VITILIGO
Anderson Alexandre Vieira
Francisco Filemon de Sá Sampaio
João Paulo Dantas de Figueiredo Belem
Jose Anderson Fra...
Introdução
O que é Vitiligo ?
• Generalizada
• Localizado
Tipos
Diagnóstico
Tratamentos
Epidemiologia
 Afeta ambos os sexos;
 Média de idade entre 10 a 30 anos;
 Leve prevalência no sexo feminino;
 A preval...
Fisiopatologia
Teorias :
 Neural
 Citóxica
 Auto imune
 Genética
Perda de
pigmentação do
cabelo, cílios,
sobrancelhas ou
barba
Perda da cor
nos tecidos que
revestem o
interior de sua
boca...
Diagnóstico e Testes laboratoriais
 Hemograma completo
 T4 Livre
 TSH
 Imunohistoquimico
 Anticorpo antitireoglobulin...
Tratamento
 Fototerapia
 Transplante de melanócitos
 Pomadas a base de corticoides
Vídeo
Referencias
http://www.dermatologia.net/novo/base/doencas/vitiligo.shtml
http://drauziovarella.com.br/letras/v/vitiligo/
S...
Trabalho de-Imunologia-2
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Trabalho de-Imunologia-2

334 visualizações

Publicada em

Trabalho de Imunologia sobre Vitiligo.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
334
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Trabalho de-Imunologia-2

  1. 1. VITILIGO Anderson Alexandre Vieira Francisco Filemon de Sá Sampaio João Paulo Dantas de Figueiredo Belem Jose Anderson Francelino da Silva Murilo Jovino de Alencar Samuel Marques Rodrigues Sandyellen Araújo Wallace Pereira Ribeiro FACULDADE LEÃO SAMPAIO Prof.(a) Helenicy Veras
  2. 2. Introdução O que é Vitiligo ? • Generalizada • Localizado Tipos Diagnóstico Tratamentos
  3. 3. Epidemiologia  Afeta ambos os sexos;  Média de idade entre 10 a 30 anos;  Leve prevalência no sexo feminino;  A prevalência da doença varia entre os diferentes grupos étnicos, sendo estimada em 2% no Japão, 1% nos EUA e 0,14% na Rússia.
  4. 4. Fisiopatologia Teorias :  Neural  Citóxica  Auto imune  Genética
  5. 5. Perda de pigmentação do cabelo, cílios, sobrancelhas ou barba Perda da cor nos tecidos que revestem o interior de sua boca e nariz (membranas mucosas) Perda ou alteração da cor da camada interna do globo ocular (retina) Manchas descoradas em torno das axilas, umbigo, órgãos genitais e reto. Manifestações Clinicas
  6. 6. Diagnóstico e Testes laboratoriais  Hemograma completo  T4 Livre  TSH  Imunohistoquimico  Anticorpo antitireoglobulina  Anticorpo antitireoeroxidase  Fator reumatoide  Anticorpo antinuclear
  7. 7. Tratamento  Fototerapia  Transplante de melanócitos  Pomadas a base de corticoides
  8. 8. Vídeo
  9. 9. Referencias http://www.dermatologia.net/novo/base/doencas/vitiligo.shtml http://drauziovarella.com.br/letras/v/vitiligo/ Steiner D, Villas RT, Bedin V, Steiner T, Moraes MB. Vitiligo. An Bras Dermatol. 2004;79:335-51. Laberge G, Mailloux CM, Gowan K, Holland P, Bennett DC, Fain PR, et al. Early disease onset and increased risk of other autoimmune disease in familial generalized vitiligo. Pigment Cell Res. 2005;18:300-5. Birlea SA, Fain PR, Spritz RA. A Romanian population isolate with high frequency of vitiligo and associated autoimmune diseases. Arch Dermatol. 2008;144:310-6. Barona MI, Arrunátegui A, Falabella R, Alzate A. An epidemiologic case-control study in a population with vitiligo. J Am Acad Dermatol. 1995;33:621-5. Sehgal VN, Srivastava G. Vitiligo: compendium of clinico-epidemiological features. Indian J Dermatol Venereol Leprol. 2007;73:149-56.

×