SlideShare uma empresa Scribd logo
Prof. Sinara Duarte Aula 1 – Histórico da Informática no Mundo
Abaco ou sorobã  Prof. Sinara Duarte  Considerado o precursor do computador, é utilizado para fazer desde contas simples como complexas. É conhecido muito antes de Cristo (2.000 A.C)
Regua de Calculo 1622 Em 1610/1617, Napiers Bonés, inventa a régua móvel de multiplicar.
Primeira calculadora: somatoria (1642-1644) Caixa registradora
Tear mecânico 1804  Em 1804, Joseph Marie Jacquard, mecânico de teares Lyon - França, inventou um sistema para comando automático das operações repetitivas e sequênciais até então executadas manualmente pelos tecelões.
Enigma – 1ª guerra mundial (alemães) Difference Engine  1820
Eniac - 1946 O  ENIAC  dispunha de 18.800 válvulas de 16 tipos diferentes, 6.000 comutadores, 10.000 condensadores, 1.500 relais, e 50.000 resistencias. Ocupava 3 salas com um total de 72 metros quadrados, era refrigerado por dois ventiladores movidos por motores Chrysler de 12 CV e tinha uma massa de cerca de 30 toneladas. Consta que, em média, tinha uma avaria em cada 6 horas de funcionamento.
Mark I  O  MARK I  tinha cerca de 17 metros de comprimento por 2,5 metros de altura e uma massa de cerca de 5 toneladas. Quando em funcionamento, diz-se que reproduzia o ruido de uma grande sala cheia de de velhinhas todas a tricotar ao mesmo tempo.
IBM 650 - 1954 O computador  IBM 650  foi disponibilizado publicamente, nos USA, pela IBM em Dezembro de 1954.  As dimensões da Unidade Central de Processamento - CPU - eram 1,5 m X 0,9 m X 1,8 m e a sua massa era de 892 Kg. As dimensões da unidade de alimentação eram idênticas, mas a sua massa era de 1.348 Kg. O sistema necessitava de uma potência eléctrica instalada de 22 KVA.
1966 O computador  ibm 360  foi anunciado publicamente pela ibm em 1965 (?) 1966 (?) Construído nos USA era totalmente transistorizado e tinha uma capacidade memória base de 32K bytes. A memória era construída com toros de ferrite (óxido de ferro). É o primeiro computador ibm a utilizar 8 bit para codificação de caracteres e a palavra byte assume então o significado que ainda hoje tem.
Ener 1000 – 1981 (PT) O  Toshiba T3200 SX  1989
Cartão de memoria 1 GB 2007 Computador  PC 2008 O advento da nanotecnologia contribuiu para difusão da informática em todos os contextos
Computador pessoal  Computador A395 c/ Intel® Celeron 450 2.2GHz 2GB 320GB DVD-RW Linux - SIM Positivo + Monitor LCD 17" Widescreen W1752T - LG
2009 XW8600  - A mais avançada tecnologia em componentes no chassi de soquete duplo. Ideal para artistias digitais, projetistas, engenheiros, cientistas e OEM que exigem altos níveis de desempenho e capacidade de expansão. Desempenho fantástico em cálculos (Autodesk roda que é uma beleza). Memória RAM de até 128GB (!), conetando até 4 monitores 3D ou 6 2D.
Mainframe – IBM Sistem Z10 2009 Computador de grande porte, dedicado normalmente ao processamento de um volume grande de informações. Os mainframes são capazes de oferecer serviços de processamento a milhares de usuários através de milhares de terminais conectados diretamente ou através de uma rede. ( O termo mainframe se refere ao gabinete principal que alojava a unidade central de processamento nos primeiros computadores. ).
O novo i-Mac conceitual, criado pelo designer Adam Benton, chama a atenção pela união de desing e funcionalidade. A grande sacada do projeto é a tela de 30″ que fica totalmente transparente quando não está em uso. O teclado, além de ergonômico, também é transparente com as teclas iluminadas.
Fonte: Museu Virtual de Informática  http://piano.dsi.uminho.pt/museuv/ Google Imagens

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Evolução do Computador e da Informática
Evolução do Computador e da InformáticaEvolução do Computador e da Informática
Evolução do Computador e da Informática
ederjaniogomes
 
As gerações de computadores
As gerações de computadoresAs gerações de computadores
As gerações de computadores
Fabio Oliveira
 
