Mapas de risco

717 visualizações

Publicada em

mapa de risco

Publicada em: Negócios
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
717
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
23
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Mapas de risco

  1. 1. Como surgiu? •Percebeu-se,nadécadade70,anecessidadedesecriarumanovametodologiaquemapeasseosriscosambientaisdoslocaisdetrabalho. •Essemapeamentotinhaporfinalidadecontrolarosriscosaqueosfuncionáriosestavamexpostoseinformaraoschefesesupervisoressobreosmesmos. •Omapaderiscosedisseminouportodoomundo,chegandoaoBrasilnadécadade80.
  2. 2. •Essenovomecanismocriavaohábitode,aoseinspecionarumpostodetrabalho,promovertambémaavaliaçãocomênfaseaoempregado, orientando-oacooperarnoprocessodediagnósticoeprevençãodeacidentes,tendoemvistaqueninguémmelhordoqueeleparaconhecerosprodutoscomosquaislida.
  3. 3. •NoBrasil,oartigo1ºdaPortarianº25doDNSST(DepartamentoNacionaldeSegurançaeSaúdedoTrabalhador)de29/12/1995trazjáotextoreformuladodaNormaRegulamentadora(NR)nº9,estandoestabelecidonoitem9.1.5: •"...consideram-seriscosambientaisosagentesfísicos, químicosebiológicosexistentesnosambientesdetrabalhoque,emfunçãodesuanatureza,concentraçãoouintensidadeetempodeexposição,sãocapazesdecausardanosàsaúdedotrabalhador."
  4. 4. •AmesmaNRconsideraobrigaçãodosempregadores"informarostrabalhadoresdemaneiraapropriadaesuficientesobreosriscosambientaisquepossamseoriginarnoslocaisdetrabalhoesobreosmeiosdisponíveisparapreveniroulimitartaisriscoseparaproteger-sedosmesmos".
  5. 5. A construção dos mapas de risco é obrigatória •Arealizaçãodemapeamentoderiscostornou- seobrigatóriaparatodasasempresasquetenhamCIPA,atravésdaportariano.05de17/08/92doDNSST. •Deacordocomoartigo1°.Dareferidaportaria, cabeàsCIPASaconstruçãodosmapasderiscodoslocaisdetrabalho. •Atravésdeseusmembros,aCIPAdeveráouvirostrabalhadoresdetodosossetoresepoderácontarcomacolaboraçãodoserviçoespecializadodemedicinaesegurançadotrabalho.
  6. 6. O que é? •MapadeRiscoéumarepresentaçãográficadeumconjuntodefatorespresentesnoslocaisdetrabalho(sobreaplantabaixadaempresa, podendosercompletoousetorial),capazesdeacarretarprejuízosàsaúdedostrabalhadores: acidentesedoençasdetrabalho.Taisfatorestêmorigemnosdiversoselementosdoprocessodetrabalho(materiais,equipamentos,instalações, suprimentoseespaçosdetrabalho)eaformadeorganizaçãodotrabalho(arranjofísico,ritmodetrabalho,métododetrabalho,posturadetrabalho,jornadadetrabalho,turnosdetrabalho,treinamento,etc.)”.
  7. 7. Para que serve? •Serveparaaconscientizaçãoeinformaçãodostrabalhadoresatravésdafácilvisualizaçãodosriscosexistentesnaempresa. •Reunirasinformaçõesnecessáriasparaestabelecerodiagnósticodasituaçãodesegurançaesaúdenotrabalhonaempresa. •Possibilitar,duranteasuaelaboração,atrocaedivulgaçãodeinformaçõesentreostrabalhadores,bemcomoestimularsuaparticipaçãonasatividadesdeprevenção.
  8. 8. Objetivos •Conheceroprocessodetrabalhonolocalanalisado:ostrabalhadores:número,sexo, idade,treinamentosprofissionaisedesegurançaesaúde,jornada;osinstrumentosemateriaisdetrabalho;asatividadesexercidas;oambiente.
  9. 9. Objetivos •Identificarosriscosexistentesnolocalanalisado,conformeaclassificaçãoespecíficadosriscosambientais. •Identificarasmedidaspreventivasexistentesesuaeficácia.Medidasdeproteçãocoletiva; medidasdeorganizaçãodotrabalho;medidasdeproteçãoindividual;medidasdehigieneeconforto:banheiro,lavatórios,vestiários, armários,bebedouro,refeitório,áreadelazer.
  10. 10. Objetivos •Identificarosindicadoresdesaúde,queixasmaisfrequentesecomunsentreostrabalhadoresexpostosaosmesmosriscos, acidentesdetrabalhoocorridos,doençasprofissionaisdiagnosticadas,causasmaisfrequentesdeausênciaaotrabalho.
