SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 6
Baixar para ler offline
© joaofreigil@hotmail.com | https://pt.slideshare.net/Joaofreigil
4 º Ano de Catequese Nome:
1. Reunidos no amor de Cristo
No início de cada celebração, o senhor Padre saúda o
povo dizendo:
“A graça de Nosso Senhor Jesus Cristo, o amor do Pai
e a comunhão do Espírito Santo estejam convosco!”*
A essas palavras, nós respondemos:
___________________________________________
___________________________________________
(*Esta saudação tem origem nas cartas de São Paulo. Abre a tua Bíblia em 2 Coríntios 13, 13!)
Mas então, o que é que estamos a dizer?
Significa que estamos a dar graças a Deus e a louvá-lo porque estamos
felizes e agradecidos. A palavra “bendito” tem o mesmo significado
da palavra “bendizer”, isto é, “dizer + bem”. Portanto, estamos a
proclamar que Deus deve ser “bem dito” (ou “bem falado”) por toda a
gente, porque Ele é bom e nos concede coisas boas!
E qual foi a coisa boa que Deus nos concedeu hoje?
Foi Deus quem nos enviou o seu Filho Jesus Cristo e nos deu a felicidade de O
conhecer e escutar as suas palavras. E é por esse motivo que estamos reunidos.
Seja na catequese ou na missa, é por causa de Jesus que temos a alegria de
estar todos juntos.
Re-UNIU NO AMOR
Somos uma comunhão de irmãos, isto é, um grupo de discípulos de Jesus, que vivemos unidos pelo amor
que recebemos de Deus. Porque nos amamos uns aos
outros e amamos a Deus, que em Jesus Cristo nos ensinou
a sua forma de amar, reunimo-nos para celebrar a fé,
agradecer e corresponder a Deus pelo amor que nos tem.
Ao amor cristão também podemos chamar de caridade.
Abre a tua Bíblia em 1 Coríntios 13, 1-13 e descobre
algumas características do amor que nos deve unir!
Depois, encontra-as (15) na sopa de letras!
O amor é paciente, o amor é prestável, não é invejoso [é altruísta], não é
arrogante [é delicado] nem orgulhoso [é humilde], nada faz de inconveniente [é
favorável], não procura o seu próprio interesse [é filantropo], não se irrita nem guarda
ressentimento [perdoa]. Não se alegra com a injustiça [é justo], mas rejubila com a
verdade. Tudo desculpa, tudo crê [confia], tudo espera, tudo suporta. O amor jamais
passará [é eterno].
Bendito seja Deus…
que nos reuniu no
amor de Cristo!
© joaofreigil@hotmail.com | https://pt.slideshare.net/Joaofreigil
4 º Ano de Catequese Nome:
2. Sereis minhas testemunhas
Bora lá cantar?
Refrão: Recebereis a força do espírito, sereis minhas testemunhas, até ao fim dos
tempos. Sereis minhas testemunhas, até ao fim dos tempos!
Música e letra: Pe. Marcos Alvim | Áudio: https://youtu.be/q2gqI88HnAc
Jesus reuniu os discípulos para aprenderem mais sobre Ele e sobre Deus Pai. Para isso os discípulos
viveram junto a Ele. Todavia, Jesus dá-lhes também uma missão! Abre a tua Bíblia em Lucas 24, 46-49.
A que acontecimento Jesus se referia ao dizer estas
palavras aos discípulos?
__________________________________________________
Estiveste atento à passagem do Evangelho que
acabamos de escutar e às explicações do
catequista? Então realiza o exercício das
palavras cruzadas!
1. O que aconteceu depois da morte de Jesus?
2. Grupo de quatro livros do Novo Testamento.
3. Quantos são os livros do Novo Testamento?
4. Parte da Sagrada Escritura que nos relata a
vida de Jesus e dos primeiros discípulos.
5. A partir de onde Jesus mandou os discípulos
começarem a pregar?
6. A missão que Jesus incumbiu aos discípulos.
7. Quantos são os apóstolos (por extenso)?
8. Palavra grega que significa o mesmo que
“testemunha”.
9. Quem é “Aquele que foi prometido por meu
Pai” de quem fala Jesus?
Pinta os desenhos.
Vós sereis
testemunhas
disso.
© joaofreigil@hotmail.com | https://pt.slideshare.net/Joaofreigil
4 º Ano de Catequese Nome:
3. Ficaram cheios do Espírito Santo
Lembras-te quem era Aquele a quem Jesus prometeu enviar (Lc 24, 49)? Sim, é esse mesmo: o Espírito
Santo! Vamos ver como é que os apóstolos o receberam? Abre a tua Bíblia em Atos dos Apóstolos 2, 1-4.
De que forma desceu o Espírito Santo sobre cada um
deles?
Em que dia isto aconteceu?
Sabes com que outras formas o Espírito Santo é representado pela Igreja?
Cf. Catecismo da Igreja Católica, n. 694-701
Na festa do P____________s os judeus celebravam a última colheita dos cereais. Esse nome, em grego,
significa ________gésimo, por terem passado ____ dias desde a festa da primeira colheita (a dos pães
ázimos) ou da festa da Páscoa (a partir do séc. IV a.C). Foi por ocasião dessa festa que, estando os
_______________ todos reunidos, desceu desde o Céu sobre eles o _________ ________ parecido com
línguas de _________ que pousaram uma sobre cada um deles. O fogo, além de iluminar, também a____ce
e, por isso, dá vida. Por exemplo, sem a luz e o calor do Sol não poderia existir ______. Ele é também fonte
