SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 5
Baixar para ler offline
Produzido por Central Didática para centraldidatica.blogspot.pt
Smile Explicações – professora Teresa Lima
Lugar da Bezerra – Correlhã - contactos: 965264784/934488630
Ficha de Avaliação Diagnóstica de Língua Portuguesa – 5º ano
O Príncipe com Orelhas de Burro
Era uma vez um rei que vivia muito triste por não ter
filhos e mandou chamar três fadas para que fizessem com que a
rainha lhe desse um filho.
As fadas prometeram-lhe que os seus desejos seriam
satisfeitos e que elas viriam assistir ao nascimento do príncipe. Ao
fim de nove meses, deu a rainha à luz um filho e as três fadas
fadaram o menino.
A primeira fada disse:
– Eu te fado para que sejas o príncipe mais formoso do
mundo.
A segunda fada disse:
– Eu te fado para que sejas muito virtuoso e entendido.
A terceira fada disse:
– Eu te fado para que te nasçam umas orelhas de burro.
Foram-se as três fadas e logo apareceram ao príncipe as
orelhas de burro. O rei mandou sem demora fazer um barrete que
o príncipe devia sempre usar para lhe cobrir as orelhas. Crescia o
príncipe em formosura e ninguém na corte sabia que ele tinha as tais orelhas de burro. Chegou a idade em que ele
tinha de fazer a barba, e então o rei mandou chamar o seu barbeiro e disse-lhe:
– Farás a barba ao príncipe, mas se disseres a alguém que ele tem orelhas de burro, morrerás.
Andava o barbeiro com grandes desejos de contar o que vira, mas com receio de que o rei o mandasse
matar, calava consigo. Um dia foi-se confessar e disse ao padre:
– Eu tenho um segredo que me mandaram guardar, mas eu se não o digo a alguém morro, e se o digo o rei
manda-me matar; diga, padre, o que eu hei de fazer.
Responde-lhe o padre que fosse a um vale, que fizesse uma cova na terra e que dissesse o segredo tantas
vezes até ficar aliviado desse peso e que depois tapasse a cova com terra. O barbeiro assim fez; e, depois de ter
tapado a cova, voltou para casa muito descansado.
Passado algum tempo, nasceu um canavial onde o barbeiro tinha feito a cova. Os pastores, quando ali
passavam com os seus rebanhos, cortavam canas para fazer gaitas, mas quando tocavam nelas saíam umas vozes
que diziam:
– Príncipe com orelhas de burro.
2 Produzido por Central Didática para centraldidatica.blogspot.pt
Começou a espalhar-se esta notícia por toda a cidade e o rei mandou vir à sua presença um dos pastores
para que tocasse na gaita; e saíram sempre as mesmas vozes que diziam:
– Príncipe com orelhas de burro.
O próprio rei também tocou e sempre ouvia as vozes. Então o rei mandou chamar as fadas e pediu-lhes que
tirassem as orelhas de burro ao príncipe. Então elas mandaram reunir a corte toda e ordenaram ao príncipe que
tirasse o barrete; mas qual não foi o contentamento do rei, da rainha e do príncipe ao ver que já lá não estavam as
tais orelhas de burro! Desde esse dia as gaitas que os pastores faziam das canas do tal canavial deixaram de dizer:
– Príncipe com orelhas de burro.
Adolfo COELHO, Contos Populares Portugueses, Dom Quixote
1. Assinala com X a afirmação que completa a tua resposta.
a. Certo dia, o rei mandou chamar três fadas
‫ﬦ‬para que a rainha lhe desse um filho.
‫ﬦ‬para que concedessem um dom ao seu filho.
‫ﬦ‬para quebrar um feitiço da bruxa má.
b. As fadas prometeram ao rei
‫ﬦ‬que o seu filho deixaria de ter orelhas de burro quando chegasse à maioridade.
‫ﬦ‬que a bruxa má nunca mais regressaria àquele palácio.
‫ﬦ‬que os seus desejos seriam concedidos e que viriam assistir ao nascimento do príncipe.
c. Perante o dom concedido pela terceira fada ao príncipe, o rei mandou
‫ﬦ‬o barbeiro cortar as orelhas ao príncipe.
‫ﬦ‬fazer um barrete que cobrisse as orelhas do príncipe.
‫ﬦ‬castigar a fada.
3 Produzido por Central Didática para centraldidatica.blogspot.pt
2. Estabelece a correspondência de forma a indicares o que cada fada concedeu ao príncipe.
1.
1.
2.
1.________________ 2. _________________ 3. ___________________
3. “– Eu tenho um segredo que me mandaram guardar…”
a. Que segredo era esse?
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
b. Era fácil para o pastor guardar esse segredo? Justifica a tua resposta com palavras do texto.
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
c. Retira do texto a frase que diz que o conselho do padre surtiu efeito.
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
4. “…mas quando tocavam nelas saíam umas vozes…”
a. No teu entender, por que razão isto aconteceria?
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
b. Como tentou o rei resolver aquele problema?
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
c. As fadas satisfizeram os desejos do rei?
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
1- A primeira fada a. desejou que o príncipe fosse o mais formoso do
mundo.
2- A segunda fada b. desejou que o príncipe tivesse orelhas de burro.
3- A terceira fada c. desejou que o príncipe fosse muito virtuoso e
entendido.
4 Produzido por Central Didática para centraldidatica.blogspot.pt
Conhecimento Explícito da Língua Portuguesa
1. “Era uma vez um rei que vivia muito triste por não ter filhos…”
a. Retira da frase:
Dois determinantes artigos_________________________________________________________
Dois nomes comuns______________________________________________________________
Duas formas verbais______________________________________________________________
Um adjetivo_____________________________________________________________________
b. Em que grau se encontra o adjetivo que transcreveste na alínea anterior?
_______________________________________________________________________________
2. Completa a tabela, indicando o tempo, a pessoa e o número de cada uma das formas verbais do
modo indicativo.
Tempo Pessoa Número
Vivia
Mandou
Fado
Tenho
Tocavam
Farás
3. Aponta as funções sintáticas presentes nesta frase.
O Príncipe tinha orelhas de burro.
__________________________________________________________________________________
4. O barbeiro ficou aliviado.
a. Sublinha o adjetivo da frase.
b. Refere o grau em que se encontra.
_______________________________________________________________________________
c. Reescreve a frase colocando o adjetivo no grau superlativo absoluto sintético.
_______________________________________________________________________________
5 Produzido por Central Didática para centraldidatica.blogspot.pt
5. Classifica cada uma das frases quanto ao tipo.
Tipo de frase
O rei mandou chamar as fadas.
- Padre, o que hei de fazer?
Vai a um vale e faz uma cova na terra.
O Príncipe estava muito feio com aquelas orelhas!
6. Classifica as palavras quanto ao número de sílabas:
a. Príncipe____________________________________________________________
b. Burro______________________________________________________________
c. Canavial____________________________________________________________
d. Gaitas______________________________________________________________
e. Rei________________________________________________________________
f. Formusura__________________________________________________________
7. Acentua as palavras e classifica-as quanto à posição da sílaba tónica.
a. Palacio____________________________________________________________
b. Nao______________________________________________________________
c. Noticia____________________________________________________________
d. Tambem__________________________________________________________
e. Açucar____________________________________________________________

