SlideShare uma empresa Scribd logo
Internet das coisas
Internet das Coisas
Internet of Things (IoT)
Nome: Rogerio Alencar Filho
Empresa: SA Tecnologia Sistemas de Automação
hobby: Analista de Sistemas (web/mobile),
Desenvolvedor de software/hardware
facebook: https://facebook.com/rogerioalencar
twitter: https://twitter.com/rogerin
github: https://github.com/rogerin
youtube: https://youtube.com/user/rogerim
Internet das coisas
HISTORIA..
A Internet das coisas (inglês: Internet of Things) é, fruto do trabalho
desenvolvido pelo MIT Auto-ID Laboratory, recorrendo ao uso do RFID e
Wireless Sensor Networks. O objetivo foi, desde o início, criar um sistema
global de registro de bens usando a single numbering system chamado
Electronic Product Code. A Internet das coisas é uma revolução tecnológica
que representa o futuro da computação e da comunicação e cujo
desenvolvimento depende da inovação técnica dinâmica em campos tão
importantes como os sensores wireless e a nanotecnologia.
DE ONDE VEIO ISSO!
A tecnologia RFID que usa frequências de rádio para identificar os produtos é vista como
potenciadora da Internet das Coisas. Embora algumas vezes identificada como a sucessora dos
códigos de barras os sistemas RFID oferecem para além da identificação de objectos informações
importantes sobre o seu estado e localização.
Estes sistemas foram primeiramente usados na indústria farmacêutica, em grandes armazéns e na saúde. As
mais recentes aplicações vão dos desportos e actividades de tempos livres à segurança pessoal. Etiquetas (também
chamadas de "tags") RFID estão a ser implantados debaixo da pele humana para fins médicos e também em
passaportes e cartas de condução. Leitores RFID estão também a ser incluídos em telemóveis. Para além do RFID, a
capacidade de detectar mudanças no estado físico das coisas é também essencial para registar mudanças no meio
ambiente. Por exemplo os sensores usados numa peça de vestuário inteligente podem registrar as mudanças de
temperatura no exterior e ajustar-se de acordo com elas.
Internet das coisas
DEPENDIA!!
Finalmente, os avanços ao nível da miniaturização e da nanotecnologia significam que cada vez
mais pequenos objectos terão a capacidade de interagir e se conectar. A combinação destes
desenvolvimentos criará uma Internet das Coisas (Internet of Things) que liga os objectos do mundo
de um modo sensorial e inteligente.
Raspberry PI B+ Intel Edison
O que é “Raspberry PI”
Raspberry Pi é um computador do tamanho de um cartão de crédito desenvolvido no Reino Unido
pela Fundação Raspberry Pi. Todo o hardware é integrado em uma única placa. O objetivo principal é
de estimular o ensino de ciência da computação básica em escolas.
A Fundação Raspberry Pi começou a aceitar pedidos do modelo de US$35 a partir de 29 de fevereiro
de 2012.
O computador é baseado em um system on a chip (SoC) Broadcom BCM2835, que inclui um
processador ARM1176JZF-S de 700 MHz, GPU VideoCore IV, e 512 MB de memória RAM em sua
última revisão. O projeto não inclui uma memória não-volátil - como um disco rígido - mas possui uma
entrada de cartão SD para armazenamento de dados.
Internet das coisas
O que é “Raspberry PI”
Raspberry PI e seu Hardware
Existem atualmente dois modelos: Modelo A e Modelo B. A grande diferença entre os dois modelos é
que o Modelo B possui um controlador Ethernet e duas portas USB, enquanto que o Modelo A possui
apenas uma porta USB e nenhuma porta de Ethernet.
Apesar de não possuir a porta Ethernet, o Modelo A pode ser conectado a internet através de um
adaptador USB de Ethernet ou Wi-Fi.
O Raspberry Pi não possui um relógio de tempo real (RTC), criando a necessidade do sistema
operacional usar um Network Time Protocol (NTP), ou do usuário fornecer a hora ao sistema. Porém,
um relógio de tempo real (como o DS1307) pode ser adicionado pela interface I²C.
Raspberry PI e seu Hardware
Modelo A Modelo B
Preço
esperado:[1]
US$25 US$35[2]
SoC:[1] Broadcom BCM2835 (CPU, GPU, DSP, e SDRAM)[3]
CPU: 700 MHz ARM1176JZF-S core (ARM11 family)[3]
GPU: Broadcom VideoCore IV,[4] OpenGL ES 2.0,
1080p30 decodificador h.264/MPEG-4 AVC[3]
Memória
(SDRAM):
512 MB (compartilhada com GPU)
Portas USB
2.0:[5]
1 2 (via hub USB integrado)[6]
Saídas de
vídeo:[1]
RCA Composto (PAL & NTSC), HDMI (rev 1.3 &
1.4)[7], Painéis LCD via DSI[8][9]
14 resoluções HDMI de 640×350 à 1920×1200 mais
diversos padrões PAL e NTSC.[10]
Saídas de
áudio:[1]
Conector de 3.5 mm, HDMI
Modelo A Modelo B
Saídas de
áudio:[1]
Conector de 3.5 mm, HDMI
Armazename
nto
onboard:[5]
SD / MMC / slot para cartão SDIO
Rede
onboard:[1][5]
Nenhuma 10/100 Ethernet (RJ45)[6]
Periféricos de
baixo nível:
8 × GPIO, UART, I²C, SPI com dois seletores de chip,
+3.3 V, +5 V, terra[4][11]
Power
ratings:
500 mA (2.5 W)[1] 700 mA (3.5 W)
Fonte de
energia:[1]
5 volt via MicroUSB ou header GPIO
