SlideShare uma empresa Scribd logo
Empreendedorismo
Prof: Alexandre Rabêlo
Aula: 01
Por que o conceito de Empreendedorismo (entrepreneurship) no Brasil
tem sido amplamente difundido somente a partir da década de 90 ?
 Estabilização da Economia, Fim Inflação,
Globalização;
 Aumento da Competitividade, pressão p/Redução
de Custos – Terceirização;
 Altas Taxas de Desemprego;
 Preocupação com a criação de empresas
Duradouras
 Altas taxas de Mortalidade;
Por que a economia Informal ?
 Falta de crédito/crédito caro;
 Excessiva carga tributária e de cálculo
complexo;
 Burocracia p/criação de uma empresa e
sua manutenção.
Será que estes pequenos empresários possuem
conhecimento de Gestão de Negócios ?
 Atuam de forma empírica e sem
Planejamento;
 Não possuem formação adequada.
Definindo o tema
“O empreendedorismo é uma revolução silenciosa,
que será para o século 21 mais do que a revolução
industrial foi para o século 20” (Timmons, 1990)
 Como você definiria
empreendedorismo?
Empreendedorismo, o que é?
 Historicamente, empreendedorismo tem sido definido
como uma maneira diferenciada de alocação de
recursos e otimização de processos organizacionais,
sempre de forma criativa, visando à diminuição de
custos e melhoria de resultados.
 Percebe-se ainda que o termo é constantemente
relacionado à criação de novos negócios, geralmente
micro e pequenas empresas. Por trás destes negócios
estão indivíduos diferenciados, conhecidos por
empreendedores.
Empreendedorismo, o que é?
 A Harvard Business School considera que
empreendedorismo é “a identificação de novas
oportunidades de negócio, independentemente dos
recursos que se apresentam disponíveis ao
empreendedor”.
 O Babson College define o termo de forma ainda
mais abrangente: “empreendedorismo é uma maneira
holística de pensar e de agir, sempre com obsessão
por oportunidades, e balanceada por uma liderança”.
Empreendedorismo, o que é?
 O ato de empreender está relacionado à
identificação, análise e implementação de
oportunidades de negócio, tendo como foco a
inovação e a criação de valor.
 Isto pode ocorrer através da criação de novas
empresas, mas também ocorre em empresas já
estabelecidas, organizações com enfoque social,
entidades de natureza governamental etc.
Quem é o empreendedor?
“O empreendedor é aquele que faz acontecer,
antecipa-se aos fatos e tem uma visão futura da
organização” (Dornelas, 2001)
“O empreendedor é aquele que destrói a ordem
econômica existente através da introdução de novos
produtos e serviços, pela criação de novas formas
de organização, ou pela exploração de novos
recursos e materiais” Joseph Schumpeter (1949)
O empreendedor
Em qualquer definição de empreendedorismo encontram-
se, pelo menos, os seguintes aspectos referentes ao
empreendedor:
• Iniciativa para criar/inovar e paixão pelo o que faz;
• Utiliza os recursos disponíveis de forma criativa
transformando o ambiente social e econômico onde
vive;
• Aceita assumir os riscos e a possibilidade de fracassar.
Quem é o empreendedor?
Alta
Inventor Empreendedor
A grande
maioria
Gerente,
Administrador
Criatividade e
Inovação
Baixa
Alta
Habilidades gerenciais e know-how em business
O segredo de Luisa
Discussão sobre o primeiro capítulo
Divisão dos grupos
No dia 29/09 apresentação da
proposta de empresa.
Características dos Empreendedores
1. São visionários;
2. Sabem tomar decisões;
3. Fazem a diferença;
4. Exploram o máximo as oportunidades;
5. São determinados e dinâmicos;
6. São dedicados;
7. São otimistas e gostam do que fazem;
8. São independentes e constroem seu próprio destino;
9. Ficam ricos;
10. São líderes e formadores de equipes;
11. Fazem network;
12. Assumem riscos calculados;
13. Criam valor para a sociedade.
Mitos sobre o empreendedor
1 – Empreendedores são natos, nascem para
o sucesso.
2 – Empreendedores são “jogadores”que
assumem qualquer tipo de risco.
3 – Os empreendedores não conseguem
trabalhar em equipe.
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
O que você pode aprender com o
pipoqueiro Valdir?
Plano de Negócio
Aula 1
O que é um plano de negócios?
- Documento usado para descrever o negócio e
serve para que a empresa se apresente diante de:
a) Fornecedores;
b) Clientes;
c) Parceiros;
d) Funcionários;
e) Investidores.
- É uma estratégia de convencimento.
a) Determinar uma linha central de atuação;
b) Levar o empreendedor a pensar no futuro do
negócio;
c) Avaliar riscos e oportunidades;
d) Guiar a tomada de decisão.
