SlideShare uma empresa Scribd logo
Profª Marlei R. de Oliveira
       apresenta
Semana
 de Arte
Moderna
de 1922
• A Semana de Arte Moderna de 22 - de 11 a 18 de
fevereiro de 1922 no Teatro Municipal de São Paulo.

• Contou com a participação de escritores, artistas
plásticos, arquitetos e músicos.

• Objetivo - renovar o ambiente artístico e cultural da
cidade com "a perfeita demonstração do que há em nosso
meio em escultura, arquitetura, música e literatura sob o
ponto de vista rigorosamente atual”.
• A produção de uma arte
  brasileira, mesclada com as
  tendências vanguardistas
  da Europa, sem perder o
  caráter nacional, era uma
  das aspirações que a
  Semana tinha.
• Primeiro centenário da
  Independência brasileira
• Negação do academicismo
  nas artes.
• De acordo com o catálogo da mostra, participavam da
  Semana os seguintes artistas: Anita Malfatti, Di
  Cavalcanti, Zina Aita, Vicente do Rego Monteiro,
  Ferrignac (Inácio da Costa Ferreira), Yan de Almeida
  Prado, John Graz, Alberto Martins Ribeiro e Oswaldo
  Goeldi, com pinturas e desenhos;
• Marcavam presença, ainda,
  Victor Brecheret, Hildegardo
  Leão Velloso e Wilhelm
  Haarberg, com esculturas;
  Antonio Garcia Moya e Georg
  Przyrembel, com projetos de
  arquitetura.
• Além disso, havia escritores
  como Mário de Andrade,
  Oswald de Andrade, Menotti
  del Picchia, Sérgio Milliet,
  Plínio Salgado, Ronald de
  Carvalho, Álvaro Moreira,
  Renato de Almeida, Ribeiro
  Couto e Guilherme de
  Almeida.
Na música, estiveram presentes nomes consagrados,
como Villa-Lobos, Guiomar Novais, Ernâni Braga e
Frutuoso Viana.
• São Paulo dos anos 20 era a cidade ideal para o evento.
• Era, enfim, uma cidade favorável a ser transformada
  num centro cultural da época, abrigando vários jovens
  artistas.
• Ao contrário, o Rio de Janeiro, outro pólo artístico, se
  achava impregnado pelas ideias da Escola Nacional de
  Belas-Artes, que, por muitos anos ainda, defenderia,
  com unhas e dentes, o academicismo.
• Entretanto, acredita-se que a Semana de Arte Moderna
  não tenha tido originalmente o alcance e amplitude que,
  posteriormente, foram atribuídos ao evento.
• A exposição de arte, por exemplo, parece não ter sido
  coberta pela imprensa da época. Somente teve nota
  publicada por participantes da Semana que trabalhavam
  em jornais como Mário de Andrade, Menotti del Picchia e
  Graça Aranha (justamente os três conferencistas, cujas
  idéias causaram grande alarde na imprensa).
• “Modernismo" das obras de artes plásticas -
  apresentavam várias tendências distintas e talvez não
  tivessem tantos elementos de ruptura quanto seus
  autores e os idealizadores da Semana pretendiam.
• Logo após a realização da Semana, alguns artistas
  fundamentais que dela participaram acabam voltando
  para a Europa (ou indo lá pela primeira vez, no caso de
  Di Cavalcanti), dificultando a continuidade do processo
  que se iniciara.
• Por outro lado, outros artistas igualmente importantes
  chegavam após estudos no continente, como Tarsila do
  Amaral, um dos grandes pilares do Modernismo
  Brasileiro.
Programa do modernismo
Marca o início da busca de abrir terreno às ideias novas:
— Rejeição das concepções estéticas e práticas artísticas
românticas, parnasianas e realistas.
— Independência mental brasileira e recusa às tendências
européias em moda nos meios cultos conservadores.
— Elaboração de novas formas de expressão, capazes de
apreender e representar os problemas contemporâneos.
— Transposição, para a arte, de uma realidade viva:
conflitos, choques, variedade e tumulto, expressões de um
tempo e uma sociedade.
Estas ideias se desdobram com o crescer do
movimento, gerando os mais diversos caminhos: a
poesia pau-brasil, o verde-amarelismo, a antropofagia, o
regionalismo, a reação espiritualista e a consciência
social.
•   Fim da República Velha (Café-com-leite)
•   Chegada de imigrantes
•   Crescimento de São Paulo
•   Primeira Guerra Mundial (1914)
•   Revolução Russa (1917)
•   Tenentismo
•   Surgimento do Partido Comunista
•   Quebra da Bolsa de Valores (1929)