Tamanho: 85,60 mm × 53,98 mm[12]
Sistemas
Operacionais
Debian GNU/Linux, Fedora, Arch Linux, Raspbian[13],
RISC OS[14]
Raspberry PI
Raspberry PI B+
GPIO cresceu para 40 pinos, modelo anterior
apenas com 26 pinos.
Mais USB, 4 portas USB 2.0, em comparação
a 2 sobre o Modelo B.
Micro SD. O soquete do cartão SD encaixados
antiga foi substituída por uma versão muito
mais agradável micro SD.
Menor consumo de energia. Reduzindo o
consumo de energia entre 0,5 W e 1W.
Melhor qualidade de áudio. O circuito de áudio
incorpora uma fonte de alimentação de baixo
ruído dedicado.
Detalhes da localização dos componentes
Internet das coisas
O que fazer com o Raspberry PI?
O que fazer com o Raspberry PI?
Cluster`s
O que fazer com o Raspberry PI?
Marketing
O que fazer com o Raspberry PI?
PiPhone
O que fazer com o Raspberry PI?
Espaço
O que fazer com o Raspberry PI?
http://c9.io
O que fazer com o Raspberry PI?
JASPER
O que fazer com o Raspberry PI?
Central de jogos
O que fazer com o Raspberry PI?
Meu favorito
BeagleBone Black
UDOO
UDOO
Internet das coisas
Intel Edison
Dual core, bluetooth, wifi.. etc..etc...
Intel Edison
O Edison custa US$ 50, apresenta 1 GB LPDDR3 de memória RAM, voltagem
de 3,3 V até 4,5 V, processador Quark SOC (2 núcleos com clock de 400 MHz) , duas
bandas de frequência (2,4 GHz e 5 GHz), Wifi e Bluetooth integrado, memória
interna flash de 4 GB eMMC e sistema operacional Yocto Linux versão 1.6. Ele
também dispõe de duas entradas USB, suporte a outros cartões SD e uma
entrada de 70 pinos GPIO, Transistores de 22nm (2,2 × 10 centimetros).
Intel Edison
-6
ENIAC - 1946 Electronic Numerical Integrator And Computer
- 30 toneladas
- 180 m² de área construída
- US$ 500 mil (US$ 6 milhões
atualmente)
- 70 mil resístores
- 18 mil válvulas de vácuo
- consumiam 200 mil watts
Apesar de ter uma capacidade de
operação menor do que qualquer
calculadora de mão moderna, durante
seus 10 anos de operação o ENIAC
“realizou mais contas do que toda
humanidade já havia feito em sua
história”. No final de sua carreira, um
concorrente com o dobro da capacidade
custava o equivalente a US$ 200 mil e
tinha apenas 10% de seu tamanho.
Internet das coisas
Intel Edison
Intel Edison
O que fazer com o Intel Edison?
Internet das coisas
Intel Edison
Internet das coisas
Cluster`s
Internet das coisas
MUDANÇA NO MODELO DE NEGOCIO
“No futuro, uma caixa de leite trará um sensor que identifica na parte de
fora se a bebida está própria para o consumo, deixando uma etiqueta verde se
estiver bom e vermelho se não estiver. Uma fabricante que tiver problemas
com uma remessa de leite que azedou antes do tempo terá, por meio da
Internet das Coisas, uma visão inteligente da sua malha de destribuição, e
poderá encontrar o caminhão que levou essa remessa e descobrir, por
exemplo, que ele não estava com a temperatura de resfriamento adequada”.
--- Henrique Amaral, executivo de servidores e storage da IBM Brasil.
Infinidade de Protocolos!!
AllJoyn – Grupo da Qualcomm (com Cisco, Microsoft e LG)
OIC – Grupo da Intel (com Samsung),
Thread – Grupo do Google (com a Samsung e ARM)
Apple
MQTT
…
….
….
O TRAFEGO NA REDE VAI
EXPLODIR!!
O tráfego IP global para conexões fixas e móveis deve chegar a uma taxa anual de 1,6 zettabytes* -
mais de um trilhão e meio de gigabytes por ano, até 2018. O tráfego anual IP projetado para 2018
será maior do que todo o tráfego gerado mundialmente no período de 1984 até 2013 (1,3 zettabytes),
o que significa que o tráfego global IP deverá triplicar nos próximos cinco anos, revela o estudo
global Cisco® Visual Networking Index™ (VNI) and Service Adoption para o período de 2013 a 2018.
O levantamento prevê que a mobilidade será o grande demandador de tráfego na Internet. Tanto que
projeta 645 milhões de dispositivos conectados em 2018, diante de 418,5 milhões em 2013. O
sucesso das conexões M2M fica evidenciado. O estudo diz que as conexões M2M também devem
aumentar no período, respondendo por 29% (187,5 milhões) de todos dispositivos conectados em
2018, comparado com 16% (65,7 milhões) em 2013.
IPv4 e ”Internet das Coisas”?
IPv4: (4x109) 4.000.000.000 de endereços IP cerca de 4 bilhões de IPs.
IPv6: Portas abertas para a era da
“Internet das Coisas”
IPv4: (4x109) 4.000.000.000 de endereços IP cerca de 4 bilhões de IPs.
IPv6: (3,4x1038) 340.000.000.000.000.000.000.000.000.000.000.000.000 de
endereços de IP do novo protocolo.
Vamos ver na pratica como essa “internet das
coisas” funciona! Vamos mostrar um pneu que
vai enviar para uma plicativo web/mobile sua
temperatura.
Exemplo real
Servidor
- Temperatura
- Informações
Diversas
- Ações
- Confirmação
- Alertas
Demostração
Servidor
- Temperatura
- Pressão
- RMP
- Peso
- Detector de foco de
incêndio
- Leitor de placas transito e
veículos
- Faixas pintadas
- Trepidação
- GPS
- Ações
- Confirmação
- Alertas