de energia, por isso o Espírito Santo auxilia e encoraja os discípulos de Jesus na missão de e___________r
e de dar testemunho de Jesus. Segundo o Livro de Isaías 11, 2, Ele dá sabe_________ e (inteligência ou)
enten_________, (bom) cons_______ e fortaleza, ciência e (piedade ou) _________ do Senhor.
Descobre mais sobre os dons do Espírito Santo! Faz uma pesquisa no teu computador:
https://www.imissio.net/artigos/51/267/os-7-dons-do-espirito-santo-explicados-por-papa-francisco/
© joaofreigil@hotmail.com | https://pt.slideshare.net/Joaofreigil
4 º Ano de Catequese Nome:
4. Os Apóstolos ensinam-nos a viver em comunhão fraterna
A vinda do Espírito Santo transformou a vida dos Apóstolos. Agora, impelidos por Ele, iniciaram a missão
que ainda hoje está em decurso: a evangelização de todos os Povos da Terra. Evangelizar, significa levar
uma boa notícia! E a notícia que os apóstolos querem fazer conhecida de todos os homens e mulheres é a
do acontecimento da Morte e Ressureição de Jesus Cristo! Já viste quão boa notícia é saber que Jesus, o
Filho de Deus, nos amou tanto ao ponto de dar toda a sua vida (até morrer) para nosso bem e salvação?
Não achas surpreendente que Jesus tenha vencido a morte, voltando a viver? Isso significa que, também
para nós, a morte já não é o fim de tudo!
Sabias que aqueles que recebiam a boa notícia mudavam a sua forma de viver (conversão) para
corresponderem melhor ao amor que Jesus nos
teve e àquilo que Ele nos pediu? Abre a tua Bíblia
em Atos dos Apóstolos 2, 37-47 e vê como
viviam os primeiros cristãos! Quais eram os
grandes pilares das primeiras comunidades
cristãs?
1 - Acreditavam no anúncio dos apóstolos;
2 - Pediam o B __ __ __ __ __ o;
3 - Eram assíduos ao __ __ __ __ __ __ dos
apóstolos (que é a catequese);
4 - Viviam em __ __ __ __ __ fraterna, possuindo
tudo em comum e praticando a caridade;
5 - Participavam na __ __ __ __ __ __ __ do pão
(que é o mesmo que dizer: na Eucaristia ou
Missa) e nas orações;
6 - Frequentavam o __ __ __ __ __ __ (a igreja)
diariamente;
7 - Viviam com __ __ __ __ __ __ __ e
simplicidade.
É neste contexto que nascem os Evangelhos. Os
escritores dos quarto evangelhos passaram a escrito, para que jamais fosse esquecido, aquilo que os
apóstolos testemunharam sobre Jesus, sobre os seus ensinamentos, sobre a sua forma de viver, sobre o
amor que Jesus nos tem, sobre a forma como Ele morreu e ressuscitou. Mas para quê? Para que também
nós, hoje, possamos conhecer Jesus e seguir o seu exemplo: Ele mesmo pediu para que, tal como Ele fez, o
façamos nós também. Abre a tua bíblia em João, 13, 1-15 e vê o exemplo que Jesus nos deixou e pediu
para nós repetirmos.
Pinta o desenho.
© joaofreigil@hotmail.com | https://pt.slideshare.net/Joaofreigil
4 º Ano de Catequese Nome:
5. A Páscoa do Senhor
O que significa a palavra Páscoa?
A palavra "páscoa" provém do latim “pascha” que é
um decalque do grego “Πάσχα (paskha)” e do
hebraico “‫ח‬ ַ‫ס‬ֶּ‫פ‬ (Pesach ou Pesaḥ)” que significa
'passar adiante'.
No contexto judaico trata-se da passagem de Deus
pelo meio do seu povo, o Povo de Israel, libertando
os hebreus que estavam a ser oprimidos e
escravizados pelos egípcios.
Antes de ser preso, Jesus celebrou a festa em que os
judeus recordavam a libertação da escravidão do
Egipto. Essa foi a sua ´Última Ceia` e nela Jesus
instituiu a ´Eucaristia` como novo memorial dos
prodígios que Deus realizou para bem do seu povo: o
envio do seu amado Filho, o seu sacrifício na Cruz e a
sua ressurreição que abriu as portas da eternidade
para salvar a humanidade.
Para os cristãos a palavra Páscoa adquiriu um novo
significado, indicando a passagem da morte à vida
por Jesus e a passagem a uma vida nova para os
batizados que são libertados do pecado, graças ao
sacrifício de Jesus.
Vamos ver um vídeo!
Bíblia para crianças - Paixão de Jesus
Vamos conversar…
 Por que motivo Jesus foi condenado à morte?
“Ele, que amara os seus que estavam no mundo, os amou até ao extremo (…) de quem dá a vida pelos seus amigos” (Jo
13,1; 15, 13).
“Pilatos redigiu um letreiro e mandou pô-lo sobre a cruz. Dizia ´Jesus Nazareno, Rei dos Judeus`” (Jo 19, 18)
 Será que Jesus mereceu que o matassem?
“Disse-lhes Pilatos: ´Levai-o vós e crucificai-o. Eu não encontro nele nenhum crime” (Jo 19, 8)
 Qual foi a resposta de Deus seu Pai?
“Mulher, porque choras? E ela respondeu: ´Porque levaram o meu Senhor e não sei onde o puseram`” (Jo 20, 13). “Ele
disse-lhes: ´Não vos assusteis! Buscais a Jesus de Nazaré, o crucificado? Ressuscitou; Não está aqui`” (Mc 16, 6).
© joaofreigil@hotmail.com | https://pt.slideshare.net/Joaofreigil
______________________________________ ______________________________________
______________________________________ ______________________________________
______________________________________ ______________________________________

