SlideShare uma empresa Scribd logo
Expressioni
   smo
Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
História das Artes Visuais e Contemporâneas
Docente: Pedro Rosário
Duarte Queirós al53363
•   O expressionismo foi um movimento cultural de vanguarda surgido na
    Alemanha no início do século XX, transversal aos campos artísticos da
    arquitetura, artes plásticas, literatura, música, cinema, teatro, dança e
    fotografia. Manifestou-se inicialmente através da pintura, coincidindo com o
    aparecimento do fauvismo francês, o que tornaria ambos os movimentos
    artísticos os primeiros representantes das chamadas "vanguardas
    históricas".

•   Teve o seu auge no cinema após a I Guerra Mundial(1920).

•   O expressionismo compreende a deformação da realidade para expressar
    de forma subjetiva a natureza e o ser humano, dando primazia à expressão
    de sentimentos em relação à simples descrição objetiva da realidade.
• Com O gabinete do Dr. Caligari (1919), de Robert Wiene, Nosferatu,
  uma sinfonia de horrores (1922), de Friedrich Wilhelm Murnau, uma
  nova forma de cinema surge, com temas sombrios de suspense
  policial e mistério em um ambiente urbano, personagens bizarros e
  assustadores, uma distorção da imagem devido a uma excessiva
  dramaticidade tanto na atuação quanto na maquiagem e cenografia
  fantástica de recriação do imaginário humano.
• No cinema existe o grande uso de sombras para
  dar ambientes sombrios.

• Os planos picados e contra picados são outra
  característica do cinema expressionista.

• Usam-se focos de luz para iluminar objetos ou
  personagens
• Os planos picados estão situados por cima da
  personagem ou objeto, inferiorizando-os assim.

• Os contrapicados por sua vez estão por baixo,
  engrandecendo-os.
Conclusão
• O expressionismo alemão:
   – Tem como tema principal o terror, mas também suspense e
     drama;
   – Teve o seu auge em 1920, após a I Guerra Mundial;
   – Tem como características o uso de sombras;
   – O uso de planos picados e contrapicados;
   – Usam-se focos de luz nas personagens
Reflexão
Vi que o cinema expressionista alemão
acaba por ser o foco inicial dos filmes de
terror, que têm uma grande importância no
cinema de hoje.
Foi também um grande movimento, mas a
sua incidência principal foi no cinema.
Webgrafia
• http://pt.wikipedia.org/wiki/Expressionismo
  _alem%C3%A3o

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Expressionismo slide
Expressionismo slideExpressionismo slide
Expressionismo slide
Apoliana Oliveira
 
Expressionismo
ExpressionismoExpressionismo
Expressionismo
Scriba Digital
 
Trabalho expressionismo
Trabalho expressionismoTrabalho expressionismo
Trabalho expressionismo
Angelica Medeiros
 
Expressionismo
ExpressionismoExpressionismo
Expressionismo
Ian Vítor
 
Expressionismo
ExpressionismoExpressionismo
Expressionismo
Lyciia Santtos
 
Expressionismo e o Contexto Social Alemão
Expressionismo e o Contexto Social AlemãoExpressionismo e o Contexto Social Alemão
Expressionismo e o Contexto Social Alemão
maariane27
 
Expressionismo
ExpressionismoExpressionismo
Expressionismo
Inês Filipa
 
EXPRESSIONISMO
EXPRESSIONISMOEXPRESSIONISMO
EXPRESSIONISMO
Cristiane Seibt
 
Expressionismo Alemão
Expressionismo AlemãoExpressionismo Alemão
Expressionismo Alemãoleemonteiro
 
Expressionismo / Arte expressionista
Expressionismo / Arte expressionistaExpressionismo / Arte expressionista
Expressionismo / Arte expressionista
Fabio Rezende
 
Expressionismo
ExpressionismoExpressionismo
ExpressionismoJoel
 
Expressionismo - Trabalho de artes
Expressionismo - Trabalho de artesExpressionismo - Trabalho de artes
Expressionismo - Trabalho de artes
Luis_Cesar_Hryckiv
 
