SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 9
DADOS SOBRE O MUNICÍPIO DE AJURICABA/RS

Estratificação Fund. Em (Ha)     Nº estab.          Área total
0-5                                         97             236.9
05 a 10                                    164          1,009.30
10 a 20                                    290          3,584.40
20 a 50                                    340          8,925.80
50 a 100                                   114          6,590.30
100 a 200                                   32          3,589.30
200 a 500                                   11          2,877.00
mais de 500                                  2          1,819.10
TOTAL                                    1,050         28,632.10
CLASSIFICAÇÃO DE SOLOS              Há
I                                     7,730 * Terras de maior valor para uso agrícola.
II                                   10,880 * Terras boas para uso agrícola.
III                                   5,154 *Terras moderadamente boas para cultivo.
IV                                    2,291 * Terras que não se prestam ao cultivo continuado e regular das culturas anuais
V                                       573 * Terras não cultiváveis com culturas anuais. (para vejetação).
VI                                    1,288 * Terras não cultiváveis com culturas anuais. (culturas permanentes).
VII                                     429 * Impõem-se severamente até a certas culturas permanentes. (erosão).
VIII                                    286 * Áreas adaptadas para refúgio da flora ou fauna, recreação ou turísmo.
TOTAL (Há)                           28,631
  REDE ARMAZENADORA             CAP. (Ton.)        Prod. (Ton.)
Armazéns                              64,000              41,335

PROD. CULT. ANUAIS/98/99 Área (Ha)                 Prod. (Ton)
Batata Inglesa                     13                         52                                             Culturas anuais/98
Morango                           0.3                          4                                     0% 0% 0% 0% 0% 1% 0% 0
Aipim                             300                      3,600
                                                                                                       12%
Outras Olerícolas                   2                         30
Arroz Sequeiro                    100                        200
Arroz Irrigado                     10                         60                                  2%
Cana-de-açúcar                     75                      3,000
Canola                             20                         20                             1%
Milho Safra                     2,700                      6,400                             0%
Milho safrinha                    500                      1,500
Feijão safra                      120                         70
Feijão safrinha                   100                         66
Soja                          18,000                      30,240
       CITROS Prod./99
Citros                             52                           14
Uva                                45                          270
Pêssego                            21                          105
Erva Mate                         182                          637
Mel                     600 um.                                  6
PRODUÇÃO ANIMAL/99+A79 Rebanho cab.       Prod.
Bovino de corte                6,692 1.673 cab.
Bovino de leite                4,930 9.367 mil/l
Suínos                           920 14.720 cab./ano
Peixes                 380 há        570 ton/ano
Aves coloniais               117,500 153 ton/carne 410 dz ovos
Ovinos                           630 120 C102cab/ano 0,50 ton/lã

                               Inverno (Ha) Verão (Ha)      Perenes (Ha)
Forrageiras                           12,000          1,500        2,300
                               Área (Ha)          Madeira m³         Lenha mSt
Florestas                                    53                280         2,000
Km de estrada Encascalhada                800
Km de Regular                             995
Km Ruíns                                    5
Km total de estrada                      1800
                                   1990               1995              1,996           1,997
PIB Per capita R$ p/ Jun/99         5,250.10            5,187.72         5,148.22         4,930.41
PIB Total R$                                                                        38,861,490.00




