SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 12
Baixar para ler offline
Contatos: e-mail: paulo.206@hotmail.com - celular (11) 99502-5268 (vivo); (11) 95797-5111 (tim)
1
Aula - Inversão de Acordes Teclado
Acordes mais bonitos e simples
1 – OBJETIVO 02
2 – NOTAS MUSICAIS 02
3 – INTERVALOS 02
4 – ACIDENTES 02
5 – FORMAÇÃO DOS ACORDES 03
6 – ESTUDO DAS ESCALAS 04
7 – ACORDE PRINCIPAIS 05
8 – INVERSÃO DE ACORDES 08
9 – RESUMO 12
Contatos: e-mail: paulo.206@hotmail.com - celular (11) 99502-5268 (vivo); (11) 95797-5111 (tim)
2
Aula - Inversão de Acordes Teclado
Acordes mais bonitos e simples
1 - OBJETIVO
Esta apostila tem como objetivo nos auxiliar para que consigamos montar
acordes invertidos de forma fácil para que possamos obter melhores sons no
teclado. Isso exige também, bastante treinamento, estudo e dedicação para
nos aperfeiçoar e educar os ouvidos, pois apesar de ser uma técnica fácil, o
estudo é essencial.
2 – NOTAS MUSICAIS
Todo instrumento possui uma forma de montar acordes através da combinação
de várias notas. Todas as notas e acordes (combinação de várias notas) surgem
das notas fundamentais abaixo relacionadas:
3 – INTERVALOS
É a distância entre dois sons diferentes de diferentes tensões. Estas distâncias
são medidas através de tons e semitons. A cada dois semitons, temos um tom.
4 – ACIDENTES
Bemol (b): Diminui a nota em meio tom, da direita para a esquerda, conforme
exemplo na figura abaixo.
Contatos: e-mail: paulo.206@hotmail.com - celular (11) 99502-5268 (vivo); (11) 95797-5111 (tim)
3
Aula - Inversão de Acordes Teclado
Acordes mais bonitos e simples
Sustenido (#): O contrário do bemol aumenta a nota em meio tom, da esquerda
para a direita. Pode-se usar o mesmo exemplo da figura acima, só que saindo
do Sol b, para o sol, subindo.
5 – FORMAÇÃO DOS ACORDES
Um acorde surge da combinação de notas de uma determinada escala. Pode ser
em:
Tríades: Combinação de 3 notas;
Tétrades: Combinação de 4 notas;
Tétrades acrescentadas: Combinação de 5 ou mais notas.
Os acordes são formados basicamente por 3 notas fundamentais. A 1ª, 3ª e 5ª
nota para os acordes maiores e a 1ª, 3ªb e 5ª para os acordes menores.
Sabendo que a escala cromática (escala completa) é:
C – C# - D – D# - E – F – F# - G – G# - A – A# - B – C
Poderemos formar os acordes maiores ou menores, de acordo com a regra
explicada acima.
Ex: C (Dó maior):
Contatos: e-mail: paulo.206@hotmail.com - celular (11) 99502-5268 (vivo); (11) 95797-5111 (tim)
4
Aula - Inversão de Acordes Teclado
Acordes mais bonitos e simples
Isso quer dizer, que para formarmos o acorde C (dó maior), temos que
pressionar no teclado as notas C (Tônica), o E (3ª) e o G (5ª), conforme abaixo:
O mesmo se aplica ao Cm (só que com a 3ª nota bemol)
Ex Cm (Dó menor):
Isso quer dizer, que para formarmos o acorde Cm (dó menor), temos que
pressionar no teclado, guitarra ou violão, as notas C (Tônica), o Eb (mesmo que
D#), que é a (3ªb) e o G (5ª), conforme abaixo:
6 – ESTUDO DAS ESCALAS
Esta parte está na outra apostila, baixe nos sites ou me peça por e-mail. Esta etapa
também é muito importante para se estudar, pois as escalas do campo harmônico
são de grande necessidade para um bom aprendizado musical. Está disponível
em: http://pt.slideshare.net/paulo_206/conceitos-para-tirar-e-tocar-msicas-de-
ouvido, http://pt.scribd.com/doc/154624604/Conceitos-para-tirar-musicas-de-ouvido
ou http://www.4shared.com/office/sblgN1AB/Conceitos_para_tirar_msicas_de.html