Expressionismo
Expressionismo Expressionismo
Expressionismo
Laguat
 
Expressionismo e vincent van gogh
Expressionismo e vincent van goghExpressionismo e vincent van gogh
Expressionismo e vincent van gogh
Luís Ramos
 
Expressionismo - Vanguardas Europeias
Expressionismo - Vanguardas EuropeiasExpressionismo - Vanguardas Europeias
Expressionismo - Vanguardas Europeias
Vinícius Fabreau
 
Expressionismo
ExpressionismoExpressionismo
Expressionismo
Ana Gabriela
 
Expressionismo
ExpressionismoExpressionismo
Expressionismo
Christian Barbosa
 
A arte como expressão expressionismo
A arte como expressão   expressionismoA arte como expressão   expressionismo
A arte como expressão expressionismo
Junior Onildo
 
Expressionismo
ExpressionismoExpressionismo
Expressionismo
Elen Cristina
 

Mais procurados (20)

Expressionismo slide
Expressionismo slideExpressionismo slide
Expressionismo slide
 
Expressionismo
ExpressionismoExpressionismo
Expressionismo
 
Trabalho expressionismo
Trabalho expressionismoTrabalho expressionismo
Trabalho expressionismo
 
Expressionismo
ExpressionismoExpressionismo
Expressionismo
 
Expressionismo
ExpressionismoExpressionismo
Expressionismo
 
Expressionismo e o Contexto Social Alemão
Expressionismo e o Contexto Social AlemãoExpressionismo e o Contexto Social Alemão
Expressionismo e o Contexto Social Alemão
 
Expressionismo
ExpressionismoExpressionismo
Expressionismo
 
EXPRESSIONISMO
EXPRESSIONISMOEXPRESSIONISMO
EXPRESSIONISMO
 
Expressionismo Alemão
Expressionismo AlemãoExpressionismo Alemão
Expressionismo Alemão
 
Expressionismo / Arte expressionista
Expressionismo / Arte expressionistaExpressionismo / Arte expressionista
Expressionismo / Arte expressionista
 
Expressionismo
ExpressionismoExpressionismo
Expressionismo
 
Expressionismo
ExpressionismoExpressionismo
Expressionismo
 
Expressionismo - Trabalho de artes
Expressionismo - Trabalho de artesExpressionismo - Trabalho de artes
Expressionismo - Trabalho de artes
 
Expressionismo
Expressionismo Expressionismo
Expressionismo
 
Expressionismo e vincent van gogh
Expressionismo e vincent van goghExpressionismo e vincent van gogh
Expressionismo e vincent van gogh
 
Expressionismo - Vanguardas Europeias
Expressionismo - Vanguardas EuropeiasExpressionismo - Vanguardas Europeias
Expressionismo - Vanguardas Europeias
 
Expressionismo
ExpressionismoExpressionismo
Expressionismo
 
Expressionismo
ExpressionismoExpressionismo
Expressionismo
 
A arte como expressão expressionismo
A arte como expressão   expressionismoA arte como expressão   expressionismo
A arte como expressão expressionismo
 
Expressionismo
ExpressionismoExpressionismo
Expressionismo
 

Destaque

Expressionismo
ExpressionismoExpressionismo
ExpressionismoGu Tonetto
 
Expressionismo
ExpressionismoExpressionismo
ExpressionismoAgostinho
 
Expressionismo
ExpressionismoExpressionismo
Expressionismo
mundica broda
 
Visita al parque nacional de cabañeros
Visita al parque nacional de cabañerosVisita al parque nacional de cabañeros
Visita al parque nacional de cabañerosOlivovy
 
Pixel Pencils (business card)
Pixel Pencils (business card)Pixel Pencils (business card)
Pixel Pencils (business card)Joseph Arce
 
E-Mail Compliance Frameworks in the Real World
E-Mail Compliance Frameworks in the Real WorldE-Mail Compliance Frameworks in the Real World
E-Mail Compliance Frameworks in the Real WorldChris Byrne
 
