Projeto tcc-faculdade de pedagogia-2014

15.247 visualizações

Publicada em

0 comentários
4 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
15.247
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
202
Comentários
0
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Projeto tcc-faculdade de pedagogia-2014

  1. 1. 1 ANDRÉIA CRUZ- RA: 2330425752 KATIANE DIAS DE ALBUQUERQUE- RA: 2314352324 MANOEL ANDRÉ DA SILVA – RA: 2306314045 SARA CRISTINA RUNGUE- RA: 2329401319 SILVANIA REGINA DE OLIVEIRA PEREIRA - RA: 2351466013 A IMPORTÂNCIA DA LEITURA NO PROCESSO ENSINO-APRENDIZAGEM NA RELAÇÃO PROFESSOR E ALUNO PARA A FORMAÇÃO DO CIDADÃO Belo Horizonte –MG 2014
  2. 2. 2 MANOEL ANDRÉ DA SILVA– RA: 2306314045 PROJETO DE PESQUISA Trabalho de Conclusão de Curso (TCC), apresentado à banca examinadora da Faculdade de Pedagogia da Anhanguera Educacional, como requisito obrigatório para obtenção do grau de Graduação em Pedagogia orientada pelo professor tutor a distância Priscila dos Santos Beck . Belo Horizonte-MG 2014
  3. 3. 3 PROJETO DE PESQUISA Identificação Nome: MANOEL ANDRÉ DA SILVA Ra: 2306314045 CURSO: Pedagogia Semestre: 7º Polo: BELO HORIZONTE-MG Tema: A leitura na sala de aula A importância da leitura no processo ensino-aprendizagem na relação professor e aluno para a formação do cidadão. Justificativa: Ao analisarmos o quanto é importante a leitura num aspecto social, podemos ver que a competência leitora é a condição principal para que o cidadão se institua no meio social de maneira ativa no atual contexto. Considerando ainda que o conhecimento da leitura proporciona a formação integral do sujeito, tendo em vista que a leitura vai muito além do texto lido, de tal forma como aponta De Souza, “aprender a ler, significa também aprender a ler o mundo, dar sentido a ele e a nós próprios, o que, mal ou bem, fazemos sem ser ensinado” (MARTINS 1994, apud DE SOUZA 2010. P. 1). Ainda hoje, podemos notar que os valores e conceitos colocados na sociedade logo se modificam, especificamente sobre a formação indispensável do sujeito para tornar-se capacitado a agir de forma considerável na atual sociedade, sabendo-se que essas mudanças são provenientes das carências que são provocadas principalmente pelos avanços presenciados nos meios de comunicação tecnológicos. Deste modo, acreditamos em vivermos em uma sociedade letrada, no qual os diversificados signos de linguagem fazem-se presentes de forma clara em
  4. 4. 4 nosso dia-a-dia. Assim, para que os discentes se destaquem no meio social, é necessário que a escola busque além da alfabetização inseri-los neste contexto letrados através de práticas de leituras mais coesas com sua realidade, como cita Ferreiro (1977, p.25) ”as crianças são facilmente alfabetizadas desde que descubram, através de contextos sociais funcionais, que a escrita é um objeto interessante que merece ser conhecido ”(1977, p.25). Através disto, entendemos que ser leitor é de suma importância para o desenvolvimento social do aprendiz, à medida que esta é a condição que oferece a mudança de um sujeito passivo para um cidadão consciente e atuante em meio a seu grupo social, auxiliando para que ele cresça tanto profissionalmente, como intelectualmente. A respeito disso, Saviani (1999) afirma que uma das condições para o exercício pleno da cidadania é o acesso ao saber sistematização e organizado pela humanidade, entre eles, a aquisição da competência leitora e escritora. Sendo que no mundo competitivo e tecnologicamente desenvolvido em que vivemos, é indispensável à formação de um sujeito letrado, dotado de conhecimento, principalmente o da leitura, por ser a respeito do domínio desta prática que o indivíduo adquire a condição de praticar a cidadania. Problema: O que