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Internet das Coisas - Tudo e todos conectados!
Internet das Coisas - Tudo e todos conectados!Internet das Coisas - Tudo e todos conectados!
Internet das Coisas - Tudo e todos conectados!
André Curvello
 
A Internet das Coisas
A Internet das CoisasA Internet das Coisas
A Internet das Coisas
Luiz Avila
 
Internet das coisas
Internet das coisasInternet das coisas
Internet das coisas
Celso Marques Mangueira
 
Internet das Coisas e o Futuro da Internet
Internet das Coisas e o Futuro da InternetInternet das Coisas e o Futuro da Internet
Internet das Coisas e o Futuro da Internet
Andre Peres
 
Internet das Coisas - Conceitos, tecnologias e aplicações
Internet das Coisas - Conceitos, tecnologias e aplicaçõesInternet das Coisas - Conceitos, tecnologias e aplicações
Internet das Coisas - Conceitos, tecnologias e aplicações
Fabio Souza
 
CTIA 2015 - Internet das Coisas
CTIA 2015 - Internet das CoisasCTIA 2015 - Internet das Coisas
CTIA 2015 - Internet das Coisas
Kiev Gama
 
Internet das Coisas
Internet das CoisasInternet das Coisas
Internet das Coisas
Programa ProLíder
 
Introdução a Internet das Coisas
Introdução a Internet das CoisasIntrodução a Internet das Coisas
Introdução a Internet das Coisas
Tiago Barros
 
Internet das Coisas
Internet das CoisasInternet das Coisas
Internet das Coisas
Elizabeth Fantauzzi
 
Internet das coisas
Internet das coisasInternet das coisas
Internet das coisas
Alexandre Pitta
 
[Wica 2015] o que é internet das coisas
[Wica 2015] o que é internet das coisas[Wica 2015] o que é internet das coisas
[Wica 2015] o que é internet das coisas
Victor Hugo Batista
 
Aplicações de embarcados - IoT
Aplicações de embarcados - IoTAplicações de embarcados - IoT
Aplicações de embarcados - IoT
André Curvello
 
Internet Das coisa
Internet Das coisaInternet Das coisa
Internet Das coisa
sergiocrespo
 
IoT - Internet of Things
IoT -  Internet of ThingsIoT -  Internet of Things
IoT - Internet of Things
Frederico Madeira
 
Internet das Coisas (Internet of Things - IoT)
Internet das Coisas (Internet of Things - IoT)Internet das Coisas (Internet of Things - IoT)
Internet das Coisas (Internet of Things - IoT)
Desiree Santos
 
Internet das Coisas (IoT): Indo além da conectividade
Internet das Coisas (IoT): Indo além da conectividadeInternet das Coisas (IoT): Indo além da conectividade
Internet das Coisas (IoT): Indo além da conectividade
Leonardo Marcão Florentino
 
Novas plataformas de baixo custo para a Internet das Coisas
Novas plataformas de baixo custo para a Internet das CoisasNovas plataformas de baixo custo para a Internet das Coisas
Novas plataformas de baixo custo para a Internet das Coisas
Italo Lelis de Carvalho
 
Internet das Coisas - Uma Revolução que vale a pena participar
Internet das Coisas - Uma Revolução que vale a pena participarInternet das Coisas - Uma Revolução que vale a pena participar
Internet das Coisas - Uma Revolução que vale a pena participar
André Curvello
 
Internet das coisas - A revolução já começou
Internet das coisas - A revolução já começouInternet das coisas - A revolução já começou
Internet das coisas - A revolução já começou
Jose Wilker
 
Internet das Coisas: Aplicativos, Games e Plataformas
Internet das Coisas: Aplicativos, Games e PlataformasInternet das Coisas: Aplicativos, Games e Plataformas
Internet das Coisas: Aplicativos, Games e Plataformas
Leandro Andrade
 

Mais procurados (20)

Internet das Coisas - Tudo e todos conectados!
Internet das Coisas - Tudo e todos conectados!Internet das Coisas - Tudo e todos conectados!
Internet das Coisas - Tudo e todos conectados!
 
A Internet das Coisas
A Internet das CoisasA Internet das Coisas
A Internet das Coisas
 
Internet das coisas
Internet das coisasInternet das coisas
Internet das coisas
 
Internet das Coisas e o Futuro da Internet
Internet das Coisas e o Futuro da InternetInternet das Coisas e o Futuro da Internet
Internet das Coisas e o Futuro da Internet
 
Internet das Coisas - Conceitos, tecnologias e aplicações
Internet das Coisas - Conceitos, tecnologias e aplicaçõesInternet das Coisas - Conceitos, tecnologias e aplicações
Internet das Coisas - Conceitos, tecnologias e aplicações
 
CTIA 2015 - Internet das Coisas
CTIA 2015 - Internet das CoisasCTIA 2015 - Internet das Coisas
CTIA 2015 - Internet das Coisas
 
Internet das Coisas
Internet das CoisasInternet das Coisas
Internet das Coisas
 
Introdução a Internet das Coisas
Introdução a Internet das CoisasIntrodução a Internet das Coisas
Introdução a Internet das Coisas
 
Internet das Coisas
Internet das CoisasInternet das Coisas
Internet das Coisas
 
Internet das coisas
Internet das coisasInternet das coisas
Internet das coisas
 
[Wica 2015] o que é internet das coisas
[Wica 2015] o que é internet das coisas[Wica 2015] o que é internet das coisas
[Wica 2015] o que é internet das coisas
 
Aplicações de embarcados - IoT
Aplicações de embarcados - IoTAplicações de embarcados - IoT
Aplicações de embarcados - IoT
 
