SlideShare uma empresa Scribd logo
NR – 06
EPI – Equipamento de
Proteção
CLC SEGURANÇA DO TRABALHO
O objetivo principal deste treinamento é conscientizar o
funcionário sobre a importância e obrigatoriedade do uso dos
Equipamentos de Proteção Individual (E.P.I’s).
OBJETIVO
O QUE É EPI?
É todo equipamento de uso individual, destinado a proteger a saúde
e a integridade física do trabalhador. Quando não for possível
eliminar o risco, ou neutralizá-lo através de medidas de proteção
coletiva, implanta-se o Equipamento de Proteção Individual - EPI.
Eu preciso mesmo
usar tudo isso?!?
• Os EPI’s não proporcionam segurança total ao trabalhador.
• É necesario aplicar primeiro soluções técnicas que controlem os
riscos em sua origem, eliminando-os se é possível.
• Se não for possível, se tentará isolar.
• Como ultima solución se protegerá al hombre.
RISCO HOMEM
RISCO HOMEM
RISCO HOMEM
EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO
INDIVIDUAL
Usá-lo apenas para a finalidade a que se destina;
Responsabilizar-se por sua guarda e conservação;
Usá-lo sempre que estiver em uma área ou realizando uma atividade de risco.
OBRIGAÇÕES DO EMPREGADO QUANTO AO EPI
EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO
INDIVIDUAL
OBRIGAÇÕES DO EMPREGADOR QUANTO AO EPI
Adquirir o tipo adequado à atividade do empregado;
Fornecer ao empregado somente EPI aprovado pelo Ministério do
Trabalho (com C.A.);
Treinar o trabalhador sobre o seu uso adequado;
Tornar obrigatório o seu uso;
EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO
INDIVIDUAL
EPI
Rotineiros
Máscara PFF1 Valvulada
Óculos de Proteção
Botina de Proteção
Protetor Auditivo tipo Plug
Protetor Auditivo tipo Concha
EPI
Atividadesespecíficas
Avental Impermeável
Luva de Látex
Capacete
Luva de Malha Pigmentada
Cinto Tipo Paraquedista
Creme de Proteção p/ as Mãos
Máscara Facial de dois filtros
Protetor Facial
Bota de PVC
EPI
Solda
Máscara PFF2 Valvulada
Luva de Raspa de Couro
Avental de Raspa de Couro
Máscara para Solda (Protetor Facial)
EPI’s FORNECIDOS:
PROTEÇÃO AUDITIVA
Quando devemos usar?
Ao falarmos em proteção auditiva, devemos ter em mente duas variáveis:
- Intensidade do Ruído
- Tempo de Exposição
A legislação brasileira determina os seguintes limites
PROTEÇÃO AUDITIVA
ÓCULOS DE PROTEÇÃO
PERIGOS PARA OS OLHOS
PROJEÇÃO DE PARTÍCULAS
IMPACTOS CONTRA O ROSTO
SUJEIRA
PRODUTOS QUÍMICOS
RADIAÇÃO NÃO IONIZANTE (SOLDA)
CALOR
- Outro equipamento que além de proteger os olhos, protege
ainda o rosto do trabalhador é o Protetor Facial.
PROTEÇÃO PARA AS MÃOS
Contusões;
Queimaduras;
Cortes;
Fraturas;
Esmagamento;
Amputações
PRINCIPAIS TIPOS DE LESÕES
- Estatísticas apontam, que 1/3 dos 200.000 acidentes
incapacitantes que ocorrem no trabalho a cada ano, são nas mãos.
Consequência de Acidentes nas
Mãos com perdas substanciais:
Dificuldade de conseguir emprego;
Dificuldade nas realizações de tarefas;
Dificuldades de promoções;
Restrições de atividades;
Impossibilidade a prática de esportes;
Sensação de incapacidade;
Dificuldade de se alimentar, vestir e higienização pessoal;
Dependência de pessoas;
Problemas psicológicos, inclusive no meio familiar;
Limitação física.
QUE LUVA DEVO USAR?
Luvas contra Risco Mecânico
Luvas contra Risco Químico
Luvas de Proteção mista
CREME DE PROTEÇÃO
EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO
RESPIRATÓRIA
Máscara PFF1 – Desenvolvida para filtrar poeiras e névoas
Máscara PFF2 – Desenvolvida para filtrar poeiras, fumos e
névoas (uso obrigatório em trabalho com solda)
TIPOS DE MÁSCARAS:
Máscara de duplo Filtro – Sua proteção dependerá do tipo de
filtro utilizado (em geral, gases ácidos e vapores orgânicos)
EQUIPAMENTOS DIVERSOS
CINTO TIPO PARA-
QUEDISTA
AVENTAL IMPERMEÁVEL
EQUIPAMENTOS DIVERSOS
EQUIPAMENTOS DIVERSOS
SOLDA
Existem uma infinidade de outros Equipamentos de
Proteção Individual para os mais diferentes riscos. Todos
tem sua utilidade e limitação. O fator mais importante que
determinará a eficácia do equipamento é a postura do
próprio colaborador. Use os EPI’s, mais que uma obrigação
é um direito.
NR – 06
Que ao fim de cada dia de trabalho
possamos retornar aos nossos lares
CONTATOS
Ligueouenvie-nosume-mail:
claudioc.pontes@hotmail.com
Fone: (41) 9156-3392/(46) 9108-8652
*Asdúvidasnãoesclarecidasserãorespondidaspore-mail