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

4º ano actividades
4º ano   actividades4º ano   actividades
4º ano actividades
cesar2006
 
Os frutos do espírito completo
Os frutos do espírito completoOs frutos do espírito completo
Os frutos do espírito completo
Sandra Fuso
 
Missa da 1ª eucaristia.
Missa da 1ª eucaristia.Missa da 1ª eucaristia.
Missa da 1ª eucaristia.
Lucas Licerre
 
Modelo carta de transferência
Modelo   carta de transferênciaModelo   carta de transferência
Modelo carta de transferência
pibfsa
 

Mais procurados (20)

14º Encontro da Crisma - MARIA
14º Encontro da Crisma - MARIA14º Encontro da Crisma - MARIA
14º Encontro da Crisma - MARIA
 
1º ANO DE EUCARISTIA
1º ANO DE EUCARISTIA1º ANO DE EUCARISTIA
1º ANO DE EUCARISTIA
 
2º encontro catequese - Igreja-Missa-Biblia
2º encontro  catequese -  Igreja-Missa-Biblia2º encontro  catequese -  Igreja-Missa-Biblia
2º encontro catequese - Igreja-Missa-Biblia
 
Atividade Querigma - Novo Renascer KIDS
Atividade Querigma - Novo Renascer KIDSAtividade Querigma - Novo Renascer KIDS
Atividade Querigma - Novo Renascer KIDS
 
Planejamento Semanal da Catequese
Planejamento Semanal da CatequesePlanejamento Semanal da Catequese
Planejamento Semanal da Catequese
 
1º Encontro - catequese- primeira comunhão 2016
1º Encontro - catequese- primeira comunhão 20161º Encontro - catequese- primeira comunhão 2016
1º Encontro - catequese- primeira comunhão 2016
 
Encontros de catequese
Encontros de catequeseEncontros de catequese
Encontros de catequese
 
