SlideShare uma empresa Scribd logo
Ficha de Leitura


Os Lusíadas de Luís Vaz de Camões

Adaptação em prosa de João de Barros




                                          Trabalho realizado por:
                                          João Jacinto, nº17, 9ºA
                                Escola Secundária Daniel Sampaio
                                                 Dezembro 2012
Índice:
• João de Barros;
• Luís Vaz de Camões;
• Sinopse da obra;
• Citações marcantes;
• Apreciação global da
obra.
-Foi um poeta, pedagogo e
   João de Barros              publicista português.
                               -Licenciou-se em Direito pela Universidade de
                               Coimbra;
                               -Dedicou-se às letras;
                               -Foi um dos últimos Ministros dos Negócios
                               Estrangeiros da Primeira República
                               Portuguesa;
                               -Dedicou os seus últimos anos de vida à
                               adaptação para a juventude de alguns dos
                               mais famosos textos clássicos, publicando
                               versões em prosa de Os Lusíadas de Luís Vaz
                               de Camões e da Odisseia de Homero.

 Nascimento: 4 de fevereiro
  de1881, Figueira da Foz
Morte: 25 de outubro de 1960


                                                                 Índice
-Filho de Simão Vaz de Camões e de Ana de
Luís Vaz de Camões                 Sá ou Macedo;
                                   -Não teve formação académica, talvez tenha
                                   estudado na Universidade de Coimbra, onde
                                   seu tio era pior, o que lhe permitiu acesso à
                                   biblioteca da Universidade;
                                   -Passou a juventude em Ceuta, onde
                                   começou uma carreira militar;
                                   -Serviu o rei 17 anos na Índia;
                                   -Publica em 1572 Os Lusíadas;
                                   -Não se pode relacionar a sua morte com a
                                   perda da Independência de Portugal.

Nascimento: 1524/1525, Lisboa (talvez)
     Morte: 10 de junho de 1580



                                                                     Índice
Sinopse da Obra
● Este livro narra a viagem da armada de Vasco da Gama à Índia.
● Após várias traições em terras africanas, os marinheiros portugueses, apesar de
bastantes dificuldades, vão para lá do Bojador e do Cabo das Tormentas.


● Terminadas as tormentas, a frota de Vasco da Gama é acolhida em Melinde,
onde lhe é concedido um piloto que os guiará até à Índia.

● Baco, inimigo de Portugal, vendo que o rei confiava nos portugueses, faz com
que, em Calecute, corra o boato das más pretensões lusitanas. Não preocupado,
Vasco da Gama consegue provas de que esteve em terras tão longínquas e
consegue voltar a Portugal.
● Durante a viagem de regresso, param na Ilha dos Amores, onde foram recebidos
por nereidas. Tétis, rainha das nereidas, narra a Gama feitos futuros dos lusitanos.
A frota regressa a Lisboa, onde é recebida com admiração e alegria.



                                                                       Índice
Citações marcantes
  “Era realmente a Índia, a Índia que os Portugueses buscavam, e que enfim
              alcançavam depois de obstinados e rudes trabalhos.”

-Escolhi esta frase, porque é o momento em que finalmente os portugueses
   conseguem alcançar o destino tão desejado e pelo qual tanto lutaram.

     “Glória ao povo de Portugal! Glória também ao Poeta que – braços às
     armas feito, mente às Musas dada – soube viver, trabalhar e combater
    pela Pátria, e imortalizar em versos de incomparável beleza a energia, o
      esforço, os feitos e os triunfos jamais igualados da ocidental gente
                                    lusitana!”


-Escolhi este parágrafo, porque ele nos mostra o valor de Luís Vaz de Camões e da
sua obra e também o esforço dos marinheiros portugueses.




