SlideShare uma empresa Scribd logo
Carta Formal e Informal
CARTAÉ uma conversa por escrito, dirigida a uma pessoa ausente. Trata-se de um meio de           comunicação que tem vindo a ser substituído, no mundo moderno, por meios mais rápidos como o telefone, o fax, o correio electrónico. Contudo, a sua actualidade mantém-se em determinadas situações tal como as suas características: economia, personalização, substituto do diálogo.
A carta formal é aquela que escrevemos a uma instituição, para uma entidade pública ou privada, e que deverá obedecer a uma estrutura própria,a qual deverá ser respeitada. Deverá constar a identificação do remetente, o assunto, o corpo da carta deverá ser claro, mas com uma escrita cuidada e a despedida incluir a terminologia normalizada (p.ex: Com os melhores cumprimentos; Agradecendo antecipadamente a atenção dispensada a este assunto…)A carta formal é sempre assinada pelo remetente. Uma carta informal é uma carta escrita sem grandes preocupações linguísticas, nem de tratamentos de cerimónia. Normalmente, é uma carta que se  escreve a alguém conhecido, a um familiar ou amigo.
Exemplo Carta FormalCabeçalho Joana Fernandes Av. do Brasil, 567, 4º Esq. 1700-023 LisboaExmo Senhor                            Dr. Pedro Faria Magalhães                            Instituto de Emprego e Formação Profissional                            Av. 24 de Julho, 541, 7º                            1200 – 034 Lisboa
Lisboa, 5 de Maio de 2007Assunto: Envio de documentação / ….Abertura e texto inicialExmo Senhor / Exma Senhora / Exmos Senhores:Junto envio a documentação referente ao…Venho enviar a documentação… / Envio em anexo o meu Curriculum Vitae…
Venho solicitar a V. Exa se digne conceder-me uma audiência…
Solicito a atenção de V. Ex.a para o assunto que passo a expor:
Em resposta ao anúncio publicado no jornal… do passado dia…, venho apresentar a V. Exas a minha candidatura ao lugar de …
Na sequência da conversa telefónica com…, venho comunicar a V. Exa a minha disponibilidade para…
Venho informar V. Exa de que estou inteiramente ao vosso dispor para uma possível colaboração com a vossa empresa.
Como é do conhecimento de V. Exa, encontro-me actualmente a desempenhar as funções de…
Venho solicitar a atenção de V. Exa para os factos que passo a expor.
Vimos chamar a atenção de V.Exa para a seguinte situação..FechoAgradecendo antecipadamente a atenção de V. Exa, apresento os meus melhores cumprimentos,

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

A reportagem - estrutura e características
A reportagem - estrutura e característicasA reportagem - estrutura e características
A reportagem - estrutura e características
Susana Sobrenome
 
Variações Linguísticas
Variações LinguísticasVariações Linguísticas
Variações Linguísticas
7 de Setembro
 
CARTAS - UEM - PAS 2
CARTAS - UEM - PAS 2CARTAS - UEM - PAS 2
CARTAS - UEM - PAS 2
VIVIAN TROMBINI
 
Escrever uma carta
Escrever uma cartaEscrever uma carta
Escrever uma carta
anabelasilvasobral
 
Estrutura da carta
Estrutura da cartaEstrutura da carta
Estrutura da carta
Sónia Fernandes
 
Modelos de requerimentos
Modelos de requerimentosModelos de requerimentos
Modelos de requerimentos
Joas Rodrigues
 
Ficha informativa e de trabalho sobre cartas
Ficha informativa e de trabalho sobre cartasFicha informativa e de trabalho sobre cartas
Ficha informativa e de trabalho sobre cartas
School help
 
Variedades linguisticas
Variedades linguisticasVariedades linguisticas
Variedades linguisticas
Aline Castro
 
Texto Argumentativo
Texto Argumentativo Texto Argumentativo
Texto Argumentativo
Fernanda Monteiro
 
Acentuação gráfica
Acentuação gráficaAcentuação gráfica
Acentuação gráfica
Mara dalto
 
Notícia gênero textual
Notícia gênero textualNotícia gênero textual
Notícia gênero textual
Ana Lúcia Moura Neves
 
