SlideShare uma empresa Scribd logo
Corpo, Alma e espírito
O que é Antropologia? [ Do gr.  antropos , homem; Do gr.  Logia , estudo] Estudo sistemático acerca do aparecimento (criação),  Estrutura (como é constituido) e realizações culturais  do ser humano  (sua participação  no mundo).
corpo alma espírito Este traço representa a morte  espíritual devido o estado de separação do espírito do homem do Espírito de Deus  Quando a pessoa aceita a Jesus O traço a barreira é tirada. Então a alma recebe a influência do espírito Do homem, que por sua vez recebe a Influência do espírito Santo A alma pervertida usa  o corpo para realizar  suas vontades, em  outras palavras: para pecar  DEUS diabo Quando a alma recebe  a influência do espírito a mesma transfere esta Influência para o corpo  ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Pecado Santidade O corpo cai  no pecado Separação,  Santificação Para Deus Influência do Diabo na vida do homem O homem está Separado de Deus ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],O homem e suas épocas
O homem e suas épocas ,[object Object],[object Object],[object Object],criação  até a queda do homem Queda  até a  primeira  vinda de Cristo 1ª Vinda de Cristo até O termino da vida terrena Homem original Homem natural Homem restaurado
Vamos procurar  neste estudo  sobre o  homem, deter-nos  nos aspectos:  corpo, alma e espírito
corpo alma espírito Este traço representa a morte  espíritual devido o estado de separação do espírito do homem do Espírito de Deus  Quando a pessoa aceita a Jesus o traço e a barreira é tirada. Então a alma recebe a influência do espírito do homem, que por sua vez recebe a Influência do espírito Santo A alma pervertida usa  o corpo para realizar  suas vontades, em  outras palavras: para pecar  DEUS diabo Quando a alma recebe  a influência do espírito a mesma transfere esta Influência para o corpo  ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Pecado Santidade O corpo cai  no pecado Separação,  Santificação Para Deus Influência do Diabo na vida do homem O homem esta Separado de Deus ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Homem
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Ensinamento bíblico “  E formou o Senhor Deus o homem do  pó  ( corpo do homem ) da terra, e  soprou em suas narinas o fôlego da vida  ( espírito do homem ); e o homem foi feito alma ( alma do homem ) vivente.” Gn 2.7 “  E disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa  semelhança;... “ Gn 1.26 Este versículo acima mostra a diferença do homem racional, feito com a  semelhança de Deus, feito diferente dos irracionais. Que apenas seguem seus instintos naturais, mas não podem conhecer e ter entendimento de Deus. Este vesículo joga por terra o unitarianismo.  “  E o mesmo Deus de paz vos santifique em tudo; e todo o vosso  espírito , e  alma , e  corpo , sejam plenamente conservados irrepreensíveis  para a vinda de nosso Senhor Jesus Cristo.” 1Tss 5.23 Estes dois versículos nitídamente nos mostra a triplice constituição do homem jogando por terra a dicotomia que não se preocupa em distinguir a parte  não-física do homem em alma e espírito.
No princípio...
espírito alma corpo Homem DEUS O homem  tinha a comunicação direta com  Deus. Pois este até então não tinha o  conceito de um outro deus. Era inocente. O homem pelo espírito (dele mesmo) recebia de Deus o entendimento do bem. A alma por sua vez quando lhe era passadas as informações acatando-as, as transmitiam a uma terceira parte.  O homem então era um maquina?  Não tinha o poder da escolha? O que acontece é que o homem até o presente momento não tinha  o intendimento do que era o mal. Somente a voz de Deus era conhecida pelo homem Como o homem foi criado ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Funções ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Sendo o homem “espírito”, é capaz de ter conhecimento de Deus e  Comunhão com Ele; sendo “alma”, ele tem conhecimento de  si próprio; sendo “corpo”, tem, através dos sentidos,  conhecimento do mundo. – Scofield.
Gn 2.15 E tomou o Senhor Deus o homem, e o pôs no jardim do Éden para o lavrar e o guardar. 16 E ordenou o Senhor Deus ao homem, dizendo: De toda a árvore do jardim comerás livremente, 17 Mas da árvore do conhecimento do bem e do mal, dela não comerás; porque no dia em que dela comeres, certamente morrerás.  A ordem de Deus para o homem
o que o homem fez ...
Gn 3.1  Ora, a serpente era mais astuta que todas as alimárias do campo que  o Senhor Deus tinha feito. E esta disse à mulher: É assim que Deus disse:  Não comereis de toda a árvore do jardim? 2 E disse a mulher à serpente: Do fruto das árvores do jardim comeremos, 3 Mas do fruto da árvore que está no meio do jardim, disse Deus: Não comereis  dele, nem nele tocareis para que não morrais. 4 Então a serpente disse à mulher: Certamente não morrereis. 5 Porque Deus sabe que no dia em que dele comerdes se abrirão os vossos olhos,  e sereis como Deus, sabendo o bem e o mal.     A serpente  Gn 3.1-3
Eva ouve uma voz diferente. Um sentimento ainda não experimentado toma conta no coração de Adão e Eva. Esta experiência acontecia no “eu” (alma), que proporcionava uma certa sensação de poder, orgulho, uma posibilidade de se tornar como o Altíssimo.Note bem que, a serpente não quis tomar o lugar de Deus nos corações de Adão e Eva. Mas, que o próprio homem tomasse o lugar de Deus. O diálogo
Gn 3.6 E viu a mulher que aquela árvore era boa para se comer, e agradável aos olhos, e árvore desejável para dar entendimento; tomou do seu fruto, e comeu, e deu também a seu marido, e ele comeu com ela. Concupciência (desejo) ,[object Object],[object Object],[object Object],1Jo 2.16 Porque tudo o que há no mundo, a  concupiscência da carne, a concupiscência  dos olhos e a soberba da vida, não é do Pai,  mas do mundo.
consequência...
Pecado
*O que é o pecado? *Onde ele acontece? *Como ele acontece?
Transgressão ( desobediência, infração, violação ) deliberada ( determinada, resolvida ) e consciênte (  que sabe o que faz ) das leis estabelecidas por Deus. Errar o alvo estabelecido pelo criador ao homem:  viver para a glória de Deus Primeiramente o pecado é uma procedência de satanás.  No homem acontece mediante a atuação de um espírito mal. Que aproveita o  estado de rebeldia da alma. Que por sua vez usa o corpo para satisfazer seus  Desejos; que se contradiz com a razão de sua existencia,  viver para a glória de  Deus   *O que é o pecado? *Onde acontece? *Como acontece? Na alma. A alma é quem peca.
espírito alma corpo Homem DEUS pecado diabo O pecado de Adão e Eva  pecado pecado
espírito Alma Corpo mente vontade emoções Amor: eros Amor: fileo Amor: agapê Visão Audição Tato Paladar Olfato Vontade própria 1ª “da carne” 2ª “dos olhos” 3ª “da vida - soberba Homem interior Homem emotivo Homem exterior O gráfico mostra  a tríplice constituição do homem
Rm 3.10 Como está escrito: Não há um justo, nem um sequer. 11 Não há ninguém que entenda; Não há ninguém que busque a Deus. 12 Todos se extraviaram, e juntamente se fizeram inúteis. Não há quem faça o bem, não há nem um só. 23 Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus; O homem caído
...e Deus o que  fez em prol do homem?
Jo 3.14 E, como Moisés levantou a serpente no deserto, assim importa que o Filho do homem seja levantado; 15 Para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. 16 Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. 17 Porque Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para que condenasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele. “  Jesus o amor de Deus” Agape Amor sacrificial
espírito alma corpo DEUS diabo Espírito santo Espírito santo Sangue de Cristo Sangue de Cristo O homem vive  para o glória  de Deus A alma agora que recebe as orientações do espírito novamente, consegue viver para a sua missão aqui na terra. Viver Para a glória de Deus.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

