Tudo sobre os pneus

981 visualizações

Publicada em

Os pneus são os únicos componentes de um carro que estão em contacto com o solo. Em termos de segurança são um elemento importantíssimo ao qual se deve dar a devida atenção. Esta apresentação dá a conhecer toda a informação importante que o condutor precisa de saber sobre os pneus.

Publicada em: Indústria automotiva
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
981
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
94
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Tudo sobre os pneus

  1. 1. Tudo o que querias saber sobre os pneus E MUITO MAIS… www.tuningonline.pt
  2. 2. Os pneus 1. Os pneus são os únicos componentes de um carro que estão em contacto com o solo. 2. Em termos de segurança são um elemento importantíssimo ao qual se deve dar a devida atenção. 3. A verificação da profundidade do piso, de desgastes anormais e da pressão são alguns dos cuidados a ter periodicamente. www.tuningonline.pt
  3. 3. origem do pneu 1843: Charles Goodyear patenteia o processo de vulcanização da borracha, que a deixa mais estável e resistente a mudanças de temperatura. No seu laboratório, por descuido, deixou cair enxofre em borracha que estava em alta temperatura. Goodyear percebeu que essa mistura manteve as propriedades mais valiosas da borracha: a resistência e a elasticidade. 1846: Robert William Thomson inventa o pneumático, mas logo abandona a ideia em favor de tiras de borracha maciça em torno das rodas. 1888: John Dunlop põe um tubo de ar na roda de um triciclo e dá força ao conceito do pneu, que se torna padrão a partir de 1895, quando a Michelin começa sua produção para carros. 1904: Goodyear e Firestone lançam o pneu diagonal, reforçado por faixas de algodão sobrepostas. 1910: A BFGoodrich adiciona fuligem à borracha dos pneus, aumentando sua vida útil. É a fuligem que dá a cor negra típica. 1947: Surge o primeiro veículo vendido com pneus runflat, o Mini 1275 GT, equipado com o Dunlop Total Mobility Tyre. www.tuningonline.pt
  4. 4. Anatomia de um pneu Um pneu é composto de muitos elementos e compostos. Revestimento de borracha interior A carcaça Banda de rolamento Etc www.tuningonline.pt
  5. 5. Marcas laterais Inclui ainda informação sobre: data de fabrico, Indicador de desgaste, Indice de carga, composição, tipo de pneu, Construtor, informação de segurança, data de validade e muito mais… www.tuningonline.pt
  6. 6. Índice de velocidade Nem todos os pneus servem para andar a 240km/h! Todos os pneus têm uma letra que indicam a velocidade máxima para que o pneu foi desenvolvido. www.tuningonline.pt
  7. 7. Índice de carga Todos os pneus têm uma indicação do índice de carga, que corresponde ao peso máximo suportado sobre cada pneu. www.tuningonline.pt
  8. 8. Pressão dos pneus Os pneus suportam o peso do veículo, certo? bem, na realidade é a pressão do ar dentro dos pneus que suportam esse peso! Rodar com a pressão correta em todos os pneus é, por isso, muito importante. Se a pressão não for idêntica em pneus do mesmo eixo pode levar a um comportamento anormal do carro. A pressão dos pneus deve ser sempre verificada com os pneus frios, caso contrário, o calor do ar no interior pode levar a uma indicação errada. A pressão dos pneus pode ser ajustada para modificar o comportamento do carro tornando-o mais sub-virador ou sobre-virador. www.tuningonline.pt
  9. 9. Calibragem dos pneus O pneu corretamente equilibrado é aquele em que as massas estão distribuídas uniformemente sobre o eixo de rotação, ou ainda, o centro de gravidade está posicionado no centro de rotação. Um pneu bem equilibrado pode ser a diferença entre uma condução confortável ou não. Um pneu mal equilibrado causa vibrações desnecessárias que diminuem a vida útil dos pneus e de outros componentes da suspensão. Se existir uma vibração no volante dependente da velocidade, que se pode notar a partir dos 80km/h, pode ser devido a um pneu mal equilibrado ou mesmo ao facto de não ser completamente redondo devido a uma travagem brusca ou a buracos na estrada. www.tuningonline.pt
