SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 23
Baixar para ler offline
T E X T O D O D I A
"Eu plantei, Apolo regou; mas
Deus deu o crescimento."
(1 Co 3.6)
SÍNTESE
Nós podemos plantar a melhor
semente, adubar, limpar e podar,
mas somente Deus é que dá o
crescimento à plantação.
1 Coríntios 3.6-9
6 Eu plantei, Apolo regou; mas Deus deu o crescimento.
7 Pelo que nem o que planta é alguma coisa, nem o que
rega, mas Deus, que dá o crescimento.
8 Ora, o que planta e o que rega são um; mas cada um
receberá o seu galardão, segundo o seu trabalho.
9 Porque nós somos cooperadores de Deus; vós sois lavoura
de Deus e edifício de Deus.
Leitura bíblica
INTRODUÇÃO
• Paulo usa uma ilustração a respeito de uma plantação
para falar das suas contribuições e as de Apolo para
com a igreja em Corinto.
• Afirma que foi ele que plantou a semente das Boas
Novas nos corações dos coríntios; ele foi o pioneiro.
• Apolo, seu sucessor, regou a plantação e ajudou os
coríntios e se tornarem mais fortes na fé.
• No entanto, ele deixa claro que o crescimento é somente
Deus que pode dar.
INTRODUÇÃO
TÓPICO I
PAULO PLANTOU A SEMENTE DAS
BOAS NOVAS EM CORINTO
1. Paulo foi o pioneiro na igreja de Corinto;
2. Paulo não parou de plantar mesmo na ausência; e
3. Paulo deu graças pelo crescimento solidário dos
coríntios.
I - PAULO PLANTOU A SEMENTE DAS BOAS NOVAS EM
CORINTO
PENSE
Paulo, mesmo sofrendo oposição
continuou pregando a Palavra de
Deus.
IMPORTANTE
As circunstâncias ruins não
podem nos fazer desistir de nosso
chamado.
TÓPICO II
APOLO REGOU
A SEMENTE PLANTADA POR
PAULO
1. Apolo, um homem cheio de sabedoria;
2. Apolo sucede a Paulo em Corinto; e
3. Apolo ajudou os cristãos de Corinto a se fortalecerem
na fé.
II - APOLO REGOU A SEMENTE PLANTADA POR PAULO
PENSE
Paulo não via Apolo como seu
opositor, mas como um ajudador.
IMPORTANTE
Quem tem convicção do seu
chamado divino não tem medo
de opositores.
TÓPICO III
A OBRA DE DEUS ENVOLVE
MUITOS COOPERADORES
1. A obra de Deus é feita por cooperadores;
2. Os cooperadores plantam e regam, mas
somente Deus dá o crescimento; e
3. Os cooperadores precisam ter disposição
para servir
III - A OBRA DE DEUS ENVOLVE MUITOS COOPERADORES
PENSE
Como você tem cooperado para o
crescimento do Reino de Deus?
IMPORTANTE
Deus deseja cooperadores
voluntários comprometidos com
a sua obra.
CONSIDERAÇÕES
FINAIS
1. Paulo usou sabiamente a metáfora da plantação
para demonstrar que todos somos
cooperadores na obra de Deus.
2. Podemos ter habilidade para "arar", "plantar",
"regar", "podar", entre outras atividades na
lavoura de Deus, mas somente Ele é que dá o
crescimento necessário.
3. Por isso, o Todo-Poderoso deve ser louvado e
adorado em todas as esferas de nossa vida e
jamais o ser humano.
CONSIDERAÇÕES FINAIS
REFERÊNCIAS
CONTATOS
Pr. Natalino das Neves
natalinoteologo@gmail.com
(41) 98409 8094
www.natalinodasneves.blogspot.com.br
Natalino das neves; natalino das neves II; e
Pastor Natalino das Neves (página)
@Natalinoneves
natalinodasneves

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

a peregrinação de Israel no deserto ao Sinai
a peregrinação de Israel no deserto ao Sinaia peregrinação de Israel no deserto ao Sinai
a peregrinação de Israel no deserto ao Sinai
Ailton da Silva
 
13 - A formosa Jerusalém
13 - A formosa Jerusalém13 - A formosa Jerusalém
13 - A formosa Jerusalém
Ailton da Silva
 

Mais procurados (20)