Internet Das coisa
Internet Das coisaInternet Das coisa
Internet Das coisa
 
IoT - Internet of Things
IoT -  Internet of ThingsIoT -  Internet of Things
IoT - Internet of Things
 
Internet das Coisas (Internet of Things - IoT)
Internet das Coisas (Internet of Things - IoT)Internet das Coisas (Internet of Things - IoT)
Internet das Coisas (Internet of Things - IoT)
 
Internet das Coisas (IoT): Indo além da conectividade
Internet das Coisas (IoT): Indo além da conectividadeInternet das Coisas (IoT): Indo além da conectividade
Internet das Coisas (IoT): Indo além da conectividade
 
Novas plataformas de baixo custo para a Internet das Coisas
Novas plataformas de baixo custo para a Internet das CoisasNovas plataformas de baixo custo para a Internet das Coisas
Novas plataformas de baixo custo para a Internet das Coisas
 
Internet das Coisas - Uma Revolução que vale a pena participar
Internet das Coisas - Uma Revolução que vale a pena participarInternet das Coisas - Uma Revolução que vale a pena participar
Internet das Coisas - Uma Revolução que vale a pena participar
 
Internet das coisas - A revolução já começou
Internet das coisas - A revolução já começouInternet das coisas - A revolução já começou
Internet das coisas - A revolução já começou
 
Internet das Coisas: Aplicativos, Games e Plataformas
Internet das Coisas: Aplicativos, Games e PlataformasInternet das Coisas: Aplicativos, Games e Plataformas
Internet das Coisas: Aplicativos, Games e Plataformas
 

Destaque

Minicurso CONIC - Internet das Coisas
Minicurso CONIC - Internet das CoisasMinicurso CONIC - Internet das Coisas
Minicurso CONIC - Internet das Coisas
Romulo Fagundes
 
Internet das Coisas no Marketing Digital
Internet das Coisas no Marketing DigitalInternet das Coisas no Marketing Digital
Internet das Coisas no Marketing Digital
iProspect Brasil
 
Faculdade jk
Faculdade jkFaculdade jk
Palestra semana pedagógica2
Palestra semana pedagógica2Palestra semana pedagógica2
Palestra semana pedagógica2
Carlos Wagner Costa
 
Rasberry Pi + XBMC
Rasberry Pi + XBMC Rasberry Pi + XBMC
Rasberry Pi + XBMC
Igo Romero
 
RASPBERRY PI BRASIL REVISÃO "B"
RASPBERRY PI BRASIL REVISÃO "B"RASPBERRY PI BRASIL REVISÃO "B"
RASPBERRY PI BRASIL REVISÃO "B"
Lojamundi
 
O potencial educativo do Raspberry Pi
O potencial educativo do Raspberry PiO potencial educativo do Raspberry Pi
O potencial educativo do Raspberry Pi
Edgar Costa
 
Desvendando o BrewPi
Desvendando o BrewPiDesvendando o BrewPi
Desvendando o BrewPi
Luis Balbinot
 
Internet das Coisas - V Seminário de Inovação em Governo Eletrônico PROCERGS
Internet das Coisas - V Seminário de Inovação em Governo Eletrônico PROCERGSInternet das Coisas - V Seminário de Inovação em Governo Eletrônico PROCERGS
Internet das Coisas - V Seminário de Inovação em Governo Eletrônico PROCERGS
André Pase
 
Arduino, Raspberry Pi Ou FPGA?
Arduino, Raspberry Pi  Ou FPGA?Arduino, Raspberry Pi  Ou FPGA?
Arduino, Raspberry Pi Ou FPGA?
Pedro Henrique
 
Internet das Coisas
Internet das CoisasInternet das Coisas
Arquitetura arm
Arquitetura armArquitetura arm
Oficina II - RASPBX
Oficina II - RASPBXOficina II - RASPBX
Oficina II - RASPBX
Marcelo Laranjeira Melo
 
Arquitetura ARM - Raspberry Pi
Arquitetura ARM - Raspberry PiArquitetura ARM - Raspberry Pi
Arquitetura ARM - Raspberry Pi
Juliane Silva
 
Saber eletrônica 465
Saber eletrônica 465Saber eletrônica 465
Saber eletrônica 465
Venicio Pontes
 
Aulas papel social_escola
Aulas papel social_escolaAulas papel social_escola
Aulas papel social_escola
Sonia Souza
 
Raspberry Pi: o hardware para Python
Raspberry Pi: o hardware para PythonRaspberry Pi: o hardware para Python
Raspberry Pi: o hardware para Python
Marcelo Laranjeira Melo
 
Explorar o raspberry pi final
Explorar o raspberry pi finalExplorar o raspberry pi final
Explorar o raspberry pi final
whitspirit
 
Internet das coisas com Arduino
Internet das coisas com ArduinoInternet das coisas com Arduino
Internet das coisas com Arduino
Ronivaldo Sampaio
 
The comparison between FPGA , ARDUINO , ASIC
The comparison between FPGA , ARDUINO , ASIC The comparison between FPGA , ARDUINO , ASIC
The comparison between FPGA , ARDUINO , ASIC
Mohamed Youssery
 

Destaque (20)

Minicurso CONIC - Internet das Coisas
Minicurso CONIC - Internet das CoisasMinicurso CONIC - Internet das Coisas
Minicurso CONIC - Internet das Coisas
 
Internet das Coisas no Marketing Digital
Internet das Coisas no Marketing DigitalInternet das Coisas no Marketing Digital
Internet das Coisas no Marketing Digital
 
Faculdade jk
Faculdade jkFaculdade jk
Faculdade jk
 
Palestra semana pedagógica2
Palestra semana pedagógica2Palestra semana pedagógica2
Palestra semana pedagógica2
 
