SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 28
Baixar para ler offline
CETI SIGEFREDO PACHECO
A DIFERENÇA ENTRE:
DESCRIÇÃO, NARRAÇÃO E
DISSERTAÇÃO
Prof. Leandro Liéo
TIPOS DE REDAÇÃO
Tudo o que se escreve recebe o nome genérico de
redação.
Existem três tipos de redação: DESCRIÇÃO,
NARRAÇÃO E DISSERTAÇÃO. É importante que
você consiga perceber a diferença entre elas.
LEIA, PRIMEIRAMENTE AS SEGUINTES DEFINIÇÕES:
Descrição – Tipo de redação na qual se apontam as
características que compõem um determinado objeto,
pessoa, ambiente ou paisagem.
Narração – é a modalidade de redação na qual contamos um
ou mais fatos que ocorreram em determinado tempo e
lugar, envolvendo certos personagens.
Dissertação – é o tipo de composição na qual expomos
ideias gerais, seguidas da apresentação de argumentos que
as comprovem.
Descrição
“Sua estatura era alta e seu corpo esbelto. A
pele morena refletia o sol dos trópicos. Os
olhos negros e amendoados espalhavam a
luz interior de sua alegria de viver e
jovialidade. Os traços bem desenhados
compunham uma fisionomia calma, que
mais parecia uma pintura.
Narração
“Em uma noite chuvosa do mês de agosto,
Paulo e o irmão caminhavam pela rua mal
iluminada que conduzia à sua residência.
Subitamente foram abordados por um
homem estranho. Pararam, aterrorizados, e
tentaram saber o que o homem queria,
receosos de que se tratasse de um assalto. Era
entretanto somente um bêbado que tentava
encontrar, com dificuldade, o caminho de sua
casa.”
Dissertação
“Muitos debates acontecem sobre a eficiência
do sistema educacional brasileiro. Argumentam
alguns que ele deve ter por objetivo despertar no
estudante a capacidade de absorver informações dos
mais diferentes tipos e relacioná-las com a realidade
circundante.
Um sistema de ensino voltado para a
compreensão dos problemas socioeconômicos e que
despertasse no aluno a curiosidade científica seria
por demais desejável.”
Descrição
Redação Narração
Dissertação
REDAÇÃO
Caracteristicas da Narração
Narração é o relato dos fatos, ordenados em
sequência lógica com inclusão de personagens
São elementos fundamentais da narração: o
fato, o episódio ou o incidente (O que?): a
personagem ou personagens envolvidos nela
(Quem?)
É importante sempre antes de começar tentar seguir o esquema
abaixo para narrar o “FATO” ou “ACONTECIMENTO”:
Quem? Personagem que se refere a narração
Quando? Tempo, época e momento em que se deu o fato
O que? O fato detalhado
Por isso: Consequência ou resultado
Crônica tirada de de jornal
João Gostoso era carregador de feira livre e morava no morro
da Babilônia num barracão sem número.
Uma noite, ele chegou no bar Vinte de Novembro e : Bebeu,
Cantou e Dançou,
Depois se atirou na lagoa Rodrigues de Freitas e morreu
afogado.
De (Bandeira, 1974:214)
Quem? João Gostoso
Quando? Uma noite
O que? Chegou no bar
Bebeu
Cantou
Dançou
Depois se atirou na lagoa
Por isso – morreu afogado
Descrição
Observe o texto a seguir:
Ele é nojento, asqueroso. Um inseto mesmo. E é tão
pequeno, tão baixo, que ninguém nota sua presença. Mas
ele nunca está sozinho. Iguais a ele existem aos milhões só
em sua casa. E, olha, não se iluda: eles são todos iguais.
Totalmente sem escrúpulos, fazem mal a moças e rapazes,
adultos e crianças. Ele é um ser tão desprezível, que
respirar perto dele pode causar até alergia. E sabe o que ele
gosta mais de comer? Restos de pele humana.
(Propaganda da MIFANO)
Dissertação
Estrutura básica da dissertação
O texto dissertativo, assim como o
narrativo e o descritivo, deve apresentar-se
organizado, obedecendo à seguindo
divisão:
1º Titulo
2ºIntrodução
3ºDesenvolvimento
4ºConclusão
Introdução
⚫ Serve para preparar o leitor
⚫ Deve estar relacionada com o que irá expor no
desenvolvimento
⚫ Deve ser breve, apenas um parágrafo.
⚫ Não deve desviar-se do que estará contido no
desenvolvimento
⚫ Deve ser objetiva, portanto sem rodeios.
Desenvolvimento
⚫ É a parte mais significativa da redação
⚫ São apresentados os raciocínios lógicos, a
argumentação, as controvérsias e deduções e
comprovações.
⚫ Não pode ser menor que a introdução.
Conclusão
⚫ É o fecho da redação
⚫ Nela, o redator pode resumir os pontos de
vista, e dar sua opinião pessoal.
⚫ Apresentar uma síntese das ideias
contidas no desenvolvimento.
⚫ Deve ser breve e ter caráter geral
⚫ Não pode ser dispensada
