SlideShare uma empresa Scribd logo
INTRODUÇÃO
Dança-teatro? Teatro coreografado?
Dança-teatro, dança com teatro, dança que engloba elementos do teatro. A necessidade de se entender
a dramaturgia do corpo existe desde que o homem começou a dançar e expressar sentimentos usando o
corpo. O teatro e a dança sempre se relacionaram. No século 19, por exemplo, os chamados balés de
repertório contavam suas lendas e contos de fadas lançando mão de linhas de roteiro. Quando somente
a dança não resolvia a situação dramática, recorria-se à pantomima e à mímica, técnicas tipicamente
teatrais. Por outro lado, no século 20, é fato que algo realmente novo ocorreu dentro dessa relação.Este
trabalho tem como objetivo identificar as principais características das danças e do teatro, apreciadas e
vivenciadas em diferentes grupos socioculturais.
DESENVOLVIMENTO
1-Leia o texto, e responda as questões abaixo:
Teatro é um termo de origem grega que
designa simultaneamente o conjunto de
peças dramáticas para apresentação em
público e o lugar onde são apresentadas essas
peças é também uma forma de arte na qual
um ou vários atores apresentam uma
determinada história que desperta na plateia
sentimentos variados.
Dá-se o nome de dramaturgia à arte de
escrever peças de teatro, sendo o dramaturgo
a pessoa responsável pela composição dos textos. Existem muitos gêneros de teatro, dentre os quais
destacam-se: auto, comédia, drama, fantoche, ópera, musical, revista, tragédia, tragicomédia.
A origem doR4R3 teatro remonta ao homem primitivo e a todas as suas formas de rituais (associados à
caça, colheita, morte, etc.), danças, imitações de animais, culto aos deuses e práticas lúdicas.
Acredita-se que a ideia de teatro tal como conhecemos hoje surgiu na Grécia Antiga, no século IV a. C. O
termo grego “theatron” significa “lugar para ver”. Notheatron eram realizadas cerimônias religiosas em
honra a Dionísio, o deus grego do vinho. Na celebração da colheita de uvas (vindima) havia música,
dança e apresentações do ditirambo.
O ditirambo era um hino cantado e representado por um coro fantasiado. O teatro passou a ser não só o
local físico para onde o público se deslocava para ver as cerimônias como as próprias representações,
que aos poucos foram adquirindo a forma teatral com a introdução de histórias sobre os grandes heróis
gregos.
TRABALHO AVALIATIVO - 2014
BIMESTRE ANO DE ESCOLARIDADE DISCIPLINA TURMA
3º Bimestre 8º e 9º ano Arte e Ed. física
PONTOS DISTRIBUIDOS PONTOS OBTIDOS PROFESSOR (A) DATA
8,0 pontos Solange e Rosiane 15 / 07/ 2014
Nome:_________________________________________________________________________ nº ________
Nome:________________________________________________________________________ nº ________
__________________________________________________________________Nº.: _______
No Brasil, o teatro surgiu no século XVI através das composições teatrais escritas pelos padres Jesuítas
nas ações de divulgação da fé religiosa entre os índios. Foi só a partir do século XIX com a chegada da
corte portuguesa no Brasil que a arte de representar começou a de desenvolver de forma mais intensa.
a) O que é teatro? __________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________
b) Defina dramaturgia? ______________________________________________________________
_______________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________
c) De acordo o texto quais são os gêneros teatrais?
________________________________________
_______________________________________________________________________________
d) A ideia de teatro como conhecemos hoje surgiu
( ) com os homens primitivos
( ) ao culto aos deuses e práticas lúdicas
( ) com a chegada da corte portuguesa
( ) na Grécia Antiga, no século IV a. C
e) Quando o teatro se desenvolveu de forma mais intensa no Brasil? _________________________
_______________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________
2- Leia o texto:
As danças folclóricas são caracterizadas por um conjunto de danças sociais, peculiares de cada estado
brasileiro e originárias de antigos rituais mágicos e religiosos. Por isso, as danças folclóricas possuem
diversas funções como, por exemplo,comemoração de datas religiosas, homenagens, agradecimentos,
saudações às forças espirituais. No Brasil, o folclore brasileiro possui muitas danças que representam as
tradições e as culturas de determinada região. Assim, as danças folclóricas surgiram da fusão das
culturas europeia, indígena e africana, no qual são celebradas em festas populares caracterizadas pelas
músicas, figurinos e cenários representativos.
Conforme o texto, responda:
a) Como são caracterizadas as danças folclóricas? ________________________________________
_______________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________
b) Quais as funções das danças folclóricas? ______________________________________________
_______________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________
c) As danças folclóricas brasileiras é resultado das culturas _________________________________
_______________________________________________________________________________
3- Pesquise as principais danças folclóricas de cada região brasileira suas características e funções, não
se esqueça de ilustrar.
- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -- - -
4- Observe a tirinha a baixo:
a) O personagem principal dessa tirinha representa qual região brasileira?
_____________________
b) Quais as principais característica dessa região?
_________________________________________
_______________________________________________________________________________
Que elementos da tirinha exemplifica essa informação? _________________________________
c) Qual a dança predominante dessa região de acordo o traje do personagem principal? _________
_______________________________________________________________________________
5- Leia atentamente as afirmações abaixo e assinale V para VERDADEIRO ou F para FALSO:
a – ( ) O Axé é um gênero musical originário da Bahia que mistura diferentes rítmos afro- brasileiros e
afro-latinos. É um dos principais rítmos do carnaval e de outras festas populares.
b – ( ) O Samba é um rítmo europeu que chegou ao Brasil durante a colonização. Por ter sido aceito
por grande parte da população o samba é um dos ritmos mais populares do país até os dias de hoje.
c – ( ) O Forró é um ritmo caracteristico da região Nordeste do Brasil e é tocado tradicionalmente por
um trio composto por Sanfona, Zabumba e Triângulo.
6- Descreva as principais características do estilo de dança da sua equipe, em seguida ilustre a dança a
ser apresentada.
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
Ilustrações:
CONSIDERAÇÕES FINAIS
7- Com suas palavras escreva o que concluiu sobre adança e o teatro, fazendo as considerações finais
da sua pesquisa.
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
Projeto danca e teatro 3º bim. 2014