A carta
A cartaA carta
A carta
pief2
 
Aula 04 variacao linguistica
Aula 04   variacao linguisticaAula 04   variacao linguistica
Aula 04 variacao linguistica
Marcia Simone
 
6º ano E. F. II - Variação Linguística
6º ano E. F. II - Variação Linguística6º ano E. F. II - Variação Linguística
6º ano E. F. II - Variação Linguística
Angélica Manenti
 
Ponto 6 tipologia textual
Ponto 6   tipologia  textualPonto 6   tipologia  textual
Ponto 6 tipologia textual
Guilherme Antony
 
Variedades linguísticas
Variedades linguísticasVariedades linguísticas
Variedades linguísticas
Ricardo Leandro Flores Ricalde
 
Noticia
NoticiaNoticia
Língua(s), linguagens e comunicação
Língua(s), linguagens e comunicaçãoLíngua(s), linguagens e comunicação
Língua(s), linguagens e comunicação
ArnaldoSobrinho
 
AULA 01 - TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO - ESTRUTURA
AULA 01 - TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO - ESTRUTURAAULA 01 - TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO - ESTRUTURA
AULA 01 - TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO - ESTRUTURA
Marcelo Cordeiro Souza
 
Tipologia textual
Tipologia textualTipologia textual
Tipologia textual
Ana Claudia André
 

Mais procurados (20)

A reportagem - estrutura e características
A reportagem - estrutura e característicasA reportagem - estrutura e características
A reportagem - estrutura e características
 
Variações Linguísticas
Variações LinguísticasVariações Linguísticas
Variações Linguísticas
 
CARTAS - UEM - PAS 2
CARTAS - UEM - PAS 2CARTAS - UEM - PAS 2
CARTAS - UEM - PAS 2
 
Escrever uma carta
Escrever uma cartaEscrever uma carta
Escrever uma carta
 
Estrutura da carta
Estrutura da cartaEstrutura da carta
Estrutura da carta
 
Modelos de requerimentos
Modelos de requerimentosModelos de requerimentos
Modelos de requerimentos
 
Ficha informativa e de trabalho sobre cartas
Ficha informativa e de trabalho sobre cartasFicha informativa e de trabalho sobre cartas
Ficha informativa e de trabalho sobre cartas
 
Variedades linguisticas
Variedades linguisticasVariedades linguisticas
Variedades linguisticas
 
Texto Argumentativo
Texto Argumentativo Texto Argumentativo
Texto Argumentativo
 
Acentuação gráfica
Acentuação gráficaAcentuação gráfica
Acentuação gráfica
 
Notícia gênero textual
Notícia gênero textualNotícia gênero textual
Notícia gênero textual
 
A carta
A cartaA carta
A carta
 
Aula 04 variacao linguistica
Aula 04   variacao linguisticaAula 04   variacao linguistica
Aula 04 variacao linguistica
 
6º ano E. F. II - Variação Linguística
6º ano E. F. II - Variação Linguística6º ano E. F. II - Variação Linguística
6º ano E. F. II - Variação Linguística
 
Ponto 6 tipologia textual
Ponto 6   tipologia  textualPonto 6   tipologia  textual
Ponto 6 tipologia textual
 
Variedades linguísticas
Variedades linguísticasVariedades linguísticas
Variedades linguísticas
 
Noticia
NoticiaNoticia
Noticia
 
Língua(s), linguagens e comunicação
Língua(s), linguagens e comunicaçãoLíngua(s), linguagens e comunicação
Língua(s), linguagens e comunicação
 
AULA 01 - TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO - ESTRUTURA
AULA 01 - TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO - ESTRUTURAAULA 01 - TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO - ESTRUTURA
AULA 01 - TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO - ESTRUTURA
 
Tipologia textual
Tipologia textualTipologia textual
Tipologia textual
 

Semelhante a Carta formal e informal

A carta estrutura
A carta    estruturaA carta    estrutura
A carta estrutura
Maria Inês Reino
 