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Movimento modernista e a semana da arte moferna de 1922
Movimento modernista e a semana da arte moferna de 1922Movimento modernista e a semana da arte moferna de 1922
Movimento modernista e a semana da arte moferna de 1922
Cristiane Seibt
 
Semana da arte moderna 1922 (Artes)
Semana da arte moderna 1922  (Artes) Semana da arte moderna 1922  (Artes)
Semana da arte moderna 1922 (Artes)
Vínicius Gabriel
 
Semana de Arte Moderna 1922
Semana de Arte Moderna 1922Semana de Arte Moderna 1922
Semana de Arte Moderna 1922
seixasmarianas
 
Modernismo no brasil 2014
Modernismo no brasil   2014Modernismo no brasil   2014
Modernismo no brasil 2014
Lidiane Andrade
 
Semana de 22
Semana de 22Semana de 22
Semana de 22
Lízia Fiaux
 
Semana de arte moderna de 22
Semana de arte moderna de 22Semana de arte moderna de 22
Semana de arte moderna de 22
viniciustur
 
Semana de arte moderna apresentação 1
Semana de arte moderna apresentação 1Semana de arte moderna apresentação 1
Semana de arte moderna apresentação 1
Raquel Corrêa
 
Modernismo e a semana de 22
Modernismo e a semana de 22Modernismo e a semana de 22
Modernismo e a semana de 22
Angeli Arte Educadora
 
Semana de arte moderna
Semana de arte moderna Semana de arte moderna
Semana de arte moderna
licss
 
Modernismo no brasil
Modernismo no brasilModernismo no brasil
Modernismo no brasil
Miquéias Vitorino
 
modernismo brasileiro
modernismo brasileiromodernismo brasileiro
modernismo brasileiro
AlineCarolinaDaSilva1
 
SEMANA DE 22
SEMANA DE 22SEMANA DE 22
SEMANA DE 22
joelsyd
 
Semana de arte moderna 1922
Semana de arte moderna 1922Semana de arte moderna 1922
Semana de arte moderna 1922
seixasmarianas
 
História da Arte: Semana de 22
História da Arte: Semana de 22História da Arte: Semana de 22
História da Arte: Semana de 22
Raphael Lanzillotte
 
Webgincana da Semana de Arte Moderna de 1922
Webgincana da Semana de Arte Moderna de 1922Webgincana da Semana de Arte Moderna de 1922
Webgincana da Semana de Arte Moderna de 1922
tatalves
 
Semana de 22
Semana de 22 Semana de 22
Semana de 22
Jorge Abdalla
 
Modernismo e suas gerações no brasil sintetico
Modernismo e suas gerações no brasil sinteticoModernismo e suas gerações no brasil sintetico
Modernismo e suas gerações no brasil sintetico
Carlos Zaranza
 
Semana de 22
Semana de 22Semana de 22
Semana de 22
Carlos Elson Cunha
 
O modernismo no brasil
O modernismo no brasilO modernismo no brasil
O modernismo no brasil
Itamir Beserra
 
Arte moderna e modernismo no brasil pdf
Arte moderna e modernismo no brasil pdfArte moderna e modernismo no brasil pdf
Arte moderna e modernismo no brasil pdf
MargarethFranklim
 

Mais procurados (20)

Movimento modernista e a semana da arte moferna de 1922
Movimento modernista e a semana da arte moferna de 1922Movimento modernista e a semana da arte moferna de 1922
Movimento modernista e a semana da arte moferna de 1922
 
Semana da arte moderna 1922 (Artes)
Semana da arte moderna 1922  (Artes) Semana da arte moderna 1922  (Artes)
Semana da arte moderna 1922 (Artes)
 
Semana de Arte Moderna 1922
Semana de Arte Moderna 1922Semana de Arte Moderna 1922
Semana de Arte Moderna 1922
 
Modernismo no brasil 2014
Modernismo no brasil   2014Modernismo no brasil   2014
Modernismo no brasil 2014
 
