SlideShare uma empresa Scribd logo
DO ESFRIAMENTO
ESPIRITUAL À QUEDA
APRESENTAÇÃO
EDILSON JOSÉ BARBOSA
ESTUDO
BÍBLICO 42
O LAMENTO DO SALMISTA
“Por que estás abatida, ó minha alma, e por que te
perturbas em mim? Espera em Deus, pois ainda o
louvarei pela salvação da sua face.”
Salmos 42:5
"Aquietai-vos, e sabei que eu sou Deus“
Salmos 46:10
VAMOS REFLETIR
• Quem já pensou em abandonar a igreja?
• Quem já pensou em trocar de religião?
• Quem já pensou que DEUS te deixou de
lado?
• Quem já duvidou do poder das orações.
• Quem já questionou trechos da bíblia ?
• Quem já pensou em desistir e voltar para
o mundo?
Você pode estar passando por um
ESFRIAMENTO ESPIRITUAL.
O ESFRIAMENTO ESPIRITUAL
É a perda do “primeiro amor” que
acomete qualquer servo de Deus.
Não quer dizer APOSTASIA
nem perda de FÉ.
ESFRIAMENTO ESPIRITUAL
•Sempre ocorre em nossas vidas, em
períodos mais difíceis, afinal somos
humanos.
•Todos os cristãos passam por “dias
maus”.
É normal ocorrer uma regressão, ou
seja um “ ESFRIAMENTO ESPIRITUAL ”
SINTOMAS : ESFRIAMENTO ESPIRITUAL
•Perda do interesse pela vida devocional.
•Perda de interesse pela salvação de vidas.
•Desinteresse pela obra missionária.
•Abandono da comunhão fraternal.(Irmãos).
•Excessivo interesse pelas coisas mundanas.
•Aguçado espírito materialista.
•Desmotivação com as coisas espirituais.
•Convivência pacífica com o pecado.(Futilidades)
•Constantes críticas aos trabalhos da igreja.
•Pensar que Deus não está cumprindo as
promessas na sua vida.
QUEM É O RESPONSÁVEL
ALERTA: Muitas vezes, cultos poderosos são
seguidos de esterilidade, pois o poder precisa
ser espiritual, e não apenas emocional.
“E os que estão junto do caminho, estes
são os que ouvem; depois vem o diabo, e
tira-lhes do coração a palavra, para que
não se salvem, crendo;” Lucas 8:12
EXISTE UMA GUERRA
DEUS( BEM) X DIABO(MAL)
•Mas o poder de Deus precisa ser manifestado
no mundo.
•Deus dá experiências em tempos de
reavivamento para que possamos lembrar
depois.
•O nosso amadurecimento e fortalecimento são
partes essenciais do plano de Deus pra nós.
Analisar como anda seu coração?
Chegou o momento rever seu comportamento
em relação Deus ?
Está na hora de voltar ao
primeiro AMOR ?
Video
A BÍBLIA CITA ALGUNS EXEMPLOS
Muitos servos do Senhor passaram
por períodos de esfriamento e
desânimo. Muitos passaram por
desertos terríveis. Basta mencionar
alguns, como: JÓ; DAVI; ELÍAS; JONAS;
PAULO, dentre tantos.
A VIDA DO APÓSTOLO PAULO
(25)Três vezes fui açoitado com varas, uma vez fui apedrejado,
três vezes sofri naufrágio, uma noite e um dia passei no abismo;
(26)Em viagens muitas vezes, em perigos de rios, em perigos de
salteadores, em perigos dos da minha nação, em perigos dos
gentios, em perigos na cidade, em perigos no deserto, em
perigos no mar, em perigos entre os falsos irmãos;
(27)Em trabalhos e fadiga, em vigílias muitas vezes, em fome e
sede, em jejum muitas vezes, em frio e nudez.
(28)Além das coisas exteriores, me oprime cada dia o cuidado
de todas as igrejas.
2 Coríntios 11:25-28
O ALIMENTO DE SATANÁS
ESFRIAMENTO
ESPIRITUAL
Mundanismo
Legalismo Melancolia
Desapontamento
MUNDANISMO
FALSOS
CONVERTIDOS
IGREJA
CONTAMINADA
CRENTE VIVENDO
DE APARÊNCIAS
CUIDADO : OS CULTOS ESTÃO SENDO ADAPTADOS AO MUNDO
MODERNO PARA ATRAIR FIÉIS, GERAR RENDA E PROMOÇÃO DE
COMÉRCIO DA SALVAÇÃO .
LEGALISMO ( NA IGREJA )
APEGO A DENOMINAÇÃO
RESISTÊNCIA AO CRESCIMENTO
A IGREJA NÃO AJUDA O MEMBRO A SER ESPIRITUAL
FAZ DISCIPULO PARA SI PRÓPRIA (IGREJA)
MEMBROS CONTROLADOS