Qual é foco do plano de negócio?
 O talento empreendedor resulta da percepção,
direção, dedicação e muito trabalho.
O processo empreendedor
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
1 –Pegue uma folha de papel e um lápis;
2 – Desenhe um círculo completo nesse papel;
3 – Faça um ponto dentro do círculo;
4 – Faça um traço sobre o círculo, dividindu-o
em duas partes;
5 – Em cada uma das partes escreva o nome de
uma flor diferente;
6 – Compare o resultado com os colegas.
Teste sua criatividade
 Ideias são diferentes de oportunidades !
 Se você tem uma ideia revolucionária, pergunte a si mesmo
e aos seus sócios:
Qual são os clientes que vamos atender?
Qual o tamanho atual do mercado em reais e em número de
clientes?
O mercado está em crescimento, ou está estável?
Quem são os concorrentes?
 As respostas a essas indagações é que vão dizer se você
tem uma ideia ou uma oportunidade de negócio.
Identificando oportunidades
a) Conversar com pessoas de diferentes níveis
sociais e idade;
b) Pesquisar novas patentes e licenciamento de
produtos;
c) Estar atento aos acontecimentos sociais da sua
região, tendências, preferências da população,
mudança do estilo e do padrão de vida etc…;
d) Visitar institutos de pesquisa, feiras de negócios,
universidades;
e) Participar de congressos e confeerências da área.
Fonte de novas ideias
Avaliando oportunidades
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
a) Demanda de mercado;
b) Estrutura e tamanho do mercado;
c) Análise de margem.
Método 3 M’s
Planejamento estratégico
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Declaração da visão
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Cadeia de valor
 Para definir a cadeia de valor deve-se isolar e
separar atividades:
a) Que tiverem economia diferente;
b) Que tiverem um alto impacto em potencial de
diferenciação;
c) Que representam uma proporção crestente no
custo.
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Competências
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Análise do Mercado
Estudo dos clientes:
1 – Identificar as características dos clientes;
2 – Identificar os interesses e os comportamentos
dos clientes;
3 – Identificar o que faz o cliente comprar;
4 – Identificar onde estão os seus clientes.
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Análise dos concorrentes
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Estudo dos fornecedores
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Matriz SWOT
a) Eliminar os itens tidos como pontos fracos;
b) Capitalizar as oportunidades;
c) Corrigir os pontos fracos onde a empresa
identificou oportunidades potenciais de
negócios;
d) Monitorar itens tidos como pontos fortes
nas áreas onde a empresa enfrenta
ameaças.
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Objetivos e metas
Objetivos = intenções gerais da empresa.
Objetivos = orientação da direção rumo à visão de
futuro.
Objetivos = devem criar um elo entre as ações da
empresa e sua missão.
Ex: Exportar para países no Mercosul
Objetivos e metas
 São declarações específicas que possuem
uma correspondência direta com
determinado objetivo.
 Sempre está associada a números e datas.
Exemplo de metas
 Implantar 40 novos pontos de venda nas
cidades com mais de 100 mil habitantes.
 Montar 5 escritórios de vendas na Europa
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Empreendedorismo.pptxaula1.pdf
Exercício
A direção se reuniu e realizou uma análise estratégica do
crescimento da empresa. A direção indicou que o caminho
do crescimento da empresa passa pela decisão de vender
mais dos produtos atuais para novos mercados. Essa
estratégia de crescimento é denominada:
(A) penetração de mercado.
(B) desenvolvimento do mercado.
(C) desenvolvimento do produto.
(D) diversificação.
(E) oportunidade
4‐ (FCC/METRÔ‐SP/Analista Adm. de
Empresas/2008)
Na matriz produto/mercado (ou matriz de
Ansoff), as
estratégias:
I. de crescimento pela venda de uma maior
quantidade
dos produtos existentes para os clientes
existentes;
II. de crescimento pelo atendimento a novos
clientes por
meio da oferta de novos produtos.
Estas são, respectivamente, estratégias com foco
em:
(A) penetração de mercado e desenvolvimento de
mercado.
(B) desenvolvimento de produto e diversificação.
(C) desenvolvimento de mercado e
desenvolvimento de
produto.
(D) penetração no mercado e diversificação.
(E) diversificação e desenvolvimento de mercado.
Obrigado!!!