                                 Tratores   Automotrizes Caminhões
MAQUINÁRIOS/99                          731           225       109
Necessidade de tratores por Atividade -1999
          Atividades                                   Horas por trimestre
                                      I              II             III                    IV             TOTAL
Aipim                                                                   2.00                                  2.00
Alho                                                     5.50                                                 5.50
Amendoim                                                                2.00                                  2.00
Arroz irrigaro                                                          5.00                     1.50         6.50
Arroz Sequeiro                                                          2.00                     1.50         3.50
Batata Inglesa                                                          3.50                                  3.50
Cana de açúcar                                                          3.50                                  3.50
Canola                                                   3.00           1.00                                  4.00
Feijão                                                                  4.00                                  4.00
Feião safrinha                           4.00                                                                 4.00
Milho                                    1.00                           3.00                                  4.00
Milho safrinha                           3.00                           1.00                                  4.00
Morango                                                 17.00                                                17.00
Outras oler´colas                        0.75            0.75           0.75                     0.75         3.00
Outros Cer. Inver.                                       2.50                                                 2.50
Repolho                                                  2.00                                                 2.00
Soja                                     0.50                                                    3.00         3.50
Sorgo                                                                   3.00                     0.50         3.50
Tomate                                                                  4.00                                  4.00
Trigo                                                    2.00           2.00                                  4.00
Citros                                   1.50            2.00           1.50                     2.00         7.00
Erva Mate                                                2.00           2.00                                  4.00
Pêssego                                                  0.44                                                 0.44
Uva                                                      0.08                                                 0.08
Bovino Leite                                             1.00           1.00                                  2.00
Floresta                                                 0.50           0.38                                  0.88
*A média na região é de 179 h/trator, uma ociosidade de 82,1% ou de 64,2% se for considerada utilização
de 500 h/ano. Nesta última hipótese sobra aproximadamente 4.500 tratores. (ver p.84).
       POPULAÇÃO/96                  Homens           Mulheres
0 a 4 anos                                 316                287
5a9                                        365                332
10 a 14                                    384                340
15 a 19                                    370                331 C
20 a 24                                    316                318
25 a 29                                    331                312
30 a 34                                    376                307
35 a 39                                    267                305
40 a 44                                    265                259
45 a 49                                    224                189
50 a 54                                    178                179
55 a 59                                    180                203
60 a 64                                    154                148
65 a 69                                    113                129
70 a 74                                     84                104
75 a 79                                     47                 62
80 e mais                                   40                 64   Urbana               Rural            TOTAL
TOTAL                                    4,012              3,869       3,601                4,280           7,881
Percentuais                              49.55              50.45       45.69                54.31             100
ESPERANÇA DE VIDA                         66.7               74.6
Nº de Domicílios                                                        1,086                   1,157        2,243
Casas de Moradia                                                          986                   1,057        2,043
Casas com eletricidade                                                    971                     992        1,963
Casas com água boa                                                      1,086                     600        1,686
Casas com saneamento
Telefones Fixos                                                                300                191          491
Energia em MW/H                                                              3,768              2,052        5,820
     * FONTE: PERI Osmar Korb, Plano de desenvolvimentoregional rural, Ijuí; Serigraf - 120p.
      * Pesquisa e organização: Prof. Adroaldo José Dallabrida.
r das culturas anuais

manentes).
es. (erosão).
o ou turísmo.




       Culturas anuais/98
 0% 0% 0% 0% 1% 0% 0%
2%                                Batata Inglesa
                                  Morango
                                  Aipim
                                  Outras Olerícolas
                                  Arroz Sequeiro
                                  Arroz Irrigado
                                  Cana-de-açúcar
                                  Canola
                                  Milho Safra
                                  Milho safrinha
                                  Feijão safra
                                  Feijão safrinha
                                  Soja




                            82%
3.71
200 faltam
80 sem
357 deficiente
2.243 "
Estratificação Fund. Em (Ha) Nº estab.   Área total
0-5                                 97          236.9
05 a 10                            164       1,009.30
10 a 20                            290       3,584.40
20 a 50                            340       8,925.80
50 a 100                           114       6,590.30
100 a 200                           32       3,589.30
200 a 500                           11       2,877.00
mais de 500                          2       1,819.10
TOTAL                            1,050      28,632.10


TOTAL                           4,012          3,869    3,601   4,280
HOMENS E MULHERES EM AJURICABA

 4,050
                         4,012
 4,000

 3,950
                                                     4,012
 3,900                                               3,869
                                     3,869
 3,850

 3,800

 3,750
         POPULAÇÃO URBANA E RURAL DE AJURICABA




                                                  4,280

                    3,601


                                                    3,601
                                                    4,280
3,200    3,400   3,600    3,800   4,000   4,200     4,400




           46%

                                             54%




                                                    Column D
                                                    Column E
ESTRATIFICAÇÃO FUNDIÁRIA EM AJURICABA

             Nº de Estabelecimentos
                                 16%
              28%
                                   9%
                                   0%                0-5
                                                     05 a 10
                                   1%                10 a 20
                                                     20 a 50
                                   3%                50 a 100
                                                     100 a 200
                 32%              11%                200 a 500
                                                     mais de 500


                    Área Total
          8,925.80
                                        3,584.40
                                          1,009.30   0-5
                                                     05 a 10
                                          236.9      10 a 20
                                                     20 a 50
                                          1,819.10   50 a 100
                                                     100 a 200
      6,590.30                                       200 a 500
                                        2,877.00     mais de 500


                      3,589.30
Classificação dos solos

             1% 1% 4%
                                2%

27%                                  8%
                                                I
                                                II
                                                III
                                                IV
                                                V
                                                VI
                                                VII
                                                VIII
                                          18%