Tema e Título
Tema: é a ideia sobre a qual o texto deverá ser desenvolvido; é o
assunto sobre o qual se escreverá.
Título: é uma expressão geralmente curta, colocada antes do
início da redação; é uma referência ao assunto de que tratará o
texto.
Exemplo:
Tema: As grandes capitais dos Estados brasileiros são
depositárias de graves problemas sociais.
Título: As capitais e os seus problemas
Estruturando Uma dissertação: argumentação
⚫ Imagine que você queira dissertar sobre o seguinte tema:
“O mundo moderno caminha atualmente para sua própria destruição”
⚫ Sua primeira providência copiar este tema em uma folha de
rascunho e fazer a pergunta: Por quê?
⚫ Ao iniciar sua reflexão sobre o tema proposto e sobre uma
possível resposta para a questão procure recordar-se do que
já leu ou ouvir a respeito dele.
O ideal, para que sua dissertação explore suficientemente o
assunto, é que você obtenha duas ou três respostas para a
questão formulada; estas respostas denominam-se
argumentos. Observe agora que argumentos podemos
encontrar para este tema. Uma possibilidade é pensar que o
mundo pode vir a destruir-se por causa dos inúmeros conflitos
internacionais que tem ocorrido nestes últimos tempos. Assim,
já teríamos o primeiro argumento:
Tem havido inúmeros conflitos internacionais
Pensando um pouco mais sobre o porquê de estarmos à
beira da destruição, podemos ocorrermos mais dois
argumentos
- o meio ambiente encontra-se ameaçado por sério
desequilíbrio ecológico
- permanece o perigo de uma catástrofe nuclear
Desta maneira, obtermos o seguinte quadro:
Tema: O mundo moderno caminha atualmente para a
sua própria destruição
Porquê? (argumentos)
⚫ Tem havido inúmeros conflitos internacionais
⚫ O meio ambiente encontra-se ameaçado por sério
desequilíbrio ecológico
⚫ Permanece o perigo de uma catástrofe nuclear
Dica:
Para elaborar a introdução, basta copiar o tema e
acrescentar a ele os argumentos. Na introdução os
argumentos são apenas mencionados. Neste
primeiro parágrafo informamos apenas o assunto
de que a dissertação vai tratar.
⚫ Observe
⚫ (Tema)
⚫ O mundo moderno caminha atualmente para a sua
própria destruição,
⚫ (argumento 1)
⚫ pois tem acontecido inúmeros conflitos internacionais,
⚫ (argumento 2)
⚫ o meio ambiente encontra-se ameaçado por série
desequilíbrio ecológico e, além do mais,
⚫ (argumento 3)
⚫ permanece o perigo de uma catástrofe nuclear.
No desenvolvimento: cada argumento deverá
ser convenientemente desenvolvido em
parágrafos.
Na conclusão : basta só um parágrafo. Nela
deve afirmar sua opinião, e dar um desfecho a
sua redação com uma proposta de
intervenção.
Resumindo todos os procedimentos que utilizamos para construir
uma dissertação, chegamos ao esquema:
TÍTULO
1° Parágrafo: Tema + Argumento 1 + Argumento 2 + Argumento 3
2° Parágrafo: Desenvolvimento do Argumento 1
3° Parágrafo: Desenvolvimento do Argumento 2
4° Parágrafo: Desenvolvimento do Argumento 3
5° Parágrafo: reafirmação do TEMA + opinião + observação final.
DICAS RÁPIDAS:
Evite escrever o que você não tem certeza. Não tente
“enrolar” o corretor, pois ele vai perceber o que você está
tentando fazer!
Evite gírias e repetições de palavras, pois empobrecem o
texto. Exemplo:
◦O professor é um profissional que está presente
ativamente na vida dos estudantes, pois o professor exige
muito dos seus alunos, assim como o professor também é
muitas vezes temidos pelos discentes.
Respeite o número de linhas em uma redação. Alguns
concursos anulam que não obedece tais regras!
•Não coloque “etc” nem reticências ... numa redação!
•Não use expressões vulgares!
•Não se esqueça de acentuar as palavras, colocar virgulas e
pontuações.
•Esqueça a linguagem coloquial utilizada na internet.
•Utilize palavras que você conheça
•Use conjunções para relacionar melhor as frases e orações,
ex: e, nem, mas, também, mas, porém, contudo, todavia,
entretanto, portanto..
ATIVIDADE
Proposta de Redação
A)Tente elaborar uma narração que relate as seguintes
transformações de estado:
1) um personagem muito pobre
2)ganha na loteria
3)Quando rico é visitado por um amigo dos tempos em que era
pobre.
B)Descreva o vestuário de um senhor de 68 anos, com a intenção de
ridiculariza-lo mostrando que ele não tem noção de ter envelhecido.
C)Elabore uma dissertação a partir do tema: “ Dificuldades no
mercado de trabalho”