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Empreendedorismo.pptxaula1.pdf

Empreendedorismo aula 1
Empreendedorismo   aula 1Empreendedorismo   aula 1
Empreendedorismo aula 1
Itamar Pereira
 
EMPREENDEDORISMO EMPREENDEDORISMO-160809142307
EMPREENDEDORISMO EMPREENDEDORISMO-160809142307EMPREENDEDORISMO EMPREENDEDORISMO-160809142307
EMPREENDEDORISMO EMPREENDEDORISMO-160809142307
falecomivo4561
 
Empreendedorismo Motivacao
Empreendedorismo MotivacaoEmpreendedorismo Motivacao
Empreendedorismo Motivacao
geceli
 
Curso sobre Plano de negócios
Curso sobre Plano de negóciosCurso sobre Plano de negócios
Curso sobre Plano de negócios
Click Conhecimento
 
Empreendedorismo - Aula Inicial
Empreendedorismo - Aula InicialEmpreendedorismo - Aula Inicial
Empreendedorismo - Aula Inicial
Júlio Moscardini
 
Empreendedorismo - Aula Inicial
Empreendedorismo - Aula InicialEmpreendedorismo - Aula Inicial
Empreendedorismo - Aula Inicial
Júlio Moscardini
 
Empreendedorismo criativo e gestão de negócios no mercado audiovisual
Empreendedorismo criativo e gestão de negócios no mercado audiovisualEmpreendedorismo criativo e gestão de negócios no mercado audiovisual
Empreendedorismo criativo e gestão de negócios no mercado audiovisual
Erick Krulikowski
 
Introdução ao Empreendedorismo .pptx
Introdução ao Empreendedorismo .pptxIntrodução ao Empreendedorismo .pptx
Introdução ao Empreendedorismo .pptx
DemetriusNarciso
 
Empr2
Empr2Empr2
Empr2
Pelo Siro
 
Empreendedorismo
EmpreendedorismoEmpreendedorismo
Empreendedorismo
Maiquel Santos
 
Empreendedorismo estrategico
Empreendedorismo estrategicoEmpreendedorismo estrategico
Empreendedorismo estrategico
Marina Vieira
 
Aula 1 (1)
Aula 1 (1)Aula 1 (1)
Aula 1 (1)
Felipe Pereira
 
Ambidestria corporativa white paper
Ambidestria corporativa white paperAmbidestria corporativa white paper
Ambidestria corporativa white paper
Luis Rasquilha
 