      38%
Dados do município

Mais conteúdo relacionado

Destaque

Power point interativo coperaçao
Power point interativo coperaçaoPower point interativo coperaçao
Power point interativo coperaçaoAdrodalla
 
Poesia a produção asíatica
Poesia a produção asíaticaPoesia a produção asíatica
Poesia a produção asíaticaAdrodalla
 
Desarrollo y gobernanza territorial: una introducción al tema
Desarrollo y gobernanza territorial: una introducción al temaDesarrollo y gobernanza territorial: una introducción al tema
Desarrollo y gobernanza territorial: una introducción al temaConectaDEL
 
O mundo dia a dia
O mundo dia a diaO mundo dia a dia
O mundo dia a diaAdrodalla
 
FamíLia Dallabrida
FamíLia DallabridaFamíLia Dallabrida
FamíLia DallabridaAdrodalla
 
Estácio: Apresentação dos Resultados do 2T12
Estácio: Apresentação dos Resultados do 2T12Estácio: Apresentação dos Resultados do 2T12
Estácio: Apresentação dos Resultados do 2T12Estácio Participações
 
Paródia economia cooperativa e solidária
Paródia economia cooperativa e solidáriaParódia economia cooperativa e solidária
Paródia economia cooperativa e solidáriaAdrodalla
 
Projeto sie word emef madalena
Projeto sie  word emef madalenaProjeto sie  word emef madalena
Projeto sie word emef madalenaSMEC PANAMBI-RS
 
Valores Planejamento 1 E ExecuçãO
Valores Planejamento 1 E ExecuçãOValores Planejamento 1 E ExecuçãO
Valores Planejamento 1 E ExecuçãOAdrodalla
 
Limpamonitores On Line
Limpamonitores On LineLimpamonitores On Line
Limpamonitores On LineAdrodalla
 
Parodia da música porta retrato
Parodia da música porta retratoParodia da música porta retrato
Parodia da música porta retratoAdrodalla
 
FamíLia Dallabrida
FamíLia DallabridaFamíLia Dallabrida
FamíLia DallabridaAdrodalla
 
Paródia para a economia ser solidária
Paródia para a  economia ser solidáriaParódia para a  economia ser solidária
Paródia para a economia ser solidáriaAdrodalla
 
Musica ás vezes me pergunto
Musica ás vezes me perguntoMusica ás vezes me pergunto
Musica ás vezes me perguntoAdrodalla
 
Imigracao italiana para_o_brasil1
Imigracao italiana para_o_brasil1Imigracao italiana para_o_brasil1
Imigracao italiana para_o_brasil1Delma Maiochi
 

Destaque (20)

Sálario...
Sálario...Sálario...
Sálario...
 
Power point interativo coperaçao
Power point interativo coperaçaoPower point interativo coperaçao
Power point interativo coperaçao
 
Poesia a produção asíatica
Poesia a produção asíaticaPoesia a produção asíatica
Poesia a produção asíatica
 
Desarrollo y gobernanza territorial: una introducción al tema
Desarrollo y gobernanza territorial: una introducción al temaDesarrollo y gobernanza territorial: una introducción al tema
Desarrollo y gobernanza territorial: una introducción al tema
 
O mundo dia a dia
O mundo dia a diaO mundo dia a dia
O mundo dia a dia
 
FamíLia Dallabrida
FamíLia DallabridaFamíLia Dallabrida
FamíLia Dallabrida
 
Estácio: Apresentação dos Resultados do 2T12
Estácio: Apresentação dos Resultados do 2T12Estácio: Apresentação dos Resultados do 2T12
Estácio: Apresentação dos Resultados do 2T12
 
Paródia economia cooperativa e solidária
Paródia economia cooperativa e solidáriaParódia economia cooperativa e solidária
Paródia economia cooperativa e solidária
 
Projeto sie word emef madalena
Projeto sie  word emef madalenaProjeto sie  word emef madalena
Projeto sie word emef madalena
 
Sálario...
Sálario...Sálario...
Sálario...
 