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Avaliação de artes 6° ano
Avaliação de artes 6° anoAvaliação de artes 6° ano
Avaliação de artes 6° ano
Sônia De Medeiros Damaceno
 
Avaliação 6º ano
Avaliação 6º anoAvaliação 6º ano
Avaliação 6º ano
Eberty Cruz
 
A arte africana
A arte africanaA arte africana
Entenda a arte (atividades)
Entenda a arte (atividades)Entenda a arte (atividades)
Entenda a arte (atividades)
graduartes
 
Avaliação de Artes
Avaliação de ArtesAvaliação de Artes
Avaliação de Artes
Professora Hesione
 
Plano de aula artes - 3ª avaliação
Plano de aula   artes - 3ª avaliaçãoPlano de aula   artes - 3ª avaliação
Plano de aula artes - 3ª avaliação
Renato Lima
 
Avaliação bimestral de artes 1º bimestre 2015
Avaliação bimestral de artes 1º bimestre 2015Avaliação bimestral de artes 1º bimestre 2015
Avaliação bimestral de artes 1º bimestre 2015
Denilson Parreira Dos Reis
 
Avaliação de global de artes 6º e 7º ano setembro
Avaliação de global de artes 6º e 7º ano setembroAvaliação de global de artes 6º e 7º ano setembro
Avaliação de global de artes 6º e 7º ano setembro
Moesio Alves
 