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

TREINAMENTO DE EPI NR 06
TREINAMENTO DE EPI NR 06TREINAMENTO DE EPI NR 06
TREINAMENTO DE EPI NR 06
Fabio Sousa
 
Integração de Segurança
Integração de SegurançaIntegração de Segurança
Integração de Segurança
Sergio Roberto Silva
 
MODELO DE TREINAMENTO NR12 VOLTADO A FRENTES DE SERVIÇO EM OBRAS
MODELO DE TREINAMENTO NR12 VOLTADO A FRENTES DE SERVIÇO EM OBRASMODELO DE TREINAMENTO NR12 VOLTADO A FRENTES DE SERVIÇO EM OBRAS
MODELO DE TREINAMENTO NR12 VOLTADO A FRENTES DE SERVIÇO EM OBRAS
Mateus Borges
 
Máquinas e equipamentos
Máquinas e equipamentosMáquinas e equipamentos
Máquinas e equipamentos
Mauricio Cesar Soares
 
Treinamento sobre epi
Treinamento sobre epiTreinamento sobre epi
Treinamento sobre epi
Nathanael Rodrigues
 
Treinamento nr 06 epi
Treinamento nr  06   epiTreinamento nr  06   epi
Treinamento nr 06 epi
Lorraine Ingrid
 
EPI - Equipamento de Proteção Coletiva
EPI - Equipamento de Proteção ColetivaEPI - Equipamento de Proteção Coletiva
EPI - Equipamento de Proteção Coletiva
HugoDalevedove
 
Equipamentos de proteção individual
Equipamentos de proteção individualEquipamentos de proteção individual
Equipamentos de proteção individual
Mauricio Cesar Soares
 
Treinamento - Produtos Químicos
Treinamento - Produtos QuímicosTreinamento - Produtos Químicos
Treinamento - Produtos Químicos
HugoDalevedove
 
Nr18
Nr18Nr18
Nr 6 treinamento
Nr 6 treinamentoNr 6 treinamento
Nr 6 treinamento
André Kovtun Sliachticas
 
Segurança do trabalho
Segurança do trabalhoSegurança do trabalho
Segurança do trabalho
Mauricio Cesar Soares
 
Sesmt
SesmtSesmt
NR-1
NR-1NR-1
Curso da CIPA
Curso da CIPACurso da CIPA
Curso da CIPA
Sergio Roberto Silva
 
Análise preliminar de risco
Análise preliminar de riscoAnálise preliminar de risco
Análise preliminar de risco
Gleuciane Rocha
 
Plano emergencia modelo
Plano emergencia modeloPlano emergencia modelo
Plano emergencia modelo
Marlon Gatti
 
Conceito Risco x Perigo
Conceito Risco x PerigoConceito Risco x Perigo
Conceito Risco x Perigo
Winer Augusto da Fonseca
 