4º ano actividades
4º ano   actividades4º ano   actividades
4º ano actividades
 
Primeira etapa
Primeira etapaPrimeira etapa
Primeira etapa
 
21º Encontro - Sacramentos e Sacramentos da iniciação
21º Encontro - Sacramentos e Sacramentos da iniciação21º Encontro - Sacramentos e Sacramentos da iniciação
21º Encontro - Sacramentos e Sacramentos da iniciação
 
Os frutos do espírito completo
Os frutos do espírito completoOs frutos do espírito completo
Os frutos do espírito completo
 
Guião festa do acolhimento 5 de novembro de 2017
Guião festa do acolhimento 5 de novembro de 2017Guião festa do acolhimento 5 de novembro de 2017
Guião festa do acolhimento 5 de novembro de 2017
 
Sou especial deus me ama
Sou especial deus me amaSou especial deus me ama
Sou especial deus me ama
 
10 Mandamentos Atividades
10 Mandamentos Atividades10 Mandamentos Atividades
10 Mandamentos Atividades
 
Missa da 1ª eucaristia.
Missa da 1ª eucaristia.Missa da 1ª eucaristia.
Missa da 1ª eucaristia.
 
A história do nascimento de jesus
A história do nascimento de jesusA história do nascimento de jesus
A história do nascimento de jesus
 
A vida de Jesus para crianças
A vida de Jesus para criançasA vida de Jesus para crianças
A vida de Jesus para crianças
 
5º encontro abraão - inicio da salvação
5º encontro   abraão - inicio da salvação5º encontro   abraão - inicio da salvação
5º encontro abraão - inicio da salvação
 
Boas ações na quaresma
Boas ações na quaresmaBoas ações na quaresma
Boas ações na quaresma
 
Modelo carta de transferência
Modelo   carta de transferênciaModelo   carta de transferência
Modelo carta de transferência
 

Semelhante a Catequese, lição 4 + Páscoa

Cursobasicodeevangelismo 120805154410-phpapp02
Cursobasicodeevangelismo 120805154410-phpapp02Cursobasicodeevangelismo 120805154410-phpapp02
Cursobasicodeevangelismo 120805154410-phpapp02
Rubens Tatekawa
 
INICIAÇÃO CRISTÃ Nº01
INICIAÇÃO CRISTÃ Nº01INICIAÇÃO CRISTÃ Nº01
INICIAÇÃO CRISTÃ Nº01
Helio Diniz
 
Apostila preparação para o batismo
Apostila preparação para o batismoApostila preparação para o batismo
Apostila preparação para o batismo
Marcos Luiz DA Silva
 

Semelhante a Catequese, lição 4 + Páscoa (20)

Lições 1 a 3 + Advento
Lições 1 a 3 + AdventoLições 1 a 3 + Advento
Lições 1 a 3 + Advento
 
390
390390
390
 
Cat02
Cat02Cat02
Cat02
 
Cartapastoral 2out2011
Cartapastoral 2out2011Cartapastoral 2out2011
Cartapastoral 2out2011
 
Oração da manhã - Santas Missões Populares
Oração da manhã - Santas Missões PopularesOração da manhã - Santas Missões Populares
Oração da manhã - Santas Missões Populares
 
Hora Santa Vocacional 2014
Hora Santa Vocacional 2014Hora Santa Vocacional 2014
Hora Santa Vocacional 2014
 
428 maio
428 maio428 maio
428 maio
 
Jornal Novos horizontes ed. novembro 2015
Jornal Novos horizontes ed. novembro 2015Jornal Novos horizontes ed. novembro 2015
Jornal Novos horizontes ed. novembro 2015
 
Livreto cf 2013 - A Palavra de Deus na Vida do Povo
Livreto cf 2013 - A Palavra de Deus na Vida do PovoLivreto cf 2013 - A Palavra de Deus na Vida do Povo
Livreto cf 2013 - A Palavra de Deus na Vida do Povo
 
Jornal março
Jornal marçoJornal março
Jornal março
 
Lições do santuário para p gs
Lições do santuário   para p gsLições do santuário   para p gs
Lições do santuário para p gs
 
25 03 12
25 03 1225 03 12
25 03 12
 
Profeciasdoapocalipse pg
Profeciasdoapocalipse pgProfeciasdoapocalipse pg
Profeciasdoapocalipse pg
 
Cursobasicodeevangelismo 120805154410-phpapp02
Cursobasicodeevangelismo 120805154410-phpapp02Cursobasicodeevangelismo 120805154410-phpapp02
Cursobasicodeevangelismo 120805154410-phpapp02
 