Exercício de revisão sobre história da arte com gabarito
Exercício de revisão sobre história da arte com gabaritoExercício de revisão sobre história da arte com gabarito
Exercício de revisão sobre história da arte com gabarito
Suelen Freitas
 
Plano anual de arte 1º ano
Plano anual de arte 1º anoPlano anual de arte 1º ano
Plano anual de arte 1º ano
Nildemar Lago
 
Prova Artes 6° ano
Prova Artes 6° anoProva Artes 6° ano
Prova Artes 6° ano
Geo Honório
 
Questões Arte
Questões ArteQuestões Arte
Questões Arte
Renata Assunção
 
Sequencia didatica caricatura arte 9º ano
Sequencia didatica caricatura   arte 9º anoSequencia didatica caricatura   arte 9º ano
Sequencia didatica caricatura arte 9º ano
Fabiola Oliveira
 
Avaliação diagnóstica arte 6 e 7 anos 2013
Avaliação diagnóstica arte 6 e 7 anos 2013Avaliação diagnóstica arte 6 e 7 anos 2013
Avaliação diagnóstica arte 6 e 7 anos 2013
Fabiola Oliveira
 
Plano de aula 1: Pinturas que Contam Histórias I: Arte Rupestre, Arte Egípcia...
Plano de aula 1: Pinturas que Contam Histórias I: Arte Rupestre, Arte Egípcia...Plano de aula 1: Pinturas que Contam Histórias I: Arte Rupestre, Arte Egípcia...
Plano de aula 1: Pinturas que Contam Histórias I: Arte Rupestre, Arte Egípcia...
Ana Beatriz Cargnin
 
PDF: Atividade de Artes: Monocromia, isocromia e policromia – 3º ano do ensin...
PDF: Atividade de Artes: Monocromia, isocromia e policromia – 3º ano do ensin...PDF: Atividade de Artes: Monocromia, isocromia e policromia – 3º ano do ensin...
PDF: Atividade de Artes: Monocromia, isocromia e policromia – 3º ano do ensin...
Secretaria de Estado de Educação e Qualidade do Ensino
 
Plano de Aula Tarsila do Amaral
Plano de Aula Tarsila  do AmaralPlano de Aula Tarsila  do Amaral
Plano de Aula Tarsila do Amaral
ANA MARIA DE PAULA E SILVA
 
2 avaliação de arte por simone drumond
2 avaliação de arte por simone drumond2 avaliação de arte por simone drumond
2 avaliação de arte por simone drumond
SimoneHelenDrumond
 
Apostila de arte
Apostila de arteApostila de arte
Prova de arte1 9 ano
Prova de arte1 9 anoProva de arte1 9 ano
Prova de arte1 9 ano
Bárbara Fonseca
 

Mais procurados (20)

Avaliação de artes 6° ano
Avaliação de artes 6° anoAvaliação de artes 6° ano
Avaliação de artes 6° ano
 
Avaliação 6º ano
Avaliação 6º anoAvaliação 6º ano
Avaliação 6º ano
 
A arte africana
A arte africanaA arte africana
A arte africana
 
Entenda a arte (atividades)
Entenda a arte (atividades)Entenda a arte (atividades)
Entenda a arte (atividades)
 
Avaliação de Artes
Avaliação de ArtesAvaliação de Artes
Avaliação de Artes
 
Plano de aula artes - 3ª avaliação
Plano de aula   artes - 3ª avaliaçãoPlano de aula   artes - 3ª avaliação
Plano de aula artes - 3ª avaliação
 
Avaliação bimestral de artes 1º bimestre 2015
Avaliação bimestral de artes 1º bimestre 2015Avaliação bimestral de artes 1º bimestre 2015
Avaliação bimestral de artes 1º bimestre 2015
 
Avaliação de global de artes 6º e 7º ano setembro
Avaliação de global de artes 6º e 7º ano setembroAvaliação de global de artes 6º e 7º ano setembro
Avaliação de global de artes 6º e 7º ano setembro
 
