Empreendedorismo

759 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
759
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
29
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Empreendedorismo

  1. 1. Empreendedorismo:Fator Chave para o Êxito Profissional
  2. 2. Conceito O empreendedorismo se constitui em um conjunto de comportamentos e de hábitos que podem ser adquiridos, praticados e reforçados nos indivíduos, ao submetê-los a um programa de capacitação adequado de forma a torná-los capazes de gerir e aproveitar oportunidades, melhorar processos e inventar negócios
  3. 3. Taxa de extinção de negóciosMortalidade empresarial 1º ano varia entre 30% e 61% 2º ano varia entre 40% e 68% 3º ano varia entre 55% e 73%
  4. 4. Causas de morte prematura Desconhecimento do mercado Falta de capital de giro Concorrência mais ágil e preços melhores Desconhecimento técnico Modismo Saque de dinheiro para despesas pessoais Baixos investimentos em comunicação Descontroles contábeis e administrativos Baixa qualificação de mão-de-obra Nível de dívidas bancárias insustentável
  5. 5. Eficiência dos cursos deempreendedorismo (USA) 80% das empresas criadas por pessoas com um mínimo de 6 meses de estudo (empreendedorismo) se mantinham vivas após 5 anos Os empresários que iniciaram negócios sem nenhum preparo, apenas 40% sobreviveram no mesmo período
  6. 6. Mudanças que favorecem oempreendedorismo Institucionalização da “família de duas rendas” Papel da mulher empreendedora – maior índice de criadores de empresas Reconhecimento oficial de que micro e pequenos novos negócios são produtores de trabalho, exportações e inovações
  7. 7. Mudanças que favorecem oempreendedorismo A evolução da ICT como fator positivo na redução de custos e outras barreiras para quem quer iniciar negócio próprio (infopreneur) Reconhecimento de que empreendedorismo – estudo, pesquisa, ensino e promoção é um fenômeno internacional
  8. 8. Diferenças conceituais entreempreendedor e intraempreendedor O empreendedor inicia um novo negócio por conta própria, enquanto o intraempreendedor vive um processo semelhante dentro de uma grande organização É surpreendente como os dois, empreendedor a intraempreendedor, são semelhantes em muitos aspectos. Ambos querem liberdade, põem a mão na massa, são autoconfiantes e corajosos, gostam de riscos moderados. A principal diferença entre eles está em sua relação diante da autoridade
  9. 9. A prática do intraempreendedorismoAspectos conceituais Aonde se aplica o intraempreendedorismo:  novos serviços  campanhas... O Empresário moderno:  “Prefere um intraempreendedor Classe A com uma idéia Classe B a uma idéia Classe A com um intraempreendedor Classe B.” ?  De Empreendedor a intraempreendedor: Principais razões  É possível treinar um intraempreendedor ?  Apostar em pessoas (intraempreendedor); não em idéias  Patrocínio ‑ Características  Tipos de recompensa  Recompensas para a equipe de intraempreendedores  Gestão empreendedora
  10. 10. IntraempreendedorPré-requisitos O que é realmente necessário para inovar é um simples, especial e sólido compromisso de descobrir, armazenar e manter o foco nas boas idéias existentes Adaptar, substituir, combinar, ampliar reduzir, eliminar e reverter são algumas das palavras que se utilizam para mostrar como pode ser feita um inovação Em clima empresarial em que a tecnologia e a competição inspiram a maior parte das organizações e se tornam cada vez mais ambiciosas em termos de recursos internos, o desejo de encontrar intraempreendedores tem se tornado cada vez mais intenso
  11. 11. Questão chaveSerá que hoje a escola orienta adequadamente seus alunos a se tornarem empreendedores?
  12. 12. PesquisaO universitário e o negócio próprio “Você acha que seria mais interessante ser executivo numa grande empresa ou ter seu próprio negócio?” Negócio próprio 61,39% Executivo 17,20% Indiferente 7,92% Nenhum 7,23% Não sei 5,47% Não responderam 0,79% Fonte: ACSP
  13. 13. Alguns mitos sobre empreendedorismo(Jeffry Timmons – Babson College) “Empreendedores nascem feitos” “Mas os treinados têm mais opções de sucesso” “Dinheiro é o fator mais importante para montar uma empresa” “Se estiver na pessoa certa” “Empreendedores não tem chefe e são completamente independentes” “Todo mundo é chefe: clientes mas tem controle”
  14. 14. As características do comportamentoempreendedor (%) Busca de oportunidade e iniciativa Persistência Comprometimento Demanda e eficiência e qualidade Correr riscos calculados Estabelecimento de metas Busca de informações Planejamento e monitoramento sistemáticos Persuasão e rede de contatos Independência e auto-confiança
  15. 15. Tempos de mudanças na Nova Economia A sociedade da informação é uma realidade econômica, e não uma abstração intelectual As inovações nas ICT estão acelerando o ritmo das mudanças e encolhendo o tempo de transmissão do conhecimento
  16. 16. Tempos de mudanças na Nova Economia As novas tecnologias da informação estão sendo aplicadas primeiro em antigas tarefas industriais, depois, gradualmente, gerarão novas atividades, processos e produtos A tecnologia da Nova Era da Informação não é absoluta. Dará certo ou fracassará de acordo com o princípio de alta tecnologia/grande contato humano (high tech/high touch)
  17. 17. Futuro Empreendedor  Infoempreendedor (Entrepreneur) (Infopreneur) É o empreendedor que reúne, É aquele que faz organiza e dissemina informação as coisas como negócio ou um serviço com acontecerem, se valor adicionado. O que o diferencia antecipa aos fatos de outros empreendedores, é a sua e tem uma visão habilidade de rapidamente futura da transformar suas idéias e organização informações no mercado, em virtude de trabalhar no mundo binário de “zeros e uns”, com os recursos da tecnologia da informação
  18. 18. Reflexão!!!“Está previsto que o centro das atenções não será mais os tradicionais fatores de produção (matérias primas, trabalho e capital), mas sim a informação.A diferença fundamental comparada com estes fatores de produção é que a informação não é um bem escasso, pelo contrário, existe em excesso”. Thomas Thijssen Diretor de Operações Anton Dreesmann Institute for Infopreneurship
  19. 19. “Empreender é um dom inato ou uma arteque pode ser aprendida na escola?” Ensinar a empreender? Para que? O que deverá ser ensinado? Como deverá ser ensinado? O que deverá ser avaliado?
  20. 20. Curso de formação de empreendedores:tópicos Fatos X mitos sobre criação de empresa Habilidades/talentos realmente comprovados Criatividade e Inovação Atitude com respeito a ambigüidade Habilidade na identificação de oportunidades Técnicas de avaliação do novo negócio
  21. 21. Curso de formação de empreendedores:tópicos Recursos para posta em marcha do novo negócio Estratégias para novos negócios Tutoria à “profissão” de empreendedor e aos aspectos éticos Técnicas de negociação Rede de contatos (networking )
  22. 22. Cursos Finanças para novos negócios Marketing para novos negócios Gestão Empreendedora Desenvolvimento e design de produtos Estudos de viabilidade Economia na criação de empresas Psicologia dos empreendedores História dos empreendedores Intraempreendedorismo e Inovação Aspectos jurídicos, contábeis, e fiscais em novos negócios
  23. 23. Reflexão“Qualquer individuo que tenha a frente uma decisão a tomar pode aprender a ser um empreendedor e se comportar empreendedorialmente. O empreendimento é um comportamento, e não um traço de personalidade. E suas bases são o conceito e teoria, e não a intuição.” Peter Drucker

×