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Fichas de avaliação língua portuguesa 2o ano
Fichas de avaliação língua portuguesa 2o anoFichas de avaliação língua portuguesa 2o ano
Fichas de avaliação língua portuguesa 2o anoZoraidaSilva3
 
Fichas matemática 2º ano - Completo.pdf
Fichas matemática 2º ano - Completo.pdfFichas matemática 2º ano - Completo.pdf
Fichas matemática 2º ano - Completo.pdfMarisaPimentel3
 
Guião de leitura da obra a fada oriana (1)
Guião de leitura da obra a fada oriana (1)Guião de leitura da obra a fada oriana (1)
Guião de leitura da obra a fada oriana (1)bibliotecap
 
Ae estudo do meio - alfa
Ae   estudo do meio - alfaAe   estudo do meio - alfa
Ae estudo do meio - alfaSílvia Rocha
 
Ficha 3ª e 4ª dinastia
Ficha 3ª e 4ª dinastiaFicha 3ª e 4ª dinastia
Ficha 3ª e 4ª dinastiaSandra Madeira
 
Resumo da obra
Resumo da obraResumo da obra
Resumo da obramanuela016
 
ASA_Livro_testes e Guiões leitura_6º.pdf
ASA_Livro_testes e Guiões leitura_6º.pdfASA_Livro_testes e Guiões leitura_6º.pdf
ASA_Livro_testes e Guiões leitura_6º.pdfClara César Pereira
 
Ficha de-preparac3a7c3a3o-para-o-teste-de-portugues-pc3a1scoa
Ficha de-preparac3a7c3a3o-para-o-teste-de-portugues-pc3a1scoaFicha de-preparac3a7c3a3o-para-o-teste-de-portugues-pc3a1scoa
Ficha de-preparac3a7c3a3o-para-o-teste-de-portugues-pc3a1scoaRita Ribeiro
 