Ws empreendedorismo carisma 2018
Ws empreendedorismo carisma 2018Ws empreendedorismo carisma 2018
Ws empreendedorismo carisma 2018
Andre Marcondes
 
1a. aula
1a. aula1a. aula
1a. aula
Nilton Goulart
 
Empreendedorismo
EmpreendedorismoEmpreendedorismo
Empreendedorismo
Marcelo Bastos
 
aula palestra empreendedorismo para alunos de economia
aula palestra empreendedorismo para alunos de economiaaula palestra empreendedorismo para alunos de economia
aula palestra empreendedorismo para alunos de economia
Fernando TECO Sodré
 
1a. aula
1a. aula1a. aula
1a. aula
Nilton Goulart
 
Palestra cascavel acic compre do pequeno
Palestra cascavel acic compre do pequenoPalestra cascavel acic compre do pequeno
Palestra cascavel acic compre do pequeno
Eduardo Maróstica
 
Empreendedorismo 2015 01 - Empreendedorismo
Empreendedorismo 2015 01 - EmpreendedorismoEmpreendedorismo 2015 01 - Empreendedorismo
Empreendedorismo 2015 01 - Empreendedorismo
Milton Henrique do Couto Neto
 

Semelhante a Empreendedorismo.pptxaula1.pdf (20)

Empreendedorismo aula 1
Empreendedorismo   aula 1Empreendedorismo   aula 1
Empreendedorismo aula 1
 
EMPREENDEDORISMO EMPREENDEDORISMO-160809142307
EMPREENDEDORISMO EMPREENDEDORISMO-160809142307EMPREENDEDORISMO EMPREENDEDORISMO-160809142307
EMPREENDEDORISMO EMPREENDEDORISMO-160809142307
 
Empreendedorismo Motivacao
Empreendedorismo MotivacaoEmpreendedorismo Motivacao
Empreendedorismo Motivacao
 
Curso sobre Plano de negócios
Curso sobre Plano de negóciosCurso sobre Plano de negócios
Curso sobre Plano de negócios
 
Empreendedorismo - Aula Inicial
Empreendedorismo - Aula InicialEmpreendedorismo - Aula Inicial
Empreendedorismo - Aula Inicial
 
Empreendedorismo - Aula Inicial
Empreendedorismo - Aula InicialEmpreendedorismo - Aula Inicial
Empreendedorismo - Aula Inicial
 
Empreendedorismo criativo e gestão de negócios no mercado audiovisual
Empreendedorismo criativo e gestão de negócios no mercado audiovisualEmpreendedorismo criativo e gestão de negócios no mercado audiovisual
Empreendedorismo criativo e gestão de negócios no mercado audiovisual
 
Introdução ao Empreendedorismo .pptx
Introdução ao Empreendedorismo .pptxIntrodução ao Empreendedorismo .pptx
Introdução ao Empreendedorismo .pptx
 
Empr2
Empr2Empr2
Empr2
 
Empreendedorismo
EmpreendedorismoEmpreendedorismo
Empreendedorismo
 
Empreendedorismo estrategico
Empreendedorismo estrategicoEmpreendedorismo estrategico
Empreendedorismo estrategico
 
Aula 1 (1)
Aula 1 (1)Aula 1 (1)
Aula 1 (1)
 
Ambidestria corporativa white paper
Ambidestria corporativa white paperAmbidestria corporativa white paper
Ambidestria corporativa white paper
 
Ws empreendedorismo carisma 2018
Ws empreendedorismo carisma 2018Ws empreendedorismo carisma 2018
Ws empreendedorismo carisma 2018
 
1a. aula
1a. aula1a. aula
1a. aula
 
Empreendedorismo
EmpreendedorismoEmpreendedorismo
Empreendedorismo
 
aula palestra empreendedorismo para alunos de economia
aula palestra empreendedorismo para alunos de economiaaula palestra empreendedorismo para alunos de economia
aula palestra empreendedorismo para alunos de economia
 