Aula 4 riscos ocupacionais
Aula 4   riscos ocupacionaisAula 4   riscos ocupacionais
Aula 4 riscos ocupacionais
Daniel Moura
 
Integração de Segurança do Trabalho NOVO
Integração de Segurança do Trabalho NOVOIntegração de Segurança do Trabalho NOVO
Integração de Segurança do Trabalho NOVO
Sergio Silva
 

Mais procurados (20)

TREINAMENTO DE EPI NR 06
TREINAMENTO DE EPI NR 06TREINAMENTO DE EPI NR 06
TREINAMENTO DE EPI NR 06
 
Integração de Segurança
Integração de SegurançaIntegração de Segurança
Integração de Segurança
 
MODELO DE TREINAMENTO NR12 VOLTADO A FRENTES DE SERVIÇO EM OBRAS
MODELO DE TREINAMENTO NR12 VOLTADO A FRENTES DE SERVIÇO EM OBRASMODELO DE TREINAMENTO NR12 VOLTADO A FRENTES DE SERVIÇO EM OBRAS
MODELO DE TREINAMENTO NR12 VOLTADO A FRENTES DE SERVIÇO EM OBRAS
 
Máquinas e equipamentos
Máquinas e equipamentosMáquinas e equipamentos
Máquinas e equipamentos
 
Treinamento sobre epi
Treinamento sobre epiTreinamento sobre epi
Treinamento sobre epi
 
Treinamento nr 06 epi
Treinamento nr  06   epiTreinamento nr  06   epi
Treinamento nr 06 epi
 
EPI - Equipamento de Proteção Coletiva
EPI - Equipamento de Proteção ColetivaEPI - Equipamento de Proteção Coletiva
EPI - Equipamento de Proteção Coletiva
 
Equipamentos de proteção individual
Equipamentos de proteção individualEquipamentos de proteção individual
Equipamentos de proteção individual
 
Treinamento - Produtos Químicos
Treinamento - Produtos QuímicosTreinamento - Produtos Químicos
Treinamento - Produtos Químicos
 
Nr18
Nr18Nr18
Nr18
 
Nr 6 treinamento
Nr 6 treinamentoNr 6 treinamento
Nr 6 treinamento
 
Segurança do trabalho
Segurança do trabalhoSegurança do trabalho
Segurança do trabalho
 
Sesmt
SesmtSesmt
Sesmt
 
NR-1
NR-1NR-1
NR-1
 
Curso da CIPA
Curso da CIPACurso da CIPA
Curso da CIPA
 
Análise preliminar de risco
Análise preliminar de riscoAnálise preliminar de risco
Análise preliminar de risco
 
Plano emergencia modelo
Plano emergencia modeloPlano emergencia modelo
Plano emergencia modelo
 
Conceito Risco x Perigo
Conceito Risco x PerigoConceito Risco x Perigo
Conceito Risco x Perigo
 
Aula 4 riscos ocupacionais
Aula 4   riscos ocupacionaisAula 4   riscos ocupacionais
Aula 4 riscos ocupacionais
 
Integração de Segurança do Trabalho NOVO
Integração de Segurança do Trabalho NOVOIntegração de Segurança do Trabalho NOVO
Integração de Segurança do Trabalho NOVO
 

Semelhante a NR - 06 EPI (Oficial)

nr-06epi-150202235852-conversion-gate01.pdf
nr-06epi-150202235852-conversion-gate01.pdfnr-06epi-150202235852-conversion-gate01.pdf
nr-06epi-150202235852-conversion-gate01.pdf
EduardoMarciano1
 
Segurança do Trabalho.pptx
Segurança do Trabalho.pptxSegurança do Trabalho.pptx
Segurança do Trabalho.pptx
PauloPereira437535
 
Apresentação1kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.pptx
Apresentação1kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.pptxApresentação1kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.pptx
Apresentação1kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.pptx
INGRIDEDUARDAALVESPA
 
Aula 5 epi
Aula 5   epiAula 5   epi
Aula 5 epi
Daniel Moura
 
Aula 5 - Higiene e Segurança do Trabalho
Aula 5 - Higiene e Segurança do TrabalhoAula 5 - Higiene e Segurança do Trabalho
Aula 5 - Higiene e Segurança do Trabalho
Unidade Acedêmica de Engenharia de Produção
 
