SlideShare uma empresa Scribd logo
CO-CRIANDO OS
NEGÓCIOS DO FUTURO
Somos uma empresa de inovação corporativa que cria soluções
personalizadas de Gestão Inovadora, Treinamentos Corporativos,
Senior Advisoring, Estratégia, Programas de Inovação e
Aceleração de Startups.
Nossos fundadores já tiveram experiências em grandes corporações,
programas de aceleração e comunidades de empreendedores.
Trabalhamos para startar novas oportunidades e negócios para
nossos clientes.
Somos a junção de 3 empresas com a missão de inovar:
Começou como Agência de Web,
virou Venture Builder criando
comunidade de
empreendedores, treinamentos
para criação de startups e
inovação corporativa. Criaram
metodologia de validação e
aceleração de Startups já usada
em mais de 30 negócios.
Criada há mais de vinte anos por
Moysés Simantob, uma empresa
com história bem-sucedida em
inovação, design e mais
recentemente dedicada a apoiar
a transformação digital de
organizações que se veem
diante da quarta revolução
industrial.
Desde 2009, o Digitalks realiza
eventos em todo o Brasil,
dissemina conteúdo em
diversos canais de comunicação
– incluindo portal de notícias,
revista e TV Online –, realiza
cursos de capacitação e conecta
pessoas, incentivando a geração
de negócios sólidos.
SERVIÇOS
CORPORATE
VENTURE
VENTURE
BUILDING
SENIOR
ADVISORING
OPEN
INNOVATION
ACELERAÇÃO DE
STARTUPS
TREINAMENTOS &
WORKSHOPS
INTRAEMPREEN-
DEDORISMO
PROGRAMAS DE
INOVAÇÃO
NOSSO FOCO
1. Ajudar empresas a criar seu futuro;
2. Foco em crescimento e criação de riqueza por meio da
inovação estratégica;
3. Incorporar capacidades inovadoras em clientes;
4. Co-criar negócios do futuro com os clientes;
ALGUMAS EMPRESAS QUE JÁ AJUDAMOS A INOVAR
RESULTADOS EM CLIENTES
Criação de riqueza em empresas e indústrias que
fomentam inovações radicais e oportunidades de
crescimento.
Chegar a um conjunto diferenciado de respostas
estratégicas, ao visualizar inovações e oportunidades
futuras, por um conjunto de métodos teórico-práticos.
Incorporar a capacidade de inovar da alta gerência à
linha de frente operacional.
A diretoria que assumiu o IPT em 2012 tinha a percepção de que havia barreiras culturais contra o arrojar-se na inovação, já
que a venda de serviços mais tradicionais garantiu até recentemente uma estabilidade no crescimento das receitas do
instituto em contratos de assessoria, consultoria, ensaios, análises e calibrações. Partindo da hipótese de que essa
estabilidade é ilusória, e que só a inovação garantirá que o IPT chegue a seus 200 anos de vida em 2099, não há outra
maneira de enfrentar barreiras culturais a não ser a busca do engajamento.
Desafio
Ter a clareza de uma visão de futuro institucional que buscasse 40% da receita associada com inovação em 2018,
partindo de 12% em 2010 e 20% em 2014.
Encontrar uma metodologia que fosse aplicada como principal alavanca de transformação no planejamento estratégico
do IPT para o período 2014-2018, que busca + presença, + inovação e + impacto.
Solução
Contratar uma assessoria especializada em programas de inovação para orientar esse processo, acompanhando os projetos
institucionais, orientando cada equipe, ajudando a explicitar inovações que ficam escondidas nos serviços mais
convencionais, revendo continuamente processos com o apoio de um Comitê Estratégico de 10 membros, incluindo o
presidente do IPT.
A novidade proposta pela assessoria em 2013 foi envolver quase um quarto dos pesquisadores em projetos institucionais
de transformação, com stage-gates bimensais dentro de ciclos anuais, em que toda a diretoria do IPT participa.
O sucesso pode ser medido numericamente: atingimos 36% de receita com inovações em 2016.
CASES
Contexto
CASES
Como o Walmart Brasil pode reforçar sua cultura intraempreendedora e servir de
benchmarking para outras operações do maior varejista do mundo?
Contexto
Desafio
• Ajudar na elaboração do plano estratégico de Inovação, com horizonte de três anos
• Identificação de novas oportunidades em operações
• Melhorias incrementais para fomentar e reforçar programas de menor impacto socioambiental
• Iniciativas de redução de desperdício nas lojas
Solução