Caderno de consolidação de leitura e escrita 1º ano casos de leitura / padrõe...
Caderno de consolidação de leitura e escrita 1º ano casos de leitura / padrõe...Caderno de consolidação de leitura e escrita 1º ano casos de leitura / padrõe...
Caderno de consolidação de leitura e escrita 1º ano casos de leitura / padrõe...Jose Gomes
 
Os nomes comuns, próprios e colectivos
Os nomes comuns, próprios e colectivosOs nomes comuns, próprios e colectivos
Os nomes comuns, próprios e colectivosbecevadeira
 
Hgp 6º ano livro professor
Hgp 6º ano livro professorHgp 6º ano livro professor
Hgp 6º ano livro professorCarla Silva
 
Comportamento individual para colar no caderno dos alunos
Comportamento individual para colar no caderno dos alunosComportamento individual para colar no caderno dos alunos
Comportamento individual para colar no caderno dos alunosget123456
 
Ficha de Trabalho: os Nomes
Ficha de Trabalho: os NomesFicha de Trabalho: os Nomes
Ficha de Trabalho: os NomesA. Simoes
 
A Fada Oriana Capitulos I e II
A Fada Oriana Capitulos I e IIA Fada Oriana Capitulos I e II
A Fada Oriana Capitulos I e IISlidesDoCostume
 
Corre, corre, cabacinha de alice vieira texto integral
Corre, corre, cabacinha de alice vieira   texto integralCorre, corre, cabacinha de alice vieira   texto integral
Corre, corre, cabacinha de alice vieira texto integralBibliotecadaEscoladaPonte
 
Fichas de consolidação casos de leitura / padrões ortográficos 1º ano 1º ciclo
Fichas de consolidação casos de leitura / padrões ortográficos 1º ano 1º cicloFichas de consolidação casos de leitura / padrões ortográficos 1º ano 1º ciclo
Fichas de consolidação casos de leitura / padrões ortográficos 1º ano 1º cicloJose Gomes
 
Diálogo verbos introdutores
Diálogo verbos introdutoresDiálogo verbos introdutores
Diálogo verbos introdutoresabrigada
 

Mais procurados (20)

Fichas de avaliação língua portuguesa 2o ano
Fichas de avaliação língua portuguesa 2o anoFichas de avaliação língua portuguesa 2o ano
Fichas de avaliação língua portuguesa 2o ano
 
Fichas matemática 2º ano - Completo.pdf
Fichas matemática 2º ano - Completo.pdfFichas matemática 2º ano - Completo.pdf
Fichas matemática 2º ano - Completo.pdf
 
Guião de leitura da obra a fada oriana (1)
Guião de leitura da obra a fada oriana (1)Guião de leitura da obra a fada oriana (1)
Guião de leitura da obra a fada oriana (1)
 
Ae estudo do meio - alfa
Ae   estudo do meio - alfaAe   estudo do meio - alfa
Ae estudo do meio - alfa
 
Ficha 3ª e 4ª dinastia
Ficha 3ª e 4ª dinastiaFicha 3ª e 4ª dinastia
Ficha 3ª e 4ª dinastia
 
Resumo da obra
Resumo da obraResumo da obra
Resumo da obra
 
ASA_Livro_testes e Guiões leitura_6º.pdf
ASA_Livro_testes e Guiões leitura_6º.pdfASA_Livro_testes e Guiões leitura_6º.pdf
ASA_Livro_testes e Guiões leitura_6º.pdf
 
Ficha de-preparac3a7c3a3o-para-o-teste-de-portugues-pc3a1scoa
Ficha de-preparac3a7c3a3o-para-o-teste-de-portugues-pc3a1scoaFicha de-preparac3a7c3a3o-para-o-teste-de-portugues-pc3a1scoa
Ficha de-preparac3a7c3a3o-para-o-teste-de-portugues-pc3a1scoa
 
Corre, corre, cabacinha atividades
Corre, corre, cabacinha   atividadesCorre, corre, cabacinha   atividades
Corre, corre, cabacinha atividades
 
Caderno de consolidação de leitura e escrita 1º ano casos de leitura / padrõe...
Caderno de consolidação de leitura e escrita 1º ano casos de leitura / padrõe...Caderno de consolidação de leitura e escrita 1º ano casos de leitura / padrõe...
Caderno de consolidação de leitura e escrita 1º ano casos de leitura / padrõe...
 