México 70
México 70México 70
México 70
Lucas Rodrigues
 
Expressionismo
ExpressionismoExpressionismo
Expressionismo
Lucas Souza Castro
 
Expressionismo
ExpressionismoExpressionismo
Expressionismo
Guilherme Borges
 
Expressionismo Brasileiro
Expressionismo BrasileiroExpressionismo Brasileiro
Expressionismo Brasileiro
Lucas Rodrigues
 
Vanguarda expressionista
Vanguarda expressionistaVanguarda expressionista
Vanguarda expressionista
Luanna Karolyne
 
Cartelera 23 de diciembre de 2013
Cartelera 23  de diciembre de 2013Cartelera 23  de diciembre de 2013
Cartelera 23 de diciembre de 2013
Instituto Colombiano de Bienestar Familiar
 
Expressionismo
ExpressionismoExpressionismo
Expressionismo
MateusFreitas000
 
Eubiose 12 mai-2015 noite estrelada e van gogh uma experiencia sensorial
Eubiose 12 mai-2015 noite estrelada e van gogh uma experiencia sensorialEubiose 12 mai-2015 noite estrelada e van gogh uma experiencia sensorial
Eubiose 12 mai-2015 noite estrelada e van gogh uma experiencia sensorial
Numeric Contadores
 
Pós impressionismo
Pós impressionismo Pós impressionismo
Pós impressionismo
William Marques
 

Destaque (18)

Expressionismo
ExpressionismoExpressionismo
Expressionismo
 
Expressionismo
ExpressionismoExpressionismo
Expressionismo
 
Expressionismo
ExpressionismoExpressionismo
Expressionismo
 
Slide Expressionismo
Slide ExpressionismoSlide Expressionismo
Slide Expressionismo
 
Impressionismo e Expressionismo - 3ª A - 2011
Impressionismo e Expressionismo - 3ª A - 2011Impressionismo e Expressionismo - 3ª A - 2011
Impressionismo e Expressionismo - 3ª A - 2011
 
Visita al parque nacional de cabañeros
Visita al parque nacional de cabañerosVisita al parque nacional de cabañeros
Visita al parque nacional de cabañeros
 
Pixel Pencils (business card)
Pixel Pencils (business card)Pixel Pencils (business card)
Pixel Pencils (business card)
 
E-Mail Compliance Frameworks in the Real World
E-Mail Compliance Frameworks in the Real WorldE-Mail Compliance Frameworks in the Real World
E-Mail Compliance Frameworks in the Real World
 
Eco app
Eco appEco app
Eco app
 
México 70
México 70México 70
México 70
 
Expressionismo
ExpressionismoExpressionismo
Expressionismo
 
Expressionismo
ExpressionismoExpressionismo
Expressionismo
 
Expressionismo Brasileiro
Expressionismo BrasileiroExpressionismo Brasileiro
Expressionismo Brasileiro
 
Vanguarda expressionista
Vanguarda expressionistaVanguarda expressionista
Vanguarda expressionista
 
Cartelera 23 de diciembre de 2013
Cartelera 23  de diciembre de 2013Cartelera 23  de diciembre de 2013
Cartelera 23 de diciembre de 2013
 
Expressionismo
ExpressionismoExpressionismo
Expressionismo
 
Eubiose 12 mai-2015 noite estrelada e van gogh uma experiencia sensorial
Eubiose 12 mai-2015 noite estrelada e van gogh uma experiencia sensorialEubiose 12 mai-2015 noite estrelada e van gogh uma experiencia sensorial
Eubiose 12 mai-2015 noite estrelada e van gogh uma experiencia sensorial
 
Pós impressionismo
Pós impressionismo Pós impressionismo
Pós impressionismo
 

Semelhante a Expressionismo

Novo apresentação do microsoft power point
Novo apresentação do microsoft power pointNovo apresentação do microsoft power point
Novo apresentação do microsoft power pointSérgio Ventura
 
