como a escola constrói os objetivos suas metas, estratégias e o plano de ação? R.: - + Sub – Questões
  22. 22. 3 ( ) 2 ( ) 1 ( ) COORDENADOR PEDAGÓGICO 2. É assegurada a atuação do Coordenador Pedagógico nas suas atribuições? 2.6 Os professores são subsidiados nas suas dificuldades? Como? R.: 2.5 Como é articulado o cumprimento das ações acordadas no PPP? R.: 2.4 Como são trabalhadas as questões disciplinares dos alunos? R.: 2.3 Como o Coord. Pedagógico orienta o professor no planejamento? R.: 2.2 Mencione os assuntos relevantes discutidos nas respectivas reuniões. R.: 2.1 O Coord. Pedagógico realiza reunião com professores? Qual a periodicidade? R.: - + Sub – Questões 3 ( ) 2 ( ) 1 ( ) SUPORTE PEDAGÓGICO 3. O trabalho do suporte pedagógico está de acordo com os objetivos do PPP? 3.5 Como o Orientador Educacional e o Coord. Pedagógico integra os seus trabalho? R.: 3.4 Como é assegurado o cumprimento das ações acordadas no PPP? R.: 3.3 Qual a linha de ação do Orientador Educacional? R.: 3.2 Em que o suporte pedagógico se fundamenta para propor e intervir com ações de melhorias? R.: 3.1 Como é desenvolvido o trabalho do suporte pedagógico tendo em vista o alcance das metas e objetivos da Escola? R.: - + Sub – Questões
  23. 23. 3 ( ) 2 ( ) 1 ( ) PROFESSOR 4. É manifestado o comprometimento dos professores com a aprendizagem dos alunos, objetivos e metas da Escola? 4.8 Como a avaliação do processo ensino – aprendizagem é percebida e apropriada pelos professores? R.: 4.7 Como a escola trabalha a formação de valores? R.: 4.6 Quais são os eixos norteadores dos projetos desenvolvidos na escola? R.: 4.5 Quais são as estratégias utilizadas pelos professores para se aproximarem do universo dos alunos? R.: 4.4 Com que freqüência os professores articulam atividades em outros espaços educativos e como é direcionado este trabalho? R.: 4.3 Que recursos são utilizados para atender as diferentes necessidades e ritmos dos alunos? R.: 4.2 Quais as estratégias adotadas pelo professor para estimular e acompanhar os alunos com dificuldades de aprendizagem? R.: 4.1 Como o professor intervém e elabora ações que podem contribuir para o sucesso dos alunos? R.: - + Sub – Questões
  24. 24. 3 ( ) 2 ( ) 1 ( ) ALUNO 5. Os alunos demonstram comprometimento com a aprendizagem nas atividades realizadas? 5.10 Como os alunos percebem a avaliação do processo ensino e aprendizagem? R.: 5.9 Como é o relacionamento dos alunos com o corpo dicente e docente da escola? R.: 5.8 Como os alunos participam das decisões da escola? R.: 5.7 Como os alunos se posicionam frente ao Regimento Interno? R.: 5.6 Como é percebido o fator disciplina dos alunos? R.: 5.5 Como é o envolvimento dos alunos nas atividades propostas pela U.E.? R.: 5.4 Quais são os maiores fatores que interferem no processo ensino aprendizagem dos alunos? R.: 5.3 O fator assiduidade dos alunos tem interferido na aprendizagem? R.: 5.2 Quais as disciplinas em que os alunos demonstram maior interesse? A que é atribuído este interesse? R.: 5.1 Os alunos têm o habito de realizar atividades e trabalhos para casa? R.: - + Sub – Questões 3 ( ) 2 ( ) 1 ( ) COMUNIDADE 6. Há participação dos pais e comunidade na gestão da escola? 6.4 Pais e comunidade mantêm um contato direto com a escola por iniciativa própria? Como é feito este contato? 6.3 Como é promovido na escola o contato entre pais e professores? R.: 6.2 Como se dá a participação dos pais nas atividades escolares? R.: 6.1 Qual é o apoio da comunidade junto à escola? R.: - + Sub – Questões
  25. 25. 3 ( ) 2 ( ) 1 ( ) QUESTIONÁRIO TÉCNICO 7. Aspectos físicos / Organizacionais / Recursos Didáticos / Tecnológicos 7.15 O espaço físico favorece o bom desempenho das atividades? R.: 7.14 Possui Transcoder? R.: 7.13 Possui Data-Show? R.: 7.12 Possui Câmera Filmadora? R.: 7.11 Possui Câmera Digital? R.: 7.10 Possui Retro-projetor? R.: 7.9 Possui DVD? R.: 7.8 Possui Vídeo? R.: 7.7 Possui TV? R.: 7.6 Foram ministradas aulas de reforço ou plantão de dúvidas em horário extra-aula, os alunos participaram? R.: 7.5 As recomendações nutricionais são garantidas no lanche dos alunos, conforme as orientações do PNAE? R.: 7.4 A alimentação escolar é oferecida diariamente aos alunos? R.: 7.3 O transporte garantiu a presença dos alunos durante o período de aula? R.: 7.2 O transporte Escolar é assegurado aos alunos que residem em zona rural? R.: 7.1 Os alunos receberam o Livro didático no período certo? R.: - + Sub – Questões
  26. 26. Legenda: 1: ÓTIMO 2: BOM 3: FRACO Obs.: O técnico deverá sintetizar as respostas, pontuando as palavras-chaves. 3( ) 2 ( ) 1( ) CONSIDERAÇÕES 8. Observações Gerais do Técnico de Acompanhamento da Escola 8.3 Em relação a sintonia e relacionamento da equipe R.: 8.2 Em relação à conservação do patrimônio R.: 8.1 Em relação à limpeza da Escola R.: - + Sub – Questões
  27. 27. MONITORAMENTO E AVALIAÇÃO DA GESTÃO DA ESCOLA DRE/BIMESTRAL O TAA/DRE irá consolidar os resultados das questões geradoras do Instrumento de Monitoramento e Avaliação Bimestral da Gestão da Escola, realizado nas Unidades de Ensino.
  28. 28. ESCOLAS: Nº. 3 2 1 6. Pais, alunos e comunidade local participam das ações educativas na escola ? ESCOLAS: Nº. 3 2 1 5. Os alunos demonstram interesse e resultados na aprendizagem em relação às atividades realizadas na escola ? ESCOLAS: Nº. 3 2 1 4. É efetivado na prática diária dos professores o comprometimento com a aprendizagem dos alunos, cumprindo objetivos e metas da Escola ? ESCOLAS: Nº. 3 2 1 3. O trabalho do suporte pedagógico está de acordo com os objetivos do PPP ? ESCOLAS: Nº. 3 2 1 2. É assegurada à disponibilidade do Coordenador Pedagógico para acompanhamento e orientação no planejamento das atividades do professor ? ESCOLAS: Nº. 3 2 1 1. Os Gestores monitoram regularmente os resultados da aprendizagem dos alunos e acompanham com freqüência o desempenho dos professores e suporte pedagógico?
  29. 29. MONITORAMENTO DA DRE/SEDUC (BIMESTRAL) Este instrumento deverá ser preenchido pelo Técnico de Acompanhamento da Escola e encaminhado à Seduc; 07 06 05 04 03 02 01 RESULTADOS ALCANÇADOS PROVIDÊNCIAS TOMADAS DIFICULDADES ENCONTRADAS ANO/SERIE MODALIDADE UNIDADE ESCOLAR

×