A Evolução dos Computadores
A Evolução dos ComputadoresA Evolução dos Computadores
A Evolução dos Computadores
plinioalmeida
 
A evolução dos computadores
A evolução dos computadoresA evolução dos computadores
A evolução dos computadores
aafigueira
 
A evolução da informática
A evolução da informáticaA evolução da informática
A evolução da informática
Marcos Paulo
 
História da Computação
História da ComputaçãoHistória da Computação
História da Computação
Ricardo Pinheiro
 
Evolução do Computadores
Evolução do ComputadoresEvolução do Computadores
Evolução do Computadores
Sandra120593
 
Evolução da informática
Evolução da informáticaEvolução da informática
Evolução da informática
Julian Boldt Pinto
 
Historia da informatica
Historia da informaticaHistoria da informatica
Historia da informatica
Cícero Sanderson Tavares Teles
 
A EVOLUÇÃO DO COMPUTADOR #01
A EVOLUÇÃO DO COMPUTADOR #01A EVOLUÇÃO DO COMPUTADOR #01
A EVOLUÇÃO DO COMPUTADOR #01
Augusto Nogueira
 
Historia informatica
Historia informaticaHistoria informatica
Historia informatica
thatá Vaz
 
História e evolução do computador
História e evolução do computadorHistória e evolução do computador
História e evolução do computador
Francisco Alves
 
Aula 01 A história da informática
Aula 01   A história da informáticaAula 01   A história da informática
Aula 01 A história da informática
Antoni Claudio Santos Silva
 
Evolução da informática
Evolução da informáticaEvolução da informática
Evolução da informática
Aliffer Murillo Laguna
 
Evolução dos Computadores
Evolução dos ComputadoresEvolução dos Computadores
Evolução dos Computadores
stordehistoria
 
A Evolução Da InformáTica
A Evolução Da InformáTicaA Evolução Da InformáTica
A Evolução Da InformáTica
Fuzeta
 
Evolução dos computadores
Evolução dos computadoresEvolução dos computadores
Evolução dos computadores
Silvanery2012
 
A evolucão dos computadores ao longo dos tempos
A evolucão dos computadores ao longo dos temposA evolucão dos computadores ao longo dos tempos
A evolucão dos computadores ao longo dos tempos
Ana Carqueijeiro
 
A EvoluçãO Do Computador De 1990 Até Os Dias De Hoje
A EvoluçãO Do Computador De 1990 Até Os Dias De HojeA EvoluçãO Do Computador De 1990 Até Os Dias De Hoje
A EvoluçãO Do Computador De 1990 Até Os Dias De Hoje
SOL RIBEIRO
 
Geração dos computadores
Geração dos computadoresGeração dos computadores
Geração dos computadores
IEFP-Porto
 

Mais procurados (20)

Evolução do Computador e da Informática
Evolução do Computador e da InformáticaEvolução do Computador e da Informática
Evolução do Computador e da Informática
 
As gerações de computadores
As gerações de computadoresAs gerações de computadores
As gerações de computadores
 
A Evolução dos Computadores
A Evolução dos ComputadoresA Evolução dos Computadores
A Evolução dos Computadores
 
A evolução dos computadores
A evolução dos computadoresA evolução dos computadores
A evolução dos computadores
 
A evolução da informática
A evolução da informáticaA evolução da informática
A evolução da informática
 
História da Computação
História da ComputaçãoHistória da Computação
História da Computação
 
Evolução do Computadores
Evolução do ComputadoresEvolução do Computadores
Evolução do Computadores
 
Evolução da informática
Evolução da informáticaEvolução da informática
Evolução da informática
 
Historia da informatica
Historia da informaticaHistoria da informatica
Historia da informatica
 
A EVOLUÇÃO DO COMPUTADOR #01
A EVOLUÇÃO DO COMPUTADOR #01A EVOLUÇÃO DO COMPUTADOR #01
A EVOLUÇÃO DO COMPUTADOR #01
 
Historia informatica
Historia informaticaHistoria informatica
Historia informatica
 
História e evolução do computador
História e evolução do computadorHistória e evolução do computador
História e evolução do computador
 
Aula 01 A história da informática
Aula 01   A história da informáticaAula 01   A história da informática
Aula 01 A história da informática
 
Evolução da informática
Evolução da informáticaEvolução da informática
Evolução da informática
 
