TEMAS : <ul><li>Anorexia nervosa </li></ul><ul><li>Bulimia nervosa </li></ul><ul><li>Ortorexia </li></ul><ul><li>Fome e es...
ANOREXIA NERVOSA <ul><li>A anorexia é uma doença do foro psíquico, que se deve a um comportamento alimentar impróprio e qu...
ANOREXIA NERVOSA <ul><li>Grande desejo de atingir a forma física enquadrada nas “exigências actuais”, </li></ul><ul><li>A ...
ANOREXIA NERVOSA <ul><li>Perda visível de peso; </li></ul><ul><li>Dificuldade em dormir; </li></ul><ul><li>Sensação de fri...
ANOREXIA NERVOSA <ul><li>Sentir-se gorda apesar de estar excessivamente magra (distorção corporal); </li></ul><ul><li>Depr...
ANOREXIA NERVOSA <ul><li>Prática excessiva de exercício; </li></ul><ul><li>Cozinhar para terceiros e não comer; </li></ul>...
ANOREXIA NERVOSA <ul><li>Riscos para a saúde: </li></ul><ul><li>Enfraquecimento e queda de cabelo </li></ul><ul><li>Dores ...
BULIMIA NERVOSA <ul><li>A Bulimia é uma doença que consiste em episódios de ingestão compulsiva de alimentos muito calóric...
BULIMIA NERVOSA <ul><li>Angústia e o stress; </li></ul><ul><li>Falta de auto-estima; </li></ul><ul><li>Tentativa de neutra...
BULIMIA NERVOSA <ul><li>Grandes oscilações no peso; </li></ul><ul><li>Garganta irritada e glândulas inchadas como consequê...
BULIMIA NERVOSA <ul><li>Emotividade e depressão; </li></ul><ul><li>Alterações de humor; </li></ul><ul><li>Obsessão por die...
BULIMIA NERVOSA <ul><li>Obsessão por comida/Comer grandes quantidades de alimentos; </li></ul><ul><li>Indisposição depois ...
BULIMIA NERVOSA <ul><li>Os riscos para a saúde </li></ul><ul><li>Calos no nó dos dedos </li></ul><ul><li>Aumento de volume...
imagens apontadas pelas  mulheres
imagens apontadas pelos  homens
 
“  Não se empurra adolescentes para a doença. Não se aprende a deixar de comer ou a tornar-se esquizofrénica…”
<ul><li>“  Nada melhor na vida do que ser magra…” </li></ul>Angela 26 anos
<ul><li>“ No primeiro lugar  do pódio, só se vêem magras.  </li></ul><ul><li>Esta hipocrisia repugna-me!” </li></ul>Amanda...
<ul><li>“ A anorexia e bulimia são uma doença. Ser assim é viver numa prisão, em relação ao corpo e à alimentação.”  </li>...
<ul><li>“ Não é uma mania, não é uma moda, não é uma forma de negar a sua própria sexualidade, chamar a atenção ou confron...
ANOREXIA É UMA DOENÇA   <ul><li>A anorexia é uma doença e tem de ser vista como tal,não é um desejo, é apenas o refúgio de...
COMO SE VEÊM!!!
COMO SE VEÊM E COMO SÃO
ORTOREXIA <ul><li>É uma doença que resulta de uma procura obsessiva por uma alimentação saudável.  </li></ul><ul><li>A pop...
ORTOREXIA <ul><li>Obsessão pelo estado de saúde; </li></ul><ul><li>O medo de engordar. </li></ul><ul><li>As causas </li></ul>
ORTOREXIA  <ul><li>Obsessão excessiva pela qualidade dos alimentos; </li></ul><ul><li>A abstenção de alimentos gordos e co...
ORTOREXIA <ul><li>Dependência de uma alimentação que consideram saudável;  </li></ul><ul><li>A falta de nutrientes existen...
Dieta Vegetariana <ul><li>Algumas pessoas optam por uma dieta vegetariana por motivos religiosos, éticos e ambientais. Out...
Ementa Vegetariana <ul><li>Feijoada à Transmontana com soja e tofu; </li></ul><ul><li>Sopa de legumes; </li></ul><ul><li>S...
Dieta Macrobiótica <ul><li>Os macrobióticos pensam que o ideal para uma alimentação saudável é que não seja consumido nenh...
Ementa macrobiótica <ul><li>Esparguete Salteado com Orégãos; </li></ul><ul><li>Molho de Cenoura e Beterraba com  Seitan  e...
Fome e escassez no mundo <ul><li>O número de pessoas famintas no mundo aumenta a cada ano que passa. A principal causa de ...