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Redação Narração, desdrição e dissertaça

Atividades de redação do 9º ano 2009 2º semestre
Atividades de redação  do 9º ano 2009  2º semestreAtividades de redação  do 9º ano 2009  2º semestre
Atividades de redação do 9º ano 2009 2º semestre
Olivier Fausti Olivier
 
Redação em língua portuguesa
Redação em língua portuguesaRedação em língua portuguesa
Redação em língua portuguesa
professorakathia
 
Curso de redação
Curso de redaçãoCurso de redação
Curso de redação
teleestacao
 
Como fazer um fichamento
Como fazer um fichamentoComo fazer um fichamento
Como fazer um fichamento
Lxa Alx
 
Como fazer um fichamento
Como fazer um fichamentoComo fazer um fichamento
Como fazer um fichamento
Lxa Alx
 

Semelhante a Redação Narração, desdrição e dissertaça (20)

Atividades de redação do 9º ano 2009 2º semestre
Atividades de redação  do 9º ano 2009  2º semestreAtividades de redação  do 9º ano 2009  2º semestre
Atividades de redação do 9º ano 2009 2º semestre
 
Redação em língua portuguesa
Redação em língua portuguesaRedação em língua portuguesa
Redação em língua portuguesa
 
Como fazer um artigo de opinião
Como fazer um artigo de opiniãoComo fazer um artigo de opinião
Como fazer um artigo de opinião
 
DISSERTAÇÃO ARGUMENTATIVA
DISSERTAÇÃO ARGUMENTATIVADISSERTAÇÃO ARGUMENTATIVA
DISSERTAÇÃO ARGUMENTATIVA
 
Aula de redacao
Aula de redacaoAula de redacao
Aula de redacao
 
Como se faz uma tese :: Umberto Eco
Como se faz uma tese :: Umberto EcoComo se faz uma tese :: Umberto Eco
Como se faz uma tese :: Umberto Eco
 
