II Guerra Mundial      Campos de ConcentraçãoCampos deconcentração                           1
Índice                           2Noção                            3;4Momento de chegada aos campos…5;6;7;8Durante a estad...
Campos de concentração (estas instalaçõeseram assim chamadas porque nelas os prisioneirosficavam fisicamente "concentrados...
Campos de concentração na           AlemanhaDurante a segunda guerra mundial outros paísesconstruíram campos de concentraç...
Ao chegarem aos campos de concentração ostratados de ‘raças impuras’ eram examinados por médicosdas SS (Secção Segurança),...
ExperiênciasMédicas nosCampos deConcentração   6
As crianças de curta idade eram sempre mandadaspara a morte, visto que não podiam trabalhar. Comfrequência as mulheres ten...
As mulheres eram transportadas em comboios, edepois empilhadas em camiões, quando lá chegavameram obrigadas a despir-se em...
Mesmo depois de já terem ido para as câmaraseram queimados em fornos crematórios.      Os cheiros insuportáveis dos cadáve...
Fornos crematórios                     10
Ruth Webber1935, Ostrowiec, PolóniaDescreve uma punição brutal no campo de concentração em Ostrowiec.Eu vi muitas pessoas ...
Martin Spett1928, Tarnow, PolóniaDescreve o massacre dos judeus de Tarnow.Durante a noite, ouvíamos o barulho das filas de...
Cova para enterro dos                Carroças com os mortoscadáveres                        Dormitório                    ...
Segunda Guerra Mundial -http://pt.wikipedia.org/wiki/Segunda_Guerra_Mundial#Campos_de_concentra.C3.A7.C3.A3o_e_trabalho_es...
Ana Rita nº2Emilie Ramos nº6Helena Torres nº8Tânia Novo nº21                    15
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Ii guerra mundial

1.533 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.533
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
84
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ii guerra mundial

