SlideShare uma empresa Scribd logo
Introdução Um Método O que é o
Pecado?
Consequências
do Pecado
Quem é
Deus?
1 e 2
Que é o
Homem?
1 e 2
Salvação
Plena
Eternidade e a
Nova Terra
Perdição
Eterna
1 e 2
Salvação em
Cristo
1 e 2
A Boa nova
1 e 2
O Milênio e o
Juízo final
Visão Geral do Conteúdo do Curso
O Plano de salvação em 17 unidades de estudo
O que Deus Revela?
Diz Jesus:
“Conhecereis a verdade e a
verdade vós libertará.....”
João 8:32
Liberta da mentira, do “pai da mentira”, da ignorância, das
crenças e crendices, das tradições e principalmente da tentação,
do pecado, da condenação, da morte, do medo, e etc.
Qual o significado
da palavra “Bíblia” ?
• Vem do grego : Biblos e Biblon. Que designam
uma folha de papiro e um rolo pequeno.
• “Bíblia” é plural: Significa: "Os livros" ou
"Coleção de livros“ (Assim como Biblioteca)
• Uma coleção de livros, considerados
Sagrados, encadernados em um só volume.
Conhecidos também como as Sagradas Escrituras.
“Muitos Livros” num só “Livro” ou volume.
E há versões da Bíblia que, constam com mais 7 livros chamados
apócrifos* e alguns capítulos a mais em alguns livros do Velho
Testamento.
Livros de história, considerados não inspirados por causa das
contradições grosseiras com aqueles considerados canônicos*.
Nota: Os não canônicos são: Tobias; Judite; Sabedoria de Salomão;
Eclesiástico; Baruque; 1Macabeus; 2Macabeus e algumas passagens de
Ester e Daniel.
* Não Canônicos: O termo grego “Cânon” é de origem hebraica, “ganeh”, significa regra, régua
para medir, varinha ou cana direita. Canônicos, na prática, são os livros que ao serem
“medidos” cumprem com certos requisitos, que os aprovam como verdadeiramente
inspirados.
A ESCRITA QUE ERA MANUAL, UTILIZAVA
INÚMEROS MATERIAIS… pedra, argila, madeira ,
papiros, pergaminhos etc.
Características da escrita da época:
Os manuscritos bíblicos utilizaram:
• PAPÍROS: Os papiros eram confeccionados com
fibras de um vegetal muito comum no oriente, o Papiro.
PERGAMINHOS: Fabricados com
couros bovinos, ovinos ou caprinos
tratados com produtos químicos
como cal, que por serem começados
a usar em Pérgamo, cidade da
Ásia, recebem este nome.
A exceção dos 10 mandamentos. Sim, os dez mandamentos foram
escritos em pedra, em duas tábuas de pedra pelo próprio dedo de Deus...
Estes eram guardados em forma de rolos¹
ou de códices² com uma encadernação à
semelhança da atual. Geralmente
guardados em vasos de barro queimados.³
1
2 3
Veja mais: http://historiadabiblia.blogspot.com.br/2008/02/os-manuscritos-do-mar-morto.html
Nota: Será muito importante ter em conta estas dicas durante o curso, pois
estamos acostumados ás versões em português.
O Hebraico e o Aramaico
Idioma e dialeto do povo Judeu ou Israelita.
O Grego
Idioma oficial do Império romano.
1 • Velho testamento
2 • Novo testamento
Traduzido geralmente para: “No princípio criou Deus o céus e a terra”
Leitura aproximada do v.1:
Gênesis 1:1 e 2
A título de exemplo, um texto em hebraico, você pode ler isto?
A título de exemplo, um texto em grego, você pode ler isto?
Leitura e tradução
aproximada:
João 1:1
A Bíblia foi traduzida, ao
longo dos séculos, em mais
de 2.400 línguas e idiomas
diferentes, incluindo a língua
portuguesa.
Algumas traduções mais usadas ou consultadas
VARA - Versão João Ferreira de Almeida Revista e
Atualizada - Português
ARC - Versão de João Ferreira de Almeida Revista e
corrigida - PortuguêsVMS - Versão Padre Matos Soares - PortuguêsBJ - Versão Bíblia de Jerusalém – Português ou
EspanholNVI - Nova Versão Internacional - PortuguêsVNM - Versão Novo Mundo - Português ou espanholVRV - Versión Reina e Valera - EspanholKJV - King James Version - InglêsBLH – Biblia na Linguagem de HojeHá infinidade de outras traduções e versões
Qual é a história
mais importante
da Bíblia?
Em forma geral, qual o tema principal?
Quais são os nomes dos livros, primeiro e último, da Bíblia?