• Rally da Inovação, programa corporativo ancorado no capital humano
• Cocriado com as lideranças do Walmart Brasil
• Processo disciplinado e estruturado via road map e stage gates
• Implementação de novas oportunidades e plataformas de negócios
• Repercussão internacional e cocriação com indústrias fornecedoras
• Fomento de novos produtos com menor impacto socioambiental
• Envolvimento de laboratórios globais de P&D e inovação
CASES
Empresa líder de multissoluções ambientais para a indústria, promovendo a valorização
ambiental de resíduos de forma sustentável, segura e inovadora.
Contexto
Desafio
• Redirecionar o posicionamento estratégico da ESSENCIS
• Do tratamento de resíduos para a valorização ambiental com capacitação de líderes
• Abertura de novos centros tecnológicos ambientais
• Adoção de um programa de crescimento nas regionais
Solução
• Estruturação de uma reflexão estratégica liderada pela presidência com seus líderes diretos
• Definição de um ponto de vista comum, repensando a visão de futuro, missão e os valores
corporativos
• Estratégia (stage-gate), cultura (innovation hub) e processos (hoshin kanri com A3) alinhados à
gestão através da implementação de 45 projetos estratégicos
• Excelência da gestão reconhecida com premiações pelos Programas de Excelência da FNQ
CASES
A YPF Brasil enfrentava um desafio de um mercado concentrado e com concorrentes com
investimentos pesados em marketing e com uma marca de pouco peso para o consumidor. Além
disso, um mercado com baixa rentabilidade, linha de produtos sem competitividade e canais de
consumo pouco desenvolvidos.
Desafio
• Alinhar a gestão estratégica para criar um ambiente de inovação dentro da YPF Brasil
(Filial da Companhia Petroleira Argentina YPF SA).
• Recompor os canais de distribuição com fortalecimento dos vínculos para a busca do
crescimento no mercado
• Aumento de portfólio e instalação de uma planta própria em São Paulo, Brasil
Solução
• Implementação das bases de um Modelo de Gestão Integrado (MGI)
• Metodologias e técnicas para repensar o posicionamento de mercado, a proposta de
valor, atributos de produtos e redefinição da estratégia de marketing e presença
digital
• Coaching para executivos de liderança e o alinhamento via a instalação de um Comitê
Estratégico que tem norteado a filial na direção de seu crescimento
Contexto
MAIS CASES DA EQUIPE DA STARTADORA
Desafio - transformar um novo produto em um negócio próprio. O setor de inovação da Nestlé
estava com o desafio de aderência de mercado um produto da linha Nesfit. Como era um produto
inovador, pensaram que talvez o caminho fosse criar um novo negócio em cima dele. Passaram 7 dias
e trabalhamos desde como funciona o mindset de startups para inovação, validação de mercado e
nicho e criação de um novo negócio.
Resultado: nestes dias foi criado um negócio interno para o RH - uma startup de assinatura de
produtos e atividades saudáveis, que incluía o produto chave do projeto. Foi identificado que o
colaborador da empresa que está numa jornada saudável precisa de auxílio para se manter
"resistindo a tentações", por isso o a cesta seria entregue na mesa dele. Possibilidade de expansão:
fazer a mesma coisa em parceria com RHs de outras grandes empresas.
Desafio - transformar um projeto de polímeros inteligentes, desenvolvido a 2 anos, em um
negócio viável (e não apenas uma pesquisa e uma patente).
O setor de pesquisas de polímeros mandou uma equipe com 7 pessoas de várias áreas do Brasil:
químicos, engenheiros, gestores de inovação e diretores de inovação para passar por um treinamento
de 7 dias. O foco era entender pra onde deveriam focar a pesquisa e entender qual mercado seria
mais promissor.
Em apenas uma semana ajudamos o time a pensar como uma startup e focar nos early adopters que
faziam sentido. O time foi pra rua, usando técnicas de validação e criação de protótipos ágeis. Através
do treinamento foi descoberto o mercado de protetores solares.
Resultado: o time entendeu também sobre gestão ágil da inovação e como cortar caminhos
burocráticos para testar premissas de mercado. Semana que vem será apresentado o resultado destes
