ROMANTISMO <ul><li>Movimento artístico europeu por volta de 1800, literatura (poesias), filosofia, musica e artes visuais ...
Idéias filosóficas... <ul><li>Immanuel Kant  (A Crítica do Juízo - 1790) </li></ul><ul><ul><li>“ impossível estabelecer um...
Johan H. Fussli  O Pesadelo -1781 Detroit Institute of the Arts
<ul><li>1750 = Jean J. Rousseau  “Discurso sobre as ciências e as artes”  </li></ul><ul><li>1º. Romântico da história </li...
Características: <ul><li>Expressão dos sentimentos e do indivíduo acima de tudo, através: </li></ul><ul><li>Dramas  amoros...
Jean Louis André Théodore  Géricault  A Balsa da Medusa.  1818-1819. 490  x 720 cm. Louvre, Paris. <ul><li>Apresentada no ...
 
<ul><li>“ A irracionalidade é uma força ” </li></ul><ul><li>“  A arte não é o belo, mas as características em seus inúmero...
Eugène Delacroix  – 1799 - 1863 <ul><li>Pintor  que melhor conseguiu captar as paixões humanas, </li></ul><ul><li>Professo...
<ul><li>O Massacre de  Quios  1824. Louvre, Paris, France </li></ul><ul><li>Exposta no Salão de 1824 </li></ul><ul><li>Aco...
A Morte de  Sardanápalo - 1827-1828. . Louvre, Paris, France Sardanapalo, rei  assírio legendário, ordena que uma fogueira...
Liberdade Guiando o Povo – Eugène Delacroix-1830- Louvre-Paris
Eugène Delacroix.   Mulheres de Argélia em seus aposentos.  1834 - Louvre, Paris.
<ul><li>Primitivo </li></ul><ul><li>“ O bom selvagem” </li></ul><ul><li>Rousseau </li></ul><ul><li>Exótico </li></ul><ul><...
<ul><li>Caspar David Friedric  (1774-1840) </li></ul>As fases da vida , c. 1835. Museum der Bildenden Künste
O Viajante sobre o mar de neblina 1818 Kunsthalle, Hamburg
Caspar D. friedrich -Casal contemplando a lua , 1830-35.  <ul><li>“” Fecha teu olho corpóreo para que possas antes ver tua...
William Blake  1757 - 1827 <ul><li>Poeta, místico, religioso, </li></ul><ul><li>Ilustração de seus poemas e de outros arti...
 
 
 
Um novo olhar para a paisagem... <ul><li>Paisagistas ingleses:  Constable  e  Turner </li></ul>John Constable -Catedral de...
John Constable -Catedral de Salisbury
John Constable   -  O cadeado  1823-24 Philadelphia Museum of Art
Turner, Joseph Mallord William  - O Incêndio  das Casas  - 1835 - Philadelphia Museum of Art
Joseph Mallord William Turner O Grande Canal , Veneza - 1835 The Metropolitan Museum of Art, New York
Joseph Mallord William Turner Chuva, vapor e velocidade 1844 National Gallery, London
 
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Romantismo 2011 2

911 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
911
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Romantismo 2011 2

