SlideShare uma empresa Scribd logo
Escatologia
Definição: Do gr. Escathos
“últimas          coisas”+
“logia”, discurso racional.
Estudo sistemático e
lógico das doutrinas
concernentes às últimas
Escatologia
Escatologia
Escatologia
Escatologia
Escatologia
Escatologia
Escatologia
Escatologia
Escatologia
Escatologia
II Timóteo 3. 1-5
1-Sabe, porém, isto: que nos últimos dias
sobrevirão tempos trabalhosos;
2-porque haverá homens amantes de si
mesmos, avarentos, presunçosos, soberbos, blas
femos,       desobedientes         a   pais      e
mães, ingratos, profanos,
3-sem                                        afeto
natural, irreconciliáveis, caluniadores, incontine
ntes, cruéis, sem amor para com os bons,
4-traidores, obstinados, orgulhosos, mais amigos
dos deleites do que amigos de Deus,
5-tendo aparência de piedade, mas negando a
“Sabe, porém, isto ...”
Significa:       Tome    conhecimento;
apercebe-te.
“Nos últimos dias”
Esta expressão refere-se aos últimos
dias da Igreja na terra.
“Sobrevirão tempos trabalhosos”
Tempos maus
Perigosos
Violentos
Ausência de credibilidade.
O PERIGO DESSES MAUS TEMPOS
A expressão “sobrevirão tempos
trabalhosos”, indica que haverá uma
corrução na igreja e não da igreja, pois
ela é a noiva pura do Cordeiro.
O perigo reside no fato de que é muito
difícil manter a integridade em meio a
corrupção total. Exemplos:
Ló e sua família em Sodoma e Gomorra
Abraão no Egito, etc
CARÁTER PROFÉTICO
EGOÍSTA         INGRATO             CRUÉIS
AVARENTOS       PROFANOS            SEM AMOR
PRESUNÇOSOS     SEM AFETO NATURAL   TRAIDORES
SOBERBOS        IRRECONCILIÁVEIS    OBSTINADOS
BLASFEMOS       CALUNIADORES        ORGULHOSOS
DESOBEDIENTES   INCONTINENTES       AMIGOS DELEITES


     Esta profecia não aponta diretamente para
o Anticristo, mas para o espírito do Anticristo
operando no seio da igreja, a principal causa da
Apostasia dos últimos tempos.
“Homens amantes de si mesmos”
É o pecado que abre caminho
para os demais.
Responsável pelo culto da
personalidade;
Humanismo generalizado, Jr 8.9
Não servem a ninguém, querem
ser servidos.
“Avarentos”
Amantes do dinheiro e das
riquezas
É a Idolatria do dinheiro
           “Presunçosos”
Jactanciosos
Gabolas
Autoconfiantes
“Soberbos”
Mania de grandeza
Arrogantes, orgulhosos
           “Blasfemos”
Linguagem injuriosa, imprópria,
ofensiva a Deus.
Pornográficos
“Desobedientes a Pais e Mães”
Não honram, não respeitam
Rebeldes e insubmissos
              “Ingratos”
Julgam-se           cheios      de
direitos, como se todos existissem
para servi-los.
Crentes de Laodicéia, que
significa “Direitos do Povo”.
“Profanos”
Inimigos da santidade e do temor
Irreverentes com as coisas de
Deus: A Casa de Deus, a Palavra de
Deus, o Trabalho de Deus, o Culto a
Deus, a Música de Deus, o
Ministério de Deus, as finanças de
Deus, etc.
“Sem afeto natural”
Sem calor humano
Sem sensibilidade
    “Irreconciliáveis”
Não aceitam acordos
Não tem diálogo
Não perdoam
São inflexíveis, duros
“Caluniadores”
Pecados da língua
Maledicentes
Mexeriqueiros
Murmuradores
Promotores de contendas
entre irmãos
“Incontinentes”
Sexualmente desregrados.
Impuros no namoro, no
noivado e no casamento
Vai na “onda” de tudo que
aparece
(Moda, costumes, linguagem, etc
)
“Crueis”
Violência
Brutalidade
Perversidade
Sem gentileza
“Sem amor para com os bons”
Odeiam o que é certo
Inimigos do bem
           “Traidores”
Desleais e Infiéis
Hipócritas e Mentirosos
 Conta-se que um traidor dentro,
   causa mais dano do que mil
     inimigos do lado de fora.
“Obstinados”
Teimoso
Pertinaz
Cabeçudo
        “Orgulhosos”
Pedantes
Prepotentes
“Mais amigos dos deleites do
       que amigos de Deus”
Lazer em excesso, Ez 16.49
Deus está sempre em segundo
plano.
 Hedonistas em potencial
Conta-se que foi em decorrência do
hedonismo, que certo servo de Deus, fez
a seguinte oração:
 “Jesus, se te sigo porque tenho medo do
   inferno, queima-me nas labaredas do
  inferno. Se te sigo porque quero entrar
  no céu, não me permitas entrar no céu.
 Agora, se te sigo porque te amo, não me
impeças entrar na glória e lá contemplar
     para sempre a tua eterna beleza”.
Escatologia
IGREJA NA TERRA
         TEMPO DOS GENTIOS
APOS O RÁPTO DA IGREJA, DEUS TRATARÁ COM ISRAEL
TERREMOTOS
SÉCULO       QUANTIDADE DE TERREMOTOS
   XV    Ocorreram 115 terremotos
  XVI    Ocorreram 253 terremotos
  XVII   Ocorreram 378 terremotos
 XVIII   Ocorreram 640 terremotos
  XIX    Ocorreram 2.119 terremotos
   XX    Ocorreram mais de 4.000
         terremotos
Escatologia
CÉU
CRISTO
          BODAS DO CORDEIRO           JUÍZO FINAL
            IGREJA NO CÉU

