Revista - Aula Diagramação

673 visualizações

Publicada em

Revista elaborada por aluno em aula de diagramação. Textos e imagens da Internet. Caso o conteúdo deste material lhe pertença e tenha direitos autoriais sobre o mesmo, favor informar que providencio a retirada do slideshare.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
673
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
15
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Revista - Aula Diagramação

  1. 1. BURN Acenda essa chama em você.Revista hoje.indd Página espelhada 1 de 10 – Páginas(20, 1)Revista hoje.indd Página espelhada 1 de 10 – Páginas(20, 1) 28/04/2014 11:29:Charlie28/04/2014 11:29:Charlie
  2. 2. INSTAGRAM #EUNAVIBE Para ter a chance de ver sua foto publicada na próxima revista, faça seus cliques.e poste com a hastag #eunavibe. Atenção: o perfil precisa ser aberto ao público. Revista hoje.indd Página espelhada 2 de 10 – Páginas(2, 19)Revista hoje.indd Página espelhada 2 de 10 – Páginas(2, 19) 28/04/2014 11:29:Charlie28/04/2014 11:29:Charlie
  3. 3. 18 A revista Forbes acaba de lançar a sua lista anual em que aponta os DJs mais bem pa- gos do mundo. A publicação elaborou o ranking baseado nas apresentações, venda de mú- sicas e ações comerciais dos caras. Famosos por tocarem nas maiores baladas e festivais de música eletrônica do mundo, além de produzirem seus pró- prios álbuns, os Djs faturam alto com campanhas publicitárias e em parcerias com outros artistas. Confira a lista dos cinco primeiros colocados: #5 Deadmau5 (US$ 21 milhões) - Joel Thomas Zim- merman, mais conhecido como o Deadmau5, é um produtor musical canadense e intérprete conhecido, além de sua música, por usar uma “cabeça de rato” durante as apresentações. A máscara foi ideia de Jay Gordon, da banda de Metal Orgy, em homenagem ao personagem mais icônico da Disney, o Mickey Mouse. #4 Swedish House Mafia (US$ 25 milhões) - Axwell, Steve Angello e Sebastian Ingrosso fizeram parte do grupo formado em 2008. Angello e Ingrosso são amigos de infância, enquanto Axwell os conheceu já depois de adulto. Em março de 2013, o grupo se des- fez e hoje eles buscam consolidar suas carreiras solo. #3 David Guetta (US$30 milhões) - Começou como DJ em casas noturnas francesas nos anos 1980 e 90, e via “Gum Productions” em 2002, lançou seu pri- meiro álbum, “Just a Little More to Love”. Des- de então, tem trabalhado com nomes como Sno- op Dogg, Rihanna, Lady Gaga, e outros famosos. #2 Tiësto (US$32 milhões) - O Dj holandês é um vete- ranodaspistasedonodeumadascarreirasmaissólidas da música. Ativo na cena da noite desde 1994, o cara toca recentemente em Hakkasan, Las Vegas. Tiësto fez mais de 140 apresentações nos últimos 12 meses. #1 Calvin Harris (US$ 46 milhões) - O escocês, que em 1999 estava gravando demos em seu quarto, hoje é o mais bem pago do cenário mundial. Segundo a Forbes, Harris ganhou mais do que Jay Z e Katy Perry no últi- mo ano. Sua carreira explodiu em 2006, quando assi- nou com a Sony BMG e seus ganhos foram impulsio- nados pelo sucesso de seus singles, como “We Found Love”, gravado em parceria com a cantora Rihanna. TOP 5: DJS MAIS BEM PAGOS DO MUNDO 3 VIBEAno 2014, Nº 1 Revista Mensal –ISSN 1413-9999 EditorCharles Alan Editor AssociadoCharles Alan Designer GráficoCharles Alan Capa Charles Alan ................................................................................ CASA ESTRELA VIP PUBLICADORA Avenida Centenário 430, Bugio, SE Caixa Postal 23; CEP 49090-040 Aracaju, SE Fone(79) 3113-1111 – Fax(79) 3252-7375 LIGUE GRÁTIS 0800 979112233 Segunda a quinta das 8h às 20h Sexta, das 7h30 às 15h45. SERVIÇO DE ATENDIMENTO AO CLIENTE Site: www.cev.com.br E-mail: sac@cev.com.br Redação:revista.vibe@cev.com.br Veja Lista de distribuidores na página 4. Ligue: (79) 3111-3333, com Roberto Dinamite E-mail: marketing@cpb.com.br PARA ANUNCIAR Exemplar Avulso: R$ 8,50. Assinatura: R$99,50. A editora só se responsabiliza pelas assinaturas angariadas por representantes do