Evolução dos Computadores
Evolução dos ComputadoresEvolução dos Computadores
Evolução dos Computadores
 
A Evolução Da InformáTica
A Evolução Da InformáTicaA Evolução Da InformáTica
A Evolução Da InformáTica
 
Evolução dos computadores
Evolução dos computadoresEvolução dos computadores
Evolução dos computadores
 
A evolucão dos computadores ao longo dos tempos
A evolucão dos computadores ao longo dos temposA evolucão dos computadores ao longo dos tempos
A evolucão dos computadores ao longo dos tempos
 
A EvoluçãO Do Computador De 1990 Até Os Dias De Hoje
A EvoluçãO Do Computador De 1990 Até Os Dias De HojeA EvoluçãO Do Computador De 1990 Até Os Dias De Hoje
A EvoluçãO Do Computador De 1990 Até Os Dias De Hoje
 
Geração dos computadores
Geração dos computadoresGeração dos computadores
Geração dos computadores
 

Destaque

Historia da Informática
 Historia da Informática Historia da Informática
Historia da Informática
Fran Plautz
 
Informática - Evolução
Informática - EvoluçãoInformática - Evolução
Informática - Evolução
glocked
 
O computador - Semi Final
O computador - Semi FinalO computador - Semi Final
O computador - Semi Final
leolacerdac
 
Informática básica
Informática básicaInformática básica
Informática básica
Raimundo Lopes
 
Autocad ws módulo 1
Autocad ws   módulo 1Autocad ws   módulo 1
Autocad ws módulo 1
d2bbrasil
 
Introdução a informática ifb - 25-05-2013 - aula 1
Introdução a informática    ifb - 25-05-2013 - aula 1Introdução a informática    ifb - 25-05-2013 - aula 1
Introdução a informática ifb - 25-05-2013 - aula 1
ACNet Publicações Eletronicas
 
Autocad
Autocad  Autocad
História do computador e s.o..pps
História do computador e s.o..ppsHistória do computador e s.o..pps
História do computador e s.o..pps
kflaguna2
 
Computação grafica
Computação graficaComputação grafica
Computação grafica
Lucas Castro
 
Aula 2 informática aplicada
Aula 2   informática aplicadaAula 2   informática aplicada
Aula 2 informática aplicada
Filippo Savoi de Assis
 
Aula 01 informática aplicada - história e evolução
Aula 01  informática aplicada - história e evoluçãoAula 01  informática aplicada - história e evolução
Aula 01 informática aplicada - história e evolução
Robson Ferreira
 
Aula 01
Aula 01Aula 01
Progresso ciêntifico no séc. xix
Progresso ciêntifico no séc. xixProgresso ciêntifico no séc. xix
Progresso ciêntifico no séc. xix
Tina Lima
 
A reconstrucao posguerra
A reconstrucao posguerraA reconstrucao posguerra
A reconstrucao posguerra
Patrícia Alves
 
Evolução dos Meios Comunicação Global
Evolução dos Meios Comunicação GlobalEvolução dos Meios Comunicação Global
Evolução dos Meios Comunicação Global
As Vozes
 
Informatica aplicada à administração - aula2
Informatica aplicada à administração - aula2Informatica aplicada à administração - aula2
Informatica aplicada à administração - aula2
José Alberto
 
História do linux ppt
História do linux pptHistória do linux ppt
História do linux ppt
shade09
 
Introducao à Informatica Aplicada
Introducao à Informatica AplicadaIntroducao à Informatica Aplicada
Introducao à Informatica Aplicada
Clausia Antoneli
 
O mundo pós guerra
O mundo pós guerraO mundo pós guerra
O mundo pós guerra
Carla Teixeira
 
O mundo após a II guerra mundial
O mundo após a II guerra mundialO mundo após a II guerra mundial
O mundo após a II guerra mundial
fabiofatudatrabalhos
 

Destaque (20)

Historia da Informática
 Historia da Informática Historia da Informática
Historia da Informática
 
Informática - Evolução
Informática - EvoluçãoInformática - Evolução
Informática - Evolução
 
O computador - Semi Final
O computador - Semi FinalO computador - Semi Final
O computador - Semi Final
 
Informática básica
Informática básicaInformática básica
Informática básica
 
Autocad ws módulo 1
Autocad ws   módulo 1Autocad ws   módulo 1
Autocad ws módulo 1
 
