SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 4
Baixar para ler offline
Seção Sindical do Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino
Superior – ANDES-SN
InformANDES na UFRGS, nº 74, 15/10/2018
Acesse também o blog e o Facebook
Pauta:
1 – Assembleia Geral Docente acontece nesta terça (16/10)
2 – Consun, Andifes e Andes se manifestam contra violência e pela democracia
3 – Novas mobilizações em defesa da democracia
...........................................................................................
1 – Assembleia Geral Docente acontece nesta terça (16/10)
Será realizada nesta terça-feira (16/10), às 17h, Assembleia de Docentes da UFRGS,
com a pauta Conjuntura Nacional, Posicionamento dos Docentes e Agenda de
Mobilização. O encontro, que acontece na sala 611 da Faculdade de Educação (Faced),
faz parte de iniciativa do ANDES-SN para encaminhar a construção da mais ampla
unidade para defender a democracia, os direitos e a universidade pública e combater o
fascismo.
Através das assembleias locais, estão sendo construídos comitês e agendas de
mobilização. A discussão sobre a conjuntura eleitoral na perspectiva de luta contra o
autoritarismo deverá embasar nota dos docentes da UFRGS e também indicar posição a
ser debatida na reunião dos setores do ANDES-SN, com representantes de todas as
seções sindicais, na próxima quinta-feira (18/10). Contamos com a presença de todos!
2 – Consun, Andifes e Andes se manifestam contra violência e pela democracia
Em meio à ascensão da campanha de Jair Bolsonaro, que já fez incontáveis declarações
ferindo a democracia, a liberdade e anunciando projetos que ameaçam o direito à
educação pública, diversas universidades, entidades e órgãos representativos têm se
manifestado para alertar as pessoas sobre o caráter dessa candidatura e os riscos que
representa ao país.
Na semana passada, o Conselho Universitário da UFRGS (Consun), órgão máximo da
universidade, emitiu nota se posicionando contra o autoritarismo e a violência política
na vida cotidiana, pelo respeito aos direitos dos trabalhadores, pela revogação da
Emenda Constitucional 95, pela preservação da cultura e suas instituições, pelo direito à
diferença, pelo reconhecimento dos direitos das mulheres, da livre orientação sexual e
de gênero, dos negros, quilombolas e indígenas, e pela defesa dos direitos humanos, da
liberdade acadêmica e da democracia.
A Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior
(Andifes) também se posicionou publicamente a favor da democracia e das instituições
federais como públicas, gratuitas e inclusivas. Em nota, a entidade ainda se refere ao
compromisso na defesa ativa dos direitos humanos.
“A Andifes vem externar seu firme repúdio à cultura do ódio e da violência, que ora
ameaça a sociedade e as universidades públicas, por meio de constrangimentos,
ameaças e agressões. Em particular, no espírito e na letra da Constituição Federal, são
deploráveis os ataques motivados por racismo, homofobia e toda ordem de preconceito
que atinja direitos e liberdades individuais, não devendo qualquer cidadão com
responsabilidade pública lavar as mãos e alegar neutralidade diante dessas ações, nem
dos discursos eivados de violência que as suscitam”, diz o documento, que lamenta o
empobrecimento da argumentação em prol do conflito, diminuindo o valor mesmo do
convívio democrático e das garantias próprias de um estado democrático de direito.
Não à violência
Menos de uma semana após a divulgação do resultado do primeiro turno das eleições no
Brasil, já foram identificadas inúmeras agressões e ameaças a militantes, além de pelo
menos um assassinato motivado pelo ódio alusivo ao projeto fascista. Segundo nota