CONCEITO DE QUE A IGREJA SALVA
COMUNICAÇÃO VERTICAL – HIERARQUIA RÍGIDA
MELANCOLIA
As lutas e provações que
passamos servem para
construir o nosso caráter,
desenvolver e aumentar
a nossa fé e não para nos
afastar de Deus.
•Estado afetivo
caracterizado por
profunda tristeza e
desencanto geral.
•A pessoa
melancólica não
sente prazer em viver,
não se alegra com
nada.
PRECISAMOS ENTENDER
DESAPONTAMENTO
•Desejos não alcançados.
•Expectativas que não se confirmam,
•Vem as decepções que abalam.
• Faz projetos não consegue realizar.
•Deseja coisas e elas demoram acontecer.
O ESFRIAMENTO ESTÁ GERAL
INDEPENDENTE DA DENOMINAÇÃO
O que está acontecendo com as pessoas?
VAMOS REFLETIR
•Podemos estar muito ocupados na obra de Deus e, todavia, não
ter o gozo de nosso primeiro amor. ( Igreja de Éfeso era ativa).
•Se alguém conhece e lê muito a Bíblia este também está isento
de passar algum esfriamento? ( Os fariseus conheciam as
escrituras)
•Podemos orar e, todavia, estar frios espiritualmente. ( Muitos
crentes estão assim ; orando por orar )
•Se um cristão é perseguido ou sofre, isto é um sinal de que está
fervoroso diante de Deus e não que está sendo derrotado.( A
igreja de Éfeso sofreu muito )
•Dizemos que alguém está frio na fé por causa de heresias ou
falta de consistência teológica.( Podemos estar em pior situação)
CONSEQUÊNCIAS DO
ESFRIAMENTO ESPIRITUAL
(1) Viver com: disfarces, máscaras evangélicas,
vivendo uma mentira; torna-se um fariseu gospel;
(2) Ter vida dupla: durante um certo tempo e depois
entrega-se ao pecado voltando para o mundo.
(3) Torna-se deprimido espiritualmente – Destruir
sua vida e daqueles que estão próximos. Se for um
líder, e não buscar ajuda, vai definhar até sua alma
cair num abismo sem fim.
PERIGOS DA FRIEZA ESPIRITUAL
•Deixar de lado o relacionamento com Deus sem
perceber.
•Abandonar a vida de oração e nem ler mais a
Bíblia.
•Deixar de ser fiel ao Senhor. Entrar numa
verdadeira APATIA ESPIRITUAL.
•Morrer espiritualmente e perder a salvação.
A IGREJA FRAGMENTADA
•Ministérios sendo transformados em grupinhos
elitizados.
• Competição de quem faz mais achando que é assim
que agradam a Deus.
•Os membros disputando lugar um do outro, como se a
salvação dependesse do cargo na igreja.
Estamos perdendo o foco no Reino de Deus , nos afastando da
comunhão com o Senhor e enfraquecendo a igreja como um todo.
E ENTÃO...
Devemos focar na pregação da
palavra e no ensinamento
da verdade.
Você precisa urgentemente voltar
a lutar, aprender a confiar em
Deus acreditando, naquilo que
não se vê (descongelar a fé), e
passar a experimentar o cuidado
que ELE tem com sua vida.
ENTENDA ...VOCÊ TEM UM LADO.
A igreja voltar a oferecer uma educação espiritual para que
o membro não cresça de forma IMATURA E NEM OBSTINADO
em alcançar as glórias de Deus a qualquer custo.
PREGAR
Amor
Verdade
Lealdade
Justiça
Integridade
Respeito
Trabalho
Devemos agir com alegria quando
estivermos na casa do Senhor, e assim
o Espírito de Deus nunca deixará
nossos corações; o seu fogo
permanecerá aceso dentro de nós e
a igreja será um corpo saudável e
santificado.
NOS MOMENTOS DE FRAQUEZA
Devemos buscar a Deus, ser fiel a ele,
separando tempo para reforçar a nossa
comunhão, manter-nos firmes lutando e
resistentes ao pecado. Desenvolver
maturidade espiritual e crescer na fé dia
após dia até a nosso encontro com ELE.
BUSQUE O AVIVAMENTO
ESPIRITUAL
Renove seu compromisso com ELE.
DEIXA O SENHOR CONDUZIR SUA VIDA
E ELE VAI RENOVAR SEU CORAÇÃO .
EXISTE UM DEUS QUE TE VÊ , QUE CUIDA DE VOCÊ
VIDEO