Serviçode Festas e diversão- Sfd. Vibe é marca registrada no Instituto Nacional De Propriedade Industrial. Todos os direitos reservados. Não é permitida a reprodução total ou Parcial de matérias deste periódico sem Autorização por escrito dos editores. O Melhor da Balada Capa: Rapper Pitbull, hit the word cup: “We are one” O melhor da balada é se divertir com amigos, conhecer pessoas novas, quem sabe até uma paquera. Mas sempre optando por lugares bem frequentados e com um ótimo som para dançar muito e mandar as energias negativas para bem longe. Balada sem música eletrônica, não existe. Pois é esse ritmo eletrônico que aumentas as batidas cardiacas, move o corpo e traz sensações incriveis de liberdade. A proposta dos produtores das noites mais badaladas do RJ é essa, trazer inovação às boates e conforto aos clientes, para assim fideliza-los. Os melhores drinques influência muito também em uma boa balada, novos sabores, seja doce, amargo, citríco, não importa o qual, mas o que vale realmente são as sensações trazidas por eles, porém sempre lembrado-se de quando exagerar no alcool, não dirigir, se não provavelmete será a ultima balada, então o melhor a fazer é seprevinir. Editorial Revista hoje.indd Página espelhada 3 de 10 – Páginas(18, 3)Revista hoje.indd Página espelhada 3 de 10 – Páginas(18, 3) 28/04/2014 11:29:Charlie28/04/2014 11:29:Charlie
  4. 4. 4 Nossos Distribuidores. 17 das maiores feras mundiais do e- -muisc sobre o Green Valley. ARMIN VAN BUUREN - “Green Valley é o melhor club do mundo.” STEVE ANGELLO - “Green Val- ley é o melhor club do mundo.” ERICK MORILLO - “Gre- en Valley é meu club favorito.” CARL COX - “Green Valley é um lugar único. Viajei o mundo intei- ro e posso dizer que não há nada igual. Se eu tivesse um club, seria exatamente como o Green Valley.” AVICII – “ Tive uma noite in- crível tocando no Green Valley. Green Valley é maravilhoso.” MARKUS SCHULZ – “Um dos meus clubs favoritos no mun- do. Um dos últimos clubs espe- ciais que sobraram no mundo.” Oferecendo o que nenhum club no Brasil jamais ofereceu aos clientes e artistas, o Green Val- ley chegou onde nenhum club brasileiro havia chegado. Além de ser o “#1 Top 100 Clubs Dj Mag”, confira os outros prêmios já acumulados pelo Green Valley: • MELHOR CLUB DO MUNDO Top 100 Clubs da Dj Mag Inglesa em 2013 • 3º MELHOR CLUB DO MUNDO Top 100 Clubs da Dj Mag Inglesa em 2011 • ÚNICO CLUB BRASI- LEIRO A PARTICIPAR DO UMF 2010 Ultra Music Festival - Mia- mi USA - 2010 • RESIDÊNCIA EM IBIZA ESPANHA Space 2010, 2011 e 2012 Camarote Camarim Banheiro Revista hoje.indd Página espelhada 4 de 10 – Páginas(4, 17)Revista hoje.indd Página espelhada 4 de 10 – Páginas(4, 17) 28/04/2014 11:30:Charlie28/04/2014 11:30:Charlie
  5. 5. 16 GREEN VALLEY, O MELHOR CLUBE DO MUNDO Esqueça a Bossa Nova, o Bra- sil é o novo país da música eletrônica. Com esta afirmação a revista Forbes americana definiu, em matéria publicada em feverei- ro de 2012, a realidade do Brasil no cenário mundial da e-music. E um dos impulsos desta realida- de é genuinamente catarinense, fica em Camboriú, litoral norte de Santa Catarina, e é atualmente o Melhor Club do Mundo. A pró- pria Forbes credencia isso ao ex- por a foto do Green Valley para ilustrar a matéria que mostrou para os cinco Continentes um poten- cial até pouco tempo ligado ape- nas à Europa e América do Norte. Atualmente o mercado da mú- sica eletrônica é exigente e rico. Segundo dados do Rio Music Conference, e que inspiraram a matéria da Forbes, a música ele- trônica movimentou 19.5 milhões de pessoas, que gas- taram 626 milhões de dólares em hos- pedagem, alimen- tação, transporte e outros itens relacio- nados ao setor no Brasil só em 2011. O Green Valley A construção da base do que hoje é o Green Valley foi minuciosamente pensada, projeta- da e executada por profissionais capazes de trans- formar sonhos em realidade. O projeto arquitetônico seguiu uma integração dos espaços abertos e fechados, criando uma ligação com os lagos