Semana de 22
Semana de 22Semana de 22
Semana de 22
 
Semana de arte moderna de 22
Semana de arte moderna de 22Semana de arte moderna de 22
Semana de arte moderna de 22
 
Semana de arte moderna apresentação 1
Semana de arte moderna apresentação 1Semana de arte moderna apresentação 1
Semana de arte moderna apresentação 1
 
Modernismo e a semana de 22
Modernismo e a semana de 22Modernismo e a semana de 22
Modernismo e a semana de 22
 
Semana de arte moderna
Semana de arte moderna Semana de arte moderna
Semana de arte moderna
 
Modernismo no brasil
Modernismo no brasilModernismo no brasil
Modernismo no brasil
 
modernismo brasileiro
modernismo brasileiromodernismo brasileiro
modernismo brasileiro
 
SEMANA DE 22
SEMANA DE 22SEMANA DE 22
SEMANA DE 22
 
Semana de arte moderna 1922
Semana de arte moderna 1922Semana de arte moderna 1922
Semana de arte moderna 1922
 
História da Arte: Semana de 22
História da Arte: Semana de 22História da Arte: Semana de 22
História da Arte: Semana de 22
 
Webgincana da Semana de Arte Moderna de 1922
Webgincana da Semana de Arte Moderna de 1922Webgincana da Semana de Arte Moderna de 1922
Webgincana da Semana de Arte Moderna de 1922
 
Semana de 22
Semana de 22 Semana de 22
Semana de 22
 
Modernismo e suas gerações no brasil sintetico
Modernismo e suas gerações no brasil sinteticoModernismo e suas gerações no brasil sintetico
Modernismo e suas gerações no brasil sintetico
 
Semana de 22
Semana de 22Semana de 22
Semana de 22
 
O modernismo no brasil
O modernismo no brasilO modernismo no brasil
O modernismo no brasil
 
Arte moderna e modernismo no brasil pdf
Arte moderna e modernismo no brasil pdfArte moderna e modernismo no brasil pdf
Arte moderna e modernismo no brasil pdf
 

Destaque

Ap literatura
Ap literaturaAp literatura
Ap literatura
Lucas Saldanha
 
Modernismo Geração de 45
Modernismo Geração de 45Modernismo Geração de 45
Modernismo Geração de 45
Rotivtheb
 
Apresentação slides história de goiás.
Apresentação slides história de goiás.Apresentação slides história de goiás.
Apresentação slides história de goiás.
Telma Vieira
 
Poetas Goianos
Poetas GoianosPoetas Goianos
Poetas Goianos
valdeniDinamizador
 
Clarice lispector
Clarice lispectorClarice lispector
Clarice lispector
Liz Blascovich
 
O Pre Modernismo No Brasl
O Pre Modernismo No BraslO Pre Modernismo No Brasl
O Pre Modernismo No Brasl
Prof Palmito Rocha
 
Carlos Drummond de Andrade
Carlos Drummond de AndradeCarlos Drummond de Andrade
Carlos Drummond de Andrade
Adriana Masson
 
1° fase modernista
1° fase modernista1° fase modernista
1° fase modernista
thiaguio
 
2 Fase Modernista- ROMANCE DE 30
2 Fase Modernista- ROMANCE DE 302 Fase Modernista- ROMANCE DE 30
2 Fase Modernista- ROMANCE DE 30
Jaqueline Soares
 
Poetas Goianos Hudo
Poetas Goianos HudoPoetas Goianos Hudo
Poetas Goianos Hudo
valdeniDinamizador
 
Modernismo 2 fase
Modernismo 2 faseModernismo 2 fase
Modernismo 2 fase
Giovany Henrique
 
Poetas Goianos.
Poetas Goianos.Poetas Goianos.
Poetas Goianos.
valdeniDinamizador
 
Trabalho Vinicius
Trabalho ViniciusTrabalho Vinicius
Trabalho Vinicius
martinsramon
 
SEMINÁRIO DE LITERATURA - MODERNISMO
SEMINÁRIO DE LITERATURA - MODERNISMOSEMINÁRIO DE LITERATURA - MODERNISMO
SEMINÁRIO DE LITERATURA - MODERNISMO
Marcelo Fernandes
 
