A matemática na vida das abelhas

5.656 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
5 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.656
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
33
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
138
Comentários
0
Gostaram
5
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A matemática na vida das abelhas

  1. 1. A matemática na vida das abelhas TRABALHO REALIZADO POR: -MATEUS FERRAZ, Nº15, 8ºA “Não é digno de saborear o mel, aquele que se afasta da colmeia com medo das picadas das abelhas” William Shakespeare “A matemática é o alfabeto com o qual Deus criou o Universo.” Galileu Galilei
  2. 2. Introdução  Neste trabalho foi explicar o porquê de as abelhas construírem os seus favos em forma hexagonal. Também vou falar sobre a vida das abelhas.
  3. 3. Vida das abelhas  As abelhas são insetos que vivem em colmeias. Cada colmeia é constituída por 80.000 abelhas. Em cada colmeia, as abelhas dividem-se em três grupos. Esses grupos são: 1. Abelha-Rainha 2. Abelhas-operárias 3. Zangões
  4. 4. Abelha-Rainha  A abelha-rainha é a única abelha capaz de por os seus ovos.  Ela reproduz-se com os zangões, mas antes disso realiza o voo nupcial. O voo nupcial consiste em a abelha-rainha voar o mais alto que puder. Os zangões voam até chegar à rainha. Quem a alcançar reproduz-se com ela.
  5. 5. Abelhas-Operárias  As abelhas-operárias são as únicas que trabalham e produzem o mel.  Estas abelhas nascem 21 dias depois de os ovos serem postos e não chegam até aos 60 dias de vida.
  6. 6. Zangões  Os zangões são o único grupo capaz de reproduzir com a rainha.  Como já disse no slide que fala sobre a rainha, os machos tentam chegar ao voo da rainha (voo nupcial) para se reproduzirem com ela. Depois de acasalarem com a rainha, já não são aceites na colmeia.
  7. 7. Curiosidades Uma abelha visita dez flores por minuto em busca de pólen e de néctar. Faz, em média, quarenta voos diários, pousando em 40 mil flores. 2. Para produzir um quilo de mel, as abelhas precisam pousar em 5 milhões de flores. 3. Quando uma abelha pica uma pessoa, deixa o ferrão na vítima, morrendo um ou dois dias depois. 4. A picada da abelha no ser humano é muito dolorosa, e a sensação da mesma é semelhante a de levar um choque de alta voltagem. 1.
  8. 8. Curiosidades 5. Uma colmeia abriga cerca de 80 mil abelhas. Tem uma rainha, cerca de 400 zangões e milhares de operárias. Se nascem duas rainhas ao mesmo tempo, estas lutam até que uma delas morra. A abelha-rainha vive até aos 5 anos, enquanto as operárias não duram mais de um mês e meio.
  9. 9. Pista  As abelhas querem construir os seus favos sem gastar muita cera e sem deixar espaço entre os favos, ou seja, favos com áreas maiores, mas perímetros menores.
  10. 10. Porquê é que as abelhas não utilizam triângulos?  Cálculo P=12 cm 4 cm 4 cm
  11. 11. Porquê é que as abelhas não utilizam quadrados?  Cálculo 3 cm P=12 cm 3 cm
  12. 12. Porquê é que as abelhas utilizam hexágonos?  Cálculo 2 cm 2 cm P=12 cm
  13. 13. Conclusão  Concluo que o hexágono tem uma área maior do que os outros, poupando mais cera.
  14. 14. …  Mas isto não termina aqui. O hexágono é a entrada para os favos, porque, como tudo, tem que haver volume. Por isso vamos também descobrir porquê é que as abelhas não utilizam prisma triangulares e paralelepípedos, mas sim prismas hexagonais.
  15. 15. Porquê é que as abelhas não utilizam prismas triangulares?  Cálculo V = 8 x 10
  16. 16. Porquê é que as abelhas não utilizam paralelepípedos?  Cálculo V = 9 x 10
  17. 17.  Cálculo V = 12 x 10
  18. 18. Conclusão  Concluo que o prisma hexagonal tem um volume maior do que os outros, poupando mais cera. Prisma triangular Paralelepípedo Prisma hexagonal

×