divulgada pelo ANDES-SN no dia 11 de outubro, essas manifestações de ódio invadem
as universidades, colocando em risco docentes, discentes, Técnicos
Administrativos/Universitários e trabalhadore(a)s terceirizado(a)s.
O texto lista múltiplos casos de agressão e intimidação registrados recentemente no
ambiente universitário, algo que vem aumentando nesta eleição e tende a ser apenas o
início de um quadro muito preocupante para a manutenção da segurança e da qualidade
do ensino.
“O discurso de ódio e as práticas fascistas tentam intimidar o Movimento Estudantil,
Movimento Sindical e o direito da comunidade acadêmica se posicionar politicamente.
O uso da violência tem por objetivo calar a voz dos movimentos sociais e da esquerda
no Brasil. Nós da Direção do ANDES-SN repudiamos esses atos de violência e
cobraremos a apuração via nossas Seções Sindicais das agressões motivadas por esses
grupos, como também da responsabilização destes pela depredação da Universidade
Pública”, garante o sindicato nacional. Leia aqui a íntegra da nota.
3- Novas mobilizações em defesa da democracia
A agenda de mobilização pela democracia e contra o discurso de ódio segue intensa no
Brasil. Em Porto Alegre, na semana passada, pelo menos duas manifestações reuniram
milhares de pessoas para organizar ações de conscientização a respeito dos efeitos de
uma eventual eleição de Jair Bolsonaro e também para exprimir, publicamente, o
repúdio ao que sua candidatura representa.
Nesta semana, um grande ato está agendado para o próximo sábado (20/10), no Parque
da Redenção. Chamada de Mulheres contra o Bolso.na.ro, a iniciativa deve concentrar
milhares de pessoas a favor da democracia. “No dia 29 de setembro, fomos mais de 80
mil mulheres ocupando as ruas de Porto Alegre para dizer NÃO ao ódio, NÃO ao
fascismo, NÃO ao retrocesso. As ‘fraquejadas’ se uniram e conseguiram mobilizar o
Brasil inteiro, com atos por todo o mundo”, diz a descrição do evento criado no
Facebook para convocar os interessados. O ANDES/UFRGS estará presente, assim
como tem feito em diversos encontros com a mesma temática, para lutar a favor do
estado democrático de direito e mostrar a força de quem abomina ameaças
e preconceitos.
Na universidade
Após mobilização que envolveu centenas de docentes e estudantes e criou o Comitê em
Defesa da Democracia, da Universidade Pública e Contra o Fascismo, o DCE da
UFRGS organizou várias ações, entre elas a panfletagem em todos os campi da
universidade, que já começou a ser feita. A entidade também participou da caminhada
em defesa da democracia realizada nesta segunda-feira (15/10), na Esquina
Democrática, e deve seguir mobilizado a fim de manter a resistência ao fascismo e ao
retrocesso. Nas unidades da UFRGS várias manifestações estão sendo organizadas.
Entre os dias 15 e 19 de outubro, acontece a VI Semana Acadêmica da Administração
Pública e Social da UFRGS, promovida pelo Centro Acadêmico Administração Púbica
e Social (CAAPS), da Escola de Administração. A programação inclui palestras sobre
análise da conjuntura política brasileira e sobre o papel do Administrador Público na
defesa do Estado, entre outras pautas que tratam do sucateamento de serviços públicos
essenciais à sociedade. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas aqui.
...................................................................
Seção Sindical do ANDES-SN: sindicato de verdade!
Ensino Público e Gratuito: direito de todos, dever do Estado!
10% do PIB para Educação Pública, já!
Caso desejar ser removido(a) desta lista, clique em "Responder" informando "Remover"
ou "Cancelar" no "Assunto" e/ou no início da própria mensagem.
...................................................................