1a. aula
1a. aula1a. aula
1a. aula
 
Palestra cascavel acic compre do pequeno
Palestra cascavel acic compre do pequenoPalestra cascavel acic compre do pequeno
Palestra cascavel acic compre do pequeno
 
Empreendedorismo 2015 01 - Empreendedorismo
Empreendedorismo 2015 01 - EmpreendedorismoEmpreendedorismo 2015 01 - Empreendedorismo
Empreendedorismo 2015 01 - Empreendedorismo
 

Último

Informativo Agronômico n11 v1.0 - Seringueira (ppt).pdf
Informativo Agronômico n11 v1.0 - Seringueira (ppt).pdfInformativo Agronômico n11 v1.0 - Seringueira (ppt).pdf
Informativo Agronômico n11 v1.0 - Seringueira (ppt).pdf
edsonfrancojunior99
 
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
Paulo Emerson Pereira
 
O legado democrático de Portugal no Brasil, enfatizando sua contribuição para...
O legado democrático de Portugal no Brasil, enfatizando sua contribuição para...O legado democrático de Portugal no Brasil, enfatizando sua contribuição para...
O legado democrático de Portugal no Brasil, enfatizando sua contribuição para...
Paulo Dalla Nora Macedo
 
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMETRESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
rihabkorbi24
 
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCCEstudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Paulo Emerson Pereira
 
Apostila GOOGLE MEU NEGÓCIO-Passo a passo detalhado para criar um novo perfil
Apostila GOOGLE MEU NEGÓCIO-Passo a passo detalhado para criar um novo perfilApostila GOOGLE MEU NEGÓCIO-Passo a passo detalhado para criar um novo perfil
Apostila GOOGLE MEU NEGÓCIO-Passo a passo detalhado para criar um novo perfil
Carlos Eduardo Coan Junior
 

Último (6)

Informativo Agronômico n11 v1.0 - Seringueira (ppt).pdf
Informativo Agronômico n11 v1.0 - Seringueira (ppt).pdfInformativo Agronômico n11 v1.0 - Seringueira (ppt).pdf
Informativo Agronômico n11 v1.0 - Seringueira (ppt).pdf
 
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
 
O legado democrático de Portugal no Brasil, enfatizando sua contribuição para...
O legado democrático de Portugal no Brasil, enfatizando sua contribuição para...O legado democrático de Portugal no Brasil, enfatizando sua contribuição para...
O legado democrático de Portugal no Brasil, enfatizando sua contribuição para...
 
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMETRESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
 
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCCEstudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
 
Apostila GOOGLE MEU NEGÓCIO-Passo a passo detalhado para criar um novo perfil
Apostila GOOGLE MEU NEGÓCIO-Passo a passo detalhado para criar um novo perfilApostila GOOGLE MEU NEGÓCIO-Passo a passo detalhado para criar um novo perfil
Apostila GOOGLE MEU NEGÓCIO-Passo a passo detalhado para criar um novo perfil
 

