Aeroporto Leite Lopes SBRP  <br />              Ribeirão Preto  <br />                   Grupo A<br />
  Roteiro<br />A cidade<br />Dados econômicos e sociais<br />Daesp / Infraero<br />Aspectos legais (Concessão)<br />Aeropo...
   A Cidade<br />Ribeirão Preto é um município brasileiro do interior do estado de São Paulo, distante 313 km a noroeste d...
  Dados econômicos e socias<br />Produto interno bruto (PIB) - 0,48% do total do PIB da nação, contabilizando R$ 11 270 93...
daesp<br />Em 1963 a extinta Secretaria de Viação e Obras Públicas criou a Diretoria de Aeroportos que em 1966, deu origem...
  DAESP<br />Finalidades do DAESP<br />Colaborar com os órgãos competentes da União no que se refere a aplicação, no Estad...
  Daesp<br />     O Plano Diretor do Daesp prevê a transformação deste aeroporto em internacional, com o incremento do tra...
  infraero<br />Infraero é uma empresa pública nacional acostumada com a diversidade brasileira. Sediada em Brasília, está...
  infraero<br />Além de passageiros, a Infraero opera aeroportos equipados para funcionar como plataforma de helicópteros ...
 concessão<br />Aspectos Legais<br />Maior rapidez e menor custo na captação de recursos financeiros; <br />Maior velocida...
   Aeroporto<br />Informações Técnicas<br />Área patrimonial: 159,30 ha (Hectares)<br />Pista de pouso: 2.100 x 45 m<br />...
   aeroporto<br />Terminal de Passageiros (m²): 1.500  <br /> Estacionamento de Veículos - nº de vagas: 340 cobertas com p...
  aeroporto<br />Atividades Comerciais  <br />-Aeroclube;<br />        -Alimentação;  -Caixa Eletrônico;  -Carga;  -Choper...
                                                       Rodovia Bandeirantes<br />                                         ...
  rotaer <br />RIBEIRÃO PRETO / Leite Lopes, SP SBRP 21 08 11 S/047 46 36W<br />PUB 7NE UTC-3 VFR IFR L21, 23, 26 DAESP   ...
  Auxílios luminosos<br />L21 – Farol rotativo de aeródromo.<br />L9 – PAPI – (Indicador – visual – de rampa de aproximaçã...
Papis(Sistema indicado de de ângulo de aproximação de precisão)<br />
  Luzes de pista / taxiways<br />
 conclusão<br />Pela analise econômica da cidade de Ribeirão Preto e pela analise da oferta no aeroporto, concluímos que o...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

ApresentaçãO Adm Aerop

1.751 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.751
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
23
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