  11. 11. Conhecendo o ambiente de trabalho
  12. 12. Tipos de riscos aos quais o trabalhador está exposto Riscos físicos São aqueles gerados por máquinas e condições físicas características do local de trabalho, que podem causar danos à saúde do trabalhador.
  13. 13. Riscos Químicos São aqueles representados pelas substâncias químicas que se encontram nas formas líquida, sólida e gasosa, e quando absorvidos pelo organismo, podem produzir reações tóxicas e danos à saúde.
  14. 14. RISCOSBIOLÓGICOS Sãoaquelescausadospormicroorganismoscomobactérias,fungos, víruseoutros.Sãocapazesdedesencadeardoençasdevidoàcontaminaçãoepelapróprianaturezadotrabalho.
  15. 15. •Riscosergonômicos •Localdetrabalhoinadequado(anti- ergonômico),levantamentoetransportedepesossemmeiosauxiliarescorretos,posturainadequada. •Riscosdeacidentes •Variados(faltadeiluminação,probabilidadedeincêndio,explosão,pisoescorregadio, armazenamento,arranjofísicoeferramentainadequados,máquinadefeituosa,mordidadecobra,aranha,escorpião).
  16. 16. 17 Identificar os riscos existentes no local de trabalho. • Dificuldades operacionais • Cargas químicas • Desconhecendo a carga • Operando equipamentos Etapas da elaboração
  17. 17. Etapas da elaboração •Sempredevemosteremmentequearepresentaçãográficadosriscosdeveráserclara, permitindo,dessaforma,arápidaidentificaçãodecadatipoderiscoexistenteemcadasetor. Convencionou-se,paraisso,autilizaçãodecoreseamarcaçãodosriscosatravésdecírculoscolocadosnomapa.Asimbologiausadaé:
  18. 18. Cada setor mapeado corresponderá um número, o qual constará do mapa de riscos ambientais. Também constarão no mapa o número de trabalhadores expostos e a especificação dos agentes de risco.
  19. 19. •Identificarosriscosexistentesnolocaldetrabalho,conformeclassificaçãodatabelaI, anexoIVdaNR-5–RISCOS Etapas da elaboração
  20. 20. TAMANHO DOS CIRCULOS LEGENDA: CORES INDICA RISCOS FÍSICOS INDICA RISCOS QUÍMICOS INDICA RISCOS BIOLÓGICOS INDICA RISCOS ERGONÔMICOS INDICA RISCOS DE ACIDENTES INDICA RISCO PEQUENO INDICA RISCO MÉDIO INDICA RISCO GRANDE O mapa de riscos é representado graficamente, através de círculos de cores e tamanhos proporcionalmente diferentes (riscos pequeno médio e grande), sobre o Lay-Out da empresa e deve ficar afixado em local visível a todos os trabalhadores.
  21. 21. •ComooAnexoIVnãodefineosparâmetrosparaclassificarosriscosemgrandezasproporcionaisàssuasintensidades,pode-sedefinirumcritériodentrodeumacertacoerência.
  22. 22. Quando as condições agressivas dos agentes estiverem abaixo dos limites toleráveispara as pessoas, mas causem desconforto. Com ou sem proteção individual ou coletiva Agentes de riscosQuímico, Físico, Biológico, Ergonômico, e Acidente Quando os agentes existem no ambiente, com concentração ou intensidade que a capacidade de agressão às pessoas possam ser considerada desprezível Quando a concentração, intensidade, tempo de exposição etc. estejam acima dos limitesconsiderados toleráveis pelo organismo humano e não há proteção individual ou coletiva eficiente. Quando não existem dados precisossobre concentração, intensidade, tempo de exposição etc., e, comprovadamente, os agentes estejam afetando a saúde do trabalhador.
  23. 23. Diversos tipos de risco num mesmo ponto •Ruído •Calor •Gases •Poeira •Postura Incorreta •Monotonia •Fagulhas •Cortes Diversos tipos de risco num mesmo ponto, mas com o mesmo grau. Diversos tipos de risco num mesmo ponto, mas em graus diferentes.
  24. 24. •Apresençadenúmerosesetasnomapaderiscoindicamrespectivamente,aquantidadedetrabalhadoresexpostosao(s)risco(s),eadisposiçãodosriscosnosetor.

×