A carta
A cartaA carta
A carta
annapasilva
 
7075924 carta
7075924 carta7075924 carta
7075924 carta
Rosa1969
 
A carta
A cartaA carta
Carta
CartaCarta
Carta
CartaCarta
Carta
Dulce2015
 
Acartaformaleinformal 100804042251-phpapp01
Acartaformaleinformal 100804042251-phpapp01Acartaformaleinformal 100804042251-phpapp01
Acartaformaleinformal 100804042251-phpapp01
Elisa Dias
 
Carta.ppt
Carta.pptCarta.ppt
Carta.ppt
LeonelRamos27
 
A carta
A cartaA carta
A carta
7aeb23dalousa
 
Aula09 Comunicação oral e escrita
Aula09 Comunicação oral e escritaAula09 Comunicação oral e escrita
Texto epistolar
Texto epistolarTexto epistolar
Texto epistolar
viphilario
 
Comunicação por gêneros textuais
Comunicação por gêneros textuaisComunicação por gêneros textuais
Comunicação por gêneros textuais
Daniel L. P. Soares
 
Carta formal
Carta formalCarta formal
Carta formal
Anabela Guedes
 
Carta
CartaCarta

Semelhante a Carta formal e informal (14)

A carta estrutura
A carta    estruturaA carta    estrutura
A carta estrutura
 
A carta
A cartaA carta
A carta
 
7075924 carta
7075924 carta7075924 carta
7075924 carta
 
A carta
A cartaA carta
A carta
 
Carta
CartaCarta
Carta
 
Carta
CartaCarta
Carta
 
Acartaformaleinformal 100804042251-phpapp01
Acartaformaleinformal 100804042251-phpapp01Acartaformaleinformal 100804042251-phpapp01
Acartaformaleinformal 100804042251-phpapp01
 
Carta.ppt
Carta.pptCarta.ppt
Carta.ppt
 
A carta
A cartaA carta
A carta
 
Aula09 Comunicação oral e escrita
Aula09 Comunicação oral e escritaAula09 Comunicação oral e escrita
Aula09 Comunicação oral e escrita
 
Texto epistolar
Texto epistolarTexto epistolar
Texto epistolar
 
Comunicação por gêneros textuais
Comunicação por gêneros textuaisComunicação por gêneros textuais
Comunicação por gêneros textuais
 
