Karolina e Mara 701

904 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
904
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
29
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Karolina e Mara 701

  1. 1. Os Mamíferos<br />Equipe: Karolina e Mara<br />7º Ano<br />ProfªJamille Rodrigues<br />CIEP Brizolão 468 Olga Thurller Mendonça da Fonseca<br />
  2. 2. Mamíferos são todos os vertebrados de sangue quente cujas fêmeas produzem leite para seus filhotes. Eles apareceram cerca de 220 milhões de anos, logo após os primeiros dinossauros.<br />
  3. 3. Possuem muitas características estruturais que os distinguem prontamente de outros vertebrados. Um dos aspectos é a presença de glândulas como as sebáceas, sudoríparas e mamárias.<br />
  4. 4. Outra característica é a presença de pêlos durante algum período da vida. São animais endotérmicos, pois possuem mecanismos internos para o controle da temperatura do corpo.<br />
  5. 5. O esqueleto<br />Os mamíferos possuem um esqueleto desenvolvido composto por: 1) Crânio — protege o cérebro e pode ter um volume muito grande; 2) Coluna vertebral — eixo formado por peças articuladas chamadas vértebras, que protege a medula espinhal; 3) Costelas — formam a caixa torácica que protege os pulmões e o coração; 4) Ossos — formam as duas extremidades anteriores e as duas posteriores. Tais extremidades podem estar adaptadas a várias funções, como correr, cavar, voar ou nadar.<br />
  6. 6. Os dentes<br />Os mamíferos apresentam uma grande variedade de dentes com funções específicas. Os incisivos são planos e servem para cortar; os caninos são pontiagudos e são usados para desgarrar a carne. Os molares são largos e com protuberâncias e servem para mastigar. O número e o tipo de dentes variam de acordo com a alimentação de cada espécie. Os carnívoros possuem os caninos e os molares muito desenvolvidos; os herbívoros não têm caninos, já que não precisam deles para cortar o pasto.<br />
  7. 7. Sistema nervoso<br />O cérebro dos mamíferos possui muitas circunvoluções ou dobras, que aumentam a superfície do órgão e o número de células nervosas. Por esta razão, os mamíferos desenvolveram um comportamento complexo, que pode ser percebido em atitudes como as estratégias de caça, o cuidado com os filhotes, a adaptação a qualquer ambiente e os diferentes sistemas de comunicação estabelecidos entre os indivíduos da mesma espécie.<br />
  8. 8. O aparelho circulatório<br />Nos mamíferos, a circulação do sangue percorre um duplo circuito. No primeiro, entre o coração e os pulmões, o sangue é oxigenado. No segundo, entre o coração e os tecidos, o sangue perde paulatinamente o oxigênio. O coração está dividido em quatro cavidades: dois átrios e dois ventrículos. Desta forma, o sangue oxigenado não se mistura com o sangue rico em gás carbônico, o que aumenta o rendimento do animal. Os mamíferos são homeotermos (podem manter sua temperatura constante independentemente do meio externo no qual se encontram).<br />
  9. 9.
  10. 10. fh<br /> Aparelho digestórioO aparelho digestóriodos cranianas divide-se longitudinalmente em boca e cavidade oral, faringe, esôfago, intestino, reto e ânus. O estômago desenvolve-se nos gnatostomada e em alguns vertebrados fósseis sem mandíbula. Todos os cranianas têm um pâncreas que produz enzimas digestivas e hormonais (insulina e glucagon) que regulam o nível de glicose no sangue. O pâncreas ancestralmente disseminava-se pela parte anterior do intestino, mas veio mais tarde a diferenciar-se.<br />
  11. 11.
  12. 12. A reprodução<br />Os mamíferos têm reprodução sexuada. Os machos possuem um órgão copulador que lhes permitem introduzir os espermatozóides no corpo da fêmea. São vivíparos: uma vez fecundado, o óvulo se transforma num embrião que se desenvolve dentro da mãe. Desta forma, a mãe pode dar ao filhote o alimento e o oxigênio necessários para seu desenvolvimento e, ao mesmo tempo, recolher o dióxido de carbono e os produtos residuais para expulsá-los. O viviparismo é possível porque a mãe e o filhote estão ligados pela placenta. A placenta é um órgão que liga o sangue materno com o do filhote.<br />
  13. 13. Sistema respiratório<br />Os mamíferos apresentam pulmões grandes e com lobos, de aparência esponjosa devida à presença de um sistema de ramificações delicadas dos bronquíolos em cada pulmão, terminando em câmaras fechadas de paredes finas (os pontos de trocas gasosas), chamadas de alvéolos.<br />A presença de uma estrutura muscular, o diafragma, exclusiva dos mamíferos, divide a cavidade peritoneal da cavidade pleural, além de auxiliar as costelas na inspiração.<br />
  14. 14.
  15. 15. Bibliografia<br />Caderno do Futuro<br />7º Ano<br />Editora IBEP<br />

×