Empreendedorismo.pptxaula1.pdf

  • 2. Por que o conceito de Empreendedorismo (entrepreneurship) no Brasil tem sido amplamente difundido somente a partir da década de 90 ?  Estabilização da Economia, Fim Inflação, Globalização;  Aumento da Competitividade, pressão p/Redução de Custos – Terceirização;  Altas Taxas de Desemprego;  Preocupação com a criação de empresas Duradouras  Altas taxas de Mortalidade;
  • 3. Por que a economia Informal ?  Falta de crédito/crédito caro;  Excessiva carga tributária e de cálculo complexo;  Burocracia p/criação de uma empresa e sua manutenção.
  • 4. Será que estes pequenos empresários possuem conhecimento de Gestão de Negócios ?  Atuam de forma empírica e sem Planejamento;  Não possuem formação adequada.
  • 5. Definindo o tema “O empreendedorismo é uma revolução silenciosa, que será para o século 21 mais do que a revolução industrial foi para o século 20” (Timmons, 1990)
  • 6.  Como você definiria empreendedorismo?
  • 7. Empreendedorismo, o que é?  Historicamente, empreendedorismo tem sido definido como uma maneira diferenciada de alocação de recursos e otimização de processos organizacionais, sempre de forma criativa, visando à diminuição de custos e melhoria de resultados.  Percebe-se ainda que o termo é constantemente relacionado à criação de novos negócios, geralmente micro e pequenas empresas. Por trás destes negócios estão indivíduos diferenciados, conhecidos por empreendedores.
  • 8. Empreendedorismo, o que é?  A Harvard Business School considera que empreendedorismo é “a identificação de novas oportunidades de negócio, independentemente dos recursos que se apresentam disponíveis ao empreendedor”.  O Babson College define o termo de forma ainda mais abrangente: “empreendedorismo é uma maneira holística de pensar e de agir, sempre com obsessão por oportunidades, e balanceada por uma liderança”.
  • 9. Empreendedorismo, o que é?  O ato de empreender está relacionado à identificação, análise e implementação de oportunidades de negócio, tendo como foco a inovação e a criação de valor.  Isto pode ocorrer através da criação de novas empresas, mas também ocorre em empresas já estabelecidas, organizações com enfoque social, entidades de natureza governamental etc.
  • 10. Quem é o empreendedor? “O empreendedor é aquele que faz acontecer, antecipa-se aos fatos e tem uma visão futura da organização” (Dornelas, 2001) “O empreendedor é aquele que destrói a ordem econômica existente através da introdução de novos produtos e serviços, pela criação de novas formas de organização, ou pela exploração de novos recursos e materiais” Joseph Schumpeter (1949)
  • 11. O empreendedor Em qualquer definição de empreendedorismo encontram- se, pelo menos, os seguintes aspectos referentes ao empreendedor: • Iniciativa para criar/inovar e paixão pelo o que faz; • Utiliza os recursos disponíveis de forma criativa transformando o ambiente social e econômico onde vive; • Aceita assumir os riscos e a possibilidade de fracassar.
  • 12. Quem é o empreendedor? Alta Inventor Empreendedor A grande maioria Gerente, Administrador Criatividade e Inovação Baixa Alta Habilidades gerenciais e know-how em business
  • 13. O segredo de Luisa Discussão sobre o primeiro capítulo
  • 14. Divisão dos grupos No dia 29/09 apresentação da proposta de empresa.
  • 15. Características dos Empreendedores 1. São visionários; 2. Sabem tomar decisões; 3. Fazem a diferença; 4. Exploram o máximo as oportunidades; 5. São determinados e dinâmicos; 6. São dedicados; 7. São otimistas e gostam do que fazem; 8. São independentes e constroem seu próprio destino; 9. Ficam ricos; 10. São líderes e formadores de equipes; 11. Fazem network; 12. Assumem riscos calculados; 13. Criam valor para a sociedade.
  • 16. Mitos sobre o empreendedor 1 – Empreendedores são natos, nascem para o sucesso. 2 – Empreendedores são “jogadores”que assumem qualquer tipo de risco. 3 – Os empreendedores não conseguem trabalhar em equipe.
  • 21. O que você pode aprender com o pipoqueiro Valdir?
  • 23. O que é um plano de negócios?