Carta formal
Carta formalCarta formal
Carta formal
 
Carta
CartaCarta
Carta
 

Carta formal e informal

  • 1. Carta Formal e Informal
  • 2. CARTAÉ uma conversa por escrito, dirigida a uma pessoa ausente. Trata-se de um meio de comunicação que tem vindo a ser substituído, no mundo moderno, por meios mais rápidos como o telefone, o fax, o correio electrónico. Contudo, a sua actualidade mantém-se em determinadas situações tal como as suas características: economia, personalização, substituto do diálogo.
  • 3. A carta formal é aquela que escrevemos a uma instituição, para uma entidade pública ou privada, e que deverá obedecer a uma estrutura própria,a qual deverá ser respeitada. Deverá constar a identificação do remetente, o assunto, o corpo da carta deverá ser claro, mas com uma escrita cuidada e a despedida incluir a terminologia normalizada (p.ex: Com os melhores cumprimentos; Agradecendo antecipadamente a atenção dispensada a este assunto…)A carta formal é sempre assinada pelo remetente. Uma carta informal é uma carta escrita sem grandes preocupações linguísticas, nem de tratamentos de cerimónia. Normalmente, é uma carta que se escreve a alguém conhecido, a um familiar ou amigo.
  • 4. Exemplo Carta FormalCabeçalho Joana Fernandes Av. do Brasil, 567, 4º Esq. 1700-023 LisboaExmo Senhor Dr. Pedro Faria Magalhães Instituto de Emprego e Formação Profissional Av. 24 de Julho, 541, 7º 1200 – 034 Lisboa
  • 5. Lisboa, 5 de Maio de 2007Assunto: Envio de documentação / ….Abertura e texto inicialExmo Senhor / Exma Senhora / Exmos Senhores:Junto envio a documentação referente ao…Venho enviar a documentação… / Envio em anexo o meu Curriculum Vitae…
  • 6. Venho solicitar a V. Exa se digne conceder-me uma audiência…
  • 7. Solicito a atenção de V. Ex.a para o assunto que passo a expor:
  • 8. Em resposta ao anúncio publicado no jornal… do passado dia…, venho apresentar a V. Exas a minha candidatura ao lugar de …
  • 9. Na sequência da conversa telefónica com…, venho comunicar a V. Exa a minha disponibilidade para…
  • 10. Venho informar V. Exa de que estou inteiramente ao vosso dispor para uma possível colaboração com a vossa empresa.
  • 11. Como é do conhecimento de V. Exa, encontro-me actualmente a desempenhar as funções de…
  • 12. Venho solicitar a atenção de V. Exa para os factos que passo a expor.
  • 13. Vimos chamar a atenção de V.Exa para a seguinte situação..FechoAgradecendo antecipadamente a atenção de V. Exa, apresento os meus melhores cumprimentos,
  • 14. Com os (meus/nossos) melhores cumprimentos,
  • 15. Atentamente,Clube Estrela da Amadora Reboleira Amadora 2700-125 -AMADORA ASSUNTO: Anulação de inscrição - Sócio nº 150Informo V. Exa. que a partir do próximo mês de Novembro irei deixar de ser vosso associado, pelo que solicito a anulação da inscrição. Mais informo que junto em anexo o meu cartão de sócio devidamente inutilizado.Agradecendo antecipadamente a atenção dispensada a este assunto, subscrevo-me, com os melhores cumprimentos, Sesimbra 14 de Outubro de 2010António Manuel Soares
  • 16. Exemplo Carta InformalCabeçalhoLisboa, 7 de Maio de 2008 AberturaCaro(a) amigo(a): / Caro(a) amigo(a), (menos informal)
  • 17. Caro Jorge: / Caro Jorge, (menos informal)
  • 19. Jorge e Mariana: / Jorge e Mariana,
  • 20. Olá, Jorge! / Olá, Jorge, (familiar)
  • 22. Querido Jorge:  / Querido Jorge, (muito íntimo)
  • 23. Querido(a) amigo(a):  / Querido(a) amigo(a), (muito íntimo).FechoSaudações de amizade, / Saudações cordiais / Com amizade, (relativamente formal)
  • 25. Um grande / forte abraço,
  • 26. Um beijinho,  / Um beijo, / Muitos beijos, / Muitos beijinhos, (familiar)
  • 27. Muitas saudades,A CARTA POR FORASobrescrito, ou Envelope3.1-3.2-3.3- -(B)2.1-2.2-2.3- -(A)
  • 28. ACARTA POR FORASobrescrito ou Envelope3.1-3.2-3.3- -(B)2.1-2.2-2.3- -(A) Depois de escrita, a carta dobra-se de acordo com a dimensão do envelope que se vai transportar. Há que preencher o envelope de acordo com as normas correntes:1º-selo colocado no canto superior direito2ºEndereço -transcrito a partir do centro para a direita, deixando cerca de 1cm de margem:2.1-Exma senhora Dª (se for mulher)2.2-Rua nº2.3-Código + nome da localidade País (se for o caso disso)1º
  • 29. A CARTA POR FORASobrescrito, ou Envelope3.1-3.2-3.3--(B)2.1-2.2-2.3- -(A) Depois de escrita, a carta dobra-se de acordo com a dimensão do envelope que se vai transportar. Há que preencher o envelope de acordo com as normas correntes:3-Remetente no canto superior esquerdo3.1-Nome (de quem escreve)3.2- Endereço3.3-Código + LocalidadePaís (se for caso disso) Se a carta se destina ao estrangeiro Se a carta se destina ao estrangeiro
  • 30. Sesimbra, 14 de Outubro de 2010Olá Paulo! Lembro-me muitas vezes de ti com saudade.Os teus pais como estão?As minhas aulas já começaram e eu conheço quase todos os meus colegas de turma. Esta escola é maior do que a outra (a do ano passado).Tem mais alunos e professores.Ainda não tive aulas de Informática porque ainda não há professor.Como tenho muitas saudades tuasvou convencer os meus pais a visitarem os teus, no próximo fim de semana. Um abraçoAntónio Manuel Soares
  • 31. Informática de SistemasTurma: EFA 1 INFNome: António Manuel Mendonça Murtinheira SoaresAluno Nº 1