Arte 3 série_slide aula 14
Arte 3 série_slide aula 14Arte 3 série_slide aula 14
Arte 3 série_slide aula 14
JulianoFonseca17
 
Trabalho de historia expressionsmo
Trabalho de historia   expressionsmoTrabalho de historia   expressionsmo
Trabalho de historia expressionsmoCarolina Mota
 
Expressionismo (F.W. Murnau)
Expressionismo (F.W. Murnau)Expressionismo (F.W. Murnau)
Expressionismo (F.W. Murnau)Pedro Pessoa
 
Robert wiener
Robert wienerRobert wiener
Robert wienerUnallowed
 
Robert wiener
Robert wienerRobert wiener
Robert wienerUnallowed
 
Expressionismo final
Expressionismo finalExpressionismo final
Expressionismo finalRui Miguel
 
O expressionismo alemão no cinema
O expressionismo alemão no cinemaO expressionismo alemão no cinema
O expressionismo alemão no cinemaJosé Costa
 
O pós guerra e o cinema expressionista alemão
O pós guerra e o cinema expressionista alemão O pós guerra e o cinema expressionista alemão
O pós guerra e o cinema expressionista alemão
ianqueiroz42
 
Evolução do Cinema
Evolução do CinemaEvolução do Cinema
Evolução do CinemaMichele Pó
 
Metropolis
MetropolisMetropolis
Metropolis
inacabados
 
F.W.Murnau
F.W.MurnauF.W.Murnau
F.W.Murnau
dark_legend
 
F.W.Murnau
F.W.MurnauF.W.Murnau
F.W.Murnau
dark_legend
 
Vanguardas Europeias - Expressionismo
Vanguardas Europeias - Expressionismo Vanguardas Europeias - Expressionismo
Vanguardas Europeias - Expressionismo
Luan Lucena
 
Fritz lang
Fritz langFritz lang
Fritz lang
Vânia Fernandes
 
Fritz lang
Fritz langFritz lang
Fritz langigamen
 
Introdução à teoria do cinema - Robert Stam.pdf
Introdução à teoria do cinema - Robert Stam.pdfIntrodução à teoria do cinema - Robert Stam.pdf
Introdução à teoria do cinema - Robert Stam.pdf
ssuser2af87a
 
Grandes mestres do cinema
Grandes mestres do cinemaGrandes mestres do cinema
Grandes mestres do cinemasergioborgato
 

Semelhante a Expressionismo (20)

Novo apresentação do microsoft power point
Novo apresentação do microsoft power pointNovo apresentação do microsoft power point
Novo apresentação do microsoft power point
 
Arte 3 série_slide aula 14
Arte 3 série_slide aula 14Arte 3 série_slide aula 14
Arte 3 série_slide aula 14
 
Trabalho de historia expressionsmo
Trabalho de historia   expressionsmoTrabalho de historia   expressionsmo
Trabalho de historia expressionsmo
 
Expressionismo (F.W. Murnau)
Expressionismo (F.W. Murnau)Expressionismo (F.W. Murnau)
Expressionismo (F.W. Murnau)
 
Robert wiener
Robert wienerRobert wiener
Robert wiener
 
Robert wiener
Robert wienerRobert wiener
Robert wiener
 
Expressionismo final
Expressionismo finalExpressionismo final
Expressionismo final
 
O expressionismo alemão no cinema
O expressionismo alemão no cinemaO expressionismo alemão no cinema
O expressionismo alemão no cinema
 
O pós guerra e o cinema expressionista alemão
O pós guerra e o cinema expressionista alemão O pós guerra e o cinema expressionista alemão
O pós guerra e o cinema expressionista alemão
 
Evolução do Cinema
Evolução do CinemaEvolução do Cinema
Evolução do Cinema
 
Metropolis
MetropolisMetropolis
Metropolis
 
Metropolis
MetropolisMetropolis
Metropolis
 
F.W.Murnau
F.W.MurnauF.W.Murnau
F.W.Murnau
 
F.W.Murnau
F.W.MurnauF.W.Murnau
F.W.Murnau
 
Vanguardas Europeias - Expressionismo
Vanguardas Europeias - Expressionismo Vanguardas Europeias - Expressionismo
Vanguardas Europeias - Expressionismo
 