A armadura de_deus_completa
A armadura de_deus_completaA armadura de_deus_completa
A armadura de_deus_completa
Anderson Silvério
 
Os Perigos das Obras da Carne
Os Perigos das Obras da CarneOs Perigos das Obras da Carne
Os Perigos das Obras da Carne
Márcio Martins
 
Lição 1- As obras da carne e o fruto do espírito
Lição 1- As obras da carne e o fruto do espíritoLição 1- As obras da carne e o fruto do espírito
Lição 1- As obras da carne e o fruto do espírito
Erberson Pinheiro
 
Lição 3 – A Natureza dos Demônios – Agentes da Maldade no Mundo Espiritual
Lição 3 – A Natureza dos Demônios – Agentes da Maldade no Mundo EspiritualLição 3 – A Natureza dos Demônios – Agentes da Maldade no Mundo Espiritual
Lição 3 – A Natureza dos Demônios – Agentes da Maldade no Mundo Espiritual
Éder Tomé
 
Lição 12 – Vivendo em Constante Vigilância
Lição 12 – Vivendo em Constante VigilânciaLição 12 – Vivendo em Constante Vigilância
Lição 12 – Vivendo em Constante Vigilância
Éder Tomé
 
Lição 10 - O Processo da Salvação
Lição 10 - O Processo da SalvaçãoLição 10 - O Processo da Salvação
Lição 10 - O Processo da Salvação
Éder Tomé
 
estudo biblico
estudo biblicoestudo biblico
estudo biblico
valmarques
 
Lição 6 – frutos da maturidade cristã
Lição 6 – frutos da maturidade cristãLição 6 – frutos da maturidade cristã
Lição 6 – frutos da maturidade cristã
Joanilson França Garcia
 