PRIMEIRA CARTA DE PEDRO, CAPÍTULO 1
PRIMEIRA CARTA DE PEDRO, CAPÍTULO 1PRIMEIRA CARTA DE PEDRO, CAPÍTULO 1
PRIMEIRA CARTA DE PEDRO, CAPÍTULO 1
 
Lição 3 - A adoração após a queda
Lição 3 - A adoração após a quedaLição 3 - A adoração após a queda
Lição 3 - A adoração após a queda
 
Lição 29 Os dons espirituais
Lição 29   Os dons espirituaisLição 29   Os dons espirituais
Lição 29 Os dons espirituais
 
Um Clamor pela Intervenção Divina
Um Clamor pela Intervenção DivinaUm Clamor pela Intervenção Divina
Um Clamor pela Intervenção Divina
 
Licao 5 3 trim 2020 zorobabel recomeca a construcao do templo
Licao 5 3 trim 2020 zorobabel recomeca a construcao do temploLicao 5 3 trim 2020 zorobabel recomeca a construcao do templo
Licao 5 3 trim 2020 zorobabel recomeca a construcao do templo
 
Orando pela Intervenção do Céu
Orando pela Intervenção do CéuOrando pela Intervenção do Céu
Orando pela Intervenção do Céu
 
a peregrinação de Israel no deserto ao Sinai
a peregrinação de Israel no deserto ao Sinaia peregrinação de Israel no deserto ao Sinai
a peregrinação de Israel no deserto ao Sinai
 
Afinal de contas do que a biblia fala?
Afinal de contas do que a biblia fala?Afinal de contas do que a biblia fala?
Afinal de contas do que a biblia fala?
 
PROJEÇÃO_LIÇÃO 3 - DIVISÕES NA IGREJA
PROJEÇÃO_LIÇÃO 3 - DIVISÕES NA IGREJAPROJEÇÃO_LIÇÃO 3 - DIVISÕES NA IGREJA
PROJEÇÃO_LIÇÃO 3 - DIVISÕES NA IGREJA
 
Pr. atevaldo
Pr. atevaldoPr. atevaldo
Pr. atevaldo
 
Lição 08 - Israel no Plano da Redenção
Lição 08 - Israel no Plano da RedençãoLição 08 - Israel no Plano da Redenção
Lição 08 - Israel no Plano da Redenção
 
13
1313
13
 
Lição 3 - Abraão, a esperança do pai da fé
Lição 3 - Abraão, a esperança do pai da féLição 3 - Abraão, a esperança do pai da fé
Lição 3 - Abraão, a esperança do pai da fé
 
13 - A formosa Jerusalém
13 - A formosa Jerusalém13 - A formosa Jerusalém
13 - A formosa Jerusalém
 
Aviva Ó Senhor a Tua Obra
Aviva Ó Senhor a Tua ObraAviva Ó Senhor a Tua Obra
Aviva Ó Senhor a Tua Obra
 
Lição 4 - Ananias e Safira e a mentira ao Espírito Santo
Lição 4 - Ananias e Safira e a mentira ao Espírito SantoLição 4 - Ananias e Safira e a mentira ao Espírito Santo
Lição 4 - Ananias e Safira e a mentira ao Espírito Santo
 
Abraão, homem de fé
Abraão, homem de féAbraão, homem de fé
Abraão, homem de fé
 
Lição 8 - ISRAEL NO PLANO DA REDENÇÃO
Lição 8 - ISRAEL NO PLANO DA REDENÇÃOLição 8 - ISRAEL NO PLANO DA REDENÇÃO
Lição 8 - ISRAEL NO PLANO DA REDENÇÃO
 
A entrada, saida, e permanencia de deus na historia humana.
A entrada, saida, e permanencia de deus na historia humana.A entrada, saida, e permanencia de deus na historia humana.
A entrada, saida, e permanencia de deus na historia humana.
 