  10. 10. Não esquecer que… Pneus de automóveis, carrinhas e camiões têm de ter pelo menos uma margem de 1,6 mm nos 3/4 centrais à volta de toda a superfície; Os pneus utilizados têm de corresponder ao automóvel em tamanho e especificação. A pressão dos pneus deve estar sempre nos limites previstos pelo produtor dos pneus ou pelo fabricante do automóvel; Pneus de tipos diferentes não devem ser montados juntos. Montar sempre só os pneus do mesmo tipo e com as mesmas dimensões; O pneu não deve ter nenhum dano ou corte que chegue até as cordas; Os pneus não devem ter bolhas ou ruturas provocadas pela degradação da estrutura nem devem estar expostas partes da corda ou dos cabos. www.tuningonline.pt
  11. 11. Etiqueta dos pneus Quem sabe comprar eletrodomésticos, agora também pode comprar pneus de forma fácil… Desde Novembro de 2012, todos os pneus novos apresentam um autocolante com a etiqueta dos pneus da EU (Regulamento 1222/2009 da Comissão Europeia). A etiqueta dos pneus foi criada com o objectivo de ajudar os consumidores a comprar pneus mais seguros e mais amigos do ambiente. www.tuningonline.pt
  12. 12. Pneus e a inspeção Periódica obrigatória Para sua segurança recordamos as normas que deve respeitar quando mudar os pneus do seu veículo: 1. A profundidade da banda de rolamento dos pneus deve ser no mínimo de 1,6 mm em toda a superfície: verifique regularmente os testemunhos de desgaste da banda de rolamento. 2. Os pneus devem ter as medidas indicadas no Livrete do veículo. 3. Os pneus devem ser iguais em cada eixo: isto é, da mesma marca e medida, assim como do mesmo código de velocidade e índice de carga. 4. Controle regularmente os pneus do seu veículo e comprove se estão em bom estado, sem bolhas nem deformações. 5. 63% dos veículos não estão em condições para conduzir devido a um desgaste excessivo dos pneus ou a problemas de pressão. 6. Recomendamos que mantenha os pneus em bom estado para uma condução segura, pois estes são o único ponto de apoio do veículo à estrada. www.tuningonline.pt
  13. 13. Pneus chineses Há riscos em se poupar num equipamento tão fundamental para a segurança dos automóveis. Os resultados dos testes demonstram que as características de manuseamento dos pneus chineses ficam muito atrás dos equipamentos produzidos na Europa: “Para além disso, em piso molhado, os resultados foram desastrosos” www.tuningonline.pt
  14. 14. Pneus usados Existe um risco associado à aquisição de pneus usados, especialmente os que têm um passado desconhecido ou duvidoso. Os pneus usados podem ter sido expostos a utilizações, manutenções e armazenamento impróprios, podendo estar danificados ao ponto de os tornar inutilizáveis. Além dos danos visíveis (desgaste irregular, deformações devidas a impactos, furos e perfurações, etc.), o maior perigo reside nos danos imperceptíveis aos nossos olhos e que apenas poderão ser identificados através de uma avaliação realizada por um técnico especializado. Mas se a vossa mulher insiste em fazer do carro um todo-o-terreno, a subir passeios e danificar jantes, então podem ser uma excelente opção! www.tuningonline.pt
  15. 15. Melhorar as performances Quando se pretende fazer alterações ao conjunto jante + pneu normalmente opta-se por uma operação plus 1 ou plus 2, o que significa aumentar o diâmetro da jante em 1 ou 2 polegadas e consequentemente diminuir a altura do pneu, mantendo o diâmetro original (+-2%) As larguras dos pneus usados neste caso são maiores o que traz vantagens em termos de tracção, distâncias de travagem e aderência, mas por outro lado a maior largura pode significar uma maior aptidão para o aquaplanning. www.tuningonline.pt