Uma juventude forte
Uma juventude forteUma juventude forte
Uma juventude forte
Eid Marques
 
Deus, nós e a nossa família
Deus, nós  e  a  nossa  famíliaDeus, nós  e  a  nossa  família
Deus, nós e a nossa família
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
Lição 1 - A formação do caráter do cristão
Lição 1 - A formação do caráter do cristãoLição 1 - A formação do caráter do cristão
Lição 1 - A formação do caráter do cristão
Erberson Pinheiro
 
Lição 01 - O Livro de Levítico
Lição 01 - O Livro de LevíticoLição 01 - O Livro de Levítico
Lição 01 - O Livro de Levítico
Éder Tomé
 
Três campos de batalha espiritual
Três campos de batalha espiritualTrês campos de batalha espiritual
Três campos de batalha espiritual
Paulo Roberto
 
Qual é a diferença entre corpo, alma e espírito
Qual é a diferença entre corpo, alma e espíritoQual é a diferença entre corpo, alma e espírito
Qual é a diferença entre corpo, alma e espírito
Leandro Sales
 
A Formação do Caráter Cristão
A Formação do Caráter CristãoA Formação do Caráter Cristão
A Formação do Caráter Cristão
Márcio Martins
 
Soteriologia - Doutrina da Salvação
Soteriologia - Doutrina da SalvaçãoSoteriologia - Doutrina da Salvação
Soteriologia - Doutrina da Salvação
RODRIGO FERREIRA
 
Relacionamento Com Deus
Relacionamento Com DeusRelacionamento Com Deus
Relacionamento Com Deus
Clube de Lideres Online
 
O desafio de ser um cristão contemporâneo,
O desafio de ser um cristão contemporâneo,O desafio de ser um cristão contemporâneo,
O desafio de ser um cristão contemporâneo,
Felicio Araujo
 
hamartiologia - Doutrina do pecado.
hamartiologia - Doutrina do pecado.hamartiologia - Doutrina do pecado.
hamartiologia - Doutrina do pecado.
RODRIGO FERREIRA
 
Marcas De Uma Pessoa Madura
Marcas De Uma Pessoa MaduraMarcas De Uma Pessoa Madura
Marcas De Uma Pessoa Madura
guestc5d870
 

Mais procurados (20)

A armadura de_deus_completa
A armadura de_deus_completaA armadura de_deus_completa
A armadura de_deus_completa
 
Os Perigos das Obras da Carne
Os Perigos das Obras da CarneOs Perigos das Obras da Carne
Os Perigos das Obras da Carne
 
Lição 1- As obras da carne e o fruto do espírito
Lição 1- As obras da carne e o fruto do espíritoLição 1- As obras da carne e o fruto do espírito
Lição 1- As obras da carne e o fruto do espírito
 
Lição 3 – A Natureza dos Demônios – Agentes da Maldade no Mundo Espiritual
Lição 3 – A Natureza dos Demônios – Agentes da Maldade no Mundo EspiritualLição 3 – A Natureza dos Demônios – Agentes da Maldade no Mundo Espiritual
Lição 3 – A Natureza dos Demônios – Agentes da Maldade no Mundo Espiritual
 
Lição 12 – Vivendo em Constante Vigilância
Lição 12 – Vivendo em Constante VigilânciaLição 12 – Vivendo em Constante Vigilância
Lição 12 – Vivendo em Constante Vigilância
 
Lição 10 - O Processo da Salvação
Lição 10 - O Processo da SalvaçãoLição 10 - O Processo da Salvação
Lição 10 - O Processo da Salvação
 
estudo biblico
estudo biblicoestudo biblico
estudo biblico
 
Lição 6 – frutos da maturidade cristã
Lição 6 – frutos da maturidade cristãLição 6 – frutos da maturidade cristã
Lição 6 – frutos da maturidade cristã
 
Uma juventude forte
Uma juventude forteUma juventude forte
Uma juventude forte
 
Deus, nós e a nossa família
Deus, nós  e  a  nossa  famíliaDeus, nós  e  a  nossa  família
Deus, nós e a nossa família
 
Lição 1 - A formação do caráter do cristão
Lição 1 - A formação do caráter do cristãoLição 1 - A formação do caráter do cristão
Lição 1 - A formação do caráter do cristão
 
Lição 01 - O Livro de Levítico
Lição 01 - O Livro de LevíticoLição 01 - O Livro de Levítico
Lição 01 - O Livro de Levítico
 
Três campos de batalha espiritual
Três campos de batalha espiritualTrês campos de batalha espiritual
Três campos de batalha espiritual
 
Qual é a diferença entre corpo, alma e espírito
Qual é a diferença entre corpo, alma e espíritoQual é a diferença entre corpo, alma e espírito
Qual é a diferença entre corpo, alma e espírito
 