Introdução a informática ifb - 25-05-2013 - aula 1
Introdução a informática    ifb - 25-05-2013 - aula 1Introdução a informática    ifb - 25-05-2013 - aula 1
Introdução a informática ifb - 25-05-2013 - aula 1
 
Autocad
Autocad  Autocad
Autocad
 
História do computador e s.o..pps
História do computador e s.o..ppsHistória do computador e s.o..pps
História do computador e s.o..pps
 
Computação grafica
Computação graficaComputação grafica
Computação grafica
 
Aula 2 informática aplicada
Aula 2   informática aplicadaAula 2   informática aplicada
Aula 2 informática aplicada
 
Aula 01 informática aplicada - história e evolução
Aula 01  informática aplicada - história e evoluçãoAula 01  informática aplicada - história e evolução
Aula 01 informática aplicada - história e evolução
 
Aula 01
Aula 01Aula 01
Aula 01
 
Progresso ciêntifico no séc. xix
Progresso ciêntifico no séc. xixProgresso ciêntifico no séc. xix
Progresso ciêntifico no séc. xix
 
A reconstrucao posguerra
A reconstrucao posguerraA reconstrucao posguerra
A reconstrucao posguerra
 
Evolução dos Meios Comunicação Global
Evolução dos Meios Comunicação GlobalEvolução dos Meios Comunicação Global
Evolução dos Meios Comunicação Global
 
Informatica aplicada à administração - aula2
Informatica aplicada à administração - aula2Informatica aplicada à administração - aula2
Informatica aplicada à administração - aula2
 
História do linux ppt
História do linux pptHistória do linux ppt
História do linux ppt
 
Introducao à Informatica Aplicada
Introducao à Informatica AplicadaIntroducao à Informatica Aplicada
Introducao à Informatica Aplicada
 
O mundo pós guerra
O mundo pós guerraO mundo pós guerra
O mundo pós guerra
 
O mundo após a II guerra mundial
O mundo após a II guerra mundialO mundo após a II guerra mundial
O mundo após a II guerra mundial
 

Semelhante a Aula 1 Historico da informática

História e evolução dos computadores
História e evolução dos computadores História e evolução dos computadores
História e evolução dos computadores
Alberto Felipe Friderichs Barros
 
Aula 4 - História e evolução dos Computadores
Aula 4 - História e evolução dos ComputadoresAula 4 - História e evolução dos Computadores
Aula 4 - História e evolução dos Computadores
Vitor Hugo Melo Araújo
 
Da VáLvula Até 1990
Da VáLvula Até 1990Da VáLvula Até 1990
Da VáLvula Até 1990
SOL RIBEIRO
 
Evolucao (2)
Evolucao (2)Evolucao (2)
Evolucao (2)
Américo Paiva
 
Evolucao stc
Evolucao stcEvolucao stc
Evolucao stc
Maria José Pereira
 
Evolucao stc
Evolucao stcEvolucao stc
Evolucao stc
Maria José Pereira
 
Evolucao
EvolucaoEvolucao
Evolucao
Maria Antónia
 
Evolucao stc
Evolucao stcEvolucao stc
Evolucao stc
Maria José Pereira
 
Evolução do Computador
Evolução do ComputadorEvolução do Computador
Evolução do Computador
Rui Filipe
 
A evolução dos computadores
A evolução dos computadoresA evolução dos computadores
A evolução dos computadores
Marcos Melo
 
STC-TIC-DR2Evolucao Do Pc- Marco
STC-TIC-DR2Evolucao Do Pc- MarcoSTC-TIC-DR2Evolucao Do Pc- Marco
STC-TIC-DR2Evolucao Do Pc- Marco
mega
 
História e Evolução dos Computadores
História e Evolução dos ComputadoresHistória e Evolução dos Computadores
História e Evolução dos Computadores
Ana Sêco
 
INF - 03 -Era_da_Computacao.ppt.pdf
INF - 03 -Era_da_Computacao.ppt.pdfINF - 03 -Era_da_Computacao.ppt.pdf
INF - 03 -Era_da_Computacao.ppt.pdf
GustavoMacieldeSouza1
 
Historialdos computadores
Historialdos computadoresHistorialdos computadores
Historialdos computadores
Fabrica de Cimento do Cuanza Sul
 
Aula 02 história dos computadores
Aula  02   história dos computadoresAula  02   história dos computadores
Aula 02 história dos computadores
Daniel Moura
 