2 anos em 7 dias num evento para gestores de inovação e Corporate venturing. No dia 10/05/2017,
eles foram em Santa Catarina fazendo os primeiros testes de mercado com clientes reais.
Desafio – encontrar e acelerar startups que possam virar novos negócios. A empresa utilizou a
metodologia de aceleração de validação criada por nossos fundadores para avaliar e acompanhar as
startups.
Resultado: os executivos puderam acompanhar as startups aceleradas, participar de sessões de
mentoria e também das reuniões mensais para acompanhar os resultados dos novos negócios.
Todas as startups passaram do programa de validação, para o de crescimento, recebendo um aporte
financeiro da Algar Telecom.
Desafio - entender como funciona o mindset de inovação, detecção de oportunidades e
absorção de metodologias para melhorar o processo de vendas e de inovação interno.
Um grupo de 9 executivos, incluindo VPs passou 10 dias aprofundando o conhecimento sobre o
mundo de startups e como poderiam espelhar estes conhecimentos dentro da organização. A ideia era
empoderar a alta gestão e pensar novos desafios e formas de treinar equipes internas.
Resultado: o time atuou como 2 startups e aprenderam desde metodologias de gestão de projetos de
forma ágil, pitch (que será convertido para o setor de vendas) e mindset de inovação para avançar mais
rapidamente na criação de projetos e produtos.
O Colisões é um treinamento mão na massa de 4 sábados
onde empreendedores e intraempreendedores individuais
são treinados para tirar uma ideia do papel. Aprendendo
sobre como fazer ideação e validação, time, produto e
princípios de investimento e do ecossistema de startups.
Validam 3 protótipos em grupos formados durante o
workshop e pode ser usado como programa de Open
Innovation. Ao final, os melhores projetos criados podem
avançar para programas de pré-aceleração criados em
parceria com a Startadora.
O programa existe desde 2014 e já fizemos programas em
parceria com a ACE (Matéria no Estadão sobre:
http://bit.ly/2sraNX3). Ainda em 2018, faremos mais edições.
UMA DE NOSSAS CRIAÇÕES
FLÁVIO HORTA
Publicitário, CEO / Founder
do Digitalks (principal empresa
geradora de conhecimento e
negócios na área digital) e
Diretor de Eventos e Integração
Nacional da ABRADi (Associação
Brasileira dos Agentes Digitais).
Foi diretor de negócios em
agências digitais, com
passagens pelo BOL e UOL.
EQUIPE STARTADORA
VINÍCIUS MACHADO
Co-criador da X4 Start. É envolvido
com várias atividades ligadas a
startups. Passou pela ABStartups e
criou a ACE University e atuou
como treinador de
intraempreendedores pela ACE
Corp, onde também foi Key
Account. É Embaixador e curador
da área de Startups na Campus
Party Brasil.
CARLOS CARNEIRO
Co-fundador e CEO da X4 Start.
Foi o criador do programa e
metodologia ACE Start, co-
criador do Colisões.
Administrador pela FIAP - SP,
Trabalhou como técnico em
Telecom na Oi (Telemar), e
desenvolvimento de software e
gestão de produtos.
RONALDO BORGNETH
Especialista em Gestão de Projetos
com mais de 10.000 horas de
gerenciamento de projetos e
processos e MBA em Gestão
Estratégica e Negócios pela FGV.
Mais de 15 anos de experiência
profissional, sua experiência engloba
o desenvolvimento em projetos como
PMO. Nos últimos quatro anos, pela
SV Partners, atendeu diversas
corporações
EQUIPE STARTADORA
MOYSÉS SIMANTOB
Professor e Coordenador Acadêmico do
programa CEO FGV Internacional, Módulo
Estratégia, Mudança e Inovação. Autor e
Coautor de quatro livros sobre a temática
das Organizações Inovadoras
Sustentáveis. Cocriador da metodologia
de avaliação para o prêmio “As Empresas
Mais Inovadoras do Brasil”.Fundador da
SV Partners, boutique de assessoria em
Inovação Estratégica & Corporate
Venture.
ANA ASTIZ
Jornalista com especialização em
publishing no Stanford Professional
Publishing Course. Trabalhou na
Folha de S.Paulo nas editorias de
Economia, Turismo e Empregos, além
de ter sido correspondente em Madri.
No Grupo Folha participou da criação
e posteriormente dirigiu a Publifolha,
que à época produzia fascículos para
os jornais da empresa .
Vinícius Machado
vinicius@startadora.com
(11) 94572.7447
VAMOS CO-CRIAR O FUTURO