Projeto Literatura, Diversão e Arte - Trabalhando o Modernismo e a Arte Moder...
Projeto Literatura, Diversão e Arte - Trabalhando o Modernismo e a Arte Moder...Projeto Literatura, Diversão e Arte - Trabalhando o Modernismo e a Arte Moder...
Projeto Literatura, Diversão e Arte - Trabalhando o Modernismo e a Arte Moder...
Fabio Lemes
 
Slide clarice lispector -
Slide clarice lispector -Slide clarice lispector -
Slide clarice lispector -
Joice Holanda
 
Geração de 1945
Geração de 1945Geração de 1945
Geração de 1945
Lourdinas
 
Pré modernismo
Pré  modernismoPré  modernismo
Pré modernismo
Gerlane Galvao
 
Literatura Brasileira [Quinhentismo, Barroco, Arcadismo]
Literatura Brasileira [Quinhentismo, Barroco, Arcadismo]Literatura Brasileira [Quinhentismo, Barroco, Arcadismo]
Literatura Brasileira [Quinhentismo, Barroco, Arcadismo]
Pedro Andrade
 
A terceira geração modernista brasileira (1945 1980)
A terceira geração modernista brasileira (1945 1980)A terceira geração modernista brasileira (1945 1980)
A terceira geração modernista brasileira (1945 1980)
Tatiana Pontes
 

Destaque (20)

Ap literatura
Ap literaturaAp literatura
Ap literatura
 
Modernismo Geração de 45
Modernismo Geração de 45Modernismo Geração de 45
Modernismo Geração de 45
 
Apresentação slides história de goiás.
Apresentação slides história de goiás.Apresentação slides história de goiás.
Apresentação slides história de goiás.
 
Poetas Goianos
Poetas GoianosPoetas Goianos
Poetas Goianos
 
Clarice lispector
Clarice lispectorClarice lispector
Clarice lispector
 
O Pre Modernismo No Brasl
O Pre Modernismo No BraslO Pre Modernismo No Brasl
O Pre Modernismo No Brasl
 
Carlos Drummond de Andrade
Carlos Drummond de AndradeCarlos Drummond de Andrade
Carlos Drummond de Andrade
 
1° fase modernista
1° fase modernista1° fase modernista
1° fase modernista
 
2 Fase Modernista- ROMANCE DE 30
2 Fase Modernista- ROMANCE DE 302 Fase Modernista- ROMANCE DE 30
2 Fase Modernista- ROMANCE DE 30
 
Poetas Goianos Hudo
Poetas Goianos HudoPoetas Goianos Hudo
Poetas Goianos Hudo
 
Modernismo 2 fase
Modernismo 2 faseModernismo 2 fase
Modernismo 2 fase
 
Poetas Goianos.
Poetas Goianos.Poetas Goianos.
Poetas Goianos.
 
Trabalho Vinicius
Trabalho ViniciusTrabalho Vinicius
Trabalho Vinicius
 
SEMINÁRIO DE LITERATURA - MODERNISMO
SEMINÁRIO DE LITERATURA - MODERNISMOSEMINÁRIO DE LITERATURA - MODERNISMO
SEMINÁRIO DE LITERATURA - MODERNISMO
 
Projeto Literatura, Diversão e Arte - Trabalhando o Modernismo e a Arte Moder...
Projeto Literatura, Diversão e Arte - Trabalhando o Modernismo e a Arte Moder...Projeto Literatura, Diversão e Arte - Trabalhando o Modernismo e a Arte Moder...
Projeto Literatura, Diversão e Arte - Trabalhando o Modernismo e a Arte Moder...
 
Slide clarice lispector -
Slide clarice lispector -Slide clarice lispector -
Slide clarice lispector -
 
Geração de 1945
Geração de 1945Geração de 1945
Geração de 1945
 
Pré modernismo
Pré  modernismoPré  modernismo
Pré modernismo
 
Literatura Brasileira [Quinhentismo, Barroco, Arcadismo]
Literatura Brasileira [Quinhentismo, Barroco, Arcadismo]Literatura Brasileira [Quinhentismo, Barroco, Arcadismo]
Literatura Brasileira [Quinhentismo, Barroco, Arcadismo]
 