            Tribunal
            de Cristo

IGREJA COM CRISTO NAS ARES        NOVA JERUSALÉM
                                   JUÍZO DAS NAÇÕES
              Igreja
           arrebatada   MANIFESTAÇÃO DE CRISTO
 IGREJA
                                     MILÊNIO
 ISRAEL                             7ª Dispensação
GENTIOS                           O REINO DO MESSIAS
Embora Jesus tenha afirmado
que daquele dia e hora, ninguém
sabe, Mt 24.36, a Bíblia
apresenta vários sinais que
indicam a ocasião da sua volta,
entretanto, o sinal mais evidente
é o repatriamento de Israel.
A parábola da figueira é uma
referência ao retorno de Israel
à sua terra, que ocorreu às
vésperas do sétimo milênio, é
de fato um sinal que evidencia
a    proximidade      da    era
escatológica.          Nenhum
estudante da Bíblia tem dúvida
de que o rapto da igreja pode
acontecer       a     qualquer
momento. Leia a seguir o que
vaticinou o Senhor Jesus,
analise o fato histórico do
repatriamento dos judeus, e
você chegará à conclusão de
que só nos resta esperar Jesus.
E disse-lhes uma parábola:
Olhai para a figueira e para
todas as árvores. Quando já
começam a brotar, vós sabeis
por vós mesmos, vendo-as, que
perto está já o verão. Assim
também vós, quando virdes
acontecer essas coisas, sabei
que o Reino de Deus está perto.
Em verdade vos digo que não
passará esta geração até que
tudo aconteça. Passará o céu e
a terra, mas as minhas palavras
não hão de passar.
          Lucas 21.29-33
Escatologia
Escatologia
Escatologia

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Escatologia? O que é isso?
Escatologia? O que é isso?Escatologia? O que é isso?
Escatologia? O que é isso?
Francelia Carvalho Oliveira
 
Lição 1 - Escatologia, o Estudo das Últimas Coisas - 1ª Trimestre de 2016
Lição 1 - Escatologia, o Estudo das Últimas Coisas - 1ª Trimestre de 2016Lição 1 - Escatologia, o Estudo das Últimas Coisas - 1ª Trimestre de 2016
Lição 1 - Escatologia, o Estudo das Últimas Coisas - 1ª Trimestre de 2016
Andrew Guimarães
 
Lição 6 Doutrina das últimas coisas
Lição 6   Doutrina das últimas coisasLição 6   Doutrina das últimas coisas
Lição 6 Doutrina das últimas coisas
Wander Sousa
 
Introdução AO LIVRO DE APOCALIPSE
Introdução AO LIVRO DE APOCALIPSEIntrodução AO LIVRO DE APOCALIPSE
Introdução AO LIVRO DE APOCALIPSE
Luciana Viana
 
Palestra escatologia bíblica
Palestra escatologia bíblicaPalestra escatologia bíblica
Palestra escatologia bíblica
ADMILTON SOARES
 
Escatologia
EscatologiaEscatologia
Escatologia
Lourenil Ferreira
 
LIÇÃO 01 - ESCATOLOGIA, O ESTUDO DAS ÚLTIMAS COISAS
LIÇÃO 01 - ESCATOLOGIA, O ESTUDO DAS ÚLTIMAS COISASLIÇÃO 01 - ESCATOLOGIA, O ESTUDO DAS ÚLTIMAS COISAS
LIÇÃO 01 - ESCATOLOGIA, O ESTUDO DAS ÚLTIMAS COISAS
Lourinaldo Serafim
 
Escatologia Bíblica - IC Boa Esperança
Escatologia Bíblica - IC Boa EsperançaEscatologia Bíblica - IC Boa Esperança
Escatologia Bíblica - IC Boa Esperança
Joel Medeiros
 
A GRANDE TRIBULAÇÃO E O ANTICRISTO
A GRANDE TRIBULAÇÃO E O ANTICRISTOA GRANDE TRIBULAÇÃO E O ANTICRISTO
A GRANDE TRIBULAÇÃO E O ANTICRISTO
Joao Franca
 
Ele Vem - O iminente retorno de Jesus Cristo
Ele Vem - O iminente retorno de Jesus CristoEle Vem - O iminente retorno de Jesus Cristo
Ele Vem - O iminente retorno de Jesus Cristo
Fabio F. Fernandes
 
Escatologia - um estudo introdutório
Escatologia - um estudo introdutórioEscatologia - um estudo introdutório
Escatologia - um estudo introdutório
Viva a Igreja
 