Palestra de EPI área da saúde
Palestra de EPI área da saúdePalestra de EPI área da saúde
Palestra de EPI área da saúde
Daniela Magno
 
1 epi - só exatas
1   epi - só exatas1   epi - só exatas
1 epi - só exatas
Charles Soares Padilha
 
integração.ppt
integração.pptintegração.ppt
integração.ppt
klaytonkennid1
 
EPI's
EPI'sEPI's
EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL.pdf
EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL.pdfEQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL.pdf
EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL.pdf
ssuser22319e
 
119167864 1641.epis
119167864 1641.epis119167864 1641.epis
119167864 1641.epis
Pelo Siro
 
TREINAMENTO EPI`S1.pptx
TREINAMENTO EPI`S1.pptxTREINAMENTO EPI`S1.pptx
TREINAMENTO EPI`S1.pptx
JOSERUCKSTADTER1
 
Slides epi laboro
Slides epi laboroSlides epi laboro
Slides epi laboro
Joselia Seixas
 
Dds.livro.zip
Dds.livro.zipDds.livro.zip
Dds.livro.zip
nicobelo
 
Epi Equipamento De Protecao Individual Ultimo
Epi Equipamento De Protecao Individual UltimoEpi Equipamento De Protecao Individual Ultimo
Epi Equipamento De Protecao Individual Ultimo
Prifp2
 
Segurança e Saúde no Trabalho.pptx
Segurança e Saúde no Trabalho.pptxSegurança e Saúde no Trabalho.pptx
Segurança e Saúde no Trabalho.pptx
PauloPereira437535
 
Segurança e Saúde no Trabalho.pptx
Segurança e Saúde no Trabalho.pptxSegurança e Saúde no Trabalho.pptx
Segurança e Saúde no Trabalho.pptx
PauloPereira437535
 
TREINAMENTO NR 6 EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL
TREINAMENTO NR 6 EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUALTREINAMENTO NR 6 EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL
TREINAMENTO NR 6 EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL
leonardocasoconsulto
 
M7 Equipamento de Protecao Individual.pptx
M7 Equipamento de Protecao Individual.pptxM7 Equipamento de Protecao Individual.pptx
M7 Equipamento de Protecao Individual.pptx
soniaalmeida38
 
Oficinas de Electricidade
Oficinas de ElectricidadeOficinas de Electricidade
Oficinas de Electricidade
Yuran Pinto Ossufo
 

Semelhante a NR - 06 EPI (Oficial) (20)

nr-06epi-150202235852-conversion-gate01.pdf
nr-06epi-150202235852-conversion-gate01.pdfnr-06epi-150202235852-conversion-gate01.pdf
nr-06epi-150202235852-conversion-gate01.pdf
 
Segurança do Trabalho.pptx
Segurança do Trabalho.pptxSegurança do Trabalho.pptx
Segurança do Trabalho.pptx
 
Apresentação1kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.pptx
Apresentação1kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.pptxApresentação1kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.pptx
Apresentação1kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.pptx
 
Aula 5 epi
Aula 5   epiAula 5   epi
Aula 5 epi
 
Aula 5 - Higiene e Segurança do Trabalho
Aula 5 - Higiene e Segurança do TrabalhoAula 5 - Higiene e Segurança do Trabalho
Aula 5 - Higiene e Segurança do Trabalho
 
Palestra de EPI área da saúde
Palestra de EPI área da saúdePalestra de EPI área da saúde
Palestra de EPI área da saúde
 
1 epi - só exatas
1   epi - só exatas1   epi - só exatas
1 epi - só exatas
 
integração.ppt
integração.pptintegração.ppt
integração.ppt
 
EPI's
EPI'sEPI's
EPI's
 
EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL.pdf
EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL.pdfEQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL.pdf
EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL.pdf
 
119167864 1641.epis
119167864 1641.epis119167864 1641.epis
119167864 1641.epis
 
TREINAMENTO EPI`S1.pptx
TREINAMENTO EPI`S1.pptxTREINAMENTO EPI`S1.pptx
TREINAMENTO EPI`S1.pptx
 