Evolução dos computadores
Evolução dos computadoresEvolução dos computadores
Evolução dos computadores
Joao Anderson Nascimento Barnabé
 
Evolucao Do Hardware Fotos
Evolucao Do Hardware FotosEvolucao Do Hardware Fotos
Evolucao Do Hardware Fotos
Unipinhal
 
Fundamentos da Computação Aulas 2 e 3
Fundamentos da Computação Aulas 2 e 3Fundamentos da Computação Aulas 2 e 3
Fundamentos da Computação Aulas 2 e 3
Rafael Moraes
 
Os 12 top super computadores
Os 12 top super computadoresOs 12 top super computadores
Os 12 top super computadores
Pedro Domacena
 
Aula 03 : software
Aula 03 : softwareAula 03 : software
Aula 03 : software
Rubens Vinicius Conte
 

Semelhante a Aula 1 Historico da informática (20)

História e evolução dos computadores
História e evolução dos computadores História e evolução dos computadores
História e evolução dos computadores
 
Aula 4 - História e evolução dos Computadores
Aula 4 - História e evolução dos ComputadoresAula 4 - História e evolução dos Computadores
Aula 4 - História e evolução dos Computadores
 
Da VáLvula Até 1990
Da VáLvula Até 1990Da VáLvula Até 1990
Da VáLvula Até 1990
 
Evolucao (2)
Evolucao (2)Evolucao (2)
Evolucao (2)
 
Evolucao stc
Evolucao stcEvolucao stc
Evolucao stc
 
Evolucao stc
Evolucao stcEvolucao stc
Evolucao stc
 
Evolucao
EvolucaoEvolucao
Evolucao
 
Evolucao stc
Evolucao stcEvolucao stc
Evolucao stc
 
Evolução do Computador
Evolução do ComputadorEvolução do Computador
Evolução do Computador
 
A evolução dos computadores
A evolução dos computadoresA evolução dos computadores
A evolução dos computadores
 
STC-TIC-DR2Evolucao Do Pc- Marco
STC-TIC-DR2Evolucao Do Pc- MarcoSTC-TIC-DR2Evolucao Do Pc- Marco
STC-TIC-DR2Evolucao Do Pc- Marco
 
História e Evolução dos Computadores
História e Evolução dos ComputadoresHistória e Evolução dos Computadores
História e Evolução dos Computadores
 
INF - 03 -Era_da_Computacao.ppt.pdf
INF - 03 -Era_da_Computacao.ppt.pdfINF - 03 -Era_da_Computacao.ppt.pdf
INF - 03 -Era_da_Computacao.ppt.pdf
 
Historialdos computadores
Historialdos computadoresHistorialdos computadores
Historialdos computadores
 
Aula 02 história dos computadores
Aula  02   história dos computadoresAula  02   história dos computadores
Aula 02 história dos computadores
 
Evolução dos computadores
Evolução dos computadoresEvolução dos computadores
Evolução dos computadores
 
Evolucao Do Hardware Fotos
Evolucao Do Hardware FotosEvolucao Do Hardware Fotos
Evolucao Do Hardware Fotos
 
Fundamentos da Computação Aulas 2 e 3
Fundamentos da Computação Aulas 2 e 3Fundamentos da Computação Aulas 2 e 3
Fundamentos da Computação Aulas 2 e 3
 
Os 12 top super computadores
Os 12 top super computadoresOs 12 top super computadores
Os 12 top super computadores
 
Aula 03 : software
Aula 03 : softwareAula 03 : software
Aula 03 : software
 

Mais de Sinara Duarte

SLIDES defesa de tcc memorial uece pedagogia
SLIDES  defesa de tcc memorial uece pedagogiaSLIDES  defesa de tcc memorial uece pedagogia
SLIDES defesa de tcc memorial uece pedagogia
Sinara Duarte
 
Metodologia do Trabalho Científico slides unidade 1.pptx
Metodologia do Trabalho Científico slides unidade 1.pptxMetodologia do Trabalho Científico slides unidade 1.pptx
Metodologia do Trabalho Científico slides unidade 1.pptx
Sinara Duarte
 
aula introdução a EaD uece.pptx
aula introdução a EaD uece.pptxaula introdução a EaD uece.pptx
aula introdução a EaD uece.pptx
Sinara Duarte
 
pei.pdf
pei.pdfpei.pdf
pei.pdf
Sinara Duarte
 
Psicologia do desenvolvimento: infância
Psicologia do desenvolvimento: infânciaPsicologia do desenvolvimento: infância
Psicologia do desenvolvimento: infância
Sinara Duarte
 