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a friezaespiritual-160117125016 (1).pdf

22 09-13 - obedecer é melhor do que sacrificar
22 09-13 - obedecer é melhor do que sacrificar22 09-13 - obedecer é melhor do que sacrificar
22 09-13 - obedecer é melhor do que sacrificar
Unção Do Crescimento
 
Eb 111 Fazendo o bem sem olhar a quem
Eb 111   Fazendo o bem sem olhar a quemEb 111   Fazendo o bem sem olhar a quem
Eb 111 Fazendo o bem sem olhar a quem
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
estudos-vocaoeministrio-160302141634 (1).pptx
estudos-vocaoeministrio-160302141634 (1).pptxestudos-vocaoeministrio-160302141634 (1).pptx
estudos-vocaoeministrio-160302141634 (1).pptx
Tiago Silva
 
7ª edição (espaço jovem)
7ª edição (espaço jovem)7ª edição (espaço jovem)
7ª edição (espaço jovem)
Dejadjl
 
Boletim Jovem Julho 2014
Boletim Jovem Julho 2014Boletim Jovem Julho 2014
Boletim Jovem Julho 2014
willams
 

Semelhante a friezaespiritual-160117125016 (1).pdf (20)

22 09-13 - obedecer é melhor do que sacrificar
22 09-13 - obedecer é melhor do que sacrificar22 09-13 - obedecer é melhor do que sacrificar
22 09-13 - obedecer é melhor do que sacrificar
 
Boletim cbg 16_fev_2014
Boletim cbg 16_fev_2014Boletim cbg 16_fev_2014
Boletim cbg 16_fev_2014
 
Eb 111 Fazendo o bem sem olhar a quem
Eb 111   Fazendo o bem sem olhar a quemEb 111   Fazendo o bem sem olhar a quem
Eb 111 Fazendo o bem sem olhar a quem
 
estudos-vocaoeministrio-160302141634 (1).pptx
estudos-vocaoeministrio-160302141634 (1).pptxestudos-vocaoeministrio-160302141634 (1).pptx
estudos-vocaoeministrio-160302141634 (1).pptx
 
Estudos vocação e ministério
Estudos  vocação e ministérioEstudos  vocação e ministério
Estudos vocação e ministério
 
Estudos vocação e ministério
Estudos  vocação e ministérioEstudos  vocação e ministério
Estudos vocação e ministério
 
Estudos vocação e ministério
Estudos  vocação e ministérioEstudos  vocação e ministério
Estudos vocação e ministério
 
Com a cabeça nas nuvens
Com a cabeça nas nuvensCom a cabeça nas nuvens
Com a cabeça nas nuvens
 
Xi
XiXi
Xi
 
Crescendo na vida
Crescendo na vidaCrescendo na vida
Crescendo na vida
 
Correndo em Busca das Promessas
Correndo em Busca das PromessasCorrendo em Busca das Promessas
Correndo em Busca das Promessas
 
O poder liberador do perdão
O poder liberador do perdãoO poder liberador do perdão
O poder liberador do perdão
 
Palavra: Genesis e a Redenção - Separados para Deus
Palavra: Genesis e a Redenção - Separados para DeusPalavra: Genesis e a Redenção - Separados para Deus
Palavra: Genesis e a Redenção - Separados para Deus
 
10 Características da Igreja que Agrada a Deus continua.pptx
10 Características da Igreja que Agrada a Deus continua.pptx10 Características da Igreja que Agrada a Deus continua.pptx
10 Características da Igreja que Agrada a Deus continua.pptx
 
7ª edição (espaço jovem)
7ª edição (espaço jovem)7ª edição (espaço jovem)
7ª edição (espaço jovem)
 
Boletim Jovem Julho 2014
Boletim Jovem Julho 2014Boletim Jovem Julho 2014
Boletim Jovem Julho 2014
 
Colossences 1 (parte 2)
Colossences 1 (parte 2)Colossences 1 (parte 2)
Colossences 1 (parte 2)
 
Colossences 1 (parte 2)
Colossences 1 (parte 2)Colossences 1 (parte 2)
Colossences 1 (parte 2)
 
Discipulado é paixão por vidas
Discipulado é paixão por vidasDiscipulado é paixão por vidas
Discipulado é paixão por vidas
 
Desenvolvendo o chamado.docx
Desenvolvendo o chamado.docxDesenvolvendo o chamado.docx
Desenvolvendo o chamado.docx
 

Mais de Tiago Silva

aexpansodoevangelhoforadejerusalm-160402003643.pptx
aexpansodoevangelhoforadejerusalm-160402003643.pptxaexpansodoevangelhoforadejerusalm-160402003643.pptx
aexpansodoevangelhoforadejerusalm-160402003643.pptx
Tiago Silva
 
dokumen.tips_lbj-licao-12-a-familia-de-jesus.pdf
dokumen.tips_lbj-licao-12-a-familia-de-jesus.pdfdokumen.tips_lbj-licao-12-a-familia-de-jesus.pdf
dokumen.tips_lbj-licao-12-a-familia-de-jesus.pdf
Tiago Silva
 
Estudo bíblico - Pneumatologista a doutrina do Espírito santo.pptx
Estudo bíblico - Pneumatologista a doutrina do Espírito santo.pptxEstudo bíblico - Pneumatologista a doutrina do Espírito santo.pptx
Estudo bíblico - Pneumatologista a doutrina do Espírito santo.pptx
Tiago Silva
 
dokumen.tips_aula-1-colossenses-lembrem-se-das-minhas-algemas-418-colossenses...
dokumen.tips_aula-1-colossenses-lembrem-se-das-minhas-algemas-418-colossenses...dokumen.tips_aula-1-colossenses-lembrem-se-das-minhas-algemas-418-colossenses...
dokumen.tips_aula-1-colossenses-lembrem-se-das-minhas-algemas-418-colossenses...
Tiago Silva
 
olivrodexodoeocativeirodeisraelnoegito-140102033744-phpapp02.pdf
olivrodexodoeocativeirodeisraelnoegito-140102033744-phpapp02.pdfolivrodexodoeocativeirodeisraelnoegito-140102033744-phpapp02.pdf
olivrodexodoeocativeirodeisraelnoegito-140102033744-phpapp02.pdf
Tiago Silva
 
