Desenvolvimento sustentável: uma perspectiva nacionalO papel dos membros da ISO    como parceiros locaisestratégicos para ...
ABNTFundada em 1940Entidade privada, sem fins lucrativos e de utilidade públicaReconhecida pelo governo brasileiro como ún...
Relações Internacionais da ABNT                        IEC           COPANT     ISO                       ABNT            ...
Crescente participação da ABNT na ISO                                                   4 4Rio+20   Junho, 2012
A ABNT e a ISO 9000 – Gestão da QualidadeNo início:1979 – Criação do ISO/176 – Gestão da Qualidade1990 –adoção da família ...
A ABNT e a ISO 14000 – Gestão ambiental1992: Eco 92 – surge a ideia da criação de um grupo para a elaboração      de norma...
A ABNT e a ISO 26000 – Responsabilidade Social2001 (Setembro): a ISO inicia discussão sobre conveniência de se envolver em...
Tripé da sustentabilidade                                      9Rio+20   Junho, 2012                               9
Um ONN ativo e influente nos trabalhos da ISO deve...     Propor novos assuntos para normalização     Participar ativament...
ABNT na ISO                                            Participação em AG         Membro                                  ...
ABNT na ISO                                            Participação em AG         Membro                                  ...
Evolução do número de Secretarias de comitês                                         da ISO sob a responsabilidade da ABNT...
Participação Brasileira em TC e SC da ISO                                                     PARTICIPAÇÃO NOS TC         ...
Reflexões    “Países pobres diferem dos ricos na    carência de instituições para certificar    qualidade, estabelecer e a...
Participação consistente na normalização internacional  Para um ONN ser forte na  normalização internacional, é  preciso u...
Os membros da ISO                               são                       A ISO em seus países          A ABNT é a ISO no ...
OBRIGADO - THANK YOU      www.abnt.org.brQuanto mais forte for a participação destakeholders, mais fortes serão osmembros ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

O papel dos membros da ISO como parceiros locais estratégicos para fortalecer a participação de países em desenvolvimento e stakeholders - Carlos Amorim

773 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
773
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
33
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O papel dos membros da ISO como parceiros locais estratégicos para fortalecer a participação de países em desenvolvimento e stakeholders - Carlos Amorim