Fichas gramaticais
Fichas gramaticaisFichas gramaticais
Fichas gramaticais
 
Os nomes comuns, próprios e colectivos
Os nomes comuns, próprios e colectivosOs nomes comuns, próprios e colectivos
Os nomes comuns, próprios e colectivos
 
Hgp 6º ano livro professor
Hgp 6º ano livro professorHgp 6º ano livro professor
Hgp 6º ano livro professor
 
Comportamento individual para colar no caderno dos alunos
Comportamento individual para colar no caderno dos alunosComportamento individual para colar no caderno dos alunos
Comportamento individual para colar no caderno dos alunos
 
Ficha de Trabalho: os Nomes
Ficha de Trabalho: os NomesFicha de Trabalho: os Nomes
Ficha de Trabalho: os Nomes
 
A Fada Oriana Capitulos I e II
A Fada Oriana Capitulos I e IIA Fada Oriana Capitulos I e II
A Fada Oriana Capitulos I e II
 
Corre, corre, cabacinha de alice vieira texto integral
Corre, corre, cabacinha de alice vieira   texto integralCorre, corre, cabacinha de alice vieira   texto integral
Corre, corre, cabacinha de alice vieira texto integral
 
Teste.portugues 5º ano
Teste.portugues 5º anoTeste.portugues 5º ano
Teste.portugues 5º ano
 
Fichas de consolidação casos de leitura / padrões ortográficos 1º ano 1º ciclo
Fichas de consolidação casos de leitura / padrões ortográficos 1º ano 1º cicloFichas de consolidação casos de leitura / padrões ortográficos 1º ano 1º ciclo
Fichas de consolidação casos de leitura / padrões ortográficos 1º ano 1º ciclo
 
Diálogo verbos introdutores
Diálogo verbos introdutoresDiálogo verbos introdutores
Diálogo verbos introdutores
 

Destaque

Aventuras de João sem medo
Aventuras de João sem medo Aventuras de João sem medo
Aventuras de João sem medo Maria Gomes
 
Ficha de avaliação 2 2º periodo
Ficha de avaliação 2 2º periodoFicha de avaliação 2 2º periodo
Ficha de avaliação 2 2º periodoLuis Martins
 
Fator abiótico - água e solo
Fator abiótico - água e soloFator abiótico - água e solo
Fator abiótico - água e solobiogeopoetaalberto
 
Conto Tradicional
Conto TradicionalConto Tradicional
Conto TradicionalVanda Mata
 
Ficha trabalho de Língua Portuguesa - Frei João sem Cuidados
Ficha trabalho de Língua Portuguesa - Frei João sem CuidadosFicha trabalho de Língua Portuguesa - Frei João sem Cuidados
Ficha trabalho de Língua Portuguesa - Frei João sem CuidadosCentral Didática
 
"Comprar, comprar, comprar" de Luísa Ducla Soares
"Comprar, comprar, comprar" de Luísa Ducla Soares"Comprar, comprar, comprar" de Luísa Ducla Soares
"Comprar, comprar, comprar" de Luísa Ducla SoaresCentral Didática
 
Tratamento De áGuas Residuais
Tratamento De áGuas ResiduaisTratamento De áGuas Residuais
Tratamento De áGuas Residuaisguest3c1e728
 
Revisões 5º ano
Revisões 5º anoRevisões 5º ano
Revisões 5º anoAna Pereira
 
Ficha de trabalho 5º ano
Ficha de trabalho 5º anoFicha de trabalho 5º ano
Ficha de trabalho 5º anoCarla Marques
 
Modelo de teste português
Modelo de teste portuguêsModelo de teste português
Modelo de teste portuguêsMafalda Portas
 
Factores Abióticos - Água
Factores Abióticos - ÁguaFactores Abióticos - Água
Factores Abióticos - ÁguaCatir
 

Destaque (17)

Teste sumativo 1
Teste sumativo 1Teste sumativo 1
Teste sumativo 1
 
Aventuras de João sem medo
Aventuras de João sem medo Aventuras de João sem medo
Aventuras de João sem medo
 
Ficha de avaliação 2 2º periodo
Ficha de avaliação 2 2º periodoFicha de avaliação 2 2º periodo
Ficha de avaliação 2 2º periodo
 
Fator abiótico - água e solo
Fator abiótico - água e soloFator abiótico - água e solo
Fator abiótico - água e solo
 
A água
A águaA água
A água
 
Ana Margarida
Ana MargaridaAna Margarida
Ana Margarida
 
Conto Tradicional
Conto TradicionalConto Tradicional
Conto Tradicional
 
Ficha trabalho de Língua Portuguesa - Frei João sem Cuidados
Ficha trabalho de Língua Portuguesa - Frei João sem CuidadosFicha trabalho de Língua Portuguesa - Frei João sem Cuidados
Ficha trabalho de Língua Portuguesa - Frei João sem Cuidados
 