dokumen.tips_pentateuco-exodo-pr-erivelton-rodrigues-nunes-2018-05-15-pentate...
dokumen.tips_pentateuco-exodo-pr-erivelton-rodrigues-nunes-2018-05-15-pentate...dokumen.tips_pentateuco-exodo-pr-erivelton-rodrigues-nunes-2018-05-15-pentate...
dokumen.tips_pentateuco-exodo-pr-erivelton-rodrigues-nunes-2018-05-15-pentate...
Tiago Silva
 
dokumen.tips_atos-dos-apstolos-pr-erivelton-rodrigues-nunes-2018-5-15-advogad...
dokumen.tips_atos-dos-apstolos-pr-erivelton-rodrigues-nunes-2018-5-15-advogad...dokumen.tips_atos-dos-apstolos-pr-erivelton-rodrigues-nunes-2018-5-15-advogad...
dokumen.tips_atos-dos-apstolos-pr-erivelton-rodrigues-nunes-2018-5-15-advogad...
Tiago Silva
 
dokumen.tips_lei-historicos-poticos-profetas-obadias-5-jonas-6-miquias-7-naum...
dokumen.tips_lei-historicos-poticos-profetas-obadias-5-jonas-6-miquias-7-naum...dokumen.tips_lei-historicos-poticos-profetas-obadias-5-jonas-6-miquias-7-naum...
dokumen.tips_lei-historicos-poticos-profetas-obadias-5-jonas-6-miquias-7-naum...
Tiago Silva
 
dokumen.tips_aula-1-tiago-ma-f-prtica-deus-os-que-so-pobres-aos-olhos-do-mund...
dokumen.tips_aula-1-tiago-ma-f-prtica-deus-os-que-so-pobres-aos-olhos-do-mund...dokumen.tips_aula-1-tiago-ma-f-prtica-deus-os-que-so-pobres-aos-olhos-do-mund...
dokumen.tips_aula-1-tiago-ma-f-prtica-deus-os-que-so-pobres-aos-olhos-do-mund...
Tiago Silva
 
dokumen.tips_a-f-de-elias-a-f-de-elias-era-um-f-slida-alimentada-pela-prtica-...
dokumen.tips_a-f-de-elias-a-f-de-elias-era-um-f-slida-alimentada-pela-prtica-...dokumen.tips_a-f-de-elias-a-f-de-elias-era-um-f-slida-alimentada-pela-prtica-...
dokumen.tips_a-f-de-elias-a-f-de-elias-era-um-f-slida-alimentada-pela-prtica-...
Tiago Silva
 
dokumen.tips_pentateuco-exodo-pr-erivelton-rodrigues-estivesse-no-pensamento-...
dokumen.tips_pentateuco-exodo-pr-erivelton-rodrigues-estivesse-no-pensamento-...dokumen.tips_pentateuco-exodo-pr-erivelton-rodrigues-estivesse-no-pensamento-...
dokumen.tips_pentateuco-exodo-pr-erivelton-rodrigues-estivesse-no-pensamento-...
Tiago Silva
 
dokumen.tips_aula-1-colossenses-lembrem-se-das-minhas-algemas-418-colossenses...
dokumen.tips_aula-1-colossenses-lembrem-se-das-minhas-algemas-418-colossenses...dokumen.tips_aula-1-colossenses-lembrem-se-das-minhas-algemas-418-colossenses...
dokumen.tips_aula-1-colossenses-lembrem-se-das-minhas-algemas-418-colossenses...
Tiago Silva
 
ESTUDO BÍBLICO - 2 CORÍNTIOS.pptx
ESTUDO BÍBLICO - 2 CORÍNTIOS.pptxESTUDO BÍBLICO - 2 CORÍNTIOS.pptx
ESTUDO BÍBLICO - 2 CORÍNTIOS.pptx
Tiago Silva
 
dokumen.tips_dizimo-pr-erivelton-rodrigues-nunes-dzimos-e-ofertas-keywords-dz...
dokumen.tips_dizimo-pr-erivelton-rodrigues-nunes-dzimos-e-ofertas-keywords-dz...dokumen.tips_dizimo-pr-erivelton-rodrigues-nunes-dzimos-e-ofertas-keywords-dz...
dokumen.tips_dizimo-pr-erivelton-rodrigues-nunes-dzimos-e-ofertas-keywords-dz...
Tiago Silva
 
dokumen.tips_evangelhos-pr-erivelton-rodrigues-os-quatro-livros-do-evangelho-...
dokumen.tips_evangelhos-pr-erivelton-rodrigues-os-quatro-livros-do-evangelho-...dokumen.tips_evangelhos-pr-erivelton-rodrigues-os-quatro-livros-do-evangelho-...
dokumen.tips_evangelhos-pr-erivelton-rodrigues-os-quatro-livros-do-evangelho-...
Tiago Silva
 
A RESSURREIÇÃO DE MUITOS SANTOS NA ÉPOCA DA MORTE DE CRISTO.pptx
A RESSURREIÇÃO DE MUITOS SANTOS NA ÉPOCA DA MORTE DE CRISTO.pptxA RESSURREIÇÃO DE MUITOS SANTOS NA ÉPOCA DA MORTE DE CRISTO.pptx
A RESSURREIÇÃO DE MUITOS SANTOS NA ÉPOCA DA MORTE DE CRISTO.pptx
Tiago Silva
 