Exercício de revisão sobre história da arte com gabarito
Exercício de revisão sobre história da arte com gabaritoExercício de revisão sobre história da arte com gabarito
Exercício de revisão sobre história da arte com gabarito
 
Plano anual de arte 1º ano
Plano anual de arte 1º anoPlano anual de arte 1º ano
Plano anual de arte 1º ano
 
Prova Artes 6° ano
Prova Artes 6° anoProva Artes 6° ano
Prova Artes 6° ano
 
Questões Arte
Questões ArteQuestões Arte
Questões Arte
 
Sequencia didatica caricatura arte 9º ano
Sequencia didatica caricatura   arte 9º anoSequencia didatica caricatura   arte 9º ano
Sequencia didatica caricatura arte 9º ano
 
Avaliação diagnóstica arte 6 e 7 anos 2013
Avaliação diagnóstica arte 6 e 7 anos 2013Avaliação diagnóstica arte 6 e 7 anos 2013
Avaliação diagnóstica arte 6 e 7 anos 2013
 
Plano de aula 1: Pinturas que Contam Histórias I: Arte Rupestre, Arte Egípcia...
Plano de aula 1: Pinturas que Contam Histórias I: Arte Rupestre, Arte Egípcia...Plano de aula 1: Pinturas que Contam Histórias I: Arte Rupestre, Arte Egípcia...
Plano de aula 1: Pinturas que Contam Histórias I: Arte Rupestre, Arte Egípcia...
 
PDF: Atividade de Artes: Monocromia, isocromia e policromia – 3º ano do ensin...
PDF: Atividade de Artes: Monocromia, isocromia e policromia – 3º ano do ensin...PDF: Atividade de Artes: Monocromia, isocromia e policromia – 3º ano do ensin...
PDF: Atividade de Artes: Monocromia, isocromia e policromia – 3º ano do ensin...
 
Plano de Aula Tarsila do Amaral
Plano de Aula Tarsila  do AmaralPlano de Aula Tarsila  do Amaral
Plano de Aula Tarsila do Amaral
 
2 avaliação de arte por simone drumond
2 avaliação de arte por simone drumond2 avaliação de arte por simone drumond
2 avaliação de arte por simone drumond
 
Apostila de arte
Apostila de arteApostila de arte
Apostila de arte
 
Prova de arte1 9 ano
Prova de arte1 9 anoProva de arte1 9 ano
Prova de arte1 9 ano
 

Semelhante a Projeto danca e teatro 3º bim. 2014

2011 08-30 - teatro
2011 08-30 - teatro2011 08-30 - teatro
2011 08-30 - teatro
O Ciclista
 
Prova de arte 6ano 3b pronta 1
Prova de arte 6ano 3b pronta 1Prova de arte 6ano 3b pronta 1
Prova de arte 6ano 3b pronta 1
Atividades Diversas Cláudia
 
Prova de arte 6ano 3b pronta 1
Prova de arte 6ano 3b pronta 1Prova de arte 6ano 3b pronta 1
Prova de arte 6ano 3b pronta 1
Atividades Diversas Cláudia
 
TEATRO - O papel do teatro nas culturas.ppt
TEATRO - O papel do teatro nas culturas.pptTEATRO - O papel do teatro nas culturas.ppt
TEATRO - O papel do teatro nas culturas.ppt
JoaoAlves319493
 
Simulado
Simulado Simulado
Questões do ENEM - Disciplina Arte 2009 a 2013
Questões do ENEM - Disciplina Arte 2009 a 2013Questões do ENEM - Disciplina Arte 2009 a 2013
Questões do ENEM - Disciplina Arte 2009 a 2013
Fabiola Oliveira
 
Slide - A gênese ritual do Teatro na pre-história.ppt
Slide - A gênese ritual do Teatro na pre-história.pptSlide - A gênese ritual do Teatro na pre-história.ppt
Slide - A gênese ritual do Teatro na pre-história.ppt
roberthysouza1
 