Slides epi laboro
Slides epi laboroSlides epi laboro
Slides epi laboro
 
Dds.livro.zip
Dds.livro.zipDds.livro.zip
Dds.livro.zip
 
Epi Equipamento De Protecao Individual Ultimo
Epi Equipamento De Protecao Individual UltimoEpi Equipamento De Protecao Individual Ultimo
Epi Equipamento De Protecao Individual Ultimo
 
Segurança e Saúde no Trabalho.pptx
Segurança e Saúde no Trabalho.pptxSegurança e Saúde no Trabalho.pptx
Segurança e Saúde no Trabalho.pptx
 
Segurança e Saúde no Trabalho.pptx
Segurança e Saúde no Trabalho.pptxSegurança e Saúde no Trabalho.pptx
Segurança e Saúde no Trabalho.pptx
 
TREINAMENTO NR 6 EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL
TREINAMENTO NR 6 EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUALTREINAMENTO NR 6 EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL
TREINAMENTO NR 6 EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL
 
M7 Equipamento de Protecao Individual.pptx
M7 Equipamento de Protecao Individual.pptxM7 Equipamento de Protecao Individual.pptx
M7 Equipamento de Protecao Individual.pptx
 
Oficinas de Electricidade
Oficinas de ElectricidadeOficinas de Electricidade
Oficinas de Electricidade
 

Mais de Claudio Cesar Pontes ن

Travail en hauteur - Formation Brésil - Traduction BETA
Travail en hauteur - Formation Brésil - Traduction BETATravail en hauteur - Formation Brésil - Traduction BETA
Travail en hauteur - Formation Brésil - Traduction BETA
Claudio Cesar Pontes ن
 
Brigada de Emergência (Oficial CLC) 2017/2018
Brigada de Emergência (Oficial CLC) 2017/2018Brigada de Emergência (Oficial CLC) 2017/2018
Brigada de Emergência (Oficial CLC) 2017/2018
Claudio Cesar Pontes ن
 
Segurança nas docas
Segurança nas docasSegurança nas docas
Segurança nas docas
Claudio Cesar Pontes ن
 
Ergonomia - CLC Segurança do Trabalho
Ergonomia - CLC Segurança do TrabalhoErgonomia - CLC Segurança do Trabalho
Ergonomia - CLC Segurança do Trabalho
Claudio Cesar Pontes ن
 
Revista Protección y Seguridad (Dezembro de 2016 Colombia)
Revista Protección y Seguridad (Dezembro de 2016 Colombia)Revista Protección y Seguridad (Dezembro de 2016 Colombia)
Revista Protección y Seguridad (Dezembro de 2016 Colombia)
Claudio Cesar Pontes ن
 
Segurança do Trabalho - Analise de riscos
Segurança do Trabalho - Analise de riscosSegurança do Trabalho - Analise de riscos
Segurança do Trabalho - Analise de riscos
Claudio Cesar Pontes ن
 
Gamificação (Saúde e Segurança do Trab. Módulo II)
Gamificação (Saúde e Segurança do Trab. Módulo II)Gamificação (Saúde e Segurança do Trab. Módulo II)
Gamificação (Saúde e Segurança do Trab. Módulo II)
Claudio Cesar Pontes ن
 
Segurança do Trabalho Módulo I - d
Segurança do Trabalho Módulo I - dSegurança do Trabalho Módulo I - d
Segurança do Trabalho Módulo I - d
Claudio Cesar Pontes ن
 
Segurança do Trabalho Módulo I - c
Segurança do Trabalho Módulo I - cSegurança do Trabalho Módulo I - c
Segurança do Trabalho Módulo I - c
Claudio Cesar Pontes ن
 
Trabajo en Alturas - Brasil (Traducción versión I)
Trabajo en Alturas - Brasil (Traducción versión I)Trabajo en Alturas - Brasil (Traducción versión I)
Trabajo en Alturas - Brasil (Traducción versión I)
Claudio Cesar Pontes ن
 
Combate a incêndio (Oficial CLC)
Combate a incêndio (Oficial CLC)Combate a incêndio (Oficial CLC)
Combate a incêndio (Oficial CLC)
Claudio Cesar Pontes ن
 