                                                                   Índice
Apreciação global da história
Este livro é bastante interessante. Além de contar, de forma
clara e cativante, a viagem de Vasco da Gama e da sua frota à
Índia, mostra-nos o valor e a coragem dos lusitanos, que em tão
más condições realizaram uma dificílima viagem, conseguindo
um feito nunca antes alcançado.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Camões
CamõesCamões
Os lusiadas resumo
Os lusiadas resumoOs lusiadas resumo
Os lusiadas resumo
Jonatham Siqueira
 
Palavras do mundo portugal
Palavras do mundo portugalPalavras do mundo portugal
Palavras do mundo portugal
Maria Paredes
 
Caramuru o filme
Caramuru o filmeCaramuru o filme
Caramuru o filme
Edileia Soares de Souza
 
Os lusíadas resumo
Os lusíadas resumoOs lusíadas resumo
Os lusíadas resumo
Mirceya Lima
 
Os Lusíadas - Análise do Canto II
Os Lusíadas - Análise do Canto IIOs Lusíadas - Análise do Canto II
Os Lusíadas - Análise do Canto II
Letróloga Blog
 
Os Lusíadas Ilha dos Amores - Canto X
Os Lusíadas   Ilha dos Amores -  Canto XOs Lusíadas   Ilha dos Amores -  Canto X
Os Lusíadas Ilha dos Amores - Canto X
Maria Inês de Souza Vitorino Justino
 
2 os lusiadas_resumos_episodios.docx
2 os lusiadas_resumos_episodios.docx2 os lusiadas_resumos_episodios.docx
2 os lusiadas_resumos_episodios.docx
MargaridaMendona10
 
Conto da Ilha Desconhecida - Ficha de Leitura
Conto da Ilha Desconhecida - Ficha de LeituraConto da Ilha Desconhecida - Ficha de Leitura
Conto da Ilha Desconhecida - Ficha de Leitura
e- Arquivo
 
Pedro Peixoto
Pedro PeixotoPedro Peixoto
Pedro Peixoto
Pedro Peixoto
 
Os Lusíadas (Luis de Camões) - Canto II
Os Lusíadas (Luis de Camões) - Canto IIOs Lusíadas (Luis de Camões) - Canto II
Os Lusíadas (Luis de Camões) - Canto II
Sobre Letras
 
Diapositivos os lusíadas
Diapositivos os lusíadasDiapositivos os lusíadas
Diapositivos os lusíadas
mariatpina
 
Saga 3
Saga 3Saga 3
Camões, vida e epopeia
Camões, vida e epopeiaCamões, vida e epopeia
Camões, vida e epopeia
maria.j.fontes
 
Saga.docx
Saga.docxSaga.docx
Saga.docx
Belmira Baptista
 
Apresentação para décimo segundo ano de 2016 7, aula 124-125
Apresentação para décimo segundo ano de 2016 7, aula 124-125Apresentação para décimo segundo ano de 2016 7, aula 124-125
Apresentação para décimo segundo ano de 2016 7, aula 124-125
luisprista
 
en-literatura.blogspot.com
en-literatura.blogspot.comen-literatura.blogspot.com
en-literatura.blogspot.com
isaianabrito
 
Mia Couto 1
Mia Couto 1Mia Couto 1
Mia Couto 1
Carla Nunes
 
Milagrário pessoal
Milagrário pessoalMilagrário pessoal
Milagrário pessoal
Thepatriciamartins12
 
Apresentação para décimo segundo ano de 2016 7, aula 123
Apresentação para décimo segundo ano de 2016 7, aula 123Apresentação para décimo segundo ano de 2016 7, aula 123
Apresentação para décimo segundo ano de 2016 7, aula 123
luisprista
 

Mais procurados (20)

Camões
CamõesCamões
Camões
 
Os lusiadas resumo
Os lusiadas resumoOs lusiadas resumo
Os lusiadas resumo
 
Palavras do mundo portugal
Palavras do mundo portugalPalavras do mundo portugal
Palavras do mundo portugal
 
Caramuru o filme
Caramuru o filmeCaramuru o filme
Caramuru o filme
 
Os lusíadas resumo
Os lusíadas resumoOs lusíadas resumo
Os lusíadas resumo
 
Os Lusíadas - Análise do Canto II
Os Lusíadas - Análise do Canto IIOs Lusíadas - Análise do Canto II
Os Lusíadas - Análise do Canto II
 
