Resultados
1T 2014
15 de Maio de 2014
DESTAQUES 1T14DESTAQUES 1T14
O Volume de Vendas somou 29,4 mil toneladas, um crescimento de 9,1% em relação mesmo
período ...
VOLUME DE VENDASVOLUME DE VENDAS
((em milhões de toneladasem milhões de toneladas))
Neste trimestre a Companhia apresentou...
Este crescimento ocorreu, principalmente, devido ao aumento do volume de vendas.
4
RECEITA LÍQUIDARECEITA LÍQUIDA
(em milh...
Os custos dos produtos vendidos (CPV) totalizaram R$ 160,6 milhões no 1T14, um acréscimo
de 39,7% se comparado aos R$ 114,...
EBITDA (EBITDA (em milhões de Reaisem milhões de Reais))
e MARGEM EBITDAe MARGEM EBITDA (%)(%)
O EBITDA Ajustado no 1T14 a...
O trimestre apresentou prejuízo de R$ 1,7 milhão, devido ao fato da Companhia parar de
registrar IR e CS diferidos sobre p...
A Dívida líquida aumentou 11,2% em relação ao 1T13, em função da redução do caixa e
instrumentos com liquidez em R$ 71,6 m...
ENDIVIDAMENTO/CAIXAENDIVIDAMENTO/CAIXA
((em milhões de Reaisem milhões de Reais))
Dívida Líquida ConsolidadaDívida Líquida...
INDICADORES DE MERCADOINDICADORES DE MERCADO
10
Variação cotações 1T14/ 1T13
PRVI3 -7,5%
IBOVESPA -10,5%
EFEITO ADVERSO – 2T14EFEITO ADVERSO – 2T14
11
Em 01/abril/2014 o Ministério Público do Trabalho interditou parcialmente as...
ALIENAÇÃO DE CONTROLEALIENAÇÃO DE CONTROLE
12
De acordo com o Fato Relevante publicado em 27/janeiro/2014 o fechamento da ...
CEO/CFO: Hermínio V. S. de Freitas
RI : Gabriela Las Casas
Danielle Cabrini
Tel: +55 (41) 3381-8673
Fax: +55 (41) 3381-765...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Apresentação 1 t14_portugues

916 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
916
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
706
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação 1 t14_portugues