naturais, os mor- ros em volta do club e com toda a mata nativa. A ideia era aliar, com originalidade e requinte, toques de modernidade e rusticidade. Com ares exóticos estava definida a cara do club mais conceitual inau- gurado no país na última década. Desde a inauguração, em novem- bro de 2007, o Green Valley é re- conhecido como um oásis da mú- sica eletrônica no Brasil. Seu perfil fez com que pela primeira vez na história, um club brasileiro brigas- se de igual pra igual com grandes redutos do entretenimento do pla- neta. Com predominância do verde e da integração com a natureza, o formato de tenda do Green Valley o faz único no mundo. Seus mais de 10 mil m² de área acomodam lagos, pistas de dança, camarotes, bares, banheiros, loja, praça de ali- mentação e um palco com equipa- mentos de ponta e alta tecnologia. A vibe única Os maiores DJs do planeta já pas- saram pelo palco do Green Val- ley nos últimos cinco anos em apresentações que muitos deles consideram históricas em suas carreiras. Dos 30 maiores Djs do planeta da lista dos Top 100 Dj Mag, nada menos que 24 já esti- veram no Green Valley, um índi- ce único no mundo em um club tão jovem. Abaixo o depoimento VIBE EDITORIAL..............................................03 CORREIO..................................................04 DJS MACHINEDRUM E RASHAD.........06 JUSTIN BIEBER ..................................... 08 IBIZA.........................................................10 HIT OFICIAL DA COPA “WE ARE ONE”....................................... 14 GREEN VALLEY......................................16 TOP 5 DJS................................................ 18 SUMÁRIO Revista hoje.indd Página espelhada 5 de 10 – Páginas(16, 5)Revista hoje.indd Página espelhada 5 de 10 – Páginas(16, 5) 28/04/2014 11:30:Charlie28/04/2014 11:30:Charlie
  6. 6. 6 A 20ª edição da festa Colab 011, que aconte- ce nesta sexta-feira (11), na Trackers, apre- senta, pela primeira vez no Brasil, os DJs Machinedrum e Rashad reunindo a nata do footwork, juke e slowfast. Completam o line up: Akin (Metanol FM), Bobby Brazuca, Cesrv (Beatwise Recordings), MJP (Metanol FM), Soul One (Metanol FM), Ta- menpi (Só Pedrada Musical) e Trusty (Sound Proof). Saiba mais sobre os DJs: Machinedrum Produtor e compositor norte-americano, Travis Stewart iniciou a carreira em 1999 produzindo seu primeiro trabalho independente. Adotou o pseudô- nimo “Machinedrum” permanentemente em 2001, quando lançou “Machinedrum Now You Know” pela Merck Records, em Miami. A partir desse álbum, Ma- chinedrum ganhou atenção de músicos, fãs e críticos de toda parte e alçou sua primeira colaboração com o rapper Theophilus London na faixa “This Charming Mixtape”, presente no álbum Urban Biology (2002). A segunda grande fase de sua carreira veio com os lançamentos de “Want To 1 2?” (2009) e o EP “Many Faces” (2010), dessa vez, em parceria com a grava- dora LuckyMe, onde lançou “Sepalcure”, um duo em parceria com Praveen Sharma despertando o in- teresse da inglesa Hotflush Records, passando a ser representado também no Reino Unido. Após mudar- -se para Berlim, Machinedrum manteve o fluxo cons- tante de lançamentos, incluindo os EP’s “Alarmaa” e “SXLND” e o aclamado LP “Room(s)”, uma nova exploração de juke que firmou sua evolução musical. Seu release mais ousado veio em 2013, com o LP “Vapor City”, pelo selo Ninja Tune, que inclui site interativo, programa de cidadania digital e uma ex- posição de arte em Nova York. Com EPs subse- quentes, remixes exclusivos e uma turnê mundial aclamada pela crítica, Vapor City carrega uma ex- ploração rica em música e arte multimídia. Machi- nedrum é amplamente reconhecido como “o produ- tor dos produtores” e tem no currículo trabalhos de produção para grandes nomes da música, incluin- do Azelia Banks, Jamie Lidell e Jesse Boykins III. Rashad De Chicago para o mundo, Rashad começou a carrei- ra como músico e DJ, contribuindo para a repercussão do ghetto house e footwork. Sua primeira experiência