(26) Os Evangelhos.pdf
(26) Os Evangelhos.pdf(26) Os Evangelhos.pdf
(26) Os Evangelhos.pdf
Tiago Silva
 
2_07-05-2019_15-06-05.pdf
2_07-05-2019_15-06-05.pdf2_07-05-2019_15-06-05.pdf
2_07-05-2019_15-06-05.pdf
Tiago Silva
 
Slide Licao 7 - A responsabilidade da igreja com os missionários.pptx
Slide Licao 7 -  A responsabilidade da igreja com os missionários.pptxSlide Licao 7 -  A responsabilidade da igreja com os missionários.pptx
Slide Licao 7 - A responsabilidade da igreja com os missionários.pptx
Tiago Silva
 
lio5-asconsequnciasdasescolhasprecipitadas-161020222357.pdf
lio5-asconsequnciasdasescolhasprecipitadas-161020222357.pdflio5-asconsequnciasdasescolhasprecipitadas-161020222357.pdf
lio5-asconsequnciasdasescolhasprecipitadas-161020222357.pdf
Tiago Silva
 

Mais de Tiago Silva (20)

aexpansodoevangelhoforadejerusalm-160402003643.pptx
aexpansodoevangelhoforadejerusalm-160402003643.pptxaexpansodoevangelhoforadejerusalm-160402003643.pptx
aexpansodoevangelhoforadejerusalm-160402003643.pptx
 
dokumen.tips_lbj-licao-12-a-familia-de-jesus.pdf
dokumen.tips_lbj-licao-12-a-familia-de-jesus.pdfdokumen.tips_lbj-licao-12-a-familia-de-jesus.pdf
dokumen.tips_lbj-licao-12-a-familia-de-jesus.pdf
 
Estudo bíblico - Pneumatologista a doutrina do Espírito santo.pptx
Estudo bíblico - Pneumatologista a doutrina do Espírito santo.pptxEstudo bíblico - Pneumatologista a doutrina do Espírito santo.pptx
Estudo bíblico - Pneumatologista a doutrina do Espírito santo.pptx
 
dokumen.tips_aula-1-colossenses-lembrem-se-das-minhas-algemas-418-colossenses...
dokumen.tips_aula-1-colossenses-lembrem-se-das-minhas-algemas-418-colossenses...dokumen.tips_aula-1-colossenses-lembrem-se-das-minhas-algemas-418-colossenses...
dokumen.tips_aula-1-colossenses-lembrem-se-das-minhas-algemas-418-colossenses...
 
olivrodexodoeocativeirodeisraelnoegito-140102033744-phpapp02.pdf
olivrodexodoeocativeirodeisraelnoegito-140102033744-phpapp02.pdfolivrodexodoeocativeirodeisraelnoegito-140102033744-phpapp02.pdf
olivrodexodoeocativeirodeisraelnoegito-140102033744-phpapp02.pdf
 
dokumen.tips_pentateuco-exodo-pr-erivelton-rodrigues-nunes-2018-05-15-pentate...
dokumen.tips_pentateuco-exodo-pr-erivelton-rodrigues-nunes-2018-05-15-pentate...dokumen.tips_pentateuco-exodo-pr-erivelton-rodrigues-nunes-2018-05-15-pentate...
dokumen.tips_pentateuco-exodo-pr-erivelton-rodrigues-nunes-2018-05-15-pentate...
 
dokumen.tips_atos-dos-apstolos-pr-erivelton-rodrigues-nunes-2018-5-15-advogad...
dokumen.tips_atos-dos-apstolos-pr-erivelton-rodrigues-nunes-2018-5-15-advogad...dokumen.tips_atos-dos-apstolos-pr-erivelton-rodrigues-nunes-2018-5-15-advogad...
dokumen.tips_atos-dos-apstolos-pr-erivelton-rodrigues-nunes-2018-5-15-advogad...
 
dokumen.tips_lei-historicos-poticos-profetas-obadias-5-jonas-6-miquias-7-naum...
dokumen.tips_lei-historicos-poticos-profetas-obadias-5-jonas-6-miquias-7-naum...dokumen.tips_lei-historicos-poticos-profetas-obadias-5-jonas-6-miquias-7-naum...
dokumen.tips_lei-historicos-poticos-profetas-obadias-5-jonas-6-miquias-7-naum...
 
dokumen.tips_aula-1-tiago-ma-f-prtica-deus-os-que-so-pobres-aos-olhos-do-mund...
dokumen.tips_aula-1-tiago-ma-f-prtica-deus-os-que-so-pobres-aos-olhos-do-mund...dokumen.tips_aula-1-tiago-ma-f-prtica-deus-os-que-so-pobres-aos-olhos-do-mund...
dokumen.tips_aula-1-tiago-ma-f-prtica-deus-os-que-so-pobres-aos-olhos-do-mund...
 
dokumen.tips_a-f-de-elias-a-f-de-elias-era-um-f-slida-alimentada-pela-prtica-...
dokumen.tips_a-f-de-elias-a-f-de-elias-era-um-f-slida-alimentada-pela-prtica-...dokumen.tips_a-f-de-elias-a-f-de-elias-era-um-f-slida-alimentada-pela-prtica-...
dokumen.tips_a-f-de-elias-a-f-de-elias-era-um-f-slida-alimentada-pela-prtica-...
 