  1. 1. Resultados 1T 2014 15 de Maio de 2014
  2. 2. DESTAQUES 1T14DESTAQUES 1T14 O Volume de Vendas somou 29,4 mil toneladas, um crescimento de 9,1% em relação mesmo período do ano anterior; A Receita líquida atingiu R$ 211,7 milhões, 31,8% maior que em 1T13, basicamente em função do aumento no volume de vendas; O EBITDA Ajustado alcançou R$ 28,8 milhões, 11,8% superior ao 1T13; O Lucro bruto apresentou crescimento de R$ 5,5 milhões, ou 12,1%, em relação ao primeiro trimestre de 2013; A Dívida Líquida apresentou acréscimo de R$ 51,3 milhões, ou 11,2%, em relação ao 1T13, sendo o principal fator a variação cambial sobre os financiamentos em dólar.
  3. 3. VOLUME DE VENDASVOLUME DE VENDAS ((em milhões de toneladasem milhões de toneladas)) Neste trimestre a Companhia apresentou um aumento no volume total de vendas de 9,1% na comparação com o mesmo período de 2013. As vendas de nãotecidos mostraram um acréscimo de 13,6% em relação ao registrado no 1T13.
  4. 4. Este crescimento ocorreu, principalmente, devido ao aumento do volume de vendas. 4 RECEITA LÍQUIDARECEITA LÍQUIDA (em milhões de Reais)(em milhões de Reais) A Receita Líquida alcançou R$ 211,7 milhões no 1T14, apresentando um acréscimo de 31,8% quando comparado com o 1T13;
  5. 5. Os custos dos produtos vendidos (CPV) totalizaram R$ 160,6 milhões no 1T14, um acréscimo de 39,7% se comparado aos R$ 114,9 milhões registrados no 1T13 e decréscimo de 2,5% comparativamente aos R$ 164,7 milhões no 4T13; CPV (Custos dos Produtos Vendidos)CPV (Custos dos Produtos Vendidos) ((em milhões de Reaisem milhões de Reais)) 5 Este incremento está ligado, principalmente, ao maior volume de vendas e ao aumento do custo da matéria-prima em Reais.
  6. 6. EBITDA (EBITDA (em milhões de Reaisem milhões de Reais)) e MARGEM EBITDAe MARGEM EBITDA (%)(%) O EBITDA Ajustado no 1T14 atingiu R$ 28,8 milhões, um acréscimo de 11,8% quando comparado com os R$ 25,8 milhões registrados no 1T13. Em relação ao 4T13 houve decréscimo de 16,8%; A redução se deve principalmente ao aumento no custo fixo do 4T13 para o 1T14, principalmente nos gastos com pessoal, em consequência de pagamentos de PPR, férias e reajustes salariais.
  7. 7. O trimestre apresentou prejuízo de R$ 1,7 milhão, devido ao fato da Companhia parar de registrar IR e CS diferidos sobre prejuízos fiscais acumulados, visando o cumprimento da instrução CVM 371/02. Essa medida gerou um impacto no resultado do período e no saldo de IR e CS diferidos do Balanço Patrimonial de R$ 4,1 milhões. 7 RESULTADO LÍQUIDO (RESULTADO LÍQUIDO (em milhões de Reaisem milhões de Reais)) e MARGEM LÍQUIDAe MARGEM LÍQUIDA (%)(%)
  8. 8. A Dívida líquida aumentou 11,2% em relação ao 1T13, em função da redução do caixa e instrumentos com liquidez em R$ 71,6 milhões. Em relação ao 4T13 a Dívida Líquida aumentou 1,1%. DÍVIDA LÍQUIDADÍVIDA LÍQUIDA ((em milhões de Reaisem milhões de Reais)) A Dívida em moeda estrangeira foi tomada principalmente nos EUA, com hedge natural em função da receita e ativos neste país.
  9. 9. ENDIVIDAMENTO/CAIXAENDIVIDAMENTO/CAIXA ((em milhões de Reaisem milhões de Reais)) Dívida Líquida ConsolidadaDívida Líquida Consolidada 9 Descrição em R$ (MM) 1T13 4T13 1T14 Var. 1T14 / 1T13 Financiamentos Curto Prazo 114,5 83,7 95,8 -16,4% Financiamentos Longo Prazo 475,5 507,2 474,0 -0,3% Total 590,0 590,9 569,7 -3,4% Caixa e Instrumentos financeiros com liquidez (hedge) 133,8 88,9 62,2 -53,6% Dívida líquida 456,2 502,0 507,6 11,2% Patrimônio Líquido 696,1 665,6 664,3 -4,6% Dívida líquida sobre EBITDA 3,70 3,98 3,97 7,3% Dívida líquida Consolidada
  10. 10. INDICADORES DE MERCADOINDICADORES DE MERCADO 10 Variação cotações 1T14/ 1T13 PRVI3 -7,5% IBOVESPA -10,5%
  11. 11. EFEITO ADVERSO – 2T14EFEITO ADVERSO – 2T14 11 Em 01/abril/2014 o Ministério Público do Trabalho interditou parcialmente as linhas de produção de nãotecidos 6, 7 e 8 e outros equipamentos na planta de São José dos Pinhais até que a Companhia comprove aderência à NR 12; A Companhia acelerou os projetos de adequação dos equipamentos à NR 12 e a liberação das máquinas vem ocorrendo gradualmente, com conclusão prevista para o final de maio/2014; O impacto em volume de produção no 2T14 está estimado em aproximadamente 5.000 toneladas de nãotecidos; Para mitigar impactos no mercado, redirecionamos a produção destinada a clientes de higiênicos com contratos para outras linhas de produção no Brasil e os clientes de descartáveis médicos passaram a ser atendidos pela nossa planta nos Estados Unidos. A perda do volume de vendas afetará principalmente os clientes de higiênicos com os quais não temos contratos.
  12. 12. ALIENAÇÃO DE CONTROLEALIENAÇÃO DE CONTROLE 12 De acordo com o Fato Relevante publicado em 27/janeiro/2014 o fechamento da Operação de alienação de controle à PGI está sujeito à verificação e ao cumprimento de determinadas condições suspensivas usuais em operações similares, inclusive a aprovação prévia por parte das autoridades de defesa da concorrência; O CADE aprovou a Operação sem restrições; Tão logo as demais condições suspensivas estejam cumpridas ocorrerá o fechamento da Operação; PGI Brasil assumiu no Contrato de Compra e Venda a obrigação de, após o fechamento da Operação, realizar oferta pública de aquisição de ações por alienação de controle.
  13. 13. CEO/CFO: Hermínio V. S. de Freitas RI : Gabriela Las Casas Danielle Cabrini Tel: +55 (41) 3381-8673 Fax: +55 (41) 3381-7656 São José dos Pinhais – PR www.providencia.com.br/ri www.twitter.com/providencia_ri As palavras “acredita”, “antecipa”, “espera”, “estima”, “irá”, “planeja”, “pode”, “poderá”, “pretende”, “prevê”, “projeta”, entre outras palavras com significado semelhante, têm por objetivo identificar estimativas e projeções. Estimativas e projeções futuras envolvem incertezas, riscos e premissas, pois incluem informações relativas aos nossos resultados operacionais futuros possíveis ou presumidos, estratégia de negócios, planos de financiamento, posição competitiva no mercado, ambiente setorial, oportunidades de crescimento potenciais, efeitos de regulamentação futura e efeitos da competição. Devido aos riscos e incertezas descritos acima, os eventos estimados e futuros discutidos nesta apresentação podem não ocorrer e não são garantia de acontecimento futuro. A Providência não se obriga a atualizar essa apresentação mediante novas informações e/ou acontecimentos futuros. 13

×