Guias Espirituais

241 visualizações

Publicada em

Os caminhos da fé, são aqueles que cada um de nós escolhemos para nos conduzir na jornada da vida, se você escolheu creia nele totalmente, lembre-se de sempre agradecer pois você não esta só.....

Publicada em: Espiritual
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
241
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
14
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Guias Espirituais

  1. 1. Guias Espirituais
  2. 2. Diante da promessa divina de que os bons vão para o céu e os maus vão para o inferno: (1) Você, se considerado bom ao término de sua vida nesta terra, após ter passado por todas as agruras e, mesmo assim, levado uma vida de retidão para ter a recompensa de estar ao lado dos seus no céu...Considerando tudo isso, eu pergunto: você deixaria de lado esta chance e escolheria uma pessoa qualquer que você nem conhece e se tornaria seu guia 24 horas por dia durante o resto da vida desta pessoa?Mais uma vez pergunto: seja sincero consigo, você faria isso?Abdicava do céu e da presença de Deus para ser um guia espiritual de uma pessoa que você não conhece?
  3. 3. Há uma regra básica na vida humana: não guiamos nem nossos filhos.Falamos: “bom, agora você cresceu, tem que caminhar com as próprias pernas, trabalhar e criar sua própria família”.Nem mesmo quando o filho era menor, você ficava 24 horas por dia guiando-o. Sabe- se que, numa sala de aula, ninguém pode, a não ser o professor, ensinar. Se um de nós fizesse isso, seria como passar cola,e isso seria incorreto. Portanto, é incorreto um guia adiantar conhecimento a um médium. Outra questão: você já viu algum santo como Jesus , Buda, Chico Xavier e outros aparecerem nesta terra ou serem guias de algum médium?
  4. 4. (2) Você, considerado não muito bom, sabendo que vai para o inferno ou purgatório, aceitaria ser guia espiritual de uma pessoa que você não conhece pelo resto da vida desta pessoa? Aceita? Aqui tem outra regra básica da vida humana: ninguém, seja quem for, bom ou mau, quer sofrer. Há sempre a tentativa de fugir do sofrimento a qualquer custo. E se o custo for ser um guia espiritual,você aceitaria, claro. Sejamos sinceros! (3) Os guias que se apresentam nos centros espíritas são formas de vida humana elementares. A vida humana e todas as vidas neste planeta,na sua origem, têm fases: infantil, pré-adolescente, adolescente, maduro e velho.
  5. 5. (4)Porque você acha que um guia índio,preto velho ou outro, cuja única forma de vida que conhece é aquela que ele,no passado,viveu, sendo seu guia, te ajudaria? O que ele sabe de nosso modo de vida hoje, se ele nunca a viveu? Para saber sobre algo, sejamos encarnados ou espíritos, é preciso ter prática, é preciso ter vivido. Prática é conhecimento. Senão o fosse, como espíritos sentaríamos em uma nuvem e ficaríamos observando o povo aqui em baixo para aprender. Mas não é assim que acontece. Nós encarnamos para que, na pratica e no intercâmbio com outros, possamos adquirir conhecimento
  6. 6. (5) Eles (os guias) freqüentam estes ambientes porque é festa, tem atabaques, dança, charutos e bebidas.Enquanto aguardam a próxima fase de evolução, são como crianças que estão de férias, se divertem. Mas eles existem!. Pessoas descobriram isso e tentam de alguma forma manipulá-los em proveito próprio.
  7. 7. (6) Mas talvez perguntem: o que são estes fenômenos espirituais que existem? Estes fenômenos existem pela presença de um grande espírito universal, não importando sua religião, quem você seja, bom ou mau, o que você pensa, o que você faz. Somos todos iguais aos olhos de Deus.Ele assume a forma e satisfaz seu desejo. Ele nos foi prometido por ninguém mais que Jesus. No evangelho de João, capitulo14, versículo16, Ele disse: “eu rogarei ao pai, e ele vos dará outro consolador,para que fique convosco para sempre”.Seu nome é FÉ,( Santa Fé). Se você acredita que o guia tal, exu tal,o santo tal, vai te curar, a santa Fé se transforma neste guia e te cura. Ele é aquilo em que você crê. Bom seria que você particularmente escolhesse um nome e o batizasse, para que em suas orações você chame o tal nome e diga: “eu te agradeço pela graça recebida”. Quanto ao bom ou mau, este é um outro assunto e não cabe mencioná-lo aqui. Milton Rodrigues dos Santos10/08/2015

×