  1. 1. ROMANTISMO <ul><li>Movimento artístico europeu por volta de 1800, literatura (poesias), filosofia, musica e artes visuais . </li></ul><ul><li>Nova concepção de Homem e Natureza </li></ul><ul><li>Desejo de acabar com a tirania da arte acadêmica e suas normas rígidas </li></ul>
  2. 2. Idéias filosóficas... <ul><li>Immanuel Kant (A Crítica do Juízo - 1790) </li></ul><ul><ul><li>“ impossível estabelecer uma idéia de beleza universal, o juízo estético é subjetivo” </li></ul></ul><ul><li>Edmund Burke (Um inquérito filosófico sobre a origem das nossas idéias do sublime e do belo -1757) </li></ul><ul><li>Sublime = nova categoria estética: a idéia de dor é mais forte do que a de prazer. Tudo o que apanha o Homem de surpresa, relação com o terrivel é fonte do sublime </li></ul>
  3. 3. Johan H. Fussli O Pesadelo -1781 Detroit Institute of the Arts
  4. 4. <ul><li>1750 = Jean J. Rousseau “Discurso sobre as ciências e as artes” </li></ul><ul><li>1º. Romântico da história </li></ul><ul><li>contra – mão dos amigos iluministas que acreditavam que as artes e ciências faziam o homem se desenvolver, mas Rousseau afirma que não , “há uma forte oposição entre natureza e cultura” </li></ul><ul><li>fica do lado da natureza, a divinização da natureza, a entrega aos sentimentos românticos (insatisfação e melancolia, nostalgia e desejo de retorno) </li></ul>
  5. 5. Características: <ul><li>Expressão dos sentimentos e do indivíduo acima de tudo, através: </li></ul><ul><li>Dramas amorosos, </li></ul><ul><li>Países exóticos, </li></ul><ul><li>Metáforas de temas políticos (exaltação do espírito nacional), </li></ul><ul><li>Nostalgia </li></ul><ul><li>Sturm and Drang (tempestade e ímpeto) = literatura e música , principalmente na Alemanha (Goethe) </li></ul>
  6. 6. Jean Louis André Théodore Géricault A Balsa da Medusa. 1818-1819. 490  x 720 cm. Louvre, Paris. <ul><li>Apresentada no Salão de 1819 </li></ul><ul><li>Amplia a pintura histórica, abordando um acontecimento contemporâneo </li></ul>
  7. 8. <ul><li>“ A irracionalidade é uma força ” </li></ul><ul><li>“ A arte não é o belo, mas as características em seus inúmeros aspectos que chegam até o feio...” Schlegel </li></ul>Jean Louis André Théodore Géricault
  8. 9. Eugène Delacroix – 1799 - 1863 <ul><li>Pintor que melhor conseguiu captar as paixões humanas, </li></ul><ul><li>Professor de Gericáult </li></ul>
  9. 10. <ul><li>O Massacre de Quios 1824. Louvre, Paris, France </li></ul><ul><li>Exposta no Salão de 1824 </li></ul><ul><li>Acontecimento histórico ocorrido durante a guerra pela independência da Grécia: 20.000 gregos trucidados pelos turcos na ilha de Quíos </li></ul>
  10. 11. A Morte de Sardanápalo - 1827-1828. . Louvre, Paris, France Sardanapalo, rei assírio legendário, ordena que uma fogueira seja erguida para sacrificar todo seu povo a fim de evitar a vergonha da derrota. Mulheres, crianças, escravos, cavalos, são todos lançados no fogo .
  11. 12. Liberdade Guiando o Povo – Eugène Delacroix-1830- Louvre-Paris
  12. 13. Eugène Delacroix. Mulheres de Argélia em seus aposentos. 1834 - Louvre, Paris.
  13. 14. <ul><li>Primitivo </li></ul><ul><li>“ O bom selvagem” </li></ul><ul><li>Rousseau </li></ul><ul><li>Exótico </li></ul><ul><li>Natural </li></ul><ul><li>“ Inculto” </li></ul>Cavalos árabes brigando no estábulo – 1860 – Louvre Eugene Delacroix
  14. 15. <ul><li>Caspar David Friedric (1774-1840) </li></ul>As fases da vida , c. 1835. Museum der Bildenden Künste
  15. 16. O Viajante sobre o mar de neblina 1818 Kunsthalle, Hamburg
  16. 17. Caspar D. friedrich -Casal contemplando a lua , 1830-35. <ul><li>“” Fecha teu olho corpóreo para que possas antes ver tua pintura com o olho do espírito. Então traz para a luz do dia o que viste na escuridão, para que a obra possa repercutir nos outros de fora para dentro&quot; . </li></ul><ul><li>Vaughan, William </li></ul>
  17. 18. William Blake 1757 - 1827 <ul><li>Poeta, místico, religioso, </li></ul><ul><li>Ilustração de seus poemas e de outros artistas, </li></ul><ul><li>Não observava o natural, “visão interna” </li></ul>
  18. 22. Um novo olhar para a paisagem... <ul><li>Paisagistas ingleses: Constable e Turner </li></ul>John Constable -Catedral de Salisbury. 1823. Victoria and Albert Museum, London, UK
  19. 23. John Constable -Catedral de Salisbury
  20. 24. John Constable - O cadeado 1823-24 Philadelphia Museum of Art
  21. 25. Turner, Joseph Mallord William - O Incêndio das Casas - 1835 - Philadelphia Museum of Art
  22. 26. Joseph Mallord William Turner O Grande Canal , Veneza - 1835 The Metropolitan Museum of Art, New York
  23. 27. Joseph Mallord William Turner Chuva, vapor e velocidade 1844 National Gallery, London

×