Os Lusíadas Ilha dos Amores - Canto X
Os Lusíadas   Ilha dos Amores -  Canto XOs Lusíadas   Ilha dos Amores -  Canto X
Os Lusíadas Ilha dos Amores - Canto X
 
2 os lusiadas_resumos_episodios.docx
2 os lusiadas_resumos_episodios.docx2 os lusiadas_resumos_episodios.docx
2 os lusiadas_resumos_episodios.docx
 
Conto da Ilha Desconhecida - Ficha de Leitura
Conto da Ilha Desconhecida - Ficha de LeituraConto da Ilha Desconhecida - Ficha de Leitura
Conto da Ilha Desconhecida - Ficha de Leitura
 
Pedro Peixoto
Pedro PeixotoPedro Peixoto
Pedro Peixoto
 
Os Lusíadas (Luis de Camões) - Canto II
Os Lusíadas (Luis de Camões) - Canto IIOs Lusíadas (Luis de Camões) - Canto II
Os Lusíadas (Luis de Camões) - Canto II
 
Diapositivos os lusíadas
Diapositivos os lusíadasDiapositivos os lusíadas
Diapositivos os lusíadas
 
Saga 3
Saga 3Saga 3
Saga 3
 
Camões, vida e epopeia
Camões, vida e epopeiaCamões, vida e epopeia
Camões, vida e epopeia
 
Saga.docx
Saga.docxSaga.docx
Saga.docx
 
Apresentação para décimo segundo ano de 2016 7, aula 124-125
Apresentação para décimo segundo ano de 2016 7, aula 124-125Apresentação para décimo segundo ano de 2016 7, aula 124-125
Apresentação para décimo segundo ano de 2016 7, aula 124-125
 
en-literatura.blogspot.com
en-literatura.blogspot.comen-literatura.blogspot.com
en-literatura.blogspot.com
 
Mia Couto 1
Mia Couto 1Mia Couto 1
Mia Couto 1
 
Milagrário pessoal
Milagrário pessoalMilagrário pessoal
Milagrário pessoal
 
Apresentação para décimo segundo ano de 2016 7, aula 123
Apresentação para décimo segundo ano de 2016 7, aula 123Apresentação para décimo segundo ano de 2016 7, aula 123
Apresentação para décimo segundo ano de 2016 7, aula 123
 

Destaque

Os lusíadas
Os lusíadasOs lusíadas
Os lusíadas
Neia Marques
 
Lusiadas 8 b 3p
Lusiadas 8 b 3pLusiadas 8 b 3p
Lusiadas 8 b 3p
Profmaria
 
Os Lusíadas de Luís de Camões
Os Lusíadas de Luís de CamõesOs Lusíadas de Luís de Camões
Os Lusíadas de Luís de Camões
Gijasilvelitz 2
 
Trabalho sobre Os Lusíadas. João e Vanessa 9º B
Trabalho sobre Os Lusíadas. João e Vanessa 9º BTrabalho sobre Os Lusíadas. João e Vanessa 9º B
Trabalho sobre Os Lusíadas. João e Vanessa 9º B
esabelbotelho
 
Contextualização Lusíadas
Contextualização LusíadasContextualização Lusíadas
Contextualização Lusíadas
Antónia Mancha
 
Velho do Restelo
Velho do ResteloVelho do Restelo
Velho do Restelo
nelsonalves70
 
Análise do canto ix
Análise do canto ixAnálise do canto ix
Análise do canto ix
Karyn XP
 
Contextualização d'Os Lusíadas
Contextualização d'Os LusíadasContextualização d'Os Lusíadas
Contextualização d'Os Lusíadas
Dina Baptista
 
Despedidas em Belém e Velho do Restelo
Despedidas em Belém e Velho do ResteloDespedidas em Belém e Velho do Restelo
Despedidas em Belém e Velho do Restelo
sin3stesia
 
Os Lusíadas - Reflexões do Poeta
Os Lusíadas - Reflexões do PoetaOs Lusíadas - Reflexões do Poeta
Os Lusíadas - Reflexões do Poeta
Dina Baptista
 