Lição 27 Jesus e a felicidade
Lição 27   Jesus e a felicidadeLição 27   Jesus e a felicidade
Lição 27 Jesus e a felicidade
 

Semelhante a PROJEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTO

01 uma mensagem á igreja local e a liderança
01 uma mensagem á igreja local e a liderança01 uma mensagem á igreja local e a liderança
01 uma mensagem á igreja local e a liderança
José Nilson Virgino
 

Semelhante a PROJEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTO (20)

2021 2º trimestre jovem - lição 07
2021   2º trimestre jovem - lição 072021   2º trimestre jovem - lição 07
2021 2º trimestre jovem - lição 07
 
PRELEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTO
PRELEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTOPRELEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTO
PRELEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTO
 
PRELEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTO
PRELEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTOPRELEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTO
PRELEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTO
 
Lição 3ª Liderança espiritual
Lição 3ª Liderança espiritualLição 3ª Liderança espiritual
Lição 3ª Liderança espiritual
 
Palavra o centro do coração de deus
Palavra   o centro do coração de deusPalavra   o centro do coração de deus
Palavra o centro do coração de deus
 
2015 3º trimestre adultos lição 01.pptx
2015 3º trimestre adultos lição 01.pptx2015 3º trimestre adultos lição 01.pptx
2015 3º trimestre adultos lição 01.pptx
 
01 uma mensagem á igreja local e a liderança
01 uma mensagem á igreja local e a liderança01 uma mensagem á igreja local e a liderança
01 uma mensagem á igreja local e a liderança
 
3° Trimestre 2015 Lição 01 Adultos
3° Trimestre 2015 Lição 01 Adultos3° Trimestre 2015 Lição 01 Adultos
3° Trimestre 2015 Lição 01 Adultos
 
3º trimestre 2015 lição 01 adultos
3º trimestre 2015 lição 01 adultos3º trimestre 2015 lição 01 adultos
3º trimestre 2015 lição 01 adultos
 
Apostila restaurando o altar
Apostila  restaurando o altarApostila  restaurando o altar
Apostila restaurando o altar
 
O fruto de um trabalho zeloso - Lições Bíblicas dos Jovens
O fruto de um trabalho zeloso - Lições Bíblicas dos JovensO fruto de um trabalho zeloso - Lições Bíblicas dos Jovens
O fruto de um trabalho zeloso - Lições Bíblicas dos Jovens
 
LBA LIÇÃO 13 - A FIDELIDADE DE DEUS
LBA LIÇÃO 13 - A FIDELIDADE DE DEUSLBA LIÇÃO 13 - A FIDELIDADE DE DEUS
LBA LIÇÃO 13 - A FIDELIDADE DE DEUS
 
Fp 2.16 avante retendo a palavra fiel
Fp 2.16 avante retendo a palavra fielFp 2.16 avante retendo a palavra fiel
Fp 2.16 avante retendo a palavra fiel
 
Uma figura da adoração na sala do trono
Uma figura da adoração na sala do tronoUma figura da adoração na sala do trono
Uma figura da adoração na sala do trono
 
Preleção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de Corinto
Preleção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de CorintoPreleção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de Corinto
Preleção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de Corinto
 
Preleção_JOVENS_Lição 2 - Ação de Graças pela Igreja de Corinto
Preleção_JOVENS_Lição 2 - Ação de Graças pela Igreja de CorintoPreleção_JOVENS_Lição 2 - Ação de Graças pela Igreja de Corinto
Preleção_JOVENS_Lição 2 - Ação de Graças pela Igreja de Corinto
 
2014 2 TRI LIÇÃO 2 - O propósito dos dons espirituais
2014 2 TRI LIÇÃO 2 - O propósito dos dons espirituais2014 2 TRI LIÇÃO 2 - O propósito dos dons espirituais
2014 2 TRI LIÇÃO 2 - O propósito dos dons espirituais
 
Boletim ippi 22.03.2015
Boletim ippi 22.03.2015Boletim ippi 22.03.2015
Boletim ippi 22.03.2015
 
LBJ LIÇÃO 4 - CONSERVANDO UMA VIDA FRUTÍFERA
LBJ LIÇÃO 4 - CONSERVANDO UMA VIDA FRUTÍFERALBJ LIÇÃO 4 - CONSERVANDO UMA VIDA FRUTÍFERA
LBJ LIÇÃO 4 - CONSERVANDO UMA VIDA FRUTÍFERA
 
Lição 12 Confiando firmemente em Deus
Lição 12   Confiando firmemente em DeusLição 12   Confiando firmemente em Deus
Lição 12 Confiando firmemente em Deus
 

Mais de Natalino das Neves Neves

Mais de Natalino das Neves Neves (20)