Valores Planejamento 1 E ExecuçãO
Valores Planejamento 1 E ExecuçãOValores Planejamento 1 E ExecuçãO
Valores Planejamento 1 E ExecuçãO
 
Limpamonitores On Line
Limpamonitores On LineLimpamonitores On Line
Limpamonitores On Line
 
Parodia da música porta retrato
Parodia da música porta retratoParodia da música porta retrato
Parodia da música porta retrato
 
FamíLia Dallabrida
FamíLia DallabridaFamíLia Dallabrida
FamíLia Dallabrida
 
Paródia para a economia ser solidária
Paródia para a  economia ser solidáriaParódia para a  economia ser solidária
Paródia para a economia ser solidária
 
Emigrazione italiana
Emigrazione italianaEmigrazione italiana
Emigrazione italiana
 
Musica ás vezes me pergunto
Musica ás vezes me perguntoMusica ás vezes me pergunto
Musica ás vezes me pergunto
 
Italianos2
Italianos2Italianos2
Italianos2
 
gli antenati
gli antenatigli antenati
gli antenati
 
Imigracao italiana para_o_brasil1
Imigracao italiana para_o_brasil1Imigracao italiana para_o_brasil1
Imigracao italiana para_o_brasil1
 

Semelhante a Dados do município

[Palestra] Prof Nussio: Volumosos para Bovinos - III Seminário Confinatto
[Palestra] Prof Nussio: Volumosos para Bovinos -  III Seminário Confinatto[Palestra] Prof Nussio: Volumosos para Bovinos -  III Seminário Confinatto
[Palestra] Prof Nussio: Volumosos para Bovinos - III Seminário ConfinattoAgroTalento
 
PERSPECTIVAS PARA O MERCADO DE CAFÉ 2011 / 2012 + 3 anos - Por Luiz Otavio Ar...
PERSPECTIVAS PARA O MERCADO DE CAFÉ 2011 / 2012 + 3 anos - Por Luiz Otavio Ar...PERSPECTIVAS PARA O MERCADO DE CAFÉ 2011 / 2012 + 3 anos - Por Luiz Otavio Ar...
PERSPECTIVAS PARA O MERCADO DE CAFÉ 2011 / 2012 + 3 anos - Por Luiz Otavio Ar...Revista Cafeicultura
 
Palestra Mar-12 Roberto Ferreira Paulo - ABICS - Agrocafé 2012
Palestra Mar-12 Roberto Ferreira Paulo - ABICS - Agrocafé 2012Palestra Mar-12 Roberto Ferreira Paulo - ABICS - Agrocafé 2012
Palestra Mar-12 Roberto Ferreira Paulo - ABICS - Agrocafé 2012Revista Cafeicultura
 
Cartilha alternativas alimentares
Cartilha alternativas alimentaresCartilha alternativas alimentares
Cartilha alternativas alimentaresquituteira quitutes
 
Receitas Aproveitamento Integral Dos Alimentos 13
Receitas Aproveitamento Integral Dos Alimentos 13Receitas Aproveitamento Integral Dos Alimentos 13
Receitas Aproveitamento Integral Dos Alimentos 13tsunamidaiquiri
 
121023 04-wbeef-engorda-a-pasto-henrique-lemos
121023 04-wbeef-engorda-a-pasto-henrique-lemos121023 04-wbeef-engorda-a-pasto-henrique-lemos
121023 04-wbeef-engorda-a-pasto-henrique-lemosAgroTalento
 
Modernização Agrícola: Regiao Sul
Modernização Agrícola: Regiao SulModernização Agrícola: Regiao Sul
Modernização Agrícola: Regiao SulPhelipe Gonçalves
 
Cecafe resumo das exportacoes de cafe fevereiro 2013
Cecafe   resumo das exportacoes de cafe fevereiro 2013Cecafe   resumo das exportacoes de cafe fevereiro 2013
Cecafe resumo das exportacoes de cafe fevereiro 2013Revista Cafeicultura
 
Cecafe resumo das exportacoes de cafe fevereiro 2013
Cecafe   resumo das exportacoes de cafe fevereiro 2013Cecafe   resumo das exportacoes de cafe fevereiro 2013
Cecafe resumo das exportacoes de cafe fevereiro 2013Luiz Valeriano
 
CeCafé - Resumo das Exportações de café Fevereiro 2012
CeCafé - Resumo das Exportações de café Fevereiro 2012CeCafé - Resumo das Exportações de café Fevereiro 2012
CeCafé - Resumo das Exportações de café Fevereiro 2012Luiz Valeriano
 
11 luciano-andrade-workshop-beefpoint-2012
11  luciano-andrade-workshop-beefpoint-201211  luciano-andrade-workshop-beefpoint-2012
11 luciano-andrade-workshop-beefpoint-2012AgroTalento
 
O papel dos frigoríficos no debate ambiental
O papel dos frigoríficos no debate ambientalO papel dos frigoríficos no debate ambiental
O papel dos frigoríficos no debate ambientalBeefPoint
 