Análise de Os Lusíadas
Análise de Os Lusíadas Análise de Os Lusíadas
Análise de Os Lusíadas
Lurdes Augusto
 

Destaque (11)

Os lusíadas
Os lusíadasOs lusíadas
Os lusíadas
 
Lusiadas 8 b 3p
Lusiadas 8 b 3pLusiadas 8 b 3p
Lusiadas 8 b 3p
 
Os Lusíadas de Luís de Camões
Os Lusíadas de Luís de CamõesOs Lusíadas de Luís de Camões
Os Lusíadas de Luís de Camões
 
Trabalho sobre Os Lusíadas. João e Vanessa 9º B
Trabalho sobre Os Lusíadas. João e Vanessa 9º BTrabalho sobre Os Lusíadas. João e Vanessa 9º B
Trabalho sobre Os Lusíadas. João e Vanessa 9º B
 
Contextualização Lusíadas
Contextualização LusíadasContextualização Lusíadas
Contextualização Lusíadas
 
Velho do Restelo
Velho do ResteloVelho do Restelo
Velho do Restelo
 
Análise do canto ix
Análise do canto ixAnálise do canto ix
Análise do canto ix
 
Contextualização d'Os Lusíadas
Contextualização d'Os LusíadasContextualização d'Os Lusíadas
Contextualização d'Os Lusíadas
 
Despedidas em Belém e Velho do Restelo
Despedidas em Belém e Velho do ResteloDespedidas em Belém e Velho do Restelo
Despedidas em Belém e Velho do Restelo
 
Os Lusíadas - Reflexões do Poeta
Os Lusíadas - Reflexões do PoetaOs Lusíadas - Reflexões do Poeta
Os Lusíadas - Reflexões do Poeta
 
Análise de Os Lusíadas
Análise de Os Lusíadas Análise de Os Lusíadas
Análise de Os Lusíadas
 

Semelhante a J jacinto os lusiadas

Camões
CamõesCamões
Camões
CamõesCamões
Camões
CamõesCamões
Biografia de Luís Vaz de Camões
Biografia de Luís Vaz de CamõesBiografia de Luís Vaz de Camões
Biografia de Luís Vaz de Camões
camoesparasempre
 
Biografia de Luís Vaz de Camões
Biografia de Luís Vaz de CamõesBiografia de Luís Vaz de Camões
Biografia de Luís Vaz de Camões
camoesparasempre
 
Vida de camões epopeia
Vida de camões epopeiaVida de camões epopeia
Vida de camões epopeia
claudiarmarques
 
Luís de camões patrick
Luís de camões patrickLuís de camões patrick
Luís de camões patrick
iosi2012
 
Camões e a epopeia
Camões e a epopeiaCamões e a epopeia
Camões e a epopeia
isabeldovaletrabucho
 
Luís vaz de camões
Luís vaz de camõesLuís vaz de camões
Luís vaz de camões
Ministério da Educação
 
Biografia De CamõEs
Biografia De CamõEsBiografia De CamõEs
Biografia De CamõEs
spidi_pt
 
Camoes vida-e-obra
Camoes vida-e-obraCamoes vida-e-obra
Camoes vida-e-obra
Helena Coutinho
 
Lusiadas eloisa silva, jailson barbosa, nilton estevão e eric luis
Lusiadas eloisa silva, jailson barbosa, nilton estevão e eric luisLusiadas eloisa silva, jailson barbosa, nilton estevão e eric luis
Lusiadas eloisa silva, jailson barbosa, nilton estevão e eric luis
juninhowwave
 
Os lusiadas introdução
Os lusiadas introduçãoOs lusiadas introdução
Os lusiadas introdução
Elsa Maximiano
 
Autobiografia de Luís de Camões
Autobiografia de Luís de CamõesAutobiografia de Luís de Camões
Autobiografia de Luís de Camões
LetceO
 
Exemplo de Autobiografia (Luís Vaz de Camões)
Exemplo de Autobiografia (Luís Vaz de Camões)Exemplo de Autobiografia (Luís Vaz de Camões)
Exemplo de Autobiografia (Luís Vaz de Camões)
School help
 