INICIAÇÃO CRISTÃ Nº01
INICIAÇÃO CRISTÃ Nº01INICIAÇÃO CRISTÃ Nº01
INICIAÇÃO CRISTÃ Nº01
 
Jornal dezembro 2015 janeiro 2016
Jornal dezembro 2015    janeiro 2016Jornal dezembro 2015    janeiro 2016
Jornal dezembro 2015 janeiro 2016
 
Comentário: 3° Domingo do Tempo Comum - Ano C
Comentário: 3° Domingo do Tempo Comum - Ano CComentário: 3° Domingo do Tempo Comum - Ano C
Comentário: 3° Domingo do Tempo Comum - Ano C
 
Oração da missões nº 24 - setor 10 das CEBs - Paróquia Coração de Jesus
Oração da missões nº 24  - setor 10 das CEBs - Paróquia Coração de JesusOração da missões nº 24  - setor 10 das CEBs - Paróquia Coração de Jesus
Oração da missões nº 24 - setor 10 das CEBs - Paróquia Coração de Jesus
 
Apostila preparação para o batismo
Apostila preparação para o batismoApostila preparação para o batismo
Apostila preparação para o batismo
 
Novena a São João Eudes
Novena a São João EudesNovena a São João Eudes
Novena a São João Eudes
 

Mais de João Pereira

Cânticos Última Ceia do Senhor e Adoração da Santa Cruz
Cânticos Última Ceia do Senhor e Adoração da Santa CruzCânticos Última Ceia do Senhor e Adoração da Santa Cruz
Cânticos Última Ceia do Senhor e Adoração da Santa Cruz
João Pereira
 
Cânticos Última Ceia do Senhor e Adoração da Santa Cruz
Cânticos Última Ceia do Senhor e Adoração da Santa CruzCânticos Última Ceia do Senhor e Adoração da Santa Cruz
Cânticos Última Ceia do Senhor e Adoração da Santa Cruz
João Pereira
 
Cânticos de quarta-feira de cinzas
Cânticos de quarta-feira de cinzasCânticos de quarta-feira de cinzas
Cânticos de quarta-feira de cinzas
João Pereira
 

Mais de João Pereira (20)

XXXI Comum Ano A
XXXI Comum Ano AXXXI Comum Ano A
XXXI Comum Ano A
 
III Dom da Páscoa
III Dom da PáscoaIII Dom da Páscoa
III Dom da Páscoa
 
Missa da Última Ceia do Senhor
Missa da Última Ceia do SenhorMissa da Última Ceia do Senhor
Missa da Última Ceia do Senhor
 
Adoração da Santa Cruz
Adoração da Santa CruzAdoração da Santa Cruz
Adoração da Santa Cruz
 
Missa Vigília Pascal
Missa Vigília PascalMissa Vigília Pascal
Missa Vigília Pascal
 
Missa de Páscoa
Missa de PáscoaMissa de Páscoa
Missa de Páscoa
 
Cânticos do Natal
Cânticos do NatalCânticos do Natal
Cânticos do Natal
 
ORAÇÃO DE VIGÍLIA, pelos defuntos
ORAÇÃO DE VIGÍLIA, pelos defuntosORAÇÃO DE VIGÍLIA, pelos defuntos
ORAÇÃO DE VIGÍLIA, pelos defuntos
 
Cânticos Vigília Pascal e Domingo de Páscoa
Cânticos Vigília Pascal e Domingo de PáscoaCânticos Vigília Pascal e Domingo de Páscoa
Cânticos Vigília Pascal e Domingo de Páscoa
 
Cânticos Última Ceia do Senhor e Adoração da Santa Cruz
Cânticos Última Ceia do Senhor e Adoração da Santa CruzCânticos Última Ceia do Senhor e Adoração da Santa Cruz
Cânticos Última Ceia do Senhor e Adoração da Santa Cruz
 
Cânticos Domingo de Ramos Na Paixão do Senhor
Cânticos Domingo de Ramos Na Paixão do SenhorCânticos Domingo de Ramos Na Paixão do Senhor
Cânticos Domingo de Ramos Na Paixão do Senhor
 
Antífonas para procissões da Semana Santa
Antífonas para procissões da Semana SantaAntífonas para procissões da Semana Santa
Antífonas para procissões da Semana Santa
 
Cânticos IV Domingo da quaresma
Cânticos IV Domingo da quaresmaCânticos IV Domingo da quaresma
Cânticos IV Domingo da quaresma
 