"Comprar, comprar, comprar" de Luísa Ducla Soares
"Comprar, comprar, comprar" de Luísa Ducla Soares"Comprar, comprar, comprar" de Luísa Ducla Soares
"Comprar, comprar, comprar" de Luísa Ducla Soares
 
Portugues 6 ano 2º teste
Portugues 6 ano 2º testePortugues 6 ano 2º teste
Portugues 6 ano 2º teste
 
Tratamento De áGuas Residuais
Tratamento De áGuas ResiduaisTratamento De áGuas Residuais
Tratamento De áGuas Residuais
 
Gramatica 5ºano
Gramatica 5ºanoGramatica 5ºano
Gramatica 5ºano
 
Revisões 5º ano
Revisões 5º anoRevisões 5º ano
Revisões 5º ano
 
Ficha de trabalho 5º ano
Ficha de trabalho 5º anoFicha de trabalho 5º ano
Ficha de trabalho 5º ano
 
Modelo de teste português
Modelo de teste portuguêsModelo de teste português
Modelo de teste português
 
Factores Abióticos - Água
Factores Abióticos - ÁguaFactores Abióticos - Água
Factores Abióticos - Água
 
Ficha de revisão
Ficha de revisãoFicha de revisão
Ficha de revisão
 

Semelhante a Orelhas de Burro

Semelhante a Orelhas de Burro (20)

Contos populares portuguezes_o_principe_com_orelhas_de_burro
Contos populares portuguezes_o_principe_com_orelhas_de_burroContos populares portuguezes_o_principe_com_orelhas_de_burro
Contos populares portuguezes_o_principe_com_orelhas_de_burro
 
Lp teste diag princesa e ervilha
Lp teste diag princesa e ervilhaLp teste diag princesa e ervilha
Lp teste diag princesa e ervilha
 
teste adaptado- AAia.doc
teste adaptado-  AAia.docteste adaptado-  AAia.doc
teste adaptado- AAia.doc
 
Os príncipes gémeos, in Queres Ouvir? Eu Conto!, Irene Lisboa
Os príncipes gémeos, in Queres Ouvir? Eu Conto!, Irene LisboaOs príncipes gémeos, in Queres Ouvir? Eu Conto!, Irene Lisboa
Os príncipes gémeos, in Queres Ouvir? Eu Conto!, Irene Lisboa
 
Teste lp 6 o teste meu
Teste lp 6 o teste meuTeste lp 6 o teste meu
Teste lp 6 o teste meu
 
A bruxa esbrenhuxa parte i
A bruxa esbrenhuxa parte iA bruxa esbrenhuxa parte i
A bruxa esbrenhuxa parte i
 
Lenda da cova da moura
Lenda da cova da mouraLenda da cova da moura
Lenda da cova da moura
 
CONTO-3º-4º-E-5ºANO-A-PRINCESA-E-A-ERVILHA.pdf
CONTO-3º-4º-E-5ºANO-A-PRINCESA-E-A-ERVILHA.pdfCONTO-3º-4º-E-5ºANO-A-PRINCESA-E-A-ERVILHA.pdf
CONTO-3º-4º-E-5ºANO-A-PRINCESA-E-A-ERVILHA.pdf
 
CONTO-3º-4º-E-5ºANO-A-PRINCESA-E-A-ERVILHA.pdf
CONTO-3º-4º-E-5ºANO-A-PRINCESA-E-A-ERVILHA.pdfCONTO-3º-4º-E-5ºANO-A-PRINCESA-E-A-ERVILHA.pdf
CONTO-3º-4º-E-5ºANO-A-PRINCESA-E-A-ERVILHA.pdf
 
Ae plv5 compreensao_oral2
Ae plv5 compreensao_oral2Ae plv5 compreensao_oral2
Ae plv5 compreensao_oral2
 
Dona pinta
Dona pintaDona pinta
Dona pinta
 
Ae plv5 teste_avancado2
Ae plv5 teste_avancado2Ae plv5 teste_avancado2
Ae plv5 teste_avancado2
 
Ae plv5 teste_avancado2
Ae plv5 teste_avancado2Ae plv5 teste_avancado2
Ae plv5 teste_avancado2
 
1 trimestral 6 ano
1 trimestral  6 ano1 trimestral  6 ano
1 trimestral 6 ano
 
353331924-Ovento-Irene-Lisboa.pdf
353331924-Ovento-Irene-Lisboa.pdf353331924-Ovento-Irene-Lisboa.pdf
353331924-Ovento-Irene-Lisboa.pdf
 