A Formação do Caráter Cristão
A Formação do Caráter CristãoA Formação do Caráter Cristão
A Formação do Caráter Cristão
 
Soteriologia - Doutrina da Salvação
Soteriologia - Doutrina da SalvaçãoSoteriologia - Doutrina da Salvação
Soteriologia - Doutrina da Salvação
 
Relacionamento Com Deus
Relacionamento Com DeusRelacionamento Com Deus
Relacionamento Com Deus
 
O desafio de ser um cristão contemporâneo,
O desafio de ser um cristão contemporâneo,O desafio de ser um cristão contemporâneo,
O desafio de ser um cristão contemporâneo,
 
hamartiologia - Doutrina do pecado.
hamartiologia - Doutrina do pecado.hamartiologia - Doutrina do pecado.
hamartiologia - Doutrina do pecado.
 
Marcas De Uma Pessoa Madura
Marcas De Uma Pessoa MaduraMarcas De Uma Pessoa Madura
Marcas De Uma Pessoa Madura
 

Destaque

Corpo, alma e espírito!
Corpo, alma e espírito!Corpo, alma e espírito!
Corpo, alma e espírito!
Leonardo Pereira
 
Corpo, alma e espírito parte i
Corpo, alma e espírito parte iCorpo, alma e espírito parte i
Corpo, alma e espírito parte i
Jose Costa
 
Cuidar do corpo e do espírito
Cuidar do corpo e do espíritoCuidar do corpo e do espírito
Cuidar do corpo e do espírito
Izabel Cristina Fonseca
 
Espírito, perispírito e corpo físico - IEE - CEM
Espírito, perispírito e corpo físico - IEE - CEMEspírito, perispírito e corpo físico - IEE - CEM
Espírito, perispírito e corpo físico - IEE - CEM
Wilma Badan C.G.
 
CORPO FÍSICO - ESPIRITISMO
CORPO FÍSICO - ESPIRITISMOCORPO FÍSICO - ESPIRITISMO
CORPO FÍSICO - ESPIRITISMO
Denise Aguiar
 
Cuidar do Corpo e do Espírito
Cuidar do Corpo e do EspíritoCuidar do Corpo e do Espírito
Cuidar do Corpo e do Espírito
CEENA_SS
 
Dinâmica: Corpo, Alma e Espírito
Dinâmica: Corpo, Alma e EspíritoDinâmica: Corpo, Alma e Espírito
Dinâmica: Corpo, Alma e Espírito
Quenia Damata
 
Corpo alma - espírito ritimo harmonia melodia
Corpo   alma - espírito ritimo harmonia melodiaCorpo   alma - espírito ritimo harmonia melodia
Corpo alma - espírito ritimo harmonia melodia
andijuda
 
Corpo alma espirito carne_ O Homem é 'Quadricotomico'
Corpo alma espirito carne_ O Homem é 'Quadricotomico'Corpo alma espirito carne_ O Homem é 'Quadricotomico'
Corpo alma espirito carne_ O Homem é 'Quadricotomico'
Jair de Barros
 
Finalidade Da EncarnaçãO
Finalidade Da EncarnaçãOFinalidade Da EncarnaçãO
Finalidade Da EncarnaçãO
Grupo Espírita Cristão
 
Objetivo da encarnação
Objetivo da encarnaçãoObjetivo da encarnação
Objetivo da encarnação
Izabel Cristina Fonseca
 
Salvação aspectos espirituais 1
Salvação aspectos espirituais 1Salvação aspectos espirituais 1
Salvação aspectos espirituais 1
Rovanildo Vieira Soares
 
Da encarnação dos espíritos
Da encarnação dos espíritosDa encarnação dos espíritos
Da encarnação dos espíritos
Marcos Antônio Alves
 
Lição 3 criação do homem e da mulher b
Lição 3 criação do homem e da mulher bLição 3 criação do homem e da mulher b
Lição 3 criação do homem e da mulher b
Elson Juvenal Pinto Loureiro
 
Primeiro Módulo - Aula 9 - Encarnação dos espiritos
Primeiro Módulo - Aula 9 - Encarnação dos espiritosPrimeiro Módulo - Aula 9 - Encarnação dos espiritos
Primeiro Módulo - Aula 9 - Encarnação dos espiritos
CeiClarencio
 
Cuidar do corpo
Cuidar do corpoCuidar do corpo
Cuidar do corpo
Helio Cruz
 
Interação corpo, mente e espírito
Interação corpo, mente e espíritoInteração corpo, mente e espírito
Interação corpo, mente e espírito
Sônia Marques
 
Antropologia Teológica Unidade II
Antropologia Teológica   Unidade IIAntropologia Teológica   Unidade II
Antropologia Teológica Unidade II
Coop. Fabio Silva
 
O quanto as nossas emoções influenciam o nosso corpo
O quanto as nossas emoções influenciam o nosso corpo O quanto as nossas emoções influenciam o nosso corpo
O quanto as nossas emoções influenciam o nosso corpo
Anissis Ramos
 
Saúde emocional
Saúde emocionalSaúde emocional
Saúde emocional
Alexsandro Prates
 

Destaque (20)

Corpo, alma e espírito!
Corpo, alma e espírito!Corpo, alma e espírito!
Corpo, alma e espírito!
 