dokumen.tips_pentateuco-exodo-pr-erivelton-rodrigues-estivesse-no-pensamento-...
dokumen.tips_pentateuco-exodo-pr-erivelton-rodrigues-estivesse-no-pensamento-...dokumen.tips_pentateuco-exodo-pr-erivelton-rodrigues-estivesse-no-pensamento-...
dokumen.tips_pentateuco-exodo-pr-erivelton-rodrigues-estivesse-no-pensamento-...
 
dokumen.tips_aula-1-colossenses-lembrem-se-das-minhas-algemas-418-colossenses...
dokumen.tips_aula-1-colossenses-lembrem-se-das-minhas-algemas-418-colossenses...dokumen.tips_aula-1-colossenses-lembrem-se-das-minhas-algemas-418-colossenses...
dokumen.tips_aula-1-colossenses-lembrem-se-das-minhas-algemas-418-colossenses...
 
ESTUDO BÍBLICO - 2 CORÍNTIOS.pptx
ESTUDO BÍBLICO - 2 CORÍNTIOS.pptxESTUDO BÍBLICO - 2 CORÍNTIOS.pptx
ESTUDO BÍBLICO - 2 CORÍNTIOS.pptx
 
dokumen.tips_dizimo-pr-erivelton-rodrigues-nunes-dzimos-e-ofertas-keywords-dz...
dokumen.tips_dizimo-pr-erivelton-rodrigues-nunes-dzimos-e-ofertas-keywords-dz...dokumen.tips_dizimo-pr-erivelton-rodrigues-nunes-dzimos-e-ofertas-keywords-dz...
dokumen.tips_dizimo-pr-erivelton-rodrigues-nunes-dzimos-e-ofertas-keywords-dz...
 
dokumen.tips_evangelhos-pr-erivelton-rodrigues-os-quatro-livros-do-evangelho-...
dokumen.tips_evangelhos-pr-erivelton-rodrigues-os-quatro-livros-do-evangelho-...dokumen.tips_evangelhos-pr-erivelton-rodrigues-os-quatro-livros-do-evangelho-...
dokumen.tips_evangelhos-pr-erivelton-rodrigues-os-quatro-livros-do-evangelho-...
 
A RESSURREIÇÃO DE MUITOS SANTOS NA ÉPOCA DA MORTE DE CRISTO.pptx
A RESSURREIÇÃO DE MUITOS SANTOS NA ÉPOCA DA MORTE DE CRISTO.pptxA RESSURREIÇÃO DE MUITOS SANTOS NA ÉPOCA DA MORTE DE CRISTO.pptx
A RESSURREIÇÃO DE MUITOS SANTOS NA ÉPOCA DA MORTE DE CRISTO.pptx
 
(26) Os Evangelhos.pdf
(26) Os Evangelhos.pdf(26) Os Evangelhos.pdf
(26) Os Evangelhos.pdf
 
2_07-05-2019_15-06-05.pdf
2_07-05-2019_15-06-05.pdf2_07-05-2019_15-06-05.pdf
2_07-05-2019_15-06-05.pdf
 
Slide Licao 7 - A responsabilidade da igreja com os missionários.pptx
Slide Licao 7 -  A responsabilidade da igreja com os missionários.pptxSlide Licao 7 -  A responsabilidade da igreja com os missionários.pptx
Slide Licao 7 - A responsabilidade da igreja com os missionários.pptx
 
lio5-asconsequnciasdasescolhasprecipitadas-161020222357.pdf
lio5-asconsequnciasdasescolhasprecipitadas-161020222357.pdflio5-asconsequnciasdasescolhasprecipitadas-161020222357.pdf
lio5-asconsequnciasdasescolhasprecipitadas-161020222357.pdf
 

Último

Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Pastor Robson Colaço
 
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 finalPPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
carlaOliveira438
 
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdfGRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
rarakey779
 

Último (20)

Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_AssisMemórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
 
Recurso da Casa das Ciências: Bateria/Acumulador
Recurso da Casa das Ciências: Bateria/AcumuladorRecurso da Casa das Ciências: Bateria/Acumulador
Recurso da Casa das Ciências: Bateria/Acumulador
 
Evangelismo e Missões Contemporânea Cristã.pdf
Evangelismo e Missões Contemporânea Cristã.pdfEvangelismo e Missões Contemporânea Cristã.pdf
Evangelismo e Missões Contemporânea Cristã.pdf
 
Atividades-Sobre-o-Conto-Venha-Ver-o-Por-Do-Sol.docx
Atividades-Sobre-o-Conto-Venha-Ver-o-Por-Do-Sol.docxAtividades-Sobre-o-Conto-Venha-Ver-o-Por-Do-Sol.docx
Atividades-Sobre-o-Conto-Venha-Ver-o-Por-Do-Sol.docx
 
Os Tempos Verbais em Inglês-tempos -dos-
Os Tempos Verbais em Inglês-tempos -dos-Os Tempos Verbais em Inglês-tempos -dos-
Os Tempos Verbais em Inglês-tempos -dos-
 