Temos uma línea do tempo
O Princípio O Fim
Neste sentido
A Cruz
Sobre a Hª. Principal? Podemos resumir assim:
“A história da humanidade e o seu relacionamento com Deus”
Vamos conhecer e entender a Bíblia, a
revelação, percorrendo a história, afinal
nós fazemos parte da humanidade!
É o método histórico, que fará parte
do método adotado neste curso.
O Princípio O FimA Cruz
O Princípio - Referência: Livro do Gênesis, cap. 1 a 3
Temos o Princípio...
• Do universo
• Dos seres vivos
• Da raça humana
• Da tentação
• Do pecado
• Da morte
• Do Evangelho
• Da salvação
Mensagem: O fracasso do
homem e a salvação do
homem dependem do
princípio.
O Centro. Referências: Os Evangelhos e outros livros do VT e NT
O centro...
• Do plano da salvação
• Jesus Cristo é o centro do evangelho,
é “a BOA NOVA”
Mensagem: A Vitória
sobre o pecado
depende do centro da
história.
O Princípio O FimA Cruz
No fim ...
• Apresentação do Cristo em glória.
• A vitória plena em Jesus Cristo.
• Um resumo da história e o Fim da história do pecado.
• A culminação do Plano da Salvação.
O Fim. Referências: Livro do Apocalipse e Outros. Ex. Apoc.1:1
Mensagem: A
humanidade, em Cristo,
será gloriosamente
triunfante.
O Princípio O FimA Cruz
A visão profética da história sempre está vinculada ao Messias Hebr.
> “O Ungido” ou “O Escolhido”; em grego “O Cristo”.
DA CRIAÇÃO DO PECADO A CRUZ O FIM A
ETERNIDADE
A grosso modo podemos dividir o tempo da revelação assim:
O Princípio - Os primeiros tempos - VT - Cruz - Os últimos tempos - NT - O fim - Etern.
Tempo do princípio | Tempo de Israel | A Cruz | O tempo da Igreja | O milênio | A eternidade
Lembre a história se desenvolve neste sentido:
Lembre a história se desenvolve neste sentido:
Uma Visão Geral da História Bíblia:
1 - Vemos como age o pecado no mundo:
A história do pecado
2 - Vemos como age Deus, em favor do homem frente o pecado:
P C F ET.
Nota: Isto ficará bem claro ao estudar de forma ordenada.
É a Historia da redenção
Veja esse texto:
Deut. 29:29
“As cousas encobertas pertencem ao Senhor,
porém as reveladas nos pertencem, a
nós e aos nossos filhos, para sempre...”
Isto é: Se foi revelado é necessário conhecer.
João 17:17
Gên. 1:1
Heb. 1:1
II Ped. 1: 19 a 21
Heb. 1:2
João 5:39
Apoc. 1:1
Diz Jesus: “...a tua palavra é a verdade”
Deus inicia a história, Ele é antes, é o Eterno.
Os profetas: São os escritores, instrumentos de Deus.
A maior revelação de Deus é o Filho. E as Escrituras dão
testemunho Dele.
- O Filho também revela após à Ascenção. Assim revelou a João:
“Revelação de Jesus Cristo ...”
Concluímos:
• Deus não se revelou de uma só
vez.
• Ele o faz no decorrer da história.
• Assim: inicia com Moisés, passando pelos
profetas............., chegando até O Filho.
• Jesus usava esse método. Confira
exemplo: Luc. 24:25 a 27
v. 27 – “E começando por Moisés, discorrendo
por todos os profetas, expunha-lhes o que a
Seu respeito constava em todas as Escrituras”
Concluímos:
Lucas 24:27 – “E começando por Moisés,
discorrendo por todos os profetas, expunha-
lhes o que a Seu respeito constava em
todas as Escrituras”
O Messias
em Moisés
Pentateuco
O Messias
Nos profetas
VT
Jesus mesmo,
o Messias
Hebreus 1:1 e 2
1 2 3
Apóstolos e discípulos
só registram
• Você teve a oportunidade de apreciar uma
apresentação bastante resumida da Palavra
de Deus, uma visão geral. Esperamos que o
seu interesse tenha despertado para o
estudo minucioso, nas próximas unidades.
• Afinal O Senhor Jesus disse:
"Examinais as Escrituras, porque vós cuidais ter nelas a
Vida eterna, e são elas que de mim testificam"
João 5:39 V. ARC
“Descobrindo um método para
estudar a Bíblia.”
Próxima Aula:
Aguardamos você e os amigos que
você vai convidar.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Unidade 9 - O Principio do Evangelho
Unidade 9 -  O Principio do EvangelhoUnidade 9 -  O Principio do Evangelho
Unidade 9 - O Principio do Evangelho
Ramón Zazatt
 