Contatos: e-mail: paulo.206@hotmail.com - celular (11) 99502-5268 (vivo); (11) 95797-5111 (tim)
5
Aula - Inversão de Acordes Teclado
Acordes mais bonitos e simples
7 – ACORDE PRINCIPAIS
Estes acordes são os principais mais usados, porém, existem outros que não
coloquei aqui que podem ser pesquisados na internet. A partir deles criaremos os
acordes invertidos no próximo item.
Contatos: e-mail: paulo.206@hotmail.com - celular (11) 99502-5268 (vivo); (11) 95797-5111 (tim)
6
Aula - Inversão de Acordes Teclado
Acordes mais bonitos e simples
Contatos: e-mail: paulo.206@hotmail.com - celular (11) 99502-5268 (vivo); (11) 95797-5111 (tim)
7
Aula - Inversão de Acordes Teclado
Acordes mais bonitos e simples
Contatos: e-mail: paulo.206@hotmail.com - celular (11) 99502-5268 (vivo); (11) 95797-5111 (tim)
8
Aula - Inversão de Acordes Teclado
Acordes mais bonitos e simples
8 – INVERSÃO DE ACORDES
A inversão de acordes permite melhores sons nos acordes formados, além de
permitir facilidade para execução de algumas músicas. Ele não é um bicho de sete
cabeças. Nada mais é do que inverter a ordem da formação das notas.
Por exemplo, vimos que para formar um acorde, usamos a tônica (1ª), a 3ª e a 5ª
nota.
Com o C, fica C – E – G.
As inversões ficariam:
Acorde normal: C – E – G;
1ª inversão: E – G – C;
2ª inversão: G – C – E;
Bom, primeiramente, precisamos usar a mão esquerda para fazer a base (acorde
aberto). Com a mão direita fazemos o acorde invertido ou solos, ou mistura dos
dois. Vejamos um exemplo da nota C como ficaria a nota com a base com a mão
esquerda e a 1ª inversão com a mão direita:
Contatos: e-mail: paulo.206@hotmail.com - celular (11) 99502-5268 (vivo); (11) 95797-5111 (tim)
9
Aula - Inversão de Acordes Teclado
Acordes mais bonitos e simples
Perceba que a mão direita teria que fazer o acorde de C como C E G, conforme
pode-se ver no círculo, mas, como fizemos a primeira inversão, o C que seria feito
com o polegar da mão direita foi jogado para o fim, sendo feito com o dedinho da
mão direita. Será sempre assim, fazemos a nota aberta (1ª , 5ª e 8ª nota) com a
mão esquerda e a 1ª inversão com a mão direita.
Pode-se também fazer a 2ª inversão, conforme imagem abaixo:
Agora, pratique isso! Há apenas uma exceção para a mão esquerda, onde as notas
para o acorde de B e Bm, será B F# B. O resto é da mesma forma.
Abaixo coloco alguns exemplos de acordes invertidos.
As notas em Cinza devem ser executadas com a mão esquerda, e as em amarelo
com a mão direita.
Contatos: e-mail: paulo.206@hotmail.com - celular (11) 99502-5268 (vivo); (11) 95797-5111 (tim)
10
Aula - Inversão de Acordes Teclado
Acordes mais bonitos e simples
Contatos: e-mail: paulo.206@hotmail.com - celular (11) 99502-5268 (vivo); (11) 95797-5111 (tim)
11
Aula - Inversão de Acordes Teclado
Acordes mais bonitos e simples
Contatos: e-mail: paulo.206@hotmail.com - celular (11) 99502-5268 (vivo); (11) 95797-5111 (tim)
12
Aula - Inversão de Acordes Teclado
Acordes mais bonitos e simples
9 – RESUMO
Resumindo, para formar um acorde invertido, basta pegar as notas que o compõe
e inverter a ordem das notas, como o exemplo do C, que é composto por C E G,
pode-se inverter, ficando 1ª inversão E G C e a 2ª inversão G C E.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Apostila-2012-aprenda-ler-uma-partitura-pdf
 Apostila-2012-aprenda-ler-uma-partitura-pdf Apostila-2012-aprenda-ler-uma-partitura-pdf
Apostila-2012-aprenda-ler-uma-partitura-pdfGuilherme Pereira
 