percebemos no âmbito escolar em relação à leitura no Brasil? Há uma necessidade de uma mudança referente à esta prática? Há um grande número de analfabetos funcionais no atual contexto, ou seja, pessoas que sabem ler e escrever, mas, que não conseguem exercer no seu dia a dia o uso social da escrita e da leitura. Sendo isto, quais as consequências do ensino pautado na decodificação, por meio de textos descontextualizados que não permitiram aos sujeitos a aquisição da competência leitora, e nem tão pouco, o hábito e o gosto por tal prática? Nesse sentido, Kleiman (2004 , p. 30) cita que: [...] O contexto escolar não favorece a delineação De objetivos específicos em relação a essa atividade. Nele a atividade de leitura é difusa e confusa, muitas vezes se constituindo apenas em um pretexto para
  5. 5. 5 cópias, resumos, análises sintáticas, e em outras tarefas de ensino da língua. As diretrizes curriculares do ensino da Língua Portuguesa do Pará (2008), que objetiva-se por um ensino pautado do seguinte modo: [...] No ensino-aprendizagem de Língua Portuguesa que visa aprimorar os conhecimentos linguísticos e discursivos dos alunos, para que eles possam compreender os discursos que o cercam e terem condições de interagir com esses discursos. Para isso, é relevante que a língua seja percebida como uma arena em que diversas vozes sociais se defrontam, manifestando diferentes opiniões [...] (Paraná, 2008, p.50) Objetivos: Objetivo Geral: O presente estudo leva a refletir sobre a importância do relacionamento do professor e aluno, diante do processo da leitura na aprendizagem para a formação do cidadão. Ao longo do texto, são citados estudos e pesquisas de autores renomados tais como: Saviani, De Souza, Martins, Ferreiro, Kleiman, que falam sobre esta importância. Objetivos específicos:  Direcionar a focar quais são as habilidades necessárias a serem desenvolvidas por meio do trabalho da leitura para que o aluno se aproprie deste conhecimento visando a formação de um cidadão.  Destacar a relevância da leitura e linguagem para o desenvolvimento da humanidade no decorrer dos anos.  Incentivar a se adquirir o hábito e o gosto pela prática da leitura que é fundamental para o seu desenvolvimento enquanto sujeito crítico e atuante na atual sociedade.  Desenvolver técnicas que aprimorem a prática da leitura. Metodologia: O referido Instrumento de pesquisa será respaldado no estudo e análise, de como a prática da leitura utilizada nas séries iniciais do ensino fundamental de 9 anos, colabora para desenvolver nos alunos as capacidades específica do domínio da leitura e na sua formação como cidadãos críticos. Esta pesquisa foi elaborada tendo como modelo o referencial de algumas obras que têm como destaque a importância da leitura no processo de alfabetização, considerando a constatar a colaboração destas propostas na formação de um cidadão letrado, entre eles, aqueles que
  6. 6. 6 abordam a importância se por em prática leitura e letramento para a formação de um cidadão crítico e ativo em seu contexto histórico social, como Fregonezzi (1999), Freire (2003) e Soares (2003). Desta maneira, constatamos o que de suma importância na alfabetização, que a leitura seja trabalhada de forma significativa, que seja evidenciada a partir dos diversificados tipos de materiais textuais presentes no contexto social, para que os alunos se aproximem da leitura passando a gostar desde a menor idade, desta prática que é fundamental para o seu crescimento futuro. Cronograma: 2013 2013 2013 2013 2013 2014 2014 2014 2014 Atividades Jul. Ago. Set. Out. Nov. Mar. Abr. Mai. Jun. Análise Bibliográfica X X Postagem da Análise Biliográfica X Pré Projeto X Postagem do Pré- projeto TCC X Projeto X X Postagem do Projeto Tcc X

×