Encontrar comida durante a escassez <ul><li>As bebidas </li></ul><ul><li>Apesar das pessoas poderem sobreviver durante lon...
Trabalho realizado por: Célia nº5 Daniela nº6 Mafalda nº13 Tiago nº27 E.B 2,3 de Rio Tinto nº 1 Ano lectivo 20082009
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Disturbios alimentares

4.230 visualizações

Publicada em

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.230
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
9
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
126
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Disturbios alimentares

  1. 2. TEMAS : <ul><li>Anorexia nervosa </li></ul><ul><li>Bulimia nervosa </li></ul><ul><li>Ortorexia </li></ul><ul><li>Fome e escassez no mundo </li></ul>
  2. 3. ANOREXIA NERVOSA <ul><li>A anorexia é uma doença do foro psíquico, que se deve a um comportamento alimentar impróprio e que conduz a uma excessiva perda de peso. </li></ul><ul><li>     A população de risco deste distúrbio alimentar são os jovens entre os 15 e os 20 anos, principalmente, do sexo feminino.     </li></ul><ul><li>  </li></ul><ul><li>        </li></ul><ul><li>O que é??? </li></ul>
  3. 4. ANOREXIA NERVOSA <ul><li>Grande desejo de atingir a forma física enquadrada nas “exigências actuais”, </li></ul><ul><li>A pressão da própria pessoa, por falta de auto-estima; </li></ul><ul><li>As críticas ao seu aspecto físico, por parte dos que a rodeiam; </li></ul><ul><li>A influência por parte dos estilistas de moda e dos fabricantes, que fazem tamanhos muito pequenos; </li></ul><ul><li>A pressão da publicidade alimentar para “aqueles” produtos que conduzem à silhueta desejada; </li></ul><ul><li>A valorização, por parte da sociedade actual, do modelo ideal de beleza, marcado pela extrema magreza. </li></ul><ul><li>As causas </li></ul>
  4. 5. ANOREXIA NERVOSA <ul><li>Perda visível de peso; </li></ul><ul><li>Dificuldade em dormir; </li></ul><ul><li>Sensação de frio constante/dificuldades circulatórias; </li></ul><ul><li>Menstruação irregular ou inexistente; </li></ul><ul><li>Perda da força muscular; </li></ul><ul><li>Dores de cabeça, tonturas e desmaios </li></ul><ul><li>Sitomas físicos </li></ul>
  5. 6. ANOREXIA NERVOSA <ul><li>Sentir-se gorda apesar de estar excessivamente magra (distorção corporal); </li></ul><ul><li>Depressão, emotividade, irritabilidade e mudanças repentinas de humor; </li></ul><ul><li>Isolamento social; </li></ul><ul><li>Interesse excessivo/obsessão por comida, calorias e receitas; </li></ul><ul><li>Dificuldade de concentração; </li></ul><ul><li>Culpa ou vergonha ao alimentar-se; </li></ul><ul><li>Desconforto visível na presença de alimentos. </li></ul><ul><li>Sintomas psicológicos </li></ul>
  6. 7. ANOREXIA NERVOSA <ul><li>Prática excessiva de exercício; </li></ul><ul><li>Cozinhar para terceiros e não comer; </li></ul><ul><li>Constantes desculpas para não comer (indisposição, refeição feita há pouco tempo, etc.); </li></ul><ul><li>Pesagens constantes; </li></ul><ul><li>Uso de roupas largas para esconder a perda de peso; </li></ul><ul><li>Hábitos alimentares estranhos (cortar a comida em pedacinhos, mordiscar os alimentos); </li></ul><ul><li>Dificuldade em alimentar-se em público; </li></ul><ul><li>Sintomas comportamentais </li></ul>
  7. 8. ANOREXIA NERVOSA <ul><li>Riscos para a saúde: </li></ul><ul><li>Enfraquecimento e queda de cabelo </li></ul><ul><li>Dores de cabeça, tonturas e desmaios </li></ul><ul><li>Desidratação </li></ul><ul><li>Infertilidade </li></ul><ul><li>Problemas circulatórios </li></ul><ul><li>Perda de massa óssea </li></ul><ul><li>Paragem cardíaca e morte </li></ul>
  8. 9. BULIMIA NERVOSA <ul><li>A Bulimia é uma doença que consiste em episódios de ingestão compulsiva de alimentos muito calóricos seguidos de atitudes inadequadas que compensam essas calorias ingeridas. A população de risco é, nomeadamente, jovens entre os 15 e os 20 anos do sexo feminino.    </li></ul><ul><li>O que é??? </li></ul>