PERSPECTIVAS PARA O MERCADO DE CAFÉ 2011 2012 + 3 anos
PERSPECTIVAS PARA O MERCADO DE CAFÉ  2011  2012 + 3 anosPERSPECTIVAS PARA O MERCADO DE CAFÉ  2011  2012 + 3 anos
PERSPECTIVAS PARA O MERCADO DE CAFÉ 2011 2012 + 3 anosRevista Cafeicultura
 
CNA - VALOR BRUTO DA PRODUÇÃO CRESCE 9,4% EM 2011
CNA - VALOR BRUTO DA PRODUÇÃO CRESCE 9,4% EM 2011CNA - VALOR BRUTO DA PRODUÇÃO CRESCE 9,4% EM 2011
CNA - VALOR BRUTO DA PRODUÇÃO CRESCE 9,4% EM 2011BeefPoint
 
Cecafe -resumo_das_exportacoes_de_cafe_janeiro_2011_(3)[1]
Cecafe  -resumo_das_exportacoes_de_cafe_janeiro_2011_(3)[1]Cecafe  -resumo_das_exportacoes_de_cafe_janeiro_2011_(3)[1]
Cecafe -resumo_das_exportacoes_de_cafe_janeiro_2011_(3)[1]nataliafernandes
 
CECAFE - Resumo das Exportacoes de Cafe JANEIRO 2011
CECAFE - Resumo das Exportacoes de Cafe JANEIRO 2011CECAFE - Resumo das Exportacoes de Cafe JANEIRO 2011
CECAFE - Resumo das Exportacoes de Cafe JANEIRO 2011Revista Cafeicultura
 
Cecafe resumo das exportacoes de cafe dezembro 2012
Cecafe   resumo das exportacoes de cafe dezembro 2012Cecafe   resumo das exportacoes de cafe dezembro 2012
Cecafe resumo das exportacoes de cafe dezembro 2012Revista Cafeicultura
 
Cecafe resumo das exportacoes de cafe dezembro 2012
Cecafe   resumo das exportacoes de cafe dezembro 2012Cecafe   resumo das exportacoes de cafe dezembro 2012
Cecafe resumo das exportacoes de cafe dezembro 2012Luiz Valeriano
 

Semelhante a Dados do município (20)

Bovino de corte 2012 volumosos nussio low
Bovino de corte 2012 volumosos nussio lowBovino de corte 2012 volumosos nussio low
Bovino de corte 2012 volumosos nussio low
 
[Palestra] Prof Nussio: Volumosos para Bovinos - III Seminário Confinatto
[Palestra] Prof Nussio: Volumosos para Bovinos -  III Seminário Confinatto[Palestra] Prof Nussio: Volumosos para Bovinos -  III Seminário Confinatto
[Palestra] Prof Nussio: Volumosos para Bovinos - III Seminário Confinatto
 
PERSPECTIVAS PARA O MERCADO DE CAFÉ 2011 / 2012 + 3 anos - Por Luiz Otavio Ar...
PERSPECTIVAS PARA O MERCADO DE CAFÉ 2011 / 2012 + 3 anos - Por Luiz Otavio Ar...PERSPECTIVAS PARA O MERCADO DE CAFÉ 2011 / 2012 + 3 anos - Por Luiz Otavio Ar...
PERSPECTIVAS PARA O MERCADO DE CAFÉ 2011 / 2012 + 3 anos - Por Luiz Otavio Ar...
 
Palestra Mar-12 Roberto Ferreira Paulo - ABICS - Agrocafé 2012
Palestra Mar-12 Roberto Ferreira Paulo - ABICS - Agrocafé 2012Palestra Mar-12 Roberto Ferreira Paulo - ABICS - Agrocafé 2012
Palestra Mar-12 Roberto Ferreira Paulo - ABICS - Agrocafé 2012
 
Cartilha alternativas alimentares
Cartilha alternativas alimentaresCartilha alternativas alimentares
Cartilha alternativas alimentares
 
Receitas Aproveitamento Integral Dos Alimentos 13
Receitas Aproveitamento Integral Dos Alimentos 13Receitas Aproveitamento Integral Dos Alimentos 13
Receitas Aproveitamento Integral Dos Alimentos 13
 
1.1 abimilho
1.1 abimilho1.1 abimilho
1.1 abimilho
 
121023 04-wbeef-engorda-a-pasto-henrique-lemos
121023 04-wbeef-engorda-a-pasto-henrique-lemos121023 04-wbeef-engorda-a-pasto-henrique-lemos
121023 04-wbeef-engorda-a-pasto-henrique-lemos
 