com música aconteceu aos 14 anos, ao aparecer como o personagem Ray Ray no álbum “Michael Bivins Pre- sentstheAdventuresoftheBiv10Pee-Wee-All-Stars”, da gravadora Bv 10. A ascensão veio em 2005, com o lançamento do seu primeiro álbum solo indepen- dente, “People Call Me Ray Ray”, chamando atenção da gigante gravadora norte-americana Grand Hustle. Rashad dividiu as pick ups com RP Boo, DJ Clent, Gant Man, Poncho, DJ Deeon, Jammin Gerald e DJ Funk & DJ PJ, além de fundar a Ghettotekni- tianz em parceria com o DJ Spinn, que se mantém até hoje como um dos maiores grupos de Chica- go reunindo dançarinos de todo o país, entre eles, Red Legends, The Foundation, Terra Squad, Wolf Pac, Taliban, Nu Era e Leaders of the New School. DJS MACHINEDRUM E RASHAD NO BRASIL 15 Armando Christian Pérez (Mia- mi, 15 de janeiro de 1981), mais conhecido pelo nome artístico Pi- tbull, é um rapper, cantor ecom- positor americano de ascendência cubana. Pitbull, começou a ganhar notoriedade depois de participar de uma canção de Lil Jon, que aju- dou o rapper a iniciar sua carrei- ra, além de participar da trilha do filme 2 Fast 2 Furious. Em 2004, Pitbull lançou seu primeiro álbum, chamado “M.I.A.M.I.”, que con- seguiu disco de ouro nos Estados Unidos,2 depois ele lançou os ál- buns “El Mariel”e “The Boatlift” em 2007 e 2008 respectivamente. Em 2009, lançou “Rebelution” que apareceu em vários charts, além de lançar “I Know You Want Me (Calle Ocho)”, o primeiro sin- gle de sucesso mundial. Depois Pitbull, lançou vários singles de sucesso como “Hotel Room Servi- ce”, “Shut It Down” e “Bon Bon”. Em 2010 lançou o álbum em es- panhol “Armando” e participou de singles de vários cantores en- tre eles Enrique Iglesias e Usher. “Planet Pit”, lançado em 2011, se tornou o maior álbum de sua car- reira, com vários singles de su- cesso, além da música “Give Me Everything”, que se tornou primei- ra colocada em várias paradas mu- sicais além de concorrer em várias premiações como o MTV Video MusicAwards,MTVEuropeMusic Awards eAmerican MusicAwards. No ano seguinte participou da tri- lha sonora do filme Mais Velozes, Mais Furiosos. Além disso, Pitbull também lançou diversos mixtapes, compostos de freestyles e remixes de música rap popular. Pitbull ex- plicou a razão por trás da escolha de seu nome artístico, dizendo que “O cão morde para se defender. O cão é demasiado estúpido para perder. Eles são, basicamente, tudo o que eu sou. Foi uma luta constante.” A notoriedade veio em 2004 ao lançar o primeiro álbum, inti- tulado “M.I.A.M.I.”, e o single “Culo” que chegou ao Billbo- ard Hot 100. Depois Pitbull lan- çou dois álbuns “El Mariel”em 2006 e “Boatlift” em 2007, am- bos sem muito reconhecimento. Em Março de 2011, Pitbull lançou “Planet Pit”, o sexto álbum de es- túdio e o mais vendido do rapper. Conseguiu certificação em vários países entre eles Austrália, Alema- nha eSuiça. O primeiro single foi “Hey Baby (Drop It to the Floor)” com o támbém rapper T-Pain lan- çado no final de 2010. “Give Me Everything” lançada em Março de 2011 se tornou o maior de sua carreira, conseguindo certifica- ção em mais de dez países e va- rias primeiras posições. O single fez Pitbull concorrer em diversas premiações dos Estados Unidos e da Europa. Depois lançou mais dois grandes sucessos de seu sex- to álbum, “Rain Over Me” com Marc Anthony e “International Love” com Chris Brown. Em 2012, causou revolta dos fãs após não comparecer a um show em Goiânia, devido a paralisação do aeroporto de Viracopos, que im- pediu a chegada dos instrumentos de sua banda. O show foi remar- cado para a sexta-feira seguinte. Em 2014 lançou o single “All the Things You Do” com a cantora romena Inna. SAIBA MAIS SOBRE O GRANDE RAPPER PITBULL 15 Revista hoje.indd Página espelhada 6 de 10 – Páginas(6, 15)Revista hoje.indd Página espelhada 6 de 10 – Páginas(6, 15) 28/04/2014 11:30:Charlie28/04/2014 11:30:Charlie
