Apresentacao Maria Teresa Gonzalez

23.644 visualizações

Publicada em

Maria Teresa Gonzalez
Nascida em 1958, em Coimbra, Maria Teresa Maia Gonzalez estudou na faculdade de Letras da Universidade Clássica, em Lisboa onde se licenciou em línguas e Literaturas Modernas, variante de Estudos Franceses e Ingleses, tendo sido professora de 1982 a 1997.
Na sua carreira de autora conta já com inúmeros livros editados dos quais se destaca A Lua de Joana,
sendo o seu maior sucesso editorial, foi publicado em Lisboa em Outubro de 1994. Conta já com 17 edições e 250.000 exemplares vendidos (editado também na Alemanha, Bulgária, Albânia, Espanha e China).
http://infantedomfernando.blogspot.com/2010/01/autor-do-mes.html

Publicada em: Educação
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
23.644
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
334
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
92
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentacao Maria Teresa Gonzalez

  1. 1. BE/CRE:<br />Mês da Autora Maria Teresa Gonzalez<br />Apresentação de algumas obras de Maria Teresa Gonzalez<br />
  2. 2. BE/CRE:<br />Mês da Autora Maria Teresa Gonzalez<br /> Maria Teresa Maia Gonzalez é uma escritora portuguesa nascida em Coimbra, em 1958.<br /> Licenciada em Línguas e Literaturas Modernas, variante de Estudos Franceses e Ingleses, pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, foi professora de Língua Portuguesa de 1982 a 1997, no ensino oficial e particular.<br /> Tem vários livros editados, nomeadamente, Gaspar & Mariana, A Fonte dos Segredos, O Guarda da Praia, O Incendiário Misterioso, A Lua de Joana (o seu maior sucesso editorial), Histórias com Jesus, A Cruz Vazia, e é autora da colecção Profissão: Adolescente, da qual, com 26 títulos publicados, já foram vendidos mais de 300.000 exemplares. É ainda, com Maria do Rosário Pedreira, co-autora da Colecção O Clube das Chaves, de que se publicaram 21 volumes, a maioria dos quais com várias edições.<br /> Recentemente também começou a escrever uma fantástica colecção de peças de teatro, chamada &quot;Um Palco na Escola&quot;, que já vai em cinco títulos, para serem representadas nas escolas que já começam a ser levadas a cena em várias escolas do país.<br />
  3. 3. A LUA DE JOANA<br />Síntese do Livro:<br /> Esta história, impressionantemente tocante e realista, retrata a vida de Joana, uma adolescente que perdeu a melhor amiga (Marta) por overdose. Sentindo a sua falta, Joana começa a escrever-lhe cartas a contar-lhe o seu dia-a-dia, usando-as como uma espécie de diário, que lhe dá uma sensação de proximidade de Marta, que conhecia desde criança e com quem sempre teve segredos e cumplicidade. <br /> Joana, numa espécie de tentativa de mudar, pinta o quarto de branco, pendurando um baloiço em forma de lua, à qual muda a posição conforme o seu humor. Sentindo-se incompreendida pela família (a mãe que passa horas na loja onde trabalha, o irmão difícil, o pai ausente) e pelos colegas, comete alguns erros e algumas mudanças, acabando por se apaixonar  pelo irmão da defunta  amiga e envolvendo-se com ele. <br /> No livro, aparecem as cartas, do retrato da vida desta adolescente só, que conforme vai entrando em decadência,  vai alterando o branco do quarto, tornando-se mais colorido (mas não de uma forma boa). <br /> Termina com o pai  dela, a acabar de ler aqueles &quot;relatos&quot;, sentindo-se impotente por não ter estado lá para ela, por não ter percebido nada...e por não ter conseguido evitar que, tal como Marta, Joana morresse por overdose.<br />