2 introdução à escatologia ii
2 introdução à escatologia ii2 introdução à escatologia ii
2 introdução à escatologia ii
faculdadeteologica
 
EBD CPAD lições bíblicas 1°trimestre 2016 lição 1 Escatologia , o estudo das ...
EBD CPAD lições bíblicas 1°trimestre 2016 lição 1 Escatologia , o estudo das ...EBD CPAD lições bíblicas 1°trimestre 2016 lição 1 Escatologia , o estudo das ...
EBD CPAD lições bíblicas 1°trimestre 2016 lição 1 Escatologia , o estudo das ...
GIDEONE Moura Santos Ferreira
 
Apostila - Resumo de Escatologia: Quais são os sinais dos cumprimentos profét...
Apostila - Resumo de Escatologia: Quais são os sinais dos cumprimentos profét...Apostila - Resumo de Escatologia: Quais são os sinais dos cumprimentos profét...
Apostila - Resumo de Escatologia: Quais são os sinais dos cumprimentos profét...
Jonas Martins Olímpio
 
Lição 01 - Escatologia, o estudo das últimas coisas
Lição 01 - Escatologia, o estudo das últimas coisasLição 01 - Escatologia, o estudo das últimas coisas
Lição 01 - Escatologia, o estudo das últimas coisas
Regio Davis
 
6 escatologia em isaías
6 escatologia em isaías6 escatologia em isaías
6 escatologia em isaías
faculdadeteologica
 
Escatologia do antigo testamento
Escatologia do antigo testamentoEscatologia do antigo testamento
Escatologia do antigo testamento
Francileide Corte Real
 
4 fundamentos bíblicos escatológicos ii
4 fundamentos bíblicos escatológicos ii4 fundamentos bíblicos escatológicos ii
4 fundamentos bíblicos escatológicos ii
faculdadeteologica
 
Escatologia
EscatologiaEscatologia
Escatologia
subcongregaadcr
 
Lições bíblicas 1 trimestre 2016 Adultos - O final de todas as coisas
Lições bíblicas 1 trimestre 2016 Adultos - O final de todas as coisasLições bíblicas 1 trimestre 2016 Adultos - O final de todas as coisas
Lições bíblicas 1 trimestre 2016 Adultos - O final de todas as coisas
Ravena B
 

Mais procurados (20)

Escatologia? O que é isso?
Escatologia? O que é isso?Escatologia? O que é isso?
Escatologia? O que é isso?
 
Lição 1 - Escatologia, o Estudo das Últimas Coisas - 1ª Trimestre de 2016
Lição 1 - Escatologia, o Estudo das Últimas Coisas - 1ª Trimestre de 2016Lição 1 - Escatologia, o Estudo das Últimas Coisas - 1ª Trimestre de 2016
Lição 1 - Escatologia, o Estudo das Últimas Coisas - 1ª Trimestre de 2016
 
Lição 6 Doutrina das últimas coisas
Lição 6   Doutrina das últimas coisasLição 6   Doutrina das últimas coisas
Lição 6 Doutrina das últimas coisas
 
Introdução AO LIVRO DE APOCALIPSE
Introdução AO LIVRO DE APOCALIPSEIntrodução AO LIVRO DE APOCALIPSE
Introdução AO LIVRO DE APOCALIPSE
 
Palestra escatologia bíblica
Palestra escatologia bíblicaPalestra escatologia bíblica
Palestra escatologia bíblica
 
Escatologia
EscatologiaEscatologia
Escatologia
 
LIÇÃO 01 - ESCATOLOGIA, O ESTUDO DAS ÚLTIMAS COISAS
LIÇÃO 01 - ESCATOLOGIA, O ESTUDO DAS ÚLTIMAS COISASLIÇÃO 01 - ESCATOLOGIA, O ESTUDO DAS ÚLTIMAS COISAS
LIÇÃO 01 - ESCATOLOGIA, O ESTUDO DAS ÚLTIMAS COISAS
 
Escatologia Bíblica - IC Boa Esperança
Escatologia Bíblica - IC Boa EsperançaEscatologia Bíblica - IC Boa Esperança
Escatologia Bíblica - IC Boa Esperança
 
A GRANDE TRIBULAÇÃO E O ANTICRISTO
A GRANDE TRIBULAÇÃO E O ANTICRISTOA GRANDE TRIBULAÇÃO E O ANTICRISTO
A GRANDE TRIBULAÇÃO E O ANTICRISTO
 
Ele Vem - O iminente retorno de Jesus Cristo
Ele Vem - O iminente retorno de Jesus CristoEle Vem - O iminente retorno de Jesus Cristo
Ele Vem - O iminente retorno de Jesus Cristo
 
Escatologia - um estudo introdutório
Escatologia - um estudo introdutórioEscatologia - um estudo introdutório
Escatologia - um estudo introdutório
 
2 introdução à escatologia ii
2 introdução à escatologia ii2 introdução à escatologia ii
2 introdução à escatologia ii
 
EBD CPAD lições bíblicas 1°trimestre 2016 lição 1 Escatologia , o estudo das ...
EBD CPAD lições bíblicas 1°trimestre 2016 lição 1 Escatologia , o estudo das ...EBD CPAD lições bíblicas 1°trimestre 2016 lição 1 Escatologia , o estudo das ...
EBD CPAD lições bíblicas 1°trimestre 2016 lição 1 Escatologia , o estudo das ...
 