ApresentaçãO Adm Aerop

  1. 1. Aeroporto Leite Lopes SBRP <br /> Ribeirão Preto <br /> Grupo A<br />
  2. 2. Roteiro<br />A cidade<br />Dados econômicos e sociais<br />Daesp / Infraero<br />Aspectos legais (Concessão)<br />Aeroporto<br />
  3. 3. A Cidade<br />Ribeirão Preto é um município brasileiro do interior do estado de São Paulo, distante 313 km a noroeste da capital estadual e a 706 km de Brasília.<br /> Seu território de 651 km² abriga uma população estimada em 563 107 habitantes (IBGE/2009) o que o torna o nono município mais populoso do Estado e o sexto mais populoso do interior.<br />O município, portanto, situa-se no caminho que liga a Grande São Paulo à região central do país, relativamente próximo dos principais pólos econômicos e tecnológicos do interior de São Paulo, triângulo mineiro e sul de minas, sendo Ribeirão Preto também declarada recentemente "pólo tecnológico" pelo governo do estado de São Paulo.<br />Segundo dados do IBGE divulgados em dezembro de 2008 referentes a 2006, o município tem o 26º maior Produto Interno Bruto do País.<br />
  4. 4. Dados econômicos e socias<br />Produto interno bruto (PIB) - 0,48% do total do PIB da nação, contabilizando R$ 11 270 937 000,00<br />Renda Per Capita - R$10.229,55<br />Principais Atividades Econômicas : indústria, comércio, agricultura (cana-de-açucar) e serviços<br />Índice de desenvolvimento urbano (IDH) – 0,855 <br />
  5. 5. daesp<br />Em 1963 a extinta Secretaria de Viação e Obras Públicas criou a Diretoria de Aeroportos que em 1966, deu origem ao Departamento Aeroviário do Estado de São Paulo - DAESP, tornando-se Autarquia em 1970.<br />O DAESP está vinculado à Secretaria dos Transportes do Governo do Estado de São Paulo e mediante o convênio com o Comando da Aeronáutica através da Agência Nacional de Aviação Civil - ANAC .<br />Tem a responsabilidade de administrar, manter e explorar 31 Aeroportos Públicos no interior do Estado de São Paulo. <br />
  6. 6. DAESP<br />Finalidades do DAESP<br />Colaborar com os órgãos competentes da União no que se refere a aplicação, no Estado de São Paulo, da política Aeronáutica Nacional.<br />Planejar a rede aeroportuária do Estado, respeitada a política de coordenação geral dos transportes e a legislação específica.<br />Projetar, construir e administrar aeroportos do Estado, mediante delegação, concessão ou autorização do Comando da Aeronáutica.<br />Arrecadar tarifas aeroportuárias por delegação do Comando da Aeronáutica.<br />Aplicar as normas legais, técnicas e administrativas, baixadas pelas autoridades Federais.<br />Desempenhar direta ou indiretamente, todas as demais atividades legadas à Aeronáutica de competência do Estado ou que lhe forem delegadas.<br />
  7. 7. Daesp<br /> O Plano Diretor do Daesp prevê a transformação deste aeroporto em internacional, com o incremento do transporte de cargas, inclusive com instalação de centro de convenções e hotel para complementar as necessidades de um aeroporto internacional.<br />
  8. 8.
  9. 9. infraero<br />Infraero é uma empresa pública nacional acostumada com a diversidade brasileira. Sediada em Brasília, está presente em todos os Estados da Federação, reunindo uma força de trabalho de aproximadamente 28.000 profissionais, entre orgânicos e terceirizados.<br />Vinculada ao Ministério da Defesa, a Infraero administra desde os maiores aeroportos brasileiros até alguns tão pequenos que sequer recebem vôos comerciais regulares – caso de aeroportos cuja função é representar a soberania nacional em áreas longínquas. Ao todo são 67 aeroportos, 80 unidades de apoio à navegação aérea e 33 terminais de logística de carga.<br />Estes aeroportos concentram aproximadamente 97% do movimento do transporte aéreo regular do Brasil.<br />
  10. 10. infraero<br />Além de passageiros, a Infraero opera aeroportos equipados para funcionar como plataforma de helicópteros e outros cuja vocação está na logística de carga e de manuseio de mercadorias perigosas. <br />Pratica um plano de obras arrojado, que abrange praticamente todos os aeroportos por ela administrados e que gera mais de 50 mil empregos em todo o Brasil.<br /> <br />As obras são realizadas com receita própria, gerada principalmente pela armazenagem e capatazia de carga aérea, concessão de espaços comerciais nos aeroportos, tarifas de embarque, pouso e permanência, e prestação de serviços de comunicação e auxílios à navegação aérea.<br /> Missão da Infraero:<br />"Prover infra-estrutura e serviços aeroportuários com segurança, conforto, eficiência e comprometimento com a integração nacional".<br />