  4. 4. O Guarda da praia<br />Síntese do Livro:<br /> Ele é o guarda da praia, ela a invasora... <br /> Aquela praia era dele. Conhecia o mar, as rochas, os pescadores e toda a sua vida. Gostava de ir e vir da escola, ficar lá, nem por isso... Energético e audaz, talvez seja as características que melhor o descrevem. Vive com a avó e os amigos, eram os animais marinhos.<br /> Ela é uma escritora solitária, que vai para uma praia sossegada, à procura de calma e inspiração para o seu novo romance... <br /> Logo no segundo dia, é surpreendida pelo Dunas (o rapaz), um estranho interessado em saber se ela ia ficar por muito tempo. Ela não entendeu e achou-o inconveniente, mas depressa iria mudar de opinião. Iria simpatizar com aquele “bicho do mar”, que lhe dizia quando ela provava deliciosas amêijoas, que não o deveria fazer, porque ele nunca seria capaz de matar os seus amigos. Dizia-lhe para não escrever sobre a tal mulher sozinha que vivia num prédio alto de uma cidade escura, mas sim sobre o mar... <br /> Aparecia quando queria, desaparecia inesperadamente, e quando voltava era decisão da lua, das estrelas ou talvez das marés, porque nunca se sabia exactamente o que se podia esperar dele. <br /> Apesar de ter “muita lata”, conhece-lo verdadeiramente era difícil... De onde ele vinha? Com quem ele estava? Eram perguntas que começavam a assaltar a jovem escritora... E à medida que o tempo foi passando conseguiu as respostas. <br /> Conseguiu respostas e muito mais, e quando acabou o livro, doeu ter que regressar ao prédio alto na cidade escura, onde não havia um Dunas a invadir a casa, quando menos esperava, a dizer tudo o que tinha a dizer... Dunas tinha-lhe dito que a morte que doía, era quando pessoas que gostávamos se iam embora, e ela entendeu-o. Então por isso decidiu voltar, no Verão seguinte, para poder mergulhar sem medo, no imenso mar que com ele conhecera e juntos contarem tudo o que havia de novo e reviverem bons tempos. Mas o Dunas, já não estava. Tinha ido embora, para bem longe, mas prometera voltar para lhe contar tudo e ler o seu livro. No entanto, nunca era certo se ele iria voltar... <br />
  5. 5. A Fonte dos segredos<br />Síntese do Livro:<br /> Nesta obra, Gustavo, relata o Verão que mais o marcou na sua adolescência. Fala-nos do seu grande amor, da sua horrível e adorada família, do mundo que o rodeia, dos seus grandes amigos. Neste livro, Gustavo faz descobertas incríveis, sempre acompanhado dos seus “mais íntimos”, os animais. Nos seus laboratórios (dos vivos e dos mortos), descobre a sua verdadeira vocação: veterinário. Aconselho a todos a leitura da “ Fonte dos Segredos”.<br />
  6. 6. Gaspar e mariana<br />Síntese do Livro:<br /> Mariana é uma menina cega, que não sai de casa, não conhece o mundo, não percebe o significado das palavras, dos sentimentos. A sua mãe trabalhava durante o dia numa fábrica, o seu pai “que gostava do mar, não o temia e até ficou lá, quando era pequenina…foi e não voltou mais…porque gostava muito dele e quis lá ficar...<br /> Só Gaspar lhe fazia companhia e tudo lhe explicava, com a maior simplicidade, com a compreensão de um autêntico irmão. É ele quem lhe oferece um cãozito, o Camisolinha, que irá ser o seu companheiro quando Gaspar desaparece da sua vida.<br />
  7. 7. Colecção: Profissão Adolescente<br />de Maria Teresa Gonzalez<br />
  8. 8. Colecção: Profissão Adolescente<br />Síntese do Livro:<br />Dietas e Borbulhas conta-nos a história de duas irmãs, Catarina e Sara, que o destino parecia separar.<br />À saída da puberdade, Catarina começa a engordar, os rapazes não reparam nela senão para a ridicularizar. Infeliz, pratica a bulimia, chega quase à morte. <br />Sara, por seu lado, é elegante, descontraída, todos a cortejam.<br /> Até que um dia, Catarina, inspeccionando-se através de um amigo doente, percebe que cada um é como é, e decide aceitar-se.<br /> Uma história empolgante que se lê de um fôlego. Uma aventura pela adolescência encantada.  <br />DIETAS E BORBULHAS <br />de Maria Teresa Maia Gonzalez<br />Nº Páginas: 120<br />