Apostila - Resumo de Escatologia: Quais são os sinais dos cumprimentos profét...
Apostila - Resumo de Escatologia: Quais são os sinais dos cumprimentos profét...Apostila - Resumo de Escatologia: Quais são os sinais dos cumprimentos profét...
Apostila - Resumo de Escatologia: Quais são os sinais dos cumprimentos profét...
 
Lição 01 - Escatologia, o estudo das últimas coisas
Lição 01 - Escatologia, o estudo das últimas coisasLição 01 - Escatologia, o estudo das últimas coisas
Lição 01 - Escatologia, o estudo das últimas coisas
 
6 escatologia em isaías
6 escatologia em isaías6 escatologia em isaías
6 escatologia em isaías
 
Escatologia do antigo testamento
Escatologia do antigo testamentoEscatologia do antigo testamento
Escatologia do antigo testamento
 
4 fundamentos bíblicos escatológicos ii
4 fundamentos bíblicos escatológicos ii4 fundamentos bíblicos escatológicos ii
4 fundamentos bíblicos escatológicos ii
 
Escatologia
EscatologiaEscatologia
Escatologia
 
Lições bíblicas 1 trimestre 2016 Adultos - O final de todas as coisas
Lições bíblicas 1 trimestre 2016 Adultos - O final de todas as coisasLições bíblicas 1 trimestre 2016 Adultos - O final de todas as coisas
Lições bíblicas 1 trimestre 2016 Adultos - O final de todas as coisas
 

Semelhante a Escatologia

Palavra noturna dominical quem é o pai da religião
Palavra noturna dominical quem é o pai da religiãoPalavra noturna dominical quem é o pai da religião
Palavra noturna dominical quem é o pai da religião
melquisedeque Chagas
 
Tessalônica n dias de Paulo_Resumo_Liç_332012
Tessalônica n dias de Paulo_Resumo_Liç_332012Tessalônica n dias de Paulo_Resumo_Liç_332012
Tessalônica n dias de Paulo_Resumo_Liç_332012
Gerson G. Ramos
 
Paralelismo entre israel antigo e a igreja adventista
Paralelismo entre israel antigo e a igreja adventistaParalelismo entre israel antigo e a igreja adventista
Paralelismo entre israel antigo e a igreja adventista
Eduardo Sousa Gomes
 
2 - Os Críticos de Ellen White
2 - Os Críticos de Ellen White2 - Os Críticos de Ellen White
2 - Os Críticos de Ellen White
Fábio Paradela
 
Não vim destruir a lei-Marcelo do N. Rodrigues-CEM
Não vim destruir a lei-Marcelo do N. Rodrigues-CEMNão vim destruir a lei-Marcelo do N. Rodrigues-CEM
Não vim destruir a lei-Marcelo do N. Rodrigues-CEM
Marcelo do Nascimento Rodrigues
 
Ult+324
Ult+324Ult+324
Ult+324
Francisco Sá
 
Apresentacao Grupo de pais - 30.03.2013 - Jesus e a doutrina espírita
Apresentacao Grupo de pais - 30.03.2013 - Jesus e a doutrina espíritaApresentacao Grupo de pais - 30.03.2013 - Jesus e a doutrina espírita
Apresentacao Grupo de pais - 30.03.2013 - Jesus e a doutrina espírita
grupodepaisceb
 
3 - Jesus, os Profetas e Nós
3 - Jesus, os Profetas e Nós3 - Jesus, os Profetas e Nós
3 - Jesus, os Profetas e Nós
Fábio Paradela
 
07 as duas testemunhas
07   as duas testemunhas 07   as duas testemunhas
07 as duas testemunhas
Magayver Silva Galvão
 
Protologia bíblica
Protologia bíblicaProtologia bíblica
Protologia bíblica
João Carlos Nara Júnior
 
O anticristo
O anticristoO anticristo
O anticristo
ESTUDANTETEOLOGIA
 
Aos efésios ontem, aos brasilienses hoje v2
Aos efésios ontem, aos brasilienses hoje v2Aos efésios ontem, aos brasilienses hoje v2
Aos efésios ontem, aos brasilienses hoje v2
Adauto Santos
 
AUTORIDADE DAS TREVAS, CONHECENDO O INIMIGO
AUTORIDADE DAS TREVAS, CONHECENDO O INIMIGOAUTORIDADE DAS TREVAS, CONHECENDO O INIMIGO
AUTORIDADE DAS TREVAS, CONHECENDO O INIMIGO
WilliamSSAlencar
 
CUIDADO COM A IDOLATRIA GOSPEL
CUIDADO COM A IDOLATRIA GOSPELCUIDADO COM A IDOLATRIA GOSPEL
CUIDADO COM A IDOLATRIA GOSPEL
Leonam dos Santos
 