Rasberry Pi + XBMC
Rasberry Pi + XBMC Rasberry Pi + XBMC
Rasberry Pi + XBMC
 
RASPBERRY PI BRASIL REVISÃO "B"
RASPBERRY PI BRASIL REVISÃO "B"RASPBERRY PI BRASIL REVISÃO "B"
RASPBERRY PI BRASIL REVISÃO "B"
 
O potencial educativo do Raspberry Pi
O potencial educativo do Raspberry PiO potencial educativo do Raspberry Pi
O potencial educativo do Raspberry Pi
 
Desvendando o BrewPi
Desvendando o BrewPiDesvendando o BrewPi
Desvendando o BrewPi
 
Internet das Coisas - V Seminário de Inovação em Governo Eletrônico PROCERGS
Internet das Coisas - V Seminário de Inovação em Governo Eletrônico PROCERGSInternet das Coisas - V Seminário de Inovação em Governo Eletrônico PROCERGS
Internet das Coisas - V Seminário de Inovação em Governo Eletrônico PROCERGS
 
Arduino, Raspberry Pi Ou FPGA?
Arduino, Raspberry Pi  Ou FPGA?Arduino, Raspberry Pi  Ou FPGA?
Arduino, Raspberry Pi Ou FPGA?
 
Internet das Coisas
Internet das CoisasInternet das Coisas
Internet das Coisas
 
Arquitetura arm
Arquitetura armArquitetura arm
Arquitetura arm
 
Oficina II - RASPBX
Oficina II - RASPBXOficina II - RASPBX
Oficina II - RASPBX
 
Arquitetura ARM - Raspberry Pi
Arquitetura ARM - Raspberry PiArquitetura ARM - Raspberry Pi
Arquitetura ARM - Raspberry Pi
 
Saber eletrônica 465
Saber eletrônica 465Saber eletrônica 465
Saber eletrônica 465
 
Aulas papel social_escola
Aulas papel social_escolaAulas papel social_escola
Aulas papel social_escola
 
Raspberry Pi: o hardware para Python
Raspberry Pi: o hardware para PythonRaspberry Pi: o hardware para Python
Raspberry Pi: o hardware para Python
 
Explorar o raspberry pi final
Explorar o raspberry pi finalExplorar o raspberry pi final
Explorar o raspberry pi final
 
Internet das coisas com Arduino
Internet das coisas com ArduinoInternet das coisas com Arduino
Internet das coisas com Arduino
 
The comparison between FPGA , ARDUINO , ASIC
The comparison between FPGA , ARDUINO , ASIC The comparison between FPGA , ARDUINO , ASIC
The comparison between FPGA , ARDUINO , ASIC
 

Semelhante a Internet das coisas

IoT – Internet of Things. Do Básico ao Hello World!
IoT – Internet of Things. Do Básico ao Hello World!IoT – Internet of Things. Do Básico ao Hello World!
IoT – Internet of Things. Do Básico ao Hello World!
Rodolfo Cruz
 
Internet das coisas (IoT) com Raspberry, Python e Node.js
Internet das coisas (IoT) com Raspberry, Python e Node.jsInternet das coisas (IoT) com Raspberry, Python e Node.js
Internet das coisas (IoT) com Raspberry, Python e Node.js
Otávio Calaça Xavier
 
Tecnologias Disruptivas - Sistemas Embarcados - IoT - Inteligencia Artificial...
Tecnologias Disruptivas - Sistemas Embarcados - IoT - Inteligencia Artificial...Tecnologias Disruptivas - Sistemas Embarcados - IoT - Inteligencia Artificial...
Tecnologias Disruptivas - Sistemas Embarcados - IoT - Inteligencia Artificial...
Embarcados
 
Computação Física e Internet das Coisas
Computação Física e Internet das CoisasComputação Física e Internet das Coisas
Computação Física e Internet das Coisas
Michela Limaco
 
Foc tecnologia 09
Foc tecnologia 09Foc tecnologia 09
Foc tecnologia 09
Bruna Cardoso Stanziani Luiz
 
Plataformas open-source para Internet das Coisas (IoT)
Plataformas open-source para Internet das Coisas (IoT)Plataformas open-source para Internet das Coisas (IoT)
Plataformas open-source para Internet das Coisas (IoT)
Eronides Da Silva Neto
 
ESTUDO E APLICAÇÃO DA INTERNET DAS COISAS NA PREFEITURA UNIVERSITÁRIA ...
ESTUDO E APLICAÇÃO DA INTERNET DAS COISAS NA PREFEITURA UNIVERSITÁRIA        ...ESTUDO E APLICAÇÃO DA INTERNET DAS COISAS NA PREFEITURA UNIVERSITÁRIA        ...
ESTUDO E APLICAÇÃO DA INTERNET DAS COISAS NA PREFEITURA UNIVERSITÁRIA ...
Rafael Sousa
 
Internet das Coisas e a Indústria 4.0
Internet das Coisas e a Indústria 4.0Internet das Coisas e a Indústria 4.0
Internet das Coisas e a Indústria 4.0
Dalton Valadares
 
Apicon2018.pptx
Apicon2018.pptxApicon2018.pptx
Apicon2018.pptx
Heider Lopes
 
Workshop Introducao ao IoT - Arduino Day Recife 2017
Workshop Introducao ao IoT - Arduino Day Recife 2017Workshop Introducao ao IoT - Arduino Day Recife 2017
Workshop Introducao ao IoT - Arduino Day Recife 2017
Eronides Neto
 
Arduino
ArduinoArduino
Empreender em IoT no Brasil - desafios e oportunidades.
Empreender em IoT no Brasil - desafios e oportunidades.Empreender em IoT no Brasil - desafios e oportunidades.
Empreender em IoT no Brasil - desafios e oportunidades.
Embarcados
 
