O SAPO SONHADOR Cleuza  Sarzêdas
Na beira de um pequeno lago vivia um sapo que sonhava ser rei  para proteger seus irmãos. Queria que todos tivessem acesso...
Ele, como rei, casaria com sua namorada, uma linda sapinha de grandes olhos negros, que seria a rainha. Teriam muitos filh...
De repente, o sapo sonhador viu-se sentado num trono com enorme coroa sobre a cabeça e casado com a sapinha de olhos negro...
Mas o rei estava triste, pois sua esposa não queria filhos. Tentava convencê-la de que os filhos são o futuro da nação e q...
O rei foi chorar à beira do lago quando e viu um girino, filho de sapa com sapo. O pequenino colocou a cabecinha fora d’ág...
_Senhor rei, vivo triste neste lago porque não tenho ninguém. O senhor não quer ser meu pai? Juro ser obediente, estudar b...
O rei se comoveu e disse que o adotaria, seu nome seria Girinino e no futuro seria o novo rei.  A partir daquele dia, o re...
Mas a rainha, enciumada com medo de perder o reinado, mandou pescar o girino e o colocou no mato, dentro de uma concha som...
Os dias passaram e o rei voltou a ficar triste. Ele contornava o lago por  várias vezes à procura de Girinino.
A saudade apertou tanto que ele adoeceu e foi chorar junto a um matagal próximo. Lá, já sem esperanças, debruçou-se sobre ...
Desesperado, o rei recomeçou a busca e encontrou a conchinha. Viu o pobre girino quase morto de fome, mas conseguiu salvá-...
Mas o sapinho tinha bons sentimentos e não acusava ninguém, pois sabia do amor que o rei sentia pela rainha. Mentiu para q...
Para não morrer de fome comeu os mosquitos que entravam pela abertura da concha.O rei ficou feliz ao encontrá-lo,  abraçar...
_“Vetusto! Acorda, seus filhos nasceram. Veja! são muitos.”
Sonolento e sob a ação do sonho, o sapo abriu os olhos devagar e viu muitos girinos nadando rapidamente de um lado a outro...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Sapo sonhador

1.044 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.044
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
15
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Sapo sonhador

  1. 1. O SAPO SONHADOR Cleuza Sarzêdas
  2. 2. Na beira de um pequeno lago vivia um sapo que sonhava ser rei para proteger seus irmãos. Queria que todos tivessem acesso à escola para aprender a ler e saber a razão de ter nascido e qual a participação de cada um no mundo.
  3. 3. Ele, como rei, casaria com sua namorada, uma linda sapinha de grandes olhos negros, que seria a rainha. Teriam muitos filhos e formariam uma grande família abençoada por Deus.
  4. 4. De repente, o sapo sonhador viu-se sentado num trono com enorme coroa sobre a cabeça e casado com a sapinha de olhos negros. Seus súditos eram os anfíbios e répteis. Ali morava a felicidade!
  5. 5. Mas o rei estava triste, pois sua esposa não queria filhos. Tentava convencê-la de que os filhos são o futuro da nação e que onde não há pequeninos falta alegria.
  6. 6. O rei foi chorar à beira do lago quando e viu um girino, filho de sapa com sapo. O pequenino colocou a cabecinha fora d’água e falou:
  7. 7. _Senhor rei, vivo triste neste lago porque não tenho ninguém. O senhor não quer ser meu pai? Juro ser obediente, estudar bastante, me alimentar o suficiente para crescer e ser bem sadio e nutrido.E, quando adulto, fazer de você um vovô bastante feliz.”
  8. 8. O rei se comoveu e disse que o adotaria, seu nome seria Girinino e no futuro seria o novo rei. A partir daquele dia, o rei, alegre, passou a ser visto junto do lago a conversar com o filho amado. Os dois brincavam e se divertiam por horas e horas.
  9. 9. Mas a rainha, enciumada com medo de perder o reinado, mandou pescar o girino e o colocou no mato, dentro de uma concha somente com água, na intenção de matá-lo de fome. O rei então mandou vasculhar todo o lago à procura do filho.
  10. 10. Os dias passaram e o rei voltou a ficar triste. Ele contornava o lago por várias vezes à procura de Girinino.
  11. 11. A saudade apertou tanto que ele adoeceu e foi chorar junto a um matagal próximo. Lá, já sem esperanças, debruçou-se sobre uma pequena concha como se fosse uma mesinha e, de repente, ouviu uma voz bem fraquinha: “ Paizinho, vem me buscar”.
  12. 12. Desesperado, o rei recomeçou a busca e encontrou a conchinha. Viu o pobre girino quase morto de fome, mas conseguiu salvá-lo. Ordenou aos seus guardas que não o deixassem só nunca mais. Em seguida, decidiu punir o malvado e perguntou a Girinino quem lhe fizera aquilo.
  13. 13. Mas o sapinho tinha bons sentimentos e não acusava ninguém, pois sabia do amor que o rei sentia pela rainha. Mentiu para que seu paizinho querido não sofresse: disse que um sapo malvado o enganou dizendo que o Rei o chamava e o trancou naquela concha.
  14. 14. Para não morrer de fome comeu os mosquitos que entravam pela abertura da concha.O rei ficou feliz ao encontrá-lo, abraçaram-se fortemente. Ainda com os bracinhos apertando o próprio peito, o sapo ouviu a voz da sua amada:
  15. 15. _“Vetusto! Acorda, seus filhos nasceram. Veja! são muitos.”
  16. 16. Sonolento e sob a ação do sonho, o sapo abriu os olhos devagar e viu muitos girinos nadando rapidamente de um lado a outro. Feliz, jogou-se ao lago entre os tantos filhos e cantou. “ Agora sim, sou um verdadeiro rei...”.

×