  1. 1. Desenvolvimento sustentável: uma perspectiva nacionalO papel dos membros da ISO como parceiros locaisestratégicos para fortalecer a participação de países em Desenvolvimento e de stakeholdersCarlos AmorimDiretor de Relações Externas da ABNT 1
  2. 2. ABNTFundada em 1940Entidade privada, sem fins lucrativos e de utilidade públicaReconhecida pelo governo brasileiro como único ForoNacional de NormalizaçãoMembro fundador da ISO, COPANT e AMN e membro da IEC Brasília Bahiadesde a criação da ABNTResponsável pela gestão do processo de elaboração de Minas GeraisNormas Brasileiras São PauloSignatária do código de boas práticas em normalização da Rio de JaneiroOMC ParanáCertificadora de produtos, sistemas e serviços Rio Grande do Sul Rio+20 Junho, 2012 2
  3. 3. Relações Internacionais da ABNT IEC COPANT ISO ABNT AMN OUTRAS ORGANIZAÇÕES ONNs INTERNACIONAISRio+20 Junho, 2012 3
  4. 4. Crescente participação da ABNT na ISO 4 4Rio+20 Junho, 2012
  5. 5. A ABNT e a ISO 9000 – Gestão da QualidadeNo início:1979 – Criação do ISO/176 – Gestão da Qualidade1990 –adoção da família ISO 9000:19871991 – criação do ABNT/CB 25 – Comitê Brasileiro da Qualidade, responsável pela articulação da participação do Brasil no ISO/TC 176Participação da ABNT: coadjuvante, sem influência nos processos decisórios.Mas evoluímos...Hoje:• tem assento permanente no CSAG – órgão superior estratégico do ISO/TC 176• tem a presidência e é secretaria do Grupo “Interpretações” do ISO/TC 176• tem a presidência do SC 1 – “Conceitos e Vocabulário”• é membro efetivo do Grupo estratégico POTG – que coordena todos os trabalhos do ISO/TC 176/SC2 “Quality Systems”• participa em nível de igualdade com os países desenvolvidosRio+20 Junho, 2012 5
  6. 6. A ABNT e a ISO 14000 – Gestão ambiental1992: Eco 92 – surge a ideia da criação de um grupo para a elaboração de normas internacionais de Gestão Ambiental1993: estabelecimento do ISO/TC 2071994: criação do Grupo de Apoio à Normalização Ambiental (ABNT/GANA), para articular a participação do Brasil no TC 207 (término em 1998)1999: criação do ABNT/CB-38 Comitê Brasileiro de Gestão Ambiental, responsável pela articulação da participação do Brasil no ISO/TC 207Participação da ABNT: ativa desde o princípio, influenciando nos processos decisórios, mas sem exercer liderança significativa.Hoje: Vice-presidência do ISO/TC 207Rio+20 Junho, 2012 6
  7. 7. A ABNT e a ISO 26000 – Responsabilidade Social2001 (Setembro): a ISO inicia discussão sobre conveniência de se envolver em RS2002: a ABNT criou o grupo tarefa sobre RS, cadastrando mais de 140 membros oriundos de empresas privadas e públicas, da sociedade civil, de universidades, de consultorias, entre outras2004: o grupo deu origem à Comissão de Estudo Especial (ABNT/CEE) responsável pela elaboração da Norma Brasileira de Responsabilidade Social, ABNT NBR 160012004: A ISO decide conferir ao Brasil e à Suécia a liderança da ISO 260002005-2010: a ABNT exerceu a liderança e articulou participação consistente do Brasil durante a elaboração da ISO 26000Participação da ABNT: proativa, exercendo liderança => suporte consistente dos stakeholders Rio+20 Junho, 2012 7
  8. 8. Tripé da sustentabilidade 9Rio+20 Junho, 2012 9
  9. 9. Um ONN ativo e influente nos trabalhos da ISO deve... Propor novos assuntos para normalização Participar ativamente da elaboração de normas internacionais Promover a implementação de normas em seu país e região Fornecer recursos humanos para: • governança da ISO (Presidente; vice-presidentes; Conselho, TMB, etc.) • o trabalho de elaboração de normas (TC, SC, WG,...) Coordenar esforços e potencializar o envolvimento e o comprometimento dos stakeholdersRio+20 Junho, 2012 10
  10. 10. ABNT na ISO Participação em AG Membro Membro Membro MembroMembro - Membro - Secretaria - Chairs Rio+20 Junho, 2012 11
  11. 11. ABNT na ISO Participação em AG Membro Membro Membro MembroMembro - Membro - Secretaria - Chairs Rio+20 Junho, 2012 12
  12. 12. Evolução do número de Secretarias de comitês da ISO sob a responsabilidade da ABNT 14 12 12 10 10 No de Secretarias 10 6 8 7 4 4 6 6 5 3 3 4 2 3 6 6 6 2 2 4 3 3 1 0 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 Twinning ABNTRio+20 Junho, 2012 13
  13. 13. Participação Brasileira em TC e SC da ISO PARTICIPAÇÃO NOS TC (Total de TC da ISO: 224) Membro O Não 36 Membro 122 ISO: 737 TC + SC P+O ABNT: 321 (43,5%) Membro P 66 PARTICIPAÇÃO NOS SC (Total de SC da ISO: 513) Não Membro O 74 Membro 294 P-Member: 211 O-Member: 110 P+ O 219 Membro P 145
  14. 14. Reflexões “Países pobres diferem dos ricos na carência de instituições para certificar qualidade, estabelecer e aplicar normas e padrões, assim como reunir e disseminar a informação necessária à realização de negócios” Banco Mundial, World Development report 1998/1999: knowledge for development. Outubro de 1998Rio+20 Junho, 2012 15
  15. 15. Participação consistente na normalização internacional Para um ONN ser forte na normalização internacional, é preciso uma infraestrutura nacional de normalização fortalecida, de forma a ampliar seu envolvimento na elaboração, adoção e implementação de normas internacionais em setores e assuntos de interesse para o paísRio+20 Junho, 2012 16
  16. 16. Os membros da ISO são A ISO em seus países A ABNT é a ISO no Brasil!Rio+20 Junho, 2012 19
  17. 17. OBRIGADO - THANK YOU www.abnt.org.brQuanto mais forte for a participação destakeholders, mais fortes serão osmembros da ISO Quanto mais fortes forem os membros da ISO, mais forte a ISO seráRio+20 Junho, 2012 20

×