Cânticos Vigília Pascal e Domingo de Páscoa
Cânticos Vigília Pascal e Domingo de PáscoaCânticos Vigília Pascal e Domingo de Páscoa
Cânticos Vigília Pascal e Domingo de Páscoa
 
Cânticos Última Ceia do Senhor e Adoração da Santa Cruz
Cânticos Última Ceia do Senhor e Adoração da Santa CruzCânticos Última Ceia do Senhor e Adoração da Santa Cruz
Cânticos Última Ceia do Senhor e Adoração da Santa Cruz
 
Cânticos V dom quaresma A
Cânticos V dom quaresma ACânticos V dom quaresma A
Cânticos V dom quaresma A
 
Cânticos III Domingo da Quaresma - ano A
Cânticos III Domingo da Quaresma - ano ACânticos III Domingo da Quaresma - ano A
Cânticos III Domingo da Quaresma - ano A
 
Cânticos II Domingo Quaresma - ano A
Cânticos II Domingo Quaresma - ano ACânticos II Domingo Quaresma - ano A
Cânticos II Domingo Quaresma - ano A
 
Canticos I Domingo Quaresma - ano A
Canticos I Domingo Quaresma - ano ACanticos I Domingo Quaresma - ano A
Canticos I Domingo Quaresma - ano A
 
Cânticos de quarta-feira de cinzas
Cânticos de quarta-feira de cinzasCânticos de quarta-feira de cinzas
Cânticos de quarta-feira de cinzas
 

Último

atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
WelitaDiaz1
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Kelly Mendes
 

Último (20)

Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.
 
O que é literatura - Marisa Lajolo com.pdf
O que é literatura - Marisa Lajolo com.pdfO que é literatura - Marisa Lajolo com.pdf
O que é literatura - Marisa Lajolo com.pdf
 
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptxEBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
 
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfTema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
 
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
 
Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
 
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigasPeça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
Acróstico - Maio Laranja
Acróstico  - Maio Laranja Acróstico  - Maio Laranja
Acróstico - Maio Laranja
 
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autoresModelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
 
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º anoNós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
 
transcrição fonética para aulas de língua
transcrição fonética para aulas de línguatranscrição fonética para aulas de língua
transcrição fonética para aulas de língua
 
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVASAPRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
 