Ilustracao54
Ilustracao54Ilustracao54
Ilustracao54
 
Afrasedorei
AfrasedoreiAfrasedorei
Afrasedorei
 
O rei e a frase
O rei e a fraseO rei e a frase
O rei e a frase
 
O rei e a frase
O rei e a fraseO rei e a frase
O rei e a frase
 
A bela adormecida
A bela adormecidaA bela adormecida
A bela adormecida
 

Mais de Central Didática (20)

Pares e ímapares
Pares e ímaparesPares e ímapares
Pares e ímapares
 
Estratégias de cálculo multiplicação - treino
Estratégias de cálculo multiplicação - treinoEstratégias de cálculo multiplicação - treino
Estratégias de cálculo multiplicação - treino
 
Inf prova comum_2013_
Inf prova comum_2013_Inf prova comum_2013_
Inf prova comum_2013_
 
Conto alice vieira-rosa-minha-irma-rosa_58pag
Conto alice vieira-rosa-minha-irma-rosa_58pagConto alice vieira-rosa-minha-irma-rosa_58pag
Conto alice vieira-rosa-minha-irma-rosa_58pag
 
Tratamento dados 2
Tratamento dados 2Tratamento dados 2
Tratamento dados 2
 
Tratamento dados 1º ciclo
Tratamento dados 1º cicloTratamento dados 1º ciclo
Tratamento dados 1º ciclo
 
Plural de palavras terminadas em "-ão"
Plural  de palavras terminadas em "-ão"Plural  de palavras terminadas em "-ão"
Plural de palavras terminadas em "-ão"
 
Desafio 1
Desafio 1Desafio 1
Desafio 1
 
Singular/plural
Singular/pluralSingular/plural
Singular/plural
 
Lp d. Caio
Lp d. CaioLp d. Caio
Lp d. Caio
 
Nomes coletivos
Nomes coletivosNomes coletivos
Nomes coletivos
 
ficha trabalho lp 1º ano
ficha trabalho lp 1º anoficha trabalho lp 1º ano
ficha trabalho lp 1º ano
 
Treinando lh
Treinando lhTreinando lh
Treinando lh
 
A mosca e o Senhor Alfredo - Ficha formativa LP 5º ano
A mosca e o Senhor Alfredo - Ficha formativa LP 5º anoA mosca e o Senhor Alfredo - Ficha formativa LP 5º ano
A mosca e o Senhor Alfredo - Ficha formativa LP 5º ano
 
Ft continentes/ oceanos
Ft continentes/ oceanosFt continentes/ oceanos
Ft continentes/ oceanos
 
Caça à letra "a" 2
Caça à letra "a" 2Caça à letra "a" 2
Caça à letra "a" 2
 
Caça à letra a
Caça à letra aCaça à letra a
Caça à letra a
 
Já sei distinguir 2
Já sei distinguir 2Já sei distinguir 2
Já sei distinguir 2
 
Já sei distinguir
Já sei distinguirJá sei distinguir
Já sei distinguir
 
Pf port41 f2_2013_cad2
Pf port41 f2_2013_cad2Pf port41 f2_2013_cad2
Pf port41 f2_2013_cad2
 

Último

Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptxAula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptxpamelacastro71
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbyasminlarissa371
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAlexandreFrana33
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaFernanda Ledesma
 
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
HABILIDADES ESSENCIAIS - MATEMÁTICA 4º ANO.pdf
HABILIDADES ESSENCIAIS  - MATEMÁTICA 4º ANO.pdfHABILIDADES ESSENCIAIS  - MATEMÁTICA 4º ANO.pdf
HABILIDADES ESSENCIAIS - MATEMÁTICA 4º ANO.pdfdio7ff
 
PLANO ANUAL 1ª SÉRIE - Língua portuguesa 2024
PLANO ANUAL 1ª SÉRIE - Língua portuguesa 2024PLANO ANUAL 1ª SÉRIE - Língua portuguesa 2024
PLANO ANUAL 1ª SÉRIE - Língua portuguesa 2024SamiraMiresVieiradeM
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxGislaineDuresCruz
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas BrasileirosMary Alvarenga
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoCelianeOliveira8
 
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptTREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptAlineSilvaPotuk
 
AULA 7 - REFORMA PROTESTANTE SIMPLES E BASICA.pptx
AULA 7 - REFORMA PROTESTANTE SIMPLES E BASICA.pptxAULA 7 - REFORMA PROTESTANTE SIMPLES E BASICA.pptx
AULA 7 - REFORMA PROTESTANTE SIMPLES E BASICA.pptxrenatacolbeich1
 
Combinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptx
Combinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptx
Combinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptxalessandraoliveira324
 
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdf
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdfSlides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdf
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdfpaulafernandes540558
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfIedaGoethe
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxacaciocarmo1
 