Unidade 13 - O Plano da Salvação 3 - Salvação Plena
Unidade 13  - O Plano da Salvação 3 - Salvação PlenaUnidade 13  - O Plano da Salvação 3 - Salvação Plena
Unidade 13 - O Plano da Salvação 3 - Salvação Plena
Ramón Zazatt
 
Unidade 11 - Descobrindo o Plano de Salvação - Aspecto 1
Unidade 11 - Descobrindo o Plano de Salvação - Aspecto 1Unidade 11 - Descobrindo o Plano de Salvação - Aspecto 1
Unidade 11 - Descobrindo o Plano de Salvação - Aspecto 1
Ramón Zazatt
 
Unidade 15 - O fim das Nações
Unidade 15 -  O fim das NaçõesUnidade 15 -  O fim das Nações
Unidade 15 - O fim das Nações
Ramón Zazatt
 
UII - 5 Principios Biblicos 2009
UII - 5 Principios Biblicos 2009UII - 5 Principios Biblicos 2009
UII - 5 Principios Biblicos 2009
Ramón Zazatt
 
Apologética
ApologéticaApologética
Apocalipse aula 01
Apocalipse   aula 01Apocalipse   aula 01
Apocalipse aula 01
Geversom Sousa
 
Unidade 8 - A Dura Realidade da Morte
Unidade 8 - A Dura Realidade da MorteUnidade 8 - A Dura Realidade da Morte
Unidade 8 - A Dura Realidade da Morte
Ramón Zazatt
 
Lição 16 - Os cinco últimos assuntos da revelação biblica
Lição 16 - Os cinco últimos assuntos da revelação biblicaLição 16 - Os cinco últimos assuntos da revelação biblica
Lição 16 - Os cinco últimos assuntos da revelação biblica
Sergio Silva
 
A pessoa de jesus no antigo testamento cpad
A pessoa de jesus no antigo testamento   cpadA pessoa de jesus no antigo testamento   cpad
A pessoa de jesus no antigo testamento cpad
CassiusDanilo
 
Lição 1 - A Carta aos Hebreus e a Excelência de Cristo
Lição 1 - A Carta aos Hebreus e a Excelência de CristoLição 1 - A Carta aos Hebreus e a Excelência de Cristo
Lição 1 - A Carta aos Hebreus e a Excelência de Cristo
Éder Tomé
 
Apocalipse Capitulo 1
Apocalipse Capitulo 1Apocalipse Capitulo 1
Apocalipse Capitulo 1
Marcelo Girsas
 
Jesus o Filho Literal de Deus antes da Eternidade
Jesus o Filho Literal de Deus antes da EternidadeJesus o Filho Literal de Deus antes da Eternidade
Jesus o Filho Literal de Deus antes da Eternidade
ASD Remanescentes
 
U.XII - Salvação em Cristo - Parte II
U.XII - Salvação em Cristo - Parte IIU.XII - Salvação em Cristo - Parte II
U.XII - Salvação em Cristo - Parte II
Ramón Zazatt
 
Unidade 14 - O Grande e Terrível Dia do Senhor
Unidade 14 - O Grande e Terrível Dia do SenhorUnidade 14 - O Grande e Terrível Dia do Senhor
Unidade 14 - O Grande e Terrível Dia do Senhor
Ramón Zazatt
 
Resolução Bíblica 1:1: a porção dos desígnios de Deus para a nossa vida
Resolução Bíblica 1:1: a porção dos desígnios de Deus para a nossa vidaResolução Bíblica 1:1: a porção dos desígnios de Deus para a nossa vida
Resolução Bíblica 1:1: a porção dos desígnios de Deus para a nossa vida
I. A. B. Quissindo
 
Estudos biblicos discipulado
Estudos biblicos discipuladoEstudos biblicos discipulado
Estudos biblicos discipulado
Andeson123
 
Apocalipse aula 20-08-2016
Apocalipse   aula 20-08-2016 Apocalipse   aula 20-08-2016
Apocalipse aula 20-08-2016
Daniel de Carvalho Luz
 
U.XI - Salvação em Cristo - Parte I
U.XI - Salvação em Cristo - Parte IU.XI - Salvação em Cristo - Parte I
U.XI - Salvação em Cristo - Parte I
Ramón Zazatt
 
Jesus criado ou gerado
Jesus criado ou geradoJesus criado ou gerado
Jesus criado ou gerado
ASD Remanescentes
 

Mais procurados (20)

Unidade 9 - O Principio do Evangelho
Unidade 9 -  O Principio do EvangelhoUnidade 9 -  O Principio do Evangelho
Unidade 9 - O Principio do Evangelho
 
Unidade 13 - O Plano da Salvação 3 - Salvação Plena
Unidade 13  - O Plano da Salvação 3 - Salvação PlenaUnidade 13  - O Plano da Salvação 3 - Salvação Plena
Unidade 13 - O Plano da Salvação 3 - Salvação Plena
 
Unidade 11 - Descobrindo o Plano de Salvação - Aspecto 1
Unidade 11 - Descobrindo o Plano de Salvação - Aspecto 1Unidade 11 - Descobrindo o Plano de Salvação - Aspecto 1
Unidade 11 - Descobrindo o Plano de Salvação - Aspecto 1
 
Unidade 15 - O fim das Nações
Unidade 15 -  O fim das NaçõesUnidade 15 -  O fim das Nações
Unidade 15 - O fim das Nações
 
UII - 5 Principios Biblicos 2009
UII - 5 Principios Biblicos 2009UII - 5 Principios Biblicos 2009
UII - 5 Principios Biblicos 2009
 
Apologética
ApologéticaApologética
Apologética
 
Apocalipse aula 01
Apocalipse   aula 01Apocalipse   aula 01
Apocalipse aula 01
 
Unidade 8 - A Dura Realidade da Morte
Unidade 8 - A Dura Realidade da MorteUnidade 8 - A Dura Realidade da Morte
Unidade 8 - A Dura Realidade da Morte
 
Lição 16 - Os cinco últimos assuntos da revelação biblica
Lição 16 - Os cinco últimos assuntos da revelação biblicaLição 16 - Os cinco últimos assuntos da revelação biblica
Lição 16 - Os cinco últimos assuntos da revelação biblica
 
A pessoa de jesus no antigo testamento cpad
A pessoa de jesus no antigo testamento   cpadA pessoa de jesus no antigo testamento   cpad
A pessoa de jesus no antigo testamento cpad
 