LIÇÃO 13_A santa Ceia, o amor e a ressurreição (I Co 11-15)
LIÇÃO 13_A santa Ceia, o amor e a ressurreição (I Co 11-15)LIÇÃO 13_A santa Ceia, o amor e a ressurreição (I Co 11-15)
LIÇÃO 13_A santa Ceia, o amor e a ressurreição (I Co 11-15)
 
LIÇÃO 12 - Da circuncisão e dos alimentos sacrificados aos ídolos (1 Co 7-8)
LIÇÃO 12 - Da circuncisão e dos alimentos sacrificados aos ídolos (1 Co 7-8)LIÇÃO 12 - Da circuncisão e dos alimentos sacrificados aos ídolos (1 Co 7-8)
LIÇÃO 12 - Da circuncisão e dos alimentos sacrificados aos ídolos (1 Co 7-8)
 
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)
 
LIÇÃO 10 - SEU CORPO É MEMBRO DE CRISTO
LIÇÃO 10 -  SEU CORPO É MEMBRO DE CRISTOLIÇÃO 10 -  SEU CORPO É MEMBRO DE CRISTO
LIÇÃO 10 - SEU CORPO É MEMBRO DE CRISTO
 
LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE IRMÃOS
LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE IRMÃOSLIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE IRMÃOS
LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE IRMÃOS
 
PRELEÇÃO_LIÇÃO 8 - A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTO
PRELEÇÃO_LIÇÃO 8 -  A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTOPRELEÇÃO_LIÇÃO 8 -  A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTO
PRELEÇÃO_LIÇÃO 8 - A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTO
 
PROJEÇÃO_LIÇÃO 8 - A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTO
PROJEÇÃO_LIÇÃO 8 -  A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTOPROJEÇÃO_LIÇÃO 8 -  A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTO
PROJEÇÃO_LIÇÃO 8 - A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTO
 
PRELEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOS
PRELEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOSPRELEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOS
PRELEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOS
 
PROJEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOS
PROJEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOSPROJEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOS
PROJEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOS
 
PROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULO
PROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULOPROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULO
PROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULO
 
PRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULO
PRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULOPRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULO
PRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULO
 
PROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
PROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINAPROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
PROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
 
PRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
PRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINAPRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
PRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
 
PROJEÇÃO_JOVENS_LIção 3 - Divisões na Igreja
PROJEÇÃO_JOVENS_LIção 3 - Divisões na IgrejaPROJEÇÃO_JOVENS_LIção 3 - Divisões na Igreja
PROJEÇÃO_JOVENS_LIção 3 - Divisões na Igreja
 
PRELEÇÃO_JOVENS_Lição 3 - Divisões na Igreja
PRELEÇÃO_JOVENS_Lição 3 - Divisões na IgrejaPRELEÇÃO_JOVENS_Lição 3 - Divisões na Igreja
PRELEÇÃO_JOVENS_Lição 3 - Divisões na Igreja
 
Projeção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de Corinto
Projeção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de CorintoProjeção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de Corinto
Projeção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de Corinto
 
2021 2 tri_lbj_licao_1_prelecao
2021 2 tri_lbj_licao_1_prelecao2021 2 tri_lbj_licao_1_prelecao
2021 2 tri_lbj_licao_1_prelecao
 
2021 2 tri_lbj_licao_1_projecao
2021 2 tri_lbj_licao_1_projecao2021 2 tri_lbj_licao_1_projecao
2021 2 tri_lbj_licao_1_projecao
 
PRELEÇÃO_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
PRELEÇÃO_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINAPRELEÇÃO_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
PRELEÇÃO_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
 
PROJEÇÃO_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
PROJEÇÃO_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINAPROJEÇÃO_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
PROJEÇÃO_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
 

Último

Último (7)

Coletânea De Orações Cristãs Parte 2
Coletânea De Orações Cristãs Parte 2Coletânea De Orações Cristãs Parte 2
Coletânea De Orações Cristãs Parte 2
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 133 - Lógica da Providência
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 133 - Lógica da ProvidênciaSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 133 - Lógica da Providência
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 133 - Lógica da Providência
 
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
 
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
 
pregacao romanos 12 9-21 honrar uns aos outros.pptx
pregacao romanos    12 9-21  honrar   uns aos outros.pptxpregacao romanos    12 9-21  honrar   uns aos outros.pptx
pregacao romanos 12 9-21 honrar uns aos outros.pptx
 