Anamnese Psicopedagogica
Anamnese Psicopedagogica Anamnese Psicopedagogica
Anamnese Psicopedagogica
Sinara Duarte
 
Diagnostico psicopedagogico
Diagnostico psicopedagogicoDiagnostico psicopedagogico
Diagnostico psicopedagogico
Sinara Duarte
 
Plano De Formação De Professores Do Mec
Plano De Formação De Professores Do MecPlano De Formação De Professores Do Mec
Plano De Formação De Professores Do Mec
Sinara Duarte
 
Quadrinhos Livres
Quadrinhos LivresQuadrinhos Livres
Quadrinhos Livres
Sinara Duarte
 
Experiência de escrita colaborativa e autoria discente na web
Experiência de escrita colaborativa  e autoria discente na webExperiência de escrita colaborativa  e autoria discente na web
Experiência de escrita colaborativa e autoria discente na web
Sinara Duarte
 
Informática Educativa e Aplicações do software livre na educação
Informática Educativa e Aplicações do software livre na educaçãoInformática Educativa e Aplicações do software livre na educação
Informática Educativa e Aplicações do software livre na educação
Sinara Duarte
 
Tutorial Smie 2008
Tutorial Smie 2008Tutorial Smie 2008
Tutorial Smie 2008
Sinara Duarte
 
Apresentacao Cesol Sinara 2008
Apresentacao Cesol Sinara 2008Apresentacao Cesol Sinara 2008
Apresentacao Cesol Sinara 2008
Sinara Duarte
 
Tutorial do Sbie 2008 - JEMS
Tutorial do Sbie 2008 - JEMSTutorial do Sbie 2008 - JEMS
Tutorial do Sbie 2008 - JEMS
Sinara Duarte
 
Projeto Dengue: O LIE em ação
Projeto Dengue: O LIE em açãoProjeto Dengue: O LIE em ação
Projeto Dengue: O LIE em ação
Sinara Duarte
 

Mais de Sinara Duarte (15)

SLIDES defesa de tcc memorial uece pedagogia
SLIDES  defesa de tcc memorial uece pedagogiaSLIDES  defesa de tcc memorial uece pedagogia
SLIDES defesa de tcc memorial uece pedagogia
 
Metodologia do Trabalho Científico slides unidade 1.pptx
Metodologia do Trabalho Científico slides unidade 1.pptxMetodologia do Trabalho Científico slides unidade 1.pptx
Metodologia do Trabalho Científico slides unidade 1.pptx
 
aula introdução a EaD uece.pptx
aula introdução a EaD uece.pptxaula introdução a EaD uece.pptx
aula introdução a EaD uece.pptx
 
pei.pdf
pei.pdfpei.pdf
pei.pdf
 
Psicologia do desenvolvimento: infância
Psicologia do desenvolvimento: infânciaPsicologia do desenvolvimento: infância
Psicologia do desenvolvimento: infância
 
Anamnese Psicopedagogica
Anamnese Psicopedagogica Anamnese Psicopedagogica
Anamnese Psicopedagogica
 
Diagnostico psicopedagogico
Diagnostico psicopedagogicoDiagnostico psicopedagogico
Diagnostico psicopedagogico
 
Plano De Formação De Professores Do Mec
Plano De Formação De Professores Do MecPlano De Formação De Professores Do Mec
Plano De Formação De Professores Do Mec
 
Quadrinhos Livres
Quadrinhos LivresQuadrinhos Livres
Quadrinhos Livres
 
Experiência de escrita colaborativa e autoria discente na web
Experiência de escrita colaborativa  e autoria discente na webExperiência de escrita colaborativa  e autoria discente na web
Experiência de escrita colaborativa e autoria discente na web
 
Informática Educativa e Aplicações do software livre na educação
Informática Educativa e Aplicações do software livre na educaçãoInformática Educativa e Aplicações do software livre na educação
Informática Educativa e Aplicações do software livre na educação
 
Tutorial Smie 2008
Tutorial Smie 2008Tutorial Smie 2008
Tutorial Smie 2008
 
Apresentacao Cesol Sinara 2008
Apresentacao Cesol Sinara 2008Apresentacao Cesol Sinara 2008
Apresentacao Cesol Sinara 2008
 