  1. 1. II Guerra Mundial Campos de ConcentraçãoCampos deconcentração 1
  2. 2. Índice 2Noção 3;4Momento de chegada aos campos…5;6;7;8Durante a estadia…9;10Testemunhos11;12Imagens13Webgrafia 14 2
  3. 3. Campos de concentração (estas instalaçõeseram assim chamadas porque nelas os prisioneirosficavam fisicamente "concentrados") é o nome dadoaos grandes espaços, para onde os nazistasenviavam os seus considerados ‘inimigos’, desdejudeus, aciganos, homossexuais, comunistas, Testemunhas deJeová, pessoas com dificuldades motoras…todosaqueles que eram considerados de raça impura pelosnazistas. Foram tratados desumanamente e mortosnos chamados ‘campos de extermínio’, tambémconhecidos por ‘campos de morte’. 3
  4. 4. Campos de concentração na AlemanhaDurante a segunda guerra mundial outros paísesconstruíram campos de concentração para que aspessoas permanecessem isoladas, nenhum deles 4comparável aos campos nazistas.
  5. 5. Ao chegarem aos campos de concentração ostratados de ‘raças impuras’ eram examinados por médicosdas SS (Secção Segurança), com o objetivo de saber seestavam aptos para trabalhar, principalmente na indústriade armamento, aqueles que não estavam eramdiretamente enviados para as câmaras de gás. Também láestavam para fazerem experiências médicas. Chegada em massa 5
  6. 6. ExperiênciasMédicas nosCampos deConcentração 6
  7. 7. As crianças de curta idade eram sempre mandadaspara a morte, visto que não podiam trabalhar. Comfrequência as mulheres tentavam ocultar os seus filhos sobas roupas mas, quando eram descobertas, mandavam-naspara as câmaras. Crianças com os uniformes Mãe a tentar ocultar o filho 7
  8. 8. As mulheres eram transportadas em comboios, edepois empilhadas em camiões, quando lá chegavameram obrigadas a despir-se em frente a jovens nazistas.Depois iam tomavam banho (achando que não iria serágua a cair mas sim gás) e vestiam os uniformes listrados.Mulheres no Campo de Chegada de mulheres eConcentração crianças 8
  9. 9. Mesmo depois de já terem ido para as câmaraseram queimados em fornos crematórios. Os cheiros insuportáveis dos cadáveres invadiamtoda a região, por isso não conseguiam mantersegredo, como o desejavam. As pessoas perdiam os nomes e ganhavamnúmeros como forma de identificação e eramescravizadas. Muitas pessoas morriam com doenças efome. 9
  10. 10. Fornos crematórios 10
  11. 11. Ruth Webber1935, Ostrowiec, PolóniaDescreve uma punição brutal no campo de concentração em Ostrowiec.Eu vi muitas pessoas mortas bem perto de onde eu estava, em todos os lugares, eacho que quando alguém vê assim tantas pessoas, acaba por não sentir umimpacto tão grande. Mas uma vez, em Ostrowiec Lager (campo deconcentração), eu estava no balneário externo, que ficava no canto de uma áreagrande no centro do campo, e todos os alojamentos ficavam ao redor, na maioriadas vezes, dos dois lados, e o balneário externo ficava no canto. Entrei no balneárioexterno e, de repente, houve uma agitação e todos os prisioneiros foramempurrados de volta para os seus alojamentos, porque era para lá que eles tinhamque ir, mas eu fiquei presa no balneário. Bem, eu subi para a sanita e olhei pelajanela pequena que ficava em cima. O que aconteceu foi que algumas pessoastinham tentado escapar e foram apanhadas. Acho que eles estavam feridos, tirosestavam sempre a ser disparados. Os nazistas escolheram quatro prisioneiros paracavar covas do lado de fora da cerca de arame farpado do campo de concentração.Os alemães trouxeram aquelas pessoas que haviam tentado escapar e que estavambaleadas, mas elas não estavam mortas. Os soldados fizeram os outros judeusenterrarem aquelas pessoas, que ainda não estavam mortas, e elas imploravampara não serem enterradas vivas, e pediam que os matassem antes de enterrá-las.Mas os alemães não tiveram pena, enterraram-nas vivas. E os judeus tinham que 11fazer aquilo, senão eles mesmos seriam mortos. Aquela foi uma experiência
  12. 12. Martin Spett1928, Tarnow, PolóniaDescreve o massacre dos judeus de Tarnow.Durante a noite, ouvíamos o barulho das filas de judeus a andarsobre os soldados alemães. Isto acontecia com frequência, pois elespassavam junto à nossa casa que estava situada na saída dacidade, junto ao cemitério, e os alemães obrigavam-os marchar emdireção à floresta, por trás da cidade. E, como descobrimos maistarde, eles, eram mortos a tiro. Durante o dia, eu olhava por entre astelhas. O meu pai dizia-me para eu não olhar, mas eu era umacriança curiosa. O telhado tinha vista para o cemitério e ascarroças, com os cadáveres, chegavam. Os nazistas traziam gruposde judeus que eram obrigados a cavar as covas para os mortos, eem seguida eles eram assassinados a tiros e empurrados paradentro daquelas covas por outros grupos de judeus que chegavam eque também eram mortos e atirados para as valas. Depois, elesmetiam cal por cima dos corpos e o próximo grupo cobria aquelascovas e cavava outras. Eles traziam mulheres grávidas, e eles nãousavam balas, eles usavam baionetas (armas que perfuravam). Osgritos das mães que viam os seus filhos a serem arrancados dosseus braços, os bebês gritavam, ainda hoje ouço aqueles gritos. 12
  13. 13. Cova para enterro dos Carroças com os mortoscadáveres Dormitório 13
  14. 14. Segunda Guerra Mundial -http://pt.wikipedia.org/wiki/Segunda_Guerra_Mundial#Campos_de_concentra.C3.A7.C3.A3o_e_trabalho_escravo – 31/01/2013Campo de concentração –http://pt.wikipedia.org/wiki/Campo_de_concentra%C3%A7%C3%A3o -31/01/2013Campo de extermínio –http://pt.wikipedia.org/wiki/Campo_de_exterm%C3%ADnio - 31/01/2013http://www.infoescola.com/historia/campos-de-concentracao-nazistas/ -31/01/2013Enciclopédia do Holocausto-http://www.ushmm.org/wlc/ptbr/article.php?ModuleId=10005144 – 14/02/2013Campos Nazistas- Testemunhos-http://www.ushmm.org/wlc/ptbr/media_oi.php?ModuleId=10005144&MediaId=417– 18/03/2013http://www.ushmm.org/wlc/ptbr/media_oi.php?MediaId=399 – 18/03/2013 14
  15. 15. Ana Rita nº2Emilie Ramos nº6Helena Torres nº8Tânia Novo nº21 15

×