Teoria musical para crianças
Teoria musical para criançasTeoria musical para crianças
Teoria musical para criançasneilcraveiro
 
Curso de violao
Curso de violao Curso de violao
Curso de violao Saulo Gomes
 
Teclado curso completo - como tocar teclado - rafael harduim
Teclado   curso completo - como tocar teclado - rafael harduimTeclado   curso completo - como tocar teclado - rafael harduim
Teclado curso completo - como tocar teclado - rafael harduimjoelsonmoreira
 
Curso Básico de Violão para Iniciantes
Curso Básico de Violão para IniciantesCurso Básico de Violão para Iniciantes
Curso Básico de Violão para IniciantesWilson Diamantino
 
Apostila de Teoria musical
Apostila de Teoria musicalApostila de Teoria musical
Apostila de Teoria musicaljaconiasmusical
 
Apostila violao-iniciantes (1)
Apostila violao-iniciantes (1)Apostila violao-iniciantes (1)
Apostila violao-iniciantes (1)Kenneswester
 
Exercícios diários de escala e sonoridade para flauta transversal nilson ...
Exercícios diários de escala e sonoridade para flauta transversal   nilson ...Exercícios diários de escala e sonoridade para flauta transversal   nilson ...
Exercícios diários de escala e sonoridade para flauta transversal nilson ...Partitura de Banda
 
Método ukulele prof. raimundo frança
Método ukulele prof. raimundo françaMétodo ukulele prof. raimundo frança
Método ukulele prof. raimundo françaSaulo Gomes
 
Evangelização - Apostila de Música - Teoria Musical Infantil
Evangelização - Apostila de Música - Teoria Musical InfantilEvangelização - Apostila de Música - Teoria Musical Infantil
Evangelização - Apostila de Música - Teoria Musical InfantilAntonino Silva
 

Mais procurados (20)

Escala para contra baixo
Escala para contra baixoEscala para contra baixo
Escala para contra baixo
 
Acordes para teclado
Acordes para tecladoAcordes para teclado
Acordes para teclado
 
Apostila-2012-aprenda-ler-uma-partitura-pdf
 Apostila-2012-aprenda-ler-uma-partitura-pdf Apostila-2012-aprenda-ler-uma-partitura-pdf
Apostila-2012-aprenda-ler-uma-partitura-pdf
 
Curso de violao
Curso de violaoCurso de violao
Curso de violao
 
Curso de teoria musical
Curso de teoria musicalCurso de teoria musical
Curso de teoria musical
 
Teoria musical para crianças
Teoria musical para criançasTeoria musical para crianças
Teoria musical para crianças
 
Curso de violao
Curso de violao Curso de violao
Curso de violao
 
Teclado curso completo - como tocar teclado - rafael harduim
Teclado   curso completo - como tocar teclado - rafael harduimTeclado   curso completo - como tocar teclado - rafael harduim
Teclado curso completo - como tocar teclado - rafael harduim
 
Abc musical
Abc musicalAbc musical
Abc musical
 
Método Completo de Saxofone
Método Completo de SaxofoneMétodo Completo de Saxofone
Método Completo de Saxofone
 
Curso Básico de Violão para Iniciantes
Curso Básico de Violão para IniciantesCurso Básico de Violão para Iniciantes
Curso Básico de Violão para Iniciantes
 
Apostila de Teoria musical
Apostila de Teoria musicalApostila de Teoria musical
Apostila de Teoria musical
 
Apostila violao-iniciantes (1)
Apostila violao-iniciantes (1)Apostila violao-iniciantes (1)
Apostila violao-iniciantes (1)
 
Exercícios diários de escala e sonoridade para flauta transversal nilson ...
Exercícios diários de escala e sonoridade para flauta transversal   nilson ...Exercícios diários de escala e sonoridade para flauta transversal   nilson ...
Exercícios diários de escala e sonoridade para flauta transversal nilson ...
 