  9. 9. Colecção: Profissão Adolescente<br />Síntese do Livro:<br />Rodrigo, a personagem de O Geniozinho, pertence a uma família da classe média, igual a tantas outras. Aplicado nos estudos, no computador, nos livros, diferente em tudo do irmão João que é um estroina e procura da vida a imediata realização pessoal.<br />Rodrigo é por isso o orgulho da mãe, enquanto o João colhe do pai uma cumplicidade que muitas vezes desespera a mãe. Mas no aniversário do avô, um misterioso artista que faz da música a razão do seu viver, Rodrigo senta-se ao piano e é de súbito tocado pela magia da infância, desses tempos felizes em que o avô lhe ensinou as primeiras notas musicais.<br />A partir daí tudo vai mudar. Rodrigo reencontra-se consigo na plenitude de si mesmo... <br />O GENIOZINHO <br />de Maria Teresa Maia Gonzalez<br />Nº Páginas: 120<br />
  10. 10. Colecção: Profissão Adolescente<br />Síntese do Livro:<br />As motos, a velocidade, o surf, a música estridente dos Smashing Pumpkins, os amores de ocasião, a noite e a cerveja eram os heróis que Ricardo elegera e sem os quais não podia viver.<br />Ser radical era isso, a forma de se afirmar, a maneira que Ricardo encontrou para desafiar os jogos incontidos dos afectos e lançar-se na aventura da vida.<br />Rasca ou não a sua geração compreendeu a hipocrisia dos políticos, deparou com a série infindável de clichés cuja identificação com os brandos costumes não coincidem com o seu sentido da realidade. Daí o grito desesperado: “Estou vivo e cheio de speed, yííí!”<br />Um dia porém o amor surgiu e Ricardo, o radical reencontrou-se, de caras consigo mesmo e o sentido da vida aconteceu... <br />RICARDO, O RADICAL de Maria Teresa Maia Gonzalez<br />Nº Páginas: 120<br />
  11. 11. Colecção: Profissão Adolescente<br />Síntese do Livro:<br />A Ana é uma rapariga de 15 anos. Filha de pai advogado e mãe escultora, vai com a irmã mais nova viver um drama que nem o amor por Tomás, um rapaz da sua escola, contribui para ultrapassar.<br />Ela, como tantas outras adolescentes, não teve infância, fez-se adulta contra-natura. Substituiu a mãe na educação da irmã, aturou a madrasta, combateu, lutou, cresceu sozinha. Exausta, completamente só, foge de casa e conhece a brutalidade da vida…<br />Fez frente a tudo e a todos. Não teve nunca um reduto de sonho e até as próprias lágrimas tinham secado na infância...<br />A ANA PASSOU-SE <br />de Maria Teresa Maia Gonzalez<br />Nº Páginas: 120<br />
  12. 12. Colecção: Profissão Adolescente<br />Síntese do Livro:<br />A Rafael Santa-Cruz corre-lhe no sangue a poesia, uma sensibilidade secreta cujos horizontes não cabem nos limites familiares e escolares. Na escola tem por colega um rapaz, filho de um pai muito diferente do seu. Os dois amigos vão unir-se numa amizade que, não excluindo Vanessa ou Ana Lúcia, se desenvolve por caminhos de contornos misteriosos, por vezes inacessíveis, cruzados por emoções, vivências, apelos, solicitações, gritos surdos.<br />O desfecho desta amizade conduz à eterna pergunta: o que é o amor? Valerá a pena morrer por ele? Podem as convenções matá-lo, inscrevê-lo em códices identificados com a morte?<br />POETA (ÀS VEZES) <br />de Maria Teresa Maia Gonzalez<br />Nº Páginas: 120<br />