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Startadora Inovação Corporativa - Atividades e Projetos

Ebook inovacao Corporativa
Ebook inovacao CorporativaEbook inovacao Corporativa
Ebook inovacao Corporativa
Sergio Calura
 
Credenciais Ecossistema Inova 2024.pdf
Credenciais Ecossistema Inova 2024.pdfCredenciais Ecossistema Inova 2024.pdf
Credenciais Ecossistema Inova 2024.pdf
Luis Rasquilha
 
PT BR Guilherme Zanoni
PT BR Guilherme ZanoniPT BR Guilherme Zanoni
PT BR Guilherme Zanoni
Gui Zanoni
 
Laboratório Criatividade - Inovação e Marketing com propósito
Laboratório Criatividade - Inovação e Marketing com propósitoLaboratório Criatividade - Inovação e Marketing com propósito
Laboratório Criatividade - Inovação e Marketing com propósito
Juliana Feitosa Andrade
 
Startadora - Atividades e Projetos
Startadora - Atividades e ProjetosStartadora - Atividades e Projetos
Startadora - Atividades e Projetos
Jean Lucas Monteiro Lima Cabreira
 
Inova Lab by Inova Consulting
Inova Lab by Inova ConsultingInova Lab by Inova Consulting
Inova Lab by Inova Consulting
Luis Rasquilha
 
Companhia Própria - Catálogo 2014
Companhia Própria - Catálogo 2014Companhia Própria - Catálogo 2014
Companhia Própria - Catálogo 2014
Bruno Esteves
 
Corporate Venture
Corporate VentureCorporate Venture
Inovacao
InovacaoInovacao
Inovacao
renatadelara
 
Apresentacao STEAM - 2017
Apresentacao STEAM - 2017Apresentacao STEAM - 2017
Apresentacao STEAM - 2017
Steam - Smart Business Services
 
Reedição Catálogo de Formação 2013
Reedição Catálogo de Formação 2013Reedição Catálogo de Formação 2013
Reedição Catálogo de Formação 2013
Isabel Casal
 
Corporate Venture: como as grandes empresas estão colaborando com as startups...
Corporate Venture: como as grandes empresas estão colaborando com as startups...Corporate Venture: como as grandes empresas estão colaborando com as startups...
Corporate Venture: como as grandes empresas estão colaborando com as startups...
EloGroup
 
STARTUP 3º PRAT EMP emcomercio emoprendendo
STARTUP 3º PRAT EMP emcomercio  emoprendendoSTARTUP 3º PRAT EMP emcomercio  emoprendendo
STARTUP 3º PRAT EMP emcomercio emoprendendo
HenriqueLuciano2
 
Inovação sem fronteiras
Inovação sem fronteirasInovação sem fronteiras
@@Guia_de_Inovacao_Corporativa_-_Atlantico_.docx
@@Guia_de_Inovacao_Corporativa_-_Atlantico_.docx@@Guia_de_Inovacao_Corporativa_-_Atlantico_.docx
@@Guia_de_Inovacao_Corporativa_-_Atlantico_.docx
AdrianaSilva227685
 
Apresentação Institucional Associação Campinas Startups
Apresentação Institucional Associação Campinas StartupsApresentação Institucional Associação Campinas Startups
Apresentação Institucional Associação Campinas Startups
Kleber Teraoka
 
Inovação: cultura como drive para tecnologias emergentes
Inovação: cultura como drive para tecnologias emergentesInovação: cultura como drive para tecnologias emergentes
Inovação: cultura como drive para tecnologias emergentes
MJV Technology & Innovation Brasil
 