Método ukulele prof. raimundo frança
Método ukulele prof. raimundo françaMétodo ukulele prof. raimundo frança
Método ukulele prof. raimundo frança
 
Evangelização - Apostila de Música - Teoria Musical Infantil
Evangelização - Apostila de Música - Teoria Musical InfantilEvangelização - Apostila de Música - Teoria Musical Infantil
Evangelização - Apostila de Música - Teoria Musical Infantil
 
Apostila teclado
Apostila tecladoApostila teclado
Apostila teclado
 
Apostila de Violão - Grupo SIM
Apostila de Violão - Grupo SIMApostila de Violão - Grupo SIM
Apostila de Violão - Grupo SIM
 
Digitação Bombardino
Digitação BombardinoDigitação Bombardino
Digitação Bombardino
 
Piano Chrds Amaj Rh
Piano Chrds Amaj RhPiano Chrds Amaj Rh
Piano Chrds Amaj Rh
 

Semelhante a Acordes Invertidos Teclado

Conceitos para tirar e tocar msicas de ouvido
Conceitos para tirar e tocar msicas de ouvido Conceitos para tirar e tocar msicas de ouvido
Conceitos para tirar e tocar msicas de ouvido Saulo Gomes
 
Conceitosparatirarmusicasdeouvido 131224170221-phpapp01
Conceitosparatirarmusicasdeouvido 131224170221-phpapp01Conceitosparatirarmusicasdeouvido 131224170221-phpapp01
Conceitosparatirarmusicasdeouvido 131224170221-phpapp01Tony Baixista
 
Apostila de violão intermediário ao avançado
Apostila de violão intermediário ao avançadoApostila de violão intermediário ao avançado
Apostila de violão intermediário ao avançadoMarlon Ferreira
 
Conceitos para tirar musicas de ouvido
Conceitos para tirar musicas de ouvidoConceitos para tirar musicas de ouvido
Conceitos para tirar musicas de ouvidoHenrique Issacar
 
[cliqueapostilas.com.br]-violao---acordes-dissonantes.pdf
[cliqueapostilas.com.br]-violao---acordes-dissonantes.pdf[cliqueapostilas.com.br]-violao---acordes-dissonantes.pdf
[cliqueapostilas.com.br]-violao---acordes-dissonantes.pdfMcp2016
 
[cliqueapostilas.com.br]-violao---acordes-dissonantes (1).pdf
[cliqueapostilas.com.br]-violao---acordes-dissonantes (1).pdf[cliqueapostilas.com.br]-violao---acordes-dissonantes (1).pdf
[cliqueapostilas.com.br]-violao---acordes-dissonantes (1).pdfMcp2016
 
Livro diagramas de acordes def5
Livro diagramas de acordes def5Livro diagramas de acordes def5
Livro diagramas de acordes def5Nando Costa
 
Livro diagramas de acordes
Livro diagramas de acordesLivro diagramas de acordes
Livro diagramas de acordesSaulo Gomes
 
166573631 apostila-violao-nivel-zero-1-mais-que-musica-2013
166573631 apostila-violao-nivel-zero-1-mais-que-musica-2013166573631 apostila-violao-nivel-zero-1-mais-que-musica-2013
166573631 apostila-violao-nivel-zero-1-mais-que-musica-2013Nando Costa
 
Apostila violao nivel zero 1 mais que musica - 2013
Apostila violao nivel zero 1   mais que musica - 2013 Apostila violao nivel zero 1   mais que musica - 2013
Apostila violao nivel zero 1 mais que musica - 2013 RobsonCunha21
 
Acordes Cavaquinho(Brazilian Ukulele)
Acordes Cavaquinho(Brazilian Ukulele)Acordes Cavaquinho(Brazilian Ukulele)
Acordes Cavaquinho(Brazilian Ukulele)Carlos Roberto Mendes
 

Semelhante a Acordes Invertidos Teclado (18)

Conceitos para tirar e tocar msicas de ouvido
Conceitos para tirar e tocar msicas de ouvido Conceitos para tirar e tocar msicas de ouvido
Conceitos para tirar e tocar msicas de ouvido
 