Certificado Confined space - Tech, Apps & Stnds
Certificado Confined space - Tech, Apps & StndsCertificado Confined space - Tech, Apps & Stnds
Certificado Confined space - Tech, Apps & Stnds
Claudio Cesar Pontes ن
 
Manuseio de Produtos Químicos (Oficial)
Manuseio de Produtos Químicos (Oficial)Manuseio de Produtos Químicos (Oficial)
Manuseio de Produtos Químicos (Oficial)
Claudio Cesar Pontes ن
 
Dst/aids SIPAT (oficial)
Dst/aids SIPAT (oficial)Dst/aids SIPAT (oficial)
Dst/aids SIPAT (oficial)
Claudio Cesar Pontes ن
 
NR - 18 Construção Civil (Oficial)
NR - 18 Construção Civil (Oficial)NR - 18 Construção Civil (Oficial)
NR - 18 Construção Civil (Oficial)
Claudio Cesar Pontes ن
 
Saúde e Segurança do Trabalho
Saúde e Segurança do TrabalhoSaúde e Segurança do Trabalho
Saúde e Segurança do Trabalho
Claudio Cesar Pontes ن
 
Drogas licitas e ilicitas - Tema para SIPAT
Drogas licitas e ilicitas - Tema para SIPATDrogas licitas e ilicitas - Tema para SIPAT
Drogas licitas e ilicitas - Tema para SIPAT
Claudio Cesar Pontes ن
 
Ar comprimido - Segurança na operação (oficial)
Ar comprimido - Segurança na operação (oficial)Ar comprimido - Segurança na operação (oficial)
Ar comprimido - Segurança na operação (oficial)
Claudio Cesar Pontes ن
 
Qualitative Fit Test - Certificate Spanish
Qualitative Fit Test - Certificate SpanishQualitative Fit Test - Certificate Spanish
Qualitative Fit Test - Certificate Spanish
Claudio Cesar Pontes ن
 
NR-11 Ponte Rolante / Puente Grua
NR-11 Ponte Rolante / Puente GruaNR-11 Ponte Rolante / Puente Grua
NR-11 Ponte Rolante / Puente Grua
Claudio Cesar Pontes ن
 

Mais de Claudio Cesar Pontes ن (20)

Travail en hauteur - Formation Brésil - Traduction BETA
Travail en hauteur - Formation Brésil - Traduction BETATravail en hauteur - Formation Brésil - Traduction BETA
Travail en hauteur - Formation Brésil - Traduction BETA
 
Brigada de Emergência (Oficial CLC) 2017/2018
Brigada de Emergência (Oficial CLC) 2017/2018Brigada de Emergência (Oficial CLC) 2017/2018
Brigada de Emergência (Oficial CLC) 2017/2018
 
Segurança nas docas
Segurança nas docasSegurança nas docas
Segurança nas docas
 
Ergonomia - CLC Segurança do Trabalho
Ergonomia - CLC Segurança do TrabalhoErgonomia - CLC Segurança do Trabalho
Ergonomia - CLC Segurança do Trabalho
 
Revista Protección y Seguridad (Dezembro de 2016 Colombia)
Revista Protección y Seguridad (Dezembro de 2016 Colombia)Revista Protección y Seguridad (Dezembro de 2016 Colombia)
Revista Protección y Seguridad (Dezembro de 2016 Colombia)
 
Segurança do Trabalho - Analise de riscos
Segurança do Trabalho - Analise de riscosSegurança do Trabalho - Analise de riscos
Segurança do Trabalho - Analise de riscos
 
Gamificação (Saúde e Segurança do Trab. Módulo II)
Gamificação (Saúde e Segurança do Trab. Módulo II)Gamificação (Saúde e Segurança do Trab. Módulo II)
Gamificação (Saúde e Segurança do Trab. Módulo II)
 
Segurança do Trabalho Módulo I - d
Segurança do Trabalho Módulo I - dSegurança do Trabalho Módulo I - d
Segurança do Trabalho Módulo I - d
 