Lição 1 - A Carta aos Hebreus e a Excelência de Cristo
Lição 1 - A Carta aos Hebreus e a Excelência de CristoLição 1 - A Carta aos Hebreus e a Excelência de Cristo
Lição 1 - A Carta aos Hebreus e a Excelência de Cristo
 
Apocalipse Capitulo 1
Apocalipse Capitulo 1Apocalipse Capitulo 1
Apocalipse Capitulo 1
 
Jesus o Filho Literal de Deus antes da Eternidade
Jesus o Filho Literal de Deus antes da EternidadeJesus o Filho Literal de Deus antes da Eternidade
Jesus o Filho Literal de Deus antes da Eternidade
 
U.XII - Salvação em Cristo - Parte II
U.XII - Salvação em Cristo - Parte IIU.XII - Salvação em Cristo - Parte II
U.XII - Salvação em Cristo - Parte II
 
Unidade 14 - O Grande e Terrível Dia do Senhor
Unidade 14 - O Grande e Terrível Dia do SenhorUnidade 14 - O Grande e Terrível Dia do Senhor
Unidade 14 - O Grande e Terrível Dia do Senhor
 
Resolução Bíblica 1:1: a porção dos desígnios de Deus para a nossa vida
Resolução Bíblica 1:1: a porção dos desígnios de Deus para a nossa vidaResolução Bíblica 1:1: a porção dos desígnios de Deus para a nossa vida
Resolução Bíblica 1:1: a porção dos desígnios de Deus para a nossa vida
 
Estudos biblicos discipulado
Estudos biblicos discipuladoEstudos biblicos discipulado
Estudos biblicos discipulado
 
Apocalipse aula 20-08-2016
Apocalipse   aula 20-08-2016 Apocalipse   aula 20-08-2016
Apocalipse aula 20-08-2016
 
U.XI - Salvação em Cristo - Parte I
U.XI - Salvação em Cristo - Parte IU.XI - Salvação em Cristo - Parte I
U.XI - Salvação em Cristo - Parte I
 
Jesus criado ou gerado
Jesus criado ou geradoJesus criado ou gerado
Jesus criado ou gerado
 

Semelhante a Unidade 1 - Descobrindo a Bíblia- Introdução - versão 2018

Trabalho De Religiao
Trabalho De ReligiaoTrabalho De Religiao
Trabalho De Religiao
rafaeliXbonatto
 
Lição 1 e 2 _ Edilson.pdf
Lição 1 e 2 _ Edilson.pdfLição 1 e 2 _ Edilson.pdf
Lição 1 e 2 _ Edilson.pdf
EdilsonJanuariodeSou
 
Um guia de estudo do livro de gênesis
Um guia de estudo do livro de gênesisUm guia de estudo do livro de gênesis
Um guia de estudo do livro de gênesis
Isabel Medeiros
 
Um guia de estudo do livro de gênesis
Um guia de estudo do livro de gênesisUm guia de estudo do livro de gênesis
Um guia de estudo do livro de gênesis
KalianyFran
 
Apostila de Introdução ao Antigo Testamento
Apostila de Introdução ao Antigo TestamentoApostila de Introdução ao Antigo Testamento
Apostila de Introdução ao Antigo Testamento
Viva a Igreja
 
Edoc.site pentateuco apostila
Edoc.site pentateuco apostilaEdoc.site pentateuco apostila
Edoc.site pentateuco apostila
Shirley Militão
 
4º trimestre 2015 adolescentes lição 01
4º trimestre 2015 adolescentes lição 014º trimestre 2015 adolescentes lição 01
4º trimestre 2015 adolescentes lição 01
Joel de Oliveira
 
4º trimestre 2015 adolescentes lição 01
4º trimestre 2015 adolescentes lição 014º trimestre 2015 adolescentes lição 01
4º trimestre 2015 adolescentes lição 01
Joel Silva
 
1 - BIBLIOLOGIA.doc
1 -  BIBLIOLOGIA.doc1 -  BIBLIOLOGIA.doc
1 - BIBLIOLOGIA.doc
HumanizaTeologia
 
Deus se comunica com os homens
Deus se comunica com os homensDeus se comunica com os homens
Deus se comunica com os homens
Carlalopessl
 
aula bibliologia.pptx
aula bibliologia.pptxaula bibliologia.pptx
aula bibliologia.pptx
MissoBetel
 
8° Aula Dos Evangelhos - Da aula 1 até a 8
8° Aula Dos Evangelhos - Da aula 1 até a 88° Aula Dos Evangelhos - Da aula 1 até a 8
8° Aula Dos Evangelhos - Da aula 1 até a 8
Jefferson Evangelista
 
7º aula dos evangelhos
7º aula dos evangelhos7º aula dos evangelhos
7º aula dos evangelhos
Jefferson Evangelista
 
Slides panorama do velho testamento 2
Slides   panorama do velho testamento 2Slides   panorama do velho testamento 2
Slides panorama do velho testamento 2
Rosana Eugenio Dos Santos
 
T100 revisão provatrimestre1_25.02.13
T100 revisão provatrimestre1_25.02.13T100 revisão provatrimestre1_25.02.13
T100 revisão provatrimestre1_25.02.13
GersonPrates
 
4º Aula - EVANGELHOS
4º Aula - EVANGELHOS4º Aula - EVANGELHOS
4º Aula - EVANGELHOS
Jefferson Evangelista
 
