FORMAÇÃO DE MONITORES<br />APRESENTAÇÃO DAS DIRETRIZES DA FORMAÇÃO<br />
FORMAÇÃO DE MONITORES<br />O Curso de Formação de Monitores do Telecentros.BR é o primeiro projeto da Rede Nacional de For...
FORMAÇÃO DE MONITORES<br />Estão previstas algumas atividades presenciais, de caráter vivencial e prático. A carga horária...
FORMAÇÃO DE MONITORES<br />Em todas as regiões do país serão organizadas turmas de cursistas que iniciarão as atividades e...
FORMAÇÃO DE MONITORES<br />Desenvolvimento de competências individuais:<br /><ul><li>QUE CADA MONITOR TENHA DOMÍNIO TÉCNIC...
FORMAÇÃO DE MONITORES<br />O FOCO NÃO É TRANSMITIR CONHECIMENTOS, MAS FAVORECER O PROCESSO INTERATIVO E COLABORATIVO DE EN...
FORMAÇÃO DE MONITORES<br />ESTRATÉGIA ADOTADA PARA INCENTIVAR ESTE MOVIMENTO EM TORNO DA APRENDIZAGEM:<br /><ul><li> JOGO-...
 META DO JOGO: DESENVOLVER UM PROJETO QUE ENVOLVA A COMUNIDADE DO TELECENTRO ONDE ELE ATUA – PROJETO COMUNITÁRIO
ONDE ENCONTRAR INFORMAÇÕES QUE O AJUDARÃO A DESENVOLVER O PROJETO:
10 ZONAS DE CONHECIMENTO
 COMPARTILHAMENTO NAS REDES SOCIAIS (EXERCÍCIO DA AUTONOMIA)</li></li></ul><li>FORMAÇÃO DE MONITORES<br />ZONAS DE CONHECI...
Inclusão digital – aborda a história e as diferentes experiências da inclusão digital e questões como lixo eletrônico, met...
Programa Telecentros.Br – mostra a história do programa, como ele funciona, o lugar e a importância do monitor nessa polít...
Registro – apresenta técnicas e a importância de registrar os trabalhos e aprendizados para permitir a troca de experiênci...
Telecentros - apresenta e discute as diversas possibilidades de usos de telecentros, os diferentes espaços físicos, acessi...
Comunidade – aborda os conceitos de comunidade, técnicas para conhecimento e envolvimento da comunidade visando a apropria...
Técnica – apresenta técnicas para instalação e manutenção básica da infraestrutura técnica do telecentro; o uso e desenvol...
Rede - mostra a dimensão do trabalho e as possibilidades de atuação e organização em rede, incluindo o acesso a serviços p...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Formação de monitores do Polo Nordeste

1.073 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.073
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
14
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Formação de monitores do Polo Nordeste