Corpo, alma e espírito parte i
Corpo, alma e espírito parte iCorpo, alma e espírito parte i
Corpo, alma e espírito parte i
 
Cuidar do corpo e do espírito
Cuidar do corpo e do espíritoCuidar do corpo e do espírito
Cuidar do corpo e do espírito
 
Espírito, perispírito e corpo físico - IEE - CEM
Espírito, perispírito e corpo físico - IEE - CEMEspírito, perispírito e corpo físico - IEE - CEM
Espírito, perispírito e corpo físico - IEE - CEM
 
CORPO FÍSICO - ESPIRITISMO
CORPO FÍSICO - ESPIRITISMOCORPO FÍSICO - ESPIRITISMO
CORPO FÍSICO - ESPIRITISMO
 
Cuidar do Corpo e do Espírito
Cuidar do Corpo e do EspíritoCuidar do Corpo e do Espírito
Cuidar do Corpo e do Espírito
 
Dinâmica: Corpo, Alma e Espírito
Dinâmica: Corpo, Alma e EspíritoDinâmica: Corpo, Alma e Espírito
Dinâmica: Corpo, Alma e Espírito
 
Corpo alma - espírito ritimo harmonia melodia
Corpo   alma - espírito ritimo harmonia melodiaCorpo   alma - espírito ritimo harmonia melodia
Corpo alma - espírito ritimo harmonia melodia
 
Corpo alma espirito carne_ O Homem é 'Quadricotomico'
Corpo alma espirito carne_ O Homem é 'Quadricotomico'Corpo alma espirito carne_ O Homem é 'Quadricotomico'
Corpo alma espirito carne_ O Homem é 'Quadricotomico'
 
Finalidade Da EncarnaçãO
Finalidade Da EncarnaçãOFinalidade Da EncarnaçãO
Finalidade Da EncarnaçãO
 
Objetivo da encarnação
Objetivo da encarnaçãoObjetivo da encarnação
Objetivo da encarnação
 
Salvação aspectos espirituais 1
Salvação aspectos espirituais 1Salvação aspectos espirituais 1
Salvação aspectos espirituais 1
 
Da encarnação dos espíritos
Da encarnação dos espíritosDa encarnação dos espíritos
Da encarnação dos espíritos
 
Lição 3 criação do homem e da mulher b
Lição 3 criação do homem e da mulher bLição 3 criação do homem e da mulher b
Lição 3 criação do homem e da mulher b
 
Primeiro Módulo - Aula 9 - Encarnação dos espiritos
Primeiro Módulo - Aula 9 - Encarnação dos espiritosPrimeiro Módulo - Aula 9 - Encarnação dos espiritos
Primeiro Módulo - Aula 9 - Encarnação dos espiritos
 
Cuidar do corpo
Cuidar do corpoCuidar do corpo
Cuidar do corpo
 
Interação corpo, mente e espírito
Interação corpo, mente e espíritoInteração corpo, mente e espírito
Interação corpo, mente e espírito
 
Antropologia Teológica Unidade II
Antropologia Teológica   Unidade IIAntropologia Teológica   Unidade II
Antropologia Teológica Unidade II
 
O quanto as nossas emoções influenciam o nosso corpo
O quanto as nossas emoções influenciam o nosso corpo O quanto as nossas emoções influenciam o nosso corpo
O quanto as nossas emoções influenciam o nosso corpo
 
Saúde emocional
Saúde emocionalSaúde emocional
Saúde emocional
 

Semelhante a Corpo, Alma E Espírito

Corpoalmaeesprito 090811222700-phpapp02
Corpoalmaeesprito 090811222700-phpapp02Corpoalmaeesprito 090811222700-phpapp02
Corpoalmaeesprito 090811222700-phpapp02
Luiz Farias Farias
 
corpoalmaeesprito-090811222700-phpapp02.pdf
corpoalmaeesprito-090811222700-phpapp02.pdfcorpoalmaeesprito-090811222700-phpapp02.pdf
corpoalmaeesprito-090811222700-phpapp02.pdf
Tiago Silva
 
ANJOS, HOMEM, PECADO E SALVAÇÃO (AULA 03 - BÁSICO - IBADEP)
ANJOS, HOMEM, PECADO E SALVAÇÃO (AULA 03 - BÁSICO - IBADEP)ANJOS, HOMEM, PECADO E SALVAÇÃO (AULA 03 - BÁSICO - IBADEP)
ANJOS, HOMEM, PECADO E SALVAÇÃO (AULA 03 - BÁSICO - IBADEP)
Pr Davi Passos - Estudos Bíblicos
 