Trabalho Religião
Trabalho ReligiãoTrabalho Religião
Trabalho Religião
ArthureDigo
 
Apocalipse
ApocalipseApocalipse
Bibliologia - Introdução - Aula 01
Bibliologia - Introdução - Aula 01Bibliologia - Introdução - Aula 01
Bibliologia - Introdução - Aula 01
Erivelton Rodrigues Nunes
 
1º aula de os evangelhos
1º aula de os evangelhos1º aula de os evangelhos
1º aula de os evangelhos
Jefferson Evangelista
 

Semelhante a Unidade 1 - Descobrindo a Bíblia- Introdução - versão 2018 (20)

Trabalho De Religiao
Trabalho De ReligiaoTrabalho De Religiao
Trabalho De Religiao
 
Lição 1 e 2 _ Edilson.pdf
Lição 1 e 2 _ Edilson.pdfLição 1 e 2 _ Edilson.pdf
Lição 1 e 2 _ Edilson.pdf
 
Um guia de estudo do livro de gênesis
Um guia de estudo do livro de gênesisUm guia de estudo do livro de gênesis
Um guia de estudo do livro de gênesis
 
Um guia de estudo do livro de gênesis
Um guia de estudo do livro de gênesisUm guia de estudo do livro de gênesis
Um guia de estudo do livro de gênesis
 
Apostila de Introdução ao Antigo Testamento
Apostila de Introdução ao Antigo TestamentoApostila de Introdução ao Antigo Testamento
Apostila de Introdução ao Antigo Testamento
 
Edoc.site pentateuco apostila
Edoc.site pentateuco apostilaEdoc.site pentateuco apostila
Edoc.site pentateuco apostila
 
4º trimestre 2015 adolescentes lição 01
4º trimestre 2015 adolescentes lição 014º trimestre 2015 adolescentes lição 01
4º trimestre 2015 adolescentes lição 01
 
4º trimestre 2015 adolescentes lição 01
4º trimestre 2015 adolescentes lição 014º trimestre 2015 adolescentes lição 01
4º trimestre 2015 adolescentes lição 01
 
1 - BIBLIOLOGIA.doc
1 -  BIBLIOLOGIA.doc1 -  BIBLIOLOGIA.doc
1 - BIBLIOLOGIA.doc
 
Deus se comunica com os homens
Deus se comunica com os homensDeus se comunica com os homens
Deus se comunica com os homens
 
aula bibliologia.pptx
aula bibliologia.pptxaula bibliologia.pptx
aula bibliologia.pptx
 
8° Aula Dos Evangelhos - Da aula 1 até a 8
8° Aula Dos Evangelhos - Da aula 1 até a 88° Aula Dos Evangelhos - Da aula 1 até a 8
8° Aula Dos Evangelhos - Da aula 1 até a 8
 
7º aula dos evangelhos
7º aula dos evangelhos7º aula dos evangelhos
7º aula dos evangelhos
 
Slides panorama do velho testamento 2
Slides   panorama do velho testamento 2Slides   panorama do velho testamento 2
Slides panorama do velho testamento 2
 
T100 revisão provatrimestre1_25.02.13
T100 revisão provatrimestre1_25.02.13T100 revisão provatrimestre1_25.02.13
T100 revisão provatrimestre1_25.02.13
 
4º Aula - EVANGELHOS
4º Aula - EVANGELHOS4º Aula - EVANGELHOS
4º Aula - EVANGELHOS
 
Trabalho Religião
Trabalho ReligiãoTrabalho Religião
Trabalho Religião
 
Apocalipse
ApocalipseApocalipse
Apocalipse
 
Bibliologia - Introdução - Aula 01
Bibliologia - Introdução - Aula 01Bibliologia - Introdução - Aula 01
Bibliologia - Introdução - Aula 01
 
1º aula de os evangelhos
1º aula de os evangelhos1º aula de os evangelhos
1º aula de os evangelhos
 

Mais de Ramón Zazatt

Bem-aventurados os Mansos e os Humildes
Bem-aventurados os Mansos e os HumildesBem-aventurados os Mansos e os Humildes
Bem-aventurados os Mansos e os Humildes
Ramón Zazatt
 
Viver para glória de Deus
Viver para glória de DeusViver para glória de Deus
Viver para glória de Deus
Ramón Zazatt
 
A caminho de Emaús
A caminho de EmaúsA caminho de Emaús
A caminho de Emaús
Ramón Zazatt
 
Intercessão dos pais pelos filhos e filhos pelos pais.
Intercessão dos pais pelos filhos e filhos pelos pais.Intercessão dos pais pelos filhos e filhos pelos pais.
Intercessão dos pais pelos filhos e filhos pelos pais.
Ramón Zazatt
 
"Ao vencedor... lhe darei uma pedrinha branca"
"Ao vencedor... lhe darei uma pedrinha branca""Ao vencedor... lhe darei uma pedrinha branca"
"Ao vencedor... lhe darei uma pedrinha branca"
Ramón Zazatt
 
"Descendo à casa do oleiro"
"Descendo à casa do oleiro""Descendo à casa do oleiro"
"Descendo à casa do oleiro"
Ramón Zazatt
 
"Lança o teu pão sobre as águas..."
"Lança o teu pão sobre as águas...""Lança o teu pão sobre as águas..."
"Lança o teu pão sobre as águas..."
Ramón Zazatt
 