Linux Raspberry Pi
Linux Raspberry PiLinux Raspberry Pi
Linux Raspberry Pi
ISCTE-IUL ACM Student Chapter
 
Internet de Todas as Coisas (IoE)
Internet de Todas as Coisas (IoE)Internet de Todas as Coisas (IoE)
Internet de Todas as Coisas (IoE)
Vinícius Leódido Correia
 
IOT e Plataforma de Inovação BLuemix - Semana Engenharia UEL
IOT e Plataforma de Inovação BLuemix - Semana Engenharia UELIOT e Plataforma de Inovação BLuemix - Semana Engenharia UEL
IOT e Plataforma de Inovação BLuemix - Semana Engenharia UEL
Sergio Loza
 
Evolução da Informática - Resumo
Evolução da Informática - ResumoEvolução da Informática - Resumo
Evolução da Informática - Resumo
prapina
 
Tudo Que Aconteceu Na CES 2008
Tudo Que Aconteceu Na CES 2008Tudo Que Aconteceu Na CES 2008
Tudo Que Aconteceu Na CES 2008
Ricardo Jordão Magalhaes
 
Apostila microcontrolado pic_16_f84
Apostila microcontrolado pic_16_f84Apostila microcontrolado pic_16_f84
Apostila microcontrolado pic_16_f84
robsonpleite
 
Raspberry PI
Raspberry PIRaspberry PI
Raspberry PI
Osmar Petry
 
Internet das coisas - Conectando seus dispositivos à nuvem de forma inteligente
Internet das coisas - Conectando seus dispositivos à nuvem de forma inteligenteInternet das coisas - Conectando seus dispositivos à nuvem de forma inteligente
Internet das coisas - Conectando seus dispositivos à nuvem de forma inteligente
Alvaro Viebrantz
 

Semelhante a Internet das coisas (20)

IoT – Internet of Things. Do Básico ao Hello World!
IoT – Internet of Things. Do Básico ao Hello World!IoT – Internet of Things. Do Básico ao Hello World!
IoT – Internet of Things. Do Básico ao Hello World!
 
Internet das coisas (IoT) com Raspberry, Python e Node.js
Internet das coisas (IoT) com Raspberry, Python e Node.jsInternet das coisas (IoT) com Raspberry, Python e Node.js
Internet das coisas (IoT) com Raspberry, Python e Node.js
 
Tecnologias Disruptivas - Sistemas Embarcados - IoT - Inteligencia Artificial...
Tecnologias Disruptivas - Sistemas Embarcados - IoT - Inteligencia Artificial...Tecnologias Disruptivas - Sistemas Embarcados - IoT - Inteligencia Artificial...
Tecnologias Disruptivas - Sistemas Embarcados - IoT - Inteligencia Artificial...
 
Computação Física e Internet das Coisas
Computação Física e Internet das CoisasComputação Física e Internet das Coisas
Computação Física e Internet das Coisas
 
Foc tecnologia 09
Foc tecnologia 09Foc tecnologia 09
Foc tecnologia 09
 
Plataformas open-source para Internet das Coisas (IoT)
Plataformas open-source para Internet das Coisas (IoT)Plataformas open-source para Internet das Coisas (IoT)
Plataformas open-source para Internet das Coisas (IoT)
 
ESTUDO E APLICAÇÃO DA INTERNET DAS COISAS NA PREFEITURA UNIVERSITÁRIA ...
ESTUDO E APLICAÇÃO DA INTERNET DAS COISAS NA PREFEITURA UNIVERSITÁRIA        ...ESTUDO E APLICAÇÃO DA INTERNET DAS COISAS NA PREFEITURA UNIVERSITÁRIA        ...
ESTUDO E APLICAÇÃO DA INTERNET DAS COISAS NA PREFEITURA UNIVERSITÁRIA ...
 
Internet das Coisas e a Indústria 4.0
Internet das Coisas e a Indústria 4.0Internet das Coisas e a Indústria 4.0
Internet das Coisas e a Indústria 4.0
 
Apicon2018.pptx
Apicon2018.pptxApicon2018.pptx
Apicon2018.pptx
 
Workshop Introducao ao IoT - Arduino Day Recife 2017
Workshop Introducao ao IoT - Arduino Day Recife 2017Workshop Introducao ao IoT - Arduino Day Recife 2017
Workshop Introducao ao IoT - Arduino Day Recife 2017
 
Arduino
ArduinoArduino
Arduino
 
Empreender em IoT no Brasil - desafios e oportunidades.
Empreender em IoT no Brasil - desafios e oportunidades.Empreender em IoT no Brasil - desafios e oportunidades.
Empreender em IoT no Brasil - desafios e oportunidades.
 
Linux Raspberry Pi
Linux Raspberry PiLinux Raspberry Pi
Linux Raspberry Pi
 
Internet de Todas as Coisas (IoE)
Internet de Todas as Coisas (IoE)Internet de Todas as Coisas (IoE)
Internet de Todas as Coisas (IoE)
 
IOT e Plataforma de Inovação BLuemix - Semana Engenharia UEL
IOT e Plataforma de Inovação BLuemix - Semana Engenharia UELIOT e Plataforma de Inovação BLuemix - Semana Engenharia UEL
IOT e Plataforma de Inovação BLuemix - Semana Engenharia UEL
 
Evolução da Informática - Resumo
Evolução da Informática - ResumoEvolução da Informática - Resumo
Evolução da Informática - Resumo
 
Tudo Que Aconteceu Na CES 2008
Tudo Que Aconteceu Na CES 2008Tudo Que Aconteceu Na CES 2008
Tudo Que Aconteceu Na CES 2008
 
Apostila microcontrolado pic_16_f84
Apostila microcontrolado pic_16_f84Apostila microcontrolado pic_16_f84
Apostila microcontrolado pic_16_f84
 