  7. 7. 14 A Fifa apresentou a mú- sica oficial da Copa do Mundo 2014 e a lista de músicas do álbum da competição, que será lançado o 12 de maio e conta com a partici- pação de Shakira e Ricky Martin. A canção, intitulada “We are One” (Ole Ola) e que inclui trechos em português, espanhol e inglês, é in- terpretada pelo rapper Pit bull, Jen- nifer López e Claudia Leitte e já se encontra à disposição do público no site da Fifa (fifa.to/PLVaFK). “We are One” aparece como a fai- xa principal do álbum “One Love: One Rhythm”, que o órgão reitor do futebol mundial e a gravadora Sony Music Entertainment lança- rão no próximo dia 12 de maio. A música “We Are One (Ole Ola)”, tema oficial da Copa do Mundo 2014, fez sua estreia no Top 100 da parada america- na Billboard e foi lançada pela Sony Music Entertainment. A parceria entre Pitbull, Jenni- fer Lopez e Claudia Leitte, está na 88ª posição. A expectativa é que chegue no Top 10 até a Copa. A boa notícia é que a canção já está entre as dez melhores no iTunes de 30 países e no 1º lu- gar em Belize, no Equador, nas Honduras, na Índia, no Líba- no, no Panamá e no Paraguai. Depois da música ser divulga- da com antecedência pela rádio Blink 102 FM, de Campo Gran- de – MS, ela foi lançada ofi- cialmente nesta terça-feira (8/4) Além da música oficial, o álbum também inclui o hino oficial, “Dar um Jeito (We Will Find a Way)”, que será interpretado pelo guitar- rista mexicano Carlos Santana, o rapper Wyclef, o DJ Avicii e o cantor Alexandre Pires no es- tádio Maracanã no próximo dia 13 de julho, ou seja, na cerimô- nia de encerramento da Copa. O disco da Fifa também inclui as faixas “Vida”, o single vence- dor do concurso SuperSong, que será gravada por Ricky Martin em uma versão que mistura in- glês e espanhol, e “Tatu Bom de Bola”, a canção oficial do mas- cote Fuleco, lançada em 2012 pelo sambista Arlindo Cruz. De acordo com a Fifa, o álbum “inclui várias das estrelas mais fa- mosas do panorama musical, que contribuirão com seus sons in- confundíveis ao ritmo da máxima competição do futebol mundial”. Neste aspecto, a colombiana Shakira, que cantou a canção ofi- cial da Copa do Mundo da Áfri- ca do Sul, interpretará “La La La (Brazil 2014) em parceira com o músico Carlinhos Brown. Outras das 14 músicas do disco oficial são: The World Is Ours (Da- vid Correy), Lepo Lepo (Psirico), On Nation (Sergio Mendes e Carli- nhos Brown), It’s Your Thing (The Isley Brothers), Tico Tico (Bebel Gilberto e Lang Lang), Olé (Ade- lén), “This is Our Time (Magic!), Night & Day (Baha Men) e Go, gol (Rodrigo Alexey e Preta Gil). HIT OFICIAL DA COPA “WE ARE ONE” “Tenho certeza que os fãs de mú- sica e futebol do mundo inteiro desfrutarão desta magnífica mis- tura de estrelas internacionais de primeiríssima fila e de fantásticos artistas brasileiros. Este disco dará um ritmo excepcional ao futebol no Brasil”, declarou o diretor co- mercial da Fifa, Thierry Weil. EFE 14 Em turnê pelo mundo, Rashad continua produzin- do, seja na Spinn’s Trakk Factory ou no estúdio de sua casa, mas sempre com a proposta de difun- dir seu som. Seus últimos lançamentos incluem “Vol TEKLIFE 1: Welcome to Chi”, lançado pela Lit City Trax, uma co-marca fundada por ele, “DJ Spinn & J-Cush” que traz uma visão valiosa so- bre o futuro do tootwork, em 2012; e o EP “I Don’t Give a Fuck”, que deu a Rashad o selo da Hyperdub. Esse último fim de semana foi mais um difícil perío- do nas vidas de quem não mora em São Paulo e Rio de Janeiro e ficou na mão durante a passagem do DJ Rashad e do Machinedrum (ou Travis, ou o Melhor Bigode da Música Eletrônica) pelo Brasil. Bem, de uma certa forma não foi fácil também para quem es- tava aqui e seguiu os caras nas três apresentações que fizeram. E foi exatamente isso que fizemos durante os dias 11, 12 e 13 de abril, com apenas algumas horas de dormida e várias coisas perdidas pelas pistas das duas cidades. Documentos, memória e o bom senso. O Rashad e o Travis se apresentaram na sexta (11) em São Paulo no prédio da Trackers, numa parceria entre o Só Pedrada Musical e a Colab 011. A fila pra entrar