Segurança do Trabalho Módulo I - c
Segurança do Trabalho Módulo I - cSegurança do Trabalho Módulo I - c
Segurança do Trabalho Módulo I - c
 
Trabajo en Alturas - Brasil (Traducción versión I)
Trabajo en Alturas - Brasil (Traducción versión I)Trabajo en Alturas - Brasil (Traducción versión I)
Trabajo en Alturas - Brasil (Traducción versión I)
 
Combate a incêndio (Oficial CLC)
Combate a incêndio (Oficial CLC)Combate a incêndio (Oficial CLC)
Combate a incêndio (Oficial CLC)
 
Certificado Confined space - Tech, Apps & Stnds
Certificado Confined space - Tech, Apps & StndsCertificado Confined space - Tech, Apps & Stnds
Certificado Confined space - Tech, Apps & Stnds
 
Manuseio de Produtos Químicos (Oficial)
Manuseio de Produtos Químicos (Oficial)Manuseio de Produtos Químicos (Oficial)
Manuseio de Produtos Químicos (Oficial)
 
Dst/aids SIPAT (oficial)
Dst/aids SIPAT (oficial)Dst/aids SIPAT (oficial)
Dst/aids SIPAT (oficial)
 
NR - 18 Construção Civil (Oficial)
NR - 18 Construção Civil (Oficial)NR - 18 Construção Civil (Oficial)
NR - 18 Construção Civil (Oficial)
 
Saúde e Segurança do Trabalho
Saúde e Segurança do TrabalhoSaúde e Segurança do Trabalho
Saúde e Segurança do Trabalho
 
Drogas licitas e ilicitas - Tema para SIPAT
Drogas licitas e ilicitas - Tema para SIPATDrogas licitas e ilicitas - Tema para SIPAT
Drogas licitas e ilicitas - Tema para SIPAT
 
Ar comprimido - Segurança na operação (oficial)
Ar comprimido - Segurança na operação (oficial)Ar comprimido - Segurança na operação (oficial)
Ar comprimido - Segurança na operação (oficial)
 
Qualitative Fit Test - Certificate Spanish
Qualitative Fit Test - Certificate SpanishQualitative Fit Test - Certificate Spanish
Qualitative Fit Test - Certificate Spanish
 
NR-11 Ponte Rolante / Puente Grua
NR-11 Ponte Rolante / Puente GruaNR-11 Ponte Rolante / Puente Grua
NR-11 Ponte Rolante / Puente Grua
 

Último

Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
TomasSousa7
 
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.pptLeis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
PatriciaZanoli
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Simone399395
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
DECIOMAURINARAMOS
 
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdfO que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
Pastor Robson Colaço
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
lveiga112
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
LILIANPRESTESSCUDELE
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
Eró Cunha
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
SILVIAREGINANAZARECA
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
fernandacosta37763
 
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptxReino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
CarinaSantos916505
 
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do AssaréFamílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
profesfrancleite
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
HisrelBlog
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
AntnioManuelAgdoma
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
rloureiro1
 
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
YeniferGarcia36
 
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
PatriciaZanoli
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
Manuais Formação
 
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert EinsteinA Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
WelberMerlinCardoso
 

Último (20)

Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
 
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.pptLeis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
 
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdfO que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
 
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptxReino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
 
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do AssaréFamílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
 
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
 
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
 
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert EinsteinA Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
 

NR - 06 EPI (Oficial)