662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica
 

Catequese, lição 4 + Páscoa

  • 1. © joaofreigil@hotmail.com | https://pt.slideshare.net/Joaofreigil 4 º Ano de Catequese Nome: 1. Reunidos no amor de Cristo No início de cada celebração, o senhor Padre saúda o povo dizendo: “A graça de Nosso Senhor Jesus Cristo, o amor do Pai e a comunhão do Espírito Santo estejam convosco!”* A essas palavras, nós respondemos: ___________________________________________ ___________________________________________ (*Esta saudação tem origem nas cartas de São Paulo. Abre a tua Bíblia em 2 Coríntios 13, 13!) Mas então, o que é que estamos a dizer? Significa que estamos a dar graças a Deus e a louvá-lo porque estamos felizes e agradecidos. A palavra “bendito” tem o mesmo significado da palavra “bendizer”, isto é, “dizer + bem”. Portanto, estamos a proclamar que Deus deve ser “bem dito” (ou “bem falado”) por toda a gente, porque Ele é bom e nos concede coisas boas! E qual foi a coisa boa que Deus nos concedeu hoje? Foi Deus quem nos enviou o seu Filho Jesus Cristo e nos deu a felicidade de O conhecer e escutar as suas palavras. E é por esse motivo que estamos reunidos. Seja na catequese ou na missa, é por causa de Jesus que temos a alegria de estar todos juntos. Re-UNIU NO AMOR Somos uma comunhão de irmãos, isto é, um grupo de discípulos de Jesus, que vivemos unidos pelo amor que recebemos de Deus. Porque nos amamos uns aos outros e amamos a Deus, que em Jesus Cristo nos ensinou a sua forma de amar, reunimo-nos para celebrar a fé, agradecer e corresponder a Deus pelo amor que nos tem. Ao amor cristão também podemos chamar de caridade. Abre a tua Bíblia em 1 Coríntios 13, 1-13 e descobre algumas características do amor que nos deve unir! Depois, encontra-as (15) na sopa de letras! O amor é paciente, o amor é prestável, não é invejoso [é altruísta], não é arrogante [é delicado] nem orgulhoso [é humilde], nada faz de inconveniente [é favorável], não procura o seu próprio interesse [é filantropo], não se irrita nem guarda ressentimento [perdoa]. Não se alegra com a injustiça [é justo], mas rejubila com a verdade. Tudo desculpa, tudo crê [confia], tudo espera, tudo suporta. O amor jamais passará [é eterno]. Bendito seja Deus… que nos reuniu no amor de Cristo!
  • 2. © joaofreigil@hotmail.com | https://pt.slideshare.net/Joaofreigil 4 º Ano de Catequese Nome: 2. Sereis minhas testemunhas Bora lá cantar? Refrão: Recebereis a força do espírito, sereis minhas testemunhas, até ao fim dos tempos. Sereis minhas testemunhas, até ao fim dos tempos! Música e letra: Pe. Marcos Alvim | Áudio: https://youtu.be/q2gqI88HnAc Jesus reuniu os discípulos para aprenderem mais sobre Ele e sobre Deus Pai. Para isso os discípulos viveram junto a Ele. Todavia, Jesus dá-lhes também uma missão! Abre a tua Bíblia em Lucas 24, 46-49. A que acontecimento Jesus se referia ao dizer estas palavras aos discípulos? __________________________________________________ Estiveste atento à passagem do Evangelho que acabamos de escutar e às explicações do catequista? Então realiza o exercício das palavras cruzadas! 1. O que aconteceu depois da morte de Jesus? 2. Grupo de quatro livros do Novo Testamento. 3. Quantos são os livros do Novo Testamento? 4. Parte da Sagrada Escritura que nos relata a vida de Jesus e dos primeiros discípulos. 5. A partir de onde Jesus mandou os discípulos começarem a pregar? 6. A missão que Jesus incumbiu aos discípulos. 7. Quantos são os apóstolos (por extenso)? 8. Palavra grega que significa o mesmo que “testemunha”. 9. Quem é “Aquele que foi prometido por meu Pai” de quem fala Jesus? Pinta os desenhos. Vós sereis testemunhas disso.
  • 3. © joaofreigil@hotmail.com | https://pt.slideshare.net/Joaofreigil 4 º Ano de Catequese Nome: 3. Ficaram cheios do Espírito Santo Lembras-te quem era Aquele a quem Jesus prometeu enviar (Lc 24, 49)? Sim, é esse mesmo: o Espírito Santo! Vamos ver como é que os apóstolos o receberam? Abre a tua Bíblia em Atos dos Apóstolos 2, 1-4. De que forma desceu o Espírito Santo sobre cada um deles? Em que dia isto aconteceu? Sabes com que outras formas o Espírito Santo é representado pela Igreja? Cf. Catecismo da Igreja Católica, n. 694-701 Na festa do P____________s os judeus celebravam a última colheita dos cereais. Esse nome, em grego, significa ________gésimo, por terem passado ____ dias desde a festa da primeira colheita (a dos pães ázimos) ou da festa da Páscoa (a partir do séc. IV a.C). Foi por ocasião dessa festa que, estando os _______________ todos reunidos, desceu desde o Céu sobre eles o _________ ________ parecido com línguas de _________ que pousaram uma sobre cada um deles. O fogo, além de iluminar, também a____ce e, por isso, dá vida. Por exemplo, sem a luz e o calor do Sol não poderia existir ______. Ele é também fonte de energia, por isso o Espírito Santo auxilia e encoraja os discípulos de Jesus na missão de e___________r e de dar testemunho de Jesus. Segundo o Livro de Isaías 11, 2, Ele dá sabe_________ e (inteligência ou) enten_________, (bom) cons_______ e fortaleza, ciência e (piedade ou) _________ do Senhor. Descobre mais sobre os dons do Espírito Santo! Faz uma pesquisa no teu computador: https://www.imissio.net/artigos/51/267/os-7-dons-do-espirito-santo-explicados-por-papa-francisco/