  • 24. - Documento usado para descrever o negócio e serve para que a empresa se apresente diante de: a) Fornecedores; b) Clientes; c) Parceiros; d) Funcionários; e) Investidores. - É uma estratégia de convencimento.
  • 25. a) Determinar uma linha central de atuação; b) Levar o empreendedor a pensar no futuro do negócio; c) Avaliar riscos e oportunidades; d) Guiar a tomada de decisão. Qual é foco do plano de negócio?
  • 26.  O talento empreendedor resulta da percepção, direção, dedicação e muito trabalho. O processo empreendedor
  • 29. 1 –Pegue uma folha de papel e um lápis; 2 – Desenhe um círculo completo nesse papel; 3 – Faça um ponto dentro do círculo; 4 – Faça um traço sobre o círculo, dividindu-o em duas partes; 5 – Em cada uma das partes escreva o nome de uma flor diferente; 6 – Compare o resultado com os colegas. Teste sua criatividade
  • 30.  Ideias são diferentes de oportunidades !  Se você tem uma ideia revolucionária, pergunte a si mesmo e aos seus sócios: Qual são os clientes que vamos atender? Qual o tamanho atual do mercado em reais e em número de clientes? O mercado está em crescimento, ou está estável? Quem são os concorrentes?  As respostas a essas indagações é que vão dizer se você tem uma ideia ou uma oportunidade de negócio. Identificando oportunidades
  • 31. a) Conversar com pessoas de diferentes níveis sociais e idade; b) Pesquisar novas patentes e licenciamento de produtos; c) Estar atento aos acontecimentos sociais da sua região, tendências, preferências da população, mudança do estilo e do padrão de vida etc…; d) Visitar institutos de pesquisa, feiras de negócios, universidades; e) Participar de congressos e confeerências da área. Fonte de novas ideias
  • 34. a) Demanda de mercado; b) Estrutura e tamanho do mercado; c) Análise de margem. Método 3 M’s
  • 46. Cadeia de valor  Para definir a cadeia de valor deve-se isolar e separar atividades: a) Que tiverem economia diferente; b) Que tiverem um alto impacto em potencial de diferenciação; c) Que representam uma proporção crestente no custo.
  • 52. Análise do Mercado Estudo dos clientes: 1 – Identificar as características dos clientes; 2 – Identificar os interesses e os comportamentos dos clientes; 3 – Identificar o que faz o cliente comprar; 4 – Identificar onde estão os seus clientes.
  • 73. Matriz SWOT a) Eliminar os itens tidos como pontos fracos; b) Capitalizar as oportunidades; c) Corrigir os pontos fracos onde a empresa identificou oportunidades potenciais de negócios; d) Monitorar itens tidos como pontos fortes nas áreas onde a empresa enfrenta ameaças.
  • 75. Objetivos e metas Objetivos = intenções gerais da empresa. Objetivos = orientação da direção rumo à visão de futuro. Objetivos = devem criar um elo entre as ações da empresa e sua missão. Ex: Exportar para países no Mercosul
  • 76. Objetivos e metas  São declarações específicas que possuem uma correspondência direta com determinado objetivo.  Sempre está associada a números e datas.
  • 77. Exemplo de metas  Implantar 40 novos pontos de venda nas cidades com mais de 100 mil habitantes.  Montar 5 escritórios de vendas na Europa
  • 86. Exercício A direção se reuniu e realizou uma análise estratégica do crescimento da empresa. A direção indicou que o caminho do crescimento da empresa passa pela decisão de vender mais dos produtos atuais para novos mercados. Essa estratégia de crescimento é denominada: (A) penetração de mercado. (B) desenvolvimento do mercado. (C) desenvolvimento do produto. (D) diversificação. (E) oportunidade
  • 87. 4‐ (FCC/METRÔ‐SP/Analista Adm. de Empresas/2008) Na matriz produto/mercado (ou matriz de Ansoff), as estratégias: I. de crescimento pela venda de uma maior quantidade dos produtos existentes para os clientes existentes; II. de crescimento pelo atendimento a novos clientes por meio da oferta de novos produtos.
  • 88. Estas são, respectivamente, estratégias com foco em: (A) penetração de mercado e desenvolvimento de mercado. (B) desenvolvimento de produto e diversificação. (C) desenvolvimento de mercado e desenvolvimento de produto. (D) penetração no mercado e diversificação. (E) diversificação e desenvolvimento de mercado.