A Carroça dos Sonhos e os Saltimbancos
A Carroça dos Sonhos e os SaltimbancosA Carroça dos Sonhos e os Saltimbancos
A Carroça dos Sonhos e os Saltimbancos
Jeffie Lopes
 
P1 do 1 bimestre 3a serie
P1 do 1 bimestre   3a serieP1 do 1 bimestre   3a serie
P1 do 1 bimestre 3a serie
Jucielly Vasconcellos
 
O que é arte?
O que é arte?O que é arte?
O que é arte?
Robson Ferraz
 
TEATRO - O papel do teatro nas culturas.ppt
TEATRO - O papel do teatro nas culturas.pptTEATRO - O papel do teatro nas culturas.ppt
TEATRO - O papel do teatro nas culturas.ppt
Suzy De Abreu Santana
 
O que é teatro
O que é teatroO que é teatro
Teatro
TeatroTeatro
Teatro
TeatroTeatro
Teatro origem e evolução
Teatro  origem e evoluçãoTeatro  origem e evolução
Teatro origem e evolução
josivaldopassos
 
Teatro
TeatroTeatro
Origens do Teatro Ocidental
Origens do Teatro OcidentalOrigens do Teatro Ocidental
Origens do Teatro Ocidental
Andrea Dressler
 
O que é Teatro.docx
O que é Teatro.docxO que é Teatro.docx
O que é Teatro.docx
RogrioMelo22
 
Aula teatro 6º ano.pptx
Aula teatro 6º ano.pptxAula teatro 6º ano.pptx
Aula teatro 6º ano.pptx
AlexandraSantosMatos
 
Prova de arte 6ano 3b pronta
Prova de arte 6ano 3b prontaProva de arte 6ano 3b pronta
Prova de arte 6ano 3b pronta
Atividades Diversas Cláudia
 

Semelhante a Projeto danca e teatro 3º bim. 2014 (20)

2011 08-30 - teatro
2011 08-30 - teatro2011 08-30 - teatro
2011 08-30 - teatro
 
Prova de arte 6ano 3b pronta 1
Prova de arte 6ano 3b pronta 1Prova de arte 6ano 3b pronta 1
Prova de arte 6ano 3b pronta 1
 
Prova de arte 6ano 3b pronta 1
Prova de arte 6ano 3b pronta 1Prova de arte 6ano 3b pronta 1
Prova de arte 6ano 3b pronta 1
 
TEATRO - O papel do teatro nas culturas.ppt
TEATRO - O papel do teatro nas culturas.pptTEATRO - O papel do teatro nas culturas.ppt
TEATRO - O papel do teatro nas culturas.ppt
 
Simulado
Simulado Simulado
Simulado
 
Questões do ENEM - Disciplina Arte 2009 a 2013
Questões do ENEM - Disciplina Arte 2009 a 2013Questões do ENEM - Disciplina Arte 2009 a 2013
Questões do ENEM - Disciplina Arte 2009 a 2013
 
Slide - A gênese ritual do Teatro na pre-história.ppt
Slide - A gênese ritual do Teatro na pre-história.pptSlide - A gênese ritual do Teatro na pre-história.ppt
Slide - A gênese ritual do Teatro na pre-história.ppt
 
A Carroça dos Sonhos e os Saltimbancos
A Carroça dos Sonhos e os SaltimbancosA Carroça dos Sonhos e os Saltimbancos
A Carroça dos Sonhos e os Saltimbancos
 
P1 do 1 bimestre 3a serie
P1 do 1 bimestre   3a serieP1 do 1 bimestre   3a serie
P1 do 1 bimestre 3a serie
 
O que é arte?
O que é arte?O que é arte?
O que é arte?
 