Aos efésios ontem, aos brasilienses hoje v2
Aos efésios ontem, aos brasilienses hoje v2Aos efésios ontem, aos brasilienses hoje v2
Aos efésios ontem, aos brasilienses hoje v2
Correios
 
Romanos 1
Romanos 1Romanos 1
Romanos 1
Dagmar Wendt
 
O sangue(1)
O sangue(1)O sangue(1)
O sangue(1)
welingtonjh
 
Fiéis até o fim
Fiéis até o fimFiéis até o fim
Fiéis até o fim
Alípio Vallim
 
Os juizos de deus atraves dos tempos
Os juizos de deus atraves dos temposOs juizos de deus atraves dos tempos
Os juizos de deus atraves dos tempos
Eduardo Sousa Gomes
 
2011 palestra o_pecado_e_o_pecador[1]
2011 palestra o_pecado_e_o_pecador[1]2011 palestra o_pecado_e_o_pecador[1]
2011 palestra o_pecado_e_o_pecador[1]
Wilma Gonçalves
 

Semelhante a Escatologia (20)

Palavra noturna dominical quem é o pai da religião
Palavra noturna dominical quem é o pai da religiãoPalavra noturna dominical quem é o pai da religião
Palavra noturna dominical quem é o pai da religião
 
Tessalônica n dias de Paulo_Resumo_Liç_332012
Tessalônica n dias de Paulo_Resumo_Liç_332012Tessalônica n dias de Paulo_Resumo_Liç_332012
Tessalônica n dias de Paulo_Resumo_Liç_332012
 
Paralelismo entre israel antigo e a igreja adventista
Paralelismo entre israel antigo e a igreja adventistaParalelismo entre israel antigo e a igreja adventista
Paralelismo entre israel antigo e a igreja adventista
 
2 - Os Críticos de Ellen White
2 - Os Críticos de Ellen White2 - Os Críticos de Ellen White
2 - Os Críticos de Ellen White
 
Não vim destruir a lei-Marcelo do N. Rodrigues-CEM
Não vim destruir a lei-Marcelo do N. Rodrigues-CEMNão vim destruir a lei-Marcelo do N. Rodrigues-CEM
Não vim destruir a lei-Marcelo do N. Rodrigues-CEM
 
Ult+324
Ult+324Ult+324
Ult+324
 
Apresentacao Grupo de pais - 30.03.2013 - Jesus e a doutrina espírita
Apresentacao Grupo de pais - 30.03.2013 - Jesus e a doutrina espíritaApresentacao Grupo de pais - 30.03.2013 - Jesus e a doutrina espírita
Apresentacao Grupo de pais - 30.03.2013 - Jesus e a doutrina espírita
 
3 - Jesus, os Profetas e Nós
3 - Jesus, os Profetas e Nós3 - Jesus, os Profetas e Nós
3 - Jesus, os Profetas e Nós
 
07 as duas testemunhas
07   as duas testemunhas 07   as duas testemunhas
07 as duas testemunhas
 
Protologia bíblica
Protologia bíblicaProtologia bíblica
Protologia bíblica
 
O anticristo
O anticristoO anticristo
O anticristo
 
Aos efésios ontem, aos brasilienses hoje v2
Aos efésios ontem, aos brasilienses hoje v2Aos efésios ontem, aos brasilienses hoje v2
Aos efésios ontem, aos brasilienses hoje v2
 
AUTORIDADE DAS TREVAS, CONHECENDO O INIMIGO
AUTORIDADE DAS TREVAS, CONHECENDO O INIMIGOAUTORIDADE DAS TREVAS, CONHECENDO O INIMIGO
AUTORIDADE DAS TREVAS, CONHECENDO O INIMIGO
 
CUIDADO COM A IDOLATRIA GOSPEL
CUIDADO COM A IDOLATRIA GOSPELCUIDADO COM A IDOLATRIA GOSPEL
CUIDADO COM A IDOLATRIA GOSPEL
 
Aos efésios ontem, aos brasilienses hoje v2
Aos efésios ontem, aos brasilienses hoje v2Aos efésios ontem, aos brasilienses hoje v2
Aos efésios ontem, aos brasilienses hoje v2
 
Romanos 1
Romanos 1Romanos 1
Romanos 1
 
O sangue(1)
O sangue(1)O sangue(1)
O sangue(1)
 
Fiéis até o fim
Fiéis até o fimFiéis até o fim
Fiéis até o fim
 
Os juizos de deus atraves dos tempos
Os juizos de deus atraves dos temposOs juizos de deus atraves dos tempos
Os juizos de deus atraves dos tempos
 
2011 palestra o_pecado_e_o_pecador[1]
2011 palestra o_pecado_e_o_pecador[1]2011 palestra o_pecado_e_o_pecador[1]
2011 palestra o_pecado_e_o_pecador[1]
 

Mais de Jose Ventura

Lição 6 tiatira a igreja tolerante
Lição 6 tiatira a igreja toleranteLição 6 tiatira a igreja tolerante
Lição 6 tiatira a igreja tolerante
Jose Ventura
 