  13. 13. Colecção: Profissão Adolescente<br />Síntese do Livro:<br />A SARA MUDOU DE VISUAL <br />de Maria Teresa Maia Gonzalez<br />Nº Páginas: 120<br />Sara e o irmão gémeo, Simão Pedro, vão fazer dezoito anos e frequentam o 12º ano.<br />Apesar das múltiplas afinidades que ligam Sara ao irmão e da grande amizade que os une, Sara é muito diferente dele e também das raparigas da sua idade.<br />A sua beleza exótica, o seu talento para a pintura, a sua extrema simplicidade e fé, conferem-lhe um brilho especial e o poder de encantar, mesmo contra a sua vontade...<br />Um dia, decide escolher o que irá fazer do resto da sua vida. E ninguém queria acreditar...<br />
  14. 14. Colecção: Profissão Adolescente<br />Síntese do Livro:<br />Pedro pertence a uma família com passado, fortuna e um nome: os Castelo Branco.<br />O pai conhece a solidão, a prisão, a doença. Abandonado pela mulher que entretanto se junta com um homem insignificante, pelo filho mais novo, por todo o clã, só Pedro, o filho de quinze anos, de porte atlético, vai tomar aos seus ombros a responsabilidade de o acompanhar nos três difíceis anos de cárcere e nos meses seguintes à sua libertação.<br />Esse longo e fascinante percurso é, neste volume, magistralmente relatado. A autora, profunda conhecedora dos problemas dos jovens, traça nestas páginas o perfil de uma geração que soube encontrar em si os alicerces de ternura, tolerância e solidariedade, numa clara demonstração que ninguém pode respeitar os outros se não se respeitar a si próprio. Pedro, Susana, Marcos, Vítor, personagens de um tecido social cujo destino nos pertence também um pouco.<br />PEDRO, OLHOS DE ÁGUIA <br />de Maria Teresa Maia Gonzalez<br />Nº Páginas: 120<br />
  15. 15. Colecção: Profissão Adolescente<br />Síntese do Livro:<br />Tiago tem catorze anos, frequenta a escola, é filho de pais divorciados e tem o hábito de pensar. Esta característica pouco comum nos jovens da sua idade leva-o a enfrentar os professores, a desmontar os seus esquemas mentais velhos de muitos séculos. Egocêntrico e pouco tolerante, vai aprender no embate com os outros e com a vida a descodificar as palavras e os sentimentos que o irão integrar num processo de crescimento difícil, isolando-o muitas vezes de si e dos outros.<br />A amizade com a vizinha, professora de filosofia que vive só, com um cão, é o ponto de partida da história que atravessa todo o livro. Os dois vão adensar-se num confronto de igual para igual, onde poetas e pensadores são chamados a restabelecer o equilíbrio tão difícil de encontrar na adolescência.<br />O TIAGO ESTÁ A PENSAR <br />de Maria Teresa Maia Gonzalez<br />Nº Páginas: 120<br />
  16. 16. Colecção: Profissão Adolescente<br />Síntese do Livro:<br />No dia em que Rita fez anos, recebeu das mãos de um estranho homem uma prenda inquietante. A partir desse dia nunca mais foi a mesma adolescente feliz, o seu universo familiar e afectivo sofreu um abalo tão profundo que a terra inteira pareceu voltar-se do avesso, levando nesse movimento os amigos, a escola, as aspirações e os sonhos de uma rapariga a quem nada faltava porque tudo lhe caia do céu protector da infância.<br />Muitas vezes é-se subitamente adulto quando uma revelação incendeia a harmonia da juventude e não há lugar para guardar os segredos que vão fazendo nós na garganta. De repente, para a Rita, o tempo e os lugares, os pais ou o namorado, a escola ou os centros comerciais onde costumava vaguear, deixaram de existir.<br />Os seus quinze anos dividiram-se entre a verdade e a mentira, entre o sonho e a realidade, entre si e os outros.<br />PARABÉNS, RITA! <br />de Maria Teresa Maia Gonzalez<br />Nº Páginas: 120<br />