TEATRO - O papel do teatro nas culturas.ppt
TEATRO - O papel do teatro nas culturas.pptTEATRO - O papel do teatro nas culturas.ppt
TEATRO - O papel do teatro nas culturas.ppt
 
O que é teatro
O que é teatroO que é teatro
O que é teatro
 
Teatro
TeatroTeatro
Teatro
 
Teatro
TeatroTeatro
Teatro
 
Teatro origem e evolução
Teatro  origem e evoluçãoTeatro  origem e evolução
Teatro origem e evolução
 
Teatro
TeatroTeatro
Teatro
 
Origens do Teatro Ocidental
Origens do Teatro OcidentalOrigens do Teatro Ocidental
Origens do Teatro Ocidental
 
O que é Teatro.docx
O que é Teatro.docxO que é Teatro.docx
O que é Teatro.docx
 
Aula teatro 6º ano.pptx
Aula teatro 6º ano.pptxAula teatro 6º ano.pptx
Aula teatro 6º ano.pptx
 
Prova de arte 6ano 3b pronta
Prova de arte 6ano 3b prontaProva de arte 6ano 3b pronta
Prova de arte 6ano 3b pronta
 

Mais de ComendadorViana14

O jacarezinho egoísta
O jacarezinho egoístaO jacarezinho egoísta
O jacarezinho egoísta
ComendadorViana14
 
O jacarezinho egoísta
O jacarezinho egoístaO jacarezinho egoísta
O jacarezinho egoísta
ComendadorViana14
 
Dez sacizinhos
Dez sacizinhosDez sacizinhos
Dez sacizinhos
ComendadorViana14
 
A pipa e a flor
A pipa e a florA pipa e a flor
A pipa e a flor
ComendadorViana14
 
E o dente ainda doia
E o dente ainda doiaE o dente ainda doia
E o dente ainda doia
ComendadorViana14
 
Era uma vez uma bruxa
Era uma vez uma bruxaEra uma vez uma bruxa
Era uma vez uma bruxa
ComendadorViana14
 
Festa no ceu
Festa no ceuFesta no ceu
Festa no ceu
ComendadorViana14
 
Festa no ceu
Festa no ceuFesta no ceu
Festa no ceu
ComendadorViana14
 
A pipa e a flor
A pipa e a florA pipa e a flor
A pipa e a flor
ComendadorViana14
 
Era uma vez uma bruxa
Era uma vez uma bruxaEra uma vez uma bruxa
Era uma vez uma bruxa
ComendadorViana14
 
E o dente ainda doia
E o dente ainda doiaE o dente ainda doia
E o dente ainda doia
ComendadorViana14
 
Dez sacizinhos
Dez sacizinhosDez sacizinhos
Dez sacizinhos
ComendadorViana14
 

Mais de ComendadorViana14 (12)

O jacarezinho egoísta
O jacarezinho egoístaO jacarezinho egoísta
O jacarezinho egoísta
 
O jacarezinho egoísta
O jacarezinho egoístaO jacarezinho egoísta
O jacarezinho egoísta
 
Dez sacizinhos
Dez sacizinhosDez sacizinhos
Dez sacizinhos
 
A pipa e a flor
A pipa e a florA pipa e a flor
A pipa e a flor
 
E o dente ainda doia
E o dente ainda doiaE o dente ainda doia
E o dente ainda doia
 
Era uma vez uma bruxa
Era uma vez uma bruxaEra uma vez uma bruxa
Era uma vez uma bruxa
 
Festa no ceu
Festa no ceuFesta no ceu
Festa no ceu
 
Festa no ceu
Festa no ceuFesta no ceu
Festa no ceu
 
A pipa e a flor
A pipa e a florA pipa e a flor
A pipa e a flor
 
Era uma vez uma bruxa
Era uma vez uma bruxaEra uma vez uma bruxa
Era uma vez uma bruxa
 
E o dente ainda doia
E o dente ainda doiaE o dente ainda doia
E o dente ainda doia
 