Conceitosparatirarmusicasdeouvido 131224170221-phpapp01
Conceitosparatirarmusicasdeouvido 131224170221-phpapp01Conceitosparatirarmusicasdeouvido 131224170221-phpapp01
Conceitosparatirarmusicasdeouvido 131224170221-phpapp01
 
Apostila de violão intermediário ao avançado
Apostila de violão intermediário ao avançadoApostila de violão intermediário ao avançado
Apostila de violão intermediário ao avançado
 
Conceitos para tirar musicas de ouvido
Conceitos para tirar musicas de ouvidoConceitos para tirar musicas de ouvido
Conceitos para tirar musicas de ouvido
 
Apostila de violão - Módulo Iniciante
Apostila de violão - Módulo InicianteApostila de violão - Módulo Iniciante
Apostila de violão - Módulo Iniciante
 
[cliqueapostilas.com.br]-violao---acordes-dissonantes.pdf
[cliqueapostilas.com.br]-violao---acordes-dissonantes.pdf[cliqueapostilas.com.br]-violao---acordes-dissonantes.pdf
[cliqueapostilas.com.br]-violao---acordes-dissonantes.pdf
 
[cliqueapostilas.com.br]-violao---acordes-dissonantes (1).pdf
[cliqueapostilas.com.br]-violao---acordes-dissonantes (1).pdf[cliqueapostilas.com.br]-violao---acordes-dissonantes (1).pdf
[cliqueapostilas.com.br]-violao---acordes-dissonantes (1).pdf
 
Livro diagramas de acordes def5
Livro diagramas de acordes def5Livro diagramas de acordes def5
Livro diagramas de acordes def5
 
Livro diagramas de acordes
Livro diagramas de acordesLivro diagramas de acordes
Livro diagramas de acordes
 
Acordes soul
Acordes soulAcordes soul
Acordes soul
 
166573631 apostila-violao-nivel-zero-1-mais-que-musica-2013
166573631 apostila-violao-nivel-zero-1-mais-que-musica-2013166573631 apostila-violao-nivel-zero-1-mais-que-musica-2013
166573631 apostila-violao-nivel-zero-1-mais-que-musica-2013
 
Apostila violao nivel zero 1 mais que musica - 2013
Apostila violao nivel zero 1   mais que musica - 2013 Apostila violao nivel zero 1   mais que musica - 2013
Apostila violao nivel zero 1 mais que musica - 2013
 
Harmonia
HarmoniaHarmonia
Harmonia
 
Harmonia de a a z
Harmonia de a a zHarmonia de a a z
Harmonia de a a z
 
Acordes Cavaquinho(Brazilian Ukulele)
Acordes Cavaquinho(Brazilian Ukulele)Acordes Cavaquinho(Brazilian Ukulele)
Acordes Cavaquinho(Brazilian Ukulele)
 
Curso teclado
Curso tecladoCurso teclado
Curso teclado
 
Curso teclado
Curso tecladoCurso teclado
Curso teclado
 
Curso de gaita
Curso de gaitaCurso de gaita
Curso de gaita
 

Último

As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. EvoluçãoAs teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. Evoluçãoprofleticiasantosbio
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullyingMary Alvarenga
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...nexocan937
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas BrasileirosMary Alvarenga
 
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAAVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAEdioFnaf
 
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Paula Meyer Piagentini
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxOrientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxJMTCS
 
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...Unidad de Espiritualidad Eudista
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREIVONETETAVARESRAMOS
 
Apreciação crítica -exercícios de escrita
Apreciação crítica -exercícios de escritaApreciação crítica -exercícios de escrita
Apreciação crítica -exercícios de escritaeliana862656
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoCelianeOliveira8
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxGislaineDuresCruz
 
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Paula Meyer Piagentini
 
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURA
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURACRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURA
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURADouglasVasconcelosMa
 
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...LuizHenriquedeAlmeid6
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024GleyceMoreiraXWeslle
 
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
atividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãoatividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãodanielagracia9
 
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 

Último (20)

As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. EvoluçãoAs teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
 
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAAVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
 
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
 
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxOrientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
 
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
 
Apreciação crítica -exercícios de escrita
Apreciação crítica -exercícios de escritaApreciação crítica -exercícios de escrita
Apreciação crítica -exercícios de escrita
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
 