Lição 5 Pergamo a igreja casada com o mundo
Lição 5 Pergamo a igreja casada com o mundoLição 5 Pergamo a igreja casada com o mundo
Lição 5 Pergamo a igreja casada com o mundo
Jose Ventura
 
Lição 4 Esmirna a igreja confessante e mártir
Lição 4 Esmirna a igreja confessante e mártirLição 4 Esmirna a igreja confessante e mártir
Lição 4 Esmirna a igreja confessante e mártir
Jose Ventura
 
Lição 3 A igreja do amor esquecido
Lição 3 A igreja do amor esquecidoLição 3 A igreja do amor esquecido
Lição 3 A igreja do amor esquecido
Jose Ventura
 
Lição 1 Apocalipse a revelação de jesus cristo
Lição 1 Apocalipse a revelação de jesus cristoLição 1 Apocalipse a revelação de jesus cristo
Lição 1 Apocalipse a revelação de jesus cristo
Jose Ventura
 
Lição 13 aviva ó senhor a tua obra
Lição 13   aviva ó senhor a tua obraLição 13   aviva ó senhor a tua obra
Lição 13 aviva ó senhor a tua obra
Jose Ventura
 
Lição 12 conservando a pureza do movimento pentecostal
Lição 12   conservando a pureza do movimento pentecostalLição 12   conservando a pureza do movimento pentecostal
Lição 12 conservando a pureza do movimento pentecostal
Jose Ventura
 
Lição 9 a pureza do movimento pentecostal
Lição 9   a pureza do movimento pentecostalLição 9   a pureza do movimento pentecostal
Lição 9 a pureza do movimento pentecostal
Jose Ventura
 
Teologia da liderança e da administração dias 25 de maio e 2 de junho
Teologia da liderança e da administração dias 25 de maio e 2 de junhoTeologia da liderança e da administração dias 25 de maio e 2 de junho
Teologia da liderança e da administração dias 25 de maio e 2 de junho
Jose Ventura
 
Teologia da liderança e da administração dias 9 e 16 de junho
Teologia da liderança e da administração dias 9 e 16 de junhoTeologia da liderança e da administração dias 9 e 16 de junho
Teologia da liderança e da administração dias 9 e 16 de junho
Jose Ventura
 
Teologia da liderança e da administração dias 9 e 16 de junho
Teologia da liderança e da administração dias 9 e 16 de junhoTeologia da liderança e da administração dias 9 e 16 de junho
Teologia da liderança e da administração dias 9 e 16 de junho
Jose Ventura
 
Teologia da liderança e da administração
Teologia da liderança e da administraçãoTeologia da liderança e da administração
Teologia da liderança e da administração
Jose Ventura
 
Teologia da educação cristã bacharel aula do dia 11 de maio
Teologia da educação cristã   bacharel aula do dia 11 de maioTeologia da educação cristã   bacharel aula do dia 11 de maio
Teologia da educação cristã bacharel aula do dia 11 de maio
Jose Ventura
 
Teologia da educação cristã bacharel aula 3
Teologia da educação cristã   bacharel aula 3Teologia da educação cristã   bacharel aula 3
Teologia da educação cristã bacharel aula 3
Jose Ventura
 
Pentecostalismo e a heresia unicista professor alberto
Pentecostalismo e a heresia unicista   professor albertoPentecostalismo e a heresia unicista   professor alberto
Pentecostalismo e a heresia unicista professor alberto
Jose Ventura
 
Raizes historico teologicas do movimento pentecostal
Raizes historico teologicas do movimento pentecostalRaizes historico teologicas do movimento pentecostal
Raizes historico teologicas do movimento pentecostal
Jose Ventura
 
Educacao Teologica nas Assembleias de Deus
Educacao Teologica nas Assembleias de Deus Educacao Teologica nas Assembleias de Deus
Educacao Teologica nas Assembleias de Deus
Jose Ventura
 
Teologia da educação cristã bacharel aula 3
Teologia da educação cristã   bacharel aula 3Teologia da educação cristã   bacharel aula 3
Teologia da educação cristã bacharel aula 3
Jose Ventura
 
Teologia da educação cristã bacharel aula 3
Teologia da educação cristã   bacharel aula 3Teologia da educação cristã   bacharel aula 3
Teologia da educação cristã bacharel aula 3
Jose Ventura
 
Escatologia aula 5
Escatologia   aula 5Escatologia   aula 5
Escatologia aula 5
Jose Ventura
 

Mais de Jose Ventura (20)

Lição 6 tiatira a igreja tolerante
Lição 6 tiatira a igreja toleranteLição 6 tiatira a igreja tolerante
Lição 6 tiatira a igreja tolerante
 
Lição 5 Pergamo a igreja casada com o mundo
Lição 5 Pergamo a igreja casada com o mundoLição 5 Pergamo a igreja casada com o mundo
Lição 5 Pergamo a igreja casada com o mundo
 
Lição 4 Esmirna a igreja confessante e mártir
Lição 4 Esmirna a igreja confessante e mártirLição 4 Esmirna a igreja confessante e mártir
Lição 4 Esmirna a igreja confessante e mártir
 