Um espelho chamado cristão.
Um espelho chamado cristão.Um espelho chamado cristão.
Um espelho chamado cristão.
Ramón Zazatt
 
Uma Visão do Discipulado Cristão - Parte 3
Uma Visão do Discipulado Cristão - Parte 3Uma Visão do Discipulado Cristão - Parte 3
Uma Visão do Discipulado Cristão - Parte 3
Ramón Zazatt
 
Uma Visão do Discipulado Cristão - Parte 2
Uma Visão do Discipulado Cristão - Parte 2Uma Visão do Discipulado Cristão - Parte 2
Uma Visão do Discipulado Cristão - Parte 2
Ramón Zazatt
 
Uma Visão do Discipulado Cristão - Parte 1
Uma Visão do Discipulado Cristão - Parte 1Uma Visão do Discipulado Cristão - Parte 1
Uma Visão do Discipulado Cristão - Parte 1
Ramón Zazatt
 
Vasos ou cacos?
Vasos ou cacos?Vasos ou cacos?
Vasos ou cacos?
Ramón Zazatt
 
Tomate, molho e a saúde
Tomate, molho e a saúdeTomate, molho e a saúde
Tomate, molho e a saúde
Ramón Zazatt
 
Não deixe apagar o fogo
Não deixe apagar o fogoNão deixe apagar o fogo
Não deixe apagar o fogo
Ramón Zazatt
 
Milagre no casamento
Milagre no casamentoMilagre no casamento
Milagre no casamento
Ramón Zazatt
 
A figueira sem fruto
A figueira sem frutoA figueira sem fruto
A figueira sem fruto
Ramón Zazatt
 

Mais de Ramón Zazatt (16)

Bem-aventurados os Mansos e os Humildes
Bem-aventurados os Mansos e os HumildesBem-aventurados os Mansos e os Humildes
Bem-aventurados os Mansos e os Humildes
 
Viver para glória de Deus
Viver para glória de DeusViver para glória de Deus
Viver para glória de Deus
 
A caminho de Emaús
A caminho de EmaúsA caminho de Emaús
A caminho de Emaús
 
Intercessão dos pais pelos filhos e filhos pelos pais.
Intercessão dos pais pelos filhos e filhos pelos pais.Intercessão dos pais pelos filhos e filhos pelos pais.
Intercessão dos pais pelos filhos e filhos pelos pais.
 
"Ao vencedor... lhe darei uma pedrinha branca"
"Ao vencedor... lhe darei uma pedrinha branca""Ao vencedor... lhe darei uma pedrinha branca"
"Ao vencedor... lhe darei uma pedrinha branca"
 
"Descendo à casa do oleiro"
"Descendo à casa do oleiro""Descendo à casa do oleiro"
"Descendo à casa do oleiro"
 
"Lança o teu pão sobre as águas..."
"Lança o teu pão sobre as águas...""Lança o teu pão sobre as águas..."
"Lança o teu pão sobre as águas..."
 
Um espelho chamado cristão.
Um espelho chamado cristão.Um espelho chamado cristão.
Um espelho chamado cristão.
 
Uma Visão do Discipulado Cristão - Parte 3
Uma Visão do Discipulado Cristão - Parte 3Uma Visão do Discipulado Cristão - Parte 3
Uma Visão do Discipulado Cristão - Parte 3
 
Uma Visão do Discipulado Cristão - Parte 2
Uma Visão do Discipulado Cristão - Parte 2Uma Visão do Discipulado Cristão - Parte 2
Uma Visão do Discipulado Cristão - Parte 2
 
Uma Visão do Discipulado Cristão - Parte 1
Uma Visão do Discipulado Cristão - Parte 1Uma Visão do Discipulado Cristão - Parte 1
Uma Visão do Discipulado Cristão - Parte 1
 
Vasos ou cacos?
Vasos ou cacos?Vasos ou cacos?
Vasos ou cacos?
 
Tomate, molho e a saúde
Tomate, molho e a saúdeTomate, molho e a saúde
Tomate, molho e a saúde
 
Não deixe apagar o fogo
Não deixe apagar o fogoNão deixe apagar o fogo
Não deixe apagar o fogo
 
Milagre no casamento
Milagre no casamentoMilagre no casamento
Milagre no casamento
 
A figueira sem fruto
A figueira sem frutoA figueira sem fruto
A figueira sem fruto
 

Último

Aula02_Métodos de Interpretacao Bíblica_Prof. Gerson Willy.pdf
Aula02_Métodos de Interpretacao Bíblica_Prof. Gerson Willy.pdfAula02_Métodos de Interpretacao Bíblica_Prof. Gerson Willy.pdf
Aula02_Métodos de Interpretacao Bíblica_Prof. Gerson Willy.pdf
SrgioLinsPessoa
 
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptxLição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Celso Napoleon
 
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdfO-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
WELITONNOGUEIRA3
 
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
ESCRIBA DE CRISTO
 
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdfPROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
Nelson Pereira
 
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimentoHabacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
ayronleonardo
 
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptxLição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Celso Napoleon
 
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxasMalleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Lourhana
 
PEDRO NUNCA FOI PAPA [COM COMENTÁRIOS]
PEDRO NUNCA FOI PAPA   [COM COMENTÁRIOS]PEDRO NUNCA FOI PAPA   [COM COMENTÁRIOS]
PEDRO NUNCA FOI PAPA [COM COMENTÁRIOS]
ESCRIBA DE CRISTO
 