Como Montar uma Estratégia de Inovação Corporativa
Como Montar uma Estratégia de Inovação CorporativaComo Montar uma Estratégia de Inovação Corporativa
Como Montar uma Estratégia de Inovação Corporativa
Innoscience Consultoria em Gestão da Inovação
 
Apresentação Startup SC - TDC 2013
Apresentação Startup SC - TDC 2013Apresentação Startup SC - TDC 2013
Apresentação Startup SC - TDC 2013
Alexandre Souza
 
Catalogo das Decisões 2013
Catalogo das Decisões 2013Catalogo das Decisões 2013
Catalogo das Decisões 2013
Qualitividade Consultoria
 

Semelhante a Startadora Inovação Corporativa - Atividades e Projetos (20)

Ebook inovacao Corporativa
Ebook inovacao CorporativaEbook inovacao Corporativa
Ebook inovacao Corporativa
 
Credenciais Ecossistema Inova 2024.pdf
Credenciais Ecossistema Inova 2024.pdfCredenciais Ecossistema Inova 2024.pdf
Credenciais Ecossistema Inova 2024.pdf
 
PT BR Guilherme Zanoni
PT BR Guilherme ZanoniPT BR Guilherme Zanoni
PT BR Guilherme Zanoni
 
Laboratório Criatividade - Inovação e Marketing com propósito
Laboratório Criatividade - Inovação e Marketing com propósitoLaboratório Criatividade - Inovação e Marketing com propósito
Laboratório Criatividade - Inovação e Marketing com propósito
 
Startadora - Atividades e Projetos
Startadora - Atividades e ProjetosStartadora - Atividades e Projetos
Startadora - Atividades e Projetos
 
Inova Lab by Inova Consulting
Inova Lab by Inova ConsultingInova Lab by Inova Consulting
Inova Lab by Inova Consulting
 
Companhia Própria - Catálogo 2014
Companhia Própria - Catálogo 2014Companhia Própria - Catálogo 2014
Companhia Própria - Catálogo 2014
 
Corporate Venture
Corporate VentureCorporate Venture
Corporate Venture
 
Inovacao
InovacaoInovacao
Inovacao
 
Apresentacao STEAM - 2017
Apresentacao STEAM - 2017Apresentacao STEAM - 2017
Apresentacao STEAM - 2017
 
Reedição Catálogo de Formação 2013
Reedição Catálogo de Formação 2013Reedição Catálogo de Formação 2013
Reedição Catálogo de Formação 2013
 
Corporate Venture: como as grandes empresas estão colaborando com as startups...
Corporate Venture: como as grandes empresas estão colaborando com as startups...Corporate Venture: como as grandes empresas estão colaborando com as startups...
Corporate Venture: como as grandes empresas estão colaborando com as startups...
 
STARTUP 3º PRAT EMP emcomercio emoprendendo
STARTUP 3º PRAT EMP emcomercio  emoprendendoSTARTUP 3º PRAT EMP emcomercio  emoprendendo
STARTUP 3º PRAT EMP emcomercio emoprendendo
 
Inovação sem fronteiras
Inovação sem fronteirasInovação sem fronteiras
Inovação sem fronteiras
 
@@Guia_de_Inovacao_Corporativa_-_Atlantico_.docx
@@Guia_de_Inovacao_Corporativa_-_Atlantico_.docx@@Guia_de_Inovacao_Corporativa_-_Atlantico_.docx
@@Guia_de_Inovacao_Corporativa_-_Atlantico_.docx
 
Apresentação Institucional Associação Campinas Startups
Apresentação Institucional Associação Campinas StartupsApresentação Institucional Associação Campinas Startups
Apresentação Institucional Associação Campinas Startups
 
Inovação: cultura como drive para tecnologias emergentes
Inovação: cultura como drive para tecnologias emergentesInovação: cultura como drive para tecnologias emergentes
Inovação: cultura como drive para tecnologias emergentes
 
Como Montar uma Estratégia de Inovação Corporativa
Como Montar uma Estratégia de Inovação CorporativaComo Montar uma Estratégia de Inovação Corporativa
Como Montar uma Estratégia de Inovação Corporativa
 
