Interação Universitária

64 visualizações

Publicada em

Apresentação de Trabalho Conclusão de Curso.

Publicada em: Arte e fotografia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
64
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Interação Universitária

  1. 1. Atila Cezar Rodrigues Lima e Coelho Lorrana Carvalho de Oliveira Maxmyllyanne Christina Morais Costa e Silva Sob orientação da Prof. Msc. Patrícia Kolling UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO CAMPUS UNIVERSITÁRIO DO ARAGUAIA INSTITUTODE CIENCIAS HUMANAS E SOCIAIS CURSO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL HABILITAÇÃO JORNALISMO
  2. 2. Criação de uma revista institucional; Informações simples, diretas e funcionais; Linguagem de fácil compreensão; O que é? Integração entre universidade e acadêmico;
  3. 3. Falhas no processo comunicacional; Público alvo – acadêmicos ingressantes; Semana do calouro; Porque foi desenvolvido? Observação, vivência e convivência;
  4. 4. Suprir essa falha de comunicação; Criar um novo canal de comunicação; Possibilitar o acesso rápido e prático às informações necessárias para a rotina acadêmic Objetivos Construção da imagem e identidade da organização (BUENO, 2003);
  5. 5. • Objetivo da comunicação organizacional; • “Mensagem que enaltece, pela informação jornalística, o trabalho de uma empresa” (TORQUATO, 2012) • Comunicação empresarial X comunicação organizacional; • Uso do termo comunicação organizacional; • As publicações institucionais; Comunicação Organizacional
  6. 6. “A partir de meados dos anos 80, o processo de segmentação da mídia se acelera de maneira geral (...)” (MIRA, 1997, p.240) ●Especializado X Segmentado; ●Interação Universitária = veículo de comunicação organizacional com características jornalísticas e segmentadas; Jornalismo Segmentado
  7. 7. Jornalismo de Revista • É por si só segmentada e umas das principais publicações institucionais; • Periódico que agrega, aprofunda e comunica de forma direcionada; • Conhecer o perfil do leitor; • “(...) permitem o uso de uma linguagem mais pessoal e envolvente, direta e adequada, conforme o enfoque que se pretende (...)” (VALLADA apud ROVIDA, 2010) • Proximidade ao leitor – “revista de bolso”; • Periodicidade, tiragem e distribuição;
  8. 8. Metodologia • O projeto foi desenvolvido em três momentos: • O primeiro foi a pesquisa bibliográfica sobre o tema; • Na segunda etapa começamos a elaborar a revista – perfil editorial: • Elaboração de pautas, apuração das informações, redação, revisão e edição dos textos;
  9. 9. Metodologia • Definição de editorias, suporte e projeto gráfico; • Composição imagética da revista; • Dificuldades e desafios; • No terceiro e último momento foi realizado a etapa de criação visual e diagramação do produto;
  10. 10. Descrição do produto • O trabalho de diagramação vai além do que apenas dispor textos e imagens numa página; • Interação Universitária traz uma proposta distinta, com um design diferenciado em cada matéria, para tornar a revista dinâmica e atrair a atenção do leitor; • Tamanho A5, 36 páginas dividas em editorias; • Publicidades institucionais; • Elementos fixos na revista;
  11. 11. Corpo e box: 11 pontos Entrelinha: padrão Sem serifa Editoria: 28 pontos Caixa alta Títulos: 27 pontos Subtítulos: 17 pontos Caixa alta e baixa
  12. 12. Títulos: Alinhados à esquerda Corpo e box: Justificados à esquerda
  13. 13. Fotografia e elementos cromáticos • Atraia e mantém a atenção do leitor; • Complementa informações; • As cores facilitam a organização dos elementos no layout; • Delimitam seções;
  14. 14. Capa • Representa o público-alvo; • Informações básicas; • As formas arredondadas foram utilizadas para criar contraste com o textual; • Harmonia de cores; • Tonalidades mais fortes no topo; • Interação em fonte de destaque;
  15. 15. Suporte e interatividade • Papel; • Site • E-mail • QR Codes
  16. 16. QR Codes são um meio de transmitir rapidamente informações a um dispositivo móvel.
  17. 17. Considerações Finais • Importância da comunicação organizacional; • Por meio da revista é possível aproximar público e universidade; • Desafios e aprendizados; • Resultado; • Expectativas;
  18. 18. Referências BUENO, Wilson da Costa. Comunicação empresarial: Teoria e Pesquisa. São Paulo: Manole, 2003. AUBERT, P.; TERROU, F. História da imprensa. Tradução: Edison Darci Heldt. São Paulo: Martins Fontes, 1990. DUARTE, Jorge. Produtos e serviços de uma assessoria de imprensa. In: DUARTE, Jorge (Org.). Assessoria de imprensa e relacionamento com a mídia: teoria e técnica. 3ª ed. São Paulo: Atlas, p. 258 – 277, 2010. KUNSCH, Margarida Maria Krohling. Relações públicas e modernidade: novos paradigmas na comunicação organizacional. São Paulo: Summus, 1997. KUNSCH, Margarida Maria Krohling. Planejamento de relações públicas na comunicação integrada. 4 ed. rev. São Paulo: Summus, 2003. LEMOS, Cláudia; GÁUDIO, Rozália Del. Publicações Jornalísticas. In: DUARTE, Jorge (Org.). Assessoria de imprensa e relacionamento com a mídia: teoria e técnica. 3ª ed. São Paulo: Atlas, p. 278 – 306, 2010.
  19. 19. Referências MARQUES, José Carlos. Revistas customizadas: novas possibilidades de comunicação empresarial nos cursos de graduação em jornalismo. In: 10º Encontro Nacional de Professores de Jornalismo. Goiânia. 2007. Disponível em: http://www.fnpj.org.br/soac/ocs/viewpaper.php?id=172&cf=7. Acesso em: 04 fev. 2013. MIRA, Maria Celeste. O leitor e a banca de revistas: o caso da Editora Abril. 1997. 366f. Tese (Doutorado em Sociologia), Universidade Estadual de Campinas, Campinas – São Paulo: 1997. Disponível em: http://www.bibliotecadigital.unicamp.br/document/? view=000122361. Acesso em: 20 jan. 2013. REGO, Francisco Gaudêncio Torquato do. Jornalismo empresarial: teoria e prática. 5ª ed. São Paulo: Summus editorial, 1987. REGO, Francisco Gaudêncio Torquato do. Tratado de comunicação organizacional e política. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2002.
  20. 20. Referências ROVIDA, Mara Ferreira. A segmentação no jornalismo sob a ótica durkheimiana da divisão do trabalho social. 2010. 170f. Dissertação, Faculdade Cásper Libero. São Paulo: 2010. Disponível em: http://www.casperlibero.edu.br/rep_arquivos/2010/04/23/1272037 744.pdf. Acesso em: 20 jan. 2013. SCALZO, Marília. Jornalismo de Revista. 2ª ed. São Paulo: Contexto, 2004. SOUSA, Jorge Pedro. A auditoria da comunicação organizacional na perspectiva das relações públicas. In: Cesca, Cleuza G. Gimenes (Org.). Relações públicas e suas interfaces. São Paulo: Summus, p. 89 – 145, 2006. THOMPSON, John B. A mídia e a modernidade: uma teoria social da mídia. Petrópolis (RJ): Vozes, 1998.
  21. 21. Obrigado!Obrigado!

×