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados (6)

Universidade por tote
Universidade por toteUniversidade por tote
Universidade por tote
 
Atualidades – prováveis temas para redação enem 2014
Atualidades – prováveis temas para redação enem 2014Atualidades – prováveis temas para redação enem 2014
Atualidades – prováveis temas para redação enem 2014
 
Caderno de resolu€ ¦ções2
Caderno de resolu€ ¦ções2Caderno de resolu€ ¦ções2
Caderno de resolu€ ¦ções2
 
Boletim novembro 2013
Boletim novembro 2013Boletim novembro 2013
Boletim novembro 2013
 
Contribuição para o debate sobre o edital de seleção de brasileiros no proces...
Contribuição para o debate sobre o edital de seleção de brasileiros no proces...Contribuição para o debate sobre o edital de seleção de brasileiros no proces...
Contribuição para o debate sobre o edital de seleção de brasileiros no proces...
 
Temas de Atualidades PARA ENEM 2013
Temas de Atualidades PARA ENEM 2013Temas de Atualidades PARA ENEM 2013
Temas de Atualidades PARA ENEM 2013
 

Semelhante a Inform andes na ufrgs 74

Manual de Defesa contra a CENSURA
Manual de Defesa contra a CENSURA Manual de Defesa contra a CENSURA
Manual de Defesa contra a CENSURA
Prof. Marcus Renato de Carvalho
 
Boletim cpe est_06_02
Boletim cpe est_06_02Boletim cpe est_06_02
Boletim cpe est_06_02
Vicente
 

Semelhante a Inform andes na ufrgs 74 (20)

Boletim outubro 2013
Boletim outubro 2013Boletim outubro 2013
Boletim outubro 2013
 
CANDAU, Vera SACAVINO, Susana. Educação em direitos humanos e formaçào de edu...
CANDAU, Vera SACAVINO, Susana. Educação em direitos humanos e formaçào de edu...CANDAU, Vera SACAVINO, Susana. Educação em direitos humanos e formaçào de edu...
CANDAU, Vera SACAVINO, Susana. Educação em direitos humanos e formaçào de edu...
 
Jornal Linneu 3 Nov 2022.pdf
Jornal Linneu 3 Nov 2022.pdfJornal Linneu 3 Nov 2022.pdf
Jornal Linneu 3 Nov 2022.pdf
 
Manual de Defesa contra a CENSURA
Manual de Defesa contra a CENSURA Manual de Defesa contra a CENSURA
Manual de Defesa contra a CENSURA
 
2014 -Tese de DR. Ciencias Sociais. Da ordem e das Desordens
2014 -Tese de DR. Ciencias Sociais. Da ordem e das Desordens2014 -Tese de DR. Ciencias Sociais. Da ordem e das Desordens
2014 -Tese de DR. Ciencias Sociais. Da ordem e das Desordens
 
Inform andes na ufrgs 77
Inform andes na ufrgs 77  Inform andes na ufrgs 77
Inform andes na ufrgs 77
 
Inform andes na ufrgs 65
Inform andes na ufrgs 65  Inform andes na ufrgs 65
Inform andes na ufrgs 65
 
Dissertação de pablo almada na universidade de coimbra 2009
Dissertação de pablo almada na universidade de coimbra 2009Dissertação de pablo almada na universidade de coimbra 2009
Dissertação de pablo almada na universidade de coimbra 2009
 
Inform andes na ufrgs 66
Inform andes na ufrgs  66Inform andes na ufrgs  66
Inform andes na ufrgs 66
 
Ideologia do Movimento Escola sem Partido
Ideologia do Movimento Escola sem PartidoIdeologia do Movimento Escola sem Partido
Ideologia do Movimento Escola sem Partido
 
Grêmio Estudantil na Gestão Escolar
Grêmio Estudantil na Gestão EscolarGrêmio Estudantil na Gestão Escolar
Grêmio Estudantil na Gestão Escolar
 
Boletim cpe est_06_02
Boletim cpe est_06_02Boletim cpe est_06_02
Boletim cpe est_06_02
 
livro Ideologia Do Movimento Escola Sem Partido.pdf
livro Ideologia Do Movimento Escola Sem Partido.pdflivro Ideologia Do Movimento Escola Sem Partido.pdf
livro Ideologia Do Movimento Escola Sem Partido.pdf
 
Representações do discurso de ódio nas redes sociais análise sociológica das ...
Representações do discurso de ódio nas redes sociais análise sociológica das ...Representações do discurso de ódio nas redes sociais análise sociológica das ...
Representações do discurso de ódio nas redes sociais análise sociológica das ...
 
NOTA DA DIRETORIA NACIONAL DO ANDES-SN EM DEFESA DA DEMOCRACIA, DA AUTONOMIA ...
NOTA DA DIRETORIA NACIONAL DO ANDES-SN EM DEFESA DA DEMOCRACIA, DA AUTONOMIA ...NOTA DA DIRETORIA NACIONAL DO ANDES-SN EM DEFESA DA DEMOCRACIA, DA AUTONOMIA ...
NOTA DA DIRETORIA NACIONAL DO ANDES-SN EM DEFESA DA DEMOCRACIA, DA AUTONOMIA ...
 