no squat do centrão já comia desde às onze da noite, para deleite dos consumidores de catuaba que aguardavam a entrada enquanto o CESRV abria a noite. Os caras tocaram quase o dobro do tempo previsto, mostrando como a galera estava mais do que pronta para mostrar NENHUMA habilidade no footwork, mas 100% de dedicação ao bass. Na outra pista, a galera da Metanol segurava com a já conhe- cida competência as galera que ainda estavam sob o impacto dos 80BPM, andamento que reinou a fes- ta até o amanhecer, quando finalmente jogamos a toalha e partimos pro ônibus em direção ao Rio. Chegando lá, a Wobble não perdoou: no sábado os caras tocaram pra mais de mil pessoas na USI- NA, onde também rolava outra pista com o Pe- dro Piu e Manara (que inclusive acabou de lançar seu álbum de estreia). No domingo (13), apesar da rápida chuva ter espantado algumas pessoas e ter impedido que o sistema de som fosse insta- lado na rua, eles tocaram no bar Porto Pirata, na Vila Mimosa. Dando um tempo numa barraqui- nha de hot-dog após o jogo do Mengão e tomando Drinkolé, os caras conversavam e passavam o ban- za entre dançarinos e moradores antes de tocarem. Trouxemos algumas fotos desse rolê pra você não ficar na dúvida e já ir juntando a grana do pau-de-arara para a próxima vez que eles vie- rem: o Travis soltou um cochicho de que, se tudo der certo, eles voltam até o fim do ano. Revista hoje.indd Página espelhada 7 de 10 – Páginas(14, 7)Revista hoje.indd Página espelhada 7 de 10 – Páginas(14, 7) 28/04/2014 11:30:Charlie28/04/2014 11:30:Charlie
  8. 8. 8 A pós diversas polê- micas envolvendo o nome de Justin Bieber, parece que agora o cantor ficará longe dos holofotes das boates de Miami. Segundo o tabloide TMZ, o cana- dense foi proibido de frequentar al- gumas boates e assim evitar trans- tornos futuros. Confira abaixo: Justin Bieber foi uma “persona non grata” nas casas noturnas mais quentes em Miami no fim de sema- na passado – então eles todos se re- cusaram a deixar Bieber entrar…. porque ele é uma dor de cabeça maior do que ele realmente vale. Uma fonte de dentro da boate disse ao TMZ , que o pessoal que anda com Bieber fez uma chamada se- mana passada, pedindo para reser- var mesas em LIV, Story, Adoré, enquanto o Biebs estava na cidade – mas o “acampamento do cantor” foi negado em todos os três locais . Estamos informados que os ami- gos de Bieber imploraram e supli- caram, prometendo gastar muito dinheiro em garrafas se os clubes autorizassem a entrada de Bieber, mas os clubes não se moveram. Segundo fontes, haviam 2 moti- vos da recusa sob Bieber – pri- meiro, ele não tem 21 anos… segundo, a última vez que Bie- ber foi em uma grande boate de Miami, ele foi preso por dirigir embriagado. O DUI resultou em uma tonelada de imprensa negati- va para boate SET – onde Bieber estava festejando antes – e os ra- pazes do LIV, Story, Adoré só não acharam que Bieber valia a pena. Estamos informados que os clubes ofereceram o seguinte: apenas dei- xariam Bieber entrar se ele cantasse uma música- uma vez que os artis- tas não têm de cumprir o requisito de 21 anos de idade, mas Bieber desistiu. E ninguém se preocupou. Como resultado, Justin foi forçado a desfrutar de uma noite discreta no Restaurante e Lounge Cavalli, em Miami Beach, na noite de sex- ta-feira (04). Justin Bieber, que se declarou inocente das acusações contra ele, deve comparecer ao tri- bunal novamente no dia 5 de maio para dar seguimento ao processo. JUSTIN BIEBER É PRESO A polícia de Toronto prendeu nes- ta quarta-feira, 29, o cantor cana- dense Justin Bieber, acusado de ter agredido o motorista de sua limusine no dia 30 de dezembro. Bieber, que se apresentou de for- ma voluntária à polícia, foi libe- rado após permanecer durante quase duas horas em uma dele- gacia e terá que se apresentar ao tribunal no dia 10 de março. JUSTIN BIEBER É VETADO NAS MELHORES BOATES DE MIAMI. Revista hoje.indd Página espelhada 8 de 10 – Páginas(8, 13)Revista hoje.indd Página espelhada 8 de 10 – Páginas(8, 13) 28/04/2014 11:30:Charlie28/04/2014 11:30:Charlie