  • 4. © joaofreigil@hotmail.com | https://pt.slideshare.net/Joaofreigil 4 º Ano de Catequese Nome: 4. Os Apóstolos ensinam-nos a viver em comunhão fraterna A vinda do Espírito Santo transformou a vida dos Apóstolos. Agora, impelidos por Ele, iniciaram a missão que ainda hoje está em decurso: a evangelização de todos os Povos da Terra. Evangelizar, significa levar uma boa notícia! E a notícia que os apóstolos querem fazer conhecida de todos os homens e mulheres é a do acontecimento da Morte e Ressureição de Jesus Cristo! Já viste quão boa notícia é saber que Jesus, o Filho de Deus, nos amou tanto ao ponto de dar toda a sua vida (até morrer) para nosso bem e salvação? Não achas surpreendente que Jesus tenha vencido a morte, voltando a viver? Isso significa que, também para nós, a morte já não é o fim de tudo! Sabias que aqueles que recebiam a boa notícia mudavam a sua forma de viver (conversão) para corresponderem melhor ao amor que Jesus nos teve e àquilo que Ele nos pediu? Abre a tua Bíblia em Atos dos Apóstolos 2, 37-47 e vê como viviam os primeiros cristãos! Quais eram os grandes pilares das primeiras comunidades cristãs? 1 - Acreditavam no anúncio dos apóstolos; 2 - Pediam o B __ __ __ __ __ o; 3 - Eram assíduos ao __ __ __ __ __ __ dos apóstolos (que é a catequese); 4 - Viviam em __ __ __ __ __ fraterna, possuindo tudo em comum e praticando a caridade; 5 - Participavam na __ __ __ __ __ __ __ do pão (que é o mesmo que dizer: na Eucaristia ou Missa) e nas orações; 6 - Frequentavam o __ __ __ __ __ __ (a igreja) diariamente; 7 - Viviam com __ __ __ __ __ __ __ e simplicidade. É neste contexto que nascem os Evangelhos. Os escritores dos quarto evangelhos passaram a escrito, para que jamais fosse esquecido, aquilo que os apóstolos testemunharam sobre Jesus, sobre os seus ensinamentos, sobre a sua forma de viver, sobre o amor que Jesus nos tem, sobre a forma como Ele morreu e ressuscitou. Mas para quê? Para que também nós, hoje, possamos conhecer Jesus e seguir o seu exemplo: Ele mesmo pediu para que, tal como Ele fez, o façamos nós também. Abre a tua bíblia em João, 13, 1-15 e vê o exemplo que Jesus nos deixou e pediu para nós repetirmos. Pinta o desenho.
  • 5. © joaofreigil@hotmail.com | https://pt.slideshare.net/Joaofreigil 4 º Ano de Catequese Nome: 5. A Páscoa do Senhor O que significa a palavra Páscoa? A palavra "páscoa" provém do latim “pascha” que é um decalque do grego “Πάσχα (paskha)” e do hebraico “‫ח‬ ַ‫ס‬ֶּ‫פ‬ (Pesach ou Pesaḥ)” que significa 'passar adiante'. No contexto judaico trata-se da passagem de Deus pelo meio do seu povo, o Povo de Israel, libertando os hebreus que estavam a ser oprimidos e escravizados pelos egípcios. Antes de ser preso, Jesus celebrou a festa em que os judeus recordavam a libertação da escravidão do Egipto. Essa foi a sua ´Última Ceia` e nela Jesus instituiu a ´Eucaristia` como novo memorial dos prodígios que Deus realizou para bem do seu povo: o envio do seu amado Filho, o seu sacrifício na Cruz e a sua ressurreição que abriu as portas da eternidade para salvar a humanidade. Para os cristãos a palavra Páscoa adquiriu um novo significado, indicando a passagem da morte à vida por Jesus e a passagem a uma vida nova para os batizados que são libertados do pecado, graças ao sacrifício de Jesus. Vamos ver um vídeo! Bíblia para crianças - Paixão de Jesus Vamos conversar…  Por que motivo Jesus foi condenado à morte? “Ele, que amara os seus que estavam no mundo, os amou até ao extremo (…) de quem dá a vida pelos seus amigos” (Jo 13,1; 15, 13). “Pilatos redigiu um letreiro e mandou pô-lo sobre a cruz. Dizia ´Jesus Nazareno, Rei dos Judeus`” (Jo 19, 18)  Será que Jesus mereceu que o matassem? “Disse-lhes Pilatos: ´Levai-o vós e crucificai-o. Eu não encontro nele nenhum crime” (Jo 19, 8)  Qual foi a resposta de Deus seu Pai? “Mulher, porque choras? E ela respondeu: ´Porque levaram o meu Senhor e não sei onde o puseram`” (Jo 20, 13). “Ele disse-lhes: ´Não vos assusteis! Buscais a Jesus de Nazaré, o crucificado? Ressuscitou; Não está aqui`” (Mc 16, 6).
  • 6. © joaofreigil@hotmail.com | https://pt.slideshare.net/Joaofreigil ______________________________________ ______________________________________ ______________________________________ ______________________________________ ______________________________________ ______________________________________