A terceira geração modernista brasileira (1945 1980)
A terceira geração modernista brasileira (1945 1980)A terceira geração modernista brasileira (1945 1980)
A terceira geração modernista brasileira (1945 1980)
 

Semelhante a Semana de arte moderna

Semana de arte moderna
Semana de arte modernaSemana de arte moderna
Semana de arte moderna
Francisvaldo Cândido de Brito
 
Arte moderna slide
Arte moderna slideArte moderna slide
Arte moderna slide
Isabel Aguiar
 
Arte moderna
Arte modernaArte moderna
Arte moderna
vinicius teles
 
Semana de arte moderna
Semana de arte modernaSemana de arte moderna
Semana de arte moderna
Cléa Lilian Parente
 
Semana da Arte Moderna
Semana da Arte ModernaSemana da Arte Moderna
Semana da Arte Moderna
Rejane Medeiros
 
Trabalho de pt
Trabalho de ptTrabalho de pt
Trabalho de pt
andrezinhacesar
 
Modernismo
ModernismoModernismo
Modernismo
Maria da Paz
 
semana-da-arte-moderna-e-manifestos-modernistas-para-os-3os-anos.ppt
semana-da-arte-moderna-e-manifestos-modernistas-para-os-3os-anos.pptsemana-da-arte-moderna-e-manifestos-modernistas-para-os-3os-anos.ppt
semana-da-arte-moderna-e-manifestos-modernistas-para-os-3os-anos.ppt
billieeilish3214553
 
MODERNISMO.pptx
MODERNISMO.pptxMODERNISMO.pptx
MODERNISMO.pptx
kowe2
 
Semana de Arte Moderna de 1922.pptx
Semana de Arte Moderna de 1922.pptxSemana de Arte Moderna de 1922.pptx
Semana de Arte Moderna de 1922.pptx
Keila Formagi
 
Escola CEJAR - Aquidauana - Apostila 9º A e B 1ºB
Escola CEJAR - Aquidauana - Apostila 9º A e B 1ºBEscola CEJAR - Aquidauana - Apostila 9º A e B 1ºB
Escola CEJAR - Aquidauana - Apostila 9º A e B 1ºB
Priscila Barbosa
 
A
AA
Literatura aula 22 - modernismo no brasil
Literatura   aula 22 - modernismo no brasilLiteratura   aula 22 - modernismo no brasil
Literatura aula 22 - modernismo no brasil
Juliana Oliveira
 
Trabs Molezinha
Trabs MolezinhaTrabs Molezinha
Trabs Molezinha
yannvp1
 
100 anos da Semana de Arte Moderna no Brasil (1).pptx
100 anos da Semana de Arte Moderna no Brasil (1).pptx100 anos da Semana de Arte Moderna no Brasil (1).pptx
100 anos da Semana de Arte Moderna no Brasil (1).pptx
TATE9
 
Arte MODERNA.pptx
Arte MODERNA.pptxArte MODERNA.pptx
Arte MODERNA.pptx
Marcia Tavares
 
Modernismo2018
Modernismo2018Modernismo2018
Modernismo2018
CLEBER LUIS DAMACENO
 
Semana de arte moderna de 1922, conflitos e confrontos.
Semana de arte moderna de 1922, conflitos e confrontos.Semana de arte moderna de 1922, conflitos e confrontos.
Semana de arte moderna de 1922, conflitos e confrontos.
Grupo Educacional Opet
 
Trab%20 fabiano
Trab%20 fabianoTrab%20 fabiano
Trab%20 fabiano
Matheus Rodrigues
 
Semana de Arte Moderna de 1922
Semana de Arte Moderna de 1922Semana de Arte Moderna de 1922
Semana de Arte Moderna de 1922
Matheus Rodrigues
 

Semelhante a Semana de arte moderna (20)

Semana de arte moderna
Semana de arte modernaSemana de arte moderna
Semana de arte moderna
 
Arte moderna slide
Arte moderna slideArte moderna slide
Arte moderna slide
 
Arte moderna
Arte modernaArte moderna
Arte moderna
 
Semana de arte moderna
Semana de arte modernaSemana de arte moderna
Semana de arte moderna
 
Semana da Arte Moderna
Semana da Arte ModernaSemana da Arte Moderna
Semana da Arte Moderna
 