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução AnimicaEscola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
AlessandroSanches8
 
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptxLição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Celso Napoleon
 
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptxBíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Igreja Jesus é o Verbo
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Nilson Almeida
 
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
ESCRIBA DE CRISTO
 
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOSDIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
ESCRIBA DE CRISTO
 
Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024
Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024
Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024
HerverthRibeiro1
 
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino FinalTornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
André Ricardo Marcondes
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Nilson Almeida
 

Último (18)

Aula02_Métodos de Interpretacao Bíblica_Prof. Gerson Willy.pdf
Aula02_Métodos de Interpretacao Bíblica_Prof. Gerson Willy.pdfAula02_Métodos de Interpretacao Bíblica_Prof. Gerson Willy.pdf
Aula02_Métodos de Interpretacao Bíblica_Prof. Gerson Willy.pdf
 
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptxLição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
 
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdfO-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
 
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
 
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdfPROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
 
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimentoHabacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
 
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptxLição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
 
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxasMalleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
 
PEDRO NUNCA FOI PAPA [COM COMENTÁRIOS]
PEDRO NUNCA FOI PAPA   [COM COMENTÁRIOS]PEDRO NUNCA FOI PAPA   [COM COMENTÁRIOS]
PEDRO NUNCA FOI PAPA [COM COMENTÁRIOS]
 
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução AnimicaEscola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
 
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptxLição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
 
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptxBíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
 
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
 
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOSDIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
 
Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024
Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024
Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024
 
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino FinalTornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
 