  9. 10. BULIMIA NERVOSA <ul><li>Angústia e o stress; </li></ul><ul><li>Falta de auto-estima; </li></ul><ul><li>Tentativa de neutralizar o sofrimento, causado pela solidão; </li></ul><ul><li>Valorização do corpo magro como ideal de beleza. </li></ul><ul><li>  </li></ul><ul><li>As causas </li></ul>
  10. 11. BULIMIA NERVOSA <ul><li>Grandes oscilações no peso; </li></ul><ul><li>Garganta irritada e glândulas inchadas como consequência da provocação do vómito; </li></ul><ul><li>Fadiga; </li></ul><ul><li>Dificuldade em dormir; </li></ul><ul><li>Irregularidade menstrual; </li></ul><ul><li>Sinal de Russell (calos e feridas nas mãos); </li></ul><ul><li>Vasos sanguíneos rebentados; </li></ul><ul><li>Fraqueza muscular; </li></ul><ul><li>Problemas dentários (diminuição o esmalte/cáries). </li></ul><ul><li>Sintomas físicos </li></ul> 
  11. 12. BULIMIA NERVOSA <ul><li>Emotividade e depressão; </li></ul><ul><li>Alterações de humor; </li></ul><ul><li>Obsessão por dietas; </li></ul><ul><li>Dificuldade de controlo; </li></ul><ul><li>Auto criticismo severo; </li></ul><ul><li>Auto estima determinada pelo peso; </li></ul><ul><li>Medo de não conseguir parar de comer voluntariamente; </li></ul><ul><li>Pensamentos de auto censura depois de comer; </li></ul><ul><li>Necessidade de aprovação dos outros. </li></ul><ul><li>Sintomas psicológicos </li></ul>
  12. 13. BULIMIA NERVOSA <ul><li>Obsessão por comida/Comer grandes quantidades de alimentos; </li></ul><ul><li>Indisposição depois das refeições; </li></ul><ul><li>Comer às escondidas; </li></ul><ul><li>Abuso de laxantes, substancias para emagrecer e diuréticos; </li></ul><ul><li>Uso de clisteres; </li></ul><ul><li>Provocação de vómito (visitas à casa de banho depois das refeições); </li></ul><ul><li>Isolamento Social; </li></ul><ul><li>Exercício físico em excesso; </li></ul><ul><li>Jejum prolongados e frequentes; </li></ul><ul><li>Fuga a restaurantes, refeições planeadas e eventos sociais. </li></ul><ul><li>Sintomas comportamentais </li></ul>
  13. 14. BULIMIA NERVOSA <ul><li>Os riscos para a saúde </li></ul><ul><li>Calos no nó dos dedos </li></ul><ul><li>Aumento de volume das glândulas salivares </li></ul><ul><li>Dores de cabeça e tonturas </li></ul><ul><li>Desidratação </li></ul><ul><li>Inchaço ou dores no estômago </li></ul><ul><li>Problemas Dentários </li></ul><ul><li>Problemas renais e hepáticos </li></ul>
  14. 15. imagens apontadas pelas mulheres
  15. 16. imagens apontadas pelos homens
  16. 18. “ Não se empurra adolescentes para a doença. Não se aprende a deixar de comer ou a tornar-se esquizofrénica…”
  17. 19. <ul><li>“ Nada melhor na vida do que ser magra…” </li></ul>Angela 26 anos
  18. 20. <ul><li>“ No primeiro lugar do pódio, só se vêem magras. </li></ul><ul><li>Esta hipocrisia repugna-me!” </li></ul>Amanda 32 anos
  19. 21. <ul><li>“ A anorexia e bulimia são uma doença. Ser assim é viver numa prisão, em relação ao corpo e à alimentação.” </li></ul>
  20. 22. <ul><li>“ Não é uma mania, não é uma moda, não é uma forma de negar a sua própria sexualidade, chamar a atenção ou confrontar os pais.” </li></ul>Dulce Bouça Especialista em distúrbios alimentares
  21. 23. ANOREXIA É UMA DOENÇA <ul><li>A anorexia é uma doença e tem de ser vista como tal,não é um desejo, é apenas o refúgio de muitos jovens. </li></ul><ul><li>É uma prisão ,onde depois de entrar muito dificilmente se consegue sair. </li></ul><ul><li>“ Precisamos de ajuda, precisamos de força e não de pessoas que nos julgam loucas, obcessivas e extremamente magra. Pois esse papel já nós fazemos. </li></ul><ul><li>Sentimo-nos mal, não no entanto gostamos de ser assim...” </li></ul>
  22. 24. COMO SE VEÊM!!!