  11. 11. concessão<br />Aspectos Legais<br />Maior rapidez e menor custo na captação de recursos financeiros; <br />Maior velocidade na contratação de profissionais e empresas;<br />Maior interesse em melhorar os serviços prestados e uma grande oportunidade de concorrência entre os principais aeroportos do País.<br />
  12. 12. Aeroporto<br />Informações Técnicas<br />Área patrimonial: 159,30 ha (Hectares)<br />Pista de pouso: 2.100 x 45 m<br />Aeronaves típicas: F27, F100, B737, A330, A320, EMB 110/120, ERJ145.<br />Tipo de pista: asfalto. <br />Companhias Aéreas: TAM , TRIP e Passaredo (Sede da empresa).<br />Indicação ICAO: SBRP <br />Horário de Funcionamento: H24<br />Designação da Cabeceira: 18 – 36<br />Destinos: São Paulo (Guarulhos e Congonhas), Campinas, São José do Rio Preto, Recife, Uberaba, Belo Horizonte, Brasília, Goiânia, Palmas, Curitiba, São José dos Campos. <br />Freqüência: 22 a 24 vôos/dia <br />Distância do centro da cidade: 5,5 km<br />
  13. 13.
  14. 14.
  15. 15. aeroporto<br />Terminal de Passageiros (m²): 1.500  <br /> Estacionamento de Veículos - nº de vagas: 340 cobertas com possibilidade de ampliação imediata para + 100 vagas.<br /> Estatísticas<br /> Aeronaves Carga Aérea Passageiro<br />Pouso/Decolagem Kg Emb/Desembarque<br /> Ano Quantidade Ano Quantidade Ano Quantidade<br /> 2005 23.993 2005 961.926 2005 467.256<br /> 2006 21.817 2006 742.256 2006 318.434<br /> 2007 28.049 2007 895.064 2007 391.207<br /> 2008 33.357 2008 637.127 2008 428.153<br />
  16. 16. aeroporto<br />Atividades Comerciais  <br />-Aeroclube;<br />  -Alimentação;  -Caixa Eletrônico;  -Carga;  -Choperia;  -Cias. Aéreas;  -Combustível;  -Comissaria;  -Engraxataria;  -Estacionamento;  -Livraria;  -Locadora de Veículos;  -Manutenção e Peças;  -Publicidade;<br />  <br />
  17. 17.
  18. 18. Rodovia Bandeirantes<br /> Rodovia Anhanguera<br />
  19. 19.
  20. 20. rotaer <br />RIBEIRÃO PRETO / Leite Lopes, SP SBRP 21 08 11 S/047 46 36W<br />PUB 7NE UTC-3 VFR IFR L21, 23, 26 DAESP 550 (1806)<br />18 – L9 (1), 12 – (2100 x 45 ASPH 54/F/A/X/T L14,15) – L8(6), 12 – 36<br />CMB – (2) PF, TF SER – S3 RFFS – REQ-6<br />MET – (16) 3626-3426 CMA (3) (1 a 9)<br />COM – TORRE RIBEIRÃO (4) 118.00 119.55 RÁDIO RIBEIRÃO (5) 118.00 119.55<br />ATIS vide TMA RIBEIRÃO PRETO.<br />RDONAV – NDB RPR 330 21 08.56S/047 46.56W<br />AIS - (3) (16) 3615-8605<br />RMK – (*) a. Observar a presença de pássaros nas vizinhanças do aeródromo, principalmente<br />urubus na ATZ.<br />b. TWY acesso THR18 730 x 15 ASPH PCN 12/F/A/X/U, somente OPR DIURNA.<br />c. OBS OBST (morro) DIST 9618M THR 36, AZM 156DEG, ELEV 2364FT.<br />d. Não autorizado apresentação de plano de vôo simplificado por radiotelefonia.<br />e. AD habilitado ao tráfego INTL de cargas.<br />f. THR 18 deslocada 200M e THR 36 deslocada 100M.<br />(1) MEHT: 50FT<br />(2) 0900-0100.<br />(3) Aceita PLN e suas atualizações por TEL. TEL CMA: (16) 3626-3426,<br />TEL PLN: (16) 3615-8605; FAX PLN: (16) 3626-6771.<br />(4) 0900-0300<br />(5) 0200-0900<br />(6) MEHT: 40FT<br />
  21. 21. Auxílios luminosos<br />L21 – Farol rotativo de aeródromo.<br />L9 – PAPI – (Indicador – visual – de rampa de aproximação, com precisão), com rampa normal de 3°. <br />L14 – Luzes ao longo das laterais da pista, de 60 em 60 metros.<br />L15 – Luzes (azuis) de pista de táxi, indicando sua trajetória.<br />L8 – AVASIS (VASIS de duas barras com n° reduzido de caixas). <br />
  22. 22. Papis(Sistema indicado de de ângulo de aproximação de precisão)<br />
  23. 23. Luzes de pista / taxiways<br />
  24. 24.
  25. 25. conclusão<br />Pela analise econômica da cidade de Ribeirão Preto e pela analise da oferta no aeroporto, concluímos que o aeroporto Leite Lopes apresenta demanda satisfatória de passageiros e carga.<br />

×