Planejamento anual de sociologia

2.468 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.468
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
70
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Planejamento anual de sociologia

  1. 1. PLANEJAMENTO ANUAL DE SOCIOLOGIA – 2014 SANTA LUZIA – MA. 1 – IDENTIFICAÇÃO Instituição: CENTRO DE ENSINO GOVERNADOR JOÃO ALBERTO Disciplina: Sociologia Professor: Sandro Silva Lima Contato: (98) 81581799 E-mail: sslima70@hotmail.com Série: 2º ano Curso: Ensino médio 2 – CONTEÚDO PROGRAMÁTICO 1º BIMESTRE: Unidade I: Poder, Politica e Estado; 1. Noção de estado e nação; 2. Definição de estado e nação; 3. Estado Absolutista; Liberal; Neoliberal; 4. Os estados nacionais do sec. XX; 5. Estado pluriétnico; 6. Democracia nos limites do liberalismo; 7. Autoritarismo no Brasil e na América do Sul. 2ºBIMESTRE: Unidade II: Teorias Clássicas e interpretações: 1. O pensamento de Durkheim; 2. Coerção, suicídio e solidariedade; 3. Socialização e processos sociais; contatos sociais, isolamento e interação social; 4. Status, papel social e controle social; 5. Fatos Sociais e sociedade orgânica e mecânica; 6. Augusto Comte e Positivismo; 7. A Lei dos três estágios: teológico; metafísico; positivo; 8. Instituições sociais: família, religião e educação. 3ºBIMESTRE: Unidade III: Teorias Clássicas e Interpretações: Max Weber: 1. O estado na visão de Weber; 2. Ação social: Max Weber; 3. Sociedade e ações individuais; 4. Tipos de dominação: legal, burocracia e carismática; 5. O mundo desencantado; 6. Divisão de poder: classes, status, partidos políticos; 7. Organização social-capitalista e concepção histórica e crítica. 4º BIMESTRE: Teorias Clássicas e Interpretações: Karl Marx 1. As contradições da sociedade capitalista de Marx; 2. A dialética marxista; 3. Materialismo histórico e materialismo dialético; 4. Classe social: a luta de classes e o estado na visão de Marx; 5. A “Mais Valia”; 6. A divisão social do trabalho e alienação no processo de produção.
  2. 2. 3 – OBJETIVOS 4.1 Objetivo Geral: Caracterizar, conceituar e compreender a evolução histórica da Sociologia e a sua importância para a Sociedade. Fomentando a reflexão sobre as estruturas complexas da sociedade, as relações de trabalho, as tecnologias de produção, os movimentos de transformação e os novos comportamentos dimensionados por ambientes racionalizados e administrados tecnologicamente. 4.2 Objetivos Específicos: 1. Conceituar, descrever e expor os conceitos de pode, politica e estado; 2. Descrever o fundador da Sociologia, Auguste Comte e as relações que a Sociologia estabelece com outras ciências sociais. 3. Expor a teoria de Emile Durkheim, proporcionando a compreensão como a vida social condiciona algumas de suas ações e emoções, e como se dá o processo de socialização; 4. Apresentar a teoria de Karl Marx, proporcionando a compreensão de como a economia influencia a vida em sociedade. Também expor a compreensão do significado do mundo do trabalho. Além disso, oportunizar compreensões a cerca do desemprego não como uma mera situação individual. 5. Descrever a teoria de Max Weber, descrever o processo de burocratização é inerente à modernização. Com a teoria o aluno terá a oportunidade de compreender a relação entre mobilidade social e teoria sociológica. 4 – PROBLEMATIZAÇÃO A palavra Sociologia tem origem latina, de socius, que significa sócio ou social, e do grego logos que significa estudo. Assim, sociologia é o estudo do social, da sociedade ou das relações entre pessoas; resumindo é “a Ciência da Sociedade”. Deste modo, a sociedade precisa ser definida pela Sociologia e a Vida Social precisa ser explicada pela Sociologia. É a reflexão dos homens sobre eles mesmos, onde o social como tal é colocado em questão na relação elementar entre indivíduos, ou pela entidade global. 5 – METODOLOGIA 5.1 Estratégias de Ensino e Aprendizagem: Aula expositiva e dialógica O professor a partir do conteúdo proposto no plano de ensino associado com fatores sociais vivenciados pelos alunos no dia-a-dia, estabelece uma dialética com os próprios, busca formas de solução e solicita aos alunos que a partir do conhecimento que já tenham – experiência de vida - escolham um ou mais caminhos de solução, a serem trabalhados com maior profundidade durante a aula. 5.1 As aulas seguirão o seguinte roteiro: 1. Apresentação de conceitos de Sociologia; 2. Exposição de uma situação problema; 3. Discussão sobre a importância dos conhecimentos da Sociologia para sociedade. 5.2 Recursos didáticos: Quadro-branco, internet; livro didático; apresentação em vídeo de um “estudo de caso de uma determinada sociedade”. 5.3 Filmes: Tempos Modernos (Charles Chaplin); A classe operária vai ao paraíso; e Daens: um grito de justiça.
  3. 3. 6 – HISTORIZAÇÃO O surgimento da Sociologia está relacionado às mudanças sociais ocorridas no século XIX e inicio do séc. XX. Estas mudanças correspondem a Revolução Francesa e Industrial, onde os estudiosos da época procuravam entender as transformações e ao mesmo tempo apontar caminhos para a nova sociedade que surgia, e se apresentava com inúmeros desafios econômicos, políticos, culturais e sociais. As teorias foram surgindo e deu origem a Sociologia “Ciência da Sociedade”, que procura estudar as relações sociais e as formas de associação, considerando as interações, que ocorrem na vida em sociedade. Abrange, portanto, o estudo de grupos sociais, politica, economia, os fatores que interferem na vida das pessoas, a divisão da sociedade em camadas, a mobilidade social, os processos de cooperação, competição e conflito na sociedade, entre outros fatores pertinentes. 7 – PROCESSOS DE AVALIAÇÃO A avaliação será diagnóstica, processual e qualitativa conforme “Resolução do Projeto Político Pedagógico do Curso e, da Instituição de Ensino”. Critérios de Avaliação: 1. Pesquisa Bibliográfica: a pesquisa tem como objetivo observar e orientar o educando na busca de novos conhecimentos, além dos repassados em sala de aula; 2. Apresentação de trabalho: tem como foco oportunizar ao educando a possibilidade de exercitar a comunicação, estimular a capacidade de síntese e narrativas de ideias; 3. Prova: com 50% das respostas para questões objetivas e 50% para questões discursivas em questões dissertativas. 4. Trabalho de Grupo: tem como objetivo facilitar a aprendizagem do trabalho coletivo, desenvolvendo a cooperação, a responsabilidade e solidariedade. 5. Produção textual: desenvolver no educando a capacidade de produzir textos utilizando-se de conhecimentos apreendidos, expondo-se de maneira correta através da escrita. 6. Avaliação individual: assiduidade, participação em aula, discussão em grupo, interesse no conteúdo e comprometimento. 8 – REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS TOMAZI, Nelson Décio, Sociologia para o Ensino Médio. Manual do Professor. São Paulo: Editora Saraiva, 2010. LEONIR, Jacir. Sociologia: livro didático. Palhoça; Unisul Virtual, 2007. ARON, R. As Etapas do Pensamento Sociológico. São Paulo: Martins Fontes, 1993. LAKATOS, E. M.; MARCONE, M. de A. Sociologia geral. 7. ed. São Paulo: Atlas, 1999. COSTA, Cristina. Introdução à Ciência da Sociedade. São Paulo: ed. Moderna, 2010.

×