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?MrciaRocha48
 
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...Martin M Flynn
 

Último (20)

Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
 
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptxAula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
 
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
HABILIDADES ESSENCIAIS - MATEMÁTICA 4º ANO.pdf
HABILIDADES ESSENCIAIS  - MATEMÁTICA 4º ANO.pdfHABILIDADES ESSENCIAIS  - MATEMÁTICA 4º ANO.pdf
HABILIDADES ESSENCIAIS - MATEMÁTICA 4º ANO.pdf
 
PLANO ANUAL 1ª SÉRIE - Língua portuguesa 2024
PLANO ANUAL 1ª SÉRIE - Língua portuguesa 2024PLANO ANUAL 1ª SÉRIE - Língua portuguesa 2024
PLANO ANUAL 1ª SÉRIE - Língua portuguesa 2024
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
 
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptTREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
 
AULA 7 - REFORMA PROTESTANTE SIMPLES E BASICA.pptx
AULA 7 - REFORMA PROTESTANTE SIMPLES E BASICA.pptxAULA 7 - REFORMA PROTESTANTE SIMPLES E BASICA.pptx
AULA 7 - REFORMA PROTESTANTE SIMPLES E BASICA.pptx
 
Combinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptx
Combinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptx
Combinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptx
 
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdf
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdfSlides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdf
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdf
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
 
(76- ESTUDO MATEUS) A ACLAMAÇÃO DO REI..
(76- ESTUDO MATEUS) A ACLAMAÇÃO DO REI..(76- ESTUDO MATEUS) A ACLAMAÇÃO DO REI..
(76- ESTUDO MATEUS) A ACLAMAÇÃO DO REI..
 