Unidade 1 - Descobrindo a Bíblia- Introdução - versão 2018

  • 1.
  • 2. Introdução Um Método O que é o Pecado? Consequências do Pecado Quem é Deus? 1 e 2 Que é o Homem? 1 e 2 Salvação Plena Eternidade e a Nova Terra Perdição Eterna 1 e 2 Salvação em Cristo 1 e 2 A Boa nova 1 e 2 O Milênio e o Juízo final Visão Geral do Conteúdo do Curso O Plano de salvação em 17 unidades de estudo O que Deus Revela?
  • 3. Diz Jesus: “Conhecereis a verdade e a verdade vós libertará.....” João 8:32 Liberta da mentira, do “pai da mentira”, da ignorância, das crenças e crendices, das tradições e principalmente da tentação, do pecado, da condenação, da morte, do medo, e etc.
  • 4. Qual o significado da palavra “Bíblia” ?
  • 5. • Vem do grego : Biblos e Biblon. Que designam uma folha de papiro e um rolo pequeno. • “Bíblia” é plural: Significa: "Os livros" ou "Coleção de livros“ (Assim como Biblioteca) • Uma coleção de livros, considerados Sagrados, encadernados em um só volume. Conhecidos também como as Sagradas Escrituras.
  • 6. “Muitos Livros” num só “Livro” ou volume.
  • 7. E há versões da Bíblia que, constam com mais 7 livros chamados apócrifos* e alguns capítulos a mais em alguns livros do Velho Testamento. Livros de história, considerados não inspirados por causa das contradições grosseiras com aqueles considerados canônicos*. Nota: Os não canônicos são: Tobias; Judite; Sabedoria de Salomão; Eclesiástico; Baruque; 1Macabeus; 2Macabeus e algumas passagens de Ester e Daniel. * Não Canônicos: O termo grego “Cânon” é de origem hebraica, “ganeh”, significa regra, régua para medir, varinha ou cana direita. Canônicos, na prática, são os livros que ao serem “medidos” cumprem com certos requisitos, que os aprovam como verdadeiramente inspirados.
  • 8. A ESCRITA QUE ERA MANUAL, UTILIZAVA INÚMEROS MATERIAIS… pedra, argila, madeira , papiros, pergaminhos etc. Características da escrita da época:
  • 9. Os manuscritos bíblicos utilizaram: • PAPÍROS: Os papiros eram confeccionados com fibras de um vegetal muito comum no oriente, o Papiro. PERGAMINHOS: Fabricados com couros bovinos, ovinos ou caprinos tratados com produtos químicos como cal, que por serem começados a usar em Pérgamo, cidade da Ásia, recebem este nome. A exceção dos 10 mandamentos. Sim, os dez mandamentos foram escritos em pedra, em duas tábuas de pedra pelo próprio dedo de Deus...
  • 10. Estes eram guardados em forma de rolos¹ ou de códices² com uma encadernação à semelhança da atual. Geralmente guardados em vasos de barro queimados.³ 1 2 3
  • 12. Nota: Será muito importante ter em conta estas dicas durante o curso, pois estamos acostumados ás versões em português. O Hebraico e o Aramaico Idioma e dialeto do povo Judeu ou Israelita. O Grego Idioma oficial do Império romano. 1 • Velho testamento 2 • Novo testamento
  • 13. Traduzido geralmente para: “No princípio criou Deus o céus e a terra” Leitura aproximada do v.1: Gênesis 1:1 e 2 A título de exemplo, um texto em hebraico, você pode ler isto?
  • 14. A título de exemplo, um texto em grego, você pode ler isto? Leitura e tradução aproximada: João 1:1
  • 15. A Bíblia foi traduzida, ao longo dos séculos, em mais de 2.400 línguas e idiomas diferentes, incluindo a língua portuguesa. Algumas traduções mais usadas ou consultadas VARA - Versão João Ferreira de Almeida Revista e Atualizada - Português ARC - Versão de João Ferreira de Almeida Revista e corrigida - PortuguêsVMS - Versão Padre Matos Soares - PortuguêsBJ - Versão Bíblia de Jerusalém – Português ou EspanholNVI - Nova Versão Internacional - PortuguêsVNM - Versão Novo Mundo - Português ou espanholVRV - Versión Reina e Valera - EspanholKJV - King James Version - InglêsBLH – Biblia na Linguagem de HojeHá infinidade de outras traduções e versões
  • 16. Qual é a história mais importante da Bíblia? Em forma geral, qual o tema principal?
  • 17. Quais são os nomes dos livros, primeiro e último, da Bíblia? Temos uma línea do tempo O Princípio O Fim Neste sentido A Cruz Sobre a Hª. Principal? Podemos resumir assim: “A história da humanidade e o seu relacionamento com Deus”
  • 18. Vamos conhecer e entender a Bíblia, a revelação, percorrendo a história, afinal nós fazemos parte da humanidade! É o método histórico, que fará parte do método adotado neste curso.
  • 19. O Princípio O FimA Cruz O Princípio - Referência: Livro do Gênesis, cap. 1 a 3 Temos o Princípio... • Do universo • Dos seres vivos • Da raça humana • Da tentação • Do pecado • Da morte • Do Evangelho • Da salvação Mensagem: O fracasso do homem e a salvação do homem dependem do princípio.
  • 20. O Centro. Referências: Os Evangelhos e outros livros do VT e NT O centro... • Do plano da salvação • Jesus Cristo é o centro do evangelho, é “a BOA NOVA” Mensagem: A Vitória sobre o pecado depende do centro da história. O Princípio O FimA Cruz
  • 21. No fim ... • Apresentação do Cristo em glória. • A vitória plena em Jesus Cristo. • Um resumo da história e o Fim da história do pecado. • A culminação do Plano da Salvação. O Fim. Referências: Livro do Apocalipse e Outros. Ex. Apoc.1:1 Mensagem: A humanidade, em Cristo, será gloriosamente triunfante. O Princípio O FimA Cruz
  • 22. A visão profética da história sempre está vinculada ao Messias Hebr. > “O Ungido” ou “O Escolhido”; em grego “O Cristo”. DA CRIAÇÃO DO PECADO A CRUZ O FIM A ETERNIDADE A grosso modo podemos dividir o tempo da revelação assim: O Princípio - Os primeiros tempos - VT - Cruz - Os últimos tempos - NT - O fim - Etern. Tempo do princípio | Tempo de Israel | A Cruz | O tempo da Igreja | O milênio | A eternidade Lembre a história se desenvolve neste sentido:
  • 23. Lembre a história se desenvolve neste sentido: Uma Visão Geral da História Bíblia: 1 - Vemos como age o pecado no mundo: A história do pecado 2 - Vemos como age Deus, em favor do homem frente o pecado: P C F ET. Nota: Isto ficará bem claro ao estudar de forma ordenada. É a Historia da redenção
  • 24. Veja esse texto: Deut. 29:29 “As cousas encobertas pertencem ao Senhor, porém as reveladas nos pertencem, a nós e aos nossos filhos, para sempre...” Isto é: Se foi revelado é necessário conhecer.
  • 25. João 17:17 Gên. 1:1 Heb. 1:1 II Ped. 1: 19 a 21 Heb. 1:2 João 5:39 Apoc. 1:1 Diz Jesus: “...a tua palavra é a verdade” Deus inicia a história, Ele é antes, é o Eterno. Os profetas: São os escritores, instrumentos de Deus. A maior revelação de Deus é o Filho. E as Escrituras dão testemunho Dele. - O Filho também revela após à Ascenção. Assim revelou a João: “Revelação de Jesus Cristo ...”
  • 26. Concluímos: • Deus não se revelou de uma só vez. • Ele o faz no decorrer da história. • Assim: inicia com Moisés, passando pelos profetas............., chegando até O Filho.
  • 27. • Jesus usava esse método. Confira exemplo: Luc. 24:25 a 27 v. 27 – “E começando por Moisés, discorrendo por todos os profetas, expunha-lhes o que a Seu respeito constava em todas as Escrituras” Concluímos:
  • 28. Lucas 24:27 – “E começando por Moisés, discorrendo por todos os profetas, expunha- lhes o que a Seu respeito constava em todas as Escrituras” O Messias em Moisés Pentateuco O Messias Nos profetas VT Jesus mesmo, o Messias Hebreus 1:1 e 2 1 2 3 Apóstolos e discípulos só registram
  • 29. • Você teve a oportunidade de apreciar uma apresentação bastante resumida da Palavra de Deus, uma visão geral. Esperamos que o seu interesse tenha despertado para o estudo minucioso, nas próximas unidades. • Afinal O Senhor Jesus disse: "Examinais as Escrituras, porque vós cuidais ter nelas a Vida eterna, e são elas que de mim testificam" João 5:39 V. ARC
  • 30. “Descobrindo um método para estudar a Bíblia.” Próxima Aula: Aguardamos você e os amigos que você vai convidar.