Raspberry PI
Raspberry PIRaspberry PI
Raspberry PI
 
Internet das coisas - Conectando seus dispositivos à nuvem de forma inteligente
Internet das coisas - Conectando seus dispositivos à nuvem de forma inteligenteInternet das coisas - Conectando seus dispositivos à nuvem de forma inteligente
Internet das coisas - Conectando seus dispositivos à nuvem de forma inteligente
 

Internet das coisas

  • 3. Nome: Rogerio Alencar Filho Empresa: SA Tecnologia Sistemas de Automação hobby: Analista de Sistemas (web/mobile), Desenvolvedor de software/hardware facebook: https://facebook.com/rogerioalencar twitter: https://twitter.com/rogerin github: https://github.com/rogerin youtube: https://youtube.com/user/rogerim
  • 5. HISTORIA.. A Internet das coisas (inglês: Internet of Things) é, fruto do trabalho desenvolvido pelo MIT Auto-ID Laboratory, recorrendo ao uso do RFID e Wireless Sensor Networks. O objetivo foi, desde o início, criar um sistema global de registro de bens usando a single numbering system chamado Electronic Product Code. A Internet das coisas é uma revolução tecnológica que representa o futuro da computação e da comunicação e cujo desenvolvimento depende da inovação técnica dinâmica em campos tão importantes como os sensores wireless e a nanotecnologia.
  • 6. DE ONDE VEIO ISSO! A tecnologia RFID que usa frequências de rádio para identificar os produtos é vista como potenciadora da Internet das Coisas. Embora algumas vezes identificada como a sucessora dos códigos de barras os sistemas RFID oferecem para além da identificação de objectos informações importantes sobre o seu estado e localização. Estes sistemas foram primeiramente usados na indústria farmacêutica, em grandes armazéns e na saúde. As mais recentes aplicações vão dos desportos e actividades de tempos livres à segurança pessoal. Etiquetas (também chamadas de "tags") RFID estão a ser implantados debaixo da pele humana para fins médicos e também em passaportes e cartas de condução. Leitores RFID estão também a ser incluídos em telemóveis. Para além do RFID, a capacidade de detectar mudanças no estado físico das coisas é também essencial para registar mudanças no meio ambiente. Por exemplo os sensores usados numa peça de vestuário inteligente podem registrar as mudanças de temperatura no exterior e ajustar-se de acordo com elas.
  • 8. DEPENDIA!! Finalmente, os avanços ao nível da miniaturização e da nanotecnologia significam que cada vez mais pequenos objectos terão a capacidade de interagir e se conectar. A combinação destes desenvolvimentos criará uma Internet das Coisas (Internet of Things) que liga os objectos do mundo de um modo sensorial e inteligente. Raspberry PI B+ Intel Edison
  • 9. O que é “Raspberry PI” Raspberry Pi é um computador do tamanho de um cartão de crédito desenvolvido no Reino Unido pela Fundação Raspberry Pi. Todo o hardware é integrado em uma única placa. O objetivo principal é de estimular o ensino de ciência da computação básica em escolas. A Fundação Raspberry Pi começou a aceitar pedidos do modelo de US$35 a partir de 29 de fevereiro de 2012. O computador é baseado em um system on a chip (SoC) Broadcom BCM2835, que inclui um processador ARM1176JZF-S de 700 MHz, GPU VideoCore IV, e 512 MB de memória RAM em sua última revisão. O projeto não inclui uma memória não-volátil - como um disco rígido - mas possui uma entrada de cartão SD para armazenamento de dados.
  • 11. O que é “Raspberry PI”
  • 12. Raspberry PI e seu Hardware Existem atualmente dois modelos: Modelo A e Modelo B. A grande diferença entre os dois modelos é que o Modelo B possui um controlador Ethernet e duas portas USB, enquanto que o Modelo A possui apenas uma porta USB e nenhuma porta de Ethernet. Apesar de não possuir a porta Ethernet, o Modelo A pode ser conectado a internet através de um adaptador USB de Ethernet ou Wi-Fi. O Raspberry Pi não possui um relógio de tempo real (RTC), criando a necessidade do sistema operacional usar um Network Time Protocol (NTP), ou do usuário fornecer a hora ao sistema. Porém, um relógio de tempo real (como o DS1307) pode ser adicionado pela interface I²C.
  • 13. Raspberry PI e seu Hardware Modelo A Modelo B Preço esperado:[1] US$25 US$35[2] SoC:[1] Broadcom BCM2835 (CPU, GPU, DSP, e SDRAM)[3] CPU: 700 MHz ARM1176JZF-S core (ARM11 family)[3] GPU: Broadcom VideoCore IV,[4] OpenGL ES 2.0, 1080p30 decodificador h.264/MPEG-4 AVC[3] Memória (SDRAM): 512 MB (compartilhada com GPU) Portas USB 2.0:[5] 1 2 (via hub USB integrado)[6] Saídas de vídeo:[1] RCA Composto (PAL & NTSC), HDMI (rev 1.3 & 1.4)[7], Painéis LCD via DSI[8][9] 14 resoluções HDMI de 640×350 à 1920×1200 mais diversos padrões PAL e NTSC.[10] Saídas de áudio:[1] Conector de 3.5 mm, HDMI Modelo A Modelo B Saídas de áudio:[1] Conector de 3.5 mm, HDMI Armazename nto onboard:[5] SD / MMC / slot para cartão SDIO Rede onboard:[1][5] Nenhuma 10/100 Ethernet (RJ45)[6] Periféricos de baixo nível: 8 × GPIO, UART, I²C, SPI com dois seletores de chip, +3.3 V, +5 V, terra[4][11] Power ratings: 500 mA (2.5 W)[1] 700 mA (3.5 W) Fonte de energia:[1] 5 volt via MicroUSB ou header GPIO Tamanho: 85,60 mm × 53,98 mm[12] Sistemas Operacionais Debian GNU/Linux, Fedora, Arch Linux, Raspbian[13], RISC OS[14]
