I Fórum Comunitário
Gravatá – PE
2014
Conceituando território
• A concepção mais comum de território (na ciência geográfica) é a
de uma divisão administrativa. ...
A 7. Município desenvolvendo ações e de Educação para a convivência com o
semiárido nas Escolas.
A 13. Município implement...
GRUPO 5
REDUZIR AS DESIGUALDADES
RELACIONADAS AO TERRITÓRIO
OBJETIVO 5
ADOLESCENTES ACESSANDO POLÍTICAS
PÚBLICAS MULTISSET...
GRUPO 5
REDUZIR AS DESIGUALDADES
RELACIONADAS AO TERRITÓRIO
OBJETIVO 5
ADOLESCENTES ACESSANDO POLÍTICAS
PÚBLICAS MULTISSET...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

I Fórum pela permanência do Selo UNICEF

140 visualizações

Publicada em

Apresentação de propostas em assembléia tendo em vista a permanência do selo UNICEF no município de Gravatá, PE, Brasil.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
140
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

I Fórum pela permanência do Selo UNICEF

  1. 1. I Fórum Comunitário Gravatá – PE 2014
  2. 2. Conceituando território • A concepção mais comum de território (na ciência geográfica) é a de uma divisão administrativa. Através de relações de poder, são criadas fronteiras entre países, regiões, estados, municípios, bairros e até mesmo áreas de influência de um determinado grupo. Para Friedrich Ratzel, o território representa uma porção do espaço terrestre identificada pela posse, sendo uma área de domínio de uma comunidade ou Estado. • Nesse sentido, o conceito de território abrange mais que o Estado- Nação. Qualquer espaço definido e delimitado por e a partir de relações de poder se caracteriza como território. Uma abordagem geopolítica, por exemplo, permite afirmar que um consulado ou uma embaixada em diferentes países, seja considerado como parte de um território de outra nação. www.brasilescola.com
  3. 3. A 7. Município desenvolvendo ações e de Educação para a convivência com o semiárido nas Escolas. A 13. Município implementando programa socioeducativo de atendimento a adolescentes em conflito com a Lei em meio aberto. A 15. Município com comitê – conselho de combate as drogas instalado e funcionando adequadamente. A 18. Município implementando ações de proteção as crianças e adolescentes antes, durante e após desastres. Ações Estratégicas
  4. 4. GRUPO 5 REDUZIR AS DESIGUALDADES RELACIONADAS AO TERRITÓRIO OBJETIVO 5 ADOLESCENTES ACESSANDO POLÍTICAS PÚBLICAS MULTISSETORIAIS E SENDO RECONHECIDOS PELA SOCIEDADE POR SUA CAPACIDADE DE CONTRIBUIR PARA TRANSFORMAR A SUA REALIDADE. AÇÕES ESTRATERGICAS DE POLÍTICAS PÚBLICAS E PARTICIPAÇÃO SOCIAL PROPOSTA DE TRABALHO 1 TODA CRIANÇA CONHECENDO, VALORIZANDO E CONTRIBUINDO PARA O DESENVOLVIMENTO DO LUGAR ONDE VIVE, PROTEGIDA CONTRA DESASTRES NATURAIS. Desenvolvimento de projetos interdisciplinares e conteúdos curriculares que promovam a participação dos educandos no processo de ensino e aprendizagem em escolas públicas e privadas. Bem como, a criação de ambientes de debates em especial do Conselho Municipal das Cidades, envolvendo crianças, adolescentes e representantes do Sistema de Garantia de Direitos.
  5. 5. GRUPO 5 REDUZIR AS DESIGUALDADES RELACIONADAS AO TERRITÓRIO OBJETIVO 5 ADOLESCENTES ACESSANDO POLÍTICAS PÚBLICAS MULTISSETORIAIS E SENDO RECONHECIDOS PELA SOCIEDADE POR SUA CAPACIDADE DE CONTRIBUIR PARA TRANSFORMAR A SUA REALIDADE. AÇÕES ESTRATERGICAS DE POLÍTICAS PÚBLICAS E PARTICIPAÇÃO SOCIAL PROPOSTA DE TRABALHO 2 NENHUM ADOLESCENTE COMETA ATOS DE INFRAÇÃO OU FAÇA USO DE DROGAS. Elaboração do plano municipal de políticas públicas de superação às drogas e prevenções de atos infracionais, com vistas a atender ao público infantil e adolescente, com responsabilidade de supervisão.

×