Tutorial do Sbie 2008 - JEMS
Tutorial do Sbie 2008 - JEMSTutorial do Sbie 2008 - JEMS
Tutorial do Sbie 2008 - JEMS
 
Projeto Dengue: O LIE em ação
Projeto Dengue: O LIE em açãoProjeto Dengue: O LIE em ação
Projeto Dengue: O LIE em ação
 

Último

Plano Analitico de Psicopedagogia -11 Classe- II Trimestre - 2024_014203.docx
Plano Analitico de Psicopedagogia -11 Classe- II Trimestre - 2024_014203.docxPlano Analitico de Psicopedagogia -11 Classe- II Trimestre - 2024_014203.docx
Plano Analitico de Psicopedagogia -11 Classe- II Trimestre - 2024_014203.docx
IsaiasJohaneSimango
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Mary Alvarenga
 
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdfPainel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
marcos oliveira
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
shirleisousa9166
 
Acróstico - Bullying é crime!
Acróstico - Bullying é crime!Acróstico - Bullying é crime!
Acróstico - Bullying é crime!
Mary Alvarenga
 
Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.
Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.
Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.
mozalgebrista
 
A EDUCAÇÃO COM A INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL E AS DEFICIÊNCIAS DE SUA APLICAÇÃO N...
A EDUCAÇÃO COM A INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL E AS DEFICIÊNCIAS DE SUA APLICAÇÃO N...A EDUCAÇÃO COM A INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL E AS DEFICIÊNCIAS DE SUA APLICAÇÃO N...
A EDUCAÇÃO COM A INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL E AS DEFICIÊNCIAS DE SUA APLICAÇÃO N...
Faga1939
 
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptxSlides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Mary Alvarenga
 
Manejo de plantas daninhas
Manejo de plantas daninhasManejo de plantas daninhas
Manejo de plantas daninhas
Geagra UFG
 
Redação e Leitura - Entenda o texto expositivo na redação
Redação e Leitura - Entenda o texto expositivo na redaçãoRedação e Leitura - Entenda o texto expositivo na redação
Redação e Leitura - Entenda o texto expositivo na redação
GrazielaTorrezan
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Leonel Morgado
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
felipescherner
 
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Texto e atividade - Fontes alternativas de energia
Texto e atividade -  Fontes alternativas de energiaTexto e atividade -  Fontes alternativas de energia
Texto e atividade - Fontes alternativas de energia
Mary Alvarenga
 
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
DirceuSilva26
 
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Mary Alvarenga
 

Último (20)

Plano Analitico de Psicopedagogia -11 Classe- II Trimestre - 2024_014203.docx
Plano Analitico de Psicopedagogia -11 Classe- II Trimestre - 2024_014203.docxPlano Analitico de Psicopedagogia -11 Classe- II Trimestre - 2024_014203.docx
Plano Analitico de Psicopedagogia -11 Classe- II Trimestre - 2024_014203.docx
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
 
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdfPainel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
 
Acróstico - Bullying é crime!
Acróstico - Bullying é crime!Acróstico - Bullying é crime!
Acróstico - Bullying é crime!
 
Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.
Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.
Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.
 
A EDUCAÇÃO COM A INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL E AS DEFICIÊNCIAS DE SUA APLICAÇÃO N...
A EDUCAÇÃO COM A INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL E AS DEFICIÊNCIAS DE SUA APLICAÇÃO N...A EDUCAÇÃO COM A INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL E AS DEFICIÊNCIAS DE SUA APLICAÇÃO N...
A EDUCAÇÃO COM A INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL E AS DEFICIÊNCIAS DE SUA APLICAÇÃO N...
 