Apresentação Startup SC - TDC 2013
Apresentação Startup SC - TDC 2013Apresentação Startup SC - TDC 2013
Apresentação Startup SC - TDC 2013
 
Catalogo das Decisões 2013
Catalogo das Decisões 2013Catalogo das Decisões 2013
Catalogo das Decisões 2013
 

Startadora Inovação Corporativa - Atividades e Projetos

  • 2. Somos uma empresa de inovação corporativa que cria soluções personalizadas de Gestão Inovadora, Treinamentos Corporativos, Senior Advisoring, Estratégia, Programas de Inovação e Aceleração de Startups. Nossos fundadores já tiveram experiências em grandes corporações, programas de aceleração e comunidades de empreendedores. Trabalhamos para startar novas oportunidades e negócios para nossos clientes.
  • 3. Somos a junção de 3 empresas com a missão de inovar: Começou como Agência de Web, virou Venture Builder criando comunidade de empreendedores, treinamentos para criação de startups e inovação corporativa. Criaram metodologia de validação e aceleração de Startups já usada em mais de 30 negócios. Criada há mais de vinte anos por Moysés Simantob, uma empresa com história bem-sucedida em inovação, design e mais recentemente dedicada a apoiar a transformação digital de organizações que se veem diante da quarta revolução industrial. Desde 2009, o Digitalks realiza eventos em todo o Brasil, dissemina conteúdo em diversos canais de comunicação – incluindo portal de notícias, revista e TV Online –, realiza cursos de capacitação e conecta pessoas, incentivando a geração de negócios sólidos.
  • 5. NOSSO FOCO 1. Ajudar empresas a criar seu futuro; 2. Foco em crescimento e criação de riqueza por meio da inovação estratégica; 3. Incorporar capacidades inovadoras em clientes; 4. Co-criar negócios do futuro com os clientes;
  • 6. ALGUMAS EMPRESAS QUE JÁ AJUDAMOS A INOVAR
  • 7. RESULTADOS EM CLIENTES Criação de riqueza em empresas e indústrias que fomentam inovações radicais e oportunidades de crescimento. Chegar a um conjunto diferenciado de respostas estratégicas, ao visualizar inovações e oportunidades futuras, por um conjunto de métodos teórico-práticos. Incorporar a capacidade de inovar da alta gerência à linha de frente operacional.
  • 8. A diretoria que assumiu o IPT em 2012 tinha a percepção de que havia barreiras culturais contra o arrojar-se na inovação, já que a venda de serviços mais tradicionais garantiu até recentemente uma estabilidade no crescimento das receitas do instituto em contratos de assessoria, consultoria, ensaios, análises e calibrações. Partindo da hipótese de que essa estabilidade é ilusória, e que só a inovação garantirá que o IPT chegue a seus 200 anos de vida em 2099, não há outra maneira de enfrentar barreiras culturais a não ser a busca do engajamento. Desafio Ter a clareza de uma visão de futuro institucional que buscasse 40% da receita associada com inovação em 2018, partindo de 12% em 2010 e 20% em 2014. Encontrar uma metodologia que fosse aplicada como principal alavanca de transformação no planejamento estratégico do IPT para o período 2014-2018, que busca + presença, + inovação e + impacto. Solução Contratar uma assessoria especializada em programas de inovação para orientar esse processo, acompanhando os projetos institucionais, orientando cada equipe, ajudando a explicitar inovações que ficam escondidas nos serviços mais convencionais, revendo continuamente processos com o apoio de um Comitê Estratégico de 10 membros, incluindo o presidente do IPT. A novidade proposta pela assessoria em 2013 foi envolver quase um quarto dos pesquisadores em projetos institucionais de transformação, com stage-gates bimensais dentro de ciclos anuais, em que toda a diretoria do IPT participa. O sucesso pode ser medido numericamente: atingimos 36% de receita com inovações em 2016. CASES Contexto