Modernização Agrícola: Regiao Sul
Modernização Agrícola: Regiao SulModernização Agrícola: Regiao Sul
Modernização Agrícola: Regiao Sul
 
Cecafe resumo das exportacoes de cafe fevereiro 2013
Cecafe   resumo das exportacoes de cafe fevereiro 2013Cecafe   resumo das exportacoes de cafe fevereiro 2013
Cecafe resumo das exportacoes de cafe fevereiro 2013
 
Cecafe resumo das exportacoes de cafe fevereiro 2013
Cecafe   resumo das exportacoes de cafe fevereiro 2013Cecafe   resumo das exportacoes de cafe fevereiro 2013
Cecafe resumo das exportacoes de cafe fevereiro 2013
 
CeCafé - Resumo das Exportações de café Fevereiro 2012
CeCafé - Resumo das Exportações de café Fevereiro 2012CeCafé - Resumo das Exportações de café Fevereiro 2012
CeCafé - Resumo das Exportações de café Fevereiro 2012
 
11 luciano-andrade-workshop-beefpoint-2012
11  luciano-andrade-workshop-beefpoint-201211  luciano-andrade-workshop-beefpoint-2012
11 luciano-andrade-workshop-beefpoint-2012
 
O papel dos frigoríficos no debate ambiental
O papel dos frigoríficos no debate ambientalO papel dos frigoríficos no debate ambiental
O papel dos frigoríficos no debate ambiental
 
PERSPECTIVAS PARA O MERCADO DE CAFÉ 2011 2012 + 3 anos
PERSPECTIVAS PARA O MERCADO DE CAFÉ  2011  2012 + 3 anosPERSPECTIVAS PARA O MERCADO DE CAFÉ  2011  2012 + 3 anos
PERSPECTIVAS PARA O MERCADO DE CAFÉ 2011 2012 + 3 anos
 
CNA - VALOR BRUTO DA PRODUÇÃO CRESCE 9,4% EM 2011
CNA - VALOR BRUTO DA PRODUÇÃO CRESCE 9,4% EM 2011CNA - VALOR BRUTO DA PRODUÇÃO CRESCE 9,4% EM 2011
CNA - VALOR BRUTO DA PRODUÇÃO CRESCE 9,4% EM 2011
 
Cecafe -resumo_das_exportacoes_de_cafe_janeiro_2011_(3)[1]
Cecafe  -resumo_das_exportacoes_de_cafe_janeiro_2011_(3)[1]Cecafe  -resumo_das_exportacoes_de_cafe_janeiro_2011_(3)[1]
Cecafe -resumo_das_exportacoes_de_cafe_janeiro_2011_(3)[1]
 
CECAFE - Resumo das Exportacoes de Cafe JANEIRO 2011
CECAFE - Resumo das Exportacoes de Cafe JANEIRO 2011CECAFE - Resumo das Exportacoes de Cafe JANEIRO 2011
CECAFE - Resumo das Exportacoes de Cafe JANEIRO 2011
 
Cecafe resumo das exportacoes de cafe dezembro 2012
Cecafe   resumo das exportacoes de cafe dezembro 2012Cecafe   resumo das exportacoes de cafe dezembro 2012
Cecafe resumo das exportacoes de cafe dezembro 2012
 
Cecafe resumo das exportacoes de cafe dezembro 2012
Cecafe   resumo das exportacoes de cafe dezembro 2012Cecafe   resumo das exportacoes de cafe dezembro 2012
Cecafe resumo das exportacoes de cafe dezembro 2012
 

Mais de Adrodalla

Ficha de acompanhament da aprendizagem
Ficha de acompanhament da aprendizagemFicha de acompanhament da aprendizagem
Ficha de acompanhament da aprendizagemAdrodalla
 
Mapa Conceitual - Meio ambiente
Mapa Conceitual - Meio ambienteMapa Conceitual - Meio ambiente
Mapa Conceitual - Meio ambienteAdrodalla
 
Imperialismo
ImperialismoImperialismo
ImperialismoAdrodalla
 
Tropa de elete
Tropa de eleteTropa de elete
Tropa de eleteAdrodalla
 
Segunda guerra mundial
Segunda guerra mundialSegunda guerra mundial
Segunda guerra mundialAdrodalla
 