Camões e os lusíadas
Camões e os lusíadasCamões e os lusíadas
Camões e os lusíadas
Maria Rodrigues
 
Luiz Vaz de Camoes - Vida-e-Obra .ppt
Luiz  Vaz  de  Camoes - Vida-e-Obra .pptLuiz  Vaz  de  Camoes - Vida-e-Obra .ppt
Luiz Vaz de Camoes - Vida-e-Obra .ppt
Marlene Cunhada
 
Luis - Vaz - de - Camoes-Vida-e-Obra.ppt
Luis - Vaz - de - Camoes-Vida-e-Obra.pptLuis - Vaz - de - Camoes-Vida-e-Obra.ppt
Luis - Vaz - de - Camoes-Vida-e-Obra.ppt
Marlene Cunhada
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Seção de Obras Raras - Os lusíadas
Sistema de Bibliotecas UCS - Seção de Obras Raras - Os lusíadasSistema de Bibliotecas UCS - Seção de Obras Raras - Os lusíadas
Sistema de Bibliotecas UCS - Seção de Obras Raras - Os lusíadas
Biblioteca UCS
 
Luís de Camões
Luís de CamõesLuís de Camões
Luís de Camões
EFA11
 

Semelhante a J jacinto os lusiadas (20)

Camões
CamõesCamões
Camões
 
Camões
CamõesCamões
Camões
 
Camões
CamõesCamões
Camões
 
Biografia de Luís Vaz de Camões
Biografia de Luís Vaz de CamõesBiografia de Luís Vaz de Camões
Biografia de Luís Vaz de Camões
 
Biografia de Luís Vaz de Camões
Biografia de Luís Vaz de CamõesBiografia de Luís Vaz de Camões
Biografia de Luís Vaz de Camões
 
Vida de camões epopeia
Vida de camões epopeiaVida de camões epopeia
Vida de camões epopeia
 
Luís de camões patrick
Luís de camões patrickLuís de camões patrick
Luís de camões patrick
 
Camões e a epopeia
Camões e a epopeiaCamões e a epopeia
Camões e a epopeia
 
Luís vaz de camões
Luís vaz de camõesLuís vaz de camões
Luís vaz de camões
 
Biografia De CamõEs
Biografia De CamõEsBiografia De CamõEs
Biografia De CamõEs
 
Camoes vida-e-obra
Camoes vida-e-obraCamoes vida-e-obra
Camoes vida-e-obra
 
Lusiadas eloisa silva, jailson barbosa, nilton estevão e eric luis
Lusiadas eloisa silva, jailson barbosa, nilton estevão e eric luisLusiadas eloisa silva, jailson barbosa, nilton estevão e eric luis
Lusiadas eloisa silva, jailson barbosa, nilton estevão e eric luis
 
Os lusiadas introdução
Os lusiadas introduçãoOs lusiadas introdução
Os lusiadas introdução
 
Autobiografia de Luís de Camões
Autobiografia de Luís de CamõesAutobiografia de Luís de Camões
Autobiografia de Luís de Camões
 
Exemplo de Autobiografia (Luís Vaz de Camões)
Exemplo de Autobiografia (Luís Vaz de Camões)Exemplo de Autobiografia (Luís Vaz de Camões)
Exemplo de Autobiografia (Luís Vaz de Camões)
 
Camões e os lusíadas
Camões e os lusíadasCamões e os lusíadas
Camões e os lusíadas
 
Luiz Vaz de Camoes - Vida-e-Obra .ppt
Luiz  Vaz  de  Camoes - Vida-e-Obra .pptLuiz  Vaz  de  Camoes - Vida-e-Obra .ppt
Luiz Vaz de Camoes - Vida-e-Obra .ppt
 
Luis - Vaz - de - Camoes-Vida-e-Obra.ppt
Luis - Vaz - de - Camoes-Vida-e-Obra.pptLuis - Vaz - de - Camoes-Vida-e-Obra.ppt
Luis - Vaz - de - Camoes-Vida-e-Obra.ppt
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Seção de Obras Raras - Os lusíadas
Sistema de Bibliotecas UCS - Seção de Obras Raras - Os lusíadasSistema de Bibliotecas UCS - Seção de Obras Raras - Os lusíadas
Sistema de Bibliotecas UCS - Seção de Obras Raras - Os lusíadas
 