010-Jornal Cesesul 01/06/14
010-Jornal Cesesul 01/06/14010-Jornal Cesesul 01/06/14
010-Jornal Cesesul 01/06/14
CESESUL
 
Apostila 03teologia
Apostila 03teologiaApostila 03teologia
Apostila 03teologia
Omar Gebara
 
Material de teologia
Material de teologia Material de teologia
Material de teologia
marcelo olegario
 
Apostila 03
Apostila 03Apostila 03
Apostila 03
Omar Gebara
 
Teologia 03
Teologia  03Teologia  03
Teologia 03
marcelo olegario
 
Licao 3 1 t - 2020 - cpad
Licao 3   1 t - 2020 - cpadLicao 3   1 t - 2020 - cpad
Licao 3 1 t - 2020 - cpad
Éder Tomé
 
Lição 3: A NATUREZA DO SER HUMANO
Lição 3: A NATUREZA DO SER HUMANOLição 3: A NATUREZA DO SER HUMANO
Lição 3: A NATUREZA DO SER HUMANO
Hamilton Souza
 
Licao 4 1 t - 2020 - os atributos do ser humano [salvo automaticamente]
Licao 4   1 t - 2020 - os atributos do ser humano [salvo automaticamente]Licao 4   1 t - 2020 - os atributos do ser humano [salvo automaticamente]
Licao 4 1 t - 2020 - os atributos do ser humano [salvo automaticamente]
Vilma Longuini
 
Aconselhamento
AconselhamentoAconselhamento
Aconselhamento
Rosangela Silva
 
Aconselhamento
AconselhamentoAconselhamento
Aconselhamento
Rosangela Silva
 
Apostila 03
Apostila 03Apostila 03
Apostila 03
amaildo pereira
 
Antropologia e teologia propria
Antropologia e teologia propriaAntropologia e teologia propria
Antropologia e teologia propria
Denise Vianna de Almeida
 
Tripliceconstituicaodohomem
TripliceconstituicaodohomemTripliceconstituicaodohomem
Tripliceconstituicaodohomem
Pastor Robson Colaço
 
O conceito corrente da constituição dos seres humanos é dualista
O conceito corrente da constituição dos seres humanos é dualistaO conceito corrente da constituição dos seres humanos é dualista
O conceito corrente da constituição dos seres humanos é dualista
Antonio Ferreira
 
Principios elementares
Principios elementaresPrincipios elementares
Principios elementares
Walber Michellon
 
Apostila 03
Apostila 03Apostila 03
Apostila 03
amaildo pereira
 
ANTROPOLOGIA.pptx
ANTROPOLOGIA.pptxANTROPOLOGIA.pptx
ANTROPOLOGIA.pptx
RoseliDosSantosPinhe
 

Semelhante a Corpo, Alma E Espírito (20)

Corpoalmaeesprito 090811222700-phpapp02
Corpoalmaeesprito 090811222700-phpapp02Corpoalmaeesprito 090811222700-phpapp02
Corpoalmaeesprito 090811222700-phpapp02
 
corpoalmaeesprito-090811222700-phpapp02.pdf
corpoalmaeesprito-090811222700-phpapp02.pdfcorpoalmaeesprito-090811222700-phpapp02.pdf
corpoalmaeesprito-090811222700-phpapp02.pdf
 
ANJOS, HOMEM, PECADO E SALVAÇÃO (AULA 03 - BÁSICO - IBADEP)
ANJOS, HOMEM, PECADO E SALVAÇÃO (AULA 03 - BÁSICO - IBADEP)ANJOS, HOMEM, PECADO E SALVAÇÃO (AULA 03 - BÁSICO - IBADEP)
ANJOS, HOMEM, PECADO E SALVAÇÃO (AULA 03 - BÁSICO - IBADEP)
 
010-Jornal Cesesul 01/06/14
010-Jornal Cesesul 01/06/14010-Jornal Cesesul 01/06/14
010-Jornal Cesesul 01/06/14
 
Apostila 03teologia
Apostila 03teologiaApostila 03teologia
Apostila 03teologia
 
Material de teologia
Material de teologia Material de teologia
Material de teologia
 
Apostila 03
Apostila 03Apostila 03
Apostila 03
 
Teologia 03
Teologia  03Teologia  03
Teologia 03
 
Licao 3 1 t - 2020 - cpad
Licao 3   1 t - 2020 - cpadLicao 3   1 t - 2020 - cpad
Licao 3 1 t - 2020 - cpad
 
Lição 3: A NATUREZA DO SER HUMANO
Lição 3: A NATUREZA DO SER HUMANOLição 3: A NATUREZA DO SER HUMANO
Lição 3: A NATUREZA DO SER HUMANO
 