  17. 17. Colecção: Profissão Adolescente<br />Síntese do Livro:<br />Duas famílias, uma agnóstica, outra católica, vão ser literalmente atravessadas por uma tragédia. Filipa e Miguel, personagens escaldantes, não suportam que a família e a sociedade venham a ditar as normas por que se regem os clamores do primeiro amor, esse que nunca se esquece, que nos marca indelevelmente, de onde se levanta a gigantesca catedral de sentimentos, dores e alegrias, que irão abrir o rumo da nossa vida.<br />Mesmo considerando a solidariedade e a harmonia na família de Miguel, os dois jovens vão enfrentar a dura prova do crescimento e aprender “que o vazio causa a dor mais indizível de todas. Uma dor redonda e invisível como um buraco negro por onde a alegria e toda a esperança se esvaem”.<br />No final, a caminho da solidão maior, Miguel e Filipa tocam o zénite onde podem enfim fundir-se num só.<br /> UM BEIJO NO PÉ <br />de Maria Teresa Maia Gonzalez<br />Nº Páginas: 120<br />
  18. 18. Colecção: Profissão Adolescente<br />Síntese do Livro:<br />O avô de Bruno dedicou a vida ao partido, à luta pela democracia, esquecendo o filho, a família, tomado pela vertigem do trabalho na clandestinidade, pela prisão, pelo desassossego das horas subterrâneas onde construía a resistência ao regime de Salazar. Quando a liberdade chegou, o filho tinha crescido sem ele, fizera-se professor universitário, casara, tivera um filho, Bruno, e partira para Paris, deixando-lhe o neto a seu cargo.<br />Bruno devia, assim, ao avô Bento os melhores anos da sua vida. Com ele aprendera o código da camaradagem, da alegria.<br />Por isso, naquele verão quente, não aceitou ver o seu melhor amigo depositado num Lar, ao lado de outros velhos. Deixando o Algarve onde passava férias com o pai, fez-se à estrada, para viver com o avô a sua maior aventura.<br />O relato dessa viagem empolgante, o relacionamento entre avô e neto, têm nestas páginas o timbre da aventura humana, quando o amor e a ternura, o afecto e as lágrimas servem de alicerce e dão continuidade à natureza humana.<br />A VIAGEM DO BRUNO de Maria Teresa Maia Gonzalez<br />Nº Páginas: 120<br />
  19. 19. Colecção: Profissão Adolescente<br />Síntese do Livro:<br />Na mesa-de-cabeceira do seu quarto, Clara tem um álbum que é uma espécie de fronteira a separar o passado do presente, e a comprometer o futuro num jogo de dores (“no corpo e na alma”) na sequência de um acidente que a ia vitimando fatalmente ao completar quinze anos.<br />Ao sair do hospital em cadeira de rodas, transfigurada, diminuída intelectual e fisicamente, Clara vai ter de enfrentar os colegas da escola, os amigos que julgava sinceros, os namorados que pensava eternos, os professores, os pais, os vizinhos…<br />Esses confrontos, mais a revolta, a incerteza, a dúvida (a entrelaçar na malha complicada dos afectos a perturbação e o medo, com a heroicidade), o desafio e o esforço constantes, para que o antes e o depois se juntem à matriz primeira e tragam aos dias instantes de felicidade, são nestas páginas admiravelmente contadas, levando o leitor a participar da vontade e da personalidade contagiante da personagem.<br />O ÁLBUM DE CLARA de Maria Teresa Maia Gonzalez<br />Nº Páginas: 120<br />
  20. 20. Colecção: Profissão Adolescente<br />Síntese do Livro:<br />Que sociedade é esta que parece ter perdido a confiança na sua juventude? Que a amarrou a uma corrente de regras, tratados, direitos e obrigações, que a fechou numa gaveta que emperrou, para que o indivíduo não crie espaços, ilhas de identidade própria, não lance à sua volta sementes que tragam à superfície o que há de mais profundo em cada um de nós?<br />Neste livro muitas interrogações esbarram nessa cadeia de convenções que foi orientando pais e filhos, professores e educadores ao longo de uma vida onde aconteceu morrer Guilherme, chorar Martim, sofrer João, adolescentes que nestas páginas gritam, abanam, ferem porque sozinhos e muito cedo souberam que “o mais forte é aquele que aguenta, firme, a verdade, a solidão e a dor”.<br />Pela voz da sociedade a juventude nunca poderia acontecer, mas neste soberbo livro ela luta pela verdade, agiganta-se, reinventa o código que ajusta as particularidades e deixa a cada um o caminho largo da sua realização.<br />ALGUÉM SABE DO JOÃO <br />Teresa Maia Gonzalez<br />Nº Páginas: 120<br />