  • 9. CASES Como o Walmart Brasil pode reforçar sua cultura intraempreendedora e servir de benchmarking para outras operações do maior varejista do mundo? Contexto Desafio • Ajudar na elaboração do plano estratégico de Inovação, com horizonte de três anos • Identificação de novas oportunidades em operações • Melhorias incrementais para fomentar e reforçar programas de menor impacto socioambiental • Iniciativas de redução de desperdício nas lojas Solução • Rally da Inovação, programa corporativo ancorado no capital humano • Cocriado com as lideranças do Walmart Brasil • Processo disciplinado e estruturado via road map e stage gates • Implementação de novas oportunidades e plataformas de negócios • Repercussão internacional e cocriação com indústrias fornecedoras • Fomento de novos produtos com menor impacto socioambiental • Envolvimento de laboratórios globais de P&D e inovação
  • 10. CASES Empresa líder de multissoluções ambientais para a indústria, promovendo a valorização ambiental de resíduos de forma sustentável, segura e inovadora. Contexto Desafio • Redirecionar o posicionamento estratégico da ESSENCIS • Do tratamento de resíduos para a valorização ambiental com capacitação de líderes • Abertura de novos centros tecnológicos ambientais • Adoção de um programa de crescimento nas regionais Solução • Estruturação de uma reflexão estratégica liderada pela presidência com seus líderes diretos • Definição de um ponto de vista comum, repensando a visão de futuro, missão e os valores corporativos • Estratégia (stage-gate), cultura (innovation hub) e processos (hoshin kanri com A3) alinhados à gestão através da implementação de 45 projetos estratégicos • Excelência da gestão reconhecida com premiações pelos Programas de Excelência da FNQ
  • 11. CASES A YPF Brasil enfrentava um desafio de um mercado concentrado e com concorrentes com investimentos pesados em marketing e com uma marca de pouco peso para o consumidor. Além disso, um mercado com baixa rentabilidade, linha de produtos sem competitividade e canais de consumo pouco desenvolvidos. Desafio • Alinhar a gestão estratégica para criar um ambiente de inovação dentro da YPF Brasil (Filial da Companhia Petroleira Argentina YPF SA). • Recompor os canais de distribuição com fortalecimento dos vínculos para a busca do crescimento no mercado • Aumento de portfólio e instalação de uma planta própria em São Paulo, Brasil Solução • Implementação das bases de um Modelo de Gestão Integrado (MGI) • Metodologias e técnicas para repensar o posicionamento de mercado, a proposta de valor, atributos de produtos e redefinição da estratégia de marketing e presença digital • Coaching para executivos de liderança e o alinhamento via a instalação de um Comitê Estratégico que tem norteado a filial na direção de seu crescimento Contexto
  • 12. MAIS CASES DA EQUIPE DA STARTADORA Desafio - transformar um novo produto em um negócio próprio. O setor de inovação da Nestlé estava com o desafio de aderência de mercado um produto da linha Nesfit. Como era um produto inovador, pensaram que talvez o caminho fosse criar um novo negócio em cima dele. Passaram 7 dias e trabalhamos desde como funciona o mindset de startups para inovação, validação de mercado e nicho e criação de um novo negócio. Resultado: nestes dias foi criado um negócio interno para o RH - uma startup de assinatura de produtos e atividades saudáveis, que incluía o produto chave do projeto. Foi identificado que o colaborador da empresa que está numa jornada saudável precisa de auxílio para se manter "resistindo a tentações", por isso o a cesta seria entregue na mesa dele. Possibilidade de expansão: fazer a mesma coisa em parceria com RHs de outras grandes empresas.
  • 13. Desafio - transformar um projeto de polímeros inteligentes, desenvolvido a 2 anos, em um negócio viável (e não apenas uma pesquisa e uma patente). O setor de pesquisas de polímeros mandou uma equipe com 7 pessoas de várias áreas do Brasil: químicos, engenheiros, gestores de inovação e diretores de inovação para passar por um treinamento de 7 dias. O foco era entender pra onde deveriam focar a pesquisa e entender qual mercado seria mais promissor. Em apenas uma semana ajudamos o time a pensar como uma startup e focar nos early adopters que faziam sentido. O time foi pra rua, usando técnicas de validação e criação de protótipos ágeis. Através do treinamento foi descoberto o mercado de protetores solares. Resultado: o time entendeu também sobre gestão ágil da inovação e como cortar caminhos burocráticos para testar premissas de mercado. Semana que vem será apresentado o resultado destes 2 anos em 7 dias num evento para gestores de inovação e Corporate venturing. No dia 10/05/2017, eles foram em Santa Catarina fazendo os primeiros testes de mercado com clientes reais.
