Your SlideShare is downloading. ×
  • Curtir
História da cartografia e projeções cartográficas
Próximos SlideShare
Carregando em...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Now you can save presentations on your phone or tablet

Available for both IPhone and Android

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

História da cartografia e projeções cartográficas

  • 8,026 visualizações
Published

 

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Tem certeza que quer?
    Sua mensagem vai aqui
Sem downloads

Visualizações

Visualizações totais
8,026
On SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3

Ações

Compartilhamentos
Downloads
228
Comentários
3
Curtidas
1

Incorporar 0

No embeds

Conteúdo do relatório

Sinalizado como impróprio Sinalizar como impróprio
Sinalizar como impróprio

Selecione a razão para sinalizar essa apresentação como imprópria.

Cancelar
    No notes for slide

Transcript

  • 1. CARTOGRAFIA A ciência e a arte de representar a superfície terrestre
  • 2. HISTÓRIA DA CARTOGRAFIA
  • 3. PINTURAS RUPESTRES
    • Representavam fatos cotidianos
      • Caçadas
      • Rituais
      • Usos e costumes
  • 4. MAPA DE GA-SUR
    • Mapa mais antigo que se conhece
    • Foi encontrado na Babilônia (atual Iraque) – data de 2500 a.C.
    • Feito sobre um tablete de argila cozida
    • O nome Ga-Sur é uma referência às antigas ruínas de uma antiga cidade Ga-Sur que existiu na região onde foi encontrado
    • Não traz nomes precisos da área mapeada
  • 5. GREGOS
    • Foram os maiores cartógrafos da Antiguidade
    • Deixaram importantes contribuições:
      • Cálculo da
      • circunferência terrestre
      • Criação das
      • coordenadas geográficas
  • 6. ROMANOS
    • Mais práticos, utilizaram os conhecimentos desenvolvidos pelos gregos e realizaram extensos levantamentos do Império Romano
    • Ficou claro o propósito geopolítico da Cartografia: o conhecimento do espaço geográfico se constitui num poderoso instrumento de dominação
      • “ Para vencer o inimigo numa guerra, é necessário um detalhado estudo sobre o território onde será travada a batalha.”
  • 7.  
  • 8. IDADE MÉDIA
    • A Cartografia ainda era chamada de “Cosmografia”
    • A Cartografia sofreu grande retrocesso
    • A Igreja passou a influenciar na representação de mundo
    • Os mapas eram confeccionados segundo a concepção religiosa, que não admitia a ideia de uma Terra esférica e sim de um disco plano circundado de água
  • 9. MAPAS T-O
    • O = formato achatado da representação do planeta
    • T = três cursos de água (Mar Mediterrâneo, Rio Nilo e o Rio Don) que dividiam a Europa da Ásia e da África
    • T = também representava uma cruz onde na sua junção estaria representada Jerusalém (centro do mundo)
  • 10. MAPAS T-O
  • 11. GRANDES NAVEGAÇÕES
    • Com as “Grandes Navegações”, a partir do século XV, a Cartografia ganhou novo impulso
    • Começaram a ser utilizados instrumentos de orientação
      • Bússola – fornece a orientação sobre os pontos cardeais
      • Astrolábio – mede a altura dos astros em relação ao horizonte
      • Sextante – calcula a abertura angular vertical de um astro e o horizonte
  • 12. ASTROLÁBIO BÚSSOLA SEXTANTE
  • 13. MAPA DE CANTINO - 1503
  • 14. TERRA BRASILIS, 1519 – LOPO HOMEM
  • 15. MERCATOR
    • O matemático, geógrafo e cartógrafo belga Gerard Mercator revolucionou a Cartografia
    • Criou a primeira carta orientada
  • 16. PLANISFÉRIO DE MERCATOR
  • 17. REVOLUÇÃO INDUSTRIAL
    • Iniciada no século XVIII na Inglaterra (início dos “Tempos Modernos”)
    • Grandes avanços ocorrem na Cartografia
    • Com a geração de riquezas foi possível maior investimento na produção de cartas e instrumentos mais precisos
  • 18. NOVAS TECNOLOGIAS
    • AEROFOTOGRAMETRIA – uso de fotografias aéreas
    • SENSORIAMENTO REMOTO – uso de imagens de satélites
    • GEOPROCESSAMENTO – armazenamento e processamento de informações geográficas
  • 19. FOTOGRAFIAS AÉREAS
  • 20. IMAGENS DE SATÉLITE
  • 21. CONSTRUÇÃO DE MAPAS
  • 22. CONSTRUÇÃO DE MAPAS
  • 23. CONCEITOS BÁSICOS
    • Créditos dos próximos slides para a Prof° Iana Alexandra Alves Rufino (iana_alex@oi.com.br)
  • 24.
      • Plana : Homero e Anaxímenes ( séc. VI a. C.)
      • Esférica :Thales de Mileto e Pitágoras ( séc. VI a. C.); Sócrates e Platão (séc. V a. C.);
      • Aristóteles ( séc. IV a. C.) e Arquimedes ( séc. III a. C.) corroboraram a esfericidade estimaram grosseiramente o raio da Terra.
      • Erastótenes ( séc. III a. C.) calculou o raio da Terra em aproximadamente 6.366,25 km.
      • Raio utilizado por Newton, medido por Picard ( séc. XVII ) de 6.372 Km.
      • Newton ( séc. XVII ) conclui que devido ao movimento de rotação, a forma da Terra seria de um elipsóide achatado nos pólos.
    Forma da Terra
  • 25. 11:30:50
    • Qualquer representação da Terra, deve levar em consideração uma superfície geometricamente homogênea;
    • Isto é impraticável sobre um geóide, razão pela qual o elipsóide é considerado a figura mais próxima da forma da Terra e, portanto, a forma de referência utilizada pelos cartógrafos na elaboração de bases cartográficas.
    Forma Da Terra
  • 26. Sistema De Coordenadas
    • Os sistemas de coordenadas são necessários para expressar a posição de pontos sobre uma superfície. O sistema de coordenadas permite descrever geometricamente a superfície terrestre em levantamentos.
    • Para o elipsóide, ou esfera, usualmente emprega-se um sistema de coordenadas esférico (paralelos e meridianos) e para o plano, um sistema de coordenadas cartesianas X e Y.
  • 27.
    • LATITUDE: 0° (Equador) a 90° em direção Norte e Sul.
    • LONGITUDE: 0 ° a 180° para Leste e Oeste a partir do meridiano de Greenwich, estabelecido como meridiano de referência.
    Sistema De Coordenadas
  • 28. Latitude: + (N) Longitude: - (W) Latitude: - (S) Longitude: - (W) Latitude: - (S) Longitude: + (E) Latitude: + (N) Longitude: + (E) EQUADOR MERIDIANO DE GREENWICH Sistema de Coordenadas
  • 29. Sistema de Coordenadas
  • 30. Projeções Cartográficas
    • Todos os mapas são representações aproximadas da superfície terrestre;
    • É impossível representar uma superfície curva em uma superfície plana sem que haja deformações.;
    • Por isso os mapas preservam certas características ao mesmo tempo em que alteram outras;
  • 31.  
  • 32.  
  • 33.  
  • 34. Superfície De Projeção
    •         Plana
    •        Cônica
    •         Cilindrica
    Classificação das Projeções
  • 35. Classificação das Projeções
  • 36. Créditos: Professor Sérgio Saribera geoserjao.blogspot.com (Com contribuição dos slides da Prof° Iana Rufino)