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptxSlides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
 
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
 
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
 
Manejo de plantas daninhas
Manejo de plantas daninhasManejo de plantas daninhas
Manejo de plantas daninhas
 
Redação e Leitura - Entenda o texto expositivo na redação
Redação e Leitura - Entenda o texto expositivo na redaçãoRedação e Leitura - Entenda o texto expositivo na redação
Redação e Leitura - Entenda o texto expositivo na redação
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
 
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
 
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
 
Texto e atividade - Fontes alternativas de energia
Texto e atividade -  Fontes alternativas de energiaTexto e atividade -  Fontes alternativas de energia
Texto e atividade - Fontes alternativas de energia
 
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
 
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
 

Aula 1 Historico da informática

  • 1. Prof. Sinara Duarte Aula 1 – Histórico da Informática no Mundo
  • 2. Abaco ou sorobã Prof. Sinara Duarte Considerado o precursor do computador, é utilizado para fazer desde contas simples como complexas. É conhecido muito antes de Cristo (2.000 A.C)
  • 3. Regua de Calculo 1622 Em 1610/1617, Napiers Bonés, inventa a régua móvel de multiplicar.
  • 4. Primeira calculadora: somatoria (1642-1644) Caixa registradora
  • 5. Tear mecânico 1804 Em 1804, Joseph Marie Jacquard, mecânico de teares Lyon - França, inventou um sistema para comando automático das operações repetitivas e sequênciais até então executadas manualmente pelos tecelões.
  • 6. Enigma – 1ª guerra mundial (alemães) Difference Engine 1820
  • 7. Eniac - 1946 O ENIAC dispunha de 18.800 válvulas de 16 tipos diferentes, 6.000 comutadores, 10.000 condensadores, 1.500 relais, e 50.000 resistencias. Ocupava 3 salas com um total de 72 metros quadrados, era refrigerado por dois ventiladores movidos por motores Chrysler de 12 CV e tinha uma massa de cerca de 30 toneladas. Consta que, em média, tinha uma avaria em cada 6 horas de funcionamento.
  • 8. Mark I O MARK I tinha cerca de 17 metros de comprimento por 2,5 metros de altura e uma massa de cerca de 5 toneladas. Quando em funcionamento, diz-se que reproduzia o ruido de uma grande sala cheia de de velhinhas todas a tricotar ao mesmo tempo.
  • 9. IBM 650 - 1954 O computador IBM 650 foi disponibilizado publicamente, nos USA, pela IBM em Dezembro de 1954. As dimensões da Unidade Central de Processamento - CPU - eram 1,5 m X 0,9 m X 1,8 m e a sua massa era de 892 Kg. As dimensões da unidade de alimentação eram idênticas, mas a sua massa era de 1.348 Kg. O sistema necessitava de uma potência eléctrica instalada de 22 KVA.
  • 10. 1966 O computador ibm 360 foi anunciado publicamente pela ibm em 1965 (?) 1966 (?) Construído nos USA era totalmente transistorizado e tinha uma capacidade memória base de 32K bytes. A memória era construída com toros de ferrite (óxido de ferro). É o primeiro computador ibm a utilizar 8 bit para codificação de caracteres e a palavra byte assume então o significado que ainda hoje tem.
  • 11. Ener 1000 – 1981 (PT) O Toshiba T3200 SX 1989
  • 12. Cartão de memoria 1 GB 2007 Computador PC 2008 O advento da nanotecnologia contribuiu para difusão da informática em todos os contextos
  • 13. Computador pessoal Computador A395 c/ Intel® Celeron 450 2.2GHz 2GB 320GB DVD-RW Linux - SIM Positivo + Monitor LCD 17" Widescreen W1752T - LG
  • 14. 2009 XW8600 - A mais avançada tecnologia em componentes no chassi de soquete duplo. Ideal para artistias digitais, projetistas, engenheiros, cientistas e OEM que exigem altos níveis de desempenho e capacidade de expansão. Desempenho fantástico em cálculos (Autodesk roda que é uma beleza). Memória RAM de até 128GB (!), conetando até 4 monitores 3D ou 6 2D.
  • 15. Mainframe – IBM Sistem Z10 2009 Computador de grande porte, dedicado normalmente ao processamento de um volume grande de informações. Os mainframes são capazes de oferecer serviços de processamento a milhares de usuários através de milhares de terminais conectados diretamente ou através de uma rede. ( O termo mainframe se refere ao gabinete principal que alojava a unidade central de processamento nos primeiros computadores. ).
  • 16. O novo i-Mac conceitual, criado pelo designer Adam Benton, chama a atenção pela união de desing e funcionalidade. A grande sacada do projeto é a tela de 30″ que fica totalmente transparente quando não está em uso. O teclado, além de ergonômico, também é transparente com as teclas iluminadas.
  • 17. Fonte: Museu Virtual de Informática http://piano.dsi.uminho.pt/museuv/ Google Imagens