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
 
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
 

Orelhas de Burro

  • 1. Produzido por Central Didática para centraldidatica.blogspot.pt Smile Explicações – professora Teresa Lima Lugar da Bezerra – Correlhã - contactos: 965264784/934488630 Ficha de Avaliação Diagnóstica de Língua Portuguesa – 5º ano O Príncipe com Orelhas de Burro Era uma vez um rei que vivia muito triste por não ter filhos e mandou chamar três fadas para que fizessem com que a rainha lhe desse um filho. As fadas prometeram-lhe que os seus desejos seriam satisfeitos e que elas viriam assistir ao nascimento do príncipe. Ao fim de nove meses, deu a rainha à luz um filho e as três fadas fadaram o menino. A primeira fada disse: – Eu te fado para que sejas o príncipe mais formoso do mundo. A segunda fada disse: – Eu te fado para que sejas muito virtuoso e entendido. A terceira fada disse: – Eu te fado para que te nasçam umas orelhas de burro. Foram-se as três fadas e logo apareceram ao príncipe as orelhas de burro. O rei mandou sem demora fazer um barrete que o príncipe devia sempre usar para lhe cobrir as orelhas. Crescia o príncipe em formosura e ninguém na corte sabia que ele tinha as tais orelhas de burro. Chegou a idade em que ele tinha de fazer a barba, e então o rei mandou chamar o seu barbeiro e disse-lhe: – Farás a barba ao príncipe, mas se disseres a alguém que ele tem orelhas de burro, morrerás. Andava o barbeiro com grandes desejos de contar o que vira, mas com receio de que o rei o mandasse matar, calava consigo. Um dia foi-se confessar e disse ao padre: – Eu tenho um segredo que me mandaram guardar, mas eu se não o digo a alguém morro, e se o digo o rei manda-me matar; diga, padre, o que eu hei de fazer. Responde-lhe o padre que fosse a um vale, que fizesse uma cova na terra e que dissesse o segredo tantas vezes até ficar aliviado desse peso e que depois tapasse a cova com terra. O barbeiro assim fez; e, depois de ter tapado a cova, voltou para casa muito descansado. Passado algum tempo, nasceu um canavial onde o barbeiro tinha feito a cova. Os pastores, quando ali passavam com os seus rebanhos, cortavam canas para fazer gaitas, mas quando tocavam nelas saíam umas vozes que diziam: – Príncipe com orelhas de burro.
  • 2. 2 Produzido por Central Didática para centraldidatica.blogspot.pt Começou a espalhar-se esta notícia por toda a cidade e o rei mandou vir à sua presença um dos pastores para que tocasse na gaita; e saíram sempre as mesmas vozes que diziam: – Príncipe com orelhas de burro. O próprio rei também tocou e sempre ouvia as vozes. Então o rei mandou chamar as fadas e pediu-lhes que tirassem as orelhas de burro ao príncipe. Então elas mandaram reunir a corte toda e ordenaram ao príncipe que tirasse o barrete; mas qual não foi o contentamento do rei, da rainha e do príncipe ao ver que já lá não estavam as tais orelhas de burro! Desde esse dia as gaitas que os pastores faziam das canas do tal canavial deixaram de dizer: – Príncipe com orelhas de burro. Adolfo COELHO, Contos Populares Portugueses, Dom Quixote 1. Assinala com X a afirmação que completa a tua resposta. a. Certo dia, o rei mandou chamar três fadas ‫ﬦ‬para que a rainha lhe desse um filho. ‫ﬦ‬para que concedessem um dom ao seu filho. ‫ﬦ‬para quebrar um feitiço da bruxa má. b. As fadas prometeram ao rei ‫ﬦ‬que o seu filho deixaria de ter orelhas de burro quando chegasse à maioridade. ‫ﬦ‬que a bruxa má nunca mais regressaria àquele palácio. ‫ﬦ‬que os seus desejos seriam concedidos e que viriam assistir ao nascimento do príncipe. c. Perante o dom concedido pela terceira fada ao príncipe, o rei mandou ‫ﬦ‬o barbeiro cortar as orelhas ao príncipe. ‫ﬦ‬fazer um barrete que cobrisse as orelhas do príncipe. ‫ﬦ‬castigar a fada.
  • 3. 3 Produzido por Central Didática para centraldidatica.blogspot.pt 2. Estabelece a correspondência de forma a indicares o que cada fada concedeu ao príncipe. 1. 1. 2. 1.________________ 2. _________________ 3. ___________________ 3. “– Eu tenho um segredo que me mandaram guardar…” a. Que segredo era esse? _____________________________________________________________________________________ _____________________________________________________________________________________ b. Era fácil para o pastor guardar esse segredo? Justifica a tua resposta com palavras do texto. _____________________________________________________________________________________ _____________________________________________________________________________________ c. Retira do texto a frase que diz que o conselho do padre surtiu efeito. _____________________________________________________________________________________ _____________________________________________________________________________________ 4. “…mas quando tocavam nelas saíam umas vozes…” a. No teu entender, por que razão isto aconteceria? _____________________________________________________________________________________ _____________________________________________________________________________________ b. Como tentou o rei resolver aquele problema? _____________________________________________________________________________________ _____________________________________________________________________________________ c. As fadas satisfizeram os desejos do rei? _____________________________________________________________________________________ _____________________________________________________________________________________ 1- A primeira fada a. desejou que o príncipe fosse o mais formoso do mundo. 2- A segunda fada b. desejou que o príncipe tivesse orelhas de burro. 3- A terceira fada c. desejou que o príncipe fosse muito virtuoso e entendido.
  • 4. 4 Produzido por Central Didática para centraldidatica.blogspot.pt Conhecimento Explícito da Língua Portuguesa 1. “Era uma vez um rei que vivia muito triste por não ter filhos…” a. Retira da frase: Dois determinantes artigos_________________________________________________________ Dois nomes comuns______________________________________________________________ Duas formas verbais______________________________________________________________ Um adjetivo_____________________________________________________________________ b. Em que grau se encontra o adjetivo que transcreveste na alínea anterior? _______________________________________________________________________________ 2. Completa a tabela, indicando o tempo, a pessoa e o número de cada uma das formas verbais do modo indicativo. Tempo Pessoa Número Vivia Mandou Fado Tenho Tocavam Farás 3. Aponta as funções sintáticas presentes nesta frase. O Príncipe tinha orelhas de burro. __________________________________________________________________________________ 4. O barbeiro ficou aliviado. a. Sublinha o adjetivo da frase. b. Refere o grau em que se encontra. _______________________________________________________________________________ c. Reescreve a frase colocando o adjetivo no grau superlativo absoluto sintético. _______________________________________________________________________________
  • 5. 5 Produzido por Central Didática para centraldidatica.blogspot.pt 5. Classifica cada uma das frases quanto ao tipo. Tipo de frase O rei mandou chamar as fadas. - Padre, o que hei de fazer? Vai a um vale e faz uma cova na terra. O Príncipe estava muito feio com aquelas orelhas! 6. Classifica as palavras quanto ao número de sílabas: a. Príncipe____________________________________________________________ b. Burro______________________________________________________________ c. Canavial____________________________________________________________ d. Gaitas______________________________________________________________ e. Rei________________________________________________________________ f. Formusura__________________________________________________________ 7. Acentua as palavras e classifica-as quanto à posição da sílaba tónica. a. Palacio____________________________________________________________ b. Nao______________________________________________________________ c. Noticia____________________________________________________________ d. Tambem__________________________________________________________ e. Açucar____________________________________________________________