Lição 3 A igreja do amor esquecido
Lição 3 A igreja do amor esquecidoLição 3 A igreja do amor esquecido
Lição 3 A igreja do amor esquecido
 
Lição 1 Apocalipse a revelação de jesus cristo
Lição 1 Apocalipse a revelação de jesus cristoLição 1 Apocalipse a revelação de jesus cristo
Lição 1 Apocalipse a revelação de jesus cristo
 
Lição 13 aviva ó senhor a tua obra
Lição 13   aviva ó senhor a tua obraLição 13   aviva ó senhor a tua obra
Lição 13 aviva ó senhor a tua obra
 
Lição 12 conservando a pureza do movimento pentecostal
Lição 12   conservando a pureza do movimento pentecostalLição 12   conservando a pureza do movimento pentecostal
Lição 12 conservando a pureza do movimento pentecostal
 
Lição 9 a pureza do movimento pentecostal
Lição 9   a pureza do movimento pentecostalLição 9   a pureza do movimento pentecostal
Lição 9 a pureza do movimento pentecostal
 
Teologia da liderança e da administração dias 25 de maio e 2 de junho
Teologia da liderança e da administração dias 25 de maio e 2 de junhoTeologia da liderança e da administração dias 25 de maio e 2 de junho
Teologia da liderança e da administração dias 25 de maio e 2 de junho
 
Teologia da liderança e da administração dias 9 e 16 de junho
Teologia da liderança e da administração dias 9 e 16 de junhoTeologia da liderança e da administração dias 9 e 16 de junho
Teologia da liderança e da administração dias 9 e 16 de junho
 
Teologia da liderança e da administração dias 9 e 16 de junho
Teologia da liderança e da administração dias 9 e 16 de junhoTeologia da liderança e da administração dias 9 e 16 de junho
Teologia da liderança e da administração dias 9 e 16 de junho
 
Teologia da liderança e da administração
Teologia da liderança e da administraçãoTeologia da liderança e da administração
Teologia da liderança e da administração
 
Teologia da educação cristã bacharel aula do dia 11 de maio
Teologia da educação cristã   bacharel aula do dia 11 de maioTeologia da educação cristã   bacharel aula do dia 11 de maio
Teologia da educação cristã bacharel aula do dia 11 de maio
 
Teologia da educação cristã bacharel aula 3
Teologia da educação cristã   bacharel aula 3Teologia da educação cristã   bacharel aula 3
Teologia da educação cristã bacharel aula 3
 
Pentecostalismo e a heresia unicista professor alberto
Pentecostalismo e a heresia unicista   professor albertoPentecostalismo e a heresia unicista   professor alberto
Pentecostalismo e a heresia unicista professor alberto
 
Raizes historico teologicas do movimento pentecostal
Raizes historico teologicas do movimento pentecostalRaizes historico teologicas do movimento pentecostal
Raizes historico teologicas do movimento pentecostal
 
Educacao Teologica nas Assembleias de Deus
Educacao Teologica nas Assembleias de Deus Educacao Teologica nas Assembleias de Deus
Educacao Teologica nas Assembleias de Deus
 
Teologia da educação cristã bacharel aula 3
Teologia da educação cristã   bacharel aula 3Teologia da educação cristã   bacharel aula 3
Teologia da educação cristã bacharel aula 3
 
Teologia da educação cristã bacharel aula 3
Teologia da educação cristã   bacharel aula 3Teologia da educação cristã   bacharel aula 3
Teologia da educação cristã bacharel aula 3
 