  23. 25. COMO SE VEÊM E COMO SÃO
  24. 26. ORTOREXIA <ul><li>É uma doença que resulta de uma procura obsessiva por uma alimentação saudável. </li></ul><ul><li>A população de risco da ortorexia é os naturistas, como por exemplo os vegetarianos e os macrobióticos </li></ul><ul><li>  </li></ul><ul><li>O que é??? </li></ul>
  25. 27. ORTOREXIA <ul><li>Obsessão pelo estado de saúde; </li></ul><ul><li>O medo de engordar. </li></ul><ul><li>As causas </li></ul>
  26. 28. ORTOREXIA <ul><li>Obsessão excessiva pela qualidade dos alimentos; </li></ul><ul><li>A abstenção de alimentos gordos e com açúcar; </li></ul><ul><li>  A preocupação exagerada com a confecção, a composição, a origem e a comercialização dos alimentos; </li></ul><ul><li>A leitura minuciosa dos rótulos dos alimentos; </li></ul><ul><li>A desconfiança dos restaurantes, cozinhando só para si. </li></ul><ul><li>Sintomas comportamentais </li></ul>
  27. 29. ORTOREXIA <ul><li>Dependência de uma alimentação que consideram saudável; </li></ul><ul><li>A falta de nutrientes existentes nos alimentos que não consomem, logo, mais susceptíveis a doenças, como a anemia e avitaminose; </li></ul><ul><li>O afastamento dos familiares. </li></ul>
  28. 30. Dieta Vegetariana <ul><li>Algumas pessoas optam por uma dieta vegetariana por motivos religiosos, éticos e ambientais. Outras mudam para uma dieta baseada em vegetais por motivos de saúde. Geralmente, uma dieta vegetariana contém menos gordura total, menos gordura saturada e menos colesterol, incluindo mais fibra dietética. Além disso, os vegetarianos têm menos incidência de alguns tipos de cancro, doenças cardiovasculares, pressão arterial alta e diabete de tipo 2. </li></ul>
  29. 31. Ementa Vegetariana <ul><li>Feijoada à Transmontana com soja e tofu; </li></ul><ul><li>Sopa de legumes; </li></ul><ul><li>Salada de abacate e cebola; </li></ul><ul><li>Pudim de leite de soja e baunilha. </li></ul>
  30. 32. Dieta Macrobiótica <ul><li>Os macrobióticos pensam que o ideal para uma alimentação saudável é que não seja consumido nenhum produto animal, porém muitos especialistas desta dieta recomendam que tal seja adoptada gradualmente, comendo cada vez menos alimentos de origem animal até que o corpo não tenha mais necessidade deles. Farinha refinada, açúcar, lacticínios e carne de vertebrados são vistos como os mais nocivos, enquanto peixe é considerado aceitável se o corpo pedir por ele. Além de frutas naturais, o único adoçante usado na comida macrobiótica é xarope de malte de cevada. </li></ul>
  31. 33. Ementa macrobiótica <ul><li>Esparguete Salteado com Orégãos; </li></ul><ul><li>Molho de Cenoura e Beterraba com Seitan e Tempura de Alga Nori; </li></ul><ul><li>Sopa de feijão Azuki; </li></ul><ul><li>Torta de maçã; </li></ul>
  32. 34. Fome e escassez no mundo <ul><li>O número de pessoas famintas no mundo aumenta a cada ano que passa. A principal causa de fome e a pobreza; em países onde as famílias tem dinheiro para adquirir comida, por norma conseguem comprar o suficiente para comer, mesmo quando os alimentos são escassos. Existe uma enorme diferença entre a quantidade de alimentos consumidos nos países ricos, ( onde as pessoas consomem ate 40% mais calorias do que necessitam). </li></ul><ul><li>A organização mundial de saúde calcula que cada pessoa precisa de cerca de 2500 calorias diárias para satisfazer as suas necessidades básicas. </li></ul>
  33. 35. Encontrar comida durante a escassez <ul><li>As bebidas </li></ul><ul><li>Apesar das pessoas poderem sobreviver durante longos períodos sem comida, não e possível que tal aconteça no caso da agua, o máximo de tempo e de cerca de 2 a 3 dias. </li></ul>Mapa da fome no Mundo
  34. 36. Trabalho realizado por: Célia nº5 Daniela nº6 Mafalda nº13 Tiago nº27 E.B 2,3 de Rio Tinto nº 1 Ano lectivo 20082009

×