Dez sacizinhos
Dez sacizinhosDez sacizinhos
Dez sacizinhos
 

Último

Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Falcão Brasil
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Falcão Brasil
 
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdfEscola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Falcão Brasil
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
Falcão Brasil
 
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
MariaJooSilva58
 
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Falcão Brasil
 
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
Manuais Formação
 
Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdf
Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdfSistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdf
Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdf
Falcão Brasil
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
valdeci17
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.pptAnálise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Falcão Brasil
 
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Miguel Delamontagne
 
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdfP0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
Ceiça Martins Vital
 
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdfAPRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
portaladministradores
 
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Bibliotecas Escolares AEIDH
 
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsxQue Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Luzia Gabriele
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Falcão Brasil
 
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdfA Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
Falcão Brasil
 

Último (20)

Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
 
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdfEscola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
 
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
 
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
 
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
 
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
 
Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdf
Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdfSistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdf
Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdf
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.pptAnálise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
 
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
 
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdfP0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
 
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdfAPRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
 
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
 
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsxQue Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
 
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdfA Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
 

Projeto danca e teatro 3º bim. 2014

  • 1. INTRODUÇÃO Dança-teatro? Teatro coreografado? Dança-teatro, dança com teatro, dança que engloba elementos do teatro. A necessidade de se entender a dramaturgia do corpo existe desde que o homem começou a dançar e expressar sentimentos usando o corpo. O teatro e a dança sempre se relacionaram. No século 19, por exemplo, os chamados balés de repertório contavam suas lendas e contos de fadas lançando mão de linhas de roteiro. Quando somente a dança não resolvia a situação dramática, recorria-se à pantomima e à mímica, técnicas tipicamente teatrais. Por outro lado, no século 20, é fato que algo realmente novo ocorreu dentro dessa relação.Este trabalho tem como objetivo identificar as principais características das danças e do teatro, apreciadas e vivenciadas em diferentes grupos socioculturais. DESENVOLVIMENTO 1-Leia o texto, e responda as questões abaixo: Teatro é um termo de origem grega que designa simultaneamente o conjunto de peças dramáticas para apresentação em público e o lugar onde são apresentadas essas peças é também uma forma de arte na qual um ou vários atores apresentam uma determinada história que desperta na plateia sentimentos variados. Dá-se o nome de dramaturgia à arte de escrever peças de teatro, sendo o dramaturgo a pessoa responsável pela composição dos textos. Existem muitos gêneros de teatro, dentre os quais destacam-se: auto, comédia, drama, fantoche, ópera, musical, revista, tragédia, tragicomédia. A origem doR4R3 teatro remonta ao homem primitivo e a todas as suas formas de rituais (associados à caça, colheita, morte, etc.), danças, imitações de animais, culto aos deuses e práticas lúdicas. Acredita-se que a ideia de teatro tal como conhecemos hoje surgiu na Grécia Antiga, no século IV a. C. O termo grego “theatron” significa “lugar para ver”. Notheatron eram realizadas cerimônias religiosas em honra a Dionísio, o deus grego do vinho. Na celebração da colheita de uvas (vindima) havia música, dança e apresentações do ditirambo. O ditirambo era um hino cantado e representado por um coro fantasiado. O teatro passou a ser não só o local físico para onde o público se deslocava para ver as cerimônias como as próprias representações, que aos poucos foram adquirindo a forma teatral com a introdução de histórias sobre os grandes heróis gregos. TRABALHO AVALIATIVO - 2014 BIMESTRE ANO DE ESCOLARIDADE DISCIPLINA TURMA 3º Bimestre 8º e 9º ano Arte e Ed. física PONTOS DISTRIBUIDOS PONTOS OBTIDOS PROFESSOR (A) DATA 8,0 pontos Solange e Rosiane 15 / 07/ 2014 Nome:_________________________________________________________________________ nº ________ Nome:________________________________________________________________________ nº ________ __________________________________________________________________Nº.: _______