Trabalho de pt
Trabalho de ptTrabalho de pt
Trabalho de pt
 
Modernismo
ModernismoModernismo
Modernismo
 
semana-da-arte-moderna-e-manifestos-modernistas-para-os-3os-anos.ppt
semana-da-arte-moderna-e-manifestos-modernistas-para-os-3os-anos.pptsemana-da-arte-moderna-e-manifestos-modernistas-para-os-3os-anos.ppt
semana-da-arte-moderna-e-manifestos-modernistas-para-os-3os-anos.ppt
 
MODERNISMO.pptx
MODERNISMO.pptxMODERNISMO.pptx
MODERNISMO.pptx
 
Semana de Arte Moderna de 1922.pptx
Semana de Arte Moderna de 1922.pptxSemana de Arte Moderna de 1922.pptx
Semana de Arte Moderna de 1922.pptx
 
Escola CEJAR - Aquidauana - Apostila 9º A e B 1ºB
Escola CEJAR - Aquidauana - Apostila 9º A e B 1ºBEscola CEJAR - Aquidauana - Apostila 9º A e B 1ºB
Escola CEJAR - Aquidauana - Apostila 9º A e B 1ºB
 
A
AA
A
 
Literatura aula 22 - modernismo no brasil
Literatura   aula 22 - modernismo no brasilLiteratura   aula 22 - modernismo no brasil
Literatura aula 22 - modernismo no brasil
 
Trabs Molezinha
Trabs MolezinhaTrabs Molezinha
Trabs Molezinha
 
100 anos da Semana de Arte Moderna no Brasil (1).pptx
100 anos da Semana de Arte Moderna no Brasil (1).pptx100 anos da Semana de Arte Moderna no Brasil (1).pptx
100 anos da Semana de Arte Moderna no Brasil (1).pptx
 
Arte MODERNA.pptx
Arte MODERNA.pptxArte MODERNA.pptx
Arte MODERNA.pptx
 
Modernismo2018
Modernismo2018Modernismo2018
Modernismo2018
 
Semana de arte moderna de 1922, conflitos e confrontos.
Semana de arte moderna de 1922, conflitos e confrontos.Semana de arte moderna de 1922, conflitos e confrontos.
Semana de arte moderna de 1922, conflitos e confrontos.
 
Trab%20 fabiano
Trab%20 fabianoTrab%20 fabiano
Trab%20 fabiano
 
Semana de Arte Moderna de 1922
Semana de Arte Moderna de 1922Semana de Arte Moderna de 1922
Semana de Arte Moderna de 1922
 

Último

ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
Crisnaiara
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
DouglasMoraes54
 
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica BasicaExercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
ElinarioCosta
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
ANDRÉA FERREIRA
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
silvamelosilva300
 
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....pptA Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
WilianeBarbosa2
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
Manuais Formação
 
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Mary Alvarenga
 
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf eplanejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
HelenStefany
 
Atividade Bio evolução e especiação .docx
Atividade Bio evolução e especiação .docxAtividade Bio evolução e especiação .docx
Atividade Bio evolução e especiação .docx
MARCELARUBIAGAVA
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
joaresmonte3
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
AntonioLobosco3
 
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
JoanaFigueira11
 
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdfAula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
AntonioAngeloNeves
 
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptxRoteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
pamellaaraujo10
 
Curativo de cateter venoso central na UTI.pdf
Curativo de cateter venoso central na UTI.pdfCurativo de cateter venoso central na UTI.pdf
Curativo de cateter venoso central na UTI.pdf
BiancaCristina75
 
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
vinibolado86
 
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇOPALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
ARIADNEMARTINSDACRUZ
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
Manuais Formação
 

Último (20)

ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
 
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica BasicaExercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
 
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....pptA Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
 
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
 
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf eplanejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
 
Atividade Bio evolução e especiação .docx
Atividade Bio evolução e especiação .docxAtividade Bio evolução e especiação .docx
Atividade Bio evolução e especiação .docx
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
 
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
 
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
 
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdfAula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
 
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptxRoteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
 
Curativo de cateter venoso central na UTI.pdf
Curativo de cateter venoso central na UTI.pdfCurativo de cateter venoso central na UTI.pdf
Curativo de cateter venoso central na UTI.pdf
 
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
 
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇOPALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
 