  • 15. Raspberry PI B+ GPIO cresceu para 40 pinos, modelo anterior apenas com 26 pinos. Mais USB, 4 portas USB 2.0, em comparação a 2 sobre o Modelo B. Micro SD. O soquete do cartão SD encaixados antiga foi substituída por uma versão muito mais agradável micro SD. Menor consumo de energia. Reduzindo o consumo de energia entre 0,5 W e 1W. Melhor qualidade de áudio. O circuito de áudio incorpora uma fonte de alimentação de baixo ruído dedicado. Detalhes da localização dos componentes
  • 17. O que fazer com o Raspberry PI?
  • 18. O que fazer com o Raspberry PI? Cluster`s
  • 19. O que fazer com o Raspberry PI? Marketing
  • 20. O que fazer com o Raspberry PI? PiPhone
  • 21. O que fazer com o Raspberry PI? Espaço
  • 22. O que fazer com o Raspberry PI? http://c9.io
  • 23. O que fazer com o Raspberry PI? JASPER
  • 24. O que fazer com o Raspberry PI? Central de jogos
  • 25. O que fazer com o Raspberry PI? Meu favorito
  • 27. UDOO
  • 28. UDOO
  • 30. Intel Edison Dual core, bluetooth, wifi.. etc..etc...
  • 32. O Edison custa US$ 50, apresenta 1 GB LPDDR3 de memória RAM, voltagem de 3,3 V até 4,5 V, processador Quark SOC (2 núcleos com clock de 400 MHz) , duas bandas de frequência (2,4 GHz e 5 GHz), Wifi e Bluetooth integrado, memória interna flash de 4 GB eMMC e sistema operacional Yocto Linux versão 1.6. Ele também dispõe de duas entradas USB, suporte a outros cartões SD e uma entrada de 70 pinos GPIO, Transistores de 22nm (2,2 × 10 centimetros). Intel Edison -6
  • 33. ENIAC - 1946 Electronic Numerical Integrator And Computer - 30 toneladas - 180 m² de área construída - US$ 500 mil (US$ 6 milhões atualmente) - 70 mil resístores - 18 mil válvulas de vácuo - consumiam 200 mil watts Apesar de ter uma capacidade de operação menor do que qualquer calculadora de mão moderna, durante seus 10 anos de operação o ENIAC “realizou mais contas do que toda humanidade já havia feito em sua história”. No final de sua carreira, um concorrente com o dobro da capacidade custava o equivalente a US$ 200 mil e tinha apenas 10% de seu tamanho.
  • 36. Intel Edison O que fazer com o Intel Edison?
  • 42. MUDANÇA NO MODELO DE NEGOCIO “No futuro, uma caixa de leite trará um sensor que identifica na parte de fora se a bebida está própria para o consumo, deixando uma etiqueta verde se estiver bom e vermelho se não estiver. Uma fabricante que tiver problemas com uma remessa de leite que azedou antes do tempo terá, por meio da Internet das Coisas, uma visão inteligente da sua malha de destribuição, e poderá encontrar o caminhão que levou essa remessa e descobrir, por exemplo, que ele não estava com a temperatura de resfriamento adequada”. --- Henrique Amaral, executivo de servidores e storage da IBM Brasil.
  • 43. Infinidade de Protocolos!! AllJoyn – Grupo da Qualcomm (com Cisco, Microsoft e LG) OIC – Grupo da Intel (com Samsung), Thread – Grupo do Google (com a Samsung e ARM) Apple MQTT … …. ….
  • 44. O TRAFEGO NA REDE VAI EXPLODIR!! O tráfego IP global para conexões fixas e móveis deve chegar a uma taxa anual de 1,6 zettabytes* - mais de um trilhão e meio de gigabytes por ano, até 2018. O tráfego anual IP projetado para 2018 será maior do que todo o tráfego gerado mundialmente no período de 1984 até 2013 (1,3 zettabytes), o que significa que o tráfego global IP deverá triplicar nos próximos cinco anos, revela o estudo global Cisco® Visual Networking Index™ (VNI) and Service Adoption para o período de 2013 a 2018. O levantamento prevê que a mobilidade será o grande demandador de tráfego na Internet. Tanto que projeta 645 milhões de dispositivos conectados em 2018, diante de 418,5 milhões em 2013. O sucesso das conexões M2M fica evidenciado. O estudo diz que as conexões M2M também devem aumentar no período, respondendo por 29% (187,5 milhões) de todos dispositivos conectados em 2018, comparado com 16% (65,7 milhões) em 2013.
  • 45. IPv4 e ”Internet das Coisas”? IPv4: (4x109) 4.000.000.000 de endereços IP cerca de 4 bilhões de IPs.
  • 46. IPv6: Portas abertas para a era da “Internet das Coisas” IPv4: (4x109) 4.000.000.000 de endereços IP cerca de 4 bilhões de IPs. IPv6: (3,4x1038) 340.000.000.000.000.000.000.000.000.000.000.000.000 de endereços de IP do novo protocolo.
  • 47. Vamos ver na pratica como essa “internet das coisas” funciona! Vamos mostrar um pneu que vai enviar para uma plicativo web/mobile sua temperatura. Exemplo real
  • 48. Servidor - Temperatura - Informações Diversas - Ações - Confirmação - Alertas
  • 50. Servidor - Temperatura - Pressão - RMP - Peso - Detector de foco de incêndio - Leitor de placas transito e veículos - Faixas pintadas - Trepidação - GPS - Ações - Confirmação - Alertas