  • 1. NR – 06 EPI – Equipamento de Proteção CLC SEGURANÇA DO TRABALHO
  • 2. O objetivo principal deste treinamento é conscientizar o funcionário sobre a importância e obrigatoriedade do uso dos Equipamentos de Proteção Individual (E.P.I’s). OBJETIVO
  • 3. O QUE É EPI? É todo equipamento de uso individual, destinado a proteger a saúde e a integridade física do trabalhador. Quando não for possível eliminar o risco, ou neutralizá-lo através de medidas de proteção coletiva, implanta-se o Equipamento de Proteção Individual - EPI.
  • 4. Eu preciso mesmo usar tudo isso?!?
  • 5. • Os EPI’s não proporcionam segurança total ao trabalhador. • É necesario aplicar primeiro soluções técnicas que controlem os riscos em sua origem, eliminando-os se é possível. • Se não for possível, se tentará isolar. • Como ultima solución se protegerá al hombre. RISCO HOMEM RISCO HOMEM RISCO HOMEM EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL
  • 6. Usá-lo apenas para a finalidade a que se destina; Responsabilizar-se por sua guarda e conservação; Usá-lo sempre que estiver em uma área ou realizando uma atividade de risco. OBRIGAÇÕES DO EMPREGADO QUANTO AO EPI EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL
  • 7. OBRIGAÇÕES DO EMPREGADOR QUANTO AO EPI Adquirir o tipo adequado à atividade do empregado; Fornecer ao empregado somente EPI aprovado pelo Ministério do Trabalho (com C.A.); Treinar o trabalhador sobre o seu uso adequado; Tornar obrigatório o seu uso; EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL
  • 8. EPI Rotineiros Máscara PFF1 Valvulada Óculos de Proteção Botina de Proteção Protetor Auditivo tipo Plug Protetor Auditivo tipo Concha EPI Atividadesespecíficas Avental Impermeável Luva de Látex Capacete Luva de Malha Pigmentada Cinto Tipo Paraquedista Creme de Proteção p/ as Mãos Máscara Facial de dois filtros Protetor Facial Bota de PVC EPI Solda Máscara PFF2 Valvulada Luva de Raspa de Couro Avental de Raspa de Couro Máscara para Solda (Protetor Facial) EPI’s FORNECIDOS:
  • 10. Quando devemos usar? Ao falarmos em proteção auditiva, devemos ter em mente duas variáveis: - Intensidade do Ruído - Tempo de Exposição A legislação brasileira determina os seguintes limites PROTEÇÃO AUDITIVA
  • 12. PERIGOS PARA OS OLHOS PROJEÇÃO DE PARTÍCULAS IMPACTOS CONTRA O ROSTO SUJEIRA PRODUTOS QUÍMICOS RADIAÇÃO NÃO IONIZANTE (SOLDA) CALOR - Outro equipamento que além de proteger os olhos, protege ainda o rosto do trabalhador é o Protetor Facial.
  • 14. Contusões; Queimaduras; Cortes; Fraturas; Esmagamento; Amputações PRINCIPAIS TIPOS DE LESÕES - Estatísticas apontam, que 1/3 dos 200.000 acidentes incapacitantes que ocorrem no trabalho a cada ano, são nas mãos.
  • 15. Consequência de Acidentes nas Mãos com perdas substanciais: Dificuldade de conseguir emprego; Dificuldade nas realizações de tarefas; Dificuldades de promoções; Restrições de atividades; Impossibilidade a prática de esportes; Sensação de incapacidade; Dificuldade de se alimentar, vestir e higienização pessoal; Dependência de pessoas; Problemas psicológicos, inclusive no meio familiar; Limitação física.
  • 16. QUE LUVA DEVO USAR? Luvas contra Risco Mecânico Luvas contra Risco Químico Luvas de Proteção mista
  • 19. Máscara PFF1 – Desenvolvida para filtrar poeiras e névoas Máscara PFF2 – Desenvolvida para filtrar poeiras, fumos e névoas (uso obrigatório em trabalho com solda) TIPOS DE MÁSCARAS: Máscara de duplo Filtro – Sua proteção dependerá do tipo de filtro utilizado (em geral, gases ácidos e vapores orgânicos)
  • 21. CINTO TIPO PARA- QUEDISTA AVENTAL IMPERMEÁVEL EQUIPAMENTOS DIVERSOS
  • 23. Existem uma infinidade de outros Equipamentos de Proteção Individual para os mais diferentes riscos. Todos tem sua utilidade e limitação. O fator mais importante que determinará a eficácia do equipamento é a postura do próprio colaborador. Use os EPI’s, mais que uma obrigação é um direito. NR – 06
  • 24. Que ao fim de cada dia de trabalho possamos retornar aos nossos lares
  • 25. CONTATOS Ligueouenvie-nosume-mail: claudioc.pontes@hotmail.com Fone: (41) 9156-3392/(46) 9108-8652 *Asdúvidasnãoesclarecidasserãorespondidaspore-mail