O jornal escolar
O jornal escolarO jornal escolar
O jornal escolar
 
O jornal escolar
O jornal escolarO jornal escolar
O jornal escolar
 
O jornal escolar
O jornal escolarO jornal escolar
O jornal escolar
 
Interpretacao_de_Textos_TEORIA_e_800_QUE.pdf
Interpretacao_de_Textos_TEORIA_e_800_QUE.pdfInterpretacao_de_Textos_TEORIA_e_800_QUE.pdf
Interpretacao_de_Textos_TEORIA_e_800_QUE.pdf
 
Texto expositivo resumo..ppt
Texto expositivo resumo..pptTexto expositivo resumo..ppt
Texto expositivo resumo..ppt
 
Curso de redação
Curso de redaçãoCurso de redação
Curso de redação
 
Garanta a qualidade dos seus argumentos
Garanta a qualidade dos seus argumentosGaranta a qualidade dos seus argumentos
Garanta a qualidade dos seus argumentos
 
[Avançado] A produção de um texto científico.pptx
[Avançado] A produção de um texto científico.pptx[Avançado] A produção de um texto científico.pptx
[Avançado] A produção de um texto científico.pptx
 
Como fazer um fichamento
Como fazer um fichamentoComo fazer um fichamento
Como fazer um fichamento
 
Como fazer um fichamento
Como fazer um fichamentoComo fazer um fichamento
Como fazer um fichamento
 
Tipologia e gênero textual
Tipologia e gênero textualTipologia e gênero textual
Tipologia e gênero textual
 
A estrutura do texto dissertativo
A estrutura do texto dissertativoA estrutura do texto dissertativo
A estrutura do texto dissertativo
 
O jornal escolar
O jornal escolarO jornal escolar
O jornal escolar
 
Aulão de redação -Resumo de redação
Aulão de redação -Resumo de redaçãoAulão de redação -Resumo de redação
Aulão de redação -Resumo de redação
 

Último

O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhosoO Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
VALMIRARIBEIRO1
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
GisellySobral
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Kelly Mendes
 
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
azulassessoria9
 

Último (20)

O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhosoO Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxQuímica-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
 
Acróstico - Maio Laranja
Acróstico  - Maio Laranja Acróstico  - Maio Laranja
Acróstico - Maio Laranja
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
 
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.pptAs teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
 
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVASAPRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
 
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
 
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialFUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
 
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisNós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
 
Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja
 
Apresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosApresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativos
 
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptxSlides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
 
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
 
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na ÁfricaPeriodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
 
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfTema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
 