O combate à violência na escola
O combate à violência na escola O combate à violência na escola
O combate à violência na escola
 
Boletim dsg 01_maio_2020_ (2)
Boletim dsg 01_maio_2020_ (2)Boletim dsg 01_maio_2020_ (2)
Boletim dsg 01_maio_2020_ (2)
 
Radar jovem (2)
Radar jovem (2)Radar jovem (2)
Radar jovem (2)
 
Jornal do sintuperj nº 14
Jornal do sintuperj nº 14Jornal do sintuperj nº 14
Jornal do sintuperj nº 14
 
Frigotto, g. escola sem medo
Frigotto, g. escola sem medoFrigotto, g. escola sem medo
Frigotto, g. escola sem medo
 

Último

Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Eró Cunha
 
4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf
4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf
4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf
LindinhaSilva1
 

Último (20)

Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na ÁfricaPeriodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
 
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptxSequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptx
 
O que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaO que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de Infância
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
 
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
 
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-criançasLivro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
 
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.pptAs teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
 
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHASMARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
 
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptxSlides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
 
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf HitlerAlemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
 
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdfo-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
 
Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
 
4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf
4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf
4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf
 
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
 
Testes de avaliação português 6º ano .pdf
Testes de avaliação português 6º ano .pdfTestes de avaliação português 6º ano .pdf
Testes de avaliação português 6º ano .pdf
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
 