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
 
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURA
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURACRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURA
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURA
 
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
 
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
 
atividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãoatividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetização
 
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
 

Acordes Invertidos Teclado

  • 1. Contatos: e-mail: paulo.206@hotmail.com - celular (11) 99502-5268 (vivo); (11) 95797-5111 (tim) 1 Aula - Inversão de Acordes Teclado Acordes mais bonitos e simples 1 – OBJETIVO 02 2 – NOTAS MUSICAIS 02 3 – INTERVALOS 02 4 – ACIDENTES 02 5 – FORMAÇÃO DOS ACORDES 03 6 – ESTUDO DAS ESCALAS 04 7 – ACORDE PRINCIPAIS 05 8 – INVERSÃO DE ACORDES 08 9 – RESUMO 12
  • 2. Contatos: e-mail: paulo.206@hotmail.com - celular (11) 99502-5268 (vivo); (11) 95797-5111 (tim) 2 Aula - Inversão de Acordes Teclado Acordes mais bonitos e simples 1 - OBJETIVO Esta apostila tem como objetivo nos auxiliar para que consigamos montar acordes invertidos de forma fácil para que possamos obter melhores sons no teclado. Isso exige também, bastante treinamento, estudo e dedicação para nos aperfeiçoar e educar os ouvidos, pois apesar de ser uma técnica fácil, o estudo é essencial. 2 – NOTAS MUSICAIS Todo instrumento possui uma forma de montar acordes através da combinação de várias notas. Todas as notas e acordes (combinação de várias notas) surgem das notas fundamentais abaixo relacionadas: 3 – INTERVALOS É a distância entre dois sons diferentes de diferentes tensões. Estas distâncias são medidas através de tons e semitons. A cada dois semitons, temos um tom. 4 – ACIDENTES Bemol (b): Diminui a nota em meio tom, da direita para a esquerda, conforme exemplo na figura abaixo.
  • 3. Contatos: e-mail: paulo.206@hotmail.com - celular (11) 99502-5268 (vivo); (11) 95797-5111 (tim) 3 Aula - Inversão de Acordes Teclado Acordes mais bonitos e simples Sustenido (#): O contrário do bemol aumenta a nota em meio tom, da esquerda para a direita. Pode-se usar o mesmo exemplo da figura acima, só que saindo do Sol b, para o sol, subindo. 5 – FORMAÇÃO DOS ACORDES Um acorde surge da combinação de notas de uma determinada escala. Pode ser em: Tríades: Combinação de 3 notas; Tétrades: Combinação de 4 notas; Tétrades acrescentadas: Combinação de 5 ou mais notas. Os acordes são formados basicamente por 3 notas fundamentais. A 1ª, 3ª e 5ª nota para os acordes maiores e a 1ª, 3ªb e 5ª para os acordes menores. Sabendo que a escala cromática (escala completa) é: C – C# - D – D# - E – F – F# - G – G# - A – A# - B – C Poderemos formar os acordes maiores ou menores, de acordo com a regra explicada acima. Ex: C (Dó maior):
  • 4. Contatos: e-mail: paulo.206@hotmail.com - celular (11) 99502-5268 (vivo); (11) 95797-5111 (tim) 4 Aula - Inversão de Acordes Teclado Acordes mais bonitos e simples Isso quer dizer, que para formarmos o acorde C (dó maior), temos que pressionar no teclado as notas C (Tônica), o E (3ª) e o G (5ª), conforme abaixo: O mesmo se aplica ao Cm (só que com a 3ª nota bemol) Ex Cm (Dó menor): Isso quer dizer, que para formarmos o acorde Cm (dó menor), temos que pressionar no teclado, guitarra ou violão, as notas C (Tônica), o Eb (mesmo que D#), que é a (3ªb) e o G (5ª), conforme abaixo: 6 – ESTUDO DAS ESCALAS Esta parte está na outra apostila, baixe nos sites ou me peça por e-mail. Esta etapa também é muito importante para se estudar, pois as escalas do campo harmônico são de grande necessidade para um bom aprendizado musical. Está disponível em: http://pt.slideshare.net/paulo_206/conceitos-para-tirar-e-tocar-msicas-de- ouvido, http://pt.scribd.com/doc/154624604/Conceitos-para-tirar-musicas-de-ouvido ou http://www.4shared.com/office/sblgN1AB/Conceitos_para_tirar_msicas_de.html