  9. 9. A polícia de Toronto explicou em comunicado que o incidente ocorreu na madrugada do dia 30 de dezembro, quando o motoris- ta da limusine de Bieber buscou um grupo de seis pessoas, entre elas o cantor, em uma casa no- turna do centro da cidade. Depois de pegar o grupo e levar para um hotel, começou uma briga entre um passageiro e o motorista. No embate, o homem feriu o mo- torista na cabeça e deixou o lo- cal antes da chegada da polícia. O procurador de Bieber, Ho- ward Weitzman, emitiu uma declaração após a pri- são afirmando que o cantor é inocente e que a acusação é uma ofensa insignificante. Outra polêmica. No dia 23 de janeiro, Justin Bieber foi preso em Miamie, acusado de diri- gir sob a influência de álcool e drogas. Depois de passar várias horas na prisão, foi libertado ao pagar fiança de 2.500 dólares. No início de janeiro, vizinhos do cantor, na Califórnia, cha- maram a polícia por causa de atos de vandalismo de Bieber. Durante a busca, a polícia en- controu drogas na residência. GARANTIA 3anos Maior caçamba da categoria Moto2.0Bi-Turbo Amarok estabelece novos padrões de segurança para pick-ups médias. AMAROK Trazendo confortopara sua vida Ar condicionado Dual-zone Cd MP3 player Então faça um Best-Driv com a Amarok . Aracaju-Se (79) 32523708 www.comdovel.com.br Revista hoje.indd Página espelhada 9 de 10 – Páginas(12, 9)Revista hoje.indd Página espelhada 9 de 10 – Páginas(12, 9) 28/04/2014 11:30:Charlie28/04/2014 11:30:Charlie
  10. 10. 10 I biza é uma pequena ilha lo- calizada na Espanha a poucas de qualquer lugar da Europa, e o melhor, várias companhias aéreas low cost voam para lá! Eu sai de Budapeste de Ryanair, fiz um pit stop em Roma e segui para Ibiza, foi bem rápido, em poucas horas já estava na ilha da loucura. No aeroporto, já se enxerga toda movimentação da cidade, prin- cipalmente entre julho a agosto, meses que ela fica mais lotada! Na cidade existem inúmeros panfletos e outdoors espalhados, a grande maioria divulgando festas. Todos osdiasrolamfestasporlá,comisso, toda noite você vai ter um lugar para dançar. Fui em três boates em Ibiza, uma completamente diferen- te da outra, e irei contar como foi. Fica localizada na famosa Playa d’en Bossa, bem pertinho do lo- cal onde a galera festeira cos- tuma se hospedar, um taxi ate ela não custa mais de 10 euros. A boate é muito famosa e bem grande, o público é bem diversi ficado, a galera se veste do jei- to que quiser, lá não existe essa de roupa adequada para entrar. Seu estilo de música é totalmen- te eletrônico e no dia que fui es- tava rolando Carl Cox. Seu preço varia de 20 a 60 euros, e prepare seus bolsos, porque não é só o in- gresso que é caro, para terem uma ideia, uma garrafinha de água cus- ta 10 euros, portanto beba antes. Umas das baladas mais famosas de Ibiza, acontece toda quinta fei- ra durante o verão. A conhecida festa F*** Me I’m Famous reuni milhares de pessoas bonitas num espaço pequeno doidas para ou- virem o David Guetta. O cara re- almente consegue levar a galera a loucura, suas músicas são ótimas para quem curti uma balada com músicas internacionais como eu. Muitos não gostam da Pacha em Ibiza e acabei descobrindo o por- que, realmente ela é muito peque- na para o número de pessoas que o Guetta atrai, mas se você deseja ver esse DJ em outro lugar, pode ir ao hotel Ushuaia durante as segun- das, pois ele toca por lá. Como não passei nenhuma segunda feira em Ibiza tive que ir na Pacha, mas, na próxima vez, com certeza farei a opção do hotel, pois ele é enorme. Os preços da Pacha são ainda mais salgados que os da Space, seus in- gressos custam a partir de 75 eu- ros e na porta chegam a custar 100 euros! Estamos falando de uma das melhores baladas do mundo. Eu só tenho uma coisa a dizer des- sa balada: sensacional! Ela é uma mistura de festa com músicas in- ternacionais, teatro e espetáculo de circo. É uma loucura, e ainda tem um cantor no meio disso tudo. Con- seguem