  • 2. No Brasil, o teatro surgiu no século XVI através das composições teatrais escritas pelos padres Jesuítas nas ações de divulgação da fé religiosa entre os índios. Foi só a partir do século XIX com a chegada da corte portuguesa no Brasil que a arte de representar começou a de desenvolver de forma mais intensa. a) O que é teatro? __________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________ b) Defina dramaturgia? ______________________________________________________________ _______________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________ c) De acordo o texto quais são os gêneros teatrais? ________________________________________ _______________________________________________________________________________ d) A ideia de teatro como conhecemos hoje surgiu ( ) com os homens primitivos ( ) ao culto aos deuses e práticas lúdicas ( ) com a chegada da corte portuguesa ( ) na Grécia Antiga, no século IV a. C e) Quando o teatro se desenvolveu de forma mais intensa no Brasil? _________________________ _______________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________ 2- Leia o texto: As danças folclóricas são caracterizadas por um conjunto de danças sociais, peculiares de cada estado brasileiro e originárias de antigos rituais mágicos e religiosos. Por isso, as danças folclóricas possuem diversas funções como, por exemplo,comemoração de datas religiosas, homenagens, agradecimentos, saudações às forças espirituais. No Brasil, o folclore brasileiro possui muitas danças que representam as tradições e as culturas de determinada região. Assim, as danças folclóricas surgiram da fusão das culturas europeia, indígena e africana, no qual são celebradas em festas populares caracterizadas pelas músicas, figurinos e cenários representativos. Conforme o texto, responda: a) Como são caracterizadas as danças folclóricas? ________________________________________ _______________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________ b) Quais as funções das danças folclóricas? ______________________________________________ _______________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________ c) As danças folclóricas brasileiras é resultado das culturas _________________________________ _______________________________________________________________________________ 3- Pesquise as principais danças folclóricas de cada região brasileira suas características e funções, não se esqueça de ilustrar. - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -- - -
  • 3. 4- Observe a tirinha a baixo: a) O personagem principal dessa tirinha representa qual região brasileira? _____________________ b) Quais as principais característica dessa região? _________________________________________ _______________________________________________________________________________ Que elementos da tirinha exemplifica essa informação? _________________________________ c) Qual a dança predominante dessa região de acordo o traje do personagem principal? _________ _______________________________________________________________________________ 5- Leia atentamente as afirmações abaixo e assinale V para VERDADEIRO ou F para FALSO: a – ( ) O Axé é um gênero musical originário da Bahia que mistura diferentes rítmos afro- brasileiros e afro-latinos. É um dos principais rítmos do carnaval e de outras festas populares. b – ( ) O Samba é um rítmo europeu que chegou ao Brasil durante a colonização. Por ter sido aceito por grande parte da população o samba é um dos ritmos mais populares do país até os dias de hoje. c – ( ) O Forró é um ritmo caracteristico da região Nordeste do Brasil e é tocado tradicionalmente por um trio composto por Sanfona, Zabumba e Triângulo. 6- Descreva as principais características do estilo de dança da sua equipe, em seguida ilustre a dança a ser apresentada. _____________________________________________________________________________________ _____________________________________________________________________________________ _____________________________________________________________________________________ _____________________________________________________________________________________ _____________________________________________________________________________________ _____________________________________________________________________________________
  • 4. Ilustrações: CONSIDERAÇÕES FINAIS 7- Com suas palavras escreva o que concluiu sobre adança e o teatro, fazendo as considerações finais da sua pesquisa. _____________________________________________________________________________________ _____________________________________________________________________________________ _____________________________________________________________________________________ _____________________________________________________________________________________ _____________________________________________________________________________________ _____________________________________________________________________________________ _____________________________________________________________________________________ _____________________________________________________________________________________ _____________________________________________________________________________________ _____________________________________________________________________________________ _____________________________________________________________________________________ _____________________________________________________________________________________ _____________________________________________________________________________________