Culto esboço de Pregação expositiva sermão em João.docx
Culto esboço de Pregação expositiva sermão em João.docxCulto esboço de Pregação expositiva sermão em João.docx
Culto esboço de Pregação expositiva sermão em João.docx
 
Oração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
Oração Para Os Estudos São Tomás De AquinoOração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
Oração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
 

PROJEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTO

  • 1.
  • 2.
  • 3. T E X T O D O D I A "Eu plantei, Apolo regou; mas Deus deu o crescimento." (1 Co 3.6)
  • 4. SÍNTESE Nós podemos plantar a melhor semente, adubar, limpar e podar, mas somente Deus é que dá o crescimento à plantação.
  • 5. 1 Coríntios 3.6-9 6 Eu plantei, Apolo regou; mas Deus deu o crescimento. 7 Pelo que nem o que planta é alguma coisa, nem o que rega, mas Deus, que dá o crescimento. 8 Ora, o que planta e o que rega são um; mas cada um receberá o seu galardão, segundo o seu trabalho. 9 Porque nós somos cooperadores de Deus; vós sois lavoura de Deus e edifício de Deus. Leitura bíblica
  • 7. • Paulo usa uma ilustração a respeito de uma plantação para falar das suas contribuições e as de Apolo para com a igreja em Corinto. • Afirma que foi ele que plantou a semente das Boas Novas nos corações dos coríntios; ele foi o pioneiro. • Apolo, seu sucessor, regou a plantação e ajudou os coríntios e se tornarem mais fortes na fé. • No entanto, ele deixa claro que o crescimento é somente Deus que pode dar. INTRODUÇÃO
  • 8. TÓPICO I PAULO PLANTOU A SEMENTE DAS BOAS NOVAS EM CORINTO
  • 9. 1. Paulo foi o pioneiro na igreja de Corinto; 2. Paulo não parou de plantar mesmo na ausência; e 3. Paulo deu graças pelo crescimento solidário dos coríntios. I - PAULO PLANTOU A SEMENTE DAS BOAS NOVAS EM CORINTO
  • 10. PENSE Paulo, mesmo sofrendo oposição continuou pregando a Palavra de Deus.
  • 11. IMPORTANTE As circunstâncias ruins não podem nos fazer desistir de nosso chamado.
  • 12. TÓPICO II APOLO REGOU A SEMENTE PLANTADA POR PAULO
  • 13. 1. Apolo, um homem cheio de sabedoria; 2. Apolo sucede a Paulo em Corinto; e 3. Apolo ajudou os cristãos de Corinto a se fortalecerem na fé. II - APOLO REGOU A SEMENTE PLANTADA POR PAULO
  • 14. PENSE Paulo não via Apolo como seu opositor, mas como um ajudador.
  • 15. IMPORTANTE Quem tem convicção do seu chamado divino não tem medo de opositores.
  • 16. TÓPICO III A OBRA DE DEUS ENVOLVE MUITOS COOPERADORES
  • 17. 1. A obra de Deus é feita por cooperadores; 2. Os cooperadores plantam e regam, mas somente Deus dá o crescimento; e 3. Os cooperadores precisam ter disposição para servir III - A OBRA DE DEUS ENVOLVE MUITOS COOPERADORES
  • 18. PENSE Como você tem cooperado para o crescimento do Reino de Deus?
  • 19. IMPORTANTE Deus deseja cooperadores voluntários comprometidos com a sua obra.
  • 21. 1. Paulo usou sabiamente a metáfora da plantação para demonstrar que todos somos cooperadores na obra de Deus. 2. Podemos ter habilidade para "arar", "plantar", "regar", "podar", entre outras atividades na lavoura de Deus, mas somente Ele é que dá o crescimento necessário. 3. Por isso, o Todo-Poderoso deve ser louvado e adorado em todas as esferas de nossa vida e jamais o ser humano. CONSIDERAÇÕES FINAIS
  • 23. CONTATOS Pr. Natalino das Neves natalinoteologo@gmail.com (41) 98409 8094 www.natalinodasneves.blogspot.com.br Natalino das neves; natalino das neves II; e Pastor Natalino das Neves (página) @Natalinoneves natalinodasneves