Luís de Camões
Luís de CamõesLuís de Camões
Luís de Camões
 

J jacinto os lusiadas

  • 1. Ficha de Leitura Os Lusíadas de Luís Vaz de Camões Adaptação em prosa de João de Barros Trabalho realizado por: João Jacinto, nº17, 9ºA Escola Secundária Daniel Sampaio Dezembro 2012
  • 2. Índice: • João de Barros; • Luís Vaz de Camões; • Sinopse da obra; • Citações marcantes; • Apreciação global da obra.
  • 3. -Foi um poeta, pedagogo e João de Barros publicista português. -Licenciou-se em Direito pela Universidade de Coimbra; -Dedicou-se às letras; -Foi um dos últimos Ministros dos Negócios Estrangeiros da Primeira República Portuguesa; -Dedicou os seus últimos anos de vida à adaptação para a juventude de alguns dos mais famosos textos clássicos, publicando versões em prosa de Os Lusíadas de Luís Vaz de Camões e da Odisseia de Homero. Nascimento: 4 de fevereiro de1881, Figueira da Foz Morte: 25 de outubro de 1960 Índice
  • 4. -Filho de Simão Vaz de Camões e de Ana de Luís Vaz de Camões Sá ou Macedo; -Não teve formação académica, talvez tenha estudado na Universidade de Coimbra, onde seu tio era pior, o que lhe permitiu acesso à biblioteca da Universidade; -Passou a juventude em Ceuta, onde começou uma carreira militar; -Serviu o rei 17 anos na Índia; -Publica em 1572 Os Lusíadas; -Não se pode relacionar a sua morte com a perda da Independência de Portugal. Nascimento: 1524/1525, Lisboa (talvez) Morte: 10 de junho de 1580 Índice
  • 5. Sinopse da Obra ● Este livro narra a viagem da armada de Vasco da Gama à Índia. ● Após várias traições em terras africanas, os marinheiros portugueses, apesar de bastantes dificuldades, vão para lá do Bojador e do Cabo das Tormentas. ● Terminadas as tormentas, a frota de Vasco da Gama é acolhida em Melinde, onde lhe é concedido um piloto que os guiará até à Índia. ● Baco, inimigo de Portugal, vendo que o rei confiava nos portugueses, faz com que, em Calecute, corra o boato das más pretensões lusitanas. Não preocupado, Vasco da Gama consegue provas de que esteve em terras tão longínquas e consegue voltar a Portugal. ● Durante a viagem de regresso, param na Ilha dos Amores, onde foram recebidos por nereidas. Tétis, rainha das nereidas, narra a Gama feitos futuros dos lusitanos. A frota regressa a Lisboa, onde é recebida com admiração e alegria. Índice
  • 6. Citações marcantes “Era realmente a Índia, a Índia que os Portugueses buscavam, e que enfim alcançavam depois de obstinados e rudes trabalhos.” -Escolhi esta frase, porque é o momento em que finalmente os portugueses conseguem alcançar o destino tão desejado e pelo qual tanto lutaram. “Glória ao povo de Portugal! Glória também ao Poeta que – braços às armas feito, mente às Musas dada – soube viver, trabalhar e combater pela Pátria, e imortalizar em versos de incomparável beleza a energia, o esforço, os feitos e os triunfos jamais igualados da ocidental gente lusitana!” -Escolhi este parágrafo, porque ele nos mostra o valor de Luís Vaz de Camões e da sua obra e também o esforço dos marinheiros portugueses. Índice
  • 7. Apreciação global da história Este livro é bastante interessante. Além de contar, de forma clara e cativante, a viagem de Vasco da Gama e da sua frota à Índia, mostra-nos o valor e a coragem dos lusitanos, que em tão más condições realizaram uma dificílima viagem, conseguindo um feito nunca antes alcançado.