Semana de arte moderna

  • 1. Profª Marlei R. de Oliveira apresenta
  • 3. • A Semana de Arte Moderna de 22 - de 11 a 18 de fevereiro de 1922 no Teatro Municipal de São Paulo. • Contou com a participação de escritores, artistas plásticos, arquitetos e músicos. • Objetivo - renovar o ambiente artístico e cultural da cidade com "a perfeita demonstração do que há em nosso meio em escultura, arquitetura, música e literatura sob o ponto de vista rigorosamente atual”.
  • 4. • A produção de uma arte brasileira, mesclada com as tendências vanguardistas da Europa, sem perder o caráter nacional, era uma das aspirações que a Semana tinha. • Primeiro centenário da Independência brasileira • Negação do academicismo nas artes.
  • 5. • De acordo com o catálogo da mostra, participavam da Semana os seguintes artistas: Anita Malfatti, Di Cavalcanti, Zina Aita, Vicente do Rego Monteiro, Ferrignac (Inácio da Costa Ferreira), Yan de Almeida Prado, John Graz, Alberto Martins Ribeiro e Oswaldo Goeldi, com pinturas e desenhos;
  • 6. • Marcavam presença, ainda, Victor Brecheret, Hildegardo Leão Velloso e Wilhelm Haarberg, com esculturas; Antonio Garcia Moya e Georg Przyrembel, com projetos de arquitetura. • Além disso, havia escritores como Mário de Andrade, Oswald de Andrade, Menotti del Picchia, Sérgio Milliet, Plínio Salgado, Ronald de Carvalho, Álvaro Moreira, Renato de Almeida, Ribeiro Couto e Guilherme de Almeida.
  • 7. Na música, estiveram presentes nomes consagrados, como Villa-Lobos, Guiomar Novais, Ernâni Braga e Frutuoso Viana.
  • 8. • São Paulo dos anos 20 era a cidade ideal para o evento. • Era, enfim, uma cidade favorável a ser transformada num centro cultural da época, abrigando vários jovens artistas. • Ao contrário, o Rio de Janeiro, outro pólo artístico, se achava impregnado pelas ideias da Escola Nacional de Belas-Artes, que, por muitos anos ainda, defenderia, com unhas e dentes, o academicismo.
  • 9. • Entretanto, acredita-se que a Semana de Arte Moderna não tenha tido originalmente o alcance e amplitude que, posteriormente, foram atribuídos ao evento. • A exposição de arte, por exemplo, parece não ter sido coberta pela imprensa da época. Somente teve nota publicada por participantes da Semana que trabalhavam em jornais como Mário de Andrade, Menotti del Picchia e Graça Aranha (justamente os três conferencistas, cujas idéias causaram grande alarde na imprensa).
  • 10. • “Modernismo" das obras de artes plásticas - apresentavam várias tendências distintas e talvez não tivessem tantos elementos de ruptura quanto seus autores e os idealizadores da Semana pretendiam.
  • 11. • Logo após a realização da Semana, alguns artistas fundamentais que dela participaram acabam voltando para a Europa (ou indo lá pela primeira vez, no caso de Di Cavalcanti), dificultando a continuidade do processo que se iniciara. • Por outro lado, outros artistas igualmente importantes chegavam após estudos no continente, como Tarsila do Amaral, um dos grandes pilares do Modernismo Brasileiro.
  • 12. Programa do modernismo Marca o início da busca de abrir terreno às ideias novas: — Rejeição das concepções estéticas e práticas artísticas românticas, parnasianas e realistas. — Independência mental brasileira e recusa às tendências européias em moda nos meios cultos conservadores. — Elaboração de novas formas de expressão, capazes de apreender e representar os problemas contemporâneos. — Transposição, para a arte, de uma realidade viva: conflitos, choques, variedade e tumulto, expressões de um tempo e uma sociedade.
  • 13. Estas ideias se desdobram com o crescer do movimento, gerando os mais diversos caminhos: a poesia pau-brasil, o verde-amarelismo, a antropofagia, o regionalismo, a reação espiritualista e a consciência social.
  • 14. Fim da República Velha (Café-com-leite) • Chegada de imigrantes • Crescimento de São Paulo • Primeira Guerra Mundial (1914) • Revolução Russa (1917) • Tenentismo • Surgimento do Partido Comunista • Quebra da Bolsa de Valores (1929)