Fritz lang
Fritz langFritz lang
Fritz lang
 
Fritz lang
Fritz langFritz lang
Fritz lang
 
Introdução à teoria do cinema - Robert Stam.pdf
Introdução à teoria do cinema - Robert Stam.pdfIntrodução à teoria do cinema - Robert Stam.pdf
Introdução à teoria do cinema - Robert Stam.pdf
 
Grandes mestres do cinema
Grandes mestres do cinemaGrandes mestres do cinema
Grandes mestres do cinema
 
Leni Riefenstahl
Leni RiefenstahlLeni Riefenstahl
Leni Riefenstahl
 

Último

Sócrates e os sofistas - apresentação de slides
Sócrates e os sofistas - apresentação de slidesSócrates e os sofistas - apresentação de slides
Sócrates e os sofistas - apresentação de slides
jbellas2
 
Caça-palavras ortografia M antes de P e B.
Caça-palavras    ortografia M antes de P e B.Caça-palavras    ortografia M antes de P e B.
Caça-palavras ortografia M antes de P e B.
Mary Alvarenga
 
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdfCaderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
enpfilosofiaufu
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
MateusTavares54
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Química orgânica e as funções organicas.pptx
Química orgânica e as funções organicas.pptxQuímica orgânica e as funções organicas.pptx
Química orgânica e as funções organicas.pptx
KeilianeOliveira3
 
Acróstico - Reciclar é preciso
Acróstico   -  Reciclar é preciso Acróstico   -  Reciclar é preciso
Acróstico - Reciclar é preciso
Mary Alvarenga
 
Biologia - Jogos da memória genetico.pdf
Biologia - Jogos da memória genetico.pdfBiologia - Jogos da memória genetico.pdf
Biologia - Jogos da memória genetico.pdf
Ana Da Silva Ponce
 
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdfthe_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
CarinaSoto12
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
TomasSousa7
 
livro da EJA - 2a ETAPA - 4o e 5o ano. para análise do professorpdf
livro da EJA - 2a ETAPA - 4o e 5o ano. para análise do professorpdflivro da EJA - 2a ETAPA - 4o e 5o ano. para análise do professorpdf
livro da EJA - 2a ETAPA - 4o e 5o ano. para análise do professorpdf
Escola Municipal Jesus Cristo
 
Atividade - Letra da música "Tem Que Sorrir" - Jorge e Mateus
Atividade - Letra da música "Tem Que Sorrir"  - Jorge e MateusAtividade - Letra da música "Tem Que Sorrir"  - Jorge e Mateus
Atividade - Letra da música "Tem Que Sorrir" - Jorge e Mateus
Mary Alvarenga
 
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdfPowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
1000a
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
TomasSousa7
 
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdfEspecialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
DanielCastro80471
 
BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...
BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...
BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...
Escola Municipal Jesus Cristo
 
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
LucianaCristina58
 
Fato X Opinião (Língua Portuguesa 9º Ano).pptx
Fato X Opinião (Língua Portuguesa 9º Ano).pptxFato X Opinião (Língua Portuguesa 9º Ano).pptx
Fato X Opinião (Língua Portuguesa 9º Ano).pptx
MariaFatima425285
 
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmenteeducação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
DeuzinhaAzevedo
 
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptxAula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
kdn15710
 

Último (20)

Sócrates e os sofistas - apresentação de slides
Sócrates e os sofistas - apresentação de slidesSócrates e os sofistas - apresentação de slides
Sócrates e os sofistas - apresentação de slides
 
Caça-palavras ortografia M antes de P e B.
Caça-palavras    ortografia M antes de P e B.Caça-palavras    ortografia M antes de P e B.
Caça-palavras ortografia M antes de P e B.
 