Valores Planejamento 1 E ExecuçãO
Valores Planejamento 1 E ExecuçãOValores Planejamento 1 E ExecuçãO
Valores Planejamento 1 E ExecuçãOAdrodalla
 
A Ultima Flor Amarela
A Ultima Flor AmarelaA Ultima Flor Amarela
A Ultima Flor AmarelaAdrodalla
 

Mais de Adrodalla (8)

Ficha de acompanhament da aprendizagem
Ficha de acompanhament da aprendizagemFicha de acompanhament da aprendizagem
Ficha de acompanhament da aprendizagem
 
Mapa Conceitual - Meio ambiente
Mapa Conceitual - Meio ambienteMapa Conceitual - Meio ambiente
Mapa Conceitual - Meio ambiente
 
Imperialismo
ImperialismoImperialismo
Imperialismo
 
Imigrantes
ImigrantesImigrantes
Imigrantes
 
Tropa de elete
Tropa de eleteTropa de elete
Tropa de elete
 
Segunda guerra mundial
Segunda guerra mundialSegunda guerra mundial
Segunda guerra mundial
 
Valores Planejamento 1 E ExecuçãO
Valores Planejamento 1 E ExecuçãOValores Planejamento 1 E ExecuçãO
Valores Planejamento 1 E ExecuçãO
 
A Ultima Flor Amarela
A Ultima Flor AmarelaA Ultima Flor Amarela
A Ultima Flor Amarela
 