Licao 4 1 t - 2020 - os atributos do ser humano [salvo automaticamente]
Licao 4   1 t - 2020 - os atributos do ser humano [salvo automaticamente]Licao 4   1 t - 2020 - os atributos do ser humano [salvo automaticamente]
Licao 4 1 t - 2020 - os atributos do ser humano [salvo automaticamente]
 
Aconselhamento
AconselhamentoAconselhamento
Aconselhamento
 
Aconselhamento
AconselhamentoAconselhamento
Aconselhamento
 
Apostila 03
Apostila 03Apostila 03
Apostila 03
 
Antropologia e teologia propria
Antropologia e teologia propriaAntropologia e teologia propria
Antropologia e teologia propria
 
Tripliceconstituicaodohomem
TripliceconstituicaodohomemTripliceconstituicaodohomem
Tripliceconstituicaodohomem
 
O conceito corrente da constituição dos seres humanos é dualista
O conceito corrente da constituição dos seres humanos é dualistaO conceito corrente da constituição dos seres humanos é dualista
O conceito corrente da constituição dos seres humanos é dualista
 
Principios elementares
Principios elementaresPrincipios elementares
Principios elementares
 
Apostila 03
Apostila 03Apostila 03
Apostila 03
 
ANTROPOLOGIA.pptx
ANTROPOLOGIA.pptxANTROPOLOGIA.pptx
ANTROPOLOGIA.pptx
 

Mais de Catedral de Adoração

Preparando Obreiros Para A úLtima Hora
Preparando Obreiros Para A úLtima HoraPreparando Obreiros Para A úLtima Hora
Preparando Obreiros Para A úLtima Hora
Catedral de Adoração
 
Preparando Obreiros Para A úLtima Hora
Preparando Obreiros Para A úLtima HoraPreparando Obreiros Para A úLtima Hora
Preparando Obreiros Para A úLtima Hora
Catedral de Adoração
 
Como Fazer Bibliografia E Nota De Rodapé
Como Fazer Bibliografia E Nota De RodapéComo Fazer Bibliografia E Nota De Rodapé
Como Fazer Bibliografia E Nota De Rodapé
Catedral de Adoração
 
Estudo Em Lc 5.27 39
Estudo Em Lc 5.27 39Estudo Em Lc 5.27 39
Estudo Em Lc 5.27 39
Catedral de Adoração
 
Tecnica De Interpretação
Tecnica De InterpretaçãoTecnica De Interpretação
Tecnica De Interpretação
Catedral de Adoração
 
Jejum
JejumJejum

Mais de Catedral de Adoração (7)

Preparando Obreiros Para A úLtima Hora
Preparando Obreiros Para A úLtima HoraPreparando Obreiros Para A úLtima Hora
Preparando Obreiros Para A úLtima Hora
 
Preparando Obreiros Para A úLtima Hora
Preparando Obreiros Para A úLtima HoraPreparando Obreiros Para A úLtima Hora
Preparando Obreiros Para A úLtima Hora
 
Como Fazer Bibliografia E Nota De Rodapé
Como Fazer Bibliografia E Nota De RodapéComo Fazer Bibliografia E Nota De Rodapé
Como Fazer Bibliografia E Nota De Rodapé
 
Logo Novo
Logo NovoLogo Novo
Logo Novo
 
Estudo Em Lc 5.27 39
Estudo Em Lc 5.27 39Estudo Em Lc 5.27 39
Estudo Em Lc 5.27 39
 
Tecnica De Interpretação
Tecnica De InterpretaçãoTecnica De Interpretação
Tecnica De Interpretação
 
Jejum
JejumJejum
Jejum
 

Último

Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptxLição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Celso Napoleon
 
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptxLição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Celso Napoleon
 
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdfPROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
Nelson Pereira
 
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptxBíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Igreja Jesus é o Verbo
 
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxasMalleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Lourhana
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Nilson Almeida
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Nilson Almeida
 
Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024
Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024
Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024
HerverthRibeiro1
 
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermos
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermosEnfermos - Unção para consagração dosa enfermos
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermos
FernandoCavalcante48
 
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptxLição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
JaquelineSantosBasto
 

Último (10)

Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptxLição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
 
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptxLição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
 
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdfPROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
 
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptxBíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
 
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxasMalleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
 
Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024
Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024
Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024
 
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermos
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermosEnfermos - Unção para consagração dosa enfermos
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermos
 
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptxLição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
 