fazer essa misturada toda, PRAIA, SEXO E BALADA: PERCA-SE EM IBIZA, A ILHA DOS PRAZERES 11 uma combinação perfeita. É sim- plesmente, uma super produção. A Supermartxe acontece todas as sextas (durante 15 sextas), sendo que a cada semana tem uma temáti- ca diferente, no dia que fui, o tema era Gladiador. O ingresso da Pri- vilege antecipado custou 35 euros. A Privilege é uma boate imensa, nela, você fica apertado se quiser, fiquei em frente ao palco folgada e consegui fazer bons vídeos e boas fotos. Recomendo demais a Su- permartxe, eu, pelo menos nunca havia visto uma festa igual, com certeza volto se retornar a Ibiza. A Ilha de Ibiza oferece uma diver- sidade de baladas para agradar os mais diferentes tipos de público, e toda noite existem as mais variadas festas para se escolher. Não im- porta seu gosto musical, em Ibiza, com certeza alguma irá te agradar. Nada aqui é pecado. Ou melhor: pecado é não se divertir neste pedaço do paraíso que caiu (ou emergiu?) no mar da Espanha. Se a sua pegada é um roteiro do tipo natureza e céu azul, prefira o interior, com montanhas repletas de pinheiros e outras árvores. Na região de Els Amunt, por exem- plo, há pequenas aldeias e estân- cias turísticas, escondidas entre os montes forrados de pinhais. Talvez sua preferência seja um lugar legal pra comer. Pois fãs de turismo gourmand - atenção para o inevitável jogo de palavras - não passam fome aqui. À noite e de dia, Ibiza tem fartas opções de pubs e restaurantes, com culinária típica desta região do Mediterrâneo e cer- vejas de diversas partes do mundo. E claro, há os roteiros mais “tire as crianças da praia”, a escolher. Para entrar em contato com a ex- periência do nudismo, vá à Playa d’Es Cavallet, extensa e repleta de dunas por onde costumam desapa- recer muitos casais, no melhor sen- tido da palavra. A praia é hospita- leira tanto com casais quanto com solteiros, e o conceito de casal e de solteiro aqui engloba democra- ticamente todas as preferências. Se é a sua primeira vez nu(a) em público, e você se sente travado(a) com a ideia, vá devagar. Em vez de começar por Cavallet, vá para Cala Bassa, mais sossegada e onde o to- pless rola solto - como em pratica- mente todas as praias de Ibiza, por sinal. Quando você se “graduar” de Cala Bassa, parta para Ses Salines, onde a ferveção não se limita só aos raios do sol. Aqui, a paquera é tão essencial para os frequentadores quanto o protetor solar. Que, aliás, você faz bem em levar do Brasil (o protetor, não oa paquera), para evi- tar um gasto muito alto, em euros. Longa é a noite Mas é quando o sol se põe que as coisas realmente esquentam em Ibiza. A cidade sagrada da mú- sica eletrônica é palco de alguns dos festivais mais disputados do planeta, e até hoje sede de lendá- rios clubes, como o Pacha, Amne- sia, Ku (atual Privilege) e Space. Oagitoétantoetãoconcorridoque, para se ter ideia, a temporada de balada começa em junho, pelo Spa- ce e DC10, e termina em outubro. E uma vez iniciadas, as festas vão longe. E por longe, queremos dizer baladas que acabam com dia cla- ro. O dia típico de um clubber em Ibiza seria basicamente o seguin- te: caminhada na praia pela manhã para administrar o porre, almoço, siesta à tarde, ver o pôr-do-sol na praia seguido do pôr-sua-melhor- -roupa para pegação em clubes no- turnos, e ver o dia amanhecer em uma balada com vista para o mar. Como os clubes têm encerramento às 6 da manhã por decreto da admi- nistração municipal, muitos bala- deiros ainda sedentos de agito ocu- pam já no começo do dia as praias para administrar o porre e rememo- rar a dois ou em grupo os melhores momentos da balada. Logo depois, almoço e....bem, o resto a essa al- tura já deu para imaginar. Mas Ibi- za é muito além da imaginação e é como um bom show. Só ouvir falar não é nem de longe a mesma coisa. Revista hoje.indd Página espelhada 10 de 10 – Páginas(10, 11)Revista hoje.indd Página espelhada 10 de 10 – Páginas(10, 11) 28/04/2014 11:30:Charlie28/04/2014 11:30:Charlie

×