Dados do município

  • 1. DADOS SOBRE O MUNICÍPIO DE AJURICABA/RS Estratificação Fund. Em (Ha) Nº estab. Área total 0-5 97 236.9 05 a 10 164 1,009.30 10 a 20 290 3,584.40 20 a 50 340 8,925.80 50 a 100 114 6,590.30 100 a 200 32 3,589.30 200 a 500 11 2,877.00 mais de 500 2 1,819.10 TOTAL 1,050 28,632.10 CLASSIFICAÇÃO DE SOLOS Há I 7,730 * Terras de maior valor para uso agrícola. II 10,880 * Terras boas para uso agrícola. III 5,154 *Terras moderadamente boas para cultivo. IV 2,291 * Terras que não se prestam ao cultivo continuado e regular das culturas anuais V 573 * Terras não cultiváveis com culturas anuais. (para vejetação). VI 1,288 * Terras não cultiváveis com culturas anuais. (culturas permanentes). VII 429 * Impõem-se severamente até a certas culturas permanentes. (erosão). VIII 286 * Áreas adaptadas para refúgio da flora ou fauna, recreação ou turísmo. TOTAL (Há) 28,631 REDE ARMAZENADORA CAP. (Ton.) Prod. (Ton.) Armazéns 64,000 41,335 PROD. CULT. ANUAIS/98/99 Área (Ha) Prod. (Ton) Batata Inglesa 13 52 Culturas anuais/98 Morango 0.3 4 0% 0% 0% 0% 0% 1% 0% 0 Aipim 300 3,600 12% Outras Olerícolas 2 30 Arroz Sequeiro 100 200 Arroz Irrigado 10 60 2% Cana-de-açúcar 75 3,000 Canola 20 20 1% Milho Safra 2,700 6,400 0% Milho safrinha 500 1,500 Feijão safra 120 70 Feijão safrinha 100 66 Soja 18,000 30,240 CITROS Prod./99 Citros 52 14 Uva 45 270 Pêssego 21 105 Erva Mate 182 637 Mel 600 um. 6 PRODUÇÃO ANIMAL/99+A79 Rebanho cab. Prod. Bovino de corte 6,692 1.673 cab. Bovino de leite 4,930 9.367 mil/l Suínos 920 14.720 cab./ano Peixes 380 há 570 ton/ano Aves coloniais 117,500 153 ton/carne 410 dz ovos Ovinos 630 120 C102cab/ano 0,50 ton/lã Inverno (Ha) Verão (Ha) Perenes (Ha) Forrageiras 12,000 1,500 2,300 Área (Ha) Madeira m³ Lenha mSt Florestas 53 280 2,000 Km de estrada Encascalhada 800 Km de Regular 995 Km Ruíns 5 Km total de estrada 1800 1990 1995 1,996 1,997 PIB Per capita R$ p/ Jun/99 5,250.10 5,187.72 5,148.22 4,930.41 PIB Total R$ 38,861,490.00 Tratores Automotrizes Caminhões MAQUINÁRIOS/99 731 225 109
  • 2. Necessidade de tratores por Atividade -1999 Atividades Horas por trimestre I II III IV TOTAL Aipim 2.00 2.00 Alho 5.50 5.50 Amendoim 2.00 2.00 Arroz irrigaro 5.00 1.50 6.50 Arroz Sequeiro 2.00 1.50 3.50 Batata Inglesa 3.50 3.50 Cana de açúcar 3.50 3.50 Canola 3.00 1.00 4.00 Feijão 4.00 4.00 Feião safrinha 4.00 4.00 Milho 1.00 3.00 4.00 Milho safrinha 3.00 1.00 4.00 Morango 17.00 17.00 Outras oler´colas 0.75 0.75 0.75 0.75 3.00 Outros Cer. Inver. 2.50 2.50 Repolho 2.00 2.00 Soja 0.50 3.00 3.50 Sorgo 3.00 0.50 3.50 Tomate 4.00 4.00 Trigo 2.00 2.00 4.00 Citros 1.50 2.00 1.50 2.00 7.00 Erva Mate 2.00 2.00 4.00 Pêssego 0.44 0.44 Uva 0.08 0.08 Bovino Leite 1.00 1.00 2.00 Floresta 0.50 0.38 0.88 *A média na região é de 179 h/trator, uma ociosidade de 82,1% ou de 64,2% se for considerada utilização de 500 h/ano. Nesta última hipótese sobra aproximadamente 4.500 tratores. (ver p.84). POPULAÇÃO/96 Homens Mulheres 0 a 4 anos 316 287 5a9 365 332 10 a 14 384 340 15 a 19 370 331 C 20 a 24 316 318 25 a 29 331 312 30 a 34 376 307 35 a 39 267 305 40 a 44 265 259 45 a 49 224 189 50 a 54 178 179 55 a 59 180 203 60 a 64 154 148 65 a 69 113 129 70 a 74 84 104 75 a 79 47 62 80 e mais 40 64 Urbana Rural TOTAL TOTAL 4,012 3,869 3,601 4,280 7,881 Percentuais 49.55 50.45 45.69 54.31 100 ESPERANÇA DE VIDA 66.7 74.6 Nº de Domicílios 1,086 1,157 2,243 Casas de Moradia 986 1,057 2,043 Casas com eletricidade 971 992 1,963 Casas com água boa 1,086 600 1,686 Casas com saneamento Telefones Fixos 300 191 491 Energia em MW/H 3,768 2,052 5,820 * FONTE: PERI Osmar Korb, Plano de desenvolvimentoregional rural, Ijuí; Serigraf - 120p. * Pesquisa e organização: Prof. Adroaldo José Dallabrida.
  • 3. r das culturas anuais manentes). es. (erosão). o ou turísmo. Culturas anuais/98 0% 0% 0% 0% 1% 0% 0% 2% Batata Inglesa Morango Aipim Outras Olerícolas Arroz Sequeiro Arroz Irrigado Cana-de-açúcar Canola Milho Safra Milho safrinha Feijão safra Feijão safrinha Soja 82%
  • 4. 3.71 200 faltam 80 sem 357 deficiente 2.243 "
  • 5. Estratificação Fund. Em (Ha) Nº estab. Área total 0-5 97 236.9 05 a 10 164 1,009.30 10 a 20 290 3,584.40 20 a 50 340 8,925.80 50 a 100 114 6,590.30 100 a 200 32 3,589.30 200 a 500 11 2,877.00 mais de 500 2 1,819.10 TOTAL 1,050 28,632.10 TOTAL 4,012 3,869 3,601 4,280
  • 6. HOMENS E MULHERES EM AJURICABA 4,050 4,012 4,000 3,950 4,012 3,900 3,869 3,869 3,850 3,800 3,750 POPULAÇÃO URBANA E RURAL DE AJURICABA 4,280 3,601 3,601 4,280 3,200 3,400 3,600 3,800 4,000 4,200 4,400 46% 54% Column D Column E
  • 7. ESTRATIFICAÇÃO FUNDIÁRIA EM AJURICABA Nº de Estabelecimentos 16% 28% 9% 0% 0-5 05 a 10 1% 10 a 20 20 a 50 3% 50 a 100 100 a 200 32% 11% 200 a 500 mais de 500 Área Total 8,925.80 3,584.40 1,009.30 0-5 05 a 10 236.9 10 a 20 20 a 50 1,819.10 50 a 100 100 a 200 6,590.30 200 a 500 2,877.00 mais de 500 3,589.30
  • 8. Classificação dos solos 1% 1% 4% 2% 27% 8% I II III IV V VI VII VIII 18% 38%