  • 14. Desafio – encontrar e acelerar startups que possam virar novos negócios. A empresa utilizou a metodologia de aceleração de validação criada por nossos fundadores para avaliar e acompanhar as startups. Resultado: os executivos puderam acompanhar as startups aceleradas, participar de sessões de mentoria e também das reuniões mensais para acompanhar os resultados dos novos negócios. Todas as startups passaram do programa de validação, para o de crescimento, recebendo um aporte financeiro da Algar Telecom.
  • 15. Desafio - entender como funciona o mindset de inovação, detecção de oportunidades e absorção de metodologias para melhorar o processo de vendas e de inovação interno. Um grupo de 9 executivos, incluindo VPs passou 10 dias aprofundando o conhecimento sobre o mundo de startups e como poderiam espelhar estes conhecimentos dentro da organização. A ideia era empoderar a alta gestão e pensar novos desafios e formas de treinar equipes internas. Resultado: o time atuou como 2 startups e aprenderam desde metodologias de gestão de projetos de forma ágil, pitch (que será convertido para o setor de vendas) e mindset de inovação para avançar mais rapidamente na criação de projetos e produtos.
  • 16. O Colisões é um treinamento mão na massa de 4 sábados onde empreendedores e intraempreendedores individuais são treinados para tirar uma ideia do papel. Aprendendo sobre como fazer ideação e validação, time, produto e princípios de investimento e do ecossistema de startups. Validam 3 protótipos em grupos formados durante o workshop e pode ser usado como programa de Open Innovation. Ao final, os melhores projetos criados podem avançar para programas de pré-aceleração criados em parceria com a Startadora. O programa existe desde 2014 e já fizemos programas em parceria com a ACE (Matéria no Estadão sobre: http://bit.ly/2sraNX3). Ainda em 2018, faremos mais edições. UMA DE NOSSAS CRIAÇÕES
  • 17. FLÁVIO HORTA Publicitário, CEO / Founder do Digitalks (principal empresa geradora de conhecimento e negócios na área digital) e Diretor de Eventos e Integração Nacional da ABRADi (Associação Brasileira dos Agentes Digitais). Foi diretor de negócios em agências digitais, com passagens pelo BOL e UOL. EQUIPE STARTADORA VINÍCIUS MACHADO Co-criador da X4 Start. É envolvido com várias atividades ligadas a startups. Passou pela ABStartups e criou a ACE University e atuou como treinador de intraempreendedores pela ACE Corp, onde também foi Key Account. É Embaixador e curador da área de Startups na Campus Party Brasil. CARLOS CARNEIRO Co-fundador e CEO da X4 Start. Foi o criador do programa e metodologia ACE Start, co- criador do Colisões. Administrador pela FIAP - SP, Trabalhou como técnico em Telecom na Oi (Telemar), e desenvolvimento de software e gestão de produtos.
  • 18. RONALDO BORGNETH Especialista em Gestão de Projetos com mais de 10.000 horas de gerenciamento de projetos e processos e MBA em Gestão Estratégica e Negócios pela FGV. Mais de 15 anos de experiência profissional, sua experiência engloba o desenvolvimento em projetos como PMO. Nos últimos quatro anos, pela SV Partners, atendeu diversas corporações EQUIPE STARTADORA MOYSÉS SIMANTOB Professor e Coordenador Acadêmico do programa CEO FGV Internacional, Módulo Estratégia, Mudança e Inovação. Autor e Coautor de quatro livros sobre a temática das Organizações Inovadoras Sustentáveis. Cocriador da metodologia de avaliação para o prêmio “As Empresas Mais Inovadoras do Brasil”.Fundador da SV Partners, boutique de assessoria em Inovação Estratégica & Corporate Venture. ANA ASTIZ Jornalista com especialização em publishing no Stanford Professional Publishing Course. Trabalhou na Folha de S.Paulo nas editorias de Economia, Turismo e Empregos, além de ter sido correspondente em Madri. No Grupo Folha participou da criação e posteriormente dirigiu a Publifolha, que à época produzia fascículos para os jornais da empresa .