6 hábitos das pessoas altamente empáticas

42.448 visualizações

Publicada em

Aprenda o que diferencia as pessoas empáticas de todo o resto e, coloque essas atitudes em prática no dia-a-dia

Se você acha que está ouvindo a palavra empatia por toda parte, você está certo. E agora, o termo está na boca de cientistas e líderes empresariais, especialistas em educação e ativistas políticos.

Mas há uma questão vital que poucas pessoas perguntam: como posso expandir o meu próprio potencial empático?

A empatia não é apenas uma maneira de estender os limites do seu universo moral. Segundo pesquisa, essa é um hábito que se pode cultivar para melhorar a qualidade de nossas próprias vidas.

Mas o que é empatia? É a capacidade de se colocar no lugar de outra pessoa, com o objetivo de entender seus sentimentos e perspectivas, e usar esse conhecimento para orientar nossas ações.

Publicada em: Aperfeiçoamento pessoal
0 comentários
4 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
42.448
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
36.445
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
108
Comentários
0
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

6 hábitos das pessoas altamente empáticas

  1. 1. www.agendor.com.br
  2. 2. Aprenda o que diferencia as pessoas empáticas de todo o resto e, coloque essas atitudes em prática no dia-a-dia
  3. 3. www.agendor.com.br
  4. 4. Se você acha que está ouvindo a palavra empatia por toda parte, você está certo. Mas o que é empatia? É a capacidade de se colocar no lugar de outra pessoa, com o objetivo de entender seus sentimentos e perspectivas. Aqui estão 6 hábitos das pessoas altamente empáticas.
  5. 5. www.agendor.com.br Cultive a curiosidade pelo desconhecido
  6. 6. Pessoas altamente empáticas têm uma curiosidade insaciável sobre os desconhecidos. A curiosidade expande nossa empatia quando falamos com pessoas fora do nosso círculo social habitual. Cultivar a curiosidade exige mais do que ter apenas uma breve conversa se o tempo vai virar.
  7. 7. www.agendor.com.br Desafie o preconceito e descubra pontos em comum
  8. 8. Todos nós temos suposições sobre os outros e usamos rótulos para nos referirmos às outras pessoas que nos impedem de apreciar a sua individualidade. As pessoas altamente empáticas desafiam seus próprios preconceitos, procurando o que compartilhar com as pessoas, e não o que os separa.
  9. 9. www.agendor.com.br Experimente a vida de outra pessoa
  10. 10. Pessoas empáticas expandem sua empatia para ganhar experiência pela vida de outras pessoas. George Orwell é um modelo inspirador. Ele se vestiu como um mendigo, e viveu com os mendigos e vagabundos. O resultado foi registrado em um livro e, mudou radicalmente suas crenças, prioridades e relacionamentos.
  11. 11. www.agendor.com.br Escute abertamente
  12. 12. Há 2 características para uma conversa empática. Uma delas é dominar a arte da escuta radical. Pessoas empáticas ouvem os outros e fazem todo o possível para compreender suas necessidades. Empatia é uma via de mão dupla que, é construída sobre entendimento mútuo, troca de crenças e experiências importantes.
  13. 13. www.agendor.com.br Inspire a ação
  14. 14. Nós assumimos que a empatia acontece no nível da individualidade, mas pessoas empáticas entendem que a empatia é um fenômeno que traz uma mudança fundamental. O grande desafio é descobrir como a tecnologia pode aproveitar o poder da empatia para criar uma ação política de massa.
  15. 15. www.agendor.com.br Desenvolva uma imaginação ambiciosa
  16. 16. Um traço final das pessoas altamente empáticas é que elas fazem muito mais do que ter empatia com as pessoas de costume. Nós também precisamos sentir empatia com pessoas cujas crenças não compartilhamos ou que possam ser inimigas, de alguma forma.
  17. 17. www.agendor.com.br Desenvolva a empatia diariamente
  18. 18. O século 20 foi a era da introspecção, quando a auto-ajuda nos encorajou a acreditar que a melhor maneira de nos conhecer é olhar para dentro. O século 21 deve se tornar a era da empatia, quando descobrimos nós mesmos através da auto-reflexão, e também no interesse pela vida dos outros.
  19. 19. Gostou da apresentação? Compartilhe e espalhe a ideia! + conteúdo em: agendor.com.br/blog

×