Pegas e Apoios

499 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
499
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
84
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Pegas e Apoios

  1. 1. Natação parabebésPAP – Prova de Aptidão ProfissionalCasa Pia de Lisboa – CED de Pina ManiqueCurso Profissional de Desporto e CondiçãoFísicaAno Letivo 2011/2012Ana Catarina AbreuRodrigues nº23ºPE
  2. 2. Apoios e pegasA pega deve ser feita com a máxima confiança e segurança para o bebése sentir confortável.Ao agarrar o bebé com:Firmeza Calma SegurançaTransmite-lhe tudo isso e ele sentir-se-á confiante e relaxadoTornando-seMenos contraídoMais cooperanteMais espontâneoSe não acontecer o bebé sentir-se-áInseguroEm desequilíbrioSensação de desconforto
  3. 3. É essencial o contacto pais/bebé para transmitir sensaçõespositivas (gargalhadas) ou negativas (choros e rejeições)Existem seis tipos de pegas e apoios:Apoio dorsal no ombroÉ usada no início da adaptação aomeio aquático do bebé, a sentirágua por os ouvidos;É vantajoso pois a cabeça dobebé encaixa entre o ombro e acabeça do parceiro, deixando asmão livres para entreter o bebéObjetivo acalmar o bebéPega ventral com um apoioApoio preferido do bebéO bebé sente uma grande alegriapela liberdade de movimentos.É feito com uma mão na barrigado bebéObjetivo alcançar os paisPega dorsal com dois apoiosObjetivo, agarrar o bebé cara acara e controlar o nível de águana boca e na caraVantagem, o bebé imita o que opar fizerPega dorsal com um apoioLiberdade de movimentos do bebéApoia o bebé na nuca com a mãoOs braços do bebé e as pernastem total movimentoPega dorsal com dois apoioUma mão agarra a cabeça e a outraequilibra os membrosinferiores, segurando no rabinho dobebéPega dorsal com dois apoio á retaguardaBebé executa a tarefa sem contactovisual com o parO par executa a pega com as duaspalmas das mãos viradas para cimaagarrando no ombro do bebé
  4. 4. Exemplos de exercíciosVou apresentar alguns exercícios e os seus objetivos.Os exercícios estão divididos em grupos:1. Aprender a esperar;2. Equilíbrio;4. Passagens;3 Atividades;
  5. 5. 1. Aprender a esperar;É uma técnica vital de segurança pois permite ensinar á criança a esperar poruma indicação de um adultoExemplo:Entrada segura na piscinaO adulto tem de agarrar a mão da criança antes de entrar napiscina, para que esta não entre sozinha.Objetivo e sugestão:Regras de segurança desde a tenra idade ensinandoo seu filho a entrar na piscina apenas com a suapermissão.Esta técnica deve ser utilizada sempre que sepratique o salto do bordo da piscina.
  6. 6. 2. Equilíbrio;O equilíbrio dentro de água é uma sensação única e completa que permite aobebé uma aprendizagem em terra firme.Exemplo:Exercício de espargueteO acompanhante deve colocar a criança em cima do esparguetecom uma perna para cada lado e segurar-lhe na cintura..Objetivo e sugestão:Como os bebés se movimentam rapidamente, é importante que oadulto se prepare para emparar movimentos rápidos que possamcausar uma perda de equilíbrio.Quando o bebé estiver sentado num objeto flutuante, o adultodeve agarra-lo bem ou manter as suas mãos ao alcance dele.Os brinquedos flutuantes das piscinas não são salva-vidas e sendoassim o bebé nunca deve estar sozinho.
  7. 7. 3 Atividades;Existe um circuito de atividades que se adapta á piscina, á situação, á idade e aonível de adaptação da criança permitindo a pratica de diferentes exercícios.Exemplo:Deslocamento do macacoFazer com que a criança aprenda a deslocar-se ao longo da parededa piscina até um ponto seguro.Objetivo e sugestão:Coloque um brinquedo na calha da piscina a uma distância de1,2metro do seu filho. Deve recompensá-lo com um brinquedo assimque ele conseguir agarrá-lo sozinho..
  8. 8. 4. Passagens;Existem vários tipos de passagem, todas elas possibilitam á criança uma maiorfamiliaridade e confiança.Exemplo:Passagem em imersão para par sem apoioEste exercício permite á criança sentir-se leve dentro de água epela primeira vez sentir-se sem apoio do acompanhante.Objetivo e sugestão:Este exercício permite um domínio desta técnica, fazendo comque a criança sinta apoio, liberdade e alegria em se podermovimentar dentro de água.Se por algum motivo, o exercício não for bem sucedido porparte da criança, não mostre insatisfação, pois ela irá sentirmedos e o acompanhante tem de manter uma posição calma econfiante.

×