Inform andes na ufrgs 74

  • 1. Seção Sindical do Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior – ANDES-SN InformANDES na UFRGS, nº 74, 15/10/2018 Acesse também o blog e o Facebook Pauta: 1 – Assembleia Geral Docente acontece nesta terça (16/10) 2 – Consun, Andifes e Andes se manifestam contra violência e pela democracia 3 – Novas mobilizações em defesa da democracia ........................................................................................... 1 – Assembleia Geral Docente acontece nesta terça (16/10) Será realizada nesta terça-feira (16/10), às 17h, Assembleia de Docentes da UFRGS, com a pauta Conjuntura Nacional, Posicionamento dos Docentes e Agenda de Mobilização. O encontro, que acontece na sala 611 da Faculdade de Educação (Faced), faz parte de iniciativa do ANDES-SN para encaminhar a construção da mais ampla unidade para defender a democracia, os direitos e a universidade pública e combater o fascismo. Através das assembleias locais, estão sendo construídos comitês e agendas de mobilização. A discussão sobre a conjuntura eleitoral na perspectiva de luta contra o autoritarismo deverá embasar nota dos docentes da UFRGS e também indicar posição a ser debatida na reunião dos setores do ANDES-SN, com representantes de todas as seções sindicais, na próxima quinta-feira (18/10). Contamos com a presença de todos!
  • 2. 2 – Consun, Andifes e Andes se manifestam contra violência e pela democracia Em meio à ascensão da campanha de Jair Bolsonaro, que já fez incontáveis declarações ferindo a democracia, a liberdade e anunciando projetos que ameaçam o direito à educação pública, diversas universidades, entidades e órgãos representativos têm se manifestado para alertar as pessoas sobre o caráter dessa candidatura e os riscos que representa ao país. Na semana passada, o Conselho Universitário da UFRGS (Consun), órgão máximo da universidade, emitiu nota se posicionando contra o autoritarismo e a violência política na vida cotidiana, pelo respeito aos direitos dos trabalhadores, pela revogação da Emenda Constitucional 95, pela preservação da cultura e suas instituições, pelo direito à diferença, pelo reconhecimento dos direitos das mulheres, da livre orientação sexual e de gênero, dos negros, quilombolas e indígenas, e pela defesa dos direitos humanos, da liberdade acadêmica e da democracia. A Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes) também se posicionou publicamente a favor da democracia e das instituições federais como públicas, gratuitas e inclusivas. Em nota, a entidade ainda se refere ao compromisso na defesa ativa dos direitos humanos. “A Andifes vem externar seu firme repúdio à cultura do ódio e da violência, que ora ameaça a sociedade e as universidades públicas, por meio de constrangimentos, ameaças e agressões. Em particular, no espírito e na letra da Constituição Federal, são deploráveis os ataques motivados por racismo, homofobia e toda ordem de preconceito que atinja direitos e liberdades individuais, não devendo qualquer cidadão com responsabilidade pública lavar as mãos e alegar neutralidade diante dessas ações, nem dos discursos eivados de violência que as suscitam”, diz o documento, que lamenta o empobrecimento da argumentação em prol do conflito, diminuindo o valor mesmo do convívio democrático e das garantias próprias de um estado democrático de direito. Não à violência Menos de uma semana após a divulgação do resultado do primeiro turno das eleições no Brasil, já foram identificadas inúmeras agressões e ameaças a militantes, além de pelo menos um assassinato motivado pelo ódio alusivo ao projeto fascista. Segundo nota
  • 3. divulgada pelo ANDES-SN no dia 11 de outubro, essas manifestações de ódio invadem as universidades, colocando em risco docentes, discentes, Técnicos Administrativos/Universitários e trabalhadore(a)s terceirizado(a)s. O texto lista múltiplos casos de agressão e intimidação registrados recentemente no ambiente universitário, algo que vem aumentando nesta eleição e tende a ser apenas o início de um quadro muito preocupante para a manutenção da segurança e da qualidade do ensino. “O discurso de ódio e as práticas fascistas tentam intimidar o Movimento Estudantil, Movimento Sindical e o direito da comunidade acadêmica se posicionar politicamente. O uso da violência tem por objetivo calar a voz dos movimentos sociais e da esquerda no Brasil. Nós da Direção do ANDES-SN repudiamos esses atos de violência e cobraremos a apuração via nossas Seções Sindicais das agressões motivadas por esses grupos, como também da responsabilização destes pela depredação da Universidade Pública”, garante o sindicato nacional. Leia aqui a íntegra da nota. 3- Novas mobilizações em defesa da democracia A agenda de mobilização pela democracia e contra o discurso de ódio segue intensa no Brasil. Em Porto Alegre, na semana passada, pelo menos duas manifestações reuniram milhares de pessoas para organizar ações de conscientização a respeito dos efeitos de uma eventual eleição de Jair Bolsonaro e também para exprimir, publicamente, o repúdio ao que sua candidatura representa. Nesta semana, um grande ato está agendado para o próximo sábado (20/10), no Parque da Redenção. Chamada de Mulheres contra o Bolso.na.ro, a iniciativa deve concentrar milhares de pessoas a favor da democracia. “No dia 29 de setembro, fomos mais de 80 mil mulheres ocupando as ruas de Porto Alegre para dizer NÃO ao ódio, NÃO ao fascismo, NÃO ao retrocesso. As ‘fraquejadas’ se uniram e conseguiram mobilizar o Brasil inteiro, com atos por todo o mundo”, diz a descrição do evento criado no Facebook para convocar os interessados. O ANDES/UFRGS estará presente, assim como tem feito em diversos encontros com a mesma temática, para lutar a favor do estado democrático de direito e mostrar a força de quem abomina ameaças e preconceitos. Na universidade Após mobilização que envolveu centenas de docentes e estudantes e criou o Comitê em Defesa da Democracia, da Universidade Pública e Contra o Fascismo, o DCE da UFRGS organizou várias ações, entre elas a panfletagem em todos os campi da universidade, que já começou a ser feita. A entidade também participou da caminhada em defesa da democracia realizada nesta segunda-feira (15/10), na Esquina Democrática, e deve seguir mobilizado a fim de manter a resistência ao fascismo e ao retrocesso. Nas unidades da UFRGS várias manifestações estão sendo organizadas. Entre os dias 15 e 19 de outubro, acontece a VI Semana Acadêmica da Administração Pública e Social da UFRGS, promovida pelo Centro Acadêmico Administração Púbica e Social (CAAPS), da Escola de Administração. A programação inclui palestras sobre análise da conjuntura política brasileira e sobre o papel do Administrador Público na defesa do Estado, entre outras pautas que tratam do sucateamento de serviços públicos essenciais à sociedade. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas aqui.
  • 4. ................................................................... Seção Sindical do ANDES-SN: sindicato de verdade! Ensino Público e Gratuito: direito de todos, dever do Estado! 10% do PIB para Educação Pública, já! Caso desejar ser removido(a) desta lista, clique em "Responder" informando "Remover" ou "Cancelar" no "Assunto" e/ou no início da própria mensagem. ...................................................................