  • 5. Contatos: e-mail: paulo.206@hotmail.com - celular (11) 99502-5268 (vivo); (11) 95797-5111 (tim) 5 Aula - Inversão de Acordes Teclado Acordes mais bonitos e simples 7 – ACORDE PRINCIPAIS Estes acordes são os principais mais usados, porém, existem outros que não coloquei aqui que podem ser pesquisados na internet. A partir deles criaremos os acordes invertidos no próximo item.
  • 6. Contatos: e-mail: paulo.206@hotmail.com - celular (11) 99502-5268 (vivo); (11) 95797-5111 (tim) 6 Aula - Inversão de Acordes Teclado Acordes mais bonitos e simples
  • 7. Contatos: e-mail: paulo.206@hotmail.com - celular (11) 99502-5268 (vivo); (11) 95797-5111 (tim) 7 Aula - Inversão de Acordes Teclado Acordes mais bonitos e simples
  • 8. Contatos: e-mail: paulo.206@hotmail.com - celular (11) 99502-5268 (vivo); (11) 95797-5111 (tim) 8 Aula - Inversão de Acordes Teclado Acordes mais bonitos e simples 8 – INVERSÃO DE ACORDES A inversão de acordes permite melhores sons nos acordes formados, além de permitir facilidade para execução de algumas músicas. Ele não é um bicho de sete cabeças. Nada mais é do que inverter a ordem da formação das notas. Por exemplo, vimos que para formar um acorde, usamos a tônica (1ª), a 3ª e a 5ª nota. Com o C, fica C – E – G. As inversões ficariam: Acorde normal: C – E – G; 1ª inversão: E – G – C; 2ª inversão: G – C – E; Bom, primeiramente, precisamos usar a mão esquerda para fazer a base (acorde aberto). Com a mão direita fazemos o acorde invertido ou solos, ou mistura dos dois. Vejamos um exemplo da nota C como ficaria a nota com a base com a mão esquerda e a 1ª inversão com a mão direita:
  • 9. Contatos: e-mail: paulo.206@hotmail.com - celular (11) 99502-5268 (vivo); (11) 95797-5111 (tim) 9 Aula - Inversão de Acordes Teclado Acordes mais bonitos e simples Perceba que a mão direita teria que fazer o acorde de C como C E G, conforme pode-se ver no círculo, mas, como fizemos a primeira inversão, o C que seria feito com o polegar da mão direita foi jogado para o fim, sendo feito com o dedinho da mão direita. Será sempre assim, fazemos a nota aberta (1ª , 5ª e 8ª nota) com a mão esquerda e a 1ª inversão com a mão direita. Pode-se também fazer a 2ª inversão, conforme imagem abaixo: Agora, pratique isso! Há apenas uma exceção para a mão esquerda, onde as notas para o acorde de B e Bm, será B F# B. O resto é da mesma forma. Abaixo coloco alguns exemplos de acordes invertidos. As notas em Cinza devem ser executadas com a mão esquerda, e as em amarelo com a mão direita.
  • 10. Contatos: e-mail: paulo.206@hotmail.com - celular (11) 99502-5268 (vivo); (11) 95797-5111 (tim) 10 Aula - Inversão de Acordes Teclado Acordes mais bonitos e simples
  • 11. Contatos: e-mail: paulo.206@hotmail.com - celular (11) 99502-5268 (vivo); (11) 95797-5111 (tim) 11 Aula - Inversão de Acordes Teclado Acordes mais bonitos e simples
  • 12. Contatos: e-mail: paulo.206@hotmail.com - celular (11) 99502-5268 (vivo); (11) 95797-5111 (tim) 12 Aula - Inversão de Acordes Teclado Acordes mais bonitos e simples 9 – RESUMO Resumindo, para formar um acorde invertido, basta pegar as notas que o compõe e inverter a ordem das notas, como o exemplo do C, que é composto por C E G, pode-se inverter, ficando 1ª inversão E G C e a 2ª inversão G C E.