Corpo, Alma E Espírito

  • 1. Corpo, Alma e espírito
  • 2. O que é Antropologia? [ Do gr. antropos , homem; Do gr. Logia , estudo] Estudo sistemático acerca do aparecimento (criação), Estrutura (como é constituido) e realizações culturais do ser humano (sua participação no mundo).
  • 3.
  • 4.
  • 5. Vamos procurar neste estudo sobre o homem, deter-nos nos aspectos: corpo, alma e espírito
  • 6.
  • 7.
  • 8. Ensinamento bíblico “ E formou o Senhor Deus o homem do pó ( corpo do homem ) da terra, e soprou em suas narinas o fôlego da vida ( espírito do homem ); e o homem foi feito alma ( alma do homem ) vivente.” Gn 2.7 “ E disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança;... “ Gn 1.26 Este versículo acima mostra a diferença do homem racional, feito com a semelhança de Deus, feito diferente dos irracionais. Que apenas seguem seus instintos naturais, mas não podem conhecer e ter entendimento de Deus. Este vesículo joga por terra o unitarianismo. “ E o mesmo Deus de paz vos santifique em tudo; e todo o vosso espírito , e alma , e corpo , sejam plenamente conservados irrepreensíveis para a vinda de nosso Senhor Jesus Cristo.” 1Tss 5.23 Estes dois versículos nitídamente nos mostra a triplice constituição do homem jogando por terra a dicotomia que não se preocupa em distinguir a parte não-física do homem em alma e espírito.
  • 10.
  • 11.
  • 12. Gn 2.15 E tomou o Senhor Deus o homem, e o pôs no jardim do Éden para o lavrar e o guardar. 16 E ordenou o Senhor Deus ao homem, dizendo: De toda a árvore do jardim comerás livremente, 17 Mas da árvore do conhecimento do bem e do mal, dela não comerás; porque no dia em que dela comeres, certamente morrerás. A ordem de Deus para o homem
  • 13. o que o homem fez ...
  • 14. Gn 3.1 Ora, a serpente era mais astuta que todas as alimárias do campo que o Senhor Deus tinha feito. E esta disse à mulher: É assim que Deus disse: Não comereis de toda a árvore do jardim? 2 E disse a mulher à serpente: Do fruto das árvores do jardim comeremos, 3 Mas do fruto da árvore que está no meio do jardim, disse Deus: Não comereis dele, nem nele tocareis para que não morrais. 4 Então a serpente disse à mulher: Certamente não morrereis. 5 Porque Deus sabe que no dia em que dele comerdes se abrirão os vossos olhos, e sereis como Deus, sabendo o bem e o mal.     A serpente Gn 3.1-3
  • 15. Eva ouve uma voz diferente. Um sentimento ainda não experimentado toma conta no coração de Adão e Eva. Esta experiência acontecia no “eu” (alma), que proporcionava uma certa sensação de poder, orgulho, uma posibilidade de se tornar como o Altíssimo.Note bem que, a serpente não quis tomar o lugar de Deus nos corações de Adão e Eva. Mas, que o próprio homem tomasse o lugar de Deus. O diálogo
  • 16.
  • 19. *O que é o pecado? *Onde ele acontece? *Como ele acontece?
  • 20. Transgressão ( desobediência, infração, violação ) deliberada ( determinada, resolvida ) e consciênte ( que sabe o que faz ) das leis estabelecidas por Deus. Errar o alvo estabelecido pelo criador ao homem: viver para a glória de Deus Primeiramente o pecado é uma procedência de satanás. No homem acontece mediante a atuação de um espírito mal. Que aproveita o estado de rebeldia da alma. Que por sua vez usa o corpo para satisfazer seus Desejos; que se contradiz com a razão de sua existencia, viver para a glória de Deus *O que é o pecado? *Onde acontece? *Como acontece? Na alma. A alma é quem peca.
  • 21. espírito alma corpo Homem DEUS pecado diabo O pecado de Adão e Eva pecado pecado
  • 22. espírito Alma Corpo mente vontade emoções Amor: eros Amor: fileo Amor: agapê Visão Audição Tato Paladar Olfato Vontade própria 1ª “da carne” 2ª “dos olhos” 3ª “da vida - soberba Homem interior Homem emotivo Homem exterior O gráfico mostra a tríplice constituição do homem
  • 23. Rm 3.10 Como está escrito: Não há um justo, nem um sequer. 11 Não há ninguém que entenda; Não há ninguém que busque a Deus. 12 Todos se extraviaram, e juntamente se fizeram inúteis. Não há quem faça o bem, não há nem um só. 23 Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus; O homem caído
  • 24. ...e Deus o que fez em prol do homem?
  • 25. Jo 3.14 E, como Moisés levantou a serpente no deserto, assim importa que o Filho do homem seja levantado; 15 Para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. 16 Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. 17 Porque Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para que condenasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele. “ Jesus o amor de Deus” Agape Amor sacrificial
  • 26. espírito alma corpo DEUS diabo Espírito santo Espírito santo Sangue de Cristo Sangue de Cristo O homem vive para o glória de Deus A alma agora que recebe as orientações do espírito novamente, consegue viver para a sua missão aqui na terra. Viver Para a glória de Deus.