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdfCaderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
 
Química orgânica e as funções organicas.pptx
Química orgânica e as funções organicas.pptxQuímica orgânica e as funções organicas.pptx
Química orgânica e as funções organicas.pptx
 
Acróstico - Reciclar é preciso
Acróstico   -  Reciclar é preciso Acróstico   -  Reciclar é preciso
Acróstico - Reciclar é preciso
 
Biologia - Jogos da memória genetico.pdf
Biologia - Jogos da memória genetico.pdfBiologia - Jogos da memória genetico.pdf
Biologia - Jogos da memória genetico.pdf
 
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdfthe_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
 
livro da EJA - 2a ETAPA - 4o e 5o ano. para análise do professorpdf
livro da EJA - 2a ETAPA - 4o e 5o ano. para análise do professorpdflivro da EJA - 2a ETAPA - 4o e 5o ano. para análise do professorpdf
livro da EJA - 2a ETAPA - 4o e 5o ano. para análise do professorpdf
 
Atividade - Letra da música "Tem Que Sorrir" - Jorge e Mateus
Atividade - Letra da música "Tem Que Sorrir"  - Jorge e MateusAtividade - Letra da música "Tem Que Sorrir"  - Jorge e Mateus
Atividade - Letra da música "Tem Que Sorrir" - Jorge e Mateus
 
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdfPowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
 
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdfEspecialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
 
BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...
BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...
BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...
 
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
 
Fato X Opinião (Língua Portuguesa 9º Ano).pptx
Fato X Opinião (Língua Portuguesa 9º Ano).pptxFato X Opinião (Língua Portuguesa 9º Ano).pptx
Fato X Opinião (Língua Portuguesa 9º Ano).pptx
 
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmenteeducação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
 
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptxAula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
 

Expressionismo

  • 1. Expressioni smo Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro História das Artes Visuais e Contemporâneas Docente: Pedro Rosário Duarte Queirós al53363
  • 2. O expressionismo foi um movimento cultural de vanguarda surgido na Alemanha no início do século XX, transversal aos campos artísticos da arquitetura, artes plásticas, literatura, música, cinema, teatro, dança e fotografia. Manifestou-se inicialmente através da pintura, coincidindo com o aparecimento do fauvismo francês, o que tornaria ambos os movimentos artísticos os primeiros representantes das chamadas "vanguardas históricas". • Teve o seu auge no cinema após a I Guerra Mundial(1920). • O expressionismo compreende a deformação da realidade para expressar de forma subjetiva a natureza e o ser humano, dando primazia à expressão de sentimentos em relação à simples descrição objetiva da realidade.
  • 3. • Com O gabinete do Dr. Caligari (1919), de Robert Wiene, Nosferatu, uma sinfonia de horrores (1922), de Friedrich Wilhelm Murnau, uma nova forma de cinema surge, com temas sombrios de suspense policial e mistério em um ambiente urbano, personagens bizarros e assustadores, uma distorção da imagem devido a uma excessiva dramaticidade tanto na atuação quanto na maquiagem e cenografia fantástica de recriação do imaginário humano.
  • 4.
  • 5. • No cinema existe o grande uso de sombras para dar ambientes sombrios. • Os planos picados e contra picados são outra característica do cinema expressionista. • Usam-se focos de luz para iluminar objetos ou personagens
  • 6. • Os planos picados estão situados por cima da personagem ou objeto, inferiorizando-os assim. • Os contrapicados por sua vez estão por baixo, engrandecendo-os.
  • 7. Conclusão • O expressionismo alemão: – Tem como tema principal o terror, mas também suspense e drama; – Teve o seu auge em 1920, após a I Guerra Mundial; – Tem como características o uso de sombras; – O uso de planos picados e contrapicados; – Usam-se focos de luz nas personagens
  • 8. Reflexão Vi que o cinema expressionista alemão acaba por ser o foco inicial dos filmes de terror, que têm uma grande importância no cinema de hoje. Foi também um grande movimento, mas a sua incidência principal foi no cinema.