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptxSão Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
 
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
 
Atividade português 7 ano página 38 a 40
Atividade português 7 ano página 38 a 40Atividade português 7 ano página 38 a 40
Atividade português 7 ano página 38 a 40
 
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de.    Maio laranja dds.pptxCampanha 18 de.    Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
 
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco LeiteOs Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
 
ATPCG 27.05 - Recomposição de aprendizagem.pptx
ATPCG 27.05 - Recomposição de aprendizagem.pptxATPCG 27.05 - Recomposição de aprendizagem.pptx
ATPCG 27.05 - Recomposição de aprendizagem.pptx
 
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
 
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 finalPPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
 
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf
 
hereditariedade é variabilidade genetic
hereditariedade é variabilidade  genetichereditariedade é variabilidade  genetic
hereditariedade é variabilidade genetic
 
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdfAs Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
 
Desastres ambientais e vulnerabilidadess
Desastres ambientais e vulnerabilidadessDesastres ambientais e vulnerabilidadess
Desastres ambientais e vulnerabilidadess
 
Produção de poemas - Reciclar é preciso
Produção  de  poemas  -  Reciclar é precisoProdução  de  poemas  -  Reciclar é preciso
Produção de poemas - Reciclar é preciso
 
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
 
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdfGRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
 

friezaespiritual-160117125016 (1).pdf

  • 1. DO ESFRIAMENTO ESPIRITUAL À QUEDA APRESENTAÇÃO EDILSON JOSÉ BARBOSA ESTUDO BÍBLICO 42
  • 2. O LAMENTO DO SALMISTA “Por que estás abatida, ó minha alma, e por que te perturbas em mim? Espera em Deus, pois ainda o louvarei pela salvação da sua face.” Salmos 42:5 "Aquietai-vos, e sabei que eu sou Deus“ Salmos 46:10
  • 3. VAMOS REFLETIR • Quem já pensou em abandonar a igreja? • Quem já pensou em trocar de religião? • Quem já pensou que DEUS te deixou de lado? • Quem já duvidou do poder das orações. • Quem já questionou trechos da bíblia ? • Quem já pensou em desistir e voltar para o mundo?
  • 4. Você pode estar passando por um ESFRIAMENTO ESPIRITUAL.
  • 5. O ESFRIAMENTO ESPIRITUAL É a perda do “primeiro amor” que acomete qualquer servo de Deus. Não quer dizer APOSTASIA nem perda de FÉ.
  • 6. ESFRIAMENTO ESPIRITUAL •Sempre ocorre em nossas vidas, em períodos mais difíceis, afinal somos humanos. •Todos os cristãos passam por “dias maus”. É normal ocorrer uma regressão, ou seja um “ ESFRIAMENTO ESPIRITUAL ”
  • 7. SINTOMAS : ESFRIAMENTO ESPIRITUAL •Perda do interesse pela vida devocional. •Perda de interesse pela salvação de vidas. •Desinteresse pela obra missionária. •Abandono da comunhão fraternal.(Irmãos). •Excessivo interesse pelas coisas mundanas. •Aguçado espírito materialista. •Desmotivação com as coisas espirituais. •Convivência pacífica com o pecado.(Futilidades) •Constantes críticas aos trabalhos da igreja. •Pensar que Deus não está cumprindo as promessas na sua vida.
  • 8. QUEM É O RESPONSÁVEL ALERTA: Muitas vezes, cultos poderosos são seguidos de esterilidade, pois o poder precisa ser espiritual, e não apenas emocional. “E os que estão junto do caminho, estes são os que ouvem; depois vem o diabo, e tira-lhes do coração a palavra, para que não se salvem, crendo;” Lucas 8:12
  • 9. EXISTE UMA GUERRA DEUS( BEM) X DIABO(MAL) •Mas o poder de Deus precisa ser manifestado no mundo. •Deus dá experiências em tempos de reavivamento para que possamos lembrar depois. •O nosso amadurecimento e fortalecimento são partes essenciais do plano de Deus pra nós.
  • 10. Analisar como anda seu coração? Chegou o momento rever seu comportamento em relação Deus ? Está na hora de voltar ao primeiro AMOR ? Video
  • 11. A BÍBLIA CITA ALGUNS EXEMPLOS Muitos servos do Senhor passaram por períodos de esfriamento e desânimo. Muitos passaram por desertos terríveis. Basta mencionar alguns, como: JÓ; DAVI; ELÍAS; JONAS; PAULO, dentre tantos.