  16. 16. Como trocar um pneu? 1º Passo – Coloque o seu automóvel numa zona plana e com travão de mão. 2º Passo – Reúna as ferramentas necessárias para efetuar a troca da roda, procure a chave de porcas ou de cruz, o macaco, e obviamente a roda sobresselente. 3º Passo -Tire o tampão e desenrosque ligeiramente as porcas do pneu 4º Passo – Em seguida coloque o macaco na zona indicada pelo fabricante 5º Passo – Retire o respetivo pneu furado com as duas mãos e coloque o sobresselente. 6º Passo – Com o pneu sobresselente já metido no eixo do automóvel, coloque a primeira porca, e em seguida coloque a segunda na diagonal desta ou seja numa padrão de aperto em estrela. 7º Passo – Coloque o tampão se necessário, guarde o material necessário e o respectivo equipamento de segurança. www.tuningonline.pt
  17. 17. Pneus do futuro A Goodyear está a apresentar dois protótipos de pneus que respondem aos desafios do futuro ao nível de mobilidade. O primeiro destes dois protótipos pretende oferecer uma solução para impulsionar os veículos do futuro, enquanto que o segundo se centra em oferecer um novo nível de versatilidade, adaptando-se às mudanças das condições de condução e melhorar assim o rendimento. www.tuningonline.pt
  18. 18. Curiosidades – maior pneu O pneu Goodyear RM-4A+ com a medida 59/80R63 é tão alto como um elefante e o seu peso é quase o mesmo. Este enorme pneu é equipado em jantes de 63 polegadas, tem um total de 4,023 metros de diâmetro e é um metro mais alto que um cesto de basquetebol. Os seus 5.400 kg contam com tecnologias avançadas que lhe permite carregar com um peso de 100.000 kg a velocidades até 50 km/h. www.tuningonline.pt
  19. 19. Curiosidades – pneus de baixo perfil A Kuhmo apresentou agora aquele que é o pneu de mais baixo perfil até ao momento – 15. Ou seja a altura do pneu é 15% da largura. Estes novos pneus, 385/15ZR22 ECSTA SPT KU31 estão disponíveis de momento para carros como o Ferrari F430, Dodge Viper, Corvette Z06 www.tuningonline.pt
  20. 20. Curiosidades – pneus sem ar Tweel é o pneu sem ar que está a ser desenvolvido pela Michelin. Chamá-lo de pneu sem ar é inclusive um paradoxo, afinal, se não ter ar, não pode ser pneumático! A palavra Tweel tem origem em duas palavras em inglês: tire (pneu) e wheel (roda). www.tuningonline.pt
  21. 21. Curiosidades – pneus de cor Marangoni tem desenvolvido pneus coloridos. Geralmente é de cor negra devido ao fato de, durante o fabrico serem adicionados componentes com carvão à borracha (fuligem). Sem esse elemento, os pneus se desgastariam muito rapidamente. www.tuningonline.pt
  22. 22. Curiosidades – burn out Ação de por os pneus de um dos eixos a rodar com o carro parado, fazendo aquecer os pneus. Com os pneus quentes o carro tem mais tração. Serve também para remover qualquer resíduo dos pneus. Durante um burnout de uma prova de aceleração (drag racing) os pneus podem atingir mais de 200ºC de temperatura. www.tuningonline.pt
  23. 23. Curiosidades – arte de borracha… www.tuningonline.pt
  24. 24. Curiosidades – arte de borracha… www.tuningonline.pt
  25. 25. Curiosidades – e ainda… Sabia que ao rodar um pneu aumenta de tamanho? Em movimento, o ar pressiona a parte interna do pneu, em especial o centro da banda de rodagem. Quanto mais rápido o pneu gira, maior ele fica. Mas você nunca verá esse aumento a olho nu. O máximo que se tolera, dentro dos padrões internacionais, é uma expansão de 2%. Um pneu é feito com 15 a 20 tipos de borracha, pois cada tipo tem uma função. Os compostos são criados em separado e depois agrupados, cada um na parte que lhe cabe (banda, lateral, interior etc.), e são vulcanizados juntos, formando a estrutura única que você vê na loja. Atualmente, a maioria dos pneus não é feita com borracha natural. Eles são quase inteiramente produzidos a partir do petróleo. O pneu de um carro de passageiros leva em sua produção cerca de 25 litros de petróleo. www.tuningonline.pt
  26. 26. Mais informação em www.tuningonline.pt www.tuningonline.pt

×