Escatologia aula 5
Escatologia   aula 5Escatologia   aula 5
Escatologia aula 5
 

Escatologia

  • 2. Definição: Do gr. Escathos “últimas coisas”+ “logia”, discurso racional. Estudo sistemático e lógico das doutrinas concernentes às últimas
  • 13. II Timóteo 3. 1-5 1-Sabe, porém, isto: que nos últimos dias sobrevirão tempos trabalhosos; 2-porque haverá homens amantes de si mesmos, avarentos, presunçosos, soberbos, blas femos, desobedientes a pais e mães, ingratos, profanos, 3-sem afeto natural, irreconciliáveis, caluniadores, incontine ntes, cruéis, sem amor para com os bons, 4-traidores, obstinados, orgulhosos, mais amigos dos deleites do que amigos de Deus, 5-tendo aparência de piedade, mas negando a
  • 14. “Sabe, porém, isto ...” Significa: Tome conhecimento; apercebe-te. “Nos últimos dias” Esta expressão refere-se aos últimos dias da Igreja na terra. “Sobrevirão tempos trabalhosos” Tempos maus Perigosos Violentos Ausência de credibilidade.
  • 15. O PERIGO DESSES MAUS TEMPOS A expressão “sobrevirão tempos trabalhosos”, indica que haverá uma corrução na igreja e não da igreja, pois ela é a noiva pura do Cordeiro. O perigo reside no fato de que é muito difícil manter a integridade em meio a corrupção total. Exemplos: Ló e sua família em Sodoma e Gomorra Abraão no Egito, etc
  • 16. CARÁTER PROFÉTICO EGOÍSTA INGRATO CRUÉIS AVARENTOS PROFANOS SEM AMOR PRESUNÇOSOS SEM AFETO NATURAL TRAIDORES SOBERBOS IRRECONCILIÁVEIS OBSTINADOS BLASFEMOS CALUNIADORES ORGULHOSOS DESOBEDIENTES INCONTINENTES AMIGOS DELEITES Esta profecia não aponta diretamente para o Anticristo, mas para o espírito do Anticristo operando no seio da igreja, a principal causa da Apostasia dos últimos tempos.
  • 17. “Homens amantes de si mesmos” É o pecado que abre caminho para os demais. Responsável pelo culto da personalidade; Humanismo generalizado, Jr 8.9 Não servem a ninguém, querem ser servidos.
  • 18. “Avarentos” Amantes do dinheiro e das riquezas É a Idolatria do dinheiro “Presunçosos” Jactanciosos Gabolas Autoconfiantes
  • 19. “Soberbos” Mania de grandeza Arrogantes, orgulhosos “Blasfemos” Linguagem injuriosa, imprópria, ofensiva a Deus. Pornográficos
  • 20. “Desobedientes a Pais e Mães” Não honram, não respeitam Rebeldes e insubmissos “Ingratos” Julgam-se cheios de direitos, como se todos existissem para servi-los. Crentes de Laodicéia, que significa “Direitos do Povo”.
  • 21. “Profanos” Inimigos da santidade e do temor Irreverentes com as coisas de Deus: A Casa de Deus, a Palavra de Deus, o Trabalho de Deus, o Culto a Deus, a Música de Deus, o Ministério de Deus, as finanças de Deus, etc.
  • 22. “Sem afeto natural” Sem calor humano Sem sensibilidade “Irreconciliáveis” Não aceitam acordos Não tem diálogo Não perdoam São inflexíveis, duros
  • 24. “Incontinentes” Sexualmente desregrados. Impuros no namoro, no noivado e no casamento Vai na “onda” de tudo que aparece (Moda, costumes, linguagem, etc )
  • 26. “Sem amor para com os bons” Odeiam o que é certo Inimigos do bem “Traidores” Desleais e Infiéis Hipócritas e Mentirosos Conta-se que um traidor dentro, causa mais dano do que mil inimigos do lado de fora.
  • 27. “Obstinados” Teimoso Pertinaz Cabeçudo “Orgulhosos” Pedantes Prepotentes
  • 28. “Mais amigos dos deleites do que amigos de Deus” Lazer em excesso, Ez 16.49 Deus está sempre em segundo plano.  Hedonistas em potencial
  • 29. Conta-se que foi em decorrência do hedonismo, que certo servo de Deus, fez a seguinte oração: “Jesus, se te sigo porque tenho medo do inferno, queima-me nas labaredas do inferno. Se te sigo porque quero entrar no céu, não me permitas entrar no céu. Agora, se te sigo porque te amo, não me impeças entrar na glória e lá contemplar para sempre a tua eterna beleza”.
  • 31. IGREJA NA TERRA TEMPO DOS GENTIOS APOS O RÁPTO DA IGREJA, DEUS TRATARÁ COM ISRAEL
  • 32. TERREMOTOS SÉCULO QUANTIDADE DE TERREMOTOS XV Ocorreram 115 terremotos XVI Ocorreram 253 terremotos XVII Ocorreram 378 terremotos XVIII Ocorreram 640 terremotos XIX Ocorreram 2.119 terremotos XX Ocorreram mais de 4.000 terremotos
  • 34. CÉU CRISTO BODAS DO CORDEIRO JUÍZO FINAL IGREJA NO CÉU Tribunal de Cristo IGREJA COM CRISTO NAS ARES NOVA JERUSALÉM JUÍZO DAS NAÇÕES Igreja arrebatada MANIFESTAÇÃO DE CRISTO IGREJA MILÊNIO ISRAEL 7ª Dispensação GENTIOS O REINO DO MESSIAS
  • 35. Embora Jesus tenha afirmado que daquele dia e hora, ninguém sabe, Mt 24.36, a Bíblia apresenta vários sinais que indicam a ocasião da sua volta, entretanto, o sinal mais evidente é o repatriamento de Israel.
  • 36. A parábola da figueira é uma referência ao retorno de Israel à sua terra, que ocorreu às vésperas do sétimo milênio, é de fato um sinal que evidencia a proximidade da era escatológica. Nenhum estudante da Bíblia tem dúvida
  • 37. de que o rapto da igreja pode acontecer a qualquer momento. Leia a seguir o que vaticinou o Senhor Jesus, analise o fato histórico do repatriamento dos judeus, e você chegará à conclusão de que só nos resta esperar Jesus.
  • 38. E disse-lhes uma parábola: Olhai para a figueira e para todas as árvores. Quando já começam a brotar, vós sabeis por vós mesmos, vendo-as, que perto está já o verão. Assim também vós, quando virdes acontecer essas coisas, sabei
  • 39. que o Reino de Deus está perto. Em verdade vos digo que não passará esta geração até que tudo aconteça. Passará o céu e a terra, mas as minhas palavras não hão de passar. Lucas 21.29-33