  1. 1. FORMAÇÃO DE MONITORES<br />APRESENTAÇÃO DAS DIRETRIZES DA FORMAÇÃO<br />
  2. 2. FORMAÇÃO DE MONITORES<br />O Curso de Formação de Monitores do Telecentros.BR é o primeiro projeto da Rede Nacional de Formação para Inclusão Digital. <br />Visa a formação, ao longo de 2011, de aproximadamente 16 mil monitores dos telecentros apoiados pelo Programa Telecentros.BR por meio de um curso de qualificação básica de doze meses de duração. <br />
  3. 3. FORMAÇÃO DE MONITORES<br />Estão previstas algumas atividades presenciais, de caráter vivencial e prático. A carga horária total é de 480 horas distribuídas em doze meses de atividades. O cursista dedicará aproximadamente 10 horas semanais para a formação ao longo de um ano.<br />
  4. 4. FORMAÇÃO DE MONITORES<br />Em todas as regiões do país serão organizadas turmas de cursistas que iniciarão as atividades em diferentes períodos, de acordo com o calendário de concessão de bolsas para os monitores do Programa Telecentros.BR. <br />Cada turma terá aproximadamente 30 cursistas e será acompanhada por um tutor. A turma concluirá o curso após doze meses do início das atividades. Os monitores cursistas participantes de todas as fases da formação receberão certificado de conclusão do curso.<br />
  5. 5. FORMAÇÃO DE MONITORES<br />Desenvolvimento de competências individuais:<br /><ul><li>QUE CADA MONITOR TENHA DOMÍNIO TÉCNICO E INSTRUMENTAL DAS FERRAMENTAS RELACIONADAS ÀS TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO, NO ESCOPO DESTA FORMAÇÃO;</li></ul>• QUE CADA MONITOR ATUE DE FORMA SOLIDÁRIA, COOPERATIVA E INTERATIVA COM OS SEUS COLEGAS DE FORMAÇÃO E DE TRABALHO;<br />• QUE CADA MONITOR TENHA CONDIÇÕES DE SE RECONHECER E DE ATUAR COMO AGENTE DE TRANSFORMAÇÃO SOCIAL NA COMUNIDADE ONDE ESTÁ INSERIDO.<br />
  6. 6. FORMAÇÃO DE MONITORES<br />O FOCO NÃO É TRANSMITIR CONHECIMENTOS, MAS FAVORECER O PROCESSO INTERATIVO E COLABORATIVO DE ENSINO E DE APRENDIZAGEM <br />PAPEL DO TUTOR (FUNDAMENTAL PARA A ATIVAÇÃO DE REDE):<br />OLÁ GALERA,<br />“Em nossa reunião do  norte, disse que ser tutor é o mesmo que ‘tu-tá’, ou seja, você estar.Estar , logado, online , presente, atuante , na ativa, postando e comentando,apoiando, em fim, ser o companheiro que acompanha e cresce junto. Ser tutor é permitir que líderes em potencial possam surgir ,é  dar suporte aos mesmos, na medida do possível, para seu crescimento pessoal, coletivo e na rede que se está construindo. ser tutor é ser amigo, mesmo que oculto, pras horas de alegria e difíceis no ofício dito para monitor.ser tutor é ser ‘tu-tá’ ".<br />DJ MAC<br />
  7. 7. FORMAÇÃO DE MONITORES<br />ESTRATÉGIA ADOTADA PARA INCENTIVAR ESTE MOVIMENTO EM TORNO DA APRENDIZAGEM:<br /><ul><li> JOGO-DESAFIO
  8. 8. META DO JOGO: DESENVOLVER UM PROJETO QUE ENVOLVA A COMUNIDADE DO TELECENTRO ONDE ELE ATUA – PROJETO COMUNITÁRIO
  9. 9. ONDE ENCONTRAR INFORMAÇÕES QUE O AJUDARÃO A DESENVOLVER O PROJETO:
  10. 10. 10 ZONAS DE CONHECIMENTO
  11. 11. COMPARTILHAMENTO NAS REDES SOCIAIS (EXERCÍCIO DA AUTONOMIA)</li></li></ul><li>FORMAÇÃO DE MONITORES<br />ZONAS DE CONHECIMENTO:<br /><ul><li> Básico – porta de entrada no curso-jogo: Promove a apresentação e ambientação do monitor no curso, partindo do contexto do Programa Telecentros.BR, da história do próprio monitor e de seu lugar.
  12. 12. Inclusão digital – aborda a história e as diferentes experiências da inclusão digital e questões como lixo eletrônico, metareciclagem e ética hacker.
  13. 13. Programa Telecentros.Br – mostra a história do programa, como ele funciona, o lugar e a importância do monitor nessa política pública de inclusão digital.
  14. 14. Registro – apresenta técnicas e a importância de registrar os trabalhos e aprendizados para permitir a troca de experiências com outros telecentros e com outras comunidade.</li></li></ul><li>FORMAÇÃO DE MONITORES<br /><ul><li>Comunicação comunitária - estimula a a leitura crítica dos meios de comunicação e produção coletiva de comunicação.
  15. 15. Telecentros - apresenta e discute as diversas possibilidades de usos de telecentros, os diferentes espaços físicos, acessibilidade e o cotidiano de gestão do telecentro.
  16. 16. Comunidade – aborda os conceitos de comunidade, técnicas para conhecimento e envolvimento da comunidade visando a apropriação comunitária no telecentro.
  17. 17. Técnica – apresenta técnicas para instalação e manutenção básica da infraestrutura técnica do telecentro; o uso e desenvolvimento de softwares livres e um banco de soluções para situações que fazem parte do cotidiano de um telecentro.
  18. 18. Rede - mostra a dimensão do trabalho e as possibilidades de atuação e organização em rede, incluindo o acesso a serviços públicos e interação com o poder público.</li></ul>Monitor – discute o papel do monitor no telecentro, suas possibilidades e perspectivas de atuação.<br />
  19. 19. FORMAÇÃO DE MONITORES<br />  <br />CONTRIBUIÇÃO DAS INICIATIVAS<br />
  20. 20. FORMAÇÃO DE MONITORES<br />  <br /><ul><li>Como as iniciativas estão informando ou pretendem informar os monitores sobre a formação? </li></li></ul><li>FORMAÇÃO DE MONITORES<br />  <br /><ul><li>Como estão se organizando para acompanhar a formação dos bolsistas?</li></li></ul><li>FORMAÇÃO DE MONITORES<br />  <br /><ul><li>Como estão se organizando para ajudar a garantir que o monitor tenha suas 2 (duas) horas livre para formação no Telecentro?</li></li></ul><li>FORMAÇÃO DE MONITORES<br />  <br /><ul><li>Como podemos fortalecer esse processo (Polo Nordeste e Nacional)?</li></li></ul><li>FORMAÇÃO DE MONITORES<br />  <br /><ul><li>Viabilização de local e estrutura da formação presencial de monitores</li></li></ul><li>FORMAÇÃO DE MONITORES<br />  <br /><ul><li>Dúvidas gerais</li></li></ul><li>MONITORES PRIMEIRA ETAPA<br />
  21. 21. MONITORES PRIMEIRA ETAPA<br />

×