  • 12. A VIDA DO APÓSTOLO PAULO (25)Três vezes fui açoitado com varas, uma vez fui apedrejado, três vezes sofri naufrágio, uma noite e um dia passei no abismo; (26)Em viagens muitas vezes, em perigos de rios, em perigos de salteadores, em perigos dos da minha nação, em perigos dos gentios, em perigos na cidade, em perigos no deserto, em perigos no mar, em perigos entre os falsos irmãos; (27)Em trabalhos e fadiga, em vigílias muitas vezes, em fome e sede, em jejum muitas vezes, em frio e nudez. (28)Além das coisas exteriores, me oprime cada dia o cuidado de todas as igrejas. 2 Coríntios 11:25-28
  • 13. O ALIMENTO DE SATANÁS ESFRIAMENTO ESPIRITUAL Mundanismo Legalismo Melancolia Desapontamento
  • 14. MUNDANISMO FALSOS CONVERTIDOS IGREJA CONTAMINADA CRENTE VIVENDO DE APARÊNCIAS CUIDADO : OS CULTOS ESTÃO SENDO ADAPTADOS AO MUNDO MODERNO PARA ATRAIR FIÉIS, GERAR RENDA E PROMOÇÃO DE COMÉRCIO DA SALVAÇÃO .
  • 15. LEGALISMO ( NA IGREJA ) APEGO A DENOMINAÇÃO RESISTÊNCIA AO CRESCIMENTO A IGREJA NÃO AJUDA O MEMBRO A SER ESPIRITUAL FAZ DISCIPULO PARA SI PRÓPRIA (IGREJA) MEMBROS CONTROLADOS CONCEITO DE QUE A IGREJA SALVA COMUNICAÇÃO VERTICAL – HIERARQUIA RÍGIDA
  • 16. MELANCOLIA As lutas e provações que passamos servem para construir o nosso caráter, desenvolver e aumentar a nossa fé e não para nos afastar de Deus. •Estado afetivo caracterizado por profunda tristeza e desencanto geral. •A pessoa melancólica não sente prazer em viver, não se alegra com nada. PRECISAMOS ENTENDER
  • 17. DESAPONTAMENTO •Desejos não alcançados. •Expectativas que não se confirmam, •Vem as decepções que abalam. • Faz projetos não consegue realizar. •Deseja coisas e elas demoram acontecer.
  • 18. O ESFRIAMENTO ESTÁ GERAL INDEPENDENTE DA DENOMINAÇÃO O que está acontecendo com as pessoas?
  • 19. VAMOS REFLETIR •Podemos estar muito ocupados na obra de Deus e, todavia, não ter o gozo de nosso primeiro amor. ( Igreja de Éfeso era ativa). •Se alguém conhece e lê muito a Bíblia este também está isento de passar algum esfriamento? ( Os fariseus conheciam as escrituras) •Podemos orar e, todavia, estar frios espiritualmente. ( Muitos crentes estão assim ; orando por orar ) •Se um cristão é perseguido ou sofre, isto é um sinal de que está fervoroso diante de Deus e não que está sendo derrotado.( A igreja de Éfeso sofreu muito ) •Dizemos que alguém está frio na fé por causa de heresias ou falta de consistência teológica.( Podemos estar em pior situação)
  • 20. CONSEQUÊNCIAS DO ESFRIAMENTO ESPIRITUAL (1) Viver com: disfarces, máscaras evangélicas, vivendo uma mentira; torna-se um fariseu gospel; (2) Ter vida dupla: durante um certo tempo e depois entrega-se ao pecado voltando para o mundo. (3) Torna-se deprimido espiritualmente – Destruir sua vida e daqueles que estão próximos. Se for um líder, e não buscar ajuda, vai definhar até sua alma cair num abismo sem fim.
  • 21. PERIGOS DA FRIEZA ESPIRITUAL •Deixar de lado o relacionamento com Deus sem perceber. •Abandonar a vida de oração e nem ler mais a Bíblia. •Deixar de ser fiel ao Senhor. Entrar numa verdadeira APATIA ESPIRITUAL. •Morrer espiritualmente e perder a salvação.
  • 22. A IGREJA FRAGMENTADA •Ministérios sendo transformados em grupinhos elitizados. • Competição de quem faz mais achando que é assim que agradam a Deus. •Os membros disputando lugar um do outro, como se a salvação dependesse do cargo na igreja. Estamos perdendo o foco no Reino de Deus , nos afastando da comunhão com o Senhor e enfraquecendo a igreja como um todo.
  • 24. Devemos focar na pregação da palavra e no ensinamento da verdade.
  • 25. Você precisa urgentemente voltar a lutar, aprender a confiar em Deus acreditando, naquilo que não se vê (descongelar a fé), e passar a experimentar o cuidado que ELE tem com sua vida. ENTENDA ...VOCÊ TEM UM LADO.
  • 26. A igreja voltar a oferecer uma educação espiritual para que o membro não cresça de forma IMATURA E NEM OBSTINADO em alcançar as glórias de Deus a qualquer custo. PREGAR Amor Verdade Lealdade Justiça Integridade Respeito Trabalho
  • 27. Devemos agir com alegria quando estivermos na casa do Senhor, e assim o Espírito de Deus nunca deixará nossos corações; o seu fogo permanecerá aceso dentro de nós e a igreja será um corpo saudável e santificado.
  • 28. NOS MOMENTOS DE FRAQUEZA Devemos buscar a Deus, ser fiel a ele, separando tempo para reforçar a nossa comunhão, manter-nos firmes lutando e resistentes ao pecado. Desenvolver maturidade espiritual e crescer na fé dia após dia até a nosso encontro com ELE.
  • 29. BUSQUE O AVIVAMENTO ESPIRITUAL Renove seu compromisso com ELE. DEIXA O SENHOR CONDUZIR SUA VIDA E ELE VAI RENOVAR SEU CORAÇÃO . EXISTE UM DEUS QUE TE VÊ , QUE CUIDA DE VOCÊ VIDEO