  21. 21. Colecção: Profissão Adolescente<br />Síntese do Livro:<br /> A Marta, como tantas outras raparigas com idades parecidas, fez uma opção. A opção da vida, a opção do amor. Fizeram-na também muitas outras, personagens deste livro, embora a sua situação tenha tido começos diferentes. Ao longo desta história vamos assistindo exactamente ao triunfo dessa opção, a do Amor que dá vida; a triunfar sobre contrariedades e vicissitudes, sobre sacrifícios e tantas e tantas pequenas – grandes? – desistências de um dia-a-dia na vida de uma adolescente.<br /> <br /> Sem falsos moralismos, retratando uma situação que é cada vez mais real e actual, e tomando consciência, também, de como a necessidade de ajuda a estas jovens é indispensável, inadiável, apetece perguntar: onde é que ela está, essa ajuda? Onde estão as tantas promessas feitas há tão pouco tempo, a tanta gente, por tanta gente? A que existe não chega...<br />TÃO CEDO, MARTA!<br />Teresa Maia Gonzalez<br />Nº Páginas: 120<br />
  22. 22. Colecção: Profissão Adolescente<br />Síntese do Livro:<br /> Domingos é um mulato de dezasseis anos que nasceu em Angola e vive em Lisboa com os pais adoptivos de raça branca. Ele e a irmã, Joana, são o núcleo afectivo de um casal de médicos. Tal como muitos rapazes e raparigas de cor, Domingos vai viver a terrível realidade da diferença, transportando aos ombros essa carga demasiado pesada que só pode aligeirar com um grito desarticulado reclamando justiça.<br /> <br /> Não sei quem sou. Não conheço o lugar de onde venho. Não sei aonde irei parar, disse um dia, desesperado, Domingos. Até ao encontro desse Eden do amor chamado Noor, uma rapariga indiana, tão bonita por dentro como por fora, que o destino pôs no seu caminho para que ele, sem perder as suas origens, não curtisse mais o silêncio dos despojados da sorte.<br /> <br /> Com este tema tão actual como comovente, a Autora põe o dedo na ferida que muitos fingem curar. O presente volume é um clamor de protesto contra aqueles que catalogam a Humanidade pela cor da pele.<br />O IRMÃO DE JOANA <br />Teresa Maia Gonzalez<br />Nº Páginas: 120<br />
  23. 23. Colecção: Profissão Adolescente<br />Síntese do Livro:<br /> Um grupo de rapazes e raparigas, alunos da mesma escola, resolveram dedicar parte dos seus tempos livres ao serviço dos outros. Entre a assistência aos sem-abrigo, campanhas de solidariedade e colaboração em projectos educativos, estes jovens adolescentes, afinal de contas iguais a todos os outros, dão-nos bem a medida da enorme capacidade de toda uma geração, e também da constante alegria que são capazes de colocar no que fazem, quando tal lhes é permitido e são devidamente apoiados.<br /> <br /> Salvador é o fundador e animador do grupo. Adolescente com uma vida familiar normal, será sobretudo ele que, ao longo destas reveladoras páginas, nos mostrará o que podemos fazer pelos outros quando verdadeiramente nos empenhamos.<br /> E será essa mesma dedicação a causa que abraçou que virá a ser fundamental nos esforços de recuperação de um sem-abrigo que o tinha surpreendido de um modo inesperado.<br />O SALVADOR <br />Teresa Maia Gonzalez<br />Nº Páginas: 120<br />
  24. 24. BE/CRE:<br />Mês da Autora Maria Teresa Gonzalez<br />Ficam aqui algumas sugestões… Boas leituras!!!<br />

×