Redação Narração, desdrição e dissertaça

  • 1. CETI SIGEFREDO PACHECO A DIFERENÇA ENTRE: DESCRIÇÃO, NARRAÇÃO E DISSERTAÇÃO Prof. Leandro Liéo
  • 2. TIPOS DE REDAÇÃO Tudo o que se escreve recebe o nome genérico de redação. Existem três tipos de redação: DESCRIÇÃO, NARRAÇÃO E DISSERTAÇÃO. É importante que você consiga perceber a diferença entre elas.
  • 3. LEIA, PRIMEIRAMENTE AS SEGUINTES DEFINIÇÕES: Descrição – Tipo de redação na qual se apontam as características que compõem um determinado objeto, pessoa, ambiente ou paisagem. Narração – é a modalidade de redação na qual contamos um ou mais fatos que ocorreram em determinado tempo e lugar, envolvendo certos personagens. Dissertação – é o tipo de composição na qual expomos ideias gerais, seguidas da apresentação de argumentos que as comprovem.
  • 4. Descrição “Sua estatura era alta e seu corpo esbelto. A pele morena refletia o sol dos trópicos. Os olhos negros e amendoados espalhavam a luz interior de sua alegria de viver e jovialidade. Os traços bem desenhados compunham uma fisionomia calma, que mais parecia uma pintura.
  • 5. Narração “Em uma noite chuvosa do mês de agosto, Paulo e o irmão caminhavam pela rua mal iluminada que conduzia à sua residência. Subitamente foram abordados por um homem estranho. Pararam, aterrorizados, e tentaram saber o que o homem queria, receosos de que se tratasse de um assalto. Era entretanto somente um bêbado que tentava encontrar, com dificuldade, o caminho de sua casa.”
  • 6. Dissertação “Muitos debates acontecem sobre a eficiência do sistema educacional brasileiro. Argumentam alguns que ele deve ter por objetivo despertar no estudante a capacidade de absorver informações dos mais diferentes tipos e relacioná-las com a realidade circundante. Um sistema de ensino voltado para a compreensão dos problemas socioeconômicos e que despertasse no aluno a curiosidade científica seria por demais desejável.”
  • 8. Caracteristicas da Narração Narração é o relato dos fatos, ordenados em sequência lógica com inclusão de personagens São elementos fundamentais da narração: o fato, o episódio ou o incidente (O que?): a personagem ou personagens envolvidos nela (Quem?)
  • 9. É importante sempre antes de começar tentar seguir o esquema abaixo para narrar o “FATO” ou “ACONTECIMENTO”: Quem? Personagem que se refere a narração Quando? Tempo, época e momento em que se deu o fato O que? O fato detalhado Por isso: Consequência ou resultado
  • 10. Crônica tirada de de jornal João Gostoso era carregador de feira livre e morava no morro da Babilônia num barracão sem número. Uma noite, ele chegou no bar Vinte de Novembro e : Bebeu, Cantou e Dançou, Depois se atirou na lagoa Rodrigues de Freitas e morreu afogado. De (Bandeira, 1974:214)
  • 11. Quem? João Gostoso Quando? Uma noite O que? Chegou no bar Bebeu Cantou Dançou Depois se atirou na lagoa Por isso – morreu afogado
  • 12. Descrição Observe o texto a seguir: Ele é nojento, asqueroso. Um inseto mesmo. E é tão pequeno, tão baixo, que ninguém nota sua presença. Mas ele nunca está sozinho. Iguais a ele existem aos milhões só em sua casa. E, olha, não se iluda: eles são todos iguais. Totalmente sem escrúpulos, fazem mal a moças e rapazes, adultos e crianças. Ele é um ser tão desprezível, que respirar perto dele pode causar até alergia. E sabe o que ele gosta mais de comer? Restos de pele humana. (Propaganda da MIFANO)
  • 13. Dissertação Estrutura básica da dissertação O texto dissertativo, assim como o narrativo e o descritivo, deve apresentar-se organizado, obedecendo à seguindo divisão: 1º Titulo 2ºIntrodução 3ºDesenvolvimento 4ºConclusão
  • 14. Introdução ⚫ Serve para preparar o leitor ⚫ Deve estar relacionada com o que irá expor no desenvolvimento ⚫ Deve ser breve, apenas um parágrafo. ⚫ Não deve desviar-se do que estará contido no desenvolvimento ⚫ Deve ser objetiva, portanto sem rodeios.
  • 15. Desenvolvimento ⚫ É a parte mais significativa da redação ⚫ São apresentados os raciocínios lógicos, a argumentação, as controvérsias e deduções e comprovações. ⚫ Não pode ser menor que a introdução.
  • 16. Conclusão ⚫ É o fecho da redação ⚫ Nela, o redator pode resumir os pontos de vista, e dar sua opinião pessoal. ⚫ Apresentar uma síntese das ideias contidas no desenvolvimento. ⚫ Deve ser breve e ter caráter geral ⚫ Não pode ser dispensada
  • 17. Tema e Título Tema: é a ideia sobre a qual o texto deverá ser desenvolvido; é o assunto sobre o qual se escreverá. Título: é uma expressão geralmente curta, colocada antes do início da redação; é uma referência ao assunto de que tratará o texto. Exemplo: Tema: As grandes capitais dos Estados brasileiros são depositárias de graves problemas sociais. Título: As capitais e os seus problemas
  • 18. Estruturando Uma dissertação: argumentação ⚫ Imagine que você queira dissertar sobre o seguinte tema: “O mundo moderno caminha atualmente para sua própria destruição” ⚫ Sua primeira providência copiar este tema em uma folha de rascunho e fazer a pergunta: Por quê? ⚫ Ao iniciar sua reflexão sobre o tema proposto e sobre uma possível resposta para a questão procure recordar-se do que já leu ou ouvir a respeito dele.
  • 19. O ideal, para que sua dissertação explore suficientemente o assunto, é que você obtenha duas ou três respostas para a questão formulada; estas respostas denominam-se argumentos. Observe agora que argumentos podemos encontrar para este tema. Uma possibilidade é pensar que o mundo pode vir a destruir-se por causa dos inúmeros conflitos internacionais que tem ocorrido nestes últimos tempos. Assim, já teríamos o primeiro argumento: Tem havido inúmeros conflitos internacionais
  • 20. Pensando um pouco mais sobre o porquê de estarmos à beira da destruição, podemos ocorrermos mais dois argumentos - o meio ambiente encontra-se ameaçado por sério desequilíbrio ecológico - permanece o perigo de uma catástrofe nuclear
  • 21. Desta maneira, obtermos o seguinte quadro: Tema: O mundo moderno caminha atualmente para a sua própria destruição Porquê? (argumentos) ⚫ Tem havido inúmeros conflitos internacionais ⚫ O meio ambiente encontra-se ameaçado por sério desequilíbrio ecológico ⚫ Permanece o perigo de uma catástrofe nuclear
  • 22. Dica: Para elaborar a introdução, basta copiar o tema e acrescentar a ele os argumentos. Na introdução os argumentos são apenas mencionados. Neste primeiro parágrafo informamos apenas o assunto de que a dissertação vai tratar.
  • 23. ⚫ Observe ⚫ (Tema) ⚫ O mundo moderno caminha atualmente para a sua própria destruição, ⚫ (argumento 1) ⚫ pois tem acontecido inúmeros conflitos internacionais, ⚫ (argumento 2) ⚫ o meio ambiente encontra-se ameaçado por série desequilíbrio ecológico e, além do mais, ⚫ (argumento 3) ⚫ permanece o perigo de uma catástrofe nuclear.
  • 24. No desenvolvimento: cada argumento deverá ser convenientemente desenvolvido em parágrafos. Na conclusão : basta só um parágrafo. Nela deve afirmar sua opinião, e dar um desfecho a sua redação com uma proposta de intervenção.
  • 25. Resumindo todos os procedimentos que utilizamos para construir uma dissertação, chegamos ao esquema: TÍTULO 1° Parágrafo: Tema + Argumento 1 + Argumento 2 + Argumento 3 2° Parágrafo: Desenvolvimento do Argumento 1 3° Parágrafo: Desenvolvimento do Argumento 2 4° Parágrafo: Desenvolvimento do Argumento 3 5° Parágrafo: reafirmação do TEMA + opinião + observação final.
  • 26. DICAS RÁPIDAS: Evite escrever o que você não tem certeza. Não tente “enrolar” o corretor, pois ele vai perceber o que você está tentando fazer! Evite gírias e repetições de palavras, pois empobrecem o texto. Exemplo: ◦O professor é um profissional que está presente ativamente na vida dos estudantes, pois o professor exige muito dos seus alunos, assim como o professor também é muitas vezes temidos pelos discentes. Respeite o número de linhas em uma redação. Alguns concursos anulam que não obedece tais regras!
  • 27. •Não coloque “etc” nem reticências ... numa redação! •Não use expressões vulgares! •Não se esqueça de acentuar as palavras, colocar virgulas e pontuações. •Esqueça a linguagem coloquial utilizada na internet. •Utilize palavras que você conheça •Use conjunções para relacionar melhor as frases e orações, ex: e, nem, mas, também, mas, porém, contudo, todavia, entretanto, portanto..
  • 28. ATIVIDADE Proposta de Redação A)Tente elaborar uma narração que relate as seguintes transformações de estado: 1) um personagem muito pobre 2)ganha na loteria 3)Quando rico é visitado por um amigo dos tempos em que era pobre. B)Descreva o vestuário de um senhor de 68 anos, com a intenção de ridiculariza-lo mostrando que ele não tem noção